Você está na página 1de 6

EXECUÇÃO DE SAPATAS

1) PLANTAS NECESSÁRIAS
• Locação e cargas nos pilares
• Forma e armação das sapatas
• Forma e armação dos pilares

2) ETAPAS E QUANTITATIVOS
2.1) Escavação
• Deve atingir 5 cm abaixo da cota de assentamento da sapata.
• Deve ser deixada uma folga de 30 a 70 cm entre os bordos da
sapata e da escavação.
• Talude de escavação de 1 (h) : 2 (v).

PLANTA Px

A A

Ly Py

Lx
AA

H2 Df
H1

Lx

Dimensões da Sapata
30 a 70 cm 30 a 70 cm
PLANTA

30 a 70 cm

A A

30 a 70 cm

AA

2
Df + 5

(Df + 5) / 2 (Df + 5) / 2

Dimensões da Escavação
• Volume de escavação (Vesc):

a
Volume de Tronco de Pirâmide

H
[
V = ⋅ a + A+
3
(a ⋅ A)]

No caso da sapata (admitindo-se uma folga de 50 cm entre os


bordos da escavação e da sapata), tem-se:

H = Df + 5 cm

a = [ Lx + 100 ] . [ Ly + 100 ]

A = [ Lx + 100 + Df + 5 ] . [ Ly + 100 + Df + 5 ]
2.2) Lançamento do Concreto Magro
• Concreto não estrutural (fck = 9 MPa), que serve como lastro
para a escavação.
• Deve ser deixada uma folga mínima de 10 cm a partir do bordo
da sapata.
• Espessura usual de 5 cm.

5
CONCRETO
MAGRO
10 10

Concreto Magro

• Volume de concreto magro (Vmag):

Vmag = 5 ⋅ [(Lx + 20 ) ⋅ (Ly + 20)]


2.3) Forma e Armação da Sapata
• A forma deverá estar apoiada no lastro de concreto magro.
• Só é utilizada forma no trecho inferior da sapata.
• Devem ser usados espaçadores (“cocadas”), para se garantir um
recobrimento mínimo de 2,5 cm.
• Taxa de armadura da sapata é normalmente de 50 a 60 kg/m3 de
concreto.

ARMADURA FORMA
DO PILAR DO PILAR

ARMADURA
DA SAPATA

2,5

FORMA
DA SAPATA ESPAÇADORES

Forma e Armação da Sapata

• Área de forma da sapata (Asap):

Asap = H 1 ⋅ [2 ⋅ (Lx + Ly )]
• Área de forma do pescoço do pilar (Apes):

Apes = [Df − ( H 1 + H 2 )]⋅ [2 ⋅ (Px + Py )]


2.4) Concretagem
• A sapata deve ser concretada seguindo-se as especificações do
projeto (fck, cura, etc).
• Volume de concreto da sapata (Vsap):
H 
Vsap = [H 1 ⋅ (Lx ⋅ Ly )] +  2 ⋅ ( Lx ⋅ Ly ) ⋅ ( Px ⋅ Py) ⋅ ( Lx ⋅ Ly ⋅ Px ⋅ Py) 
 3 
• Volume de concreto do pescoço do pilar (Vpes):

Vpes = [Df − ( H 1 + H 2 )]⋅ [Px ⋅ Py ]

2.5) Reaterro
• Deve ser feito após a retirada da forma da sapata e do pescoço.
• Normalmente é utilizado o próprio material escavado
compactado.
• Deve ser considerado o empolamento do material (em geral de
20 a 30%).
REATERRO
COMPACTADO

Reaterro da Cava

• Volume de reaterro (Vrea):

Vrea = [Vesc − (Vmag + Vsap + Vpes )]⋅1,20