Você está na página 1de 79

Livro Eletrônico

Aula 00

RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015 (com videoaulas)

Professor: Felipe Lessa

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
AULA 0:
Probabilidade.

SUMÁRIO
I. Probabilidade – Conceitos iniciais .................................................... 5
II. Probabilidade da União. Eventos mutuamente excludentes .............. 10
III. Probabilidade Condicional ........................................................... 12
IV. Probabilidade da Interseção. Eventos independentes...................... 14
V. Teorema de Bayes ...................................................................... 17
VI. Teorema da Probabilidade Total................................................... 21
VII. Mais Questões Comentadas... .................................................... 25
VIII. Lista das Questões Apresentadas .............................................. 66
0

Olá Concurseiro!

Seja muito bem vindo ao nosso Curso! Embarcar neste desafio de estudar
para a Receita Federal não é para qualquer um; é para os fortes! E meus
parabéns por você ter dado este primeiro passo.

Este ano de 2015, como você deve estar acompanhando na mídia, deve ser
um ano de austeridade, com o Governo querendo arrecadar mais para
equilibrar suas contas. Neste contexto, a Receita Federal ganha uma
importância enorme, pois a sua missão é prover o Estado de recursos.

Com isto, acreditamos na valorização da carreira de Auditoria da RFB mais


do que qualquer outra carreira de Estado. A necessidade de aumentar a

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 1 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
arrecadação requer uma maior quantidade de servidores na ponta. E para
aumentar servidores, eu só conheço uma maneira: CONCURSO PÚBLICO!

O concurso da Receita Federal é, sem dúvida, um dos mais aguardados


entre os concurseiros! E, para você mandar bem nesse concurso, é
FUNDAMENTAL se preparar com antecedência. Assim, você sai na frente
dos seus concorrentes e não é pego de surpresa quando sair o edital!

Nossas aulas estão bem distribuídas para que você possa se preparar com
calma, sem correria! Assim, quando sair o edital, você só precisará revisar
os conceitos aprendidos!

Este Curso está atualizado com todas as provas aplicadas pela ESAF
em 2014 e 2015: AFRFB 2014, MTUR 2014, ATA 2014 e APO/MPOG
2015.

**********************************************************

Falando um pouquinho de mim e da minha história, me chamo Felipe Lessa,


sou Auditor-Fiscal da Receita Federal do Brasil, aprovado no concurso de
2009.

Sou engenheiro de telecomunicações formado pelo IME (Instituto Militar de


Engenharia) na turma de 2004. Sou um desses apaixonados pela arte dos
números e espero poder passar um pouco desse gosto para vocês. Afinal,
dominar bem o Raciocínio Lógico é pré-requisito para ir bem em qualquer
matéria. Lembro-me bem que, em 2010, no curso de formação para os
aprovados na RFB, o instrutor perguntou quem era engenheiro e pude notar
que mais de 60% dos aprovados levantaram a mão.

Por que os engenheiros se dão bem em concursos públicos? Porque são


formados para pensar logicamente! Quantas e quantas vezes eu acertei
questões de Direito sem saber do que ela se tratava mas apenas usando
conceitos de raciocínio lógico. É isso que eu espero passar para você nesse
curso, caro aluno!

Minha experiência em concursos públicos começou bem cedo: aos 14 anos.


O Colégio Militar do RJ, pela primeira vez em sua história, resolveu abrir
concurso para o Ensino Médio e ofereceu apenas 20 vagas...

Quando comecei a estudar, meu foco passou a ser unicamente este. E


sempre que as pessoas me perguntavam quantas vagas tinham, eu
respondia: “– Dezenove, pois uma já é minha!”. Dito e feito! Fiz as quatro
provas do Colégio Militar e saiu o resultado: 1º LUGAR GERAL!!!!!

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 2 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

A essa hora, você deve estar pensando: “– Ih... Cara metido... Precisava
encher a boca pra dizer que foi 01 do Concurso? Só quer saber de contar
vantagem”.

Mas não, caro amigo! Estou dizendo isso porque a partir de agora seu
pensamento tem que ser este. Estude como se uma das n vagas já fosse
sua e a cada um que perguntar quantas vagas tem para a RFB, responda:
“– (n – 1), porque uma já é minha!”

Por fim, quero dizer mais uma vez que é um imenso prazer poder fazer
parte desta seleta equipe do Estratégia Concursos e que me empenharei
ao máximo para tentar fazer parecer fácil essa matéria da qual muitos
fogem e têm medo: Estatística.

***

Voltando aos estudos, uma estratégia que utilizei e recomendo para


aqueles que não têm muito tempo para frequentar aulas, como eu não
tinha, pois trabalhava e fazia mestrado, é: fujam das aulas presenciais.
Muitas vezes, o que um professor leva 3 horas explicando para uma turma
de 80 alunos, você aprende em 30-40 minutos de estudo bem concentrado.
Ah, mas é claro: é sempre bom ter um professor com quem você pode tirar
suas dúvidas. Desta forma, você leva ao professor somente a sua dúvida e
ganha tempo! No nosso curso, ainda temos os vídeos para ajudar!

Para preparar este curso de QUESTÕES COMENTADAS DE ESTATÍSTICA


P/ AFRFB 2015, tomei por base o EDITAL ESAF Nº 18, DE 07 DE
MARÇO DE 2014. Nosso curso apresentará, de um modo bem interativo,
a teoria que cerca a matéria e muitos exercícios resolvidos da ESAF.
Quando eu achar pertinente, trarei exercícios de outras bancas.

*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 3 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Cronograma
O cronograma do curso está baseado nos itens do próprio Edital de 2014,
mais ou menos na ordem em que aparecem, abrangendo todo o conteúdo
cobrado nele.

Faremos assim:

AULA CONTEÚDO DATA

Aula 0 Probabilidade 23/01

Aula 1 Probabilidade com Análise Combinatória 03/02

Aula 2 Variáveis Aleatórias 13/02

Principais Distribuições de Probabilidade,


Aula 3 23/02
(Discretas)
Principais Distribuições de Probabilidade,
Aula 4 03/03
(Contínuas)
Principais Distribuições de Probabilidade,
Aula 5 13/03
(Distribuições Conjuntas)
Aula 6 Estatística Descritiva 23/03

Aula 7 Amostragem 03/04

Aula 8 Teste de Hipóteses 13/04

Aula 9 Análise de Regressão 23/04

Agora, chega de enrolação rsrsrs!

Vamos a nossa Aula Demonstrativa?!?

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 4 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
I. Probabilidade – Conceitos iniciais
Para começarmos a falar a mesma língua dentro da ciência da
probabilidade, é preciso definirmos alguns conceitos básicos. Vamos a eles?

Experimentos aleatórios: são experimentos que, quando repetidos,


produzem resultados que não podem ser previstos, ou seja, resultados
aleatórios!

Abaixo, seguem exemplos clássicos de experimentos aleatórios que são


estudados pela probabilidade e estão sempre caindo em exercícios:
1. Jogar uma moeda pro alto e observar a face que cai voltada para
cima (o resultado é aleatório: cara ou coroa).
2. Jogar um dado pro alto e observar a face que cai voltada para cima
(o resultado é aleatório:1, 2, 3, 4, 5 ou 6).

Como eu falei anteriormente, a Probabilidade vai ter seu campo de atuação


em cima dos experimentos aleatórios. Não podemos prever o resultado,
mas poderemos afirmar a probabilidade dele ocorrer.

Espaço amostral: é o conjunto ( ) que possui todos os resultados


possíveis de determinado evento aleatório.

Abaixo, seguem os espaços amostrais dos experimentos aleatórios citados:


1. Jogar uma moeda pro alto e observar a face que cai voltada para
cima ( = {cara, coroa})
2. Jogar um dado pro alto e observar a face que cai voltada para cima
( = {1, 2, 3, 4, 5 ou 6})

Evento: é todo subconjunto (A) do espaço amostral.

Abaixo, seguem exemplos de eventos observados nos nossos experimentos


aleatórios citados:
1. Jogar uma moeda pro alto e obter uma coroa (A = {coroa})
2. Jogar um dado pro alto e obter um número par (A = {2, 4, 6})
3. Jogar um dado pro alto e obter um número ímpar (A = {1, 3, 5})
4. Jogar um dado pro alto e obter o número 6 (A = {6})

Probabilidade de ocorrência do evento A - P(A): é a razão entre o


número de casos favoráveis à ocorrência do evento A (n(A)) e o número
total de resultados possíveis do espaço amostral (n( )).

P(A) =

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 5 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Vamos calcular as probabilidades dos 4 eventos que citei como exemplo
anteriormente?

1. Jogar uma moeda pro alto e obter uma coroa (A = {coroa})

= {cara, coroa}
A = {coroa}
n(A) = 1
n( ) = 2

P(A) =

OBS.: As probabilidades podem ser expressas como porcentagem (%).


Para obter o valor em porcentagem, efetue a divisão da razão e multiplique
por 100. Assim:

P(A) = ½ = 0,5 = 50%.

2. Jogar um dado pro alto e obter um número par (A = {2, 4, 6})

= {1, 2, 3, 4, 5, 6}
A = {2, 4, 6}
n(A) = 3
n( ) = 6

P(A) =

Para obter o valor em porcentagem, efetue a divisão da razão e multiplique


por 100. Assim:

P(A) = 3/6 = 0,5 = 50%.

3. Jogar um dado pro alto e obter um número ímpar (A = {1, 3,


5})

= {1, 2, 3, 4, 5, 6}
A = {1, 3, 5}
n(A) = 3
n( ) = 6

P(A) =

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 6 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Para obter o valor em porcentagem, efetue a divisão da razão e multiplique
por 100. Assim:

P(A) = 3/6 = 0,5 = 50%.

4. Jogar um dado pro alto e obter o número 6 (A = {6})

= {1, 2, 3, 4, 5, 6}
A = {6}
n(A) = 1
n( ) = 6

P(A) =

Para obter o valor em porcentagem, efetue a divisão da razão e multiplique


por 100. Assim:

P(A) = 1/6 = 0,1667 = 16,67%.

Propriedades: as probabilidades apresentam algumas propriedades


interessantes, que você DEVE saber para a sua prova. Vamos a elas:

1. A probabilidade do evento A, qualquer que seja o evento, é


SEMPRE um número compreendido entre 0 e 1. 0 ≤ P(A) ≤ 1

2. A soma da probabilidade de ocorrer o evento A com a


probabilidade de NÃO ocorrer o evento A é igual a 1. P(A) +
P( ) = 1

O evento é dito evento “Complementar” de A, e sua probabilidade


é P( ) = 1 – P(A).

3. A probabilidade de ocorrer um evento impossível é igual a 0.


P( )=0

Ora, se o evento é representado por um conjunto vazio, sem


elementos, é certo que a probabilidade é igual a zero. Um exemplo
de evento impossível seria: “lançar um dado e obter o número 7”.

4. A probabilidade de ocorrer um evento certo é igual a 1. P( )=1

Ora, se o evento é representado por um conjunto igual ao espaço


amostral, é certo que a probabilidade é igual a um, ou 100%. Um
exemplo de evento certo seria: “lançar uma moeda e obter cara OU
coroa”.

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 7 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

0 ≤ P(A) ≤ 1

P(A) + P( ) = 1

P( )=0

P( )=1

Vamos fazer uma questão de prova antiga para praticar os coneitos


aprendidos?

Questão 1: ESAF - AnaTA MF/MF/2013


No quadro a seguir, tem-se a listagem dos 150 funcionários de
uma empresa:
Mulher Homem
Gerente 4 3
Serviços gerais 33 102
Departamento
5 3
financeiro

Uma bicicleta será sorteada entre os funcionários dessa empresa;


a probabilidade de que uma mulher que desempenha a função de
serviços gerais ganhe a bicicleta é igual a:
a) 22%
b) 23%
c) 20%
d) 24%
e) 21%

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 8 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
SOLUÇÃO:

= {conjunto dos funcionários da empresa}


n( ) = 150

E = {conjunto das mulheres que desempenham a função de serviços


gerais}
n(E) = 33

P(E) =

Gabarito: Letra A
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 9 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
II. Probabilidade da União. Eventos mutuamente
excludentes
A probabilidade da união nada mais é do que a probabilidade de ocorrer o
evento A OU o evento B.

A fórmula nos diz que a probabilidade de ocorrer o evento A OU o evento


B é igual à soma das probabilidades individuais de ocorrência de cada um
menos a probabilidade de interseção dos eventos:

Vamos fazer um exercício para ficar mais claro:

Questão 2: ESAF - TFC (CGU)/CGU/2008


Quando Paulo vai ao futebol, a probabilidade de ele encontrar
Ricardo é 0,40; a probabilidade de ele encontrar Fernando é igual
a 0,10; a probabilidade de ele encontrar ambos, Ricardo e
Fernando, é igual a 0,05. Assim, a probabilidade de Paulo encontrar
Ricardo ou Fernando é igual a:
a) 0,04
b) 0,40
c) 0,50
d) 0,45
e) 0,95
SOLUÇÃO:
Aplicação direta da formula da Probabilidade da União:

Sejam:
A = Encontrar Ricardo no Futebol
P(A) = 0,4
B = Encontrar Fernando no Futebol
P(A) = 0,1
A B = Encontrar Ricardo E Fernando no Futebol
P(A B) = 0,05
= Encontrar Ricardo OU Fernando no Futebol

= 0,4 + 0,1 - 0,05 = 0,45


Gabarito: Letra D
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 10 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Eventos mutuamente excludentes:

Dois eventos A e B são mutuamente excludentes


quando P (A B) = 0.

Um exemplo clássico de eventos mutuamente excludentes:


Seja um universo de 100 pessoas, 35 homens e 65 mulheres.
Sejam os seguintes eventos:
A: selecionar um homem ao acaso.
B: selecionar uma mulher ao acaso.

OS eventos A e B são mutuamente excludentes! Não há interseção entre


os conjuntos A e B.

Observem como este conceito simples caiu em prova. Questão dada!

Questão 3: ESAF - ATPS (MPOG)/MPOG/Gestão Social/2012


Se A e B são eventos mutuamente excludentes, então pode-se
afirmar que:
a) A e B são eventos independentes
b) P(A B) = P(A) + P(B)
c) P(B/A) ≠ 0
d) P(A/B) ≠ 0
e) P(A B) = 0
SOLUÇÃO:

Da própria definição, dois eventos A e B são mutuamente excludentes


quando P(A B) = 0.

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 11 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
III. Probabilidade Condicional
Usamos a probabilidade condicional quando queremos calcular a
probabilidade de ocorrência de um evento A DADO QUE um outro evento
B já ocorreu. Simbolizamos por .

Usaremos a probabilidade condicional para resolvermos questões do tipo:

Exemplo:
Joga-se um dado ao acaso e observa-se que a face é maior do que 4.
Qual a probabilidade dela ser um número par?

Ora, sejam os eventos:


A = obter uma face par no lançamento de um dado. A = {2, 4, 6}
B = obter uma face >4 no lançamento de um dado. B = {5, 6}

Estou procurando saber exatamente P(A|B).

A fórmula nos diz o seguinte:

A B = {6}
n(A B) = 1
n(B) = 2

P(A|B) =

Questãozinha de prova para praticarmos...

Questão 4: ESAF - AFPS/INSS/Administração Tributária


Previdenciária/2002
Suponha que a probabilidade de um evento C seja 0,4 e que a
probabilidade condicional do evento D dado que C ocorreu seja 0,2.
Assinale a opção que dá o valor da probabilidade de ocorrência de
D e C.
a) 0,50
b) 0,08
c) 0,00
d) 1,00
e) 0,60

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 12 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
SOLUÇÃO:
Essa questão é de aplicação direta da fórmula de Probabilidade
Condicional. Não tem nem o que pensar.

Da fórmula de probabilidade condicional, vem:

Gabarito: Letra B
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 13 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
IV. Probabilidade da Interseção. Eventos
independentes
Acabamos de estudar a probabilidade condicional e você percebeu como,
às vezes, a ocorrência de um evento pode afetar a probabilidade de outro.
No nosso exemplo anterior, saber que a face do dado era maior do que 4
impactou a probabilidade dela ser par. É bem óbvio isso: se a face era
maior do que 4, só podia ser 5 ou 6. Como só o 6 é par, há uma
probabilidade de 50% da face ser par, dado que ela é maior do que 4.

Entretanto, muitas vezes, a ocorrência de um evento não afeta a


probabilidade de outro. É o caso dos eventos independentes.

Dois eventos A e B são ditos independentes


quando a ocorrência de um não afetar a
probabilidade do outro. Assim:

P(A|B) = P(A)

Exemplo: Exemplo clássico de eventos independentes é a observação das


faces obtidas no lançamento de dois dados. O resultado obtido em um dado
é completamente diferente do obtido no outro dado.

Vamos fazer uma questão de prova?

Questão 5: ESAF - AFC (STN)/STN/Contábil-Financeira/2008


Dois eventos A e B são ditos eventos independentes se e somente
se:
a) a probabilidade de ocorrência conjunta de A e B for nula.
b) a ocorrência de B alterar a probabilidade de ocorrência de A.
c) a ocorrência de A alterar a probabilidade de ocorrência de B.
d) a ocorrência de B não alterar a probabilidade de ocorrência de
A.
e) a probabilidade de ocorrência conjunta de A e B for igual a 1.

SOLUÇÃO:

Dois eventos A e B são independentes quando a ocorrência de um não


afetar a probabilidade do outro. Assim:
P(A|B) = P(A)
Gabarito: Letra D
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 14 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Jogando esta propriedade na fórmula da propriedade condicional:

Ora, se P(A|B) = P(A)


Temos:

Esta propriedade é importantíssima e você DEVE saber! Para eventos


independentes, a probabilidade da interseção é o produto da probabilidade
de cada um deles.

Mãos à obra!

Questão 6: ESAF - AFC (CGU)/CGU/Auditoria e


Fiscalização/Estatística e Cálculos Atuariais/2008
A e B são eventos independentes se:
a) P(A B) = P(A) + P(B).
b) P(A B) = P(A) / P(B).
c) P(A B) = P(A) - P(B).
d) P(A B) = P(A) + P(B/A).
e) P(A B) = P(A) P(B).

SOLUÇÃO:
Decorrência direta da definição. Quando dois eventos A e B são
independentes, P(A B) = P(A) P(B).

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 15 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Agora um exercício numérico sobre o tema...

Questão 7: ESAF - FR (Pref RJ)/Pref RJ/2010


Em cada um de um certo número par de cofres são colocadas uma
moeda de ouro, uma de prata e uma de bronze. Em uma segunda
etapa, em cada um de metade dos cofres, escolhidos ao acaso, é
colocada uma moeda de ouro, e em cada um dos cofres restantes,
uma moeda de prata. Por fim, em cada um de metade dos cofres,
escolhidos ao acaso, coloca-se uma moeda de ouro, e em cada um
dos cofres restantes, uma moeda de bronze. Desse modo, cada
cofre ficou com cinco moedas.
Ao se escolher um cofre ao acaso, qual é a probabilidade de ele
conter três moedas de ouro?
a) 0,15
b) 0,20
c) 0,5
d) 0,25
e) 0,7
SOLUÇÃO:

Vamos olhar o problema sob a ótica de um cofre e as probabilidades que


ele tem de receber moedas de ouro.

Considere os seguintes eventos independentes:


A = um cofre recebe moeda de ouro na primeira etapa
B = um cofre recebe moeda de ouro na segunda etapa
C = um cofre recebe moeda de ouro na terceira etapa

Na primeira etapa, todos os cofres recebem, logo: P(A) = 1


Na segunda etapa, apenas metade dos cofres recebem, logo: P(B) = 0,5
Na terceira etapa, apenas metade dos cofres recebem, logo: P(C) = 0,5

Como A, B e C são eventos independentes, P(A B C) = P(A) P(B) P(C)

P(A B C) = 1 0,5 0,5 = 0,25

Gabarito: Letra D
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 16 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
V. Teorema de Bayes
Este teorema costuma cair bastante em provas da ESAF. Fique esperto com
ele.

Ele diz o seguinte:

- Hein?? Não entendi nada Professor! Pode explicar melhor?


- Realmente, nobre Aluno. Lendo a fórmula assim, ele parece ser bem
abstrato. Você vai entender melhor quando fizermos um exercício. Adiante,
há mais exercícios deste tópico resolvidos para você treinar mais.

Vamos ao exercício:

Questão 8: ESAF - AFC (CGU)/CGU/Auditoria e


Fiscalização/Estatística e Cálculos Atuariais/2008
Uma população de indivíduos é constituída 80% por um tipo
genético A e 20% por uma variação genética B. A probabilidade de
um indivíduo do tipo A ter determinada doença é de 5%, enquanto
a probabilidade de um indivíduo com a variação B ter a doença é
de 40%. Dado que um indivíduo tem a doença, qual a probabilidade
de ele ser da variação genética B?
a) 1/3.
b) 0,4.
c) 0,5.
d) 0,6.
e) 2/3.
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde) da seguinte forma:

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 17 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Tem doença
A
Tipo Genético A
A1
Não tem doença
A
População

Tem doença
A
Tipo Genético B
A2
Não tem doença
A
Após ter desenhado a árvore, preencha os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul). Assim:

5%
Tem doença

80% A
Tipo Genético A
A1
Não tem doença
A
População
40%
Tem doença
20% A
Tipo Genético B
A2
Não tem doença
A
Após ter preenchido a árvore com as probabilidades fornecidas pelo
enunciado da questão, termine de preenchê-la (em vermelho) usando a
propriedade da probabilidade complementar, ou seja, em cada “galho” a
soma de probabilidades deve ser 100% ( :

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 18 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

5%
Tem doença

80% A
Tipo Genético A
A1 95%
Não tem doença
A
População
40%
Tem doença
20% A
Tipo Genético B 0
A2 60%
Não tem doença
A

Sejam os eventos:
A: Ter a doença
: Não Ter a doença
A1: Ser do tipo genético A
A2: Ser do tipo genético B

Temos:

P(A1) = 80%
P(A|A1) = 5%
= 95%

P(A2) = 20%
P(A|A2) = 40%
= 60%

Quero saber P(A2|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 19 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

0,20 0,40

0,8 0,05 0,2 0,4

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 20 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
VI. Teorema da Probabilidade Total
Ele diz o seguinte:

Os problemas que envolvem o Teorema da Probabilidade Total são, na sua


essência, muito similares aqueles que envolvem o Teorema de Bayes, só
mudando o pedido. Usamos o Teorema de Bayes quando queremos calcular
uma probabilidade de um evento da primeira parte do “galho” dada a
certeza de ocorrência de um evento da segunda parte do galho. Ou seja,
calculávamos P(A1|A) a partir de P(A|A1), P(A|A2),...

Agora, o teorema da Probabilidade Total virá nos ensinar a calcular a


probabilidade do evento da segunda parte do galho, ou seja, calcular P(A)
a partir de P(A|A1), P(A|A2),...

Qual Teorema usar? Bayes Probabilidade Total

O que pede a P(A1|A) P(A)


questão?

Vamos resolver uma questão que fica mais fácil de entender...

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 21 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Questão 9: ESAF - AFC (STN)/STN/Contábil-Financeira/2000
Uma companhia preocupada com sua produtividade costuma
oferecer cursos de treinamento a seus operários. A partir da
experiência, verificou-se que um operário, recentemente admitido,
que tenha freqüentado o curso de treinamento tem 82% de
probabilidade de cumprir sua quota de produção. Por outro lado,
um operário, também recentemente admitido, que não tenha
freqüentado o mesmo curso de treinamento, tem apenas 35% de
probabilidade de cumprir com sua quota de produção. Dos
operários recentemente admitidos, 80% freqüentaram o curso de
treinamento. Selecionando-se, aleatoriamente, um operário
recentemente admitido na companhia, a probabilidade de que ele
não cumpra sua quota de produção é

a) 11,70%
b) 27,40%
c) 35%
d) 83%
e) 85%

SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde) da seguinte forma:

quota
A
Treinamento
A1
Não quota
A
Operários

quota
A
Não Treinamento
A2
Não quota
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 22 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Após ter desenhado a árvore, preencha os valores das probabilidades


fornecidas pelo enunciado da questão (em azul). Assim:

82%
quota

80% A
Treinamento
A1
Não quota
A
Operários
35%
quota
A
Não Treinamento
A2
Não quota
A
Após ter preenchido a árvore com as probabilidades fornecidas pelo
enunciado da questão, termine de preenchê-la (em vermelho) usando a
propriedade da probabilidade complementar, ou seja, em cada “galho” a
soma de probabilidades deve ser 100% ( :

82%
quota

80% A
Treinamento
A1 18%
Não quota
A
Operários
35%
quota
20% A
Não treinamento
A2 65%
Não quota
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 23 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Sejam os eventos:
A: atinge a quota
: não atinge a quota
A1: recebeu treinamento
A2: não recebeu treinamento

Temos:

P(A1) = 80%
P(A|A1) = 82%
= 18%

P(A2) = 20%
P(A|A2) = 35%
= 65%

Quero saber P( ).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da segunda parte do “galho”.

Ora, pelo Teorema da Probabilidade Total temos:

0,18 0,8 0,65 0,20

= 27,40%

Gabarito: Letra B
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 24 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
VII. Mais Questões Comentadas...

Questão 10: ESAF - APO (MPOG)/MPOG/Planejamento e


Orçamento/2010
Em uma pequena localidade, os amigos Arnor, Bruce, Carlão,
Denílson e Eleonora são moradores de um bairro muito antigo que
está comemorando 100 anos de existência. Dona Matilde, uma
antiga moradora, ficou encarregada de formar uma comissão que
será a responsável pela decoração da festa. Para tanto, Dona
Matilde selecionou, ao acaso, três pessoas entre os amigos Arnor,
Bruce, Carlão, Denílson e Eleonora. Sabendo-se que Denílson não
pertence à comissão formada, então a probabilidade de Carlão
pertencer à comissão é, em termos percentuais, igual a:
a) 30 %
b) 80 %
c) 62 %
d) 25 %
e) 75 %

SOLUÇÃO:

Designemos cada um dos amigos pela sua letra inicial. A, B, C, D e E.

Sabemos que D não pertence à comissão. Logo, como a comissão é


formada por 3 pessoas, ela pode ter as seguintes configurações:

ABC
ABE
ACE
BCE

= {ABC, ABE, ACE, BCE}


n( ) = 4

Seja E o conjunto das comissões em que Carlão é parte integrante:

E = {ABC, ACE, BCE}


n(E) = 3

P(E) =

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 25 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 11: ESAF - APOFP SP/SEFAZ SP/2009


Considere que numa cidade 40% da população adulta é fumante,
40% dos adultos fumantes são mulheres e 60% dos adultos não-
fumantes são mulheres. Qual a probabilidade de uma pessoa adulta
da cidade escolhida ao acaso ser uma mulher?
a) 44%
b) 52%
c) 50%
d) 48%
e) 56%

SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

40%
Mulheres

40% A
Fumantes
A1 60%
Homens
A
População
60%
Mulheres
60% A
Não Fumantes
A2 40%
Não quota
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 26 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Sejam os eventos:
A: Mulheres
: Homens
A1: Fumante
A2: não fumante

Temos:

P(A1) = 40%
P(A|A1) = 40%
= 60%

P(A2) = 60%
P(A|A2) = 60%
= 40%

Quero saber P(A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da segunda parte do “galho”.

Ora, pelo Teorema da Probabilidade Total temos:

0,40 0,40 0,60 0,60

= 52,00%

Gabarito: Letra B

SOLUÇÃO:

Se você não enxergar a aplicação do Teorema nesta questão, atribua


quantidade de elementos ao conjunto inicial e vá calculando a
quantidade de elementos dos demais conjuntos através da
probabilidade.

Suponha, por exemplo, que a população inicial seja de 100 pessoas.


Assim, teríamos a seguinte árvore (em número de pessoas):

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 27 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

16=40%x40
Mulheres

40 A
Fumantes
A1 24=60%x40
Homens
100 A
População
36=60%x60
Mulheres
60 A
Não Fumantes
A2 24=40%x60
Não quota
A
= {população}
n( ) = 100

Seja E o conjunto das mulheres (em azul):


n(E) = 16 + 36 = 52

P(E) =

Gabarito: Letra B

*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 28 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 12: ESAF - Ana IRB/IRB/Resseguro - Administrativa -


Financeira/2006
Sendo qx a probabilidade de uma pessoa de idade “x” falecer nesta
idade “x” e qy a probalidade de uma pessoa de idade “y” falecer
nesta idade “y” e px = (1 – qx) e py = (1 - qy), pode-se afirmar que
o resultado da equação [1 – px py] indica:
a) a probabilidade de ambos vivos.
b) a probabilidade de pelo menos um vivo.
c) a probabilidade de pelo menos um morto.
d) a probabilidade de ambos mortos.
e) a probabilidade de “x” vivo e “y” morto ou “y” vivo e “x” vivo.

SOLUÇÃO:

Observe que px é a probabilidade de uma pessoa com X anos


permanecer viva nesta idade.
Por outro lado, py é a probabilidade de uma pessoa com Y anos
permanecer viva nesta idade.
Lembre-se que px py é a probabilidade de os dois eventos ocorrerem
simultaneamente, ou seja: uma pessoa com X anos permanecer viva
nesta idade E uma pessoa com Y anos permanecer viva nesta idade.

Ora, px py = ambos vivos

A negação de px py é quando pelo menos um dois está morto. Simples


assim!

Gabarito: Letra C
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 29 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 13: ESAF - AUFC/TCU/1999


Um dado viciado, cuja probabilidade de se obter um número par é
3/5, é lançado juntamente com uma moeda não viciada. Assim, a
probabilidade de se obter um número ímpar no dado ou coroa na
moeda é:
a) 1/5
b) 3/10
c) 2/5
d) 3/5
e) 7/10

SOLUÇÃO:

Sejam:
A = {2, 4, 6} – número par no dado viciado
P(A) = 3/5

= {1, 3, 5} – número ímpar no dado viciado


P( ) = 1 – P(A) = 2/5

B = {coroa} – coroa na moeda não viciada


P(B) = 1/2

Aplicação direta da formula da Probabilidade da União:

Como e B são eventos independentes, P( B) = P( ) P(B)

Logo,
=

Gabarito: Letra E
*******

Questão 14: ESAF - AFT/MTE/1998


De um grupo de 200 estudantes, 80 estão matriculados em
Francês, 110 em Inglês e 40 não estão matriculados nem em Inglês
nem em Francês. Seleciona-se, ao acaso, um dos 200 estudantes.
A probabilidade de que o estudante selecionado esteja matriculado
em pelo menos uma dessas disciplinas (isto é, em Inglês ou em
Francês) é igual a
a) 30/200

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 30 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
b) 130/200
c) 150/200
d) 160/200
e) 190/200

SOLUÇÃO:

Trace o seguinte diagrama para lhe auxiliar:

A = 80 B = 110

Francês Inglês

40 = 200

A questão quer P(A B). Ora, temos P(A)=80/200 e P(B)=110/200.


Resta-nos encontrar P(A B).

Para saber quantos alunos estão matriculados em ambas as línguas,


devemos encontrar a quantidade de elementos de A B.

Suponha que seja igual a X. Assim, o nosso diagrama fica da seguinte


forma:

80 - X X 110 - X

40 = 200

Sabemos que o número total de alunos é 200. Basta somar tudo e


igualar a 200 para achar o valor de X:

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 31 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
80 – X + X + 110 – X = 200
X = 30

Temos 30 alunos na A B. Assim, P(A B) = 30/200


=

Gabarito: Letra D

2ª SOLUÇÃO:
A questão nos informa que 40 não estão matriculados nem em Inglês
nem em Francês. Logo, 160 estão matriculados em um curso ou no
outro. Simples assim!

Gabarito: Letra D

*******

Questão 15: ESAF - ATRFB/SRFB/2009


Para acessar a sua conta nos caixas eletrônicos de determinado
banco, um correntista deve utilizar sua senha constituída por três
letras, não necessariamente distintas, em determinada sequência,
sendo que as letras usadas são as letras do alfabeto, com exceção
do W, totalizando 25 letras. Essas 25 letras são então distribuídas
aleatoriamente, três vezes, na tela do terminal, por cinco teclas,
em grupos de cinco letras por tecla, e, assim, para digitar sua
senha, o correntista deve acionar, a cada vez, a tecla que contém
a respectiva letra de sua senha. Deseja-se saber qual o valor mais
próximo da probabilidade de ele apertar aleatoriamente em
sequência três das cinco teclas à disposição e acertar ao acaso as
teclas da senha?
a) 0,001.
b) 0,0001.
c) 0,000125.
d) 0,005.
e) 0,008.

SOLUÇÃO:

Considere os seguintes eventos independentes:


A = acertar a primeira tecla

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 32 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
B = acertar a segunda tecla
C = acertar a terceira tecla

Na primeira etapa, há uma tecla certa de cinco disponíveis, logo: P(A)


= 1/5 = 0,2
Na segunda etapa, há uma tecla certa de cinco disponíveis, logo: P(B)
= 1/5 = 0,2
Na terceira etapa, há uma tecla certa de cinco disponíveis, logo: P(C) =
1/5 = 0,2

Como A, B e C são eventos independentes, P(A B C) = P(A) P(B) P(C)

P(A B C) = 0,2 0,2 0,2 = 0,008

Gabarito: Letra E
*******

Questão 16: ESAF - TFC (CGU)/CGU/2001


Beraldo espera ansiosamente o convite de um de seus três amigos,
Adalton, Cauan e Délius, para participar de um jogo de futebol. A
probabilidade de que Adalton convide Beraldo para participar do
jogo é de 25%, a de que Cauan o convide é de 40% e a de que
Délius o faça é de 50%. Sabendo que os convites são feitos de
forma totalmente independente entre si, a probabilidade de que
Beraldo não seja convidado por nenhum dos três amigos para o
jogo de futebol é:
a) 12,5%
b) 15,5%
c) 22,5%
d) 25,5%
e) 30%

SOLUÇÃO:

Tenha em mente que a probabilidade de que Beraldo não seja convidado


por nenhum dos três amigos para o jogo de futebol é justamente o
complemento da probabilidade dele ser chamado pelos 3.

Considere os seguintes eventos independentes:


A = Adalton convida
B = Cauan convida
C = Délius convida

P(A) = 0,25 / P( ) = 0,75


P(B) = 0,40 / P( ) = 0,60
P(C) = 0,50 / P( ) = 0,50

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 33 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Como A, B e C são eventos independentes, P( ) = P( ) P( ) P( )

P( ) = 0,75 0,6 0,5 = 0,225

Gabarito: Letra C
*******

Questão 17: ESAF - AFC (STN)/STN/Contábil-Financeira/2005


Uma grande empresa possui dois departamentos: um de artigos
femininos e outro de artigos masculinos. Para o corrente ano fiscal,
o diretor da empresa estima que as probabilidades de os
departamentos de artigos femininos e masculinos obterem uma
margem de lucro de 10% são iguais a 30 % e 20 %,
respectivamente. Além disso, ele estima em 5,1% a probabilidade
de ambos os departamentos obterem uma margem de lucro de 10
%. No final do ano fiscal, o diretor verificou que o departamento
de artigos femininos obteve uma margem de lucro de 10%. Desse
modo, a probabilidade de o departamento de artigos masculinos
ter atingido a margem de lucro de 10% é igual a:

a) 17%
b) 20%
c) 25 %
d) 24 %
e) 30 %

SOLUÇÃO:
Sejam:
A: departamento de artigos masculinos obtém uma margem de lucro de
10%
B: departamento de artigos femininos obtém uma margem de lucro de
10%

Da fórmula de probabilidade condicional, vem:

Gabarito: Letra A
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 34 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 18: ESAF - AFC (CGU)/CGU/2001


Há apenas dois modos, mutuamente excludentes, de Ana ir para o
trabalho: ou de carro ou de metrô. A probabilidade de Ana ir de
carro é de 60% e de ir de metrô é de 40%. Quando ela vai de carro,
a probabilidade de chegar atrasada é de 5%. Quando ela vai de
metrô a probabilidade de chegar atrasada é de 17,5%. Em um dado
dia, escolhido aleatoriamente, verificou-se que Ana chegou
atrasada ao seu local de trabalho.
A probabilidade de ela ter ido de carro nesse dia é:
a) 10%
b) 30%
c) 40%
d) 70%
e) 82,5%
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

5%
Atrasada

60% A
Carro
A1 95%
Não atrasada
A
Ir ao trabalho
17,5%
Atrasada
40% A
Metrô
A2 82,5%
Não atrasada
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 35 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Sejam os eventos:
A: Chegar atrasada
: Não chegar atrasada
A1: Ir de carro
A2: Ir de metrô

Temos:

P(A1) = 60%
P(A|A1) = 5%
= 95%

P(A2) = 40%
P(A|A2) = 17,5%
= 82,5%

Quero saber P(A1|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,60 0,05

0,60 0,05 0,4 0,175

Gabarito: Letra B
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 36 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 19: ESAF - Ana (BACEN)/BACEN/Supervisão/2002


Uma empresa fabrica motores a jato em duas fábricas A e B. Um
motor é escolhido ao acaso de um lote de produção. Nota-se que o
motor apresenta defeitos. De observações anteriores a empresa
sabe que 2% e 3% são as taxas de motores fabricados com algum
defeito em A e B, respectivamente.
Sabendo-se que a fábrica A é responsável por 40% da produção,
assinale a opção que dá a probabilidade de que o motor escolhido
tenha sido fabricado em A.
a) 0,400
b) 0,030
c) 0,012
d) 0,308
e) 0,500

SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

2%
Defeito

40% A
Fábrica A
A1 98%
Bom
A
Motor
3%
Defeito
60% A
Fábrica B
A2 97%
Bom
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 37 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Sejam os eventos:
A: Defeito
: Bom
A1: Fábrica A
A2: Fábrica B

Temos:

P(A1) = 40%
P(A|A1) = 2%
= 98%

P(A2) = 60%
P(A|A2) = 3%
= 97%

Quero saber P(A1|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,40 0,02

0,40 0,02 0,6 0,03

Gabarito: Letra D
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 38 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 20: ESAF - Ana Tec (SUSEP)/SUSEP/Atuaria/2010


Admita que a probabilidade de uma pessoa de um particular grupo
genético ter uma determinada doença é de 30%. Um custoso e
invasivo exame para diagnóstico específico dessa doença tem uma
probabilidade de um resultado falso positivo de 10% e de um
resultado falso negativo de 30%. Considerando que uma pessoa
desse grupo genético com suspeita da doença fez o referido exame,
qual a probabilidade dela ter a doença dado que o resultado do
exame foi negativo?
a) 30%.
b) 7,5%.
c) 25%.
d) 15%.
e) 12,5%.

SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

30%
Negativo

30% (Falso Negativo, A


pois a pessoa é
Doença doente
A1 70%
Positivo
A
Pessoa
90%
Negativo
70% A
Saudável
A2 10%
Positivo
(Falso Positivo,
pois a pessoa é
A
saudável)

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 39 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Sejam os eventos:
A: Negativo
: Positivo
A1: Doença
A2: Saudável

Temos:

P(A1) = 30%
P(A|A1) = 30%
= 70%

P(A2) = 70%
P(A|A2) = 90%
= 10%

Quero saber P(A1|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,30 0,30

0,30 0,30 0,7 0,9

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 40 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 21: ESAF - Ana Tec (SUSEP)/SUSEP/Atuaria/2002


Uma em cada 10 pessoas de uma população tem uma determinada
doença. Das pessoas que têm a doença, 80% reagem
positivamente ao teste Y, enquanto 20% dos que não têm a doença
também reagem positivamente. Uma pessoa é selecionada ao
acaso na população e o teste Y é aplicado.
Assinale a opção que corresponde à probabilidade de que a pessoa
selecionada não esteja realmente doente, sabendo-se que reagiu
positivamente ao teste Y.
a) 16,0%
b) 28,0%
c) 95,0%
d) 69,2%
e) 40,0%
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

80%
Y Positivo

10% A
Doença
A1 20%
Y Negativo
A
Pessoa
20%
Y Positivo
90% A
Saudável
A2 80%
Y Negativo
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 41 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Sejam os eventos:
A: Y Positivo
: Y Negativo
A1: Doença
A2: Saudável

Temos:

P(A1) = 10%
P(A|A1) = 80%
= 20%

P(A2) = 90%
P(A|A2) = 20%
= 80%

Quero saber P(A2|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,90 0,20

0,10 0,80 0,9 0,20

Gabarito: Letra D
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 42 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 22: ESAF - Ana (BACEN)/BACEN/Geral/2001


Os registros de uma instituição financeira indicam que 90% das
contas de empréstimo consideradas inadimplentes apresentaram
pagamentos com mais de duas semanas de atraso em pelo menos
duas prestações. Sabe-se também que 10% de todas as contas de
empréstimo tornam-se inadimplentes e que 40% das contas de
empréstimo integralmente liquidadas mostram pelo menos duas
prestações com atraso no pagamento em mais de duas semanas.
Assinale a opção que corresponde à probabilidade de que uma
conta de empréstimo com duas ou mais prestações pagas com
atraso de duas semanas torne-se inadimplente.
a) 20%
b) 10%
c) 9%
d) 15%
e) 18%

SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

90%
Duas ou mais

10% prestações pagas A


com atraso de 2
Inadimplentes semanas
A1 10%
A
Contas de 40%
empréstimo Duas ou mais
prestações pagas
com atraso de 2
90% semanas A
Liquidadas
A2 60%
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 43 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Sejam os eventos:
A: Duas ou mais prestações pagas com atraso de 2 semanas
: Complemento de A
A1: Inadimplentes
A2: Liquidadas

Temos:

P(A1) = 10%
P(A|A1) = 90%
= 10%

P(A2) = 90%
P(A|A2) = 40%
= 60%

Quero saber P(A1|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,10 0,90

0,10 0,90 0,90 0,40

Gabarito: Letra A
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 44 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 23: ESAF - AFRE MG/SEF MG/2005


Ana precisa chegar ao aeroporto para buscar uma amiga. Ela pode
escolher dois trajetos, A ou B. Devido ao intenso tráfego, se Ana
escolher o trajeto A, existe uma probabilidade de 0,4 de ela se
atrasar. Se Ana escolher o trajeto B, essa probabilidade passa para
0,30. As probabilidades de Ana escolher os trajetos A ou B são,
respectivamente, 0,6 e 0,4.

Sabendo-se que Ana não se atrasou, então a probabilidade de ela


ter escolhido o trajeto B é igual a:
a) 6/25
b) 6/13
c) 7/13
d) 7/25
e) 7/16
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

40%
Atraso

60% A
Trajeto A
A1 60%
Não atraso
A
Aeroporto
30%
Atraso

40% A
Trajeto B
A2 70%
Não atraso
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 45 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Sejam os eventos:
A: Atraso
: Não atraso
A1: Trajeto A
A2: Trajeto B

Temos:

P(A1) = 60%
P(A|A1) = 40%
= 60%

P(A2) = 40%
P(A|A2) = 30%
= 70%

Quero saber P(A2| ).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,40 0,70

0,6 0,60 0,40 0,70

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 46 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 24: ESAF - AFC (STN)/STN/Contábil-Financeira/2008


Marco estuda em uma universidade na qual, entre as moças de
cabelos loiros, 18 possuem olhos azuis e 8 possuem olhos
castanhos; entre as moças de cabelos pretos, 9 possuem olhos
azuis e 9 possuem olhos castanhos; entre as moças de cabelos
ruivos, 4 possuem olhos azuis e 2 possuem olhos castanhos. Marisa
seleciona aleatoriamente uma dessas moças para apresentar para
seu amigo Marco. Ao encontrar com Marco, Marisa informa que a
moça selecionada possui olhos castanhos. Com essa informação,
Marco conclui que a probabilidade de a moça possuir cabelos loiros
ou ruivos é igual a:

a)

b)

c)

d)

e)

SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
.

Nesta questão, faremos algumas ressalvas:


1. Consideraremos que só existem garotas de olhos azuis ou castanhos.
2. Para achar a probabilidade de loiros, pretos e ruivos, dividimos a
quantidade pelo total de meninas.

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 47 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

18/26
Olhos castanhos

26/50 A
Loiros
A1 8/26
Olhos azuis

50 A
Cabelos
9/18
Olhos castanhos

18/50 A
Pretos
A2 9/18
Olhos azuis
A
4/6
Olhos castanhos

6/50 A
Ruivos
A3 2/6
Olhos azuis
A

Quero saber P(A1|A) + P(A3|A)

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 48 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Assim,

Gabarito: Letra B
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 49 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 25: ESAF - Estat (MIN)/MIN/Estatística/2012


O diagnóstico para uma grave doença que atinge 20% da
população adulta em determinada região é feito por um invasivo
exame que produz resultado positivo ou negativo. Pesquisas
mostraram que esse exame produz um resultado falso positivo em
10% dos casos e produz um resultado falso negativo em 40% dos
casos. Se uma pessoa adulta desta região fizer o exame e o
resultado for negativo, indique qual a probabilidade de essa pessoa
ter a doença.

a) 20%
b) 15%
c) 10%
d) 5%
e) 0%
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

40%
Negativo

20% (Falso Negativo, A


pois a pessoa é
Doença doente
A1 60%
Positivo
A
Pessoa
90%
Negativo
80% A
Saudável
A2 10%
Positivo
(Falso Positivo,
pois a pessoa é
A
saudável)

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 50 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Quero saber P(A1|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,20 0,40

0,20 0,40 0,8 0,9

Gabarito: Letra C
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 51 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 26: ESAF - ATPS (MPOG)/MPOG/Gestão Social/2012


Do total de moradores de um condomínio, 5% dos homens e 2%
das mulheres tem mais do que 40 anos. Por outro lado, 60% dos
moradores são homens. Em uma festa de final de ano realizada
neste condomínio, um morador foi selecionado ao acaso e
premiado com uma cesta de frutas. Sabendo-se que o morador que
ganhou a cesta de frutas tem mais do que 40 anos, então a
probabilidade de que este morador seja mulher é igual a:
a) 3/7
b) 8/15
c) 3/15
d) 1/30
e) 4/19
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

5%
> 40

60% A
Homem
A1 95%
< 40
A
Condomínio
2%
> 40
40% A
Mulher
A2 98%
< 40
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 52 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Sejam os eventos:
A: Ter mais de 40 anos
: Ter menos de 40 anos
A1: Ser homem
A2: Ser mulher

Temos:

P(A1) = 60%
P(A|A1) = 5%
= 95%

P(A2) = 40%
P(A|A2) = 2%
= 98%

Quero saber P(A2|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,40 0,02

0,60 0, 05 0,40 0,02

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 53 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 27: ESAF - EPPGG/MPOG/2013


Um jogo consiste em jogar uma moeda viciada cuja probabilidade
de ocorrer coroa é igual a 1/6. Se ocorrer cara, seleciona-se, ao
acaso, um número z do conjunto Z dado pelo intervalo {z N | 7 ≤
z ≤ 11}. Se ocorrer coroa, seleciona-se, ao acaso, um número p do
intervalo P = {p N | 1 ≤ p < 5}, em que N representa o conjunto
dos números naturais. Maria lança uma moeda e observa o
resultado. Após verificar o resultado, Maria retira, aleatoriamente,
um número do conjunto que atende ao resultado obtido com o
lançamento da moeda, ou seja: do conjunto Z se ocorreu cara ou
do conjunto P se ocorreu coroa. Sabendo-se que o número
selecionado por Maria é ímpar, então a probabilidade de ter
ocorrido coroa no lançamento da moeda é igual a:
a) 6/31
b) 1/2
c) 1/12
d) 1/7
e) 5/6
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

1/2
Ímpar

1/6 A
Coroa
A1 1/2
Par
A
Moeda
3/5
Ímpar
5/6 A
Cara
A2 2/5
Par
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 54 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Sejam os eventos:
A: número sorteado é ímpar
: número sorteado é ímpar
A1: Coroa
A2: Cara

Temos:

P(A1) = 1/6
P(A|A1) = 2/4 = 1/2, pois o conjunto P = {1,2,3,4} possui 2 números
ímpares de um total de 4.
= 1/2

P(A2) = 5/6
P(A|A2) = 3/5, pois o conjunto Z = {7, 8, 9, 10, 11} possui 3 números
ímpares de um total de 5.
= 2/5

Quero saber P(A1|A).

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

1/6 1/2

1/6 1/2 5/6 3/5

Gabarito: Letra D
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 55 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 28: ESAF - AnaTA MF/MF/2013


Beatriz é servidora do Ministério da Fazenda e costuma se deslocar
de casa para o trabalho de carro próprio ou de ônibus. Sabe-se que
Beatriz se desloca de carro próprio em 90% das vezes e de ônibus
em 10% das vezes. Quando Beatriz se desloca de ônibus, chega
atrasada em 30% das vezes e, quando se desloca de carro próprio,
chega atrasada em 10% das vezes. Em um determinado, dia
Beatriz chegou atrasada ao trabalho.
Qual a probabilidade de ela ter ido de ônibus neste dia?
a) 30%
b) 15%
c) 20%
d) 10%
e) 25%
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
:

30%
Atrasada

10% A
ônibus
A1 70%
Não atrasada
A
Ir ao trabalho
10%
Atrasada
90% A
carro
A2 90%
Não atrasada
A

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 56 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Sejam os eventos:
A: Chegar atrasada
: Não chegar atrasada
A1: Ir de ônibus
A2: Ir de carro

Temos:

P(A1) = 10%
P(A|A1) = 30%
= 70%

P(A2) = 90%
P(A|A2) = 10%
= 90%

Quero saber P(A1|A).

OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de


um evento da primeira parte do “galho” dada a probabilidade de um
evento da segunda parte do galho.

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

0,10 0,30

0,10 0,30 0,9 0,10

= 25%

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 57 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 29: ESAF - ATRFB/SRFB/2009


Três amigas participam de um campeonato de arco e flecha. Em
cada tiro, a primeira das amigas tem uma probabilidade de acertar
o alvo de 3/5, a segunda tem uma probabilidade de acertar o alvo
de 5/6, e a terceira tem uma probabilidade de acertar o alvo de
2/3. Se cada uma das amigas der um tiro de maneira independente
dos tiros das outras duas, qual a probabilidade de pelo menos dois
dos três tiros acertarem o alvo?
a) 90/100
b) 50/100
c) 71/100
d) 71/90
e) 60/90
SOLUÇÃO:

Seja o evento: A=acertar o alvo. =errar o alvo


A Amiga 1 tem P(A) = 3/5; P( )=2/5
A Amiga 2 tem P(A) = 5/6; P( )=1/6
A Amiga 3 tem P(A) = 2/3; P( )=1/3
As situações em que pelo menos duas acertam o alvo são as seguintes:

Situação Amiga Amiga Amiga


1 2 3
1 – As três acertam A A A
2 – Amiga 1 erra. 2 e 3 acertam A A
3 – Amiga 2 erra. 1 e 3 acertam A A
4 – Amiga 3 erra. 1 e 2 acertam A A

Calculando as probabilidades das situações (multiplicando as


probabilidades na mesma linha):

Situação Amiga Amiga Amiga Probabilidade


1 2 3
1 – As três acertam 3/5 5/6 2/3 1/3
2 – Amiga 1 erra. 2 e 3 acertam 5/6 2/3 2/9
3 – Amiga 2 erra. 1 e 3 acertam 3/5 2/3 1/15
4 – Amiga 3 erra. 1 e 2 acertam 3/5 5/6 1/6

Como as quatro situações são eventos mutuamente excludentes,


somam-se as probabilidades de cada uma delas:

Gabarito: Letra D
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 58 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 30: ESAF - ATPS (MPOG)/MPOG/Gestão Social/2012


O porta-jóias de Ana é formado por duas gavetas: a gaveta A e a
gaveta B. Na gaveta A, Ana guarda 1 colar de pérolas e 2 pulseiras
de ouro. Na gaveta B, Ana guarda 2 colares de pérolas e 1 pulseira
de ouro. Ana, ao arrumar as gavetas, retira aleatoriamente uma
jóia da gaveta A e a coloca na gaveta B, misturando-a com as jóias
que já estavam na gaveta B. Beatriz, amiga íntima de Ana, pede
uma jóia emprestada para ir a uma festa. Ana, com satisfação, diz
para Beatriz retirar, aleatoriamente, uma jóia da gaveta B. Desse
modo, a probabilidade de Beatriz retirar uma pulseira de ouro da
gaveta B é igual a:
a) 2/3
b) 7/12
c) 5/12
d) 3/5
e) 1/4
SOLUÇÃO:
Esta questão é bem complicada. É bem difícil enxergar os cenários para
aplicar o teorema da probabilidade total. Vamos desenhar a árvore de
eventos.

Pulseira de Ouro A
G B
Pulseira de Ouro
G A A1
Colar de Pérolas
G B A
Escolha de
Joias
Pulseira de Ouro
G B A
Colar de Pérolas
G A A2
Colar de Pérolas
G B A

Sejam os eventos:
A1: escolha de Pulseira de Ouro na gaveta “A”
A2: escolha de Colar de Pérola na gaveta “A”
A: escolha de Pulseira de Ouro na gaveta “B”
: escolha de Colar de Pérola na gaveta “B”

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 59 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Temos:
P(A1) = 2/3. Essa é fácil! Há duas Pulseiras de Ouro na gaveta “A” em
um total de três jóias.
P(A|A1) = 2/4. Essa é um pouquinho mais difícil de enxergar. Na gaveta
B já havia 2 colares e 1 pulseira. Se eu escolho uma pulseira na gaveta
A e jogo em B, teremos em B agora 2 colares e 2 pulseiras. Por isso, a
probabilidade de se retirar uma pulseira de ouro nessa condição é 2/4.
= 2/4

P(A2) = 1/3. Essa é fácil! Há um Colar de Pérola na gaveta “A” em um


total de três jóias.
P(A|A2) = 1/4. Essa é um pouquinho mais difícil de enxergar. Na gaveta
B já havia 2 colares e 1 pulseira. Se eu escolho um colar na gaveta A e
jogo em B, teremos em B agora 3 colares e 1 pulseira. Por isso, a
probabilidade de se retirar uma pulseira de ouro nessa condição é 1/4
= 3/4

Quero saber P(A)


OBS.: Repare que neste tipo de questão, pedimos uma probabilidade de
um evento da segunda parte do “galho”.

Ora, pelo Teorema da Probabilidade Total temos:

2/4 2/3 1/4 1/3

Gabarito: Letra C
*******
Questão 31: ESAF - ATA/MF/2014
Considere que há três formas de Ana ir para o trabalho: de carro,
de ônibus e de bicicleta. Em 20% das vezes ela vai de carro, em
30% das vezes de ônibus e em 50% das vezes de bicicleta. Do total
das idas de carro, Ana chega atrasada em 15% delas, das idas de
ônibus, chega atrasada em 10% delas e, quando vai de bicicleta,
chega atrasada em 8% delas. Sabendo-se que um determinado dia
Ana chegou atrasada ao trabalho, a probabilidade de ter ido de
carro é igual a
a) 20%.
b) 40%.
c) 60%.
d) 50%.
e) 30%.

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 60 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
SOLUÇÃO:
A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo
árvore, identificando os eventos (em verde), os valores das probabilidades
fornecidas pelo enunciado da questão (em azul) e termine de preenchê-la
(em vermelho) usando a propriedade da probabilidade complementar, ou
seja, em cada “galho” a soma de probabilidades deve ser 100% (
.

0,15
Atrasada

0,20 A
Carro
A1 0,85
Não atrasada
A
Ana
0,10
Atrasada

0,30 A
Ônibus
A2 0,90
Não atrasada
A
0,08
Atrasada

0,50 A
Bicicleta
A3 0,92
Não atrasada
A
Quero saber P(A1|A).
Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

Gabarito: Letra E
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 61 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Questão 32: ESAF - MTUR/2014


Uma caixa contém 3 moedas de um real e 2 moedas de cinquenta
centavos. 2 moedas serão retiradas dessa caixa ao acaso e
obedecendo às condições: se a moeda retirada for de um real,
então ela será devolvida à caixa e, se for de cinquenta centavos,
não será devolvida à caixa. Logo, a probabilidade de pelo menos
uma moeda ser de um real é igual a
a) 80%
b) 75%
c) 90%
d) 70%
e) 85%
SOLUÇÃO:
Temos que calcular a probabilidade retirarmos pelo menos uma moeda
de 1 real, ou seja, calcularemos a probabilidade de retirarmos uma moeda
de um real e somaremos à probabilidade de tirarmos duas moedas de um
real.

Temos que trabalhar com as seguintes configurações:


1) R$ 1,00 na primeira / R$ 0,50 na segunda
R$ 1,00 R$ 0,50
P = 3/5 P = 2/5 (houve reposição da
moeda de R$ 1,00 da primeira
retirada. O espaço amostral
continuou com 5 elementos)

2) R$ 1,00 na primeira / R$ 1,00 na segunda


R$ 1,00 R$ 1,00
P = 3/5 P = 3/5 (houve reposição da
moeda de R$ 1,00 da primeira
retirada. O espaço amostral
continuou com 5 elementos)

3) R$ 0,50 na primeira / R$ 1,00 na segunda


R$ 0,50 R$ 1,00
P = 2/5 P = 3/4 (não houve reposição da
moeda de R$ 0,50 da primeira
retirada. O espaço amostral ficou
com 4 elementos)

A probabilidade que estamos procurando é:

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 62 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Uma solução mais rápida seria: temos que calcular a probabilidade


retirarmos pelo menos uma moeda de 1 real, ou seja, calcularemos a
probabilidade de retirarmos nenhuma moeda de um real e subtraímos ela
de 1.

Temos que trabalhar com a seguinte configuração:


1) R$ 0,50 na primeira / R$ 0,50 na segunda
R$ 0,50 R$ 0,50
P = 2/5 P = 1/4 (não houve reposição da
moeda de R$ 0,50 da primeira
retirada. O espaço amostral ficou
com 4 elementos)

A probabilidade que estamos procurando é:

Gabarito: Letra C
*******

Questão 33: ESAF - APO/MPOG/2015


Um restaurante especializado em carnes recebe somente 3 tipos
de clientes, a saber: os que gostam de carne de gado, os que
gostam de carne de javali e os que gostam de carne de jacaré.
Desses clientes que frequentam o restaurante, 50% deles gostam
de carne de gado, 40% gostam de carne de javali e 10% gostam
de carne de jacaré. Por outro lado, dos clientes que gostam de
carne de gado, 80% das vezes que vão ao restaurante eles bebem
cerveja; dos clientes que gostam de carne de javali, 90% das vezes
que vão ao restaurante, eles bebem cerveja; dos clientes que
gostam de carne de jacaré, 95% das vezes que vão ao restaurante,
eles bebem cerveja. Um cliente, ao sair do restaurante, informa
que não bebeu cerveja. Assim, a probabilidade de que ele goste de
carne de javali é igual a:
a) 8/29
b) 1/5
c) 45/47
d) 7/8
e) 25/32

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 63 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
SOLUÇÃO:

A primeira coisa a ser feita em exercícios deste tipo é um desenho tipo


árvore, identificando os eventos, os valores das probabilidades fornecidas
pelo enunciado da questão e termine de preenchê-la usando a propriedade
da probabilidade complementar, ou seja, em cada “galho” a soma de
probabilidades deve ser 100% ( .

Sejam os eventos:
A1 = {gostar de carne de gado}
A2 = {gostar de carne de javali}
A3 = {gostar de carne de jacaré}

A = {gostar de cerveja}
A = {NÃO gostar de cerveja}

Bebem Cerveja

P(A1)=50% A
Gado
A1
NÃO bebem
A
Clientes

Bebem Cerveja

P(A2)=40% A
Javali
A2
NÃO bebem
A

Bebem Cerveja

P(A3)=10% A
Jacaré
A3
NÃO bebem
A
A questão quer saber a probabilidade de um cliente gostar de carne de
javali, dado que ele não bebeu cerveja. Ou seja, estamos procurando:

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 64 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

Ora, pelo Teorema de Bayes temos:

==0==

Assim,

Gabarito: Letra A
*******

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 65 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0

Teoria e exercícios comentados


Prof. Felipe Lessa – Aula 0
VIII. Lista das Questões Apresentadas
Questão 1: ESAF - AnaTA MF/MF/2013
No quadro a seguir, tem-se a listagem dos 150 funcionários de
uma empresa:
Mulher Homem
Gerente 4 3
Serviços gerais 33 102
Departamento
5 3
financeiro

Uma bicicleta será sorteada entre os funcionários dessa empresa;


a probabilidade de que uma mulher que desempenha a função de
serviços gerais ganhe a bicicleta é igual a:
a) 22%
b) 23%
c) 20%
d) 24%
e) 21%

Questão 2: ESAF - TFC (CGU)/CGU/2008


Quando Paulo vai ao futebol, a probabilidade de ele encontrar
Ricardo é 0,40; a probabilidade de ele encontrar Fernando é igual a
0,10; a probabilidade de ele encontrar ambos, Ricardo e Fernando,
é igual a 0,05. Assim, a probabilidade de Paulo encontrar Ricardo
ou Fernando é igual a:
a) 0,04
b) 0,40
c) 0,50
d) 0,45
e) 0,95

Questão 3: ESAF - ATPS (MPOG)/MPOG/Gestão Social/2012


Se A e B são eventos mutuamente excludentes, então pode-se
afirmar que:
a) A e B são eventos independentes
b) P(A B) = P(A) + P(B)
c) P(B/A) ≠ 0
d) P(A/B) ≠ 0
e) P(A B) = 0

Questão 4: ESAF - AFPS/INSS/Administração Tributária


Previdenciária/2002
Suponha que a probabilidade de um evento C seja 0,4 e que a
probabilidade condicional do evento D dado que C ocorreu seja 0,2.

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 66 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Assinale a opção que dá o valor da probabilidade de ocorrência de
D e C.
a) 0,50
b) 0,08
c) 0,00
d) 1,00
e) 0,60

Questão 5: ESAF - AFC (STN)/STN/Contábil-Financeira/2008


Dois eventos A e B são ditos eventos independentes se e somente
se:
a) a probabilidade de ocorrência conjunta de A e B for nula.
b) a ocorrência de B alterar a probabilidade de ocorrência de A.
c) a ocorrência de A alterar a probabilidade de ocorrência de B.
d) a ocorrência de B não alterar a probabilidade de ocorrência de A.
e) a probabilidade de ocorrência conjunta de A e B for igual a 1.

Questão 6: ESAF - AFC (CGU)/CGU/Auditoria e


Fiscalização/Estatística e Cálculos Atuariais/2008
A e B são eventos independentes se:
a) P(A B) = P(A) + P(B).
b) P(A B) = P(A) / P(B).
c) P(A B) = P(A) - P(B).
d) P(A B) = P(A) + P(B/A).
e) P(A B) = P(A) P(B).

Questão 7: ESAF - FR (Pref RJ)/Pref RJ/2010


Em cada um de um certo número par de cofres são colocadas uma
moeda de ouro, uma de prata e uma de bronze. Em uma segunda
etapa, em cada um de metade dos cofres, escolhidos ao acaso, é
colocada uma moeda de ouro, e em cada um dos cofres restantes,
uma moeda de prata. Por fim, em cada um de metade dos cofres,
escolhidos ao acaso, coloca-se uma moeda de ouro, e em cada um
dos cofres restantes, uma moeda de bronze. Desse modo, cada
cofre ficou com cinco moedas.
Ao se escolher um cofre ao acaso, qual é a probabilidade de ele
conter três moedas de ouro?
a) 0,15
b) 0,20
c) 0,5
d) 0,25
e) 0,7

Questão 8: ESAF - AFC (CGU)/CGU/Auditoria e


Fiscalização/Estatística e Cálculos Atuariais/2008
Uma população de indivíduos é constituída 80% por um tipo
genético A e 20% por uma variação genética B. A probabilidade de

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 67 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
um indivíduo do tipo A ter determinada doença é de 5%, enquanto
a probabilidade de um indivíduo com a variação B ter a doença é de
40%. Dado que um indivíduo tem a doença, qual a probabilidade de
ele ser da variação genética B?
a) 1/3.
b) 0,4.
c) 0,5.
d) 0,6.
e) 2/3.

Questão 9: ESAF - AFC (STN)/STN/Contábil-Financeira/2000


Uma companhia preocupada com sua produtividade costuma
oferecer cursos de treinamento a seus operários. A partir da
experiência, verificou-se que um operário, recentemente admitido,
que tenha freqüentado o curso de treinamento tem 82% de
probabilidade de cumprir sua quota de produção. Por outro lado,
um operário, também recentemente admitido, que não tenha
freqüentado o mesmo curso de treinamento, tem apenas 35% de
probabilidade de cumprir com sua quota de produção. Dos
operários recentemente admitidos, 80% freqüentaram o curso de
treinamento. Selecionando-se, aleatoriamente, um operário
recentemente admitido na companhia, a probabilidade de que ele
não cumpra sua quota de produção é
a) 11,70%
b) 27,40%
c) 35%
d) 83%
e) 85%

Questão 10: ESAF - APO (MPOG)/MPOG/Planejamento e


Orçamento/2010
Em uma pequena localidade, os amigos Arnor, Bruce, Carlão,
Denílson e Eleonora são moradores de um bairro muito antigo que
está comemorando 100 anos de existência. Dona Matilde, uma
antiga moradora, ficou encarregada de formar uma comissão que
será a responsável pela decoração da festa. Para tanto, Dona
Matilde selecionou, ao acaso, três pessoas entre os amigos Arnor,
Bruce, Carlão, Denílson e Eleonora. Sabendo-se que Denílson não
pertence à comissão formada, então a probabilidade de Carlão
pertencer à comissão é, em termos percentuais, igual a:
a) 30 %
b) 80 %
c) 62 %
d) 25 %
e) 75 %

Questão 11: ESAF - APOFP SP/SEFAZ SP/2009

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 68 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Considere que numa cidade 40% da população adulta é fumante,
40% dos adultos fumantes são mulheres e 60% dos adultos não-
fumantes são mulheres. Qual a probabilidade de uma pessoa adulta
da cidade escolhida ao acaso ser uma mulher?
a) 44%
b) 52%
c) 50%
d) 48%
e) 56%

Questão 12: ESAF - Ana IRB/IRB/Resseguro - Administrativa -


Financeira/2006
Sendo qx a probabilidade de uma pessoa de idade “x” falecer nesta
idade “x” e qy a probalidade de uma pessoa de idade “y” falecer
nesta idade “y” e px = (1 – qx) e py = (1 - qy), pode-se afirmar que
o resultado da equação [1 – px py] indica:
a) a probabilidade de ambos vivos.
b) a probabilidade de pelo menos um vivo.
c) a probabilidade de pelo menos um morto.
d) a probabilidade de ambos mortos.
e) a probabilidade de “x” vivo e “y” morto ou “y” vivo e “x” vivo.

Questão 13: ESAF - AUFC/TCU/1999


Um dado viciado, cuja probabilidade de se obter um número par é
3/5, é lançado juntamente com uma moeda não viciada. Assim, a
probabilidade de se obter um número ímpar no dado ou coroa na
moeda é:
a) 1/5
b) 3/10
c) 2/5
d) 3/5
e) 7/10

Questão 14: ESAF - AFT/MTE/1998


De um grupo de 200 estudantes, 80 estão matriculados em Francês,
110 em Inglês e 40 não estão matriculados nem em Inglês nem em
Francês. Seleciona-se, ao acaso, um dos 200 estudantes. A
probabilidade de que o estudante selecionado esteja matriculado
em pelo menos uma dessas disciplinas (isto é, em Inglês ou em
Francês) é igual a
a) 30/200
b) 130/200
c) 150/200
d) 160/200
e) 190/200

Questão 15: ESAF - ATRFB/SRFB/2009

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 69 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
Para acessar a sua conta nos caixas eletrônicos de determinado
banco, um correntista deve utilizar sua senha constituída por três
letras, não necessariamente distintas, em determinada sequência,
sendo que as letras usadas são as letras do alfabeto, com exceção
do W, totalizando 25 letras. Essas 25 letras são então distribuídas
aleatoriamente, três vezes, na tela do terminal, por cinco teclas, em
grupos de cinco letras por tecla, e, assim, para digitar sua senha, o
correntista deve acionar, a cada vez, a tecla que contém a
respectiva letra de sua senha. Deseja-se saber qual o valor mais
próximo da probabilidade de ele apertar aleatoriamente em
sequência três das cinco teclas à disposição e acertar ao acaso as
teclas da senha?
a) 0,001.
b) 0,0001.
c) 0,000125.
d) 0,005.
e) 0,008.

Questão 16: ESAF - TFC (CGU)/CGU/2001


Beraldo espera ansiosamente o convite de um de seus três amigos,
Adalton, Cauan e Délius, para participar de um jogo de futebol. A
probabilidade de que Adalton convide Beraldo para participar do
jogo é de 25%, a de que Cauan o convide é de 40% e a de que
Délius o faça é de 50%. Sabendo que os convites são feitos de
forma totalmente independente entre si, a probabilidade de que
Beraldo não seja convidado por nenhum dos três amigos para o
jogo de futebol é:
a) 12,5%
b) 15,5%
c) 22,5%
d) 25,5%
e) 30%

Questão 17: ESAF - AFC (STN)/STN/Contábil-Financeira/2005


Uma grande empresa possui dois departamentos: um de artigos
femininos e outro de artigos masculinos. Para o corrente ano fiscal,
o diretor da empresa estima que as probabilidades de os
departamentos de artigos femininos e masculinos obterem uma
margem de lucro de 10% são iguais a 30 % e 20 %,
respectivamente. Além disso, ele estima em 5,1% a probabilidade
de ambos os departamentos obterem uma margem de lucro de 10
%. No final do ano fiscal, o diretor verificou que o departamento de
artigos femininos obteve uma margem de lucro de 10%. Desse
modo, a probabilidade de o departamento de artigos masculinos ter
atingido a margem de lucro de 10% é igual a:
a) 17%
b) 20%

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 70 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
c) 25 %
d) 24 %
e) 30 %

Questão 18: ESAF - AFC (CGU)/CGU/2001


Há apenas dois modos, mutuamente excludentes, de Ana ir para o
trabalho: ou de carro ou de metrô. A probabilidade de Ana ir de
carro é de 60% e de ir de metrô é de 40%. Quando ela vai de carro,
a probabilidade de chegar atrasada é de 5%. Quando ela vai de
metrô a probabilidade de chegar atrasada é de 17,5%. Em um dado
dia, escolhido aleatoriamente, verificou-se que Ana chegou
atrasada ao seu local de trabalho.
A probabilidade de ela ter ido de carro nesse dia é:
a) 10%
b) 30%
c) 40%
d) 70%
e) 82,5%

Questão 19: ESAF - Ana (BACEN)/BACEN/Supervisão/2002


Uma empresa fabrica motores a jato em duas fábricas A e B. Um
motor é escolhido ao acaso de um lote de produção. Nota-se que o
motor apresenta defeitos. De observações anteriores a empresa
sabe que 2% e 3% são as taxas de motores fabricados com algum
defeito em A e B, respectivamente.
Sabendo-se que a fábrica A é responsável por 40% da produção,
assinale a opção que dá a probabilidade de que o motor escolhido
tenha sido fabricado em A.
a) 0,400
b) 0,030
c) 0,012
d) 0,308
e) 0,500

Questão 20: ESAF - Ana Tec (SUSEP)/SUSEP/Atuaria/2010


Admita que a probabilidade de uma pessoa de um particular grupo
genético ter uma determinada doença é de 30%. Um custoso e
invasivo exame para diagnóstico específico dessa doença tem uma
probabilidade de um resultado falso positivo de 10% e de um
resultado falso negativo de 30%. Considerando que uma pessoa
desse grupo genético com suspeita da doença fez o referido exame,
qual a probabilidade dela ter a doença dado que o resultado do
exame foi negativo?
a) 30%.
b) 7,5%.
c) 25%.
d) 15%.

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 71 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
e) 12,5%.

Questão 21: ESAF - Ana Tec (SUSEP)/SUSEP/Atuaria/2002


Uma em cada 10 pessoas de uma população tem uma determinada
doença. Das pessoas que têm a doença, 80% reagem positivamente
ao teste Y, enquanto 20% dos que não têm a doença também
reagem positivamente. Uma pessoa é selecionada ao acaso na
população e o teste Y é aplicado.
Assinale a opção que corresponde à probabilidade de que a pessoa
selecionada não esteja realmente doente, sabendo-se que reagiu
positivamente ao teste Y.
a) 16,0%
b) 28,0%
c) 95,0%
d) 69,2%
e) 40,0%

Questão 22: ESAF - Ana (BACEN)/BACEN/Geral/2001


Os registros de uma instituição financeira indicam que 90% das
contas de empréstimo consideradas inadimplentes apresentaram
pagamentos com mais de duas semanas de atraso em pelo menos
duas prestações. Sabe-se também que 10% de todas as contas de
empréstimo tornam-se inadimplentes e que 40% das contas de
empréstimo integralmente liquidadas mostram pelo menos duas
prestações com atraso no pagamento em mais de duas semanas.
Assinale a opção que corresponde à probabilidade de que uma
conta de empréstimo com duas ou mais prestações pagas com
atraso de duas semanas torne-se inadimplente.
a) 20%
b) 10%
c) 9%
d) 15%
e) 18%

Questão 23: ESAF - AFRE MG/SEF MG/2005


Ana precisa chegar ao aeroporto para buscar uma amiga. Ela pode
escolher dois trajetos, A ou B. Devido ao intenso tráfego, se Ana
escolher o trajeto A, existe uma probabilidade de 0,4 de ela se
atrasar. Se Ana escolher o trajeto B, essa probabilidade passa para
0,30. As probabilidades de Ana escolher os trajetos A ou B são,
respectivamente, 0,6 e 0,4.
Sabendo-se que Ana não se atrasou, então a probabilidade de ela
ter escolhido o trajeto B é igual a:
a) 6/25
b) 6/13
c) 7/13
d) 7/25

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 72 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
e) 7/16

Questão 24: ESAF - AFC (STN)/STN/Contábil-Financeira/2008


Marco estuda em uma universidade na qual, entre as moças de
cabelos loiros, 18 possuem olhos azuis e 8 possuem olhos
castanhos; entre as moças de cabelos pretos, 9 possuem olhos
azuis e 9 possuem olhos castanhos; entre as moças de cabelos
ruivos, 4 possuem olhos azuis e 2 possuem olhos castanhos. Marisa
seleciona aleatoriamente uma dessas moças para apresentar para
seu amigo Marco. Ao encontrar com Marco, Marisa informa que a
moça selecionada possui olhos castanhos. Com essa informação,
Marco conclui que a probabilidade de a moça possuir cabelos loiros
ou ruivos é igual a:

a)

b)

c)

d)

e)

Questão 25: ESAF - Estat (MIN)/MIN/Estatística/2012


O diagnóstico para uma grave doença que atinge 20% da população
adulta em determinada região é feito por um invasivo exame que
produz resultado positivo ou negativo. Pesquisas mostraram que
esse exame produz um resultado falso positivo em 10% dos casos
e produz um resultado falso negativo em 40% dos casos. Se uma
pessoa adulta desta região fizer o exame e o resultado for negativo,
indique qual a probabilidade de essa pessoa ter a doença.

a) 20%
b) 15%
c) 10%
d) 5%
e) 0%

Questão 26: ESAF - ATPS (MPOG)/MPOG/Gestão Social/2012


Do total de moradores de um condomínio, 5% dos homens e 2%
das mulheres tem mais do que 40 anos. Por outro lado, 60% dos
moradores são homens. Em uma festa de final de ano realizada

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 73 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
neste condomínio, um morador foi selecionado ao acaso e premiado
com uma cesta de frutas. Sabendo-se que o morador que ganhou a
cesta de frutas tem mais do que 40 anos, então a probabilidade de
que este morador seja mulher é igual a:
a) 3/7
b) 8/15
c) 3/15
d) 1/30
e) 4/19

Questão 27: ESAF - EPPGG/MPOG/2013


Um jogo consiste em jogar uma moeda viciada cuja probabilidade
de ocorrer coroa é igual a 1/6. Se ocorrer cara, seleciona-se, ao
acaso, um número z do conjunto Z dado pelo intervalo {z N | 7 ≤
z ≤ 11}. Se ocorrer coroa, seleciona-se, ao acaso, um número p do
intervalo P = {p N | 1 ≤ p < 5}, em que N representa o conjunto
dos números naturais. Maria lança uma moeda e observa o
resultado. Após verificar o resultado, Maria retira, aleatoriamente,
um número do conjunto que atende ao resultado obtido com o
lançamento da moeda, ou seja: do conjunto Z se ocorreu cara ou do
conjunto P se ocorreu coroa. Sabendo-se que o número selecionado
por Maria é ímpar, então a probabilidade de ter ocorrido coroa no
lançamento da moeda é igual a:
a) 6/31
b) 1/2
c) 1/12
d) 1/7
e) 5/6

Questão 28: ESAF - AnaTA MF/MF/2013


Beatriz é servidora do Ministério da Fazenda e costuma se deslocar
de casa para o trabalho de carro próprio ou de ônibus. Sabe-se que
Beatriz se desloca de carro próprio em 90% das vezes e de ônibus
em 10% das vezes. Quando Beatriz se desloca de ônibus, chega
atrasada em 30% das vezes e, quando se desloca de carro próprio,
chega atrasada em 10% das vezes. Em um determinado, dia Beatriz
chegou atrasada ao trabalho.
Qual a probabilidade de ela ter ido de ônibus neste dia?
a) 30%
b) 15%
c) 20%
d) 10%
e) 25%

Questão 29: ESAF - ATRFB/SRFB/2009


Três amigas participam de um campeonato de arco e flecha. Em
cada tiro, a primeira das amigas tem uma probabilidade de acertar

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 74 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
o alvo de 3/5, a segunda tem uma probabilidade de acertar o alvo
de 5/6, e a terceira tem uma probabilidade de acertar o alvo de 2/3.
Se cada uma das amigas der um tiro de maneira independente dos
tiros das outras duas, qual a probabilidade de pelo menos dois dos
três tiros acertarem o alvo?
a) 90/100
b) 50/100
c) 71/100
d) 71/90
e) 60/90

Questão 30: ESAF - ATPS (MPOG)/MPOG/Gestão Social/2012


O porta-jóias de Ana é formado por duas gavetas: a gaveta A e a
gaveta B. Na gaveta A, Ana guarda 1 colar de pérolas e 2 pulseiras
de ouro. Na gaveta B, Ana guarda 2 colares de pérolas e 1 pulseira
de ouro. Ana, ao arrumar as gavetas, retira aleatoriamente uma jóia
da gaveta A e a coloca na gaveta B, misturando-a com as jóias que
já estavam na gaveta B. Beatriz, amiga íntima de Ana, pede uma
jóia emprestada para ir a uma festa. Ana, com satisfação, diz para
Beatriz retirar, aleatoriamente, uma jóia da gaveta B. Desse modo,
a probabilidade de Beatriz retirar uma pulseira de ouro da gaveta B
é igual a:
a) 2/3
b) 7/12
c) 5/12
d) 3/5
e) 1/4

Questão 31: ESAF - ATA/MF/2014


Considere que há três formas de Ana ir para o trabalho: de carro,
de ônibus e de bicicleta. Em 20% das vezes ela vai de carro, em
30% das vezes de ônibus e em 50% das vezes de bicicleta. Do total
das idas de carro, Ana chega atrasada em 15% delas, das idas de
ônibus, chega atrasada em 10% delas e, quando vai de bicicleta,
chega atrasada em 8% delas. Sabendo-se que um determinado dia
Ana chegou atrasada ao trabalho, a probabilidade de ter ido de
carro é igual a
a) 20%.
b) 40%.
c) 60%.
d) 50%.
e) 30%.

Questão 32: ESAF - MTUR/2014


Uma caixa contém 3 moedas de um real e 2 moedas de cinquenta
centavos. 2 moedas serão retiradas dessa caixa ao acaso e

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 75 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0
obedecendo às condições: se a moeda retirada for de um real, então
ela será devolvida à caixa e, se for de cinquenta centavos, não será
devolvida à caixa. Logo, a probabilidade de pelo menos uma moeda
ser de um real é igual a
a) 80%
b) 75%
c) 90%
d) 70%
e) 85%

Questão 33: ESAF - APO/MPOG/2015


Um restaurante especializado em carnes recebe somente 3 tipos de
clientes, a saber: os que gostam de carne de gado, os que gostam
de carne de javali e os que gostam de carne de jacaré. Desses
clientes que frequentam o restaurante, 50% deles gostam
de carne de gado, 40% gostam de carne de javali e 10% gostam de
carne de jacaré. Por outro lado, dos clientes que gostam de carne
de gado, 80% das vezes que vão ao restaurante eles bebem
cerveja; dos clientes que gostam de carne de javali, 90% das vezes
que vão ao restaurante, eles bebem cerveja; dos clientes que
gostam de carne de jacaré, 95% das vezes que vão ao restaurante,
eles bebem cerveja. Um cliente, ao sair do restaurante, informa que
não bebeu cerveja. Assim, a probabilidade de que ele goste de
carne de javali é igual a:
a) 8/29
b) 1/5
c) 45/47
d) 7/8
e) 25/32

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 76 de 77

00000000000 - DEMO
RETA FINAL - Questões Comentadas de Estatística p/ AFRFB - 2015
0 Teoria e exercícios comentados
Prof. Felipe Lessa – Aula 0

1 2 3 4 5 6 7 8

A D E B D E D E

9 10 11 12 13 14 15 16

B E B C E D E C

17 18 19 20 21 22 23 24

A B D E D A E B

25 26 27 28 29 30 31 32

C E D E D C E C

33

É isso aí, Pessoal! Espero que tenham gostado de nossa Aula


Demonstrativa! Hoje foi só um aperitivo!!

Bons Estudos! Contem comigo!

Prof. Felipe Lessa www.estrategiaconcursos.com.br Página 77 de 77

00000000000 - DEMO

Você também pode gostar