Você está na página 1de 64

Oficina

Fundamentação
Metodológica

Manual do
Participante

MP_fundamentacao_metodologica.indd 1 20/09/16 11:45


MP_fundamentacao_metodologica.indd 2 20/09/16 11:45
Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae

Oficina
Fundamentação Metodológica
Educação Empreendedora
Manual do Participante

Sebrae
Brasília-DF
2016

MP_fundamentacao_metodologica.indd 3 20/09/16 11:45


© 2016. Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae
Todos os direitos reservados
A reprodução não autorizada desta publicação, no todo ou em parte, constitui violação dos direitos autorais (Lei nº
9.610/1998).
 
Informações e contatos
Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae
Unidade de Capacitação Empresarial e Cultura Empreendedora
SGAS 605 – Conjunto A – CEP: 70200-904 – Brasília/DF
Telefone: (61) 3348–7343
www.sebrae.com.br
 
Presidente do Conselho Deliberativo Nacional
Robson Braga de Andrade
 
Diretor-Presidente
Guilherme Afif Domingos
 
Diretora Técnica
Heloisa Regina Guimarães de Menezes
 
Diretor de Administração e Finanças
Vinicius Lages
 
Unidade de Capacitação Empresarial e Cultura Empreendedora
 
Gerente
Mirela Malvestiti

Gerente Adjunta
Olívia Castro

Responsável Técnica
Nilma Lima Limeira Pereira

Consultora Conteudista
Patricia Liz Gutierrez

Consultoria Educacional
Nilma Lima Limeira Pereira
 
Unidade de Comunicação
 
Gerente
Maria Cândida Bittencourt

Gerente Adjunto
Henrique Nabuco
 
Editoração
Larissa Meira
 
Revisão Ortográfica
Discovery – Formação Profissional Ltda. – ME
 
Diagramação G983o Gutierrez, Patricia Liz.

Grupo Informe Comunicação Integrada Ltda. Oficina: fundamentação metodológica: educação
empreendedora: manual do participante. / Patricia Liz Gutierrez,
Nilma Lima Limeira Pereira (col.) – Brasília : Sebrae, 2016.

62 p. il.

ISBN 978-85-7333-802-7

1. Empreendedorismo 2. Educação empreendedora I.


Sebrae II. Pereira, Nilma Limeira (col.) III. Título

CDU – 658

MP_fundamentacao_metodologica.indd 4 20/09/16 11:46


Sumário

 Apresentação...............................................................................................6

 Atividade 1 - Educação Empreendedora........................................................13

 Atividade 2 - Referenciais metodológicos .....................................................19

 Atividade 3 - Memória em movimento........................................................ 39

 Atividade 4 - Eixos de conteúdo .................................................................43

 Atividade 5 - Plano de Desenvolvimento Pessoal........................................... 55

 Referências................................................................................................. 58

MP_fundamentacao_metodologica.indd 5 20/09/16 11:46


APRESENTAÇÃO

MP_fundamentacao_metodologica.indd 6 20/09/16 11:46


MP_fundamentacao_metodologica.indd 7 20/09/16 11:46
Apresentação

O atual contexto socioeconômico demanda das pessoas a prática da autonomia, o desen-


volvimento de competências múltiplas e complementares, a habilidade de trabalhar em
equipe, a capacidade de aprender e reaprender, de lidar com novas situações, com desafios
constantes e, especialmente, de agir para promover transformações e buscar concretizar
seus sonhos e objetivos, ou seja, demanda das pessoas a prática de comportamentos em-
preendedores.

Considerando essa realidade, a Educação Empreendedora passou a ocupar uma posição es-
tratégica no cenário brasileiro. É fundamental aprender sobre como é possível empreender.

Diante desse cenário, o Programa Nacional de Educação Empreendedora (PNEE) do


Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) tem o objetivo de am-
pliar, promover e disseminar a Educação Empreendedora nas instituições de ensino, por
meio da oferta de conteúdos de empreendedorismo nos currículos, com o propósito de
consolidar a Cultura Empreendedora na educação.

O PNEE contempla soluções educacionais direcionadas a diferentes etapas da educação


formal:

EDUCAÇÃO
EDUCAÇÃO BÁSICA EDUCAÇÃO SUPERIOR
PROFISSIONAL
ENSINO
ENSINO MÉDIO
FUNDAMENTAL
99 Jovens Empreen- 99 Formação de Jovens 99 Pronatec Empreendedor. 99 Desafio Universitário
dedores Primeiros Empreendedores Empreendedor;
Passos (JEPP). (FJE);
99 Disciplina de Empre-
99 Despertar; endedorismo;
99 Crescendo e Empre-
99 Palestra Empreen-
endendo;
dedorismo em Dois
99 Jovem Empreendedor
Tempos;
no Campo.
99 Realização de Editais
para Instituições
de Ensino Superior
(IES).

Para a realização das soluções educacionais do PNEE do Sebrae, uma das etapas essenciais
é a capacitação dos professores na metodologia em questão.

MP_fundamentacao_metodologica.indd 8 20/09/16 11:46


Esta Oficina de Fundamentação Metodológica em Educação Empreendedora representa o
primeiro passo da formação dos professores que trabalharão com as soluções educacionais
propostas no PNEE do Sebrae.

Espera-se que nesta oficina você possa desenvolver as seguintes competências:

✓✓ Conhecer fundamentos metodológicos da Educação Empreendedora promovida


pelo Sebrae;

✓✓ Estabelecer correlações entre empreendedorismo e educação;

✓✓ Sensibilizar-se a atuar de forma facilitadora na aplicação de soluções do PNEE do


Sebrae;

✓✓ Realizar um Plano de Desenvolvimento Pessoal para atuação como agente disse-


minador da Cultura Empreendedora;

✓✓ Preparar-se para aplicar ações empreendedoras e orientadas para resultados na


sua prática escolar.

A oficina foi elaborada para ser ministrada em um encontro, com duração de 8 horas.

Sucesso em sua participação nesta oficina e ótimo aprendizado!

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
9

MP_fundamentacao_metodologica.indd 9 20/09/16 11:46


Apresentação


Roteiro de atividades da oficina
Atividade 1 – Educação Empreendedora

Atividade em grupo e exposição interativa para conhecer e compreender a importância da


Educação Empreendedora.

Atividade 2 – Referenciais metodológicos

Exposição interativa e atividade em grupo para conhecer os referenciais metodológicos dos


cursos do PNEE do Sebrae.

Atividade 3 – Memória em movimento

Dinâmica para registro de aprendizados conquistados até o momento.

Atividade 4 – Eixos de conteúdo

Dinâmica e exposição interativa para conhecer a temática do empreendedorismo e compre-


ender os eixos de conteúdo das soluções educacionais do PNEE do Sebrae.

Atividade 5 – Plano de Desenvolvimento Pessoal

Atividade individual para elaborar Plano de Desenvolvimento Pessoal para trabalhar com
Educação Empreendedora.

10

MP_fundamentacao_metodologica.indd 10 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
11

MP_fundamentacao_metodologica.indd 11 20/09/16 11:46


ATIVIDADE

1
MP_fundamentacao_metodologica.indd 12 20/09/16 11:46
EDUCAÇÃO
EMPREENDEDORA

MP_fundamentacao_metodologica.indd 13 20/09/16 11:46


Atividade 1
Educação
Empreendedora

Nesta atividade você participará de uma exposição interativa para conhecer e compreender
a importância da Educação Empreendedora. Registre suas observações e conclusões, e
compartilhe suas experiências!

14

MP_fundamentacao_metodologica.indd 14 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
15

MP_fundamentacao_metodologica.indd 15 20/09/16 11:46


Atividade 1
Educação
Empreendedora

16

MP_fundamentacao_metodologica.indd 16 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
17

MP_fundamentacao_metodologica.indd 17 20/09/16 11:46


ATIVIDADE

2
MP_fundamentacao_metodologica.indd 18 20/09/16 11:46
REFERENCIAIS
METODOLÓGICOS

MP_fundamentacao_metodologica.indd 19 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

Nesta atividade você participará de uma exposição interativa e uma atividade em grupo
para conhecer os referenciais metodológicos dos cursos do PNEE do Sebrae. Registre suas
conclusões e observações.

20

MP_fundamentacao_metodologica.indd 20 20/09/16 11:46


Estudo de texto

REFERENCIAIS METODOLÓGICOS
DAS SOLUÇÕES EDUCACIONAIS DO PNEE DO SEBRAE

Tema: pedagogia da presença


✓✓ Compreensão do termo “presença” no contexto da pedagogia da presença:
vai muito além de presença física. É um vínculo que no processo educa-
cional favorece aprendizagens significativas pela relação de horizontalidade
estabelecida entre educador e estudantes;

✓✓ Não é um dom ou um privilégio de alguns, mas, desde que haja desejo,


disponibilidade, interesse em adquirir conhecimentos e desenvolver habilida-
des, todo educador pode ser capaz de se fazer presente na ação de aprendi-
zagem e conquistar os alunos para que também participem desse processo;

✓✓ Os alunos esperam dos professores mais do que um conjunto de tarefas,


mais do que a “transmissão” de conhecimentos estruturados por disciplinas
temáticas. Eles buscam os caminhos do seu desenvolvimento, buscam um
parceiro de caminhada, um guia para a descoberta de suas aprendizagens;

✓✓ Quando se fala de pedagogia da presença, a relação horizontal não significa


o abandono das regras de convivência; muito pelo contrário. A autoridade
do educador legitima-se na medida em que ele é reconhecido por sua capa-
cidade de aceitar o aluno na sua individualidade, orientando-o e o aceitando
respeitosa e positivamente;

✓✓ O perfil do professor presente contempla a capacidade de relacionamento


positivo com qualquer tipo de jovem, independentemente do que ele tenha
feito ou aparente ser, bem como a capacidade de autocrítica e certa humil-
dade;

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
21

MP_fundamentacao_metodologica.indd 21 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

✓✓ A pedagogia da presença não pretende preconizar que o professor precise


ser “perfeito” ou “super-herói”, mas sim que se faz necessário reconhecer
a grandiosidade de seu papel e as muitas possibilidades transformadoras
da atuação como educador. Assim, o educador ampliará suas condições de
superar os desafios diários em um ambiente educacional. E é exatamente
essa a relação da pedagogia da presença com cursos do PNEE do Sebrae:
ser presente como educador, para agir coerente e verdadeiramente na edu-
cação de cidadãos para transformar realidades.

Tema: resiliência na educação


✓✓ O termo resiliência, em física, significa a propriedade pela qual a energia
armazenada em um corpo deformado é devolvida quando cessa a tensão
causadora de uma deformação elástica. Em sentido figurado, resiliência é a
resistência ao choque:

❍❍ Exemplos: o bambu, que se verga com o vento e depois volta à forma


original, ou a cama elástica usada pelos ginastas.

✓✓ Resiliência na educação é compreendida como a capacidade de resistir e


crescer na adversidade. Aos educadores isso se faz possível para favorecer
o desenvolvimento da resiliência nos estudantes e é considerado ideal, para
que todos tenham melhores condições para lidar com desafios do cotidiano;

✓✓ A resiliência é uma qualidade resultante do somatório de outras (coragem,


foco, força, comprometimento, persistência etc.) e que se pode fortalecer
no dia a dia;

✓✓ A resiliência desenvolve-se na correlação do campo perceptual das pessoas,


considerando três eixos básicos:

❍❍ O eixo da relação consigo mesmo: como me vejo e o que acredito po-


der fazer;

❍❍ O eixo da relação com a sua circunstância: como percebo a situação


atual em si;

22

MP_fundamentacao_metodologica.indd 22 20/09/16 11:46


❍❍ O eixo da relação com o tempo: como analiso, considero e valorizo ou
não minha trajetória e experiências adquiridas e qual a visão de futuro
que tenho.

✓✓ A relação da resiliência com o PNEE do Sebrae é percebida pela resiliência


considerada necessária para enfrentar os desafios do contexto empreende-
dor e se integrar a um novo paradigma educacional que exige aprendizagens
contínuas e saber lidar com mudanças e novidades.

Tema: protagonismo juvenil


✓✓ A Educação Empreendedora deve promover espaços que favoreçam o prota-
gonismo juvenil para potencializar o desenvolvimento dos comportamentos
empreendedores;

✓✓ O protagonismo juvenil propõe preparar o jovem para a cidadania, buscando


seu desenvolvimento pessoal e social. Criar oportunidades nas quais, com
liberdade, o jovem possa tomar iniciativas de ação e, com responsabilidade,
envolver-se e comprometer-se no enfrentamento e encaminhamento de
problemas reais;

✓✓ O ponto central do protagonismo é promover e incentivar a participação


ativa e construtiva do jovem;

✓✓ A participação autêntica traduz-se para o educando em um ganho de autono-


mia, autoconfiança e autodeterminação em uma fase da vida em que ele se
procura e se experimenta, empenhado que está na construção de sua identi-
dade pessoal e social e no seu projeto de vida;

✓✓ As etapas das ações protagonistas são:

❍❍ Iniciativa: disposição em realizar/alcançar algo;

❍❍ Planejamento: como fazer isso;

❍❍ Execução: fazer acontecer;

❍❍ Avaliação: analisar os resultados alcançados;

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
23

MP_fundamentacao_metodologica.indd 23 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

❍❍ Apropriação dos resultados: aprender com a situação, seja diante de


sucessos ou insucessos, e encontrar alternativas de melhorias continua-
mente.

✓✓ As etapas de ações protagonistas têm uma proximidade com o planejamento


orientado para resultados, ou seja, com a ação empreendedora. É esta uma
relação clara e direta do protagonismo juvenil com os cursos do PNEE do
Sebrae: levar os alunos a fazer, decidir, buscar informações, resolver; enfim,
aprender fazendo para desenvolver também competências pessoais, sociais e
cognitivas. Os cursos são, em tese, um espaço de protagonismo juvenil, em
que os alunos são os responsáveis pelas ações empreendedoras.

Tema: desenvolvimento de competências


✓✓ Uma das premissas da Educação Empreendedora é o desenvolvimento de
competências alicerçadas nos quatro pilares do processo educativo propos-
tos pela Unesco:

❍❍ Aprender a conhecer – pilar relacionado ao desenvolvimento de compe-


tências cognitivas: buscar, renovar, ampliar e aperfeiçoar conhecimentos:

• Refere-se à interpretação e à representação da realidade por meio


do estudo de conceitos, princípios, fatos, proposição e teorias. A
aprendizagem de aprender a conhecer manifesta-se mediante o
desenvolvimento de esquemas cognitivos: reflexão, análise crítica,
comparação, classificação, ordenação, argumentação etc., que pro-
porcionam a construção do conhecimento;

• É necessário tornar prazeroso o ato de compreender, descobrir,


construir e reconstruir o conhecimento para que não seja efêmero,
que se mantenha através do tempo, que valorize a curiosidade, a
autonomia e a atenção, permanentemente. É preciso também pen-
sar o novo, reconstruir o velho, reinventar o pensar.

24

MP_fundamentacao_metodologica.indd 24 20/09/16 11:46


❍❍ Aprender a ser – pilar relacionado ao desenvolvimento de competências
pessoais: se reconhecer e desenvolver como indivíduo com múltiplas
potencialidades:

• Refere-se à percepção da realidade por meio da conscientização da


pessoa sobre si mesma e sua interação com seus grupos. Com-
preende crenças, valores, intuição, inclinações, potenciais criativos,
atitudes, sentimentos, imaginação, fantasia, síntese, humor e arte;

• É importante estimular o desenvolvimento da responsabilidade pes-


soal, do pensamento autônomo e crítico, da imaginação, da criati-
vidade, da iniciativa e investir constantemente no desenvolvimento
integral dos indivíduos.

❍❍ Aprender a conviver – pilar relacionado ao desenvolvimento de compe-


tências sociais: se desenvolver na relação com os outros, com a socie-
dade e o meio que o cerca:

• Refere-se ao desenvolvimento da pessoa, sua maneira de ser, de


se autoconduzir e de atuar no contexto em que está inserida. Com-
preende a valorização do coletivo em detrimento do individual, o
aprender a ouvir o outro, a propor em vez de impor, a ceder e con-
tribuir em favor do interesse e da necessidade do grupo, a saber
administrar conflitos, a compartilhar e a partilhar de modo produtivo,
fomentando a unidade na diversidade. O ser humano é uno e singu-
lar e, ao mesmo tempo, múltiplo e complexo, inserido em grupos e
organizações sociais e culturais que apresentam multiplicidade de
visões, de sonhos, de posicionamentos, de crenças e de valores;

• No contexto atual, é valorizado quem sabe conviver produtivamente


com outras pessoas, respeitar e valorizar a diversidade de conhe-
cimentos e experiências, compreender os outros, desenvolver a
percepção de interdependência, administrar conflitos, participar de
projetos comuns e ter realização também no esforço comum.

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
25

MP_fundamentacao_metodologica.indd 25 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

❍❍ Aprender a fazer – pilar relacionado ao desenvolvimento de competên-


cias produtivas: desenvolver competências operacionais, “como fazer na
prática”:

• Refere-se à aplicação, na realidade, mediante capacidades, habilida-


des e destrezas. Manifesta-se mediante ação, iniciativa, concretiza-
ção, transferência, operacionalização e pragmatismo;

• As mudanças constantes que passam as profissões e carreiras


pedem que o indivíduo esteja apto a enfrentar novas situações de
trabalho a se relacionar em equipe, sabendo articular seus conhe-
cimentos e colocar em prática saberes integrados em diferentes
contextos para busca de soluções, desafios e situações cotidianas e
extraordinárias.

✓✓ Para o estímulo ao desenvolvimento de competências é primordial a valori-


zação da realidade do estudante, seu contexto, desafio e oportunidades;

✓✓ As competências são desenvolvidas na medida em que os estudantes envol-


vem-se e participam ativamente do processo educacional;

✓✓ Os cursos do PNEE do Sebrae fundamentam a sua ação educativa no de-


senvolvimento de competências que permitam aos estudantes, conside-
rando as devidas especificidades de faixa etária a ser trabalhada, aprender
a conhecer, aprender a ser, aprender a conviver e aprender a fazer, estimu-
lando o desenvolvimento de comportamentos empreendedores alicerçados,
sobretudo, na responsabilidade, na sustentabilidade, na criatividade e na
inovação.

Tema: jogos, atividades vivenciais e o Ciclo de Aprendizagem


Vivencial
✓✓ Os jogos e as atividades vivenciais buscam, essencialmente, utilizar o bene-
fício da simulação, da ludicidade e do “prazer de fazer algo fora do contexto
real” para abordar e trabalhar uma determinada temática;

26

MP_fundamentacao_metodologica.indd 26 20/09/16 11:46


✓✓ É preciso ter clareza no objetivo que se deseja atingir ao propor um jogo ou
atividade vivencial. Alguns tipos de jogos e atividades vivenciais, conforme
seu objetivo principal:

❍❍ De apresentação: utilizados no início dos cursos, para que as pessoas


se conheçam;

❍❍ De integração: para favorecer o relacionamento grupal;

❍❍ Cognitivos: para construir e debater conceitos;

❍❍ Vitalizadores: para “despertar” o grupo;

❍❍ De fechamento: utilizados para concluir uma etapa de atividades.

✓✓ É importante ter percepção dos limites e das possibilidades do grupo ao pro-


por um jogo ou uma atividade vivencial e identificar participantes com indis-
posição ou com incapacidade física momentânea ou permanente, podendo
oferecer-lhes o papel de observadores, se assim desejarem;

✓✓ Para que a realização de jogos e atividades vivenciais não sejam situações


encaradas meramente como momentos divertidos no processo educativo, é
preciso planejar adequadamente o tempo da atividade em relação às demais
tarefas a serem propostas, bem como organizar os recursos necessários.
Deve-se, ainda, aplicar o Ciclo de Aprendizagem Vivencial em uma sequência
de etapas, que não devem ser alteradas nem suprimidas;

✓✓ O Ciclo de Aprendizagem Vivencial começa com o envolvimento dos partici-


pantes em uma atividade. Passa, depois, ao relato sobre a experiência, com-
partilhado por todos os membros do grupo, à análise crítica e à discussão
sobre o que aconteceu, para chegar, enfim, a conclusões válidas e perfeita-
mente aplicáveis aos desafios e às tarefas da vida real;

✓✓ Etapas do Ciclo de Aprendizagem Vivencial:

❍❍ Vivência – realização da atividade;

❍❍ Relato – compartilhar sentimentos, emoções, observações;

❍❍ Processamento – discussão sobre o processo de desempenho do grupo


na atividade em questão;

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
27

MP_fundamentacao_metodologica.indd 27 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

❍❍ Generalização – ligação e relação da vivência e comentários com a vida


real;

❍❍ Aplicação – planejamento de comportamentos mais eficazes, a partir do


aprendizado da vivência.

✓✓ As metodologias dos cursos do PNEE do Sebrae privilegiam as vivências e,


portanto, aplicar o Ciclo de Aprendizagem Vivencial é fundamental para que
a oportunidade gerada aos alunos para protagonizarem uma ação empreen-
dedora atinja seus objetivos educacionais, fomentando uma Cultura Empre-
endedora.

Tema: empreendedorismo sistêmico e sustentável


✓✓ As constantes mudanças nos campos econômico, tecnológico, ambiental,
social e cultural exigem uma visão ampliada da prática do empreendedo-
rismo como possibilidade de atuação em diferentes contextos e tipos de
atividades, profissões e carreiras;

✓✓ No atual contexto global, é impensável uma ação empreendedora deslocada


de uma análise de seu impacto sobre a comunidade e o mundo como um
todo;

✓✓ O pensamento sistêmico compreende o desenvolvimento humano sobre a


perspectiva da complexidade, lançando um olhar não somente para o indi-
víduo isoladamente e considerando também seu contexto e as relações aí
estabelecidas;

✓✓ Toda ação empreendedora deve contemplar uma visão e pensamento sis-


têmicos, ou seja, não pensar somente em um aspecto isolado do contexto.
Por exemplo, é possível pensar não somente nos lucros possíveis, mas
também nos impactos e benefícios sociais e sustentáveis que podem ser
resultantes desta ação empreendedora;

28

MP_fundamentacao_metodologica.indd 28 20/09/16 11:46


✓✓ Sendo estimulado nessa perspectiva que considere a complexidade global,
do contexto e das relações e a visão de se manter sustentável e perene, o
fomento de uma Cultura Empreendedora tende a gerar um conjunto tal de
ações empreendedoras favoráveis ao desenvolvimento social e econômico
sustentável;

✓✓ Nos cursos do PNEE do Sebrae, o estímulo ao empreendedorismo acontece


de forma a tomar como base o contexto atual dos estudantes para desenvol-
vimento de todas as ações.

QUESTIONAMENTOS PARA O DEBATE


Pedagogia da presença

Resiliência na educação

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
29

MP_fundamentacao_metodologica.indd 29 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

Protagonismo juvenil

Desenvolvimento de competências

Jogos, atividades vivenciais e o Ciclo de Aprendizagem Vivencial

30

MP_fundamentacao_metodologica.indd 30 20/09/16 11:46


Empreendedorismo sistêmico e sustentável

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
31

MP_fundamentacao_metodologica.indd 31 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

32

MP_fundamentacao_metodologica.indd 32 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
33

MP_fundamentacao_metodologica.indd 33 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

34

MP_fundamentacao_metodologica.indd 34 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
35

MP_fundamentacao_metodologica.indd 35 20/09/16 11:46


Atividade 2
Referenciais
Metodológicos

36

MP_fundamentacao_metodologica.indd 36 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
37

MP_fundamentacao_metodologica.indd 37 20/09/16 11:46


ATIVIDADE

3
MP_fundamentacao_metodologica.indd 38 20/09/16 11:46
MEMÓRIA EM
MOVIMENTO

MP_fundamentacao_metodologica.indd 39 20/09/16 11:46


Atividade 3
Memória em
Movimento

Vamos registrar alguns momentos marcantes de nosso dia até aqui?

Aproveite a oportunidade de participar desta atividade e se movimente. Depois, registre no


quadro abaixo palavras-chave do seu aprendizado.

40

MP_fundamentacao_metodologica.indd 40 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
41

MP_fundamentacao_metodologica.indd 41 20/09/16 11:46


ATIVIDADE

4
MP_fundamentacao_metodologica.indd 42 20/09/16 11:46
EIXOS DE CONTEÚDO

MP_fundamentacao_metodologica.indd 43 20/09/16 11:46


Atividade 4
Eixos de
Conteúdo

Você irá se envolver em atividades dinâmicas para conhecer a temática do empreendedoris-


mo e compreender os eixos de conteúdo das soluções educacionais do PNEE do Sebrae.
Registre suas observações e conclusões, e compartilhe suas experiências!

Anotações sobre as atividades práticas:

44

MP_fundamentacao_metodologica.indd 44 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
45

MP_fundamentacao_metodologica.indd 45 20/09/16 11:46


Atividade 4
Eixos de
Conteúdo

46

MP_fundamentacao_metodologica.indd 46 20/09/16 11:46


CARACTERÍSTICAS DO COMPORTAMENTO EMPREENDEDOR

✓✓ Busca de informações: manter-se atualizado. Buscar informações constantemen-


te, aprender sempre mais, consultar especialistas em determinado assunto;

✓✓ Busca de oportunidade e iniciativa: antecipar-se aos fatos, gerar oportunidades


de melhoria e aperfeiçoamento, fazer as coisas acontecerem, tomar a frente, agir
antes de ser solicitado ou até forçado pelas circunstâncias;

✓✓ Estabelecimento de metas: estabelecer metas claras e mensuráveis para longo e


curto prazos, especificando datas que impulsionem a ação na direção de conquis-
tar sonhos e objetivos quantificados em metas;

✓✓ Planejamento e monitoramento sistemático: planejar, acompanhar, avaliar, con-


trolar e ajustar o caminho; representa pensar, analisar o contexto, definir etapas,
organizar o que precisa ser feito e criar um Plano de Ação que possa ser monitora-
do em sua execução;

✓✓ Correr riscos calculados: assumir desafios ou riscos moderados e responder por


eles; representa avaliar alternativas, ter claro qual o impacto positivo ou negativo
de uma decisão, agir preventivamente para minimizar os riscos existentes, não se
iludir, ter coragem para enfrentar os desafios, mapear as dificuldades que possam
surgir. Assumir riscos não significa se aventurar, mas atuar com base em informa-
ções e planejamento;

✓✓ Persistência: agir diante dos obstáculos decididamente. Representa esforçar-se


para superar as dificuldades, experimentar alternativas para vencer os desafios,
agir com determinação e vontade de vencer, não desaminar frente aos problemas,
buscar soluções, acreditar que é possível melhorar o desempenho, e seguir no
caminho rumo às metas estabelecidas;

✓✓ Comprometimento: assumir responsabilidades e buscar fazer o melhor, esmeran-


do-se para alcançar o melhor resultado. Significa assumir compromisso por aquilo
que realiza e se esforçar para conquistar o que deseja ou aquilo que prometeu
realizar;

✓✓ Exigência de qualidade e eficiência: fazer bem feito e no tempo esperado, bus-


cando fazer além do básico e sempre atendendo a todos os requisitos solicitados,
se for o caso;

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
47

MP_fundamentacao_metodologica.indd 47 20/09/16 11:46


Atividade 4
Eixos de
Conteúdo

✓✓ Persuasão e rede de contatos: saber persuadir de formar e utilizar sua rede de


contatos atuando para desenvolver, ampliar e manter relações. Representa ter
bons argumentos, preparar-se para situações de comunicação e negociação;

✓✓ Independência e autoconfiança: representa a busca pela autonomia, a liberdade


de pensamento e não estar preso a “verdades” ou pessoas, acreditando em seu
potencial mesmo diante de dificuldades. Envolve defender seu ponto de vista,
estar consciente da necessidade de interagir com as pessoas para conquistar seus
objetivos.

Registre aqui observações sobre a sua árvore empreendedora:

48

MP_fundamentacao_metodologica.indd 48 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
49

MP_fundamentacao_metodologica.indd 49 20/09/16 11:46


Atividade 4
Eixos de
Conteúdo

50

MP_fundamentacao_metodologica.indd 50 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
51

MP_fundamentacao_metodologica.indd 51 20/09/16 11:46


Atividade 4
Eixos de
Conteúdo

52

MP_fundamentacao_metodologica.indd 52 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
53

MP_fundamentacao_metodologica.indd 53 20/09/16 11:46


ATIVIDADE

5
MP_fundamentacao_metodologica.indd 54 20/09/16 11:46
PLANO DE
DESENVOLVIMENTO
PESSOAL

MP_fundamentacao_metodologica.indd 55 20/09/16 11:46


Atividade 5
Plano de
Desenvolvimento
Pessoal


Plano de Desenvolvimento Pessoal
Reflita e responda aos questionamentos propostos, elaborando seu Plano de Desenvolvi-
mento Pessoal para atuação com Educação Empreendedora:

Nome:
Data:
PLANO DE DESENVOLVIMENTO PESSOAL
Quais meus pontos fortes como educador(a)?

E como eles podem colaborar para minha atuação com iniciativas de Educação Empreendedora?

Quais são os pontos de minha atuação como educador(a) que precisam ser fortalecidos para
minha atuação em iniciativas de Educação Empreendedora?

56

MP_fundamentacao_metodologica.indd 56 20/09/16 11:46


Plano de Ação de temas que pretendo ampliar o conhecimento e habilidades que me proponho
a fortalecer/desenvolver para alcançar resultados mais efetivos atuando com Educação
Empreendedora:

O QUE FAZER PARA FORTALECER/


TEMA/HABILIDADE PRAZO
DESENVOLVER

Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
57

MP_fundamentacao_metodologica.indd 57 20/09/16 11:46


REFERÊNCIAS

MP_fundamentacao_metodologica.indd 58 20/09/16 11:46


MP_fundamentacao_metodologica.indd 59 20/09/16 11:46
Referências

ALVES, Rubem. A formação do educador. São Paulo: Instituto Rubem Alves, 2016. Dispo-
nível em: <http://rubemalves.com.br/site/>. Acesso em: 26 fev. 2016.

DELORS, Jacques (Org.). Educação: um tesouro a descobrir. São Paulo; Brasília: Cortez;
Unesco; MEC, 1998.

FARIA, Maria H. F.; SILVA, Carlos E. S. Elementos de Educação Empreendedora no contexto


da Engenharia de Produção: a universidade estimulando novos negócios. In: SIMPÓSIO DE
ENGENHARIA DE PRODUÇÃO (SIMPEP), 13., 2006, Bauru. Anais... Bauru: Unesp, 2006.
Disponível em: <http://www.simpep.feb.unesp.br/anais/anais_13/artigos/836.pdf>. Acesso
em: 3 ago. 2015.

LOPES, Rose Mary (Org.). Educação Empreendedora: conceitos, modelos e práticas. Rio
de Janeiro; São Paulo: Elsevier; Sebrae SP, 2010.

MORIN, Edgar. Os sete saberes necessários à educação do futuro. São Paulo; Brasília:
Cortez; Unesco, 2000.

PESSOA, Eliana; GONÇALVES, Sonia M. G. Educação Empreendedora: uma abordagem


tridimensional. Revista Angrad, Rio de Janeiro, v. 7, n. 4, p. 25-42, 2006. Disponível em:
<http://extensao.fecap.br/artigoteca/Art_012.pdf>. Acesso em: 5 ago. 2015.

REVISTA EDUCAÇÃO. Aos 17 anos, Malala Yousafzai ganha prêmio Nobel da Paz. São
Paulo: Editora Segmento, 2012. Disponível em: <http://revistaeducacao.com.br/textos/0/
malala-yousafzai-ganha-premio-nobel-da-paz-327660-1.asp>. Acesso em: 7 abr. 2016.

SANTOS, Carlos A. (Org.). Pequenos negócios – desafios e perspectivas – Educação


Empreendedora. Brasília: Sebrae, 2013. v. 4.

SEBRAE – SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS. Jo-


vens Empreendedores Primeiros Passos: fundamentação metodológica. Brasília: Sebrae,
2012.

______. Referenciais educacionais do Sebrae: versão 2015. Brasília: Sebrae, 2015.

60

MP_fundamentacao_metodologica.indd 60 20/09/16 11:46


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
61

MP_fundamentacao_metodologica.indd 61 20/09/16 11:46


Anotações

62

MP_fundamentacao_metodologica.indd 62 20/09/16 11:47


Oficina
Fundamentação Metodológica
« Manual do Participante
63

MP_fundamentacao_metodologica.indd 63 20/09/16 11:47


MP_fundamentacao_metodologica.indd 64 20/09/16 11:47

Você também pode gostar