Você está na página 1de 23

Atividade 1: Todo início de aula: “Como vai você”

O brincar:
1. As crianças em pé, formam um círculo;
2. Cantam e dançam conforme sugere a letra da música;
3. As crianças trocam de par e continuam cantando, dançando e
trocando de par até cumprimentarem todos os amigos.
Objetivos:
- ter momentos agradáveis no período de início da aula;
- vivenciar um clima de amizade e companheirismo por meio de
brincadeiras;
- desenvolver a atenção e concentração;

Atividade 2- “Ordem e comando”


Material: 1 instrumento que produza som grave ( ex. tambor) e 1
instrumento que produza som agudo (ex. guizo).
O brincar:
1. As crianças ficam em pé
2. Ao som grave: abaixam
3. Ao som agudo: ficam em pé
O professor comanda a brincadeira e depois pode passar para outro
aluno fazer os sons.
Objetivos:
- desenvolver a atenção;
- diferenciar timbres;
identificar sons

Atividade 3- “Passa- passa” – Música- Engatinhando- Palavra


Cantada
Material: Grupo de amigos e um objeto, de preferência uma bola.
O brincar: Um mestre vai inventando maneiras de passar a bola, e
assim todos vão repetindo.
Objetivos:
- estimular a atenção
- trabalhar a pulsação da música
- interação

Atividade 4:"Brincadeira dos Timbres"


Material:
-6 ou mais folhas de sulfite com um instrumento desenhado em cada
uma.
-1 cd com os sons dos mesmos instrumentos.
Exemplos:

O brincar:
Coloque as folhas de sulfite lado a lado.
Se a classe for muito grande, separe grupos com 5 alunos. ( se a
classe for pequena, dá pra fazer com todos). Organize qual grupo irá
começar a brincadeira e diga que o restante terá que se comportar,
caso contrário não participará do jogo.
Faça uma fila indiana com o grupo que começar ( ou com a classe
toda,se for pequena) e os posicione no meio dos instrumentos.
O professor comandará a brincadeira, ligando o som no instrumento
de sua preferência. O grupo deve ouvir atentamente e correr para o
desenho respectivo ao som, sempre em fila. Se alguma criança não
correr junto do grupo, ficar parada ou errar , o grupo sai e dando
lugar a outro.
O professor poderá trocar de instrumentos quando quiser, para que
não se repitam os timbres.
Poderá haver vários ganhadores!

Objetivos:
- Trabalhar os timbres de cada instrumento;
- estimular a concentração;
- atenção;
- Conhecer os instrumentos;
Atividade 5 “BONECO DE PAU”
(folclore brasileiro)

O brincar:
1. Contar a melodia gesticulando conforme sugere a letra.
3. Demonstrar quais os sons que podemos fazer com as mãos e os
pés.

Objetivos:
Levar a criança a:
- resgatar a música folclórica;
- utilizar a música como recurso para o desenvolvimento da
coordenação fina;
- interpretar melodias;
- estimular a memória musical;

Relaxamento para finalizar a aula: Imitar o nascimento de uma


plantinha a partir da semente, assim, alongar todas as partes do
corpo.

_______________________________________________________
___

Atividade 1: Todo início de aula: “Dar um abraço” Música: Sai


Piaba
O brincar:
1. As crianças em pé, formam um círculo;
2. Cantam e dançam conforme sugere a letra da música;
3. No final se abraçam;
4. As crianças trocam de par e continuam cantando,
dançando e trocando de par até abraçarem todos os amigos.
Objetivos: Levar a criança a:
 ter momentos agradáveis no período de início da aula;
 vivenciar um clima de amizade e companheirismo por meio de
brincadeiras;
 desenvolver a atenção e concentração;
 interagir e socializar-se.
Atividade 2 : “Telefone sem fio sonoro”
Material: 1 instrumento de percussão.

O brincar:
1. As crianças sentadas formam um círculo;
2. O professor pode começar para que aprendam a
brincadeira, tocando uma célula rítmica com o instrumento.
3. Depois de tocar, ele entrega o instrumento ao aluno ao
lado, que precisa tocar o mesmo rítmo.
4. Todos da roda precisam fazer a célula rítmica.
5. Após todos terem tocado, o aluno que está ao lado do
professor inventa outro ritmo, e assim sussessivamente, até
que todos toquem e inventem seus rítmos.
Objetivos:
 desenvolver a atenção e a destreza de raciocínio;
 estimular a criatividade e a coordenação motora;
 desenvolver a concentração.
Atividade 3- “Ordem e comando”

Material: 1 instrumento que produza som grave ( ex. tambor) e 1


instrumento que produza som agudo (ex. guizo).

O brincar:
1. As crianças ficam em pé
2. Ao som grave: abaixam
3. Ao som agudo: ficam em pé
O professor comanda a brincadeira e depois pode passar para outro
aluno fazer os sons.

Objetivos:
 desenvolver a atenção;
 diferenciar timbres;
 identificar sons;
Atividade 4- “Que som é este?”

Material:
- 3 ou mais objetos que façam barulho, como: sino, buzina de
bicicleta, boneco de borracha, ou instrumentos de percussão como
ganzá, pandeiro, chocalho etc
 um cobertor ou um tecido de TNT grande e preto.
O brincar:
1. Coloque no chão, de 3 a 5 objetos sonoros em fila;
2. Esconda os objetos atrás do cobertor ou do tecido para
que as crianças não os vejam;
3. As crianças devem se sentar no chão e em frente ao
cobertor;
1. Retire o cobertor e faça um som usando cada um dos
objetos, para que se familiarizem com os sons.
2. Cubra-os novamente, e faça um som com apenas um dos
objetos, pedindo para que as crianças descubram qual é o
objeto que produz aquele som;
3. Felicite-as sempre que conseguirem descobrir.
Objetivos:
- estimular e enriquecer a capacidade auditiva da criança;
- desenvolver a concentração.

Atividade 5- “Passa- passa” – Música- Engatinhando- Palavra


Cantada

Material: Grupo de amigos e um objeto, de preferência uma bola.

O brincar: Um mestre vai inventando maneiras de passar a bola, e


assim todos vão repetindo.

Objetivos:
- estimular a atenção
- trabalhar a pulsação da música
- interação

Relaxamento para finalizar a aula: Imitar o nascimento de uma


plantinha a partir da semente, assim, alongar todas as partes do
corpo.

PLANOS DE AULA - Musicalização Infantil


Educação Infantil e 1°ano fundamental I
Prof. Marcos L Souza
AULA 1: Barulhinho do “TUM TUM” Adptação da música do professor “ Marcelo Serralva”
O brincar:
1. As crianças em pé, formam um círculo;
2. Cantam e dançam conforme sugere a letra da música;
3. Quando cantarem “TUM TUM” todos devem batem palmas. Quando cantarem “TAM TAM”
todos devem bater as mãos nos joelhos.
4. Na segunda vez canta-se a música com a pulsação ritmica cada vez mais acelerada e em vez de
“TUM TUM” (mãos) começa-se com “TAM TAM”(Joelhos)
Objetivos:
- Ter momentos agradáveis no período de início da aula;
- Vivenciar um clima de amizade e companheirismo por meio de brincadeiras;
- Desenvolver a atenção e concentração;
- Desenvolver a percpção rítmica.
AULA 2: “Ordem e comando”
Material: 1 instrumento que produza som grave (ex. tambor) e 1 instrumento que produza som agudo
(ex. guizo).
O brincar:
1. As crianças ficam em pé
2. Ao som grave: abaixam
3. Ao som agudo: ficam em pé
O professor comanda a brincadeira e depois pode passar para outro aluno fazer os sons.
Objetivos:
- desenvolver a atenção;
- diferenciar timbres;
Identificar sons
AULA 3: “Passa- passa” – Música- Engatinhando- Palavra Cantada
Material: Grupo de amigos e um objeto, de preferência uma bola.
O brincar: Um mestre vai inventando maneiras de passar a bola, e assim todos vão repetindo.
Objetivos:
- estimular a atenção
- trabalhar a pulsação da música
- interação
AULA 4: “ Advinhe o instrumento”
Material:
-Vários instrumentos sonoros com diferentes timbres
- Uma caixa de papelão grande para se esconder os instrumentos.
- Um pedaço de pano que tampe os olhos dificultando a visão do aluno.
O brincar:
O professor escolherá um aluno para ir à frente e sem que ele veja os instrumentos, tentará advinhar
o nome de cada um quando o professor tocar. Obs (O aluno deve ficar de costas para os instrumentos
e para o professor com os olhos vendados)
Objetivos:
- Trabalhar os timbres de cada instrumento;
- Trabalhar aaudição.
- estimular a concentração;
- atenção;
- Conhecer os instrumenos
AULA 5: “Se vc está contente”
https://www.youtube.com/watch?v=Pabt0QBlXaM
O brincar:
1. Contar a melodia gesticulando conforme sugere a letra.
2. Demonstrar quais os sons que podemos fazer com as mãos e os pés.
Objetivos:
Levar a criança a:
- resgatar a música folclórica;
- utilizar a música como recurso para o desenvolvimento da coordenação fina;
- interpretar melodias;
- estimular a memória musical;
Relaxamento para finalizar a aula: Imitar o nascimento de uma plantinha a partir da semente, assim,
alongar todas as partes do corpo.
AULA 6: Música “Cabeça, ombro, joelho e pé”
O brincar:
1. As crianças em pé, formam um círculo;
2. Cantam e dançam conforme sugere a letra da música;
3. Para marcar o tempo forte podem-se utilizar instrumentos de percussão.
Objetivos: Levar a criança a:
• Ter momentos agradáveis no período de início da aula;
• Vivenciar um clima de amizade e companheirismo por meio de brincadeiras;
• Desenvolver a atenção e concentração;
• Interagir e socializar-se.
AULA 7 : “Telefone sem fio sonoro”
Material: 1 instrumento de percussão.
O brincar:
1. As crianças sentadas formam um círculo;
2. O professor pode começar para que aprendam a brincadeira, tocando uma célula rítmica com o
instrumento.
3. Depois de tocar, ele entrega o instrumento ao aluno ao lado, que precisa tocar o mesmo ritmo.
4. Todos da roda precisam fazer a célula rítmica.
5. Após todos terem tocado, o aluno que está ao lado do professor inventa outro ritmo, e assim
sucessivamente, até que todos toquem e inventem seus ritmos.
Objetivos:
• Desenvolver a atenção e a destreza de raciocínio;
• Estimular a criatividade e a coordenação motora;
• Desenvolver a concentração.
AULA 8: “Que som é este?”
Material:
- 3 ou mais objetos que façam barulho, como: sino, buzina de bicicleta, boneco de borracha, ou
instrumentos de percussão como ganzá, pandeiro, chocalho etc
• um cobertor ou um tecido de TNT grande e preto.
O brincar:
1. Coloque no chão, de 3 a 5 objetos sonoros em fila;
2. Esconda os objetos atrás do cobertor ou do tecido para que as crianças não os vejam;
3. As crianças devem se sentar no chão e em frente ao cobertor;
1. Retire o cobertor e faça um som usando cada um dos objetos, para que se familiarizem com os
sons.
2. Cubra-os novamente, e faça um som com apenas um dos objetos, pedindo para que as crianças
descubram qual é o objeto que produz aquele som;
3. Felicite-as sempre que conseguirem descobrir.
Objetivos:
- estimular e enriquecer a capacidade auditiva da criança;
- desenvolver a concentração.
AULA 9: Percepção auditiva(sons/ruídos).
Escurecer a sala apagar as luzes e fechar as cortinas.
Deitar no chão (utilizando colchonetes ou tapete) e ouvir diferentes sons/ruídos (Cd para
relaxamento).
Barulho de água/cachoeira
Canto dos pássaros
Assovios....
Após essa atividade, conversar na rodinha a sobre os diversos sons que podemos ouvir no ambiente.
Pessoas conversando
Barulhinhos de vasilhas na cozinha
Galo cantando no quintal do vizinho
Cachorro latindo
Telefone tocando.
Criança gritando....
O ambiente possui vários tipos de ruídos, alguns são agradáveis e outros desagradáveis ao nosso
ouvido.
Brincadeiras de roda. Brincar de corre cutia.
AULA 10: História cantada.
DICA: Materiais das professoras ( Elvira Drummond e Débora Bardoni)
Material:
- Livros e instrumentos sonoros.
- fantoches
O brincar:
1 Separe alguns alunos para fazerem parte da orquestra sonora;
2 Escolha uma história bem legal e divertida.
3 As crianças devem se sentar no chão e formarem uma roda.
4. A medida que a história for se desenrolando utilize a orquestra sonora para os efeitos da história.
Objetivos:
- estimular e enriquecer a capacidade auditiva da criança;
- desenvolver a concentração.
- Desenvolver a criatividade.
AULA 11: Bingo Musical
Material:
- Um cartaz com vários instrumentos musicais
- Áudio de todos os instrumentos propostos no bingo musical .
O brincar:
1 Coloque o cartaz visível no quadro ou lousa.
2 Escolha os participantes ( Meninos e Meninas )
3 De acordo com o som o áudio , a criança deve ser capaz de apontar no cartaz que instrumento
musical pertence aquele som.
4 Ganha a turma ou grupo que acertar mais sons, mesmo não sabendo os nomes dos instrumentos
musicais, pode-se apenas aponta-los no cartaz.
Objetivos:
- estimular e enriquecer a capacidade auditiva da criança;
- desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais.
AULA 12: Estátua Musical
Material:
- Músicas com ritmos diferentes e bem alegres.
O brincar:
1 – Quando a música parar de tocar, cada criança deverá ficar imóvel imitando um instrumento
imaginário por alguns segundos.
2 – Quanto ao som e a música fica a cargo do professor.
3 - No final de cada música o professor pode enfatizar os melhores dubladores e as melhores
performances falando um pouco sobre curiosidades quanto à imaginação das crianças.
Objetivos:
- Estimular a atenção
- Trabalhar a pulsação da música
- Interação
- Desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais.
AULA 13: Desenho sonoro
Material:
- Lousa e pincéis coloridos.
O brincar:
1 Escolha das músicas
2 Escolha os participantes ( Meninos e Meninas)
3 Desenhe 3 ou mais retângulos grandes na lousa e cada criança irá ouvir a música proposta pelo
professor e tentará interpretar a música em forma de desenhos, cada retângulo para uma música.
4
Objetivos:
- Desenvolver a Criatividade e a percepção musical.
- Nesta atividade se trabalha o conceito de paisagem sonora, criação coletiva e partitura adaptada;
segundo as ideias do educador musical Murray Schafer.
- desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais.
AULA 14: Maestro
Material:
- Instrumentos musicais de percussão (Claves, chocalhos, pandeiros, tambores)
- Áudio de músicas (Cantigas de Roda)
O brincar:
1 – O professor faz o sorteio de quem será o maestro.
2 – A criança sorteada vai pra frente e escolhe um instrumento d percussão que desejar.
3 – A criança que fará o papel do maestro, conta a pulsação e faz o ritmo e todas na sala de aula
devem que acompanhar o maestro.
4 – Pode ser utilizado áudios sonoros em que o maestro cante junto e marque a pulsação rítmica para
os demais seguirem.
Objetivos:
- Estimular a atenção
- Trabalhar a pulsação ritmica.
- Interação
- Desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais.
AULA 15: Futebol musical
Material:
- Um pano colorido grande quadrada, redonda ou retangular com um furo em cada lado.
- Uma bola de pano, papel, feltro, plástico.
- Áudio de músicas (Cantigas de Roda)
O brincar:
1 – O professor forma os times
2 – As crianças sorteadas seguram o pano grande sendo que em cada ponta onde estão os furos um
dos participantes deve fazer a vez do goleiro.
3 – O goleiro não deve permitir que a bola caia no buraco enquanto a música estiver tocando.
4 – Quando a música parar, todos param de jogar. Ganha o time que conseguir maior pontuação.
Objetivos:
- Trabalhar a pulsação ritmica.
- Interação
- Desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais.
AULA 16 : “Atividades rítmicas com copos”
Material:
- Copos de plásticos coloridos
- Áudio de músicas (Cantigas de Roda)
-
O brincar:
1 – O professor forma a simetria da rítmica a ser seguida utilizando figuras musicais simples como
semínima e pausa da semínima.
2 – As crianças deveram fazer em sequencia o ditado musical proposto pelo professor utilizando os
copos.
3 – No quadro o professor vai elaborando vários ditados musicais.
4 – No final, o professor juntamente com os alunos tentam encaixar algum ditado rítmico em uma
canção escolhida por todos.
Objetivos:
- Trabalhar a pulsação ritmica.
- Interação
- Desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais.
AULA 17: “Prática de conjunto”
Material:
- Para esta atividade utilizam-se vários instrumentos de percussão de diferentes timbres.
-
O brincar:
1 – O professor escolhe as músicas a serem trabalhadas em estilos musicais como (Baião, Samba,
Valsa, Marchinha) e então trabalha com sua orquestra de percussão dividindo os instrumentos de
acordo com sua sonoridade e timbre. (Graves e Agudos)
2 – As crianças deveram tocar parte da música em que o professor orientar, marcando o tempo forte
e o fraco.
3 – No quadro o professor vai elaborando as divisões.
4 – No final todos tocam em conjunto alguma peça musical.
Objetivos:
- Trabalhar a pulsação ritmica.
- Interação
- Desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais.
AULA 18: Percepção de Ritmo “Claves”
Material:
- Nesta aula em especial o professor utilizará claves.
-
O brincar:
1 – O professor escolhe as músicas a serem trabalhadas em estilos musicais como (Baião, Samba,
Valsa, Marchinha) e então trabalha com as claves executando desenhos sonoros em que as crianças
devem copiar. Enfatizar os sons (Forte e fraco) (Alto e Baixo)
2 – As crianças deveram tocar parte da música em que o professor orientar, marcando o tempo forte
e o fraco.
3 – No quadro o professor vai elaborando as divisões.
4 – No final todos tocam em conjunto alguma peça musical.
Objetivos:
- Trabalhar a pulsação ritmica.
- Interação
- Desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais.
AULA 19 : “As propriedades do som”
Material:
- Cada criança irá trazer para esta aula algum instrumento musical que tenha eu sua casa.

O brincar:
1 – Cada criança escolhida pelo professor irá a frente da sala mostrar e falar sobre aquele
instrumento musical proposto.
2 – Em seguida a criança deve tocar o instrumento musical que ela trouxe.
Objetivos:
- Trabalhar a pulsação ritmica.
- Interação
- Desenvolver a concentração.
- Desenvolver percepção sonora.
- Aprender sobre os instrumentos musicais
- trabalhar sonoridade (Diferentes sons) .
AULA 20: “Reciclar e Tocar”
Material:
- Garrafas pet, garrafinhas de plástico, tampinhas pet etc.
- Fitas coloridas e cola

O brincar:
1 – Cada aluno deverá levar seu material (Garrafinha pet, fita e cola) para sala de aula.
2 – Em seguida o professor coordenará a aula para a confecção dos instrumentos musicais.
3 – No final cada turma pode fazer uma exposição dos instrumentos fabricados em sala de
aulaObjetivos:
- Trabalhar a criatividade
- Interação
- Desenvolver a concentração.
- Aprender sobre os instrumentos musicais
- trabalhar sonoridade (Diferentes sons).
AULA 21: Labirinto Musical - Parâmetros Sonoros
Material:
- Óculos de mergulho
- fita adesiva escura
- Instrumentos de percussão de várias intensidades sonoras.

O brincar:
1 – O Professor escolhe os participantes em forma de duplas sendo que, um irá colocar o óculos e o
outro irá se posicionar em sala de aula para poder tocar o instrumento escolhido pelo professor.
2 – Em seguida o Professor irá formar em sala de aula labirintos com as carteiras com algumas
saídas.
3 – Em seguida o aluno que está com o óculos irá se posicionar dentro do labirinto e o outro aluno
em algum ponto da sala irá tocar o instrumento sonoro para o de óculos guiado apenas pela audição
consiga identificar o som e achar a saída do labirinto.
Objetivos:
- Trabalhar os parâmetros Sonoros
- Interação
- Desenvolver a concentração.
AULA 22: Batata quente - Parâmetros Sonoros
3 a 5 anos
Objetivos: Trabalhar concentração
Desenvolver a coordenação
motora
Trabalhar a interpretação auditiva
Trabalhar a socialização
Pegue uma garrafa plástica pequena coloque alguns grãos ou sementes dentro da garrafa e feche
muito bem ela será a batata quente.
Escolha um aluno para ser o investigador do som, coloque-o de costas para o grupo, ele devera dizer:
Batata quente por alguns segundos e depois dizer queimou!
O investigador não pode se virar deverá ficar o tempo todo de costas para o grupo, quando ele disser
queimou ,Quem estiver a garrafa deverá formar uma parede com os colegas. Todos deverão colocar
as mãos para traz para dar a impressão que estão tocando, e tentar enganar o investigador.
O investigador ao virar de frente, devera descobrir quem esta com a batata quente, Ele terá direito a
duas chances. O professor pedirá ao aluno que pegou a garrafa para chacoalhá-la duas vezes. Se ele
acertar ira escolher o próximo investigador se errar o próximo investigador será aquele que esta com
a garrafa.
Obs. Procure administrar esse jogo de uma forma que todos possam participar, pois sempre tem
aquele aluno mais esperto, que pode levar vantagem sobre os outros e participar mais.

Projeto Brincando com Música


“O Quebra-nozes”

Justificativa
A brincadeira e o faz de conta têm fundamental importância no desenvolvimento das
crianças. Por meio de atividades lúdicas, prazerosas e que explorem a imaginação e a
criatividade, elas crescem, aprendem e passam a compreender o meio que as cerca.
Neste projeto, a proposta é desenvolver atividades musicais com base na história O
Quebra-nozes. Originalmente escrita por E. T. A. Hoffmann, em 1816, com o título O
Quebra-nozes e o Rei dos ratos, essa história é conhecida mundialmente como um
espetáculo clássico de balé de Natal, dançado ao som das composições de P. I.
Tchaikovsky.

Objetivos
 Ampliar o repertório musical dos alunos aproximando a música erudita de suas vivências
cotidianas.
 Introduzir, de maneira lúdica, elementos e conceitos da linguagem musical.
 Proporcionar diferentes possibilidades de exploração dos sons.
 Favorecer a imaginação e a criação por meio de atividades que englobem elementos
musicais e movimentos corporais.

Conteúdos
 Propriedades do som: altura, intensidade, timbre e duração.
 Pulsação.
 Ritmo.
 Instrumentos da orquestra.

Materiais necessários
Sala ampla com pouco mobiliário, que permita a disposição dos alunos em círculo e
favoreça a circulação de todos pelo espaço; CD com gravação da suíte O Quebra-
nozes (P. I. Tchaikovsky); instrumentos de percussão de acordo com o número de
alunos (exemplo: tambor, chocalho, triângulo, clavas, cocos, apitos, maracás etc.);
papel-cartão, canetas hidrocor, lápis de cor, giz de cera, tesouras; palitos de sorvete;
pares de baquetas, de clavas ou hashis1, de acordo com o número de alunos; fotografias
ou imagens de instrumentos de orquestra; computador com acesso à internet.
Número de aulas: Sete, com duração de 40 minutos cada.

Aula 1

Apresentação da história

Nesta aula, apresente a história aos alunos usando o livro sugerido ou outros objetos que
julgar necessário (fantoches, bonecos, adereços etc.). Também é interessante fornecer
informações básicas sobre o compositor, como nome e ano da composição, e sobre o
balé.
Feito isso, todos devem ser convidados a ouvir a “Abertura em miniatura”, imaginando
a cena inicial e todo o contexto. Para a apreciação da “Abertura”, é importante
conversar sobre os instrumentos utilizados, destacando aqueles que julgar pertinentes.
Para finalizar a aula, os alunos também podem ser convidados a movimentar-se pelo
espaço de acordo com o andamento da música, como se fossem os personagens da
história. A brincadeira de estátua pode ser realizada: proponha a eles que façam poses
de acordo com um personagem que escolherem da história.

Aula 2

Experimentando os sons

Mediante os elementos da aula anterior, esta pode ser iniciada com uma roda de
conversa com os alunos usando a seguinte pergunta como disparador: Quais são os sons
de uma festa em família? Espera-se que os alunos falem sobre sons de pessoas
conversando, de pratos, talheres, pessoas mastigando, crianças correndo etc. Conforme
as ideias forem surgindo, peça para reproduzirem esses sons com o próprio corpo ou
com os instrumentos disponíveis na sala de aula.
Oriente-os a pensar em quais sons seriam mais fortes ou mais fracos. Você pode sugerir
um acontecimento – um prato que quebra ou uma criança que cai no chão devido à
correria, por exemplo – e conversar com o grupo sobre de que maneira poderiam
representar esses sons.
Após a escolha, organize o grupo para reproduzir os sons de forma ordenada, pensando
em começo, meio e fim e na divisão de tarefas entre os alunos. Tudo pode ser gravado
para depois ser apreciado por todos.

Aula 3

Fada açucarada – explorando a pulsação

A proposta desta aula é trabalhar ritmicamente com a “Dança da Fada açucarada”,


música que faz parte da suíte O Quebra-nozes.
A primeira atividade é retomar a história com os alunos e apresentar a música da Fada
açucarada. Depois da primeira audição da música, destaque alguns elementos, como os
instrumentos utilizados, o caráter da música, o andamento etc. Chame a atenção dos
alunos para identificar a estrutura da música: ouvir as diferentes partes, reconhecer
trechos que se repetem etc.
Feito isso, coloque a música para ser ouvida novamente e oriente os alunos a bater
palmas ou os pés no chão, de acordo com a pulsação da música. É interessante propor
variações: um grupo bate palmas, o outro bate os pés; um realiza a pulsação enquanto o
outro permanece em silêncio acompanhando as partes da música, entre outras opções.
Havendo possibilidade, nesta aula você já pode chamar a atenção dos alunos para o
ritmo da música, executado na melodia principal. Assim, um grupo pode realizar a
pulsação e outro, o ritmo, conferindo maior riqueza à proposta.
Aula 4
Fada açucarada – explorando pulsação e ritmo2
Depois da exploração da aula anterior, utilize, nesta aula, os instrumentos disponíveis e
retome a proposta de trabalhar a pulsação e o ritmo da música sugerida. As baquetas ou
clavas podem ser usadas para a execução da pulsação e outros instrumentos, como
chocalhos, maracás e cocos, por exemplo, farão o ritmo.
A “Dança da Fada açucarada” tem um caráter muito delicado e é importante chamar a
atenção para esse detalhe na execução das atividades. A exploração da pulsação e do
ritmo pode ser feita com e sem o apoio da gravação, mas é importante que você tenha
bastante clareza do ritmo original.
Também é interessante trabalhar com a dinâmica dessa obra. Sugira momentos para que
os alunos executem a pulsação e o ritmo com maior ou menor intensidade.

Aula 5

A Dança chinesa

(A cada aula é importante retomar o enredo da história e situar a música a ser trabalhada
no contexto geral.)
A proposta desta aula é explorar a forma da música com movimentos corporais, também
considerando os instrumentos em destaque – nesse caso, as flautas e os instrumentos de
cordas. Como nas aulas anteriores, esta também deve começar com a audição da
música, a identificação de suas partes e dos instrumentos que mais se destacam.
Basicamente, a música tem duas partes: uma executada pelas flautas e outra pelos
instrumentos de cordas. Assim, você pode direcionar a apreciação com o auxílio das
imagens dos referidos instrumentos, apresentando-os conforme a música é executada.
Em seguida, proponha aos alunos um jogo de estátua diferente. Primeiro, organize a
turma em dois grupos. Uma sugestão é dividir entre meninas (que poderão ser a Clara
ou a Fada) e meninos (que poderãoser o Quebra-nozes ou o Rei dos ratos). Feito isso,
estabeleça que um dos grupos se movimentará livremente ao som das flautas, e o outro,
ao som das cordas. Quando um grupo estiver em movimento, o outro estará parado,
respeitando a estrutura da música. Se achar necessário, continue usando as figuras dos
instrumentos para apresentar cada parte e direcionar o grupo nos movimentos. Como
variação, proponha aos alunos que realizem movimentos semelhantes aos
instrumentistas, posicionando especialmente os braços de forma diferenciada para
“tocar” as flautas ou os violinos.
Aula 6

Confecção dos personagens

Para esta aula, selecione uma das outras músicas da suíte O Quebra-nozes e faça o
trabalho de apreciação, como nas aulas anteriores. Como sugestão, a atividade poderá
ser realizada com a “Dança russa” ou a “Dança dos Mirlitons”.
Em seguida, distribua folhas de papel sulfite, lápis de cor, canetinhas e giz de cera e
oriente os alunos a escolher personagens da história para reproduzir por meio de
desenhos. Ao final, eles devem recortar o contorno dos personagens e colá-los nos
palitos de sorvete, criando bonecos que poderão “dançar” (ou seja, ser manipulados)
quando a música for novamente executada.

Aula 7

Valsa das flores

Na suíte O Quebra-nozes, a “Valsa das flores” é o momento de finalização da história,


no qual Clara e o Quebra-nozes dançam e se divertem como se estivessem em uma
grande festa! Assim, nesta última aula, retome todas as atividades anteriores,
convidando os alunos a participar da festa, ouvindo com atenção a valsa (identificando
os instrumentos, a forma etc.) e dançando em pares ou movimentando os bonecos
confeccionados na aula anterior.
É importante oferecer aos alunos informações sobre a valsa; comente que era um tipo de
música de entretenimento utilizado nas festas em castelos.
Observação: no material de apoio foram incluídos alguns vídeos do Youtube que
mostram trechos do balé O Quebra-nozes. Analise a adequação de apresentar aos alunos
esses trechos ou outros previamente selecionados.

Apresentação
As atividades sugeridas podem gerar um produto interessante para apresentação a outras
turmas, nas reuniões de pais ou em aulas abertas para os familiares. Com o recurso da
gravação, você e os alunos podem ver o que precisa ser melhorado ou alterado, fazendo
a reflexão conjunta sobre o trabalho desenvolvido.

Avaliação
A avaliação deve ocorrer a cada aula, considerando a participação, o envolvimento e o
interesse dos alunos. No final das atividades sugeridas, converse com os eles e procure
saber o que acharam, como se sentiram, se tiveram dificuldades ou não para realizá-las
etc.
Também é importante ficar atento aos aspectos musicais envolvidos – propriedades do
som, pulsação e ritmo – para observar se foram bem compreendidos.
Material de apoio

Livros

BEYER, Ester Sulbacher (Org.). O som e a criatividade: reflexões sobre experiências


musicais. Santa Maria: Editora da UFSM, 2005.
KRIEGER, Elisabeth. Descobrindo a música – ideias para sala de aula. Porto Alegre:
Sulina, 2005.
O QUEBRA-NOZES: divertido mundo mágico em 3D. Trad. Marlise Buchweitz Klug.
Adaptação de Janine Amos. São Paulo: Ciranda Cultural, 2007.

Vídeos

DVD do Balé O Quebra-nozes. Há várias versões, realizadas por diferentes grupos de


balé do mundo todo. Entre elas, destaca-se a produção realizada pelo Royal Ballet, da
Inglaterra. Há também versões em desenho animado. É importante a prévia análise de
qual é o melhor material para apresentar aos alunos.
Disponível em:
http://youtu.be/XqAqDz8765w(Dança da Fada açucarada).
http://youtu.be/Qq3kAvcd0O0(Valsa das flores).
www.lugaresdomundo.com/quebranozes_1204.htm(sobre o objeto quebra-nozes).
Oficina
de saberes
 Saberes construídos e compartilhados
Educação
Infantil
 Legislação
 Objetivos gerais da Educação Infantil
 Os eixos da Educação Infantil
 Orientações didáticas
 O planejamento
Letramento e Alfabetização

Plano de aula: Música na Educação Infantil

- OBJETIVOS A SEREM ALCANÇADOS


 Estimular a percepção dos sons e as habilidades
musicais.
 Ouvir diferentes músicas
 Proporcionar aos alunos a possibilidade de ouvir,
sentir emoções
- METODOLOGIA
1º MOMENTO: Atividades de rotina:
cantar música de boa tarde.
Quantos somos? Realizar a contagem dos alunos.
 Quantas meninas? Quantos meninos?
 Quantos ao todo?
 Tem mais meninas ou meninos?
Calendário: Marcar a data.
2º MOMENTO: Praticar a “Escuta”.
Deitar sobre o colchonete e ouvir os ruídos ao redor.
Identificar os ruídos. Ex: Gatinho miando, tampa
batendo na panela,cachorro latindo..etc.
3º MOMENTO:

Assistir e acompanhar a Música Mestre André

4º MOMENTO: Preparar uma bandinha

 Confeccionar chocalhos com diversos grãos,


 Tamborzinhos
 Pedir as famílias que enviem instrumentos que
os alunos possuírem em casa( violão , Pandeiros,
flauta);
Apreciar os diversos sons.
 Só os chocalhos( as crianças balançam o
chocalho)
 Só o violão...tambor.. e assim sucessivamente.
5º MOMENTO.Cantar e treinar a música "Mestre
André"
 Utilizando os instrumentos, treinar a música
do Mestre André.

Loja do Mestre André

6º MOMENTO: Confeccionar um albinho com as


estrofes da música ilustrada.
- Enfeitar com papéis picados, bolinhas de papéis e
grãos o tamborzinho, sanfona, chocalhos...etc