Você está na página 1de 20

|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

||||||||||| ||||| ||||| |||| |||| |||| ||||


|||||||||| ||| ||| || ||| ||||||||| |||||||| || ||| |||||||||
||||||||| ||| ||| || ||| ||||||||| |||||||| || ||| ||||||||||
||CA-||| ||| || |||| |||| |||||||| || ||| ||||||||
||||||| || ||||| || ||||||||| ||| |||||||| || ||| |||Ver 6.0||
|||||| ||| |||| || ||||||||| ||| |||||||| || ||| |||Glvl 9612|
||||| ||| |||| ||||| ||||| |||| |||| ||||||||||
|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||
||||||||| Copyright (c) 1994 Computer Associates International, Inc. ||||||||||
|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

Desenvolvida para o programa de treinamento Unibanco por:


Luiz Roberto de Souza
Programa de Treinamento Unibanco G&P

ÍNDICE ANALÍTICO

1- INTRODUÇÃO...............................................................................................................................3
2- ELEMENTOS DA TELA DO ROSCOE.......................................................................................4
3- PROCEDIMENTO DE LOGON...................................................................................................5
4- COMANDOS DO ROSCOE..........................................................................................................6
4.1. INPUT........................................................................................................................................6
4.2. SAVE..........................................................................................................................................7
4.3. UPDATE....................................................................................................................................7
4.4. RENAME...................................................................................................................................7
4.5. ALTER.......................................................................................................................................8
4.6. FETCH.......................................................................................................................................8
4.7. ATTACH PARA EDIÇÃO..............................................................................................................8
4.8. ATTACH PARA VISUALIZAÇÃO..................................................................................................8
4.9. DELETE....................................................................................................................................9
4.10. LIST.........................................................................................................................................9
4.11. COPY.......................................................................................................................................9
4.12. MOVE......................................................................................................................................9
4.13. DELETE................................................................................................................................10
4.14. DELETES..............................................................................................................................10
4.15. DELETEX..............................................................................................................................10
4.16. EDIT.......................................................................................................................................11
4.17. FILL.......................................................................................................................................11
4.18. SEARCH (SEA) E OMIT.......................................................................................................11
4.19. INCL......................................................................................................................................11
4.20. EXCL.....................................................................................................................................11
4.21. FIRST / LAST / NEXT / PREV.............................................................................................12
4.22. FIND (PARA INFORMAÇÕES DE MEMBROS)............................................................................12
4.23. PREFIX..................................................................................................................................12
4.24. STATUS (STA)......................................................................................................................13
4.25. STA AWS...............................................................................................................................13
4.26. SEND.....................................................................................................................................13
4.27. PRINT OU P...........................................................................................................................14
4.28. JCL OU JCL-J.........................................................................................................................15
4.29. COB.......................................................................................................................................15
4.30. PLI..........................................................................................................................................15
4.31. SET MODE............................................................................................................................15
4.32. CREATE AWS.......................................................................................................................15
4.33. DELETE AWS.......................................................................................................................16
4.34. DISCARD AWS.....................................................................................................................16
4.35. RENAME AWS.....................................................................................................................16
4.36. SUBMIT................................................................................................................................16
4.37. DISPLAY...............................................................................................................................16
4.38. PURGE..................................................................................................................................17
4.39. DET JOB................................................................................................................................17
4.40. ATTACH JOB........................................................................................................................17
5- REPETICÃO DE COMANDOS..................................................................................................19
5.1. REEXECUÇÁO DO ÚLTIMO COMANDO..........................................................................19
5.2. REDISPLAY............................................................................................................................19
6- PFK'S E PA'S.................................................................................................................................19
7- INFORMACÕES SOBRE COMANDOS DO ROSCOE..........................................................20

CA-Roscoe Página 2
Programa de Treinamento Unibanco G&P

1- INTRODUÇÃO
Roscoe é um sistema on line de manutenção e desenvolvimento de programas.
Dentre as muitas facilidades, podemos destacar:
 Criação e edição de dados (programas, cartões de controle, etc).
 Armazenamento em bibliotecas.
 Impressão.
 Submissão de JCL para o sistema operacional.
 Checagem de sintaxe de programas em Cobol, PL/I e JCL.
 Verificação de status de serviços
 Verificação de outputs de jobs.

É constituído por alguns elementos a saber:


AWS  Active Work Space, é a área de trabalho alocada a uma chave, sendo uma
área temporária de manipulação de dados onde é possível fazer alterações, edição,
impressão, armazenamento, etc.
ROSLIB  Roscoe Library, é uma biblioteca permanente para os dados
manipuláveis na AWS. Os dados são armazenados como membros identificados e com
características diferentes. Quando, durante uma sessão do Roscoe, acontece algum
problema de comunicação entre o terminal e o computador (queda de força, linha, etc.) os
dados da AWS são gravados na ROSLIB em um membro de nome SAVAWSNNN, onde
NNN corresponde a um número seqüencial utilizado pelo sistema para identificação.

CA-Roscoe Página 3
Programa de Treinamento Unibanco G&P

2- ELEMENTOS DA TELA DO ROSCOE


A figura a seguir representa o ROSCOE com a tela toda preenchida. Na maioria das
circunstâncias, será apresentada ao usuário uma tela como essa:
Área de comando
Identificação do usuário
Linha de resposta
> APPLID(A01ROSD1) USER(BFG,X296889) D,J,L PENDING
> AWS() SCRL FULL COLS 00001 00072 A<TRAB01>2
> <...+....1....+....2....+....3....+....4....+....5....+....6....+....7..
000240 PROCEDURE DIVISION. Display
000241
Elemento atachado
000246 PERFORM C000-PROCESSA. Nome da AWS
000247 Modo de
000248 rolagem
PERFORM da tela
Z000-FINALIZA.
000249
000242 A000-PRINCIPAL SECTION.
Linha de escala
000243 Números de linhas
000244 PERFORM B000-INICIALIZA.
000245
000250 GOBACK.
000251 Área de dados
000252 A000-EXIT.
000253 EXIT.
000254 EJECT
000255 B000-INICIALIZA SECTION.
000256
000257 OPEN INPUT T188CE

A seguir a explicação de cada item da tela:


 Área de comando  as três primeiras linhas da tela onde são digitados os
comandos. Podemos inserir até três comandos, uma vez que os mesmos somente
serão processados após digitação da tecla ENTER. Os comandos são executados
em seqüência, exceto se um ou mais comandos estiverem errados ou algum
comando que gere display.
 Linha de resposta  é a quarta linha da tela onde o Roscoe exibe mensagens
de erro ou de informação.
 Elemento atachado  informa o que está sendo apresentado na tela, sendo os
mais comuns:
 AWS (pfx..mem)  indica que o conteúdo da AAWS está sendo mostrado. O
nome pfx.mem informa que este foi o último membro trazido para a AWS.
Neste caso, o conteúdo da tela pode ser alterado, o que, após o ENTER
atualizará a AWS.
 LIB (pfx.mem)  indica que o conteúdo de um membro está sendo mostrado
diratamente da ROSLIB. Os dados não podem ser alterados, uma vez que
não está na AWS.
 JOB (nome, núm.)  indica que a saída de um job está sendo mostrada. Os
dados não podem ser alterados

CA-Roscoe Página 4
Programa de Treinamento Unibanco G&P

 SCROLL (modo de rolagem da tela)  informa o modo de rolagem de tela


utilizado pelo Roscoe, podendo ser:
 FULL  o display é rolado em páginas completas menos uma linha (17
linhas).
 HALF  o display é rolado em meias páginas (09 linhas).

 nnnn  o display é rolado em nnnn linhas.

Este campo pode ser alterado durante a sessão de trabalho, porém,


sempre aparecerá em FULL no próximo logon.
 DISPLAY  indica os valores das margens de apresentação da tela. A sessão
sempre inicia essas margens em 0001 0072, valores estes que podem ser
alterados durante o trabalho.
 Nome da AWS  indica o nome da AWS utilizada na sessão.
 Linha de escala  linha ajustada aos valores das margens que estão sendo
apresentadas.
 Área de dados  área de visualização / edição dos dados da tela.
 Números de linhas  numeração de 6 dígitos utilizada em muitas linguagens
de programação.

3- PROCEDIMENTO DE LOGON
É o procedimento pelo qual, através de uma chave de Roscoe, temos acesso ao
sistema para a sessão de trabalho.
Na tela inicial do Roscoe, devemos digitar uma chave, a senha e a tecla enter. De
tempos em tempos a senha expira e é necessário renová-la; mas isso é avisado pelo sistema
quando necessário.
Quando se faz necessário mudar a senha de acesso antes da mesmo expirar, basta
preencher o campo NEW PASSWORD com a nova senha e repeti-la na linha de baixo para
confirmação.
CUIDADO!!! No caso de não se lembrar ou não ter certeza de sua senha, não tente
entrar no sistema por mais de duas vezes consecutivas. Uma vez que houve três tentativas
não sucedidas de logon, a chave é revogada e é necessário contatar o administrador do
sistema para ter acesso ao sistema novamente.

CA-Roscoe Página 5
Programa de Treinamento Unibanco G&P

Tela de logon do Roscoe:


>
>
....+....1....+....2....+....3....+....4....+....5....+....6....+....7....+....8
|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||
||||||||| + MVS/ESA 5.2.2 + ROSCOE DESENVOLVIMENTO + Rel. 6.0 SPC1 + |||||||||
||||||||| |||||||||
||||||||| KEY DATE 08/09/99 |||||||||
||||||||| PASSWORD TIME 14.44.46 |||||||||
||||||||| GROUP CODE TERMID T21404 |||||||||
||||||||| NEW PASSWORD > |||||||||
||||||||| > (Repeat for verification) |||||||||
||||||||| |||||||||
|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||
||||||||||| ||||| ||||| |||| |||| |||| ||||
|||||||||| ||| ||| || ||| ||||||||| |||||||| || ||| |||||||||
||||||||| ||| ||| || ||| ||||||||| |||||||| || ||| ||||||||||
||CA-||| ||| || |||| |||| |||||||| || ||| ||||||||
||||||| || ||||| || ||||||||| ||| |||||||| || ||| |||Ver 6.0||
|||||| ||| |||| || ||||||||| ||| |||||||| || ||| |||Glvl 9612|
||||| ||| |||| ||||| ||||| |||| |||| ||||||||||
|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||
||||||||| Copyright (c) 1994 Computer Associates International, Inc. ||||||||||
|||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

4- COMANDOS DO ROSCOE
Para diversos comandos do Roscoe, notamos que podem ser utilizadas duas
sintaxes. Na primeira digitamos o comando completo e, na segunda, digitamos apenas a
inicial ou parte do comando. Nos comandos que seguem, são apresentadas as duas
maneiras.

4.1. INPUT
Sintaxe  I ou INPUT
Um espaço para inclusão de linhas é criado na tela.
Exemplos:
I  se a AWS possuir cartões, o espaço será criado a partir da última linha
I  o espaço será criado entre a linha 100 e a linha seguinte)
I T  input antes da primeira linha)
I B  input após a última linha)

Caso sejam preenchidas todas as linhas fornecidas, um ENTER fornecerá um nova


tela para INPUT. As linhas onde não foram fornecidos dados serão desconsideradas.
CA-Roscoe Página 6
Programa de Treinamento Unibanco G&P

Se for necessário o ROSCOE fará uma renumeração nas linhas que seguem aquelas
que foram incluídas.

4.2. SAVE
Sintaxe  S nome ['descrição'] [atr.seq] [atr.acesso] ou
SAVE nome ['descrição'] [atr.seq] [atr.acesso]
Onde:
Nome  um a oito caracteres definindo o nome do membro
Descrição  um a trinta caracteres para comentários livres
Atr.seq  define colunas para a presença da numeração das linhas quando
houver submissão de um JOB:
 Seq [n1 n2 ]  o campo de tamanho n2 iniciado na coluna n1 será
reservado para a numeração
 Noseq  nenhuma coluna será usada para numeração

 default  seq 73 8

Atr.acesso  define se o membro pode ou não ser acessado por outros usuários.
 Shared  o membro pode ser acessado

 Restricted  o membro não pode ser acessado

Exemplos:
S LIST4 ‘ALUNOS QUARTO ANO’
S APRO88 ‘LISTA APROV. VESTIB’ R

4.3. UPDATE
Sintaxe  U membro ['descrição'] [atr.seq] [atr.acesso]
UPDATE membro ['descrição'] [atr.seq] [atr.acesso]
O membro especificado será substituído pelo conteúdo atual da AWS. Para atualizar
o último membro trazido por FETCH ou criado por SAVE, utilize o asterisco (*).
As opções de descrição e atributos de seqüência e acesso funcionam exatamente
como no comando SAVE e, se usadas aqui, irão modificar o que fora definido na criação do
membro.

4.4. RENAME
Sintaxe  RENAME nome-antigo nome-atual [atributos]
R nome-antigo nome-atual [atributos]
Este comando pode ser usado também para mudar atributos do membro.

CA-Roscoe Página 7
Programa de Treinamento Unibanco G&P

4.5. ALTER
Sintaxe  ALTER membro ['descrição'] [atr.seq] [atr.acesso]
Muda qualquer uma das características do membro especificado
Para se conferir pode-se emitir um A L + ou LIB e examinar a posição atual do
membro.

4.6. FETCH
Sintaxe  F membro [11 [12]]
FETCH membro [11 [12]]
Uma cópia do membro solicitado será total ou parcialmente carregada na AWS. O
conteúdo anterior da AWS será destruído
Exemplos
F LIST1
F LIST1 10 1000 (intervalo de linhas)
F LIST1 100,, (a partir da linha 100)

4.7. ATTACH para edição


Sintaxe  A [AWS] / string / [11 [12]]
ATTACH [AWS] / string / [11 [12]]
Uma cópia do conteúdo atual da AWS será exposta na tela para efeito de pesquisa
e/ou alteração.
Qualquer alteração feita na tela neste formato será efetuada na AWS após um
ENTER ou uma PFK de rolamento da tela ser pressionada.
A continuação das linhas é conseguida pressionando-se ENTER.
Exemplos:
A
A 10,, (a partir da linha 10)
A /PROCEDURE/ (a partir da primeira ocorrência do string PROCEDURE)

4.8. ATTACH para visualização


Sintaxe  A membro / string/ [11 [12]]
ATTACH membro / string/ [11 [12]]
O membro solicitado será mostrado na tela apenas para efeito de pesquisa. O
conteúdo atual da AWS não é alterado. A área de dados ficará protegida.
Exemplos:
A PROG1
A PROG1 /CALCULOS/

CA-Roscoe Página 8
Programa de Treinamento Unibanco G&P

4.9. DELETE
Sintaxe  DEL [membro]
Deleta o membro especificado.
Exemplo:
DELETE ZZZZZMSG

4.10. LIST
Sintaxe  LIST ou LIST membro
Lista todo ou parte do AWS ou membro de uma biblioteca, não permitindo sua
edição.

4.11. COPY
Sintaxe  C [membro] [l1 [12]] l3 [Nn]
Uma ou mais linhas da AWS ou do membro mencionado serão repetidas uma ou
várias vezes após o ponto indicado.
 membro  quando se deseja extrair as linhas de um membro existente na
ROSLIB
 l1 12  definem a linha ou intervalo de linhas da AWS ou do membro que se
deseja copiar
 l3  define a linha da AWS após a qual serão copiadas as linhas. Pode ser um
número ou T <top) ou B <bottom>
 Nn  pode ser usado para várias cópias consecutivas. Se omitida um cópia
apenas será feita

Exemplo:
 C 4 7 10 N4  As linhas da AWS compreendidas entre a 4 e a 7 serão copiadas
4 vezes após a linha 10
 C PROG5 100 2000 B  As linhas de membro PROG5 compreendidas entre
100 e 2000 serão copiadas após a última linha da AWS.

4.12. MOVE
Sintaxe  M 11 [12] 13
Uma ou mais linhas da AWS serão rearranjadas.
 11 12  definem a linha ou intervalo de linhas da AWS que serão movidas

 13  define a linha da AWS após a qual serão movidas as linhas. Pode-se usar
T ou B, como alvo de movimentação.

CA-Roscoe Página 9
Programa de Treinamento Unibanco G&P

RENUMBER
Sintaxe  R [n1 n2]
RENUMBER [n1 n2]

As linhas da AWS são renumeradas sendo n 1 o úmero da primeira linha e n 2 o


incremento usado para se determinar o número das linhas seguintes.

4.13. DELETE
Sintaxe  DEL [11 [12]]
DELETE [11 [12]]
Deleta linhas da AWS, total ou parcialmente.
Exemplos:
DEL (deleção total)
DEL 10 (deleta a linha 10)
DEL 10 40 (exclusão do intervalo)
DEL 1000,, (a partir da linha 1000)

4.14. DELETES
Sintaxe  DELS [col1 [co12]] /string/ [11 [12]]
DELETES [col1 [co12]] /string/ [11 [12]]
Elimina as linhas que contiverem a string mencionado, onde:
 col1 e col2 podem ser usados para limitar as colunas que serão consideradas
(Default: 1 80)
 11 e 12 podem ser usados para limitar as linhas

4.15. DELETEX
Sintaxe  DELX [C011 [col2]] Istringi [li [12]]
DELETEX [C011 [col2]] Istringi [li [12]]
Deleta todas as linhas que não contém a string mencionada.
Exemplo:
DELX /DIVISION/ 100 200 (Elimina as linhas que não contém a string
“DIVISION” compreendidas no intervalo de linhas de 100 a 200. As colunas consideradas
serão da 1 a 80.

CA-Roscoe Página 10
Programa de Treinamento Unibanco G&P

4.16. EDIT

Sintaxe  EDIT [col1 [col2]] /string1/string2/ [l1 [l2]]


E [col1 [col2]] /string1/string2/ [l1 [l2]]
Substitui as ocorrências de string1 por string2.
 col1 e col2 podem ser usadas para limitar as colunas; se omitidas o ROSCOE
assumirá de 1 a 80.
 l1 e 12 podem ser usadas para limitar as linhas.

4.17. FILL
Sintaxe  FILL [col1 [col2]] /string/ [l1 12]
Preenche, com a string mencionada, as colunas de col1 a col2, no intervalo de
linhas de l1 a l2.
Quando a string for maior que o intervalo de colunas defínido o comando não
será executado. Quando a string for menor, a mesma será repetido até completar todo o
espaço.

4.18. SEARCH (SEA) e OMIT


Sintaxe  SEARCH Icoli [c012]] Istringl (li 12]
Sintaxe  OMIT [co11 [c012]] Istringi [li 12]
 faz um display com apenas as linhas da AWS que contém (SEA) ou não contém
(OMIT) o string solic tado
 a pesquisa pode ser limitada tanto nas colunas como nas linhas

 as linhas são apresentadas somente para pesquisa, não ficando disponíveis para
alterações.

4.19. INCL
Sintaxe  INCL /string/
Localiza e faz display de de todas as linhas contendo a string especificada para
modificações.

4.20. EXCL
Sintaxe  EXCL /string/
Localiza e faz display de todas as linhas que não contenham a string especificada.

CA-Roscoe Página 11
Programa de Treinamento Unibanco G&P

4.21. FIRST / LAST / NEXT / PREV


Sintaxe  FIRST [col1 [col2]] [/string/] [n]
Sintaxe  LAST [col1 [col2]] [/string/] [n]
Sintaxe  NEXT [col1 [col2]] [/string/] [n]
Sintaxe  PREV [col1 [col2]] [/string/] [n]
Localiza a string na AWS conforme desejado, sendo respectivamente a primeira,
última, próxima ou anterior ocorrência.
As colunas podem ser limitadas por col1 e co121 e o número de linhas a serem
pesquisadas a partir da posiçóo atual pode ser limitado por n.
Se string for omitido, a pesquisa será feita com o mesmo string usado no último
comando deste tipo.

4.22. FIND (para informações de membros)


Sintaxe  FIND membro
 Pesquisa por um membro, exibindo as seguintes informações sobre ele:

 Nome do membro na biblioteca.

 Descrição do membro se esta existir.

 Data que o membro foi criado ou acessado pela última vez.

 Data que o membro foi atualizado pela última vez se esta existir.

 Número de linhas no membro.

 Coluna inicial e tamanho dos campos

 Atributo de acesso, sendo Shared (compartilhado), Execonly (apenas para


execução) ou Restricted (restrito).

RSHIFT e LSHIFT
Desloca para a direita (right) ou esquerda (left) todo ou parte da AWS.
Sintaxe  LSHIFT v <p<q»
RSHIFT v <p<q»

v é o número de posições a serem deslocadas e p<q são o intervalo de linhas.


v é o número de posições a serem deslocadas e p<q> são o intervalo de linhas.

4.23. PREFIX
Sintaxe  PREFIX 'string' <p<q»
SUFFIX 'string' <p<q»
Prefixa ou sufixa toda ou parte da AWS com um conjunto de caracteres
especificados.

CA-Roscoe Página 12
Programa de Treinamento Unibanco G&P

'string' é o conjunto de caracteres para prefixacão. Máximo de 80 caracteres.O p<q>


é o intervalo de linhas.

4.24. STATUS (STA)


A emissão do STATUS fornece as seguintes informações sobre a sessão do
ROSCOE e dentre as diversas informações destacamos:

 CURRENT MEMBER - último membro trazido (FETCH) para AWS ou salvo


(SAVE)
 LAST LINE - número da última linha da AWS
 TOTAL LINES - número de linhas da AWS
 BASIC OU x - opção de conjunto de caracteres
 EDIT - as colunas limites para edição
 SEQ ou NOSEQ - atributo de sequência da AWS
 NUM, NONUM, NUMX - formato do display
 MILXREC número máximo permitido de linhas a serem salvas na ROSLIB
 CURREC - total de linhas que você salvou na ROSLIB at~ agora. A
disponibilidade atual corresponde à diferença entre M~UCREC e CURREC
 TIME IN - hora em que a sessão iniciou
 ELAPSED TIME - tempo que a sessão foi ativada

4.25. STA AWS


O comando STA AWS fornece informações sobre as AWS criadas nesta sessão do
ROSCOE.

4.26. SEND
Sintaxe 1  SEND KEY=key ‘mensagem’
ou
SEND PFX=pfx ´mensagem’
Sintaxe 2  SEND AWS KEY=key
ou
SEND AWS KEY=key
Na sintaxe 1, você pode enviar uma mensagem de até 64 posições para a chave
identificada por key ou pelo prefixo pfx.
A mensagem será recebida na linha de mensagens do destinatário.
Na sintaxe 2, você pode enviar um texto de diversas linhas que estiverem na AWS
ou em um membro de sua ROSLIB.

CA-Roscoe Página 13
Programa de Treinamento Unibanco G&P

O texto será enviado para um membro especial na ROSLIB do destinatário, ao


mesmo tempo que ele receberá uma mensagem anunciando o envio. Esta mensagem tem o
seguinte formato:
MSG FROM key IN MEMBER Zmddhhzzun
Onde key é a chave de onde partiu a mensagem e Zmddhhmm é o nome do membro
que reflete mês (em hexa), dia, hora e minuto que ocorreu a gravação.

Em ambos os casos, e estando ou não o destinatário com a chave ativa, as


mensagens recebidas na linha de mensagens são gravadas num membro na chave do
destinatário com o nome ZZZZZMSG.

4.27. PRINT ou P
Comando de impressão. Permite iniciar ou cancelar jobs de impressão.
Para iniciar impressão:
Sintaxe  PRINT <AWS | membro | JOB> l1 l2 <opções>
A impressão será feita de toda ou parte da AWS (default), membro da ROSLIB ou
FILE de um JOB “attachado”, de acordo com o que foi especificado.
li e 12  podem limitar as linhas para impressão.
Opções
 TYPE ANS  a impressão será feita considerando-se o conteúdo da primeira
coluna de cada linha como caracter de espacejamento vertical no padrão
ANSI.
 NUM  a impressão incluirá a numeração das linhas àesquerda da folha
(default).
 NONUM  oposto ao NUM

 DEST name  a impressão será destinada a impressora especificada. Existem


duas opções de impressora, sendo que uma delas é default.
Exemplos
 P 1 100 NONUM DEST PRT177  A impressão será a partir da AWS (linhas 1
até 100)1 sem numeração e na impressora alternativa PRT177.
 P JOB TYPE ANS  A impressão será a partir do FILE do JOB “attachado”
com caracter de controle padrão ANSI, na impressora default.
Para cancelar uma impressão:
Sintaxe  P CANCEL DEST nome
Onde nome é a identificação da impressora para a qual foi destinada a última
impressão. Se a impressão já estiver ocorrendo, a interrupção não será instantânea.

CA-Roscoe Página 14
Programa de Treinamento Unibanco G&P

4.28. JCL ou JCL-J


Este comando ira examinar o JCL contido na AWS e emitir mensagens apontando
eventuais erros de Sintaxe.
JCL-J inclui nas mensagens uma lista dos data set names encontrados.
A não constatação de erros pelo ROSCOE não garante que o JOB STREAM esteja
correto, mas sim que ele não tem erros de sintaxe e que está dentro dos padrões do sistema.

4.29. COB
Sintaxe  COB [string]
O ROSCOE irá examinar o texto contido na AWS e emitirá mensagens criticando
comandos que não obedeçam as regras do COBOL.
String é uma letra determinando o nível do COBOL.

4.30. PLI
Sintaxe  PLI (stringj
O ROSCCE irá examinar o texto contido na AWS e emitirá mensagens
criticando comandos que não obedeçam as regras do PL/I.
String é uma letra determinando o nível do PL/I.

4.31. SET MODE


Seta o modo de trabalho do terminal.
 SET MODE BASIC  todos os caracteres convertidos para maiúsculos.
caracteres especiais são reconhecidos.
 SET MODE X  Xtended; são reconhecidos e mantidos caracteres
maiúsculos, minúsculos números caracteres especiais.
 SET MODE NUM  cada linha começa com um campo de sequência de seis
dígitos protegidos, seguido pelo campo de dados.
 SET MODE NONUM  cada linha contém apenas o campo de dados (sem
sequência).
 SET MODE NTIMX  cada linha começa com um campo de sequência de seis
dígitos não protegidos, seguido pelo campo de dados. Neste formato
uma série de comandos podem ser dados em cima do campo de
sequência (comand lines).

4.32. CREATE AWS


Sintaxe  CREATE AWS awsname
Cria uma nova AWS. Podem ser criadas mais duas AWS's em uma sessão do
ROSCOE.

CA-Roscoe Página 15
Programa de Treinamento Unibanco G&P

4.33. DELETE AWS


Sntaxe  ELETE AWS awsname
Deleta o conteúdo da AWS q

4.34. DISCARD AWS


Sintaxe  DISCARI) AWS awsname

Remove uma AWS e deleta o seu conteúdo. 1

4.35. RENAME AWS


Sintaxe  RENAME AWS awsnamel awsname2
Renomeia uma AWS

4.36. SUBMIT
Sintaxe  SUB AWS
SUB membro1 membro2
Submete à execução do MVS o conteúdo da AWS ou um membro. Ambos devem
conter comandos válidos da JCL.
Exemplos
 SUB somente o conteúdo da AWS.

 SUB AWS DADOS  AWS seguida pelo membro DADOS.

 SUB JCL PROG  membro JCL seguido pelo membro PROG.

Quando dentro do texto for fornecido algum arquivo em cartões que usem as
colunas 73 e 80, a opção de SEQ 73 8 (default) deve ser evitada, usando-se NOSEQ ou
SEQ COBOL.

4.37. DISPLAY
Sintaxe  DIS [operandos]
Mostra o status dos jobs solicitados.
Status
 AWAIT EXEC  o JOB está em uma fila de execução aguardando
disponibilidade de um INITIATOR que atenda a classe.
 EXECUTING  o JOB está sendo executado.

 AWAIT PRT (H) o JOB já foi executado integralmente e suas SYSOUTS estão
prontas para serem "ATTACHADAS" pelo responsável.

CA-Roscoe Página 16
Programa de Treinamento Unibanco G&P

Formas para se obter o Status:


 DIS  apresenta somente os JOBs cujas duas últimas posições correspondem
ao prefixo da chave do usuário.
 DIS string+  apresenta somente os JOBs cujas primeiras posições
correspondem ao string fornecido.
 DIS n classe  apresenta os JOBs que estão aguardando execução na classe
indicada.
 DIS ALL  apresenta tudo o que está ativo na máquina.

 DIS INIT  apresenta as informações sobre as initiators

4.38. PURGE
Sintaxe  PURGE jobname [jobnum]
Este comando elimina o job indicado; caso haja vários jobs com o mesmo nome,
deve-se informar o número após o jobname.
Observação: após o ROSCOE sair do ar, as SYSOUTS de todos os jobs serão
canceladas.

4.39. DET JOB


Este comando encerra o "attaching, mas retém as sysouts no SPOOL para pesquisas
posteriores.

4.40. ATTACH JOB


Sintaxe  A JOB jobname jobnum [cc] [opções]
O “ATTACH” emitido desta forma inicia a apresentação das SYSOUTS.
 Jobname  nome do JOB

 Jobnum  é o número do job; usar quando houver mais que um job com o
mesmo jobname.
 *  usar quando se deseja retornar ao JOB que já fora “attachado”; isto é útil
quando se deseja examinar a AWS ou emitir um DISPLAY durante a verificação
das SYSOUTS.
 cc  usar quando se deseja incluir no display os caracteres de controle de
espacejamento vertical.
 opções  usar quando se deseja posicionar o display em um file específico.

Exemplo:
A JOB EXEMPLX1 F 4  o FILE 4 será apresentado imediatamente.

CA-Roscoe Página 17
Programa de Treinamento Unibanco G&P

Diversos comandos existem para se mudar de FILES ou de linhas dentro de um


FILE. Os exemplos a seguir ilustram as diversas possibilidades:
 NEXT FILE ou N F  avança para o FILE seguinte ao que estiver sendo
apresentado.
 PREV F  retrocede um FILE

 LAST F  avança para o último FILE que fora gerado

 FIRST F  retrocede para o FILE 1

 POINT F 4  posiciona no FILE 4

Comandos semelhantes podem ser emitidos para movimentação de linhas dentro de


um FILE.
Exemplos:
 N L  avança uma linha

 PREV L  retrocede uma linha

 LAST L  avança para última linha

 FIRST L  retrocede para primeira linha

 POINT L 80  posiciona na linha 80 do FILE

Diversos comandos fazem pesquisa dentro de um FILE usando uma string


específica. Os exemplos abaixo ilustram as diversas possibilidades:
 FIRST /4. ANO B  apresenta o FILE a partir da primeira ocorrência da string

 NEXT /FINANCEIRQ/  considerando-se a posição atual do ILE, avança para


a próxima ocorrência da string.
 PREV /FINANCEIRO/  equivalente ao anterior, com a diferença que faz a
pesquisa para trás.
 LAST /PARCIAL/  avança para a última ocorrência da string

 INCL /7.0/ - lista, a partir da posição atual, todas as linhas que contém a string

 EXCL /00.0/ - lista, a partir da posição atual, todas as linhas que não contém a
string
Quando a string for omitida, o ROSCOE usará o mesmo do último comando deste
tipo emitido.
Exemplo:
LAST /MEDIA/ PREV
Estes dois comandos provocarão a apresentação a partir da penúltima ocorrência de
‘MEDIA’.
Você pode também restringir a pesquisa a determinadas colunas.
Exemplo:
INCL 10 30 /PREÇO/

CA-Roscoe Página 18
Programa de Treinamento Unibanco G&P

5- REPETICÃO DE COMANDOS
5.1. REEXECUÇÁO DO ÚLTIMO COMANDO
Uso do - (sinal de menos).
Para se reexecutar o último comando basta digitar o sinal e pressionar o ENTER.

5.2. REDISPLAY
Uso do + (sinal de mais) e STA COM

Para se reescrever o último comando executado basta digitar o sinal de’+' e


pressionar ENTER.
A seguir pode-se reexecutar o mesmo comando, com alteração ou não,
pressionando-se novamente o ENTER.
Se você emitir um comando STA COM (STATUS COMMAND), será fornecida, na
área de dados, uma lista dos últimos vinte e cinco comandos executados.
Neste ponto você pode escolher um ou mais comandos para serem reescritos na
área de comandos e posteriormente reexecutados.
Exemplo: Suponha que ao emitir o 'STA COM' você tenha:
1 STA COM
2 S PROG2
3 A
4 DEL 1 10
5 F PROG1
Se você digitar '+5' você vai selecionar o “F PROG1” para ser reescrito na área de
comando.
Se você digitar "+5,3" você vai obter:
F PROG1
DEL 1 10
A
disponíveis na área de comandos para serem reexecutados.

6- PFK's E PA's
Algumas funções estão associadas as PFKs e às PA’s do teclado. São elas:
 PF1 - SPLIP SCREEN - divide a tela do ROSCOE em duas, dando a condição
de se trabalhar com duas AWS's independentes
 PF2 - muda o cursor de uma tela para outra quando se trabalha com duas (PF1).

CA-Roscoe Página 19
Programa de Treinamento Unibanco G&P

 PF3 - fim do SPLIP SCREEN - volta trabalhar com apenas uma tela,
eliminando no caso aquela em que estiver o cursor, quando acionada a tecla
PF3.
 PF4 - aciona o 'DATA SET FACILITIES'
 PF5 - inverso do PF4 - desloca a tela para a direita
 PF6 - entra em processamento de DISPLAY. Para sair emita um END.
 PF7 - BACKWARD SCROLL - retrocede uma página da tela.
 PF8 - FORWARD SCROLL - avança uma página da tela (=ENTER).
 PF9 - INPUT - fornece uma tela para INPUT de dados a partir da linha em que
o cursor estiver posicionado.

 PF1O - desloca a tela para a esquerda.


 PF11 - desloca a tela para a direita.
 PF12 - exibe, na área de comandos, o último comando emitido (equivale a “+”
seguido de ENTER).

7- INFORMACÕES SOBRE COMANDOS DO ROSCOE


Comando HELP

Sintaxe  HELP comando [level]

Exibe informações detalhadas sobre comandos do ROSCOE.


Use PF8 para avançar a tela e CLEAR para terminar a exibição.
Use level para explicação de comandos que têm subcomando
Exemplos:
HELP SET  apresenta o comando SET de forma geral
HELP SET MODE  apresenta o comando SET usado com o subcomando
MODE.

CA-Roscoe Página 20