Você está na página 1de 9

PARA UM TEMPO COMO ESTE

A poderosa história de Ester firma-se como um livro fenomenal de
ensinamento sobre o grande conflito. É uma história que contém lições
importantes para todos os que a lêem nas Escrituras. As meninas amam Ester
e querem ser semelhantes a ela, talvez porque seja a história clássica de uma
vitória miraculosa com tremendas implicações. Entretanto, as crianças não são
as únicas para as quais esta incrível e dramática história tem significado. A
vida de Ester é grandemente significativa para nós que vivemos exatamente
no fim do tempo. Enquanto a estudarmos, durante os próximos dois meses,
estarei orando para que vocês alcancem uma grandiosa bênção, e para que
também comecem a ver as histórias do antigo testamento de uma forma
diferente da que vocês já tenham visto antes. Deus colocou essas histórias lá
para abrir nossos olhos acerca das coisas que estão para vir sobre nós no fim
do tempo, e advertir-nos dos perigos e problemas envolvidos nos eventos
finais que estão para ocorrer. Após ouvir esta série de mensagens, vocês
nunca mais olharão para as histórias Bíblicas do antigo testamento da mesma
forma.

Antes de começarmos, vamos juntos pedir mais uma vez as bênçãos de Deus
sobre nosso estudo. Nosso Pai que está nos céus, obrigado pelas histórias
Bíblicas que nos falam de Teu amor e vigilante cuidado sobre Teu povo.
Obrigado pela evidência que nos mostra que estamos vivendo no fim do
tempo, e que logo Jesus voltará. Mas há uma crise que sobrevirá ao povo de
Deus, imediatamente antes do retorno de Jesus, e nós queremos estar prontos
para ela. Enquanto estudarmos a história de Ester, por favor, Senhor, abra
nossos olhos e nossas mentes para as coisas que ainda não vemos. Dá-nos o
alimento fresco da palavra para nos encorajar, nos confortar, e nos fortalecer.
Em nome de Jesus eu oro. Amém!

Há uma declaração arrebatadora no livro “O lar adventista” que devemos ler.
Encontramos essa declaração nas páginas 484 e 485, onde diz o seguinte:
“Para cada família e cada escola, para todos os pais, professores e filhos, sobre
os quais tem brilhado a luz do evangelho, virá nesta crise a questão
apresentada a Ester, a rainha, naquela momentosa crise na história de Israel:
quem sabe se não vieste ao reino para um tempo como este?” Nesses últimos
momentos da história da terra, você está na situação de Ester. Nesta mesma
hora você está sendo chamado para ser uma testemunha de Cristo e de sua
verdade. Você tem sido chamado para o reino, exatamente para um tempo
como este! Mas quantos dentre o povo de Deus possuem o caráter de Ester?
Quantos estão realmente se preparando para a crise que exigirá a maior fé e
ação que este mundo e a igreja de Deus jamais viram? Arrisco-me a dizer que
poucas almas compreendem a enorme crise e as momentosas oportunidades
que pendem à frente daqueles que estão preparados para elas.

Mas, quando estudamos o livro de Ester, temos uma visão maior e avançada
dessa questão. Ela envolve o grande conflito entre Cristo e Satanás sobre a
igreja de Deus, e é uma ilustração do que está para ocorrer no fim do tempo
que antecede o retorno de Jesus, fornecendo ainda alguns detalhes

A despeito das dificuldades (como também havia no passado) é mais fácil agora do que jamais o foi. Exatamente agora estão sendo feitos preparativos para este último grande conflito”. os que guardam os mandamentos de Deus e têm o testemunho de Jesus Cristo.C. Mas permanecer onde Deus disse que não devemos estar é loucura. sobre cento e vinte e sete províncias). o qual tinha feito o segundo decreto liberando os judeus para que eles pudessem retornar à sua terra natal e reconstruir o templo. em eras passadas. Ele seguiu a Dario Histaspes. A crise final será muito mas terrível nas cidades.12:17. Cada personagem de destaque na história possui seu equivalente no grande conflito. e assim Ele comoveu Dario a encorajá-los a partir.” Apoc. nos dias de Assuero (este é aquele Assuero que reinou. Aqueles que estão orando e pleiteando com Deus por isso. Mais do que nunca! . declarou: “E o dragão irou-se contra a mulher. Ela também nos assegura da intervenção da mão de Deus mantendo vigilância sobre Sua propriedade. O mesmo espírito que. Vamos ler “Profetas e Reis” p. Em “Profetas e Reis” nos é dito que Deus previu que um terrível tempo estava para vir sobre Seu povo. O Revelador. Isso pode requerer sacrifício. como Ele fez para os judeus no reino de Dario. Quando a vontade de Deus é tornada conhecida a nós. levará. Contudo. no futuro. Você acha que isso tem alguma aplicação para nossa história hoje? Deus nos tem dito muitas e muitas vezes que devemos deixar as cidades. conhecido na Bíblia como Assuero. naqueles dias. precisamos de Suas advertências e conselhos. dependendo Dele para abrir as portas de oportunidades. assentando-se o rei Assuero sobre o trono do seu reino. aqueles que não partissem iriam ficar face a face com a morte. irmãos. que reinou no 5º século antes de Cristo (a. que a história de Ester é a maneira de Deus nos contar o que está vindo e como está para vir. que está na fortaleza de Susã. o grande. mas Deus abrirá um caminho. A história de Ester reflete a última crise no mundo visível e no invisível. 605: “As penosas experiências que sobrevieram ao povo de Deus nos dias de Ester não são peculiares somente àquela época. olhando por sobre as eras. “E sucedeu. e mais intensa do que nas áreas mais remotas do mundo. certamente terão uma resposta. muitos do povo de Deus falham em obedecê-Lo nisso. Entretanto. Dario tinha-lhes dado grandes vantagens.” Este é Xerxes. e agora eles estavam prestes a enfrentar um tempo de angústia como eles nunca haviam experimentado. no terceiro ano de seu reinado.surpreendentes. e mais do que nunca. a uma ação semelhante contra aqueles que mantêm a lealdade a Deus.). Vamos abrir nossas Bíblias em Ester 1:1-3. desde a Índia até à Etiópia. por exemplo. fez um convite a todos os seus príncipes e seus servos (o poder da Pérsia e Média e os maiores senhores das províncias estavam perante ele). levou homens a perseguirem a verdadeira igreja. Mas aquele tempo favorável para os judeus partirem de Babilônia tinha passado. e foi fazer guerra contra o remanescente da sua semente. Você não acha que as advertências e avisos de Deus hoje são para o nosso bem? Estamos prestes a enfrentar um tempo de angústia tal qual nunca houve. para o fim do tempo. um decreto de morte. E eu vos digo. resta-nos agir seguindo o Seu conselho.

Nós ficamos fascinados com a glória do céu. Perceba que ele apresentou às pessoas as riquezas de seu glorioso reino. e eu creio que você se maravilhará ao descobri-lo. e especialmente aqueles que são carnais. a saber. por assim dizer. ficou fascinado pela beleza e glória de sua corte no verso 6. é um tênue símbolo da festa que Deus quer ter conosco. nós podemos ver que ele executa um importante papel na ilustração que o livro de Ester apresenta da crise final. A festa de Assuero. de uma festa chamada as bodas do Cordeiro. que uma alegoria humana de coisas divinas não se pode encaixar em todos os pormenores. e vir a uma festa com Cristo. depois de tudo. Mas se nós não O obedecermos.” Assuero manteve essa festa por seis meses. apesar de grandemente corrompida. “As tapeçarias eram de pano branco. e. no entanto. pendentes de cordões de linho fino e . na qual Ele lhe apresentará Sua majestade e poder na vida e no testemunho de Seus seguidores. As refeições deveriam ser ocasiões muito cativantes. Ele usa histórias humanas para ilustrá-las. Por exemplo. É esse princípio que nós vamos estudar. E o próprio Jesus bate na porta de nossos corações e promete vir e festejar ou cear conosco. parecido com a maneira com que o povo comum. nas ordenanças que Ele deixou para Sua igreja. Uma festa é também um princípio do reino de Deus. Apocalipse 1:6 diz que seremos “reis e sacerdotes” com Deus e Cristo em Seu trono. Você e eu somos convidados a participar. por muitos dias. e azul celeste. na nova terra. nunca podem refletir completamente o caráter de Deus e Seus propósitos.” A que maravilhoso Deus nós servimos! Pense nisso! Você está sendo convidado para ser um príncipe ou uma princesa. Um outro exemplo da natureza alegórica do livro de Ester envolve a festa. Tenha em mente.Entretanto a maravilhosa e amorosa ternura de Deus é vista ao preparar Ele uma libertação para o Seu povo. cento e oitenta dias. e um dia Ele nos mostrará as maravilhas de Seu universo. e Deus usou festa e refeição nos serviços do santuário. E você verá por que. há na história um princípio imbatível que transcende as limitações humanas. ela é um elemento muito importante. Seres humanos. Contudo. Quando Deus quer nos falar sobre coisas grandes e importantes. essa libertação não será para nós. Você não fica cheio de gratidão por Deus ser tão bondoso e gracioso? Você não acha que Deus abrirá ao Seu povo um caminho de libertação no tempo de angústia tal qual nunca houve? Com certeza Ele fará isso. Você é convidado a se tornar parte do poder do universo. sem parar. e em outras formas para ligar Seu povo a Si Mesmo. Agora note o verso 4: “para mostrar as riquezas da glória do seu reino e o esplendor da sua excelente grandeza. Não uma festa corrompida. Ela ia continuamente. verde. e um nobre no reino celestial. enquanto estudamos. é claro! Todavia. Assuero é carnal e adora festejar e beber. Não é isso que Deus quer fazer? Ele não quer mostrar a nós as riquezas de Sua graça? Seu caráter e os ricos princípios de Seu reino? Veja: Efésios 2:7: “para mostrar nos séculos vindouros as abundantes riquezas da Sua graça. na festa de Assuero. pela Sua benignidade para conosco em Cristo Jesus. semelhante ao que Assuero fez em seus dias.

acabados aqueles dias. das sombras. Deus usou Assuero para representar a Si mesmo na grande controvérsia e na crise final. e inclusive um humano bastante degradado. Deus pode permitir que Satanás execute seus planos no mundo e na igreja. Em Suas mãos está o coração de todo regente terreno. Note agora o verso 7: “E dava-se de beber em vasos de ouro. Mas o Senhor realiza Sua vontade através de homens que estão. um homem interessado em todas as questões e assuntos. coisas que nós não veríamos de outra forma. todavia. Assuero. Ele é. que Deus ocupa no grande conflito. quando a verdade e a luz da palavra de Deus é mais abundante . Cristo nunca força a vontade e nem a consciência. na verdade. fez o rei um convite a todo o povo que se achou na fortaleza de Susã. Deus. e branco e preto. para volvê-lo aonde quer que Ele queira. Verso 5: “E. tais como a apresentada no primeiro capítulo do livro de Ester. a despeito da impiedade humana. de Sua posição de vantagem. E nestes últimos dias. uma visão não familiar para muitas pessoas que estavam lá. e argolas de prata. sem dúvida alguma. mesmo os domésticos. a festa é somente para aqueles que estão na cidade do palácio de Susã. como Ele volve as águas do rio”. A descrição do palácio nos revela que deve ter sido um lugar extremamente magnífico. não glorificam a Deus. Apesar de ser humano. nossos olhos também se fascinarão ao vermos o palácio celestial onde Jesus festejará conosco. e abrir nossas mentes à surpreendente natureza dessas coisas. a rede resultante é a mesma do grande conflito e na crise final. por sete dias. em Sua misericórdia para conosco. Sem dúvida alguma. Assuero. Sua palavra é lei. mas ele executa um papel na controvérsia. desde o maior até ao menor. mas ele não forçou ninguém a beber. Contudo. os leitos eram de ouro e de prata. e suas decisões são finais. segundo o estado do rei. fermentado. no pátio do jardim do palácio real. coloca-o nessa história de tal maneira que nós possamos ver a justiça de Deus sobre os inimigos de Seu povo. Desta vez. sobre um pavimento de mármore vermelho. e os vasos eram diferentes uns dos outros. revela algumas coisas sobre o futuro. Essa festa apresenta a generosidade de Assuero. que é similar ao papel que Deus também executa.”. por exemplo.púrpura. extraviando a outros… O Senhor executa Seus planos através de homens que não reconhecem Suas lições de sabedoria. O vinho de Assuero era. Então Deus nos fala de detrás das cenas. no reino. Assuero não pode representar Deus no sentido mais pleno. Apesar de ter sido ludibriado por Hamã.”.” Agora. e havia muito vinho real. e azul. Ele ocupa a mesma posição. que fica aproximadamente a 240km ao leste de Babilônia. e colunas de mármore. atualmente no Iraque. é o juiz máximo. Além dele. a despeito de sua indulgência e licenciosidade. Ouça essa declaração do livro “Conflito e Coragem” na página 243: “Ocasiões de indulgência. nós temos uma outra festa. não há outro a quem apelar.

Sua Susã. Ele É O Esposo. Bizta. a nação de Israel havia perdido a influência que Deus lhe havia dado. mandou a Meumã. mas também contra todos os príncipes e contra todos os povos que há em todas as províncias do rei Assuero. Deus teve de depô-los da condição de serem Sua igreja. A igreja de Deus é a Sua esposa. onde estão o palácio e o templo. ao sétimo dia.” Você pode encontrar uma igreja que recusou obedecer a Deus e revelar Sua glória e caráter? É claro que você pode! Israel falhou em refletir a glória do caráter de Deus. na verdade. criam-se resultados perniciosos. a esposa”. Contudo. que introduzissem na presença do rei a rainha Vasti. O povo é parte de Seu reino real.” Observe o propósito do rei. na história de Ester. Ele queria apresentar a todo o seu povo e regentes a beleza de sua rainha. a nova Jerusalém representa também a igreja de Deus onde Ele habita e sobre a qual Ele rege. Bigtá. Imagine o que teria ocorrido se Israel tivesse cumprido o propósito de Deus! Você acha que teríamos tido tantas guerras sanguinárias na história? Você acha que teríamos testemunhado o holocausto? Você acha que estaríamos enfrentando os resultados do movimento feminista e do movimento gay. Deus teve que escolher outra esposa. Eles não podiam mais ser Seu canal de luz para o mundo. para mostrar aos povos e aos príncipes a sua formosura. vemos uma predição de o . porque era formosa à vista. pelo que o rei muito se enfureceu. Seu palácio. e ardeu nele a sua ira. pela abundância de desprezo e ira? Quando os princípios de Deus para a ordem familiar são perturbados. os sete eunucos que serviam na presença do rei Assuero. Zetar e a Carcas. Note também que os conselheiros ficaram temerosos de que “se levantasse muito desprezo e ira”. Agora a história começa a ficar interessante. Apesar de em outros lugares a noiva ser descrita como a nova Jerusalém. Isto está no Boletim da Conferência Geral de 1º de julho de 1902. Suas lealdades e afeições estão sobre Jerusalém. Deixe-me ler para vocês este texto do Espírito de Profecia: “Muito próxima e sagrada é a relação entre Cristo e Sua igreja. que surgiram. pela mão dos eunucos. Da mesma forma. Verso 12 : “Porém a rainha Vasti recusou vir conforme a palavra do rei. E não é isso o que Deus quer fazer com Sua igreja? Não é esse o propósito de Deus: revelar a Si mesmo no caráter de Seu povo? Nas Escrituras Sagradas. Verso 16: “Então. ela. estando já o coração do rei alegre do vinho. Aqui. assim como o rei Assuero depôs Vasti. e a igreja. disse Memucã na presença do rei e dos príncipes: Não somente pecou contra o rei a rainha Vasti. Deus ainda deixa Seus assuntos à escolha de seres que os aceitam ou não. Ela não mais podia representar o rei em sua esfera de influência. Abagta. de certa forma. Versos 10 e 11: “E. uma mulher representa uma igreja. com a coroa real. e não podia mais representá-Lo.” Vasti tinha perdido Sua posição.do que em qualquer outro tempo na história. representa o centro do reino de Cristo. Harbona.

pois. E quando você pensa um pouco sobre isso. É óbvio que Ester representa a Igreja de Deus. Sem Cristo é impossível termos acesso aO nosso Pai. Ele a adotou em sua família quando os pais dela morreram. e é intimo da família do céu. Mordecai estava sempre no palácio. você vê que. justo antes da crise final. Ele é o guardião do caminho que leva ao rei. ninguém vem ao Pai se não for por Mim”. exatamente como Cristo É O grande antagonista de Satanás. Ele esteve em guerra com os gregos e ficara distraído.que aconteceria com a sociedade se houvesse multidões de famílias desequilibradas. Porém. que.” Depois que todas as outras virgens chegaram no palácio. Ele estava familiarizado com os acontecimentos da corte. guarda das mulheres. Ele pretendia que a beleza dela pegasse a todos de surpresa. Perceba. Ele é o grande antagonista de Hamã.2). Isso foi estratégico. plenamente familiarizado com os planos dO Pai. e então “faça a sua escolha”. a maioria das outras igrejas está mundanizada. Ele conhecia bem os procedimentos e os processos legais da corte. Assuero decide escolher uma nova rainha. Ele também pode ter sido responsável pelos camareiros ou eunucos que guardavam os portões internos do palácio. Os servos do rei propuseram-lhe um plano simples: traga ao palácio todas as mais lindas mulheres. É através de Cristo que temos o perdão de nossos pecados. a verdade e a vida. o favor de Deus. tanto na . Ele é totalmente. os planos do rei. aí Mordecai enviou Ester. Ele conhece bem os desafios legais que envolvem o grande conflito. ela representa a última igreja ou a Igreja Remanescente. e um lar eterno nos céus. também levaram Ester à casa do rei. Há outras formas nas quais Mordecai representa Cristo. em comparação com a igreja remanescente. Agora outro personagem é introduzido na épica história. que era sua prima. debaixo da mão de Hegai. (Já entramos no cap. Ele a alimenta e cuida dela assim como Mordecai o fez com Hadassah. Talvez ele seja o próprio encarregado da segurança do palácio. que ele educou Hadassah. Alguns anos após Vasti ter sido destronada. Mordecai verdadeiramente representa a Cristo no grande conflito. ilustrando assim simbolicamente a obra de Cristo em abrir o caminho para o convívio eterno com nosso Pai celestial. mais especificamente. seu nome é Mordecai. Com o desdobrar da História você ainda verá outros importantes paralelos entre Mordecai e Cristo. O verso 7 nos diz que ele a “Tinha para si como sua própria filha”. debaixo da mão de Hegai. no verso 7. Jesus disse: “Eu sou o caminho. vamos aprender algo sobre ele. e conhecia pessoalmente a família do rei. Antes de descobrirmos quem ele representa no grande conflito. Isso é uma clara advertência para o próprio tempo em que vivemos. Assim também Jesus está familiarizado com o céu. O verso 8 do capítulo 2 nos diz: “Sucedeu. Ele é um guardador ou guardião do portão do palácio. De muitas formas. O que Cristo fez com Sua igreja? Ele a adotou. divulgando-se o mandado do rei e a sua lei e ajuntando-se muitas moças na fortaleza de Susã.

doutrina quanto no caráter. É a estrela brilhante nas mãos de Cristo que revela seu caráter aos perdidos. a brilhante estrela da manhã. não há outra tão correta e bela como a última igreja de Cristo. Quando as pessoas compreendem a mensagem Adventista do Sétimo Dia. e conduzi-las à salvação. são parte de Sua Igreja. Aparentemente Mordecai deu a ela o nome Ester para que ela não tivesse de revelar sua verdadeira identidade. Ele só conhecia o seu nome persa. representados como estando nas mãos de Cristo. elas ficam surpresas por nunca terem considerado quão profunda e completa ela é. símbolo da igreja de Deus. Hegai ficou muito impressionado com a beleza física de Ester. Mesmo podendo ainda encontrar Deus em outras igrejas. Quando Ester veio ao palácio. entre as outras virgens. Quão próprio foi Mordecai ter dado a Hadassah o nome de Ester! A Igreja representa Cristo. especialmente ela. e concedeu a ela o melhor lugar na casa das mulheres. É o povo remanescente de Deus que deve ensinar-lhes os caminhos d’Ele e a Sua verdade. Seu nome significa “ESTRELA”. Mesmo apesar de a maioria tragicamente rejeitar seus ensinamentos. A verdade é que ninguém pode contestar. mas sua fisionomia brilhava com a luz e o reflexo do caráter de Cristo. nem efetivamente e nem persuasivamente. e talvez coisas grosseiras tenham sido ditas dela. Nossa fisionomia revelará o Seu amor e o Seu poder. Hegai não conhecia o nome de nascimento de Ester. a Igreja é o mensageiro de Deus para o mundo. porque elas seguem a luz que têm. não é de surpreender- nos que muitas coisas grosseiras sejam ditas da Igreja Remanescente de Deus. E que interessante encaixe é que Ester.” Isto está em Apocalipse 1:16. O verso 9 diz que “Ele rapidamente deu a ela seus enfeites e quinhões”. Assim também. 20. Os sábios magos seguiram a estrela até ao bebê Jesus. Da mesma forma. Conheço algumas que já o tem feito. É . suas doutrinas e princípios (sua beleza). havia muitas outras mulheres que faziam parte do reino de Assuero. Essas estrelas são os professores e ministros da Igreja. seja representada como uma estrela! A Bíblia diz: “E Ele tinha em sua mão direita sete estrelas …as sete estrelas são os anjos (MENSAGEIROS) das sete igrejas. As estrelas no céu sempre proveram a certeza de que Deus é O Mesmo ontem. A mesma coisa ocorre quando temos Jesus em nosso coração. vai instruir o mundo nos mais altos e melhores princípios do reino de Deus. ela não só era fisicamente bela. então eles recorrem a palavras grosseiras. A mulher vestida de sol possui uma coroa de doze estrelas sobre sua cabeça. a Igreja revela essa verdade sobre Deus como uma brilhante testemunha nos céus. mas o que realmente apela para ele é a dignidade e o caráter dela. E isso é percebido. Essas mulheres deveriam ser instruídas no caminho de Deus por Ester. Sem dúvida alguma. Incidentalmente. Desta mesma forma. Deus tem muitas igrejas que “não são deste grupo”. Homens observavam as estrelas para guiarem seus navios. hoje e sempre. Eu creio que igrejas inteiras se unirão à verdade presente quando elas a entenderem e O Espírito Santo as conduzir para ela. Entretanto. ela é uma estrela brilhante nas trevas dos tempos. houve ciúme e inveja entre outras mulheres devido à generosa beleza que foi conferida a Ester. A igreja remanescente. Assim também.

e ele fez saber à rainha Ester. deu dons aos homens ao Ester se tornar rainha. Quando Ester finalmente foi à presença do rei. E veio isto ao conhecimento de Mordecai. conhecer a Sua vontade e receber alimento espiritual dEle. pois o plano da redenção também trata da purificação. através de sua fisionomia e atitudes. Vamos ler: “Por isso diz: subindo ao alto levou cativo o cativeiro. e procuraram atentar contra o rei Assuero. Note também que há uma festa chamada banquete de Ester. Novamente Ester é um símbolo da Igreja de Deus na Terra. “Naqueles dias. Bigtá e Teres. e deu presentes (dons) aos homens. também em tipo. Parece que Mordecai foi alertado de um plano para matar o rei. e com outras coisas para a purificação das mulheres”. como com sua Igreja coletivamente. incluindo a Ceia dO Senhor. caso contrário. O verso 11 diz que “Mordecai passava a cada dia diante do pátio da casa das mulheres. no antítipo. Ester. e fez presentes segundo a generosidade do rei. O que fez Jesus com os seus discípulos ao estabelecer sua Igreja? Ele deu-lhes ordenanças. assentando-se Mordecai à porta do rei. É por isso que é tão importante gastar tempo com Cristo a cada dia.” Agora dê uma atenção particular ao verso 18: “Então o rei deu um grande banquete a todos os seus príncipes e aos seus servos. A Igreja de Deus deve ser purificada. seis meses com óleo de mirra e seis meses com doces aromas. dos guardas da porta. e deu alívio às províncias. Da mesma forma.) Note que a purificação de Ester e das outras virgens foi durante um ano inteiro. Vemos isso em Efésios 4:8. ela não pode ser redimida. ao enviar Cristo para redimi-la. Sem isso você não pode fazer parte de Sua Igreja. foi purificada antes de ir ver o rei. Mas. grandemente se indignaram. No verso 12 nos é dada uma interessante visão do processo de purificação pelo qual essas mulheres passaram. em tipo. Ele diz o seguinte: “(Pois assim eram cumpridos os dias das suas purificações. Você não acha que Jesus faz isso com a Igreja dEle? É claro que ele faz! A cada dia ele observa e vela por seu povo. a Bíblia nos diz que ele “Amou Ester acima de todas as mulheres… e ele a fez rainha no lugar de Vasti. preste bem atenção nesse verso. Eu tenho interesse especial nesta parte.”. e Ester o disse ao .” Você lembra o que aconteceu quando Cristo estabeleceu Sua nova Igreja? Ele derramou Seu Espírito Santo na chuva temporã “Deu (presentes) dons aos homens”. dois camareiros do rei. Há mais um pequeno evento que monta o cenário para a grande crise da vida de Ester. versos 21-23. e de que estejam sendo nutridos no temor e admoestação dO Senhor. tanto individualmente. para saber como estava Ester. deve também ser purificado para ir ver seu Rei. era o banquete de Ester. para comemorar o amor dele por ela. o remanescente. para Se certificar de que suas necessidades sejam supridas. e o que aconteceria com ela”. a Igreja. O grande conflito não pode terminar a menos que a Igreja seja purificada. Parece ser um incidente insignificante. Encontramos isso no capítulo 2. Perceba que o rei Assuero.exatamente esse o propósito da existência da Igreja: revelar o caráter de Cristo ao mundo que a está observando. ou Santa Ceia – festa que comemora o amor de Deus por Sua Igreja.

os inimigos da Igreja vêem no pequeno grupo de guardadores do mandamento do Sábado um Mordecai no portão. Mas Jesus quer te dar a Sua paz e a certeza de Seu amor e perdão em teu coração. estar sempre perante Cristo e Sua face.” Esta pequena viagem dentro da política da corte da Pérsia nos mostra algo importante. Você pode tê-las! Pai querido. é com os corações cheios de gratidão que estudamos a história de Ester. Ela também nos diz algo sobre a mensagem do próximo mês. E amigo. E que possamos nos apoiar fortemente em Teus braços de poder em todas as crises que passamos em nossas vidas. te pedimos e agradecemos. E muito obrigado pela história de Ester. apenas ore comigo em seu coração e diga: Senhor! Tira os meus pecados e lança-os fora de mim. e ambos foram pendurados numa forca. entre os personagens na história de Ester e o grande conflito. no tocante a tudo o que afeta o bem-estar dela. mantendo vigilância sobre Tua propriedade. talvez você deseje ansiosa e ardentemente deixar sua vida de pecado e viver uma vida pura como Ester viveu. Ele se assenta no portão espiritual e colhe informações acerca dos planos de satanás para derrotar a menina dos Seus olhos. Em nome de Jesus. em Tua força. a felicidade e a paz. Tenho pecado tantas vezes e preciso de limpeza. E inquiriu-se o negócio. No próximo sermão da série. Ele mantém um olho vigilante e avisa o Seu povo dos perigos e dificuldades. Enquanto prosseguimos. Amigo. e esteja espiritualmente morto. exatamente como Ester teve em seus dias. permitam-me ler uma citação muito especial que mostra que temos uma obra especial para hoje. em tipo. e representa. a Jesus. É uma citação de Profetas e Reis. Toma o meu coração e purifica-o. à página 605. alcançaremos um claro entendimento de que a história de Ester é um tipo da última crise que o povo de Deus enfrentará antes que Jesus venha pela segunda vez. “O decreto que finalmente será baixado contra o povo remanescente de Deus será muito semelhante àquele feito por Assuero contra os judeus. que é o informante de Sua Igreja. sustenta o cetro levantado para qualquer alma arrependida que vem a Ti. Hoje. Eu confio em Ti para a vida. Talvez você não esteja vivendo de acordo com o nome que você professa. em nome de Mordecai.rei. Mordecai é o informante de Ester. Como Mordecai. e foi escrito nas crônicas perante o rei. A reverência do Povo de Deus por Sua lei é uma constante reprovação àqueles que têm lançado de si o temor dO Senhor e estão pisando sobre o Seu Sábado. Para terminarmos. Que nós possamos ter confiança em Teu amor e benevolente coração direcionado ao Teu precioso povo remanescente. Oh. nós entenderemos a história e conheceremos o plano para destruir o povo de Deus em um só dia. Também aprenderemos de mais alguns personagens que simbolizam elementos no grande conflito. Reconhecemos nela que O Senhor está acima de tudo. Senhor! Há muitos ouvintes destas fitas e CD´s que estão lutando contra o pecado. e se descobriu. Restaura em mim a Tua imagem para que eu tenha a coragem de enfrentar o inimigo. Os paralelos em tipos e símbolos são incrivelmente amplos. e que está trabalhando por trás das cenas. Nosso Pai que está nos Céus.” Vamos orar. Amém! .