Você está na página 1de 25

1

GUIA DE FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS
COM OS RECURSOS DO Microsoft WORD 20031

Prof. Marco Antônio Abreu de Andrade, Eng. Agr,, M. Sc.

APRESENTAÇÃO

Alguns dos diversos procedimentos para operar o editor de texto Microsoft
WORD 2003 são apresentados na forma de um guia – “passo a passo”. As normas
apresentadas no “Manual de Elaboração e Apresentação de Trabalhos Acadêmicos”
(disponível em: http://www.fag.edu.br/acadêmico Online) são relacionadas aos
recursos disponíveis no software de edição de textos. Desta forma, o acadêmico, ao
elaborar documentos técnico-científicos, encontra os recursos do programa de
edição de texto correspondentes às normas de formatação.

A exposição dos procedimentos segue um processo de edição de texto
em conformidade com as normas técnicas. Ao apresentar-se uma determinada
norma, seguem os procedimentos dos recursos do editor de texto relacionados com
a formatação desejada.

O guia está organizado a partir dos procedimentos de abertura do
programa, de formatação dos elementos textuais tais como tamanho de papel, fonte,
parágrafo, margens, paginação, apresentação de títulos, entre outros. Por fim,
apresentam-se recursos necessários para monitoramento do texto, impressão e
gravação do documento.

Os recursos do Microsoft WORD 2003 não são apresentados na sua
totalidade neste guia, somente aquilo que é realmente essencial para a elaboração
dos trabalhos acadêmicos dentro das normas técnicas. A maioria dos recursos é
acessada pela barra de menu, ficando o acesso pela barra de ferramentas ou teclas
de atalho para outras oportunidades de estudo mais avançado do editor de texto.

1
Material didático elaborado para a Disciplina de Informática do Curso de Agronomia – Faculdade
Assis Gurgaz, 2010.

2

INICIAR O PROGRAMA

3

4

2

Procedimentos:
1

1. Botão iniciar, Todos os programas;
2. Clique em Microsoft Office, e;
3. Clique em Microsoft Office Word 2003.

abaixo barra menu. a régua permite um controle quase “mecânico” das margens e dos recuos do texto em conjunto com o cursor. que disponibiliza o acesso à maioria dos recursos do Word. Além de auxiliar na visualização da formatação. As informações sobre número de página do documento. a qual proporciona um acesso rápido aos recursos do editor e pode ser configurada conforme as preferências do usuário. FIGURA 1 – Topo da tela do Word A área de trabalho pode apresentar a aparência de um papel no Layout de impressão. barra de menu. maximizam. são apresentadas na barra de status. 4 ENTENDER A TELA DO WORD A tela do editor de texto é o meio de comunicação entre o software e o usuário (FIGURAS 1 e 2). Na parte superior da tela destaque para a barra de título. entre outras. Ainda na parte superior. que informa o nome do arquivo aberto. FIGURA 2 – Base da tela do Word . É o espaço reservado a edição do texto. restaura e fecham o arquivo. há um espaço preenchido pela barra de ferramentas. Compõe-se de elementos de controle e de informação. distância do curso em relação ao topo da folha e posição do cursor. O cursor indica o ponto do documento que esta sendo editado. A barra de rolagem permite a movimentação ao longo do documento. Os botões no canto superior direito minimizam.

segue. Comentário: o guia pode ser consultado através do recurso “Localizar”. seleciona-se o percentual e confirma no botão OK. 4. Localizar. 4. sendo que o layout de impressão é o que tem a aparência de um papel que pode apresentar vários tamanhos em Menu. verifica-se todas as localizações da operação ou da formatação pesquisada. Na guia Localizar. 3. na caixa Localizar digitar a operação ou formatação a ser localizada no texto. ABRIR O ARQUIVO NOVO Procedimentos: 1. abre-se um arquivo novo. Ao abrir o programa. Para abrir outro arquivo novo. 2. e. zoom. clique em Abrir. Selecione pasta e documento desejado. Comentário: a visualização do novo documento (em branco) pode ser alterada em Menu. No botão Cancelar. ABRIR O ARQUIVO EXISTENTE Procedimentos: 1. 5 CONSULTAR O GUIA Procedimentos: 1. clique em Novo. encerra-se a pesquisa. No menu Editar. 3. exibir. No botão Localizar próxima. Selecione documento em branco. 2. automaticamente. No menu Arquivo. No menu Arquivo. 2. . exibir.

legenda das ilustrações e tabelas. em seguida. Na caixa Fonte. clique em Configurar página e. clique em normal. e. No menu Formatar. Fonte para citação com mais de 3 linhas. Na caixa tamanho. clique em A4. No menu Arquivo. clique na guia Papel. 2. Encerrar a seleção no botão OK. Na caixa Tamanho do papel. No menu Formatar. clique em Times New Roman. 4. 5. Na caixa Estilo da fonte. notas de rodapé e notas da folha de rosto Norma: Times New Roman – 10 Procedimentos: 1. clique em Fonte. . 2. e. 6 FORMATAR O ARQUIVO TEXTO Tamanho do papel Norma: 210 mm x 297 mm – A4 Procedimentos: 1. clique em Fonte. 3. clique em 12. Fonte para o texto e paginação Norma: Times New Roman – 12 Procedimentos: 1. 3. Encerrar a seleção no botão OK.

esquerda – 3 cm. clique superior – 3 cm. e. No menu Configurar página. recuo deslocado e o recuo da esquerda) que podem ser deslocadas individualmente (FIGURA 3). 2. e. clique em Margens. existem dispositivos que podem ser deslocados manualmente – com o cursor do mouse – sendo que o da esquerda possui três partes (recuo da primeira linha. Na caixa Estilo da fonte. clique em Times New Roman. Comentário: O controle das margens pode ser realizado também através da régua e dos dispositivos de recuo. Na caixa tamanho. Margem Norma: superior – 3 cm. e. 3. direita – 2 cm. Na caixa Margens. e. Encerrar a seleção no botão OK. Na caixa Fonte. exibir. FIGURA 3 – Dispositivos de recuo na régua . esquerda – 3 cm. 7 2. Tanto à esquerda como à direita. inferior – 2 cm. 5. Procedimentos: 1. 3. Para trabalhar com a régua entrar em menu. 4. clique em normal. direita – 2 cm. Encerrar a seleção no botão OK. inferior – 2 cm. habilitar régua. clique em 10.

Procedimentos: 1. elementos pós- textuais – seguem a seqüência da numeração do texto. folha de rosto e sumário como elementos pré-textuais. Encerrar a formatação do número de página no botão OK. é necessário definir o número de elementos pré- textuais a serem incluídos no documento (o número de elementos pré-textuais depende da natureza do documento – no caso de monografias. texto – a partir da introdução. . é necessário incluir capa. clique em Parágrafo. Veja os procedimentos: 5. clique em Início da página. Na caixa Posição. 4. 7. marque iniciar em. Clique no botão Formatar. no canto superior direito. Observação: Convém criar um arquivo dos elementos pré-textuais e um arquivo dos elementos textuais e pós-textuais para facilitar a paginação. Habilite a opção Mostra número na primeira página. e. 9. 3. dissertações e teses. 10. mas não numerados. 2. e. 6. Assim. Em caso de trabalhos acadêmicos nas disciplinas. Na caixa Alinhamento. algarismos arábicos. Na janela formatar número de página. 8. Encerrar a numeração de página no botão OK. a paginação dos elementos textuais inicia-se com o número 4 neste caso. sendo que o último algarismo fica na distância de 2 cm da borda direita da folha. Comentário: antes da paginação. No menu Inserir. é preciso incluir boa parte dos elementos apresentados na página 38 do Manual para Elaboração e Apresentação de Trabalhos Acadêmicos). Encerrar a seleção no botão OK. clique em Direira. 8 Paginação Norma: elementos pré-textuais – contados. e. Repita os procedimentos anteriores. insira o número 4 (se houver 3 elementos pré-textuais). no mínimo.

9 Espaço entre linhas Norma: texto – espaço duplo. No caso do recuo do parágrafo. uma linha em branco. é necessário um recuo de 2 cm. Para as citações de com mais de 3 linhas o recuo é de 4 cm. clique em simples. clique em Parágrafo. e. . citação com mais de 3 linhas. FIGURA 4 – Dispositivo de recuo à esquerda para formatação do parágrafo No caso do recuo da citação de mais de 3 linhas. 3. utiliza-se o dispositivo de recuo da primeira linha recuado 2 cm na régua (FIGURA 4). No menu Formatar. Comentário: sempre que um parágrafo é iniciado. Entre um parágrafo e outro. notas de rodapé e notas da folha de rosto – espaço simples. Procedimentos: 1. 2. Na caixa Espaçamento. utiliza-se o dispositivo de recuo à esquerda recuado 4 cm na régua (FIGURA 5). legenda das ilustrações e tabelas. Encerrar a seleção no botão OK.

Citação indireta Norma: pode ser feita dentro ou fora da sentença. inicia-se a tarefa de edição. o autor é apresentado através do último sobrenome com somente a primeira letra maiúscula seguida do ano da obra entre parênteses. Desta forma. Fora da sentença. Tais idéias podem ser do autor do documento ou de outras pessoas.Dispositivo de recuo à esquerda para formatação da citação direta longa EDITAR O ARQUIVO TEXTO Até este momento. pois pressupõe um trabalho que começa com a busca de material bibliográfico. significa que a idéia pertence ao autor (aquele que elabora o texto). passa pela leitura de textos. é de autoria de pesquisadores reconhecidos nas áreas científicas relacionadas com o assunto estudado. Encerrada esta parte. A presença de citação dos principais pesquisadores do assunto tratado no texto é um indicador de qualidade do documento. é preciso caracterizar bem as fontes de todo o conteúdo do texto elaborado. Dentro da sentença. Os trabalhos técnico-científicos são elaborados a partir de um conjunto de idéias a cerca do tema estudado. Grande parte das idéias expostas no texto. organização das idéias e termina com a redação do documento. realizou-se somente a configuração das páginas do documento. Isto é feito através da citação. Quando o texto não apresenta uma citação. o autor é apresentado . sendo que nenhum texto foi redigido. 10 FIGURA 5 . reflexão e entendimento acerca do assunto.

tamanho da fonte 10 e espaçamento entre linha simples). É preciso lembrar que fica entre parêntese . Nela. FIGURA 6 – Exemplo de citação indireta Fonte: FAG. 2006 Citação direta Norma: pode ser curta – menos de 3 linhas ou longa mais de três linhas. se possa expressá-las com as próprias palavras. fora da frase). é necessário realizar uma leitura atenta do texto fonte. A citação indireta é exemplificada na FIGURA 6. Tal tarefa é chamada de paráfrase.primeira letra maiúscula. quando dentro da frase e todas maiúsculas. 11 no final entre parênteses. muda-se a formatação do texto (recuo de 4 cm. utilizam-se exatamente as palavras do autor. Para elaborar uma citação indireta. na seqüência. o conteúdo é apresentado entre aspas. buscar o entendimento correto das ideais apresentadas pelo autor citado para que. Já na citação direta longa. ano da obra e página de origem do trecho citado. Em ambos os tipos de citações diretas apresentam-se o último sobrenome do nome do autor (o mesmo formato apresentado na citação indireta . Na citação direta curta. através do último sobrenome com todas as letras maiúsculas seguido de vírgula e o ano da obra. quando ao final.

O uso da citação direta não significa simplesmente o ato de copiar textos de outros autores. é preciso considerar alguns critérios. página) quando fora da frase – no final. a citação direta deve estar conectada com a seqüência lógica das idéias de quem redige o texto. ano. deve haver tentativa de se elaborar uma citação indireta. este tipo de citação é menos freqüente nos textos técnico-científicos. usa-se a direta. Por isso. 12 o ano (aaaa) quando dentro da frase e o conjunto (AUTOR. FIGURA 7 – Exemplo de citação direta curta Fonte: FAG. Em caso de não existir a possibilidade da citação indireta. Antes de optar pela citação direta. 2006 . Além disso. A citação direta é exemplificada nas FIGURAS 7 e 8.

e. clique em Fonte. . 2. 5. Encerrar a seleção no botão OK. 3. 13 FIGURA 8 – Exemplo de citação direta longa Fonte: FAG. No menu Formatar. 4. clique em negrito. Selecione a(s) palavra(s) com o cursor ou siga. clique em itálico. Procedimentos: 1. Na caixa Estilo da fonte. 2006 Negrito e itálico Norma: O negrito é utilizado para enfatizar palavras e o itálico para indicar uma palavra em língua estrangeira. sendo que a tradução é apresentada na seqüência entre parênteses. Na caixa Estilo da fonte.

Nota de rodapé Norma: são indicações. No menu Inserir. No menu Exibir. Título Norma: a estrutura de texto é representada por títulos divididos nas categorias de capítulo (em página própria. 14 Cabeçalho Norma: não faz parte do documento acadêmico. Clique no botão fechar. SUMÁRIO e REFERÊNCIAS devem ser centralizados. letras em maiúsculo e sem negrito) e subseções (antecedido por número. . letras em maiúsculo e negrito). e. Na caixa Local. observações ou informações complementares ao texto realizadas pelo autor. LISTAS. clique Referências. à esquerda na primeira linha. clique Cabeçalho e rodapé. Procedimentos: 4. RESUMO. Procedimentos: 1. e. Os títulos AGRADECIMENTOS. 2. 6. 7. escrita no rodapé da página em fonte 10. clique no fim da página. antecedido por número. Edite o cabeçalho parte superior da página. seções (antecedido por número. Selecione notas. 3. Clique no botão inserir. 5. e. somente a primeira letra em maiúsculo e sem negrito).

caixa Tamanho da tabela. No menu Tabelas. clique em Marcadores e numeração. habilite formatação. clique no botão centralizar . o assunto da tabela ou quadro é expresso por uma frase com a primeira letra maiúscula (se a frase possuir mais de uma linha. 15 Procedimentos para marcação: 1. espaço antes e depois do hífen. No título. Tabelas. Na janela Inserir tabela. Encerrar a seleção no botão OK. O corpo é formado por colunas de dados numéricos ou informações gráficas. A diferença entre tabela e quadro é que a tabela não apresenta as divisões verticais visíveis. corpo. a especificação tabela ou quadro apresenta-se em maiúsculas. Na guia vários níveis. No menu Formatar.1. inserir tabelas. No menu Exibir. o alinhamento das demais linhas segue o da primeira – não o da palavra tabela ou quadro). número (seqüencial na medida em que mais de uma é utilizada no documento). Procedimentos: 1. selecionar 2 – 2. Procedimentos para centralizar: 1. . O rodapé identifica a fonte original dos dados – que deve ser formatada com fonte de tamanho 10. 2. cabeçalho e rodapé. quadros Norma: são elementos gráficos que formam uma exposição não discursiva de informações composta por título. definir o número de colunas e linhas.1 – 2. somente linhas horizontais. respectivamente) 3.1 (representam CAPÍTULO. 2. 2. Em seguida. clique em barras de ferramentas. O cabeçalho apresenta os rótulos das colunas. Na barra de ferramentas. SEÇÃO e Subseção.

2. Gráfico. selecionar pasta e arquivo. definir o estilo – tabela ou quadro. No menu Tabela. caixa Visualização. ilustrações (figuras) Norma: os títulos dos gráficos devem ser locados na parte superior. No menu Inserir. Encerrar a seleção no botão OK. Mesclar células. 4. Para incluir ou excluir linhas ou colunas: 1. 2. 3. Na janela inserir imagem. 2. 3. Selecionar uma das opções conforme a necessidade da formatação. as linhas verticais deixam de ser visualizadas através da seguinte forma: 1. comportamento de AutoAjuste. Para mesclar linhas e colunas: 1. e. Imagem. Selecione as linhas ou colunas a serem mescladas. do arquivo. Procedimentos: 1. enquanto que as figuras na parte inferior no formato – GRÁFICO N ou FIGURA N. 2. espaço antes e depois do hífen e assunto. Em caso de tabela. AutoFormatação. clique sobre as linhas verticais. Encerrar a seleção no botão OK. A fonte das informações deve ser apresentada abaixo em tamanho de fonte 10 e espaço entre linhas simples. bordas e sombreamento. No menu Formatar. 16 3. Na janela bordas e sombreamento. Na mesma janela. na guia borda. Comentário: É possível criar uma tabela ou quadro somente até o segundo procedimento. No menu Tabela. Excluir ou Inserir. Confirme a seleção no botão inserir. .

deve constar as mesmas informações acrescendo-se. negrito. No menu Tabela. 2. Na janela Inserir tabela. nome do autor. página 63). 3. posicionado a parte superior da folha. sendo que “sumário” em maiúsculo. o título e na terceira. do Curso de Agronomia. Procedimentos: 1. Ajustar a largura da primeira coluna de modo que caiba a numeração. Na folha de rosto. 4. Tamanho da tabela. 17 Capa e Folha de rosto Norma: a capa e folha de rosto são elementos pré-textuais do documento técnico- científico. No menu Formatar. A capa deve conter as seguintes informações: nome da instituição. Tabela. local e ano. O texto da especificação do documento deve conter o seguinte: “Trabalho apresentado na disciplina de <nome da disciplina> . título e número de página conforme a formatação apresentada no item “Título” deste guia. Entre a especificação do documento e o nome do professor orientador uma linha em branco. Número de colunas – 3 e número de linhas – tantos quanto for necessário. título do trabalho: subtítulo. O espaço entre o título e o número de página deve ser preenchido com o símbolo gráfico “ponto”. justificado). A especificação do documento e o nome do professor orientador são formatados em fonte tamanho 10. centralizado. espaçamento entre linhas simples e um recuo na metade da folha (usar o dispositivo de recuo à esquerda. a especificação do documento e nome do professor orientador (ver em Manual de Elaboração e Apresentação de Trabalhos Acadêmico. o número da página. abaixo do título e acima do local. na segunda coluna. da FAG. Inserir. Em cada linha do sumário deve constar numeração. Bordas e sombreamento. Sumário Norma: é um elemento pré-textual obrigatório. como requisito parcial de conclusão da disciplina”. .

Cada obra citada no documento deve obrigatoriamente constar neste espaço de edição. 18 5. Comentário: As referências são editadas na medida em que são citadas no texto. cidade de origem da publicação. dois pontos e espaço em branco. seguido das iniciais dos outros nomes. Na janela Classificar texto. 4. . 3. selecionar parágrafo e opção crescente. Procedimentos: 1. sendo que “referências” em maiúsculo. O recurso classificar pode solucionar este problema. ano da publicação e ponto. Referências Norma: é um elemento pós-textual obrigatório. Na guia Bordas. 2. Entre uma e outra referência. O formato da pode variar conforme o número de autores e o tipo de publicação. O problema é que referências acabam não apresentando ordem alfabética. vírgula. editora ou instituição responsável. Classificar. centralizado. Selecionar todas as referências com o cursor. caixa classificar por. título da obra em negrito. clique sobre as linhas verticais e horizontais para que elas não sejam visualizadas. Isto garante que não aconteça a falha de uma citação não constar nas referências. Encerrar a seleção no botão OK. posicionado a parte superior da folha. página 49. Cada caso é explicado no Manual de Elaboração e Apresentação de Trabalhos Acadêmicos. negrito. caixa Visualização. No menu Tabela. linha em branco e são dispostas em ordem alfabética. Em geral as informações a serem apresentadas em cada referência é o último sobre nome dos autores em maiúscula. 6. Encerrar a seleção no botão OK.

10. 7. Procedimentos: 1. na caixa Substituir digitar a palavra a ser localizada no texto. No botão Cancelar. . Na guia Substituir. Substituir. 6. Na guia Localizar. verifica-se todas as localizações da palavra pesquisada. Confirmar a seleção no botão inserir. encerra-se a pesquisa. No menu Editar. No botão Localizar próxima. 3. selecionar o símbolo ou caractere desejado. Substituir uma palavra Procedimentos: 9. Símbolo. sendo que muitos são acessados via teclado. No menu Editar. porém alguns devem ser inseridos. Na janela Símbolo. 8. CONTROLAR O ARQUIVO TEXTO Localizar uma palavra Procedimentos: 5. Localizar. na caixa Localizar digitar a palavra a ser localizada no texto. 2. guia Símbolo ou Caracteres especiais. No menu Inserir. 19 Símbolos e caracteres especiais Norma: alguns caracteres especiais podem fazer do texto do documento e deve ser utilizados conforme as necessidades.

No botão Cancelar. Comentário: O Microsoft Word pode contar automaticamente as linhas de um documento e exibir o número apropriado ao lado de cada linha de texto. clique na guia Layout. verifica-se todas as localizações da palavra pesquisada. encerra-se a pesquisa. 3. Na janela Contar palavras. 2. No botão Substituir próxima. clique em Configurar página e. 12. clique em Documento inteiro. Isso será útil se você precisar se referir as linhas específicas de um documento. em seguida. No menu Ferramentas. como um artigo. Clique em Números de linha. 20 11. Contar palavras. Contar o número de palavras Procedimentos: 1. 4. Marque a caixa de seleção Numerar linhas e as opções desejadas. . Botão fechar para sair da janela. No menu Arquivo. e. 2. 3. Adicionar números de linha Procedimentos: 1. Na caixa Aplicar. apresentação do relatório.

aplicar Nesta seção. 10. Configurar página. Comentário: normalmente o texto é editado na orientação de papel retrato. Na caixa visualização. opção Quebra. Encerrar a seleção no botão OK. No menu Inserir. em Tipos de quebra de seção. 7. em Tipos de quebra de seção. 6. acionar botão opção Próxima página. No menu Arquivo. Na janela. 5. acionar botão opção Próxima página. No menu Inserir. caixa Orientação. Na barra de ferramentas. 21 Orientar o sentido do papel Procedimentos: 1. 12. Na janela Quebra. 2. No menu Arquivo. no entanto algum elemento gráfico de grandes dimensões deve ser inserido no texto e a melhor visualização do mesmo é formato paisagem. 8. Na janela Quebra. selecionar paisagem. Intercalar uma página paisagem entre duas retrato Procedimentos: 1. 3. na caixa orientação. 13. 11. Encerrar a seleção no botão OK. opção Quebra. Isto ocorre com tabelas com . Na janela Configurar página. Posicionar o cursor na última linha da página retrato. Encerrar a seleção no botão OK. Posicionar o cursor na última linha da página paisagem. opção Configurar página. guia margens. 9. 4. selecionar retrato ou paisagem. Selecionar com o cursor a página paisagem. acionar o botão (mostrar). 3. 2.

Comentário: o texto geralmente é alinhado no formato justificado. Recortar. 2. e. . como gráficos. caixa de sugestões. Recortar um trecho do texto Procedimentos: 1. Na janela Verificar ortografia e gramática. No menu Ferramentas. Colar. 4. No menu Editar. Alinhar o texto Procedimentos: 1. 3. 2. Ortografia e gramática. Encerrar a no botão cancelar. 3. Selecionar com o cursor o trecho a ser alinhado. alterar. Na barra de ferramentas. 22 muitas colunas. Efetuar correção ortográfica Procedimentos: 1. selecionar uma das quatro opções . figura que ocupam uma página inteira. 2. Posicione o cursor no local do texto em que se deseja colar o trecho recortado. mapas e plantas. ou seja. no botão . Selecionar com o cursor o trecho a ser recortado. No menu Editar.

Selecionar com o cursor o trecho a ser realçado. 4. 3. ou seja. O editor de texto apresenta o recurso de sublinhar em vermelho alguma palavra ortograficamente incorreta e sublinhar em verde uma frase com problemas de gramática. Comentário: ao longo da edição podem surgir dúvidas ou necessidade de incluir modificações. sempre sustentadas por autores de referência na área de conhecimento do assunto tratado no texto. Selecione a cor para o realce. clicar o botão direito do mouse. 2. posicionar o curso no comentário. 23 Comentário: um documento técnico-científico deve ser coerente na apresentação das idéias. selecionar a opção Excluir comentário. é preciso uma boa redação. O editor realça em vermelho o trecho a ser comentado. 3. . No menu Inserir. 5. Mas isto não basta. Realçar trechos do texto Procedimentos: 1. Clique na opção mais conveniente. Na Barra de ferramentas. acionar o botão direito do mouse. acionar o botão . Na caixa comentário. Em seguida o editor apresenta uma lista de sugestões para alteração. editar o comentário. Selecionar com o cursor o trecho a ser comentado. Adicionar comentários Procedimentos: 1. é preciso ser correto na ortografia e na gramática. posicionar o cursor as palavra(s) sublinhadas (de vermelho ou verde). Caso ocorra uma sinalização destas. 2. Este recurso facilita a localização das dúvidas ou dos trechos a serem alterados ou revisados. Para excluir o comentário. Comentário.

5. selecionar a impressora. 6. 6. Encerrar a seleção no botão OK. . Alterar a cor das letras Procedimentos: 1. 4. convém visualizar a impressão. Comentário: ao longo da edição os trechos inacabados. acionar o botão . Selecionar com o cursor o trecho a ser alterado. 2. Na janela imprimir. Para apagar o realce. Comentário: ao longo da edição podem surgir dúvidas ou necessidade de incluir modificações. Selecione a cor para a letra. Na Barra de ferramentas. 2. acionar o botão . 3. 24 4. Este recurso também facilita a localização das dúvidas ou dos trechos a serem alterados ou revisados. Imprimir documentos Procedimentos: 1. Na Barra de ferramentas. acionar o botão . 3. Para voltar a cor original da letra. opção Imprimir. Na Barra de ferramentas. o intervalo de páginas e o número de páginas. Selecione automático. Selecione nenhum. No menu Arquivo. selecione o trecho realçado. Comentário: antes de imprimir. selecione o trecho alterado. que devem ser refeitos ou revisados pode ser editados em cores diferentes para melhor visualização. 5.

O editor apresenta o documento no modo de visualização. 2. O símbolo under line (_) separa a descrição breve da data de edição no formato (aammdd). 3. Para sair do modo de visualização de impressão. No esquema sugerido de batismo. Salvar arquivos de textos Procedimentos: 1. No menu Arquivo. Nomear arquivos de textos Procedimento: Tag – Descrição breve_aammdd Comentário: o nome do arquivo editado deve ser criado de modo facilitar a sua procura quando houver a necessidade de abrir para edição ou leitura. selecionar a pasta para armazenagem do arquivo. o hífen separa o tag da descrição breve que vem a seguir. Na caixa Nome do arquivo. opção Visualizar impressão. 3. No menu Arquivo. . Comentário: ver nomear arquivo de texto. Na janela Salvar como. Exemplo: Trabalho – Uso da informática_100327 (o documento é um arquivo texto do conteúdo do trabalho em grupo da disciplina de informática editado no dia 27/03/2010). Encerrar a operação no botão salvar. 25 Procedimentos: 1. 2. acionar botão fechar. editar o nome do arquivo. o tag é a palavra-chave. opção salvar como. 4.

sendo. 2006. assim. 2003. MATOS. Cascavel: Faculdade Assis Gurgacz. M. 1999. C. BIBLIOGRAFIA CONSULTADA FAG. este documento proporciona ao acadêmico a experiência de conhecer as normas de formatação de trabalhos técnico-científicos ao mesmo tempo em que exercita o acesso aos recursos do Microsoft Word. Ainda assim. um primeiro passo para estudos mais avançados do programa. 101 DICAS: Microsoft Word. Microsoft Office 2000. São Paulo: Digerati Booksl. São Paulo: Érica. Curso Prático de MS – Word 7. 26 FECHAR O EDITOR DE TEXTO Procedimento: 1. No menu Arquivo. . não esgotam as possibilidades oferecidas pelos inúmeros recursos do Microsoft Word. 1996. há recursos que não foram discutidos e que podem ser explorados na barra de menu. Manual de Elaboração e Apresentação de Trabalhos Acadêmicos. da. L. clique em Sair. neste documento. tornando a edição uma tarefa cada vez mais ágil. SILVA. na barra de ferramentas e nas teclas de atalho. CONSIDERAÇÕES FINAIS Os conteúdos apresentados aqui. G. toda essa abordagem segue o princípio de que os conhecimentos de informática devem contribuir na melhoria do desempenho do acadêmico e da sua futura vida profissional. Por fim. São Paulo: Makron Books. Sem dúvida. MINK.