Você está na página 1de 35

1.

(IBFC, 2016 – Advogado) Considere as normas constitucionais


sobre o exercício do Poder Constituinte Derivado e assinale a
alternativa correta?

a) A Constituição poderá ser emendada mediante proposta de dois


terços, no mínimo, dos membros da Câmara dos Deputados ou do
Senado Federal.
b) A Constituição poderá ser emendada mediante proposta de mais da
metade das Assembleias Legislativas das unidades da Federação,
manifestando-se, cada uma delas, pela maioria relativa de seus
membros.
c) A Constituição poderá ser emendada na vigência de intervenção
federal.
d) A emenda à Constituição será promulgada exclusivamente pelo
Senado Federal, com o respectivo número de ordem.
2. (IBFC, 2015 – Advogado) Considere as características do Poder
Constituinte Originário e do Poder Constituinte Derivado e assinale a
alternativa correta.

a) A existência de cláusulas pétreas, cujas garantias não podem ser


abolidas ou diminuídas, constitui limitação material imposta ao Poder
Constituinte Derivado.
b) A impossibilidade da reapresentação de uma proposta da emenda
constitucional rejeitada, antes da sessão legislativa seguinte constitui
limitação circunstancial do exercício do Poder Constituinte Derivado.
c) O Poder Constituinte Originário deve ser exercido de forma a
conservar a ordem jurídica anterior e obedecer às regras de processo
legislativo criadas antes de sua formação.
d) Diversamente do Poder Constituinte Derivado, que é político, o
Originário é jurídico, pois apenas revela o exercício de uma
competência reformadora da ordem constitucional.
3. (IBFC, 2015 – SAEB/BA) Assinale a alternativa correta de acordo
com o tratamento doutrinário pertinente à análise da Constituição
Federal, segundo aspectos considerados relevantes.

a) O Poder Constituinte Originário serve para alterar as disposições de


um diploma constitucional.
b) O Poder Constituinte Originário serve, de forma específica, criar as
normas infraconstitucionais.
c) O Poder Constituinte Originário não representa ruptura com a
ordem constitucional anterior.
d) O Poder Constituinte Originário não encontra limitação em
qualquer fonte que não o seu próprio exercício.
e) O Poder Constituinte Originário só pode ser exercido de forma
democrática.
4. (IBFC, 2015 – SAEB/BA) Assinale a alternativa correta sobre a
regra do artigo 60, parágrafo primeiro da Constituição Federal
brasileira de 1988 e que prevê “A Constituição não poderá ser
emendada na vigência de intervenção federal, de estado de defesa ou
de estado de sítio".

a) Trata-se de limitação circunstancial imposta ao Poder Constituinte


Derivado.
b) Trata-se de limitação material imposta ao Poder Constituinte
Originário.
c) Trata-se de limitação formal e material imposta ao Poder
Constituinte Decorrente.
d) Trata-se de limitação procedimental imposta ao Poder Constituinte
Derivado pelo Poder Decorrente.
e) Trata-se de limitação formal imposta a todas as formas de Poder
Constituinte.
5. (IBFC, 2014 – PC/SE – Agente de Polícia) No que diz respeito às
emendas à Constituição, existem algumas limitações materiais e
circunstancias em que o texto constitucional não poderá ser
emendado. A respeito do tema, assinale a alternativa INCORRETA:

a) A Constituição não poderá ser emendada na vigência de


intervenção federal, de estado de defesa ou de estado de sítio.
b) A matéria constante de proposta de emenda rejeitada ou havida
por prejudicada não pode ser objeto de nova proposta na mesma
sessão legislativa.
c) A Constituição poderá ser emendada mediante proposta de mais da
metade das Assembleias Legislativas das unidades da Federação,
manifestando-se, cada uma delas, pela maioria relativa de seus
membros.
d) É vedada a proposta de emenda tendente a abolir voto direto,
secreto, obrigatório, universal e periódico.
6. (IBFC, 2014 – TJ/PR – Titular de Serviços de Notas e Registo)
Assinale a alternativa correta:

a) Somente ao Poder Constituinte Derivado é


assegurado o direito de alterar as chamadas
“cláusulas pétreas”
b) O voto direto, secreto universal e período não é
considerado “cláusula pétrea”.
c) O Poder Constituinte Decorrente ou Complementar é
aquele poder constituinte conferido aos Estados-
membros da Federação instituído e regulado pelo Poder
Constituinte Originário.
d) A Constituição Federal poderá ser emendada na vigência de estado
de sítio.
7. (IBFC, 2014 – TRE/AM – Analista Judiciário) Por “mutação
constitucional”, entende-se:

a) A inserção de emendas constitucionais no texto da Constituição.


b) A superveniência de uma nova Carta Política.
c) A nova interpretação dada à Constituição, atribuindo novos
sentidos ao seu texto.
d) O exercício do Poder Derivado Decorrente.
8. (IBFC, 2013 – PC/RJ – Oficial de Cartório) Segundo classificação
doutrinária, o poder que permite que um Estado-membro estruture a
sua própria Constituição é denominado:

a) Poder constituinte originário estadual.


b) Poder constituinte derivado decorrente.
c) Poder constituinte derivado reformador.
d) Poder constituinte derivado revisor.
e) Poder constituinte difuso.
9. (IBFC, 2013 – SEPLAG/MG) Acerca das características do Poder
Constituinte Originário, pode-se afirmar que este poder:

a) E instituído, limitado e incondicionado.


b) É inicial, limitado e condicionado
c) É inicial, autônomo e incondicionado.
d) Pode ser reformador, decorrente e revisor.
10. (IBFC, 2013 – PC/RJ - Papiloscopista) Todos os enunciados
abaixo correspondem a fundamentos da República Federativa do
Brasil, previstos no artigo 1º da Constituição Federal, exceto:

a) A Soberania.
b) A Cidadania.
c) A Dignidade da pessoa humana.
d) A Prevalência dos direitos humanos.
e) O Pluralismo político.
11. (IBFC, 2013 – PC/SE - Escrivão) Todos os enunciados abaixo
correspondem a objetivos fundamentais da República Federativa do
Brasil, previstos no artigo 3o da Carta Política, exceto:

a) Promover a cooperação entre os povos para o progresso da


humanidade.
b) Erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades
sociais e regionais.
c) Garantir o desenvolvimento nacional.
d) Promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo,
cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação
12. (IBFC, 2014 – SEPLAG MG - Gestor) NÃO é princípio,
expressamente previsto na Constituição Federal, que rege o Brasil nas
suas relações internacionais a__________________. Assinale a alternativa
que completa corretamente a lacuna

a) Dignidade da pessoa humana.


b) Não-intervenção
c) Defesa da paz.
d) Concessão de asilo político
13. (IBFC, 2014 – TRE/AM - Analista) Acerca da organização e
estrutura do Estado, assinale a alternativa CORRETA:

a) O Brasil adotou como sistema de governo a República, o


presidencialismo como forma de governo e a Federação como forma
de Estado
b) O Brasil adotou como forma de governo a Monarquia, o
parlamentarismo como sistema de govemo e a Federação como forma
de Estado.
c) O Brasil adotou como forma de Estado a República, o
presidencialismo como forma de governo e a Federação como forma
de governo.
d) O Brasil adotou como forma de governo a República, o
presidencialismo como sistema de govemo e a Federação como forma
de Estado.
14. (IBFC, 2014 – TRE/AM - Analista) Assinale a alternativa que NÃO
apresenta princípio que rege as relações internacionais da República
Federativa do Brasil:

a) Prevalência dos direitos humanos.


b) Repúdio ao terrorismo e ao racismo.
c) Garantir o desenvolvimento nacional.
d) Cooperação entre os povos para o progresso da humanidade.
15. (IBFC, 2013 – MPE/SP - Analista) Constituem objetivos
fundamentais da República Federativa do Brasil, EXCETO:

a) Garantir o desenvolvimento nacional.


b) Erradicar a pobreza e a marginalização
c) Reduzir as desigualdades sociais e regionais.
d) Construir uma sociedade livre, justa e solidária.
e) Formar de uma comunidade latino-americana de nações.
16. (IBFC, 2016 – TCM/RJ - Técnico) No tocante aos Direitos e
Garantias Fundamentais a Constituição Federal de 1988 estabelece
que “todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer
natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes
no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à
segurança e à propriedade” e passa a elencar direitos e garantias
fundamentais. Assinale a alternativa que NÃO corresponde a uma
dessas prerrogativas.
a) Nenhuma pena passará da pessoa do condenado, podendo a
obrigação de reparar o dano e a decretação do perdimento de bens
ser, nos termos da lei, estendidas aos sucessores e contra eles
executadas, até a reparação total da obrigação
b) Todos podem reunir-se pacificamente, sem armas, em locais
abertos ao público, independentemente de autorização, desde que não
frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local,
sendo apenas exigido prévio aviso à autoridade competente
c) A sucessão de bens de estrangeiros situados no País será regulada
pela lei brasileira em benefício do cônjuge ou dos filhos brasileiros,
sempre que não lhes seja mais favorável a lei pessoal do "de cujus"
d) Nenhum brasileiro será extraditado, salvo o naturalizado, em caso
de crime comum, praticado antes da naturalização, ou de comprovado
envolvimento em tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, na
forma da lei
17. (IBFC, 2015 – EMBASA - Assistente) Assinale a alternativa
correta considerando as disposições da Constituição Federal quanto
aos direitos e garantias fundamentais.
a) A casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo
penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante
delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por
determinação judicial.
b) É assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo ou,
subsidiariamente, a indenização por dano material, moral ou à
imagem.
c) É assegurada, nos termos da lei, a prestação de assistência religiosa
nas entidades civis de internação coletiva, inexistindo tal garantia nas
entidades militares.
d) É inviolável o sigilo da correspondência e das comunicações
telegráficas, de dados e das comunicações telefônicas, salvo, em todos
os casos, por ordem judicial, nas hipóteses e na forma que a lei
estabelecer para fins de investigação criminal ou instrução processual
penal.
18. (IBFC, 2015 – SAEB/BA – Técnico) Assinale a alternativa correta
com base nas disposições da Constituição Federal sobre os direitos e
garantias fundamentais.

a)A casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo


penetrar sem consentimento do morador, salvo, a qualquer hora, por
determinação judicial.
b) É plena a liberdade de associação de caráter paramilitar.
c)As entidades associativas, ainda que expressamente autorizadas,
não têm legitimidade para representar seus filiados judicialmente.
d)No caso de iminente perigo público, a autoridade competente
poderá usar de propriedade particular, assegurada ao proprietário
indenização anterior, independentemente da ocorrência de dano.
e)A lei assegurará aos autores de inventos industriais privilégio
temporário para sua utilização.
19. (IBFC, 2014 – PC/SE – Escrivão) A Constituição Federal, no
capítulo “Dos Direitos e das garantias individuais”, veda alguns tipos
de pena. Assinale a alternativa em que a pena descrita NÃO é vedada
pelo texto constitucional:

a) Pena de banimento
b) Pena de trabalhos forçados.
c) Pena de caráter perpétuo
d) Pena de perda de bens.
20. (IBFC, 2014 – SEDS MG – Agente Penitenciário) Segundo a
disciplina dos direitos individuais da Constituição Federal, a lei:
a) Regulará a individualização da pena e
adotará, entre outras, a prestação social
alternativa.
b) Regulamentará as hipóteses nas quais o Poder
Judiciário poderá deixar de apreciar lesão ou
ameaça a direito.
c) Penal não admitirá nenhuma hipótese de
retroatividade.
d) Estabelecerá o procedimento para desapropriação
por necessidade ou utilidade social, mediante
adequada e prévia indenização, que se dará
através de precatório.
21. (IBFC, 2014 – TRE/AM – Analista) Assinale a alternativa
INCORRETA:
a) A prática do racismo constitui crime inafiançável e imprescritível,
sujeito à pena de reclusão, nos termos da lei.
b) A lei considerará crimes inafiançáveis e insuscetíveis de graça ou
anistia a prática da tortura, o tráfico ilícito de entorpecentes e drogas
afins, o terrorismo e os definidos como crimes hediondos, por eles
respondendo os mandantes, os executores e os que, podendo evitá-los,
se omitirem.
c) Não haverá pena de morte, salvo em caso de guerra declarada pelo
Presidente da República, no caso de agressão estrangeira, quando
autorizado pelo Congresso Nacional ou referendado por ele, quando
ocorrida no intervalo das sessões legislativas.
d) É assegurado aos presos o respeito à integridade física e moral e a
todos os demais direitos e garantias individuais.
22. (IBFC, 2012 – INEP – Pesquisador) Acerca dos direitos e
garantias fundamentais, assinale a alternativa INCORRETA.
a) É livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato.
b) Ninguém poderá ser compelido a associar-se ou a permanecer
associado.
c) Os direitos e garantias expressos na Constituição Federal não
excluem outros decorrentes do regime e dos princípios por ela
adotados, ou dos tratados internacionais em que a República
Federativa do Brasil seja parte.
d) As normas definidoras dos direitos e garantias fundamentais têm
aplicação imediata, isto é, são dotadas de todos os meios e elementos
necessários à sua pronta incidência aos fatos, situações, condutas ou
comportamentos que elas regulam.
e) Ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou
de convicção filosófica ou política, tampouco será obrigado a cumprir
prestação alternativa, desde que invoque suas crenças ou convicções
em razão da liberdade de consciência.
23. (IBFC, 2011 – MPE/SP – Oficial) Com suporte nos direitos e
garantias individuais previstos na Constituição Federal, analise as
assertivas a seguir:

I. A inviolabilidade do domicílio é garantia constitucional absoluta,


admitindo-se, como exceção, o acesso às dependências da casa alheia
apenas nos casos de desastre ou para prestar socorro.
II. A cobrança de taxas de pedágio para circulação em rodovias
estaduais ou federais viola a garantia constitucional de liberdade de
locomoção no território nacional.
III. O direito de petição aos órgãos públicos é assegurado pela
Constituição Federal, não podendo seu exercício ser condicionado ao
pagamento de taxas.
IV. Por expressa previsão constitucional, não há crime ou pena sem lei
anterior que os defina.
Assinale a alternativa correta:

a) Apenas os itens I e IV estão corretos.


b) Apenas os itens II e III estão corretos.
c) Apenas os itens I e III estão corretos.
d) Apenas os itens III e IV estão corretos.
24. (VUNESP, 2017 – TJM/SP – Escrevente Técnico Judiciário)
Quanto ao habeas corpus, assinale a alternativa correta.

a) É gratuito.
b) É cabível em relação a qualquer punição disciplinar militar.
c) Concede-se para proteger direito líquido e certo.
d) Assegura o conhecimento de informações pessoais.
e) Exige sigilo processual.
25. (VUNESP, 2017 – TJM/SP – Escrevente Técnico Judiciário)
Conceder-se-á mandado de injunção sempre que:
a) a falta total ou parcial de norma regulamentadora torne
inviável o exercício dos direitos e liberdades constitucionais.
b) alguém sofrer ou se achar ameaçado de sofrer violência ou
coação em sua liberdade de locomoção, por ilegalidade ou abuso
de poder.
c) qualquer cidadão pleitear a anulação ou a declaração de
nulidade de atos lesivos ao patrimônio público, por falta de
norma regulamentadora.
d) a falta de legislação, total ou parcial, atingir direito líquido e
certo reconhecido pela Constituição Federal.
e) haja efetiva ameaça a direitos individuais ou coletivos por ato
ou omissão de autoridade pública no exercício de atribuições do
poder público.
26. (VUNESP, 2016 – Prefeitura de Alumínio – Procurador
Jurídico) No que se refere aos direitos e garantias individuais, é
correto afirmar que constitui crime inafiançável e imprescritível
a prática de:

a) tráfico internacional de drogas.


b) racismo.
c) tortura.
d) crimes definidos como hediondos.
e) crimes praticados contra a Administração Pública que
importem em atos de improbidade administrativa..
27. (VUNESP, 2016 – Prefeitura de São Paulo, Analista
Fiscal de Serviços) Considerando o que estabelece a
Constituição Federal a respeito dos Direitos e Garantias
Fundamentais, é correto afirmar que:

a) todos podem reunir-se pacificamente, sem armas, em locais


abertos ao público, desde que não frustrem outra reunião
anteriormente convocada para o mesmo local, sendo, todavia,
exigida a prévia autorização da autoridade competente.
b) a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela
podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em
caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro,
ou, durante a noite, por determinação judicial.
c) no caso de iminente perigo público, a autoridade
competente poderá usar de propriedade particular, não
cabendo, neste caso, qualquer tipo de indenização ao
proprietário, mesmo se houver dano.
d) as associações só poderão ser compulsoriamente
dissolvidas ou ter suas atividades suspensas por decisão
judicial, exigindo-se, no primeiro caso, o trânsito em julgado.
e) é assegurado a todos o acesso à informação e resguardado
o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional,
exceto nas hipóteses previstas em lei federal.
28. (VUNESP, 2016 – TJ/SP, Titular de Serviços de Notas e
de Registros) Sobre os direitos fundamentais, é correto
afirmar que:

a) podem ser suprimidos, desde que se faça por emenda


constitucional, aprovada em dois turnos em cada casa do
Congresso Nacional, exigindo-se o quórum qualificado de três
quintos.
b) se estendem exclusivamente aos brasileiros e estrangeiros
residentes no Brasil.
c) são previstos exaustivamente na Constituição da República.
d) as normas que os definem têm aplicação imediata.
29. (VUNESP, 2016 – TJ/SP, Titular de Serviços de Notas e
de Registros) A duração razoável do processo:

a) é garantia fundamental prevista na Constituição Federal,


aplica-se no âmbito judicial e administrativo, e tem aplicação
imediata.
b) é garantia fundamental prevista na Constituição Federal,
aplica-se apenas no âmbito judicial, e tem aplicação imediata.
c) não é garantia fundamental prevista na Constituição
Federal, aplica-se no âmbito judicial e administrativo, e tem
aplicação imediata.
d) é garantia fundamental prevista na Constituição Federal,
aplica-se apenas no âmbito judicial, e não tem aplicação
imediata.
30. (FCC, 2016 – PGE/MT) No que concerne aos direitos e
deveres individuais e coletivos estendidos aos brasileiros e aos
estrangeiros residentes no país, a Constituição Federal
estabelece que:

a) a criação de associações e, na forma de lei, a de cooperativas


dependem apenas de autorização, sendo vedada a
interferência estatal em seu funcionamento.
b) as associações só poderão ser compulsoriamente
dissolvidas ou ter suas atividades suspensas por decisão
judicial, exigindo-se, no primeiro caso, o trânsito em julgado.
c) as entidades associativas têm legitimidade para representar
seus filiados judicialmente, mas não extrajudicialmente.
d) no caso de iminente perigo público, a autoridade
competente poderá usar de propriedade particular mediante
justa e prévia indenização em dinheiro.
e) a pequena propriedade rural, assim definida em lei, poderá
ser objeto de penhora apenas para pagamento de débitos
decorrentes de sua atividade produtiva.