Você está na página 1de 40

UFCD 6708

REAÇÕES QUÍMICAS
E
EQUILÍBRIO DINÂMICO

Formadora Margarida Silva


Reações químicas
COMPOSTOS ORGÂNICOS E
INORGÂNICOS
 Orgânicos – constituídos essencialmente por
hidrogénio e carbono.

 Inorgânicos – constituídos por outros elementos


químicos sem ser obrigatoriamente carbono e
hidrogénio.
REAÇÃO QUÍMICA

 Reação química – transformação onde há formação


de novas substâncias com características diferentes.

Traduz-se por uma equação química.

Reagentes → Produtos da reação


ELETRÓLISE DA ÁGUA

2H2O (l) → O2 (g) + 2H2 (g)


LEI DE LAVOISIER

Antoine Laurent de Lavoisier foi um químico francês, considerado o pai


da química moderna. É reconhecido por ter enunciado o princípio da
conservação da matéria, apesar de o russo Mikhail Lomonossov tê-lo
feito 14 anos antes.
EXPERIÊNCIA LEI DE LAVOISIER
LEI DE LAVOISIER OU LEI DA
CONSERVAÇÃO DA MASSA

 No decorrer de uma reação química, a soma das


massas dos reagentes é igual à soma das massas
dos produtos da reação, ou seja, há conservação de
matéria.
ACERTO DE EQUAÇÕES QUÍMICAS
Exemplo: Eletrólise da água
Esquema de palavras
Água (l) → oxigénio (g) + hidrogénio (g)

Equação química
H2O (l) → O2 (g) + H2 (g)
ACERTO DE EQUAÇÕES QUÍMICAS

Número de átomos do lado esquerdo (2 brancos e 1 vermelho)

é diferente do

número de átomos do lado direito (2 brancos e 2 vermelhos)


Pela Lei de Lavoisier
Nº átomos do lado esquerdo (reagentes)
tem de ser igual
Nº átomos do lado direito (produtos)

Temos de acertar a equação


Combinar moléculas (aumentando o número) sem alterar as moléculas

H2O – 1 molécula de água H2O – 1 molécula de água

2H2O – 2 moléculas de água H2O2 – 1 molécula de peróxido de hidrogénio


2H2O (l) → O2 (g) + 2H2 (g)

Está
certa
ACERTO DE EQUAÇÕES QUÍMICAS
Exemplo: Reação de combustão do metano
Esquema de palavras
Metano (g) + oxigénio (g)→ dióxido de carbono (g) + água (g)
Equação química
CH4 (g) + O2 (g) → CO2 (g) + H2O (g)
ACERTO DE EQUAÇÕES QUÍMICAS

Número de átomos do lado esquerdo (4 brancos, 1 cinza e 2 vermelhos)

é diferente do

número de átomos do lado direito (2 brancos, 1 cinza e 3 vermelhos)


Pela Lei de Lavoisier
Nº átomos do lado esquerdo (reagentes)
tem de ser igual
Nº átomos do lado direito (produtos)

Temos de acertar a equação

CH4 (g) + 2O2 (g) → CO2 (g) + 2H2O (g)


EXERCÍCIOS
1. Considere as seguintes equações químicas:
a) O3 (g) → O2 (g)
b) K (s) + O2 (g) → K2O(s)
c) Ca (s) + HCl (aq) → H2 (g) + CaCl2 (aq)
d) Na (s) + H2O(l) → H2 (g) + NaHO (aq)
e) CH4 (g) + O2 (g) → CO2 (g) + H2O(g)
1.1. Acerte as equações, segundo a Lei de Lavoisier.
1.2. Escreva os esquemas de palavras de cada uma.
Aspetos quantitativos da
reação química
 Reação química - acertada

Quantidade de produto formado, a partir da


quantidade de reagentes, e vice-versa

 Principio de Avogadro
 Relaciona a quantidade de matéria com o volume;

 Uma mole de qualquer gás em CNPT, ocupa o volume de


22,4 dm3 - o volume molar é de 22,4 dm3/mol

CNPT – condições normais de pressão (1atm) e temperatura (0ºC)


 Volume molar

Relação entre as quantidades de substâncias, massas e


volumes

Volume (dm3) Volume (dm3)

Quantidade de Quantidade de
reagente (mol) produto (mol)

Massa reagente (g) Massa produto (g)


Estequiometria

Parte da química que relaciona as proporções entre


os coeficientes estequiométricos segundo os quais
se combina a matéria.

Reagente Reagente
limitante em excesso

É aquele que está em É aquele que está em


menor quantidade quantidade superior à prevista
pela proporção
Rendimento de uma reação

Reagente É este reagente que condiciona a


limitante quantidade de produto que se irá
formar

 Quantidades formadas são inferiores às previstas

 A percentagem de conversão de reagentes em

produtos chama-se de rendimento da reação


Rendimento de uma reação

 É o quociente entre a massa, o volume ou a quantidade de


substância obtida de um produto, e o valor teoricamente
esperado.

 Representa-se por ƞ e exprime-se em percentagem.


Rendimento de uma reação

 ƞ ≈ 100% - reação praticamente completa

 ƞ < 100% - reação incompleta (não se transforma

todos os reagentes em produtos)


Grau de pureza

 Geralmente em situações reais, os reagentes não são


puros, isto é, tem outras misturas de pequenas
substâncias, que se denominam impurezas.

Grau de pureza
Aspetos energéticos das
reações químicas
Universo, Sistema, Fronteira e
Vizinhança

Sistema é uma parte especifica do Universo a qual reservamos para estudo.

Fronteira - área na qual o sistema esta limitado

Vizinhança - é a região que esta além da fronteira. Nessa região


analisamos se a energia é transferida do sistema para a vizinhança ou
o contrário.

Universo
Tipo de sistemas
Aberto - pode trocar energia e matéria com a vizinhança.

Fechado - não permite a troca de matéria com a vizinhança,


Sistema somente energia.

Isolado - não permite troca de matéria e nem troca de energia


para a vizinhança.
Energia da reação
Reação química

Rutura de ligações Formação de ligações


dos reagentes dos produtos

Fornecimento de Libertação de energia


energia

Eabsorvida Elibertada
Exemplo
Síntese do ácido clorídrico

H – H + Cl – Cl → H – Cl + H – Cl
Energia absorvida Energia libertada

Sinal negativo – perdeu mais energia do que absorveu

Etotal da reação

Sinal positivo – absorve mais energia do que perde


Entalpia da reação
Reação química

Pressão constante Volume constante

Energia é igual à variação


da Entalpia (ΔH)

Mede a quantidade de calor


envolvida numa reação
Reações endotérmicas e
exotérmicas
Reação química

Absorver energia Libertar energia

Endotérmica Exotérmica

Saco térmico – Vela acesa – liberta


absorção de energia energia
Reações incompletas
Equilíbrio químico
Reação completa e incompleta

Reação química

Completa Incompleta

Pelo menos um Nenhum dos


dos reagentes reagentes se
se esgota esgota

Ex.: combustões Ex.: síntese do


amoníaco
Reação reversível
Reação reversível

Quando os produtos também reagem e se


transformam em reagentes

direta
A+B inversa
C + D
Na equação química os reagentes estão à esquerda das setas
Reação direta e os produtos à direita.

Na equação química os reagentes estão à direita das setas e


Reação inversa os produtos à esquerda.
Equilíbrio químico
Quando a velocidade da reação direta e inversa for igual atinge-se o
Equilíbrio Químico

Concentrações ficam constantes


concentração

Equilíbrio

Reagente 1
Reagente 1 e 2 → reagem entre si e vão-se
Reagente 2
consumindo

Produto → vai-se transformando em reagentes


Produto

tempo

Equilíbrio homogéneo – produtos e reagentes estão no mesmo estado físico


Constante de Equilíbrio

Equilíbrio Químico Concentrações constantes

Constante Equilíbrio (Kc)

Adimensional Só depende da
temperatura
Constante de Equilíbrio

Reação de equilíbrio aA + bB cC + dD

Situação de não-equilíbrio Quociente da reação (Q)


Relação Kc e Q

Relacionando Kc com o Q, podemos prever o sentido da reação:

Q = Kc Sistema em equilíbrio

Q > Kc Sistema não está em equilíbrio – sentido inverso

Q < Kc Sistema não está em equilíbrio – sentido direto


Valores de Kc

Valor elevado de Kc – equilíbrio está muito deslocado no sentido direto.

Valor baixo de Kc – equilíbrio está muito deslocado no sentido inverso.

Sendo que se considera os dois sentidos, também podemos formular uma


constante de equilíbrio da reação inversa Kc’.

Maior valor de Kc implica menor valor de Kc’ e


vice-versa