Você está na página 1de 40

SOLDAGEM COM ELETRODO

REVESTIDO
SOLDAGEM COM ELETRODO
REVESTIDO

A soldagem com eletrodo


revestido (Shielded Metal Arc
Welding –SMAW) é um processo
manual realizado com o calor de
um arco elétrico mantido entre a
extremidade de
um eletrodo metálico revestido e
a peça de trabalho. O calor
produzido pelo arco elétrico funde
o metal, a alma do eletrodo e seu
revestimento de fluxo
SOLDAGEM COM ELETRODO
REVESTIDO
SOLDAGEM COM ELETRODO
REVESTIDO
• SOLDAGEM COM ELETRODO
REVESTIDO
• A soldagem é manual, (fonte do tipo tombante)

• Soldagem mecanizada (gravidade , contato)


• SOLDAGEM COM ELETRODO
REVESTIDO

• Formação do arco entre o eletrodo e a peça dá origem ao poço de


fusão.
• Processo projetou a soldagem como importante meio de
fabricação.
• Apropriado a maioria das ligas metálicas:
• Aços carbono, baixa liga, alta liga e resistentes a corrosão.
Ferros fundidos, Alumínio, Cobre e Níquel.
• Não apropriado para ligas de baixo ponto de fusão (Chumbo,
Estanho, Zinco) ou altamente reativas (Zircônio, Titânio)
Equipamentos
Características do Processo

• CC (+, -) ou CA

• Eletrodos: (Ø) 1,5-8 mm e (l) 350-


450mm (700mm)
Características do Processo

Efeito da Polaridade
Características do Processo

CC ou CA
• Todos eletrodos usam CC (+, -)
• Com eletrodo positivo maior penetração e menor taxa de
deposição.
• Com eletrodo negativo penetração menor e taxa de deposição
maior.
• Fator de potência maior no retificador que no transformador
• Mais fácil iniciar e manter arco mais curto com CC
• Somente alguns usam CA
• Transformador mais barato que retificador
• Deflexão magnética do arco menor com CA
Seleção do Equipamento de Solda
• CC, CA, CC/CA
• Curva Característica
• Ciclo de Trabalho
• Tensão, Freqüência, Potência e Número de Fases
da Rede
• Aspectos Econômicos
• Aspectos Ambientais
• Robustez e Confiabilidade
• Simplicidade de Manutenção
• Atendimento de Normas e Códigos
• Adaptações de Espaço e ‘Lay-Out’
Arco Elétrico
• Abertura do Arco – rápido curto-circuito entre o eletrodo e a
peça.
• Formato do Arco – curto e constante; queda de tensão;
composição química do metal da solda.
Eletrodo Revestido
Alma

➢Aços Carbono e Baixa Liga usam um único tipo de


material da alma para qualquer composição do material
base
➢Aços Inox ferríticos tanto podem ser soldados por
materiais similares, como por austeníticos ou ligas de Níquel
➢Cobre e suas ligas apresentam as seguintes composições
na alma: Cu, CuSi, CuSn, CuAl, CuNiAl, CuMnNiAl
➢Níquel e suas ligas apresentam as seguintes composições
na alma: Ni, NiCu, NiCrFe, NiMo, NiCrMo
➢Ferro Fundido utiliza quatro diferentes grupos de alma :
ferro fundido, ligas de níquel, aço carbono e ligas de cobre
Eletrodo Revestido
Revestimentos
Função do Revestimentos

• Metalúrgicas – proteção do cordão;


desoxidação da poça; elementos de liga; limitar
o hidrogênio.

• Controle do Arco – facilitar a ignição e re-


ignição; estabilizar; regular a penetração;
diminuir salpicos.

• Operação e Manipulação – atrasar a


solidificação da escória; viscosidade adequada;
tensão interfacial; facilmente destacável.
Tipos de Revestimentos
Segundo a composição do revestimento , os eletrodos podem ser
classificados em:

• Básicos – excelente tenacidade; escória fluida e destacável;


altamente higroscópico; ressecagem a 400º C.
• Celulósicos – elevada produção de gases; não ressecar em
temperaturas acima de 100ºC; pouca escória e destacável.
• Rutílicos – escória de solidificação rápida e destacável; ressecagem
a baixa temperatura.
• Básicos/Rutílicos – aços inox; + básico: soldagem vertical-
ascendente; +ácido: soldagem plana e horizontal.
• Pó de Ferro – aumenta a taxa de deposição; usar em básicos (10-
25%) em rutílicos (até 60%).
TABELA ESPECIFICAÇÕES AWS PARA
ELETRODOS REVESTIDOS

REF. AWS Eletrodos para:


A 5.1 Aços ao Carbono
A 5.3 Alumínio e suas ligas
A 5.4 Aços inoxidáveis
A 5.5 Aços baixa liga
A 5.6 Cobre e suas ligas
A 5.11 Níquel e suas ligas
A 5.13 Revestimento (alma sólida)
A 5.15 Ferros fundidos
revestimento (alma tubular com
A 5.21
carbonetos de Tungstênio)
Classificação do eletrodo revestido
AÇO CARBONO

Exemplo:
ER 6013
ER 7018
ER 6010
Classificação do eletrodo revestido
Aço Inoxidável
Eletrodo Compósito

• Eletrodos tubulares com elementos liga por


dentro e revestidos com fluxo por fora
• Depositam carboneto de Tungstênio
• São os depósitos mais resistentes a
abrasão que podem ser obtidos por
soldagem: brocas para rochas; superfícies
de desgaste em minas; equipamentos para
escavação
• Não são usináveis e tem pequena
resistência a oxidação e corrosão
Manuseio do Eletrodo Revestido
Manuseio do Eletrodo Revestido
Ressecagem
Escolha do Eletrodo

• Relação volumétrica do revestimento


• RV=(D2-d2)/d2
• Rendimento de deposição
• Taxa de deposição
• Comprimento do cordão de solda
• Posição de soldagem
• Corrente (tipo/polaridade) e penetração
• Diâmetro do eletrodo
Ferros Fundidos
Ferro fundido: Pré-aquecer entre 200-650°C para a
dureza não ultrapassar 200 HB.
Ligas de níquel: Com pequena diluição as soldas são
usináveis. Útil na união e reparo de ferros fundidos e
na união destes com outras ligas ferrosas e não-
ferrosas.
Aço carbono: Usar cordões curtos e separados. Pré-
aquecimento somente para evitar acúmulo de tensões.
Quando os cordões forem muito longos deve-se utilizar
pinos de ancoragem.
Revestimentos de Proteção

• Protegem contra a Fricção,


impacto, abrasão, erosão,
cavitação e oxidação.
• Usados na fabricação,
reparo e extensão da vida
útil de máquinas e
componentes.
Aços Austeníticos ao Manganês

• Para trabalhos que apresentam altas tensões e


impactos repetidos, desgaste metal-metal,
moagem de rochas, trilhos de estradas de ferro
• Não usar no revestimento direto de aços carbono
ou baixa liga pois pode ocorrer o destacamento da
solda em serviço
• Nestes casos aconselha-se o uso de almofadas
com aços inoxidáveis austeníticos
Variáveis ajustáveis primárias

• Corrente
• Tensão
• Velocidade de soldagem
Variáveis ajustáveis secundárias

• Ângulos de trabalho
• Ângulos de deslocamento
• Tecimento
Tecnica operatória:
Ângulo de trabalho
Ângulo de trabalho
Ângulo de trabalho
Tecimento
Limpeza do Cordão

• Remoção da Escória
• Uso do Picador
• Uso da Escova
Segurança

Choque elétrico
Infravermelho
Ultravioleta
Salpicos
Ventilação
 Fogo e Explosão
FIM