Você está na página 1de 10

Shiatsu

SHIATSU
INTRODUÇÃO

O shiatsu é caracterizado por sua grande simplicidade. Ele se desenvolveu a partir de uma forma
anterior de massagem chamada Anma, no Japão (Anmo ou Tuina, na China), que utiliza técnicas como
esfregar, apalpar, apertar, tamborilar com os dedos, pressionar e puxar, influenciando os músculos e os
sistemas circulatórios. O shiatsu, por sua vez, usa menos técnicas e, para o observador, a impressão é
de que muito pouco está acontecendo – apenas uma pressão leve e relaxada em vários pontos do
corpo com a mão ou um polegar, um leve toque dos cotovelos ou uma simples rotação de um dos
membros. Parece uma atividade preguiçosa e, na medida em que conserva a energia, realmente é.
Mas, por baixo dos movimentos descomplicados, muita coisa está acontecendo internamente com a
energia do corpo em um nível sutil.

O DESENVOLVIMENTO DO SHIATSU NO JAPÃO

O shiatsu foi desenvolvido na primeira metade do século XX pelo clínico geral japonês, Tamai Tempaku,
que incorporou os então recentes conhecimentos de anatomia e fisiologia aos vários métodos de
tratamento. Originariamente, ele usou o nome de “Shiatsu Ryoho”; ou seja, “forma de melhora pela
pressão dos dedos”; depois, mudou para “Shiatsu Ho”, “método da pressão dos dedos”. Conhecido
atualmente apenas como “Shiatsu”, o método foi reconhecido oficialmente como terapia pelo Governo
Japonês em 1964, distinguindo-o da outra massagem tradicional, a Anma. O papel do terapeuta de
shiatsu é diagnosticar e tratar de acordo com os princípios da terapia oriental.

AS ORIGENS CHINESAS DO SHIATSU

O mais antigo livro chinês de medicina é o “Huang Ti Nei Ching”, “O Clássico de Medicina Interior do
Imperador Amarelo”. No livro, o lendário imperador questiona seu médico particular, Ch’i Pó, sobre
problemas ligados à medicina e à saúde de seu povo. Em uma passagem bem conhecida, Ch’i Pó
explica que diferentes formas de medicina foram desenvolvidas em regiões diferentes, levando em
conta o clima e os problemas oriundos dele que afligem a população. Tratamentos com ervas, agulhas
e calor eram atribuídos às regiões norte, sul, leste e oeste; porém, o desenvolvimento da terapia física,
incluindo massagem e exercícios de respiração, já foi creditado à região central da China. Assim
começou a longa associação de massagem e terapia manipuladora com exercícios físicos, técnicas
respiratórias e meditações curativas, o que representou o mais alto nível da medicina chinesa. O
conjunto de todas estas técnicas foi chamado de “Tao Yin”, um método para guiar as energias sutis do
corpo para que fluam harmoniosamente. O shiatsu é o herdeiro moderno desta tradição.
A medicina chinesa foi introduzida no Japão por um monge budista, no século VI. Os japoneses a
adaptaram e refinaram, adequando-a a sua filosofia, temperamento e clima. Especificamente, eles
desenvolveram a cura manual e as artes de diagnóstico, criando técnicas especiais de diagnóstico
abdominal, tratamento e massagem abdominal, a Ampukologia.

ESTILOS DE SHIATSU

Pág. 1 / 10
Shiatsu

Vários entre os primeiros praticantes de shiatsu desenvolveram seus próprios estilos, sendo que alguns
como Tokojiro Namikoshi e Shizuto Masunaga, fundaram escolas que contribuíram para o
estabelecimento do shiatsu como terapia. Existem vários estilos diferentes de shiatsu hoje em dia.
Alguns se concentram em “pontos de acupressão (acupuntura digital)”. Outros enfatizam um trabalho
mais generalizado no corpo ao longo dos caminhos de energia para influenciar o Ki fluindo através
deles. Outros ainda destacam os sistemas de diagnósticos como os dos “Cinco Elementos”. Ou a
abordagem macrobiótica. Todos, porém, se baseiam na medicina tradicional chinesa. A intenção de
nossos cursos e tratamentos é de servir como um guia geral ao shiatsu, apresentando os aspectos mais
úteis e práticos das diversas abordagens, sempre tendo como base à medicina tradicional chinesa. Uma
fonte específica de inspiração, porém merece menção – o “Zen” shiatsu de Shizuto Masunaga. Outros
são adeptos do shiatsu eclético, onde se associa o shiatsu às outras terapias holísticas.

São inúmeros os benefícios do shiatsu, mas poderemos recordar alguns já mencionados


anteriormente e acrescentar outros:

Indicações:
• Melhora a circulação do sangue e dos vasos linfáticos.
• Produz relaxamento e alívio do estresse.
• Melhora a respiração.
• Ajuda a manter a saúde e previne doenças.
• Bom auxiliar no tratamento de problemas respiratórios, digestivos, circulatórios,
musculares, cardíacos, neurológicos, renais, distúrbios menstruais, dores de cabeça,
*lombalgia, cervicalgia, nervo ciático, etc.
• Retarda o envelhecimento.

Precauções:
O Shiatsu é indicado para muitos problemas, mas também possui algumas precauções.
• Para gravidez, não aplique força demais nos ombros. Evite os pontos IG 4 e BP 6, bem
como os canais Yin (Baço, Rim e Fígado) abaixo dos joelhos.
• Para quem sofre de epilepsia ou pressão alta, não aplique shiatsu na parte de cima da
cabeça. Porém, o trabalho com os ombros, principalmente pernas e pés, é benéfico e
seguro.
• Em caso de osteoporose, outras doenças degenerativas musculares, pressionar com muita
cautela ou mesmo não fazer a pressão.
• Em caso de câncer, avaliar muito bem antes para não promover a disseminação da
doença para outras áreas do corpo.
• Evite encostar com muita força em pessoas idosas ou enfermas – principalmente se
sofrerem de artrite ou osteoporose (ossos fracos).
• Não pressionar sobre varizes.
• Evitar pressionar sobre dores fortes ou nevralgias.
• Não pressionar em crianças muito pequenas, para elas pode ser usada uma escovinha de
cabelo de bebês, escovando na direção do canal, ou então, aplicar outra técnica, como o
tuina infantil.
• Não pressionar sobre edemas e inchações, ou sobre fraturas.
• Alguns quadros psicopatológicos em que o paciente não suporta ser tocado.
• quadros psicopatológicos em que o paciente não suporta ser tocado.

Aspectos práticos de uma seção de Shiatsu:

• A primeira sessão é feita em 1 h e 30 minutos. A partir da segunda, em 60 minutos.


Pág. 2 / 10
Shiatsu

• O número de sessões indicado para cada pessoa é diferenciado, variando de acordo com a
gravidade da questão, com a sua busca pessoal, com a urgência de cada caso, com o desejo da
pessoa. A freqüência média é de uma sessão a cada semana ou quinzena.
• Não se usa óleo de massagem e não é necessário se despir. Sugere-se usar uma roupa leve e
solta (por exemplo: calções ou biquínis).
• O local deve ser limpo, arejado, silencioso e agradável. Pode-se utilizar semipenumbra para
facilitar o relaxamento.
• O paciente pode deitar-se no chão, sobre um colchonete ou em uma mesa baixa, mais ou
menos na altura dos joelhos do terapeuta. A mesa alta não permite que o terapeuta use o peso
de seu corpo na manipulação.
• Incensos de aromas agradáveis e musicas tranqüilas somente poderão ser usados de acordo
com o consentimento do paciente.

Quanto ao Terapeuta:

• Cuidados óbvios de higiene (principalmente em relação às mãos e as unha, limpas e aparadas).


• Manter sempre uma posição condizente com a técnica empregada.
• Ter serenidade, profissionalismo e procurar sempre o melhor para o paciente.
• Antes da pratica fazer alongamentos e alguns instantes de concentração e harmonização.
• Durante a pratica, a concentração deve ser mantida, assim como a respiração consistente e
ausência de conversa, o Maximo possível.
• A postura do tronco será reta, pois do contrario, sua coluna será prejudicada. Se estiver
trabalhando em uma mesa ou maca devera estar de pé. Se preferir o chão, as duas posições
mais recomendadas são as posições seiza ou com o apoio em um joelho (posição de arqueiro).

MANOBRAS DE TRATAMENTO PELO SHIATSU

Manobras Comumente Usadas


Na literatura médica chinesa existem abundantes informações sobre as manobras de massagem.
Os massagistas de todas as partes da China conjugaram sua experiência clínica e nos aspectos
primário e secundário dessas manobras, cada qual possuindo seu próprio modo particular de fazer as
coisas. A seguir, apresentamos uma introdução às técnicas mais comumente usadas que são as
seguintes:

• Deslizamento
• Vibração
• Amassamento
• Percussão
• Cutelada
• Gancho
• Pinçamento
• Fricção
• Digitopressura

Método do Deslizamento:
É de duas categorias: O superficial e o profundo
Deve sempre ser feito das extremidades para o centro do corpo que é o coração. Com isso,
estaremos auxiliando a circulação de retorno.

Pág. 3 / 10
Shiatsu

O deslizamento Começa na superfície e vai-se aprofundando gradativamente. Em complemento


podemos executar as outras manobras, mas terminando invariavelmente com o deslizamento
superficial. O deslizamento é a manobra mais importante da massoterapia. Qualquer outra manobra,
por mais importante que seja, sempre complementa o deslizamento, isto é, sempre o precede.

O superficial tem ação sobre o tecido epitelial, os capilares, a linfa, os canais energéticos
subcutâneos e a aura.

O Profundo atua sobre o tecido conjuntivo, a circulação de retorno, as paredes dos vasos, as
vísceras, órgãos etc. Todos agem sobre o sistema nervoso, mas a ação difere de acordo com a
profundidade, a velocidade e o ritmo. Além do mais, as manobras devem ser introduzidas
gradativamente.
Precisamos também observar o sentido das fibras musculares, e isto só é perfeitamente possível
se o profissional for bom conhecedor de anatomia humana.

Método de Vibração:

A maneira mais simples de executar esta manobra é manter os dedos abertos, como se fossem
molas trepidando com isso a região do corpo que se quer trabalhar.A vibração é muito eficaz na rigidez
da coluna, pois afrouxa as articulações. Outra propriedade sua é acalmar os vasos e os nervos
excitados.

Método de Amassamento:

Pág. 4 / 10
Shiatsu

Consiste em pressionar, amassar o músculo. Pode ser feito com uma pressão maior ou menor,
funcionando como um deslizamento profundo, embora mais intenso.
Esta manobra tem a propriedade de combater a atrofia e aumentar a contratilidade da fibra
muscular. Favorece a circulação e a nutrição, bem como expulsão das substâncias de fadiga. Muitas
podem ser as formas de realizar o amassamento dependendo da região a ser trabalhada.

O Rolar: muito semelhante ao movimento feito pelo padeiro ao amassar o pão.

O Apisoar: executado com as mãos paralelas, ligeiramente fletidas nas articulações básicas, e os
dedos bem flexionados nas articulações interfalângeas. Nesta manobra, a preocupação é pegar o
máximo de massa muscular possível ora uma, ora com outra mão.

Método de Percussão:
Esta manobra deve ser evitada nos velhos e crianças. Pode ser feita com a mão em concha, em
cone, ou em posição palmar e cubital. A região que recebe a manobra se beneficia com uma
superirrigação local.

Pág. 5 / 10
Shiatsu

Método da Cutelada: (bater em Cutelo)


Aqui trabalha o bordo cubital da mão. É uma manobra muita indicada para os casos de
obesidade.

Método Gancho:
Recomenda-se nas contrações dos músculos dorsais, principalmente quando acompanhadas de
dor, caso em que o tecido parece preso ao osso.
Os dedos flexionados se colocam entre a carne e o osso, desprendendo-os. É uma operação um
pouco dolorosa. Quanto mais preso o tecido, maior a dor.

Método de Pinçamento:
É a principal operação da massagem redutora. Com ela, rompe-se o tecido adiposo, reduzindo-o
as camadas tão pequenas a ponto de serem absorvíveis. A manobra consiste em pinçar o tecido com
os dedos polegar, indicador e médio, até a região avermelhar. Pode ocorrer o roxeamento do local
devido ao rompimento de vasos, mas esta circunstância é natural e restrita a primeiras sessões. O
pinçamento é uma operação dolorosa, muito semelhante a beliscões.

Pág. 6 / 10
Shiatsu

Método da Fricção:
O método de fricção é definido como um pequeno movimento espiralado dirigido para o fundo e
que retorna à superfície. As fricções têm um efeito de propriedade de estabelecer uma excitação no
sistema nervoso, desenvolvendo forças relaxantes. Em geral, são feitas de forma circular sobre a região
que se quer trabalhar, mas também podem assumir outras formas.

Muito embora seja executada sobre a pele, a fricção atua em


profundidade, corrigindo as disfunções das vísceras e órgãos. Trata-
se de uma manobra que precisa ser bem dosada, porque o
excesso é prejudicial e a insuficiência não surte efeito.

Método da Digitopressura:

É a forma mais antiga de massagem que conhecemos. Consiste em pressionar metodicamente,


com a polpa do polegar, os pontos desejados dos meridianos Chineses ou o seu trajeto. È muito usada
na Shiatsu e no do-in. É à base da massagem oriental.

SEQÜÊNCIA BÁSICA PARA A MASSAGEM SHIATSU

A seqüência básica consiste em manobras realizadas para se obter um bom resultado no


tratamento com o Shiatsu, podendo ser alterada conforme a necessidade de cada terapeuta podendo
este incorporar o seu estilo na aplicação.

As Costas:
Com o paciente deitado de bruços com os braços paralelos ao corpo, de modo que o paciente
fique relaxado e confortável, inicia-se as seqüências das costas.

Massagem Geral: Inicia-se com as manobras de tratamento Yang (superficiais) que estimulará
todos os canais, e como sugestão pode ser realizado com três manobras: Método do Deslizamento
superficial, Método de percussão e o Método da vibração. Ou outros métodos de sua escolha.

Pág. 7 / 10
Shiatsu

Massagem de Aprofundamento: São usadas as manobras de tratamento Yin (profundas) onde


os canais já começam a ser trabalhados e as sugestões de manobras são: Método de fricção, Método
do amassamento e o Método do apisoar.
Procedimento Terapêutico: Através do Método de Digitopressura. (sedação, harmonização ou
estimulação). Massageia os meridianos das costas (yang) que são: o meridiano da bexiga, meridiano do
vaso governador e o meridiano da vesícula-biliar. Dando ênfase nos canais e nos pontos de diagnóstico
do paciente,
Finalização: Para finalizar o procedimento de massagem das costas, faz-se uma massagem
suave.

O Braço posterior:
Continua com o paciente na mesma posição anterior, e sentado ao lado faça os
procedimentos dos braços que são:
Alongamento: alongamento dos braços. Pegue o braço com o cotovelo dobrado e puxe para
costas alongando a região da escápula.
Massagem Geral: Que consiste em movimentos yang (superficiais e rápidos) que podem ser
método de tapotamento, fricção leve e suave, etc.
Massagem de Aprofundamento: Com o método de Amassamento, Método de fricção e outros
de natureza Yin (profundos e lentos), trabalha toda extensão dos braços.
Procedimentos Terapêuticos: Trabalhando os canais dos meridianos do Intestino delgado,
Triplo Aquecedor e Intestino Grosso. Enfatizando os pontos de diagnostico do paciente.
Finalização: Uma massagem suave.

As Nádegas:
Massagem Geral: Massageia toda a extensão das nádegas na transversal e na horizontal. Pode
ser aplicado o método de concha ou tapotamento com as palmas da mão em toda a região glútea.
Massagem de Aprofundamento: Na região glútea, por haver grande concentração de gordura,
caso os pontos por digitopressão não venha a ser satisfatório, usa-se a aplicação do cotovelo para os
canais e meridianos.
Procedimentos Terapêuticos: nesta região há pontos dos meridianos da bexiga, vaso
governador e vesícula biliares. Aplica-se com ênfase se houver necessidade nos pontos de diagnostico
do paciente.
Finalização: Uma massagem suave.

A Perna (Posterior):
Alongamento: Faça o alongamento flexionando a perna de modo que o calcanhar toca a nádega
(cuidado! não force o pé para alcançar as nádegas, trabalhe no limite do paciente), e faça o movimento
de torção.
Massagem Geral: Na perna (posterior) o procedimento inicia-se com três métodos de movimento
Yang.
Massagem de Aprofundamento: Com três métodos de movimento Yin.
Procedimentos Terapêuticos: Vale lembrar que os meridianos ficam na parte lateral das pernas,
Portanto quando massageamos a parte posterior estamos trabalhando com meridianos de natureza Yin
e Yang que são: Yang (Bexiga e Vesícula-Biliar) e Yin (Rim).
Finalização: Faça uma massagem suave por toda extensão das pernas.

A Cabeça:
Na cabeça é onde esta localizado um grande numero de pontos de vários canais. Então para
iniciar o procedimento da cabeça dividimos em cinco partes que são: couro cabeludo, testa, olhos,
maxilar e pescoço
Pág. 8 / 10
Shiatsu

Couro cabeludo:
Alongamento: Alongamento da cabeça; Vire a cabeça do paciente para o lado direito, apóie-se
com a mão direita sobre o ombro esquerdo dele e coloque a outra mão sobre o lado da cabeça. Repita
do outro lado. Gire a cabeça para o centro. Coloque a mão em forma de concha sob a base do crânio e
force um pouco para trás, apoiando os lados da cabeça com as palmas e para terminar puxe as orelhas
cinco vezes para cima e cinco vezes para baixo.
Massagem Geral: Na massagem divide-se a cabeça em três partes: capilar e frontal; ocular; e
região do maxilar e pescoço. Na parte capilar inicia-se com vibração dos cabelos (segurando firme os
cabelos e vibrando); na parte frontal faça toques com as pontas dos dedos podendo estender por toda
face; e na ocular passando os polegares sobre os olhos e depois beliscando em torno dos olhos em
formato de um oito.
Massagem de Aprofundamento: O método usado é o de digitopressura na fronte, nas
sobrancelhas, nos olhos, no maxilar e em toda a extensão do rosto.
Procedimento Terapêutico: Há diversos meridianos que iniciam e terminam na cabeça. A
massagem aplicada nessa área remove qualquer obstrução e aumenta o aporte de Ki, desse modo
liberando as tensões e tonificando os músculos, evitando as rugas.
Os meridianos que começam na cabeça são: Bexiga, Vesícula-biliar e Estômago.
Os meridianos que terminam nesta região são: Vaso Governador; Vaso da Concepção; Intestino
Grosso; Intestino Delgado; Triplo Aquecedor.
Finalização: Uma massagem para a cabeça e pescoço suave.

O Tronco:
Com o paciente deitado de barriga para cima e com os braços ao longo do corpo.
Alongamento: O alongamento do tronco é realizado preferencialmente ao final da massagem,
visto que agita o paciente.
Massagem Geral: Massageie toda a extensão peitoral com os métodos de deslizamento, fricção
rápida e outros métodos. Na parte da barriga o mesmo procedimento até a região do púbis.
Massagem de Aprofundamento: A massagem no tronco é dividida em duas etapas: primeiro à
parte do peito e depois a do abdômen. São utilizados os métodos de massagem Yin em caracol de fora
para dentro em toda a extensão e de dentro para fora.
Procedimento Terapêutico: Aplica-se a terapia nos meridianos desta região que são: o da
Bexiga, Vaso Concepção, Estômago, Vesícula Biliar, Rim, Fígado, Baço pâncreas, Pulmão e Pericárdio
(Circulação e Sexualidade).e nos pontos específicos de diagnostico do paciente.
Finalização: Uma massagem suave para toda a região do abdômen e peito

O Braço anterior:
Alongamento: Alongando os braços: Segurando o ombro do paciente e fazendo movimentos de
rotação nos dois sentidos; segurando a base do pulso faça movimento de vibração e de torção dos
braços nos dois sentidos.
Massagem Geral: Consiste em movimentos yang (superficiais e rápidos) usando-se os métodos
de tapotamento, fricção leve e suave, etc.
Massagem de Aprofundamento: Com o método de Amassamento, Método de fricção e outros
de natureza Yin (profundos e lentos), trabalhando toda a extensão dos braços.
Procedimentos Terapêuticos: Trabalhando os canais dos meridianos do Pulmão, Pericárdio e
Coração, com ênfase nos pontos de diagnostico do paciente.
Finalização: Uma massagem suave pra finalização.

As Mãos:
Alongamento: Alongue os punhos e faça a rotação das mãos nos dois sentidos.

Pág. 9 / 10
Shiatsu

Massagem Geral: Para iniciar faça movimentos de rotação nos dedos, fricção das palmas e puxe
os dedos.
Massagem de Aprofundamento: faça uma massagem geral de digitopressura em toda
extensão.
Procedimento Terapêutico: Para este procedimento aplica-se o mesmo princípio da reflexologia
das mãos, podendo diagnosticar ainda pontos em desarmonia.
Finalização: Uma massagem de fricção suave.

A Perna (Anterior):
Alongamento: rotação da articulação do quadril, e contrair as pernas junto ao abdômen.
Massagem Geral; Os mesmos procedimentos utilizados na Perna (posterior) são aplicados na
perna (anterior).
Massagem de Aprofundamento: Este procedimento vale lembrar, são de movimentos Yin
(profundo e lento) que já estarão trabalhando os meridianos da perna anterior.
Procedimento Terapêutico: Na região anterior da perna passam três meridianos de natureza
diferentes: dois Yin e um Yang, ou seja, a perna tem seus meridianos na lateral: Meridianos Yin (Fígado
e Baço-Pâncreas); e Meridiano Yang (estômago).
Finalização: Uma massagem em toda extensão das pernas.

Os Pés:
O procedimento de massagem shiatsu nos pés envolve toda a aplicação da reflexologia.
Alongamento: Para soltar o tornozelo; apóie o calcanhar com a mão direita, mova o pé para
frente e para trás, e faça movimentos de rotação interna e externa.
Massagem Geral: Movimento dos metatarsos, rotação interna e externa, flexão e extensão,
tapotagem e balançar os pés de um lado para o outro.
Massagem de Aprofundamento: É como uma aplicação de diagnostico feita na reflexologia.
Procedimento Terapêutico: Utiliza-se o procedimento da reflexologia, trabalhando os pontos de
diagnostico do paciente. E assim, nesta etapa, pode-se sedar, harmonizar e estimular os pontos
reflexos.
Finalização: Uma massagem de compressão do pé colocando o pé entre a palma das mãos, e
aplique movimentos circulares no dorso e na sola.

Finalização Geral: Para finalizar toda a terapia, faz-se os alongamentos de tronco e de corpo que
forem necessários que o terapeuta achar necessário (torção do tronco de um lado e de outro,
alongamento das vértebras da coluna etc.). Também acolher carinhosamente o paciente conduzindo-o
a lenvantar-se com tranqüilidade e segurança.

Pág. 10 / 10