Você está na página 1de 40

E Todos foram

4º Trimestre
Ano 2019

Poder, Cura e Salvação


O Espírito Santo
Agindo na
Igreja em Atos
Pr. Henrique Pesch
Lição 1 - E recebereis a virtude do Espírito Santo
Lição 2 - E todos foram cheios do Espírito Santo
Lição 3 - A Cura do Coxo e seus Efeitos
Lição 4 - Ananias e Safira e a mentira ao Espírito
Santo
Lição 5 - Os discípulos são Livres da Prisão
Lição 6 - Estêvão, o Primeiro Mártir
Lição 7 - A Conversão de Saulo
Lição 8 - A Cura de Eneias e a Ressurreição
de Tabita
Lição 9 - A Conversão do Centurião e de sua
Família
Lição 10 - Pedro é Livre da Prisão
Lição 11 - A Cura de um Coxo de Nascença
Lição 12 - O Milagre que Salvou o Carcereiro
Lição 13 - O Evangelho em Éfeso
MOSTRAR a expectativa da
promessa no Pentecostes;
DESTACAR os sinais que
ocorreram no Pentecostes e que
evidenciaram que todos foram
cheios do Espírito Santo;
MOSTRAR o propósito do
Espírito Santo na vida do crente.
Atos 2.1-13
1 - Cumprindo-se o dia de Pentecostes, estavam todos
reunidos no mesmo lugar;
2 - e, de repente, veio do céu um som, como de um vento
veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que
estavam assentados.
3 - E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de
fogo, as quais pousaram sobre cada um deles.
4 - E todos foram cheios do Espírito Santo e começaram a
falar em outras línguas, conforme o Espírito Santo lhes
concedia que falassem.
5 - E em Jerusalém estavam habitando judeus, varões
religiosos, de todas as nações que estão debaixo do céu.
6 - E, correndo aquela voz, ajuntou-se uma multidão e estava
confusa, porque cada um os ouvia falar na sua própria
língua.
Atos 2.1-13
7 - E todos pasmavam e se maravilhavam, dizendo uns aos
outros: Pois quê! Não são galileus todos esses homens que
estão falando?
8 - Como pois os ouvimos, cada um, na nossa própria língua
em que somos nascidos?
9 - Partos e medos, elamitas e os que habitam na
Mesopotâmia, e Judeia, e Capadócia, e Ponto, e Ásia,
10 - e Frígia, e Panfília, Egito e partes da Líbia, junto a Cirene,
e forasteiros romanos (tanto judeus como prosélitos),
11 - e cretenses, e árabes, todos os temos ouvido em nossas
próprias línguas falar das grandezas de Deus.
12 - E todos se maravilhavam e estavam suspensos, dizendo
uns para os outros: Que quer isto dizer?
13 - E outros, zombando, diziam: Estão cheios de mosto.
"E todos foram cheios do
Espírito Santo e começaram
a falar outras línguas,
conforme o Espírito Santo
lhes concedia que
falassem."

(Atos 2.4)
Conforme havia prometido
Jesus, no dia de Pentecostes,
o Espírito Santo veio, todos
foram cheios e falaram em
novas línguas.
O dia de Pentecostes foi a confirmação de que os
discípulos seriam cheios de poder ...
A descida do Espírito Santo marcou o início de um
novo tempo em que aqueles primeiros cristãos seriam
capacitados e impelidos a levar o Evangelho.
Alguns sinais foram
experimentados
apenas naquele dia
... mas o falar em
línguas estranhas,
continua real em
nossos dias.
I – A Expectativa para a Promessa
1 – Unidos no mesmo Propósito
2 – Oração, indispensável para o cumprimento da
promessa
3 – A Imprevisibilidade da sua Chegada
II – Cheios do Espírito Santo
1 – Sinais da Presença do Espírito Santo
2 – Falando em outras Línguas
3 – Alcançando outras nações
III – O Propósito do Espírito Santo
1 – Toda pessoa Nascida de Novo tem o Espírito Santo
2 – O Batismo com o Espírito Santo como
revestimento de poder
3 – O Espírito Santo como Guia e Santificador
I – A Expectativa para a Promessa

1 – Unidos no mesmo propósito.


A partir do momento que Jesus ordenou que os
apóstolos não se ausentassem de Jerusalém, eles
permaneceram unidos ali. Há poder na Unidade.
No cenáculo, todos
estavam no mesmo
propósito, em
concordância
aguardando a
promessa do
Espírito Santo.
I – A Expectativa para a Promessa

2 – Oração, indispensável para o cumprimento


da promessa.
A Bíblia relata que aqueles homens e mulheres
"perseveraram unanimemente em oração e
súplicas" depois de ter recebido do próprio Jesus a
certeza da vinda do Espírito Santo.
I – A Expectativa para a Promessa

3 – A Imprevisibilidade da sua Chegada.


Embora aquelas pessoas aguardassem
a promessa, elas não tinham ideia de
quando ia acontecer de fato.

E, de repente, sem
aviso prévio, veio
um som do céu
“como de um vento
impetuoso"
(At 2.2).
Qual deve ser nossa atitude enquanto
aguardamos uma promessa de Deus em
nossas vidas ?
A busca contínua por Deus deve
caracterizar nosso viver enquanto
aguardamos algo da parte do Senhor.
Uma vida piedosa de oração nos dará
mais paz no período de espera.
Nossa doutrina defende a visão
cristã do Cessacionismo ou do
Continuísmo ?
II – Cheios do Espírito Santo

1 – Sinais da Presença do Espírito Santo.


Quando da descida do Espírito Santo no dia de
Pentecostes, alguns sinais sobrenaturais
aconteceram :
❶ um "som" do céu como de um vento.
❷ Depois, foram vistas "língua repartidas, como
que de fogo, as quais pousaram sobre cada um
deles" (At 2.3).
Estes sinais foram experimentados apenas
naquele dia ... mas o falar em línguas estranhas,
continua real em nossos dias.
II – Cheios do Espírito Santo

1 – Sinais da Presença do Espírito Santo.


João Batista já havia falado do batismo "com o
Espírito Santo e com fogo" (Mt 3.11).

simboliza "purificação" e
é um sinal da atuação divina.
II – Cheios do Espírito Santo

2 – Falando em outras Línguas.


A Bíblia relata que "todos foram cheios do Espírito
Santo e começaram a falar em outras línguas,
conforme o Espírito Santo lhes concedia que
falassem".

Eles não estão pregando,


mas exaltando a Deus no
poder do Espírito
naquele momento
especial.
II – Cheios do Espírito Santo

2 – Falando em outras Línguas.


As línguas foram sim um sinal de que aquele
acontecimento era divino.

Por isso, afirmamos


que o batismo no
Espírito Santo tem,
como evidência inicial,
o falar em novas
línguas.
II – Cheios do Espírito Santo

2 – Falando em outras Línguas.


Na sequencia, Pedro faz um Sermão,
onde foram salvas quase três mil almas (At 2.41)
Lembrando que não
foi a jubilosa oração
em línguas do
grupo de discípulos
que levou aquelas
pessoas ao
arrependimento,
mas a pregação
poderosa de Pedro.
II – Cheios do Espírito Santo

3 – Alcançando outras Nações.


Interessante perceber que havia naquele dia
pessoas de muitas nações, em torno de 15 regiões
do vasto Império Romano. E eles entenderam o que
fora dito em suas línguas maternas.

Aquele episódio marcou o


começo da Igreja cristã e o início
de uma obra multilíngue de
âmbito internacional que
continua até os nossos dias.
Por que ocorreram aqueles sinais no dia de
Pentecostes ?
Os sinais, no dia de
Pentecostes, demonstraram que
aquele evento se tratava de algo
divino. Quando buscamos ser
continuamente cheios
do Espírito Santo as
pessoas veem Deus
em nossas vidas.
III – O Propósito do Espírito Santo

1 – Toda Pessoa nascida de Novo


tem o Espírito Santo.
Toda pessoa que aceita a
Jesus Cristo como seu
único e suficiente
Salvador passa a ser
templo, morada do
Espírito Santo
(1 Co 6.19).
Segundo Tiago, o Espírito Santo tem ciúmes
daqueles em quem habita (Tg 4.5).
III – O Propósito do Espírito Santo

2 – O Batismo com o Espírito Santo


como revestimento de Poder.
Jesus afirma aos
seus discípulos
que eles
receberiam a
promessa do Pai
e seriam
revestidos de
poder
(Lc 24.49).
III – O Propósito do Espírito Santo

2 – O Batismo com o Espírito Santo


como revestimento de Poder.
Esse poder os ajudaria a cumprir a missão de pregar a
Palavra de Deus a todas as nações

sem a presença
visível de Cristo,
mas com a
presença invisível
do Espírito Santo
(Mt 28.18-20).
III – O Propósito do Espírito Santo

3 – O Espírito Santo como Guia e Santificador.


Em um mundo com tantas atrações, ventos de
doutrina e filosofias, como é bom saber que o Espírito
Santo, que habita em nós, nos guia àquilo que é
verdadeiro e que agrada a Deus.
“Mas aquele Consolador, o
Espírito Santo, que o Pai
enviará em meu nome, esse
vos ensinará todas as
coisas, e vos fará lembrar
de tudo quanto vos tenho
dito.” (Jo 14.26)
O que o batismo com o Espírito Santo
faz na vida crente?
O batismo com o Espírito Santo é um
revestimento de poder na vida do
crente para testemunhar o
Evangelho, e as línguas estranhas são
a evidência inicial desse batismo.
O Espírito Santo desceu para cumprir a promessa de
que seriam cheios de poder para testemunhar por
toda a terra.

Essa promessa ainda é


válida para a Igreja
hoje, pois Deus deseja
encher e capacitar
seus filhos para que
cumpram a Grande
Comissão.
Por que o livro de Atos é diferente dos demais ?
 Porque ele é o único livro que trata
especificamente do que aconteceu depois da
ascensão de Jesus.
 Ele não é um Evangelho
 Também não é uma Carta,
 É um livro histórico e ao mesmo tempo
doutrinário.
Cite um exemplo da promessa do derramamento do
Espírito Santo feita no Antigo Testamento.
O profeta Joel fala da
promessa de Deus
sobre a vinda da
virtude do Espírito
(Jl 2.28,29).
Quais as instruções de Jesus para
se cumprir a promessa?
Que eles, os discípulos, ficassem em Jerusalém.
O que os discípulos fizeram enquanto
aguardavam a promessa?
Eles ficaram em Jerusalém conforme Jesus havia
pedido e perseveraram em oração (At 1.12-14).
Por que é importante o crente buscar a virtude do
Espírito?
É importante, pois o revestimento de poder do alto
nos ajuda a sermos testemunhas de Cristo e a
realizarmos sua obra.
Lição 3 – A Cura do Coxo e Seus Efeitos
Deus Abençoe !