Você está na página 1de 3

Botelho conhecia as faltas de Estela como as palmas das próprias mãos.

O Miranda mesmo, que o via em conta de amigo fiel, muitas e muitas


vezes lhas confiara em ocasiões desesperadas de desabafo, declarando
francamente o quanto no íntimo a desprezava e a razão por que não a
punha na rua aos pontapés.

A forma pronominal “lhas” retoma “faltas” e “Botelho”, de modo que


se conclui do texto que o Miranda havia confiado as faltas de Estela a
Botelho.
A correção gramatical e o sentido original do texto seriam mantidos
caso o trecho “O CDH solicitou ao Alto Comissariado das Nações Unidas
para os Direitos Humanos que estabelecesse — até o final de 2017 —
um grupo de peritos internacionais e regionais, por um período de pelo
menos um ano”(ℓ. 15 a 18,) fosse reescrito da seguinte forma: O CDH
solicitou do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos
Humanos o estabelecimento de um número de peritos internacionais e
regionais, por um período de pelo menos um ano até o final de 2017.
O espaço urbano foi organizado de sorte a favorecer as operações de
circulação, compra e venda de mercadorias; e, ao mesmo tempo, nele
se oferece ao consumo uma diversidade de localizações, paisagens,
topografias físicas e simbólicas que são de diferentes modos
incorporadas à dinâmica mercantil.

Seria preservada a correção gramatical do texto, mas não seus sentidos


originais, se a oração “que são de diferentes modos incorporadas à
dinâmica mercantil” (l. 4 e 5) fosse assim reescrita: às quais é de
diferentes modos incorporada a dinâmica mercantil.