Você está na página 1de 6

O que é biologia?

Subdivisões da Biologia
Biologia é uma ciência voltada Anatomia estuda a
para estudar a vida em todas as estrutura morfológica
suas formas e variações.
Citologia estudo das
células

Níveis de Organização Ecologia estudo da relação


dos seres vivos com o meio
Átomo → partícula constituinte ambiente
da matéria, formada por prótons,
nêutrons e elétrons. Genética estuda o DNA

Molécula → é a menor porção de Virologia estudo dos vírus


uma substância, constituída por Micologia estudo dos
átomos do mesmo elemento químico fungos
ou diferentes elementos.
Protistologia estudo dos
Organela → estruturas presentes protozoários
no citoplasma de células
Eucariontes que desempenham Botânica estuda dos
funções comparáveis às de vegetais
“pequenos órgãos” celulares.
Zoologia estuda os animais
Célula → unidade estrutural e
funcional da vida, podem ser Taxonomia que define os
eucariontes ou procariontes. grupos de organismos vivos

Tecido → grupo de células dos


organismos multicelulares que
apresentam estrutura e funções
fundamentalmente semelhantes.
Órgão → conjunto de tecidos que
interagem para execução de
determinadas funções vitais.
Sistema → conjunto de órgãos
interconectados harmonicamente
em benefício ao equilíbrio do
metabolismo.
Organismo → conjunto de todos os
sistemas, formando um ser vivo.
Espécie → conjunto de organismos
semelhantes capazes de se cruzar
em condições naturais,
produzindo descendência fértil.
População → conjunto de seres da
mesma espécie que habitam
determinada região geográfica.
Comunidade → conjunto de seres
vivos de diferentes espécies que
coabitam em uma mesma região.
Ecossistema → conjunto formado
pelas comunidades biológicas em
interação com os fatores
abióticos do meio.
Bioquímica reserva de energia . Os lipídios
podem ser classificados em
Água quatro grupos, os glicerídios,
os cerídios, os fosfolipídios e
A água é a substância mais os esteroides.
abundante e está intimamente Os glicerídios são
relacionada ao surgimento e
encontrados na gordura de origem
manutenção da vida . Dentre as
animal e podem causar muitos
suas diversas funções, é prejuízos à saúde se ingeridos
bastante eficaz como solvente e
em excesso.
também como moderadora de
temperatura. No grupo dos cerídios
estão as ceras, como a cera do
Sais Minerais nosso ouvido. A cera do nosso
ouvido é a responsável por
Os sais minerais são protegê-lo contra microrganismos
encontrados dissolvidos na água, que estão presentes no ar.
em forma de íons , na forma de
cristais ou ligados a moléculas Os fosfolipídios formam o
orgânicas. Dessa forma, é grupo de lipídios que constitui
perceptível que executam funções as membranas celulares.
diversas, como a formação de
estruturas, regulação de reações Os esteroides sendo o
químicas, dentre outras. colesterol o mais conhecido. As
gorduras animais são ricas em
Carboidratos colesterol e o seu consumo em
excesso pode desencadear
Cumprem função energética e diversas doenças do coração,
participam da formação de como o infarto.
estruturas. Os carboidratos
podem ser classificados em três Proteinas
grupos: monossacarídeos,
dissacarídeos e polissacarídeos . As proteínas são
substâncias que formam todos os
Os monossacarídeos são seres vivos, todos dependem das
açúcares muito simples , e seus proteínas para o seu
principais representantes são a desenvolvimento e crescimento.
glicose, a frutose a galactose. Ajudam na formação estrutural
Os monossacarídeos são solúveis dos organismos, atuam no
em água. metabolismo celular, ajudam a
transportar substâncias, atuam
Os dissacarídeos são na contração muscular, também
formados pela união de dois constituem os anticorpos, que
monossacarídeos , e seus defendem nosso organismo, formam
representantes mais conhecidos alguns hormônios, entre outras
são a sacarose e a lactose. Os importantes ações. Para que
dissacarídeos são solúveis em possam desempenhar suas funções
água. biológicas, as proteínas
Os polissacarídeos são precisam apresentar sua
conformação natural.
formados pela união de centenas,
e até mesmo milhares, de O calor, acidez ,
monossacarídeos e não são concentração de sais, entre
solúveis em água. outras condições ambientais
podem alterar a estrutura
Lipídeos espacial das proteínas. Com
isso, suas cadeias
Os lipídios são polipeptídicas desenrolam e
substâncias insolúveis em água perdem a conformação natural.
cujos principais representantes
são as gorduras e os óleos. Quando isso ocorre,
Participam da formação de chamamos de desnaturação das
algumas vitaminas e hormônios , e proteínas.
ainda fazem parte da
constituição das membranas
celulares. Além disso, os
lipídios também servem como
Vitaminas Ácidos Nucleicos
A carência de determinadas São moléculas com extensas
vitaminas pode acarretar cadeias carbônicas, formadas por
raquitismo, anemia, nucleotídeos um grupamento
esterilidade, problemas de fosfórico, um glicídio e uma
visão, distúrbios mentais e base nitrogenada , constituindo o
nervosos, insuficiência cardíaca material genético de todos os
e dificuldade de coagulação seres vivos.
sanguínea, entre outras
deficiências . As vitaminas são (DNA) Ácido desoxirribonucleico
classificadas em lipossolúveis
(RNA) Ácido ribonucleico
ou hidrossolúveis , ou seja,
dissolvidas em lipídeos No filamento de DNA
(gorduras) ou em água,
respectivamente. → Purinas (Adenina e Guanina) e
Pirimidinas (Timina e Citosina).
Lipossolúveis
No filamento de RNA
A: encontrada em alimentos
como fígado, espinafre faz parte → Purinas (Adenina e Guanina) e
do sistema imunológico, Pirimidinas (Uracila e
responsável pela defesa do corpo Citosina).
contra infecções.
Fita dupla observada no DNA,
D: peixes, contêm a Fita única/simples do RNA.
vitamina, essencial para a
absorção do cálcio e fósforo.
E: para prevenir a
contração de doenças
cardiovasculares, a vitamina E
está em verduras, peixes,
K: leite de vaca, fígado,
alface, verduras, têm o
composto, importante para a
coagulação sanguínea.
Hidrossolúveis
Ácido fólico: a formação
das moléculas dos genes depende
dele, também atua na proteção
das artérias.
B1 (tianina): para
converter açúcar em energia,
fortalecer a imunidade e
participar de processos
cardiovasculares amendoim,
leite, grãos integrais...
B2: na prevenção contra
infartos e derrames, deve-se
consumir leite e derivados...
B3 (niacina): carnes
magras, peixes... previne dores
de cabeça e facilita a digestão.
B5 (ou ácido pantotênico):
é importante para se produzir
energia e fortalecer o sistema
imunológico.
Citologia Retículo Endoplasmático : O R.E
liso é responsável pela produção
A Citologia ou Biologia Celular de lipídios. O R.E rugoso tem
é o ramo da Biologia que estuda como função realizar a síntese
as células. proteica.

Teoria Celular Complexo de Golgi: modificar,


armazenar e exportar proteínas
Todos os seres vivos são sintetizadas no retículo
constituídos por células; endoplasmático rugoso.

As atividades essenciais que Lisossomos: São responsáveis


caracterizam a vida ocorrem no pela digestão intracelular.
interior das células;
Ribossomos: auxiliar a síntese
Novas células se formam pela de proteínas nas células.
divisão de células preexistentes Peroxissomos : a oxidação de
através da divisão celular;
ácidos graxos para a síntese de
A célula é a menor unidade da colesterol e respiração celular.
vida.
Núcleo Celular
Tipos de Célula O núcleo celular
A principal característica representa a região de comando
da célula procarionte é a das atividades celulares. No
ausência de carioteca núcleo encontra -se o material
delimitando o núcleo celular. O genético do organismo, o DNA. É
núcleo da célula procarionte não no núcleo que ocorre a divisão
é individualizado. celular. Estrutura do núcleo:

As células eucariontes são Carioteca – Membrana dupla,


mais complexas. Essas possuem lipoprotéica, interrompida por
carioteca individualizando o poros.
núcleo, além de vários tipos de Cariolinfa – Massa semilíquida
organelas.
que preenche o núcleo.
Carioteca é a membrana
Cromatina – Filamentos formados
nuclear.
por DNA e proteínas; bem
visível; forma os cromossomos
Membrana durante a divisão celular.
Plasmática
Nucléolo – Corpúsculo
A membrana plasmática atua constituído por RNA ribossômico
como um filtro , permitindo a e proteínas.
passagem de substâncias pequenas
e impedindo ou dificultando a Núcleo Interfásico – Período de
passagem de substâncias de síntese de RNA e duplicação do
grande porte. A essa condição DNA.
damos o nome de Permeabilidade
Seletiva.

Citoplasma
O citoplasma é a porção
mais volumosa da célula, onde
são encontradas as organelas
celulares. As organelas são
pequenos órgãos da célula. Cada
organela desempenha uma função
diferente, sendo eles:
Mitocôndrias: Sua função é
realizar a respiração celular,
que produz energia.
Biotecnologia
Uso das tecnologias que
utilizam organismos vivos, ou
produtos elaborados a partir
deles, para criar ou modificar
produtos para fins específicos

Clonagem
Clonagem é um processo natural
(como é o caso de gêmeos
idênticos) ou artificial (quando
há a utilização de células
somáticas) em que são produzidas
cópias geneticamente idênticas
de outro ser, através de
reprodução assexuada. Em
genética, define-se a clonagem
como o processo de se produzir
cópias idênticas de seres vivos
através de um fragmento
específico de DNA.
Há dois tipos de clonagem:
reprodutiva e terapêutica.
Na clonagem reprodutiva o
núcleo de uma célula adulta é
introduzido no óvulo "vazio" -
óvulo em que foi retirado o
núcleo contendo material
genético (DNA) - e transferido
para um útero de aluguel, com a
finalidade de gerar um feto
geneticamente idêntico ao doador
do material genético.
Na clonagem terapêutica as
células-tronco jamais serão
introduzidas em algum útero. O
DNA retirado de uma célula
adulta do doador também é
introduzido num óvulo "vazio",
mas, depois de algumas divisões,
as células-tronco são
direcionadas no laboratório para
fabricar tecidos idênticos aos
do doador, tecidos que nunca
serão rejeitados por ele.
Reprodução
Uma delas é chamada
Formação dos ovócito secundário, é bem maior
Gametas pois acumula mais citoplasma e
vitelo; a outra é denominada
Gametas são as células sexuais corpo polar primário e tem
de todos os seres vivos. Todos tamanho bem reduzido, uma vez
os organismos com reprodução que passou quase todo citoplasma
sexuada precisam . para a célula-irmã. O corpo
polar I fica aderido ao ovócito
Existem gametas masculinos I, mas por não desempenhar
espermatozoides e femininos, nenhuma função acaba por
chamados óvulos . degenerar.
Espermatogênese O ovócito secundário
inicia a segunda divisão
São células diploides meiótica, que é interrompida
(possuem 46 cromossomos) , elas durante a metáfase II. Ocorre a
crescem e originam os ovulação e é liberado um ovócito
espermatócitos primários que secundário, que se for
realizam a primeira divisão da fecundado, dará continuidade às
meiose, originando 2 células- fases restantes da meiose II.
filhas haploides (23 Portanto, somente quando há
cromossomos) chamadas penetração do espermatozoide no
espermatócitos secundário ovócito secundário que ele se
torna verdadeiramente um óvulo,
Cada espermatócito II
e origina também o corpo polar
passa pela segunda divisão secundário.
meiótica, originando células-
filhas semelhantes denominadas
espermátides. Cada espermátide
Métodos
se especializa por meio de um Contraceptivos
processo onde adquirem o flagelo
e perdem citoplasma, assim é Há vários tipos de métodos
formado o espermatozoide. contraceptivos disponíveis no
mercado, como a camisinha
masculina, camisinha feminina, o
DIU (dispositivo intrauterino),
contracepção hormonal injetável,
contracepção hormonal oral
(pílula anticoncepcional),
implantes, espermicida,
abstinência periódica,
contracepção cirúrgica,
contracepção de emergência,
entre outros.

Ovulogênese
As ovogônias (células
diploides, onde 2n=46) cessam a
multiplicação e crescem
originando os ovócitos
primários. Cada ovócito primário
realiza a primeira divisão
meiótica originando 2 células-
filhas diferentes, ambas
haploides (n=23).