Você está na página 1de 30

Sumário

Capítulo 1 - Opções: do Risco ao Lucro


1.1 - Introdução
1.2 - As quatro vantagens inigualáveis do mercado de
opções
1.3 - O mais importante antes de começar

Capítulo 2 - Como Tudo Começou:


Projeto A Grande Tacada
2.1 - Conceito
2.2 - Comunidade AGT
2.3 - Pré-AGT

Capítulo 3 - o Poderoso Multiplicador de Capital:


A Regra dos 10 Tiros
3.1 - Conceito
3.2 - Quem pode ser um atirador?
3.3 - Como a Regra dos 10 Tiros funciona na prática?
3.4 - Quanto dinheiro aplicar?
3.5 - Como fazer uma boa aplicação?
3.6 - Por que os valores são sempre múltiplos de 2?

Capítulo 4 - Conclusão

Capítulo 5 - Biografia
1
Opções:
do Risco ao Lucro
1. Opções: do Risco ao Lucro

Muito se fala sobre o risco do mercado de opções, mas pouco


sobre as possibilidades de alto retorno. Por isso, neste e-book
eu vou ensinar como usar o mercado de opções de um jeito
responsável, limitando drasticamente os riscos e possibilitando
multiplicar seu capital em até dez vezes.

É o jeito Grande Tacada de operar opções.


Mas vamos começar pelo começo.

O que são opções?

Opções são instrumentos que dão o direito de comprar


ou de vender uma ação no futuro por um preço pré-
determinado. Tecnicamente, são classificados como
derivativos.

Elas foram criadas como uma espécie de seguro para


garantir no presente a possibilidade de comprar ou vender
ativos no futuro por um preço pré-determinado. Em outras
palavras, é um jeito de definir hoje o preço que será pago
amanhã (você já vai entender no exemplo adiante).

Conforme criou-se liquidez diária de ações, o mercado de


opções acabou nascendo e se tornando a ferramenta de
alavancagem mais poderosa e segura que já existiu.
1. Opções: do Risco ao Lucro

Para conhecer os conceitos, entender como operar nesse


mercado, quais são as vantagens, os custos, os riscos e as
principais estratégias com opções, clique aqui e baixe o
ebook: “Opções - Descubra como funciona esse mercado”.

Existem dois tipos de opções: as Calls (opções de compra) e


as Puts (opções de venda). Vou citar um exemplo para você
entendê-las melhor:

Call
É o direito de comprar o papel no futuro a um certo preço
estabelecido hoje. Suponha que a Petrobras esteja a R$ 20
hoje. Ao comprar um call, você compra o direito de obtê-la a
R$ 21 daqui a um mês. Nesse caso, você vai ganhar dinheiro.
Se estiver abaixo de R$ 21 ela não terá valor nenhum (vira pó).

Put
É o direito de vender o papel no futuro a um certo preço
estabelecido hoje. Usando o mesmo exemplo: se a Petrobras
está R$ 20, é possível comprar o direito de vendê-la a R$
19,50 no futuro. E, de novo, se a Petrobras estiver abaixo
desse valor, vai ser lucrativo, caso contrário é melhor vender
a mercado.
1. Opções: do Risco ao Lucro

O melhor exemplo prático para explicar o que é uma put é o


seguro de um carro. Paga-se uma quantia por ano para que,
se algo acontecer com o veículo, o dono dele consiga vendê-
lo por um preço pré-estabelecido. O segurado, portanto,
é o comprador de uma put. No caso de uma perda total,
por exemplo, ele tem o direito de vender o carro para a
lançadora da lançadora da opção (no caso a seguradora)
pelo valor de tabela, por exemplo.

Isso faz com que o investidor opere protegido, além de


aumentar a possibilidade de alavancar os ganhos de maneira
quando se acerta, com riscos totalmente controlados.

Assim, pode-se dizer que comprar opções é sim arriscado no


sentido de que o investidor pode perder tudo o que coloca
no mercado, mas apenas isso. Ele está com o stop no “pó” —
e isso acaba sendo a maior vantagem, pois as perdas estão
sempre limitadas e previstas.

Por outro lado, o que buscamos é acertar. E quando isso


acontece, pode-se ganhar duas, três, cinco, dez vezes mais
do que foi investido.
1. Opções: do Risco ao Lucro

Assim, trocamos o risco de perda total, porém limitada, pela


possibilidade de ganho maior exponencial.

Os traders que se dedicam a estudar as opções, com suas


mais variadas estratégias, têm excelentes resultados e
utilizam deste mercado para alavancar o capital e também
protegê-lo sempre que necessário.

Eu gosto de deixar muito claro que não existe o melhor


investimento, a melhor operação. O que existe é conhecer
os tipos de investimentos e operações, seus riscos e
oportunidades, e identificar como utilizar o melhor deles
para multiplicar seu dinheiro, conforme o seu perfil de
investidor/trader.

As quatro vantagens
inigualáveis do mercado
de opções
1. Controle e limitação dos riscos

Com o mercado de opções você pode limitar suas perdas


e maximizar absurdamente seus ganhos. Operando travas
1. Opções: do Risco ao Lucro

ou a seco, é possível saber o quanto poderá perder, caso seu


cenário previsto não ocorra.

Nas duas outras formas de se alavancar no mercado (futuros e


a termo), sim, é possível perder mais do que você disponibilizou
e você pode perder o dinheiro usando como garantia da
corretora.

Este é um dos segredos dos traders e investidores de sucesso,


gerenciamento de risco.

2. Possibilidade de ALTA rentabilidade com baixo capital

Existe um grande mito de que o mercado de opções é somente


para investidores com grande capital. Não, não é! É possível
realizar operações com opções a seco ou travas com até menos
de R$ 1.000. Mas, claro, quanto maior for o tamanho da sua
operação, maior poderá ser seu retorno.

3. Possibilidade de lucrar em mercados em queda ou em


alta

O mercado está em queda? Maravilha! O mercado está em alta?


Maravilha! Com o mercado de opções, é possível surfar tanto as
ondas baixas, quanto as altas. Até por isso que existem as puts
(opções de venda) e as calls (opções de compra).
1. Opções: do Risco ao Lucro

4. Rentabilizar a carteira de ações

Você tem uma carteira de ações, gostaria de se defender


de uma eventual queda e, se possível, usar o capital destas
operações para comprar ainda mais ações para engordar seu
capital? Com as opções isso é possível.

Estas são algumas das razões pelas quais as opções são uma
excelente alternativa para rentabilizar e proteger seu capital.
Se utilizadas da forma correta, as opções são uma excelente
ferramenta para multiplicar e defender seu patrimônio.
1. Opções: do Risco ao Lucro

1.1 - Investimento x Trade: O mais


importante antes de começar
A coisa mais importante que você deve saber antes de entrar no
mercado de renda variável é a diferença entre investimento e
trade.

Investimento
É o ato de trocar seu dinheiro por ativos que você considera
ter um bom preço e podem trazer retorno. Nesse caso são
ativos que irão trabalhar para você, seja lhe dando uma boa
rentabilidade ou pagando dividendos.

No entanto, a maioria das pessoas não pensa nisso e aloca


todo o seu capital nas ações, que têm risco. Isso contribui para
acabarem dependendo da sorte ou do momento do mercado
para começar a ganhar ou começar a sofrer.

É importante você saber que quando o seu interesse for investir


a longo prazo, deve dividir seu lote em parcelas e comprar aos
poucos, de maneira que você isole a volatilidade e não tenha
um preço de entrada, mas sim um preço médio na empresa que
escolheu para ser sócio.

Os grandes segredos do bom investidor são escolher ativos


de qualidade e aproveitar a volatilidade do mercado. Por isso,
1. Opções: do Risco ao Lucro

indico sempre estar comprando, alterando o preço médio da


carteira, e, de preferência, começar a sua carteira com preços
atrativos (esses, na maioria das vezes, aparecem nos momentos
de crise).

Trade
É o ato de trocar o risco de perder dinheiro por um ganho maior
de capital, no qual você tem um stop se der errado e um alvo
se der certo. Nesse caso, é ideal que seu alvo seja maior do que
seu stop.

O trade não é para todos, pois além de o investidor precisar de


tempo para acompanhar o mercado (mesmo que seja uma vez
por dia), é necessário ter um psicológico preparado para lidar
com perdas e ganhos de dinheiro. Na minha opinião, é um local
perigoso se você não souber fazer a coisa certa.

Por isso, sempre que você quiser fazer uma aposta acreditando
que o mercado está barato e vai ficar caro e vice-versa, é
imprescindível ter um stop, isto é, o valor de perda que você
aceita para esse trade. É diferente de ir comprando ações de
uma empresa ao longo do tempo. Mesmo que ela esteja caindo,
o seu preço médio vai caindo junto e assim você vai adquirindo
mais ativos daquela empresa.
2
Como Tudo Começou:
Projeto “A Grande Tacada”
2. Como Tudo Começou: Projeto “A Grande Tacada”

2.1 - Conceito
Aprender a operar opções da forma correta, maximizando os
resultados e reduzindo os riscos. Com esse propósito foi dada a
largada do projeto ‘A Grande Tacada’ (AGT) em janeiro de 2016.
De lá pra cá muita coisa mudou e hoje o projeto é consolidado no
país como um dos mais importantes do cenário financeiro.

O projeto AGT é o primeiro treinamento 100% online sobre


opções no Brasil que, além de todo o material em vídeo-
aulas, dispõe de uma comunidade para interação e constante
aprendizado dos alunos.

É indicado também para quem deseja aprender estratégias


testadas e comprovadas com travas, operações a seco e também
maximizar o retorno das ações, entrando em operações com
grande potencial de retorno, com risco controlado e limitado. É
destinado a traders e investidores que já possuem experiência
no mercado de ações, mas não necessariamente no mercado de
opções.

O objetivo do treinamento é ajudar o iniciante a começar com o


pé direito nas opções e o trader que já tenha alguma experiência
a maximizar os resultados com risco controlado.
2. Como Tudo Começou: Projeto “A Grande Tacada”

O que você aprende na


Grande Tacada

As técnicas que utilizo há anos para operar tanto na ponta de


compra como na de venda;
Como aumentar absurdamente as possibilidades de ganhos
nos trades;
Conhecer as regras e entender a importância delas para o
seu sucesso como trader;
O timing para entradas e saídas dos trades;
Como selecionar a melhor operação para entrar;
As melhores estratégias para rentabilizar seu capital de
forma segura, seja com operações a seco ou com travas;
Como operar opções dentro, fora e no dinheiro;
A usar a Análise Técnica para auxiliar na sua tomada de
decisão;

O AGT abrange desde os conceitos básicos até estratégias na


prática para operar com segurança e lucratividade. Se você é um
completo iniciante, irá saber como iniciar no mercado de opções
da forma certa. Por já ter trilhado este caminho e ter ministrado
dezenas de palestras e treinamentos, eu sei exatamente quais
são as maiores dificuldades e desafios de um iniciante no
mercado. E se você já tem alguma experiência com opções, vai
2. Como Tudo Começou: Projeto “A Grande Tacada”

aprender como otimizar seus resultados e rentabilizar mais seu


capital, respeitando os riscos do mercado.

2.2- Comunidade AGT

Esse é um dos grandes diferenciais do projeto ‘A Grande


Tacada’. Uma comunidade exclusiva no Facebook na qual eu
divulgo recomendação de operações (o que também acontece
através do aplicativo para celular) e os participantes podem
interagir e ter um constante aprendizado através da troca de
experiências.

2.3- Pré AGT

É o módulo introdutório sobre os conceitos básicos e os pilares


da metodologia ‘A Grande Tacada’. No caso de um completo
iniciante no mercado, este é o “pontapé” inicial para aproveitar
o curso em sua totalidade. Nele se conhece de forma prática e
objetiva os assuntos que envolvem o treinamento. Já no caso
de experientes no mercado, o conteúdo serve para consolidar
e atualizar os conhecimentos, além de apresentar os pilares da
metodologia.

Ao longo das edições do projeto AGT, pude perceber que alguns


investidores têm dificuldades para ingressar a fundo (e com
2. Como Tudo Começou: Projeto “A Grande Tacada”

segurança) nas opções, por serem iniciantes ou com pouco


conhecimento no mercado. O ‘Pré AGT’ foi criado para suprir de
forma efetiva essa “insegurança”. De uma maneira bem simples,
o que se faz quando tem medo do escuro? Acende a luz, certo?
Exatamente isso que faço dentro do Pré-AGT. É uma base sólida
para saber onde pisar e não entrar de qualquer maneira no
novo.
3
O Poderoso
Multiplicador de Capital:
a Regra dos 10 Tiros
3. O Poderoso Multiplicador de Capital: a Regra dos 10 Tiros

Todo bom atirador calcula muito bem seus movimentos antes


de tentar acertar o alvo, até por que não é só apontar e atirar.
Deve-se estar atento a cada mínimo detalhe que possa interferir
e ser obstáculo para que o tiro seja certeiro.

Você verá que para se tornar um trader de sucesso não precisa


ser só bom de mira, mas ter a estratégia adequada. Estou aqui
justamente para te ajudar nisso. Então vamos à Regra dos 10
tiros que criei dentro do projeto ‘A Grande Tacada’.

3.1 - Conceito

São dez aplicações sequenciais em opções para multiplicar seu


capital em dez vezes ou mais, proporcionando uma resistência
para a quebra ao mesmo tempo que abre possibilidade grande
de conseguir multiplicar o seu capital com segurança.

3.2 - Quem pode ser um “atirador”?

Qualquer pessoa com alguma prática de investir pode se


tornar um “atirador”, e isso independe do quanto você tenha
de dinheiro para fazer o “disparo”. Trata-se de um investimento
que exige pouco capital, o que ajuda pessoas de diferentes
condições financeiras a terem a possibilidade de se inserir no
mercado de ações e obter bons resultados.
3. O Poderoso Multiplicador de Capital: a Regra dos 10 Tiros

3.3 - Como a Regra dos 10 tiros


funciona na prática?

Funciona assim: você determina um valor e, ao invés de


investi-lo de uma só vez, divide a quantia em dez disparos. Por
exemplo: você tem R$ 2.000, então o que vai fazer é efetuar dez
disparos de R$ 200. O máximo que pode perder é o valor que foi
disparado.

Além disso, cada disparo deve ser feito com o objetivo de dobrar
o capital. A partir do momento que seu capital dobrou, deve ser
feita uma nova aposta com o valor do disparo agora duplicado.

Continuando com o mesmo exemplo: no primeiro tiro usei


R$ 200 de “munição”. Com esse tiro ganhei R$ 600. O que
devo fazer agora é pegar os R$ 400 que sobraram e dar um
novo tiro, agora de R$ 400.

O foco é dobrar o capital e recomeçar os 10 tiros com o dobro.


Você vai tentar essa estratégia até chegar a R$ 8.000, dar
10 tiros com R$ 800 até chegar em R$ 16.000,00 e por aí em
diante.

Essa operação deve durar mais ou menos um ano. Não é


um jogo rápido e impensado. Deve haver muito estudo,
3. O Poderoso Multiplicador de Capital: a Regra dos 10 Tiros

conhecimento do mercado e análise dos gráficos. Você precisa


estar ciente de qual é o momento certo para dar cada tiro. É
uma atividade que exige muita disciplina, calma e inteligência
emocional.

E não se esqueça: quando der gain, é hora de fazer uma


aplicação maior.

3.4 - Quanto colocar de dinheiro?

Estes são os valores que recomendo a você que pretende


começar:

Mínimo ideal de R$ 2.000: Como geralmente fazemos operações


com trava, com opções a partir de R$ 0,20, esse é o valor ideal
para termos dez tiros possíveis. É bem melhor começar com
R$ 2.000 que com R$ 200.000 por questões psicológicas e
emocionais. Ter tanto dinheiro em risco de saída pode afetar
suas decisões.

Mínimo de R$ 1.000: Também é uma opção, mas neste caso


é preferível diminuir o número de tiros. Se com R$ 2.000 era
indicado 10 tiros, com R$ 1.000 sugiro apenas 5 tiros. Com
menos desse valor, o custo envolvido nas operações fica muito
alto e há mais chance de quebrar.
3. O Poderoso Multiplicador de Capital: a Regra dos 10 Tiros

3.5 - Como devo operar?

Efetuar somente operações de compra ou trava de opções a


seco (as travas são operações na qual compramos duas calls ou
duas puts com vencimentos iguais e valores diferentes).

Operações altistas - call a seco ou trava com call: ao comprar


uma call, você ganha na alta e perde se cair.

Operações de baixa - put a seco ou travas de baixa em put:


Ao comprar uma put, você ganha na queda e ela cai de preço na
alta.

Evite a parcial ao menos nos primeiros cinco tiros (gain ou


pó): Suponha que você tem 500% para buscar se der tudo certo,
mas eventualmente o mercado começa a te dar 100% de lucro.
Nesse caso é muito comum se recomendar uma realização
parcial, porque você aumenta bastante o número de vitórias e
favorece o emocional.

A cada acerto vamos ganhar entre três a dez tiros novos:


Nosso ganho total é de pelo menos três vezes o tiro que
colocamos. Não entramos se não vemos no mínimo essa
possibilidade.
3. O Poderoso Multiplicador de Capital: a Regra dos 10 Tiros

O objetivo é dobrar o capital e recomeçar os dez tiros com o


dobro:
Exemplo: Começa com R$ 2.000, recomeça com R$ 4.000,
depois R$ 8.000, assim sucessivamente.

3.6 - Por que os valores das apostas


são sempre múltiplos de 2?

Sempre uso múltiplos de dois porque é muito mais habitual ter


operações de R$ 0,20 nas opções. Opções de valores menores
(como R$ 0,03, R$ 0,05…) estão mais longes de darem certo.

ESTA DICA É A MAIS IMPORTANTE DE TODAS:

Nos tempos de mercado em alta, dez tiros são o suficiente para


você sobreviver, aprender e conseguir multiplicar seu dinheiro.
Agora se o assunto for resultados a longo prazo, o mais
indicado é ampliar a quantidade de tiros no mercado.

O mínimo são dez, mas se você quiser disparar 15, 20 tiros ou


mais, terá uma sobrevida muito maior e grandes chances de
apostar mais dinheiro sem risco.

Afinal, como já foi dito, sempre que passar do seu valor


colocado, você pode aumentar. Como se pode perceber, a Regra
3. O Poderoso Multiplicador de Capital: a Regra dos 10 Tiros

dos 10 Tiros não precisa ser necessariamente engessada, dando


ao “atirador” a liberdade de escolha da quantidade de tiros
conforme a estratégia e o capital investido.
4
Conclusão
4. Conclusão

A Regra dos 10 tiros é um dos recursos mais importantes


para quem começa no mercado de opções ter a chance
de conseguir a mudança de patamar. Neste Ebook você
começou aprendendo sobre a diferença entre trade e
investimento. Ao fazer trade você troca o risco de perder
por um ganho maior. É isso que eu defendo. O importante
não é ganhar ou perder, e sim o quanto você ganha e
perde.

Quando o mercado está em alta ou quando existe fluxo de


alta ele fica mais fácil. Historicamente, os ciclos de alta na
bolsa ocorrem logo após as crises. Quando parece ir muito
bem, é porque o mercado já está atingindo o seu topo, mas
quando tudo parece que irá acabar, é porque estamos em
um fundo e oportunidades estão surgindo, o que chamo de
“onda perfeita”.

Não tem nada melhor para dar uma Grande Tacada, do


jeito mais alavancado e seguro no mercado, do que as
opções. Se você perder, perde pouco e, se ganhar, ganha
muito. Você precisa ter em mente três coisas antes de fazer
um trade: por que você está entrando, qual o seu “stop” se
der errado (quanto vai perder) e quanto vai ganhar se der
certo. A Regra dos 10 tiros será a sua base nesse processo.
4. Conclusão

Com esse princípio, você fará com que o mercado dê o seu


próprio capital. Claro que você não vai conseguir ‘A Grande
Tacada’ logo de cara.

Primeiro é tirar o “cacife” que se precisa, aprender a operar


e depois com o capital que for lucrando, ir aumentando aos
poucos o seu lote até conquistar a tão sonhada mudança de
patamar. Em outras palavras, tirar dinheiro do mercado para se
alavancar.

Você também aprendeu neste Ebook que a partir do projeto ‘A


Grande Tacada’, dei vida à Regra dos 10 tiros para mostrar o
quanto é importante ter uma estratégia definida para se operar
no mercado. Se antes você não sabia que pode ser um atirador,
agora já sabe como e por onde começar.

E mais, você viu que se tornar um investidor de sucesso não


demanda ter muita grana e tempo disponível para ficar
vidrado 24 horas no mercado. Isso na verdade é um grande
mito.

Através da regra é possível começar a estratégia com uma parte


do dia disponível e o capital de R$ 2 mil, correspondente a dez
tiros de R$ 200. Isso, claro, é só o início.
4. Conclusão

Não tenha pressa para dar o tiro. O objetivo não é atirar para
todos os lados. Paciência, vai com calma, de vez em quando. O
intuito é que você se torne um atirador de elite através da regra
aliada à análise gráfica e às opções.

Espelhe-se num sniper, um exímio atirador, que tem a


capacidade de atirar em alvos a partir de posições escondidas
ou distâncias superiores à das pessoas não treinadas.

Quanto aos valores mínimos e operações para melhor se fazer


um disparo, siga atentamente as sugestões que te indiquei,
pois são as mais seguras para não se frustrar no meio do
caminho. Não se esqueça também de aplicar um pouco mais a
cada ganho, isso fará com que alcance os seus objetivos mais
rapidamente.

Agora que você já entendeu como ser um atirador de sucesso,


é só aguardar a oportunidade certa e colocar em prática a
Regra dos 10 tiros para ver o resultado acontecer. Respeite
seu tempo, mantenha os pés no chão e vá arriscando pouco
a pouco. Com certeza os seus dias de Gain chegarão e farão
de você um atirador de elite, assim como milhares de
participantes do projeto ‘A Grande Tacada’. Vamos pra cima!
5
Biografia:
Fernando Góes
Fernando
Góes
Fernando Góes é analista da Clear Corretora e possui CNPI
(Certificado Nacional do Profissional de Investimento). Na Clear,
coordena uma sala virtual de ações e opções, que é frequentada
por milhares de investidores todas as semanas. Góes também
é professor com 20 anos de experiência no mercado financeiro.
Em 2016, criou o projeto ‘A Grande Tacada’ que auxilia traders de
todo o país a se tornarem vencedores no mercado de opções.

https://www.facebook.com/paginafernandogoes

https://www.instagram.com/fernandogoesoficial/

https://www.youtube.com/channel/UCkDvP2Hrqr-2Gn3c7O-
ZZenQ?sub_confirmation=1http://blog.fernandogoes.com/