Você está na página 1de 12

Informativo

técnico
Edição 45

Vamos emagrecer com


os termogênicos?
Canela, Pimenta,
Gengibre e Chá verde

Nesta Edição
  2 endocrinologia / nutrologia
  4 psiquiatria
  5 cardiologia / neurologia
  6 nutrologia / alergologia
  7 reumatologia / ortopedia / nutrologia
  8 dermatologia
10 alergologia / otorrinolaringologia
11 medicina esportiva / nutrologia
Endocrinologia / NUTROLOGIA

Pimentas
(Capsiate e Bioperine)
Aumento na
termogênese

Extrato de Canela Capsiate - Capsicum annuum


Cinnamomum zeylanicum
Descrição: Ingrediente clinicamente aprovado para Redução
Ingrediente funcional no de Peso.
Gerenciamento de Peso Os capsinóides são uma família de compostos que são análo-
e Queima de Açúcar gos à capsaicina, mas com propriedades não pungentes. São cer-
ca de 1000 vezes menos pungentes quando comparados com a
Descrição/Propriedades: A canela (Cinnamomum zeylanicum capsaicina. São extraídos da Capsicum Annuum (pimenta doce), a
L.) é uma das especiarias mais antigas que se conhecem e já se no- única não pungente das pimentas. Os capsinóides fazem parte de
meia nos tratados de botânica há mais de 4.000 anos. Atualmente um grupo que inclui o Capsiate®, dihydrocapsaicina e homodihi-
seu uso vai além da especiaria, sendo sua extração aquosa, a res- drocapsaicina.
ponsável por queima de açúcar e controle do peso. Reconhecido Propriedades: Capsiate possui propriedades de aumento de
pelo FDA como um ativo seguro (GRAS). Seu principal componente termogênese e do consumo de energia corporal, promove o meta-
bioativo, um polímero polifenol tipo A, o responsável pelas prin- bolismo energético e diminui o acúmulo de gordura corporal, ele-
cipais atividades farmacológicas, sendo encontrado somente na va a temperatura corporal e o consumo de oxigênio em humanos
extração aquosa do Cinnamomum. e conseqüentemente aceleração do metabolismo lipídico. Estudos
O Ext de Canela, também conhecido como Active Sweet Wood, sugeriram que a ingestão de Capsiate durante pelo menos duas se-
possui propriedades específicas na regulação da insulina, sendo manas ocasionou supressão do acúmulo de gordura corporal, espe-
usado como “insulin-like”, diminuindo a concentração de glicose cialmente de gordura visceral, e promoveu redução do peso corporal
livre, redução do esvaziamento gástrico, ativando metabolismo li- dos participantes do estudo, redução do colesterol também efeitos
pídico, reduzindo depósito de gorduras e assim o peso corporal. Es- antioxidantes, antiinflamatórios e mostrou efeito anti-obesidade.
tudos mostraram que a suplementação com Ext de Canela, durante
40 dias reduz taxas de glicose livre, teor de gorduras, circunferência Dose usual: 5-10mg/dia
abdominal e a perca de peso.
Sugestão de fórmula
Indicações: Capsiate.............................................................................................10mg
ƒƒ Antioxidade - redução do stress oxidativo e controle do índice 60 cápsulas
glicêmico; Posologia: Tomar 1 cáps ao dia.
ƒƒ Prevenção do Diabetes - reduz significantemente o açúcar no
sangue;
ƒƒ Auxilia a perda de peso - aumento da massa magra e redução
da gordura corporal; Bioperine - Piper nigrum
ƒƒ Evita acúmulo de gordura corporal em locais indesejados;
ƒƒ ermogênico – aumenta temperatura corporal; Descrição: A piperina é um alcalóide extraído das sementes de
ƒƒ Diminui a absorção da glicose e promove sensação de saciedade; Piper nigrum (pimenta preta). É um estimulante natural e intervem
ƒƒ Tônica e vasodilatadora - reduz a pressão arterial; na absorção de selênio, vitamina B e b-caroteno. Tem sido utilizada
ƒƒ Controla a compulsão por doce e estimula o metabolismo no tratamento de atletas e idosos cuja capacidade de absorver nu-
ƒƒ Estimulante-afrodisíaco e revigorante - reduz a fadiga e trientes é deficiente.
sensação de cansaço. A substância química que dá à pimenta o seu caráter ardido é
exatamente aquela que possui as propriedades benéficas à saúde.
Dose usual: 125 a 550mg ao dia No caso da pimenta-do-reino, o nome da substância é piperina.

Sugestão de Fórmula Propriedades: Tem função digestiva e ativa o metabolismo. As


Canela, Extrato seco.................................................................... 250mg substâncias picantes das pimentas (capsaicina e piperina) melho-
60 cápsulas ram a digestão, estimulando as secreções do estômago. Possuem
Posologia: Tomar 1 cáps 2x ao dia, antes das principais efeito carminativo (antiflatulência).
refeições Existem cada vez mais estudos demonstrando a potente ação
antioxidante (antienvelhecimento) da capsaicina e piperina.

2   Informativo Técnico


Endocrinologia / NUTROLOGIA

Pesquisas têm demonstrado potentes propriedades antiinfla-


matórias das pimentas. Um artigo publicado em março de 2003, na
revista científica Cell Signalling (volume 15, número 6, páginas 299
Chá Verde,
a 306), conclui que as substâncias ativas da pimenta são candidatas
promissoras para o alívio de doenças inflamatórias.
Extrato seco
Um estudo farmacológico da piperina demonstrou atividade Camelia sinensis
depressora no sistema nervoso central, atividades antipiréticas,
analgésicas e antiinflamatórias (MIYAKADO et al,1989). Descrição/Propriedades: O chá verde, cientificamente cha-
mado de Camellia sinensis (também conhecido popularmente
Dose usual: 15mg/3x ao dia como banchá ou chá-da- India) é considerado atualmente um alia-
. do da saúde por ser rico em flavonóides - substâncias antioxidantes
Sugestão de fórmula: que ajudam a neutralizar os radicais livres, responsáveis pelo enve-
Bioperine ...........................15mg lhecimento celular precoce.
60 cápsulas Indicações: Dietas de emagrecimento, proteção a cartiopa-
Posologia: Tomar 1 cáps 2x ao dia. tias, redução da lipoproteína LDL (responsável pelo transporte do
colesterol para dentro das células), anti-séptico, adstringente. As
principais atividades farmacológicas atribuídas ao chá verde, tem
sido a ação anti-radicais livres e angioprotetora, devido aos deri-
vados flavônicos; antimutagênica e antitumoral, pela presença de
compostos fenólicos; inibidora da absorção intestinal de colesterol
exógeno.

Gengibre, Na obesidade: Está comprovado que o chá verde acelera o


metabolismo e ajuda a queimar gordura corporal. Um dos estudos

Extrato seco foi realizado na Suíça com três grupos de pessoas que seguiram
a mesma dieta. O resultado: o grupo que recebeu chá verde teve
aumento de 4% na velocidade de combustão das calorias no orga-
nismo e de 5% na queima de calorias em relação aos outros dois
Zingiber officinale grupos pesquisados. Um estudo publicado no American Journal of
Clinical Nutrition, demonstrou que extrato de o Chá Verde - que
Descrição/Propriedades: O Gengibre é bastante conhecido possui altas concentrações de antioxidantes como catequina, poli-
na Europa, Ásia e América por suas propriedades antieméticas, fenóis e muitos outros compostos incluindo cafeína - pode aumen-
digestivas e termogênicas. É um fitoterápico rico em vitamina C, tar a utilização de energia muito acima dos efeitos da cafeína pura.
Proteínas, Cálcio, Ferro, Magnésio, Fósforo, Potássio, Sódio, Zinco, Dose usual: Extrato Seco: 50-500 mg/dia.
Cobre, Manganês, Selênio, Vitamina C, Tiamina, Riboflavina, Niaci-
na, ÁcidoPantotênico, Vitamina B6, Vitamina B12 e lipídios. O Gen- Sugestão de fórmula:
gibre, por sua ação termogênica, aumenta a temperatura do corpo
e com isso ajuda na queima de gorduras totais e a aceleração do Chá verde . .................................................................................... 500mg
metabolismo. Veículo aromatizado sabor limão qs 1 sache
 O Gengibre estimula os sucos digestivos e neutraliza os ácidos. 60 saches
Ajuda aliviar as náuseas provocadas pela quimioterapia e irritação Posologia: Dissolver o conteúdo de um sache em 200ml de
gástrica. É muito usado na medicina tradicional contra gripes, res- água quente ou gelada e beber 1x ao dia, antes do almoço.
friados, dores de garganta e artrites.
Chá verde....................................................................................... 250mg
 Indicações Citrus aurantium.......................................................................... 350mg
• Auxilia nas dietas de emagrecimento pois acelera o metabolismo; 60 cáps
• Profilaxia de náuseas e vômitos associados à cinesia (cinetose) e Posologia: Tomar 1 cáps 2x ao dia
náusea pós-operatória. É indicado em casos de cólicas, dores de
garganta, resfriados, náusea, gripe, bronquite, rouquidão, asma,
reumatismo. 
Referências Bibliográficas:
ƒƒ Literaturas dos fornecedores Lemma Solutions , Gamma e Embrafarma 
Dose usual: 200 a 400mg ao dia. ƒƒ SIMÕES, et al. Farmacognosia da planta ao medicamento. 2.ed. Porto Alegre/
ƒƒ Florianópolis: Ed. Universidade/UFRGS/ Ed. da UFSC, 2000.
ƒƒ Fitoterapia. Disponível em: http://www.fitoterapia.com.br
ƒƒ Khan A, Safdar M, Ali Khan MM, Khattak KN, Anderson RA. Cinnamon improves glucose
Sugestão de fórmula: and lipids of people with type 2 diabetes.Diabetes Care 2003;26:3215–8.
ƒƒ Ziegenfuss TN, Hofheins JE, Mendel RW. Effects os a Water-Soluble Cinnamom Extract
Gengibre........................................................................................ 200mg on body Composition and Features of Metabolic Syndrome in Pre-diabetic Men and
60 cápsulas Women. Journal of the International Society os Sports Nutrition 3(2):45-53,2006.
ƒƒ O poder de cura de vitaminas, minerais e outros suplementos
Tomar 1 cápsula, 2 vezes ao dia.

Informativo Técnico   3  


PSIQUIATRIA

Aripiprazol
Antipsicótico

Descrição/Propriedades: Aripiprazol é um agente psicotrópico cente de infarto do miocárdio ou angina cardíaca instável. Estudos
que apresenta propriedades farmacológicas e estrutura química úni- in vitro e em animais demonstraram que o aripiprazol não possui
cas, que diferem dos agentes antipsicóticos atuais. O mecanismo de efeitos carcinogênicos, mutagênicos ou embriotóxicos, nem altera
ação de Aripiprazol, assim como de outras drogas que têm eficácia a fertilidade. Não foram realizados estudos adequados e bem con-
na esquizofrenia e na desordem bipolar, é desconhecido. Acredita-se trolados em mulheres grávidas, razão pela qual recomenda-se não
que a eficácia do Aripiprazol seja mediada através da combinação administrar o fármaco nesta condição, a menos que o benefício para
do agonismo parcial nos receptores D2 de dopamina e 5-HT1A de a mãe supere o risco potencial para o feto. Não se sabe se o aripipra-
serotonina, e do antagonismo dos receptores 5-HT2A de serotonina. zol ou seus metabólitos são excretados no leite humano, razão pela
Interações com outros receptores que não os subtipos de receptores qual recomenda-se que mulheres sob tratamento com aripiprazol
de dopamina e serotonina podem explicar alguns dos outros efeitos abstenham-se de amamentar. Caso o paciente apresente sintomas
clínicos do Aripiprazol. indicativos de síndrome neuroléptica maligna (SNM), recomenda-
Indicações: Tratamento da esquizofrenia. Também é indicado se suspender o tratamento com o aripiprazol. Esta patologia é um
no tratamento de episódios agudos de mania associados ao Trans- complexo de sintomas potencialmente fatais que tem sido relatado
torno Bipolar tipo I e para o tratamento de continuação (prevenção em associação com a administração de substâncias antipsicóticas,
de recidivas) em pacientes com Transtorno Bipolar tipo I que recen- inclusive o aripiprazol. As manifestações clínicas da SNM são hiper-
temente apresentaram episódios maníacos ou mistos. termia, rigidez muscular, alterações do estado mental e evidência
Posologia: Adultos: via oral, 15mg por dia, independentemente de instabilidade neurovegetativa (pulso ou pressão alterados, taqui-
das refeições, podendo chegar a 30mg/dia. cardia, diaforese e arritmias cardíacas). Após a recuperação total da
Reações adversas: As principais reações adversas compreen- SNM, caso o paciente deva retomar a administração do aripiprazol,
dem sonolência, sintomas de gripe, edema periférico, dores no pei- recomenda-se realizar controles periódicos. Como os pacientes ido-
to, rigidez e dores no pescoço, hipertensão, taquicardia, hipotensão, sos, especialmente as mulheres, têm predisposição para manifestar
bradicardia, anorexia, náuseas, vômitos, anemia, perda de peso, au- discinesia tardia durante a administração de fármacos antipsicóticos,
mento da creatinina-fosfoquinase, cãibras musculares, depressão, recomenda-se aplicar o tratamento por períodos relativamente cur-
nervosismo, aumento da salivação, hostilidade, pensamentos suici- tos em esquema de doses baixas.
das, mania, confusão, anormalidades da marcha, rigidez mandibular. Interações: O aripiprazol deve ser administrado com precaução
Precauções: Pacientes com idade superior a 65 anos apresen- em combinação com outros fármacos de ação central e álcool. De-
tam maior suscetibilidade a sonolência associada com fármacos an- vido a sua atividade antagonista sobre receptores a 1-adrenérgicos,
tipsicóticos em geral, razão pela qual o uso nesta faixa etária deve ser o aripiprazol tem o potencial de provocar aumento dos efeitos de
realizado com precaução. Recomenda-se advertir os pacientes sobre alguns fármacos anti-hipertensivos. Como o aripiprazol é metaboli-
a possível manifestação de hipotensão ortostática. Administrar com zado por diversas vias, incluindo as enzimas CYP2D6 e CYP3A4, os
precaução em pacientes com patologia cardiovascular conhecida compostos inibidores de CYP2D6 (quinidina) e CYP3A4 (cetocona-
(histórico de infarto do miocárdio ou angina cardíaca, isquemia, in- zol) causam diminuição da eliminação do aripiprazol. Considera-se
suficiência cardíaca ou distúrbios de condução), patologia vascular que outros inibidores potentes de CYP3A4 e CYP2D6 possam causar
cerebral ou condições que possam predispor o paciente à hipoten- efeitos semelhantes, razão pela qual recomenda-se diminuir a dose
são (desidratação, hipovolemia e tratamento com medicamentos diária de aripiprazol em pacientes que estejam fazendo uso de me-
anti-hipertensivos). Dado que durante a administração de aripipra- dicação múltipla concomitante que iniba estas enzimas. Como o ari-
zol podem manifestar-se convulsões (a incidência aproximada é de piprazol não constitui substrato para as enzimas CYP1A2, CYP2A6,
0,1%), deve ser usado com precaução em pacientes com histórico CYP2B6, CYP2C8, CYP2C9, CYP2C19, nem sobre a glicuronidação
de convulsões ou com condições em que haja diminuição do limiar direta, é pouco provável a ocorrência de interação de aripiprazol com
convulsivo, tal como no mal de Alzheimer. Como o aripiprazol pode inibidores ou indutores dessas enzimas, ou com outros fatores, como
produzir alterações do pensamento e das habilidades motoras, reco- o tabagismo. Não foram observadas alterações na farmacocinética
menda-se advertir os pacientes sobre os riscos de operar máquinas do aripiprazol durante a administração conjunta com famotidina,
perigosas, inclusive automóveis. O aripiprazol pode alterar a capaci- valproato ou lítio.
dade do organismo em reduzir a temperatura corporal central. As- Contra-indicações: Pacientes com hipersensibilidade conheci-
sim, recomenda-se administrar com precaução a pacientes expostos da ao fármaco. Menores de 18 anos.
a diferentes condições que possam propiciar elevação da tempera-
tura corporal central, tais como exercício violento, exposição a altas Sugestão de Fórmula
temperaturas, co-administração de medicação com atividade anti-
colinérgica, ou condições que favoreçam a desidratação. Administrar Aripiprazol........................................................................................15mg
com precaução a pacientes em risco de pneumonia aspirativa, visto 60 cáps
que a falta de motilidade do esôfago e a aspiração foram associa- Posologia: Tomar 1 cápsula, 1 vez ao dia.
das com o uso de compostos antipsicóticos em geral. A segurança e
eficácia do aripiprazol não foram ainda estabelecidas em pacientes
com psicose associada a demência nem naqueles com histórico re- Ref. Bibliográficas:
ƒƒ PR Vade Mécum 2006-2007

4   Informativo Técnico


CARDIOLOGIA / NEUROLOGIA

Metoprolol
Tartarato
Anti-hipertensivo. Betabloqueador
cardiosseletivo. Profilaxia da
enxaqueca

Descrição/Propriedades: Atua sobre os receptores b1 de Reações adversas: Sistema nervoso central e periférico: es-
localização cardíaca, em doses menores que as necessárias para gotamento, vertigem, cefaléias. Ocasionalmente, parestesias e
influir sobre os receptores b2, que são encontrados principalmen- cãibras. Sistema cardiovascular. Bradicardia e distúrbios ortostá-
te nos brônquios e vasos periféricos. Diminui ou inibe o efeito ticos. Raramente apresentam-se insuficiência cardíaca, arritmias,
estimulante das catecolaminas no coração, o que produz uma edemas e palpitações. Ocasionalmente, náuseas, vômitos, dores
diminuição da freqüência cardíaca, da contratilidade miocárdica abdominais. Isoladamente, fotossensibilidade, alterações cutâneas
e do volume minuto cardíaco. Abaixa a tensão arterial elevada. e exantemas, distúrbios da visão, trombocitopenia.
O metoprolol aumenta a resistência nos vasos periféricos, que Precauções: Geralmente, os pacientes com afecções obstruti-
é normalizada no decorrer do tratamento prolongado. Regula a vas das vias respiratórias não devem receber beta-bloqueadores.
freqüência cardíaca em taquicardias supraventriculares, fibrila- No caso de se apresentar um quadro de bradicardia crescente, re-
ção atrial e extra-sístoles ventriculares. Seu efeito antiarrítmico duzir a dose do metoprolol. Pode aumentar os distúrbios da cir-
baseia-se na inibição do automatismo das células marca-passos culação periférica. Em pacientes com feocromocitoma, administrar
e no prolongamento do tempo de condução atrioventricular. simultaneamente um alfa-bloqueador. A prescrição deve ser ins-
Absorve-se completamente após a administração oral e mais de taurada com cautela nos casos de cirrose hepática, pois aumenta
95% são excretados na urina. As concentrações plasmáticas má- sua biodisponibilidade. Deve-se evitar a suspensão abrupta do
ximas são alcançadas ao término de 1 a 2 horas e após 4 a 5 horas tratamento, retirá-lo de forma gradual no decorrer de 10 dias, com
nas formas de liberação prolongada. Foi observado acúmulo de reduções de 25mg durante os 6 últimos dias. Na gravidez, somente
seus metabólitos em pacientes com uma taxa de filtração glome- será indicado se for imperativo; o mesmo no período de lactação,
rular de 5ml/minuto. Nos casos de cirrose hepática, aumenta a com controle de possíveis efeitos no lactente.
biodisponibilidade do metoprolol. Interações: Potencializa o efeito de outros anti-hipertensivos
Indicações: Em hipertensão, como monoterapia ou em com- e deverá ser controlado quando administrado com outro beta-
binação com outros anti-hipertensivos, principalmente com diu- bloqueador ou prazosina. Pode intensificar o efeito inotrópico ne-
réticos (clortalidona, hidroclorotiazida), ou um vasodilatador pe- gativo e cronotrópico dos antiarrítmicos (quinidina e amiodarona).
riférico. Em angina pectoris, para profilaxia prolongada. Arritmias A indometacina e a rifampicina reduzem o efeito anti-hipertensivo
cardíacas, principalmente taquicardias supraventriculares. Enfarte do metoprolol e a cimetidina aumenta seu nível plasmático. A dose
do miocárdio. Distúrbios funcionais cardiovasculares com palpita- de hipoglicemiantes orais deverá ser readequada no diabético que
ções.Profilaxia da enxaqueca vascular. receber metoprolol.
Profilaxia da enxaqueca: A eficácia dos beta-bloqueadores Contra-indicações: Hipersensibilidade conhecida à droga.
na profilaxia das crises de enxaqueca já é bem estabelecida. Bloqueio atrioventricular de 2 e 3 graus, insuficiência cardíaca des-
Vários estudos mostram que o metoprolol na dose de 200 mg/ compensada, bradicardia sinusal manifesta, choque cardiogênico
dia é eficaz na redução do número de crises de enxaqueca . No e distúrbios graves da irrigação arterial periférica. A relação risco-
entanto, doses menores também podem ser eficazes em alguns benefício deverá ser avaliada em pacientes com doença coronária,
pacientes (Limmroth V, Michel MC. Br J Clin Pharmacol. 2001 Sep; diabetes mellitus, disfunção hepática, feocromocitoma, psoríase e
52(3): 237-43). disfunção renal.

Dose usual
Sugestão de Fórmula
ƒƒAntiangina/Anti-hipertensivo:
Via oral, 100 mg (tartarato), em dose única ou fracionada. Metoprolol, tartarato.................................................................. 1 0 0 m g
Aumentar em intervalos semanais até o máximo de 450 mg/dia. 60 cáps
Manutenção: via oral, 100 a 400 mg uma vez/dia. Posologia: Tomar 1 cáps 2x ao dia
ƒƒInfarto do miocárdio:
Tratamento posterior: via oral, 100 mg (tartarato), 2 vezes/dia,
durante 3 meses e, possivelmente, durante 1 a 3 anos.
ƒƒCefaléia vascular/enxaqueca Referências Bibliográficas:
ƒƒ PR Vade Mécum 2006-2007
Via oral, 50 a 100 mg (tartarato) 2 a 4 vezes/dia.

Informativo Técnico   5  


nutrologia / alergologia

Astragalus
Estimula o sistema imunológico.
Promove proteção contra câncer.
Atua como um adaptogênico
(resistência não específica ao estresse).
Aumenta os níveis de energia.

Descrição/Propriedades Interações medicamentosas:


Astragalus (Astragalus membranaceus) é uma erva da medici- Medicamentos antivirais: Astragalus pode aumentar os efeitos
na tradicional Chinesa (MTC) que é usada tradicionalmente para de alguns medicamentos antivirais como aciclovir e interferon.
melhoria das propriedades do sistema imunológico, e também Ciclofosfamida: Astragalus pode também conter os efeitos
recomendada para a “deficiência do chi” (força de vida) – podendo imunológicos supressivos da ciclofosfamida, um medicamento
incluir sintomas como perda de energia e fadiga. A planta é nati- usado para reduzir as chances de rejeição em transplantes.
va do norte da China e Mongólia. Existem mais de 2000 tipos de
Astragalus no mundo, sendo que o Astragalus Membranaceus é o Contra-indicações:
mais comum utilizado para propósitos de medicina; OAstragalus Não são conhecidos contra-indicações com o produto. No en-
é usado para melhorar a resposta imune e manter a saúde global tanto, devido ao fato de estimular o sistema imunológico, deve ser
(Sinclair, 1998). Diz-se que o Astragalus, conhecido como huang chi usado com cuidado por pessoas em terapia imunosupressiva assim
ou huang qi, estimula ou potencializa os componentes do sistema como a administração após um transplante de órgão e por aqueles
imune, incluindo a atividade das células natural killer (NK) (Me- que sofrem de alguma doença autoimune como lúpus.
morial Sloan-Kettering, 2005). Em indivíduos com baixo número
de leucócitos, o Astragalus pode aumentar o número de células Precauções:
brancas e níveis de interferon, importantíssimos no combate a ví- Astragalus contém certa quantidade de selênio. Quando to-
rus (Kurashige e col., 1999). Também observou-se que o Astragalus mado em grandes quantidades ou por longo período, esse mineral
intensifica a atividade dos macrófagos. pode causar perda de cabelos, dentes e causar fadiga.
Durante a gravidez ou em fase de amamentação.
Mecanismo de ação:
Vários constituintes químicos de Astragalus como as saponi- Estudos científicos:
nas, flavonóides, polissacarídeos e glicosídeos, têm sido identifi- A maioria das informações científicas vindas de evidências clí-
cados como ativos potenciais. Astragalus é também associado a nicas chinesas mostra que o Astragalus parece estimular o sistema
outras ervas adaptogênicas como o ginseng promovendo a segu- imunológico em pacientes com infecções. Ao menos uma triagem
rança contra vários fatores estressantes internos e externos. A com- clínica nos EUA mostra aumento dos níveis de células T aproximan-
binação de Astragalus com Equinácea é comum contra infecções do-as do normal em alguns pacientes com câncer, sugerindo a pos-
da membrana mucosa. sibilidade de um efeito sinérgico com a quimioterapia. Em estudos
com animais, Astragalus mostrou uma prevenção efetiva na infec-
Indicações: ção causada pelo vírus influenza.
ƒƒEstimula o sistema imunológico
ƒƒPromove proteção contra câncer Sugestões de Fórmulas
ƒƒAtua como um adaptogênico (resistência não específica ao
Astragalus...................................................................................... 250mg
estresse)
60 cápsulas
ƒƒAumenta os níveis de energia
Posologia: Tomar 1 cápsula, 2 vezes ao dia
Dose usual:
Astragalus está disponível como um ingrediente individual, Astragalus...................................................................................... 100mg
mas pode ser ainda mais efetivo em dosagens menores (100 a Ginseng.......................................................................................... 150mg
200mg/dia) quando combinado com outras ervas e nutrientes Echinacea....................................................................................... 200mg
imunoestimulantes. Vit C................................................................................................. 150mg
Recomenda-se 500mg/dia para a estimulação do sistema 60 cápsulas
imunológico e para promover resistência aos efeitos do estresse,
preferencialmente em doses divididas de 250mg do extrato padro- Posologia: Tomar 1 cápsula, 2 vezes ao dia
nizado.

Reações adversas:
Quando usado conforme recomendado, Astragalus não ofere-
ce efeitos colaterais; quando usado em doses elevadas pode causar Referências Bibliográficas:
ƒƒ Literatura do fornecedor Gamma.
problemas gastrintestinais e diarréia.

6   Informativo Técnico


reumatologia / ortopedia / nutrologia

MangoSelect
Ação antiinflamatória para o
tratamento das articulações,
tendinites, reumatismo e artrose

Descrição/Propriedades: MangoSelect é um extrato seco, a produção da prostanglandinas E2. O estudo in vitro foi realizado
extraído da fruta mangostão (Garcínia mangostana L.) padroniza- com células de ratos leucêmicas, no qual houve liberação da hista-
do em 10% ou 35% de alfa-mangostina, um ingrediente com ação mina após contato com IgE.
antiinflamatória para as articulações, tendinites, reumatismos e Os pesquisadores encontraram 40% do extrato de mangostão
artroses. A concentração de 35% é especialmente indicado para inibindo os mediadores IgE liberadores de histaminas nas células
tratamento de dores mais agudas. leucêmicas. A inibição deste extrato foi maior do que o Extrato Ru-
bus suavissimus, já consagrado como anti-alérgico na medicina no
Mecanismo de ação: O Extrato de Mangostão age sobre a ci- Japão.O Extrato também foi testado no efeito inibitório da libera-
clooxigenase COX2, onde a sua produção é desencadeada pelas ci- ção de prostaglandina E2, visto que a inibição é considerada dose-
toquinas após as mesmas detectarem uma agressão ao organismo. dependente.Os principais ativos responsáveis por tal inibição são os
A COX2 é a responsável pela produção de PGE2(fator indispensável mangostins. Pesquisas tem demonstrado o efeito deste extrato em
à respostas de reações inflamatórias). anafilaxia em ratos, onde a reação anafilática foi reduzida em 40%.
O Extrato de Mangostão que é rico em alfa-mangostin ,mínimo Enfim, estes estudos concluem que há redução em 40% da
de 35% no Mangoselect40 e mínimo de 10% no Mangoselect10, inibição da liberação histamina e da síntese de prostaglandinas E2
inibe diretamente a ação das citoquinas reduzindo a produção de pelo Extrato de mangostão e o mesmo pode ser usado como droga
ciclooxigenase e assim a reação inflamatória. Além desta ação ain- natural para o tratamento da inflamação e de alergia.
da possui ação sobre a liberação de histamina em mecanismos de
reações alérgicas. Toxicidade e mutagenicidade: Foram realizados estudos de
toxicidade aguda onde como conclusão das dosagens individuais
Testes clínicos: Vários estudos foram avaliados com o Extrato orais, acima de 5mg/kg do extrato em relação ao peso corporal
seco de Mangostão, associando seu uso à saúde das articulações, para um estudo contínuo de administração durante 28 dias, e aci-
tendinites, dores agudas, reumatismos, artrose e até mesmo para o ma de 1000mg/kg do extrato em relação ao do peso corporal, não
tratamento de alguns casos de alergia. causaram nenhum efeito tóxico em ratos.
Um estudo realizado na Universidade de PAVIA (Itália) sob a
direção do Dr. Fulvio Marzatico foi feito com objetivo de avaliar a Reações adversas: Não foram encontrados quaisquer relatos
capacidade antiinflamatória deste extrato. Foi administrado 2,5 µg de reações adversas. No entanto é sempre recomendável verificar
de lipopolissacarídeos (LPS), poderoso indutor de uma inflamação, se o paciente tem conhecimento prévio de sensibilidade a qual-
a fim de causar uma reação inflamatória e foi feito um pré-trata- quer componente do insumo descrito.
mento com a administração de 8,5mg/kg de Extrato de Mangostão
e após 90 min, foi feita a medida da concentração em TNF-α, um Contra indicações: Não foram encontrados relatos de contra-
dos principais mediadores das respostas biológicas. indicações.
Outros estudos foram analisados para avaliar esta capacidade
antiinflamatória do Extrato de Mangostão, onde foram compara- Dose usual: Dose recomendada para o MangoSelect 10%:
das dosagens do Extrato de Mangostão ao efeito farmacológico 600mg/dia; 3 cápsulas de 200mg/dia.
dos ativos Nimesulida e Dexametasona através de estudos in vivo. Dose recomendada para o MangoSelect 40% : Recomenda-se
Nestes estudos este Extrato obteve resultados ótimos e satisfató- diariamente a dosagem de 100-200mg do Extrato.
rios na redução da dor e reação inflamatória, abrangendo diferen-
tes faixas etárias e modalidades, como idosos e esportistas. Sugestão de Fórmula:
Os resultados implicaram na melhora de 31% da dor em com-
paração à 53% da Nimesulida, e em 69% de redução da reação in- Dose de ataque:
flamatória em comparação à 83% da Dexametasona. Este estudo Mangoselect 40%........................................................................ 100mg
portanto comprovou que um Extrato com menor quantidade de 60 cápsulas
efeitos indesejáveis pode trazer benefícios tanto quanto à um fár- Posologia: Tomar 1 cápsula, 2 vezes ao dia, por 30 dias.
maco líder de mercado.
Além destes estudos este Extrato ainda foi testado para o com- Dose de manutenção:
bate à inflamação alérgica, que nada mais é do que uma reação Mangoselect 10%........................................................................ 200mg
imunológica causada por alérgenos que causam inflamações e dis- 90 cáps
funções no organismo. Posologia: Tomar 1 cápsula, 3 vezes ao dia.
Esta fruta que possui efeitos antioxidantes, inibição da proteína
quinase, inibição contra HIV proteases e ação antibacteriana con-
tra Staphylococcus aureus, foi avaliada através de seu efeito à nível
Referências Bibliográficas:
alérgico através de indicadores antiinflamatórios como histamina e ƒƒ Literatura do fornecedor Gamma.

Informativo Técnico   7  


dermatologia

PROVISLIM
Anticelulítico com
ação 24 HORAS

Descrição/Propriedades: Provislim é uma combinação de A coxa tratada com Provislim™ apresentou uma diminuição
dois ativos de origem natural (fisetina e frambinona) que cumpre estatisticamente significativa da rugosidade máxima de 7,0% em
esta necessidade: relação ao início, comparado com uma redução não significativa no
ƒƒ Ativa a lipólise basal (degradação de triglicerídeos) em repouso; placebo. Comparando ativo e placebo, se obteve uma melhora glo-
ƒƒ Potencializa a lipólise induzida por adrenalina, durante o exercí- bal de 3,7% apesar de que a redução máxima de Rz foi de 28,7%.
cio ou situações de stress; Uma redução das rugosidades média e máxima reflete um
ƒƒ Inibe a lipogênese (formação de triglicerídeos), depois de ingerir alisamento da pele, equivalente a uma diminuição e melhora do
alimentos; efeito da pele de casca de laranja.
ƒƒ Inibe a adipogênese (diferenciação a adipócitos maduros), como
efeito preventivo global. Melhora da elasticidade na pele
Como resultado das suas ações múltiplas, Provislim é um ingre- As propriedades biomecânicas da derme e epiderme têm uma
diente ativo que ajuda a diminuir a gordura localizada e a celulite influência na aparência da celulite, originada pela pressão que exer-
durante as 24 horas do dia, atuando em qualquer circunstância. ce o tecido adiposo subcutâneo sobre a derme. Os depósitos de gor-
Reduz a pele de casca de laranja e as manifestações da celulite, di- dura acumulados geram tensão na pele, prejudicam a flexibilidade e
minuindo o acúmulo de triglicerídeos. elasticidade (Dobke, M.K. et al, 2002) e podem chegar a romper suas
fibras elásticas, levando a aparição de marcas e estrias indesejadas.
Estudos científicos: Este teste mediu a elasticidade biológica (R7 ou Ur/Uf) median-
Teste in vivo te Cutometer, parâmetro indicador da elasticidade cutânea cujo
A eficácia do Provislim™ foi avaliada “in vivo” em 15 voluntárias valor expressa maior elasticidade quanto mais próximo é a 1.
com idade média de 47 anos com celulite grau 2-3 segundo a es- Provislim™ apresentou um aumento médio da elasticidade
cala do Pinch-test (escala 0 - 4, sendo 4 a mais severa). Foi aplicada de 18,5% (estatisticamente significativo), comparado com um au-
creme anti-celulite (com 5% Provislim) duas vezes ao dia em uma mento não significativo no placebo. Comparando ativo e placebo, a
perna e o mesmo creme sem ativo (placebo) na outra perna, duran- melhora da elasticidade é de 13%, sendo esta melhora estatistica-
te 56 dias. Os parâmetros avaliados foram: a circunferência da coxa, mente significativa. A melhora máxima da elasticidade foi de 40%
a espessura da pele, a rugosidade cutânea e a elasticidade cutânea. (ativo x placebo).

Redução centimétrica Indicações:


As medidas foram tomadas imediatamente abaixo do glúteo ƒƒ Prevenção e tratamento da celulite
e observou-se que o tratamento com Provislim™ causou uma re- ƒƒ Produtos emagrecedores e modeladores corporais
dução do volume da coxa comparado a tempo inicial, diferente do ƒƒ Produtos modeladores cosmético-esportivos
placebo (não significativo). ƒƒ Produtos corporais e firmadores
A diferença entre o efeito do Provislim™ e o placebo em relação
à redução centimétrica média da coxa foi de 0,3cm, o Provislim™ Concentração usual: 2,0 a 5,0%.
causa uma diminuição interessante de medidas. A diferença máxi-
ma entre ativo e placebo foi uma redução de até 1 cm aproximada- Sugestões de Fórmulas:
mente. Estes resultados são estatisticamente significativos. Creme com Provislim e Xantinas:
Provislim................................................................................................5%
Efeitos sobre a espessura da pele Aminofilina............................................................................................2%
Provislim™ reduziu a espessura da pele em 0,03 mm, enquanto Cafeína...................................................................................................2%
que o placebo teve efeito nulo (resultados estatisticamente muito Creme de massagem qsp............................................................. 100 g
significativos). A diferença máxima entre os dois tratamentos foi Modo de usar: Aplicar diariamente nos locais afetados 1 a 2
uma redução de 0,07 mm causada pelo ativo. vezes ao dia.
Provislim™ provocou uma redução da espessura em 93% dos
voluntários. Um estudo realizado na Universidade do Estado da Luisiana,
Estados Unidos, no Departamento de Ecologia Humana, e publi-
Diminuição da rugosidade cutânea cado no periódico Diabetes, Obesity and Metabolism em maio de
O estudo sobre os efeitos do Provislim™ na rugosidade cutânea 2007 mostrou que um creme contendo xantinas, aplicado 2 vezes
se realizou sobre réplicas de silicone, as quais mediante técnicas de ao dia, promoveu uma redução média da circunferência da cintura
análise permitem determinar a rugosidade média (Ra) e máxima (Rz). em 11 cm após 12 semanas de uso.
A coxa tratada com Provislim™ apresentou uma diminuição esta-
tisticamente significativa da rugosidade média de 10,9% em relação
ao início, comparado com uma diminuição não significativa no pla-
cebo. Considerando o efeito médio do ativo e do placebo, a melhora Referências Bibliográficas:
global foi de 4,6%, apesar que a redução máxima de Ra foi de 39,5%. ƒƒ Provital - Distribuição exclusiva DEG para o mercado magistral.

8   Informativo Técnico


dermatologia

Capixyl Hair growth activity


160 +156%
Estímulo do crescimento capilar

% of activity compared
através de redução da fase telógena 120

to untreated hair
e aumento da fase anágena
80
+52%
40

0
Minoxidil® 107M Acetyl tetrapeptide-3
107M (0,016% Capixl™)

Medida do crescimento do cabelo


Avaliação quantitativa de colágeno VII
Acetil tetrapeptideo-3 melhora em 35% o crescimento dos
folículos capilares humanos em comparação com os folículos não
tratados após 8 dias.
Medida da velocidade de crescimento do fio de cabelo no folí-
Descrição/Propriedades: Capixyl™ é um complexo único e culo piloso humano isolado, tratado com acetil tetrapeptideo-3 ou
inovador desenvolvido para prevenir e interromper o processo de Minoxidil após 8 dias de tratamento.
queda, e estimular o crescimento dos cabelos.
Capixyl™ é composto de um peptídeo biomimético patenteado Atividade do crescimento do cabelo
composto por quatro aminoácidos de alta tecnologia extraído do Acetil tetrapeptideo-3 estimula o crescimento de cabelo com
Trevo Vermelho, rico em biochanina A. O Trevo Vermelho foi tradi- maior atividade que o agente de crescimento de cabelo referência,
cionalmente usado para tratar a asma, câncer, gota e várias desor- Minoxidil.
dens inflamatórias da pele como eczema e psoríase.
Biochanina A é a principal isoflavona encontrada no Trevo Ver- Indicações:
melho. Biochanina A é conhecida por ser um inibidor eficaz da ati- ƒƒ Anti-queda
vidade da 5-α-redutase tipo I e II. Pesquisas têm demonstrado que ƒƒ Anti-envelhecimento em produtos para tratamento de cabelos
biochanina A modula a inflamação crônica, e as isoflavonas podem ƒƒ Tratamento da queda de cabelo sazonal
também funcionar como antioxidantes importantes, limitando os ƒƒ Tratamento do couro cabeludo
danos resultantes dos radicais livres a pele e ao couro cabeludo. ƒƒ Tratamento do cabelo para as mulheres na menopausa
Mecanismo de ação do Capixyl
Dosagem recomendada:
ƒƒ Tratamento intensivo: 5%
ƒƒ Profilaxia: 0,5 - 2,5%

Sugestões de fórmulas:
Loção Antiqueda com Capixyl – Tratamento
Capixyl....................................................................................................5%
Loção capilar qsp.............................................................................50ml
Aplicar 20 gotas diariamente no couro cabeludo e massagear.

Loção com Capixyl, Minoxidil e Ácido Retinoico


Mecanismo de ação: Capixyl ™ tem ação direta sob a
Capixyl.........................................................................................0,5-2,5%
5-α-redutase, que modula a diidrotestosterona (DHT) e evita a
Ácido Retinóico..............................................................................0,01%
minia­turização do cabelo. Ainda melhora a integridade das pro-
Minoxidil................................................................................................5%
teínas da matriz (semelhante ao da matriz extracelular – MEC) na
Solução Capilar qsp.......................................................................100ml
papila dérmica para uma melhor ancoragem do cabelo. Capixyl ™
Aplicar entre 20-30 gotas diariamente no couro cabeludo e massagear.
também reduz os danos causados pela inflamação, proporcionan-
do máxima eficácia na redução do processo de queda e estimula o A eficácia e segurança da combinação de minoxidil 5% e tre-
crescimento do cabelo. tinoína 0,01%, uma vez ao dia, é tão eficaz quanto à aplicação de
Capixyl™ previne e interrompe o processo de queda, e estimula Minoxidil 5%, duas vezes ao dia, no tratamento da alopecia andro-
o crescimento dos cabelos. Experimentos ex vivo têm demonstra- genética. Gogtay JA, Panda M. Minoxidil topical foam: a new kid on the block. Int
do melhores resultados na estimulação do crescimento do cabelo. J Trichology. 2009
Os dados clínicos demonstram a melhora da calvície, aumentando
a fase anágena em relação a fase telógena. Capixyl™ é uma alterna- Referências Bibliográficas:
tiva segura e oferece resultados rápidos. ƒƒ Literatura Original do Fabricante-Unipex.

Informativo Técnico   9  


Alergologia / Otorrinolaringologia

Desloratadina
Antialérgico

Descrição/Propriedades: A desloratadina é um antagonista não-


sedante da histamina, de ação prolongada, com potente atividade
antagonista seletiva dos receptores H1 periféricos da histamina, Interações medicamentosas: Utilizar a desloratadina administra-
não tendo a droga penetração efetiva no sistema nervoso central da concomitantemente com álcool, não potencializa os efeitos de
(SNC). A desloratadina tem demonstrado atividade anti-histamíni- prejuízo do desempenho devidos ao álcool. Não houve alteração
ca e antiinflamatória. Além da atividade anti-histamínica, a deslo- na distribuição da desloratadina na presença de alimentos ou suco
ratadina tem demonstrado uma atividade antiinflamatória em vá- de grapefruit (tipo de fruta cítrica).
rios estudos. Esses estudos têm demonstrado que a desloratadina
inibe a grande cascata de eventos que inicia e propaga a inflama- Contra-indicações: Crianças com menos de 2 anos de idade.
ção alérgica, entre eles:
ƒƒ liberação das citocinas pró- inflamatórias, dentre elas IL-4, IL-6, Precauções:
IL-8, IL-13; ƒƒ Uso durante a gravidez e a lactação
ƒƒ liberação de importantes quimocinas pró- inflamatórias, como ƒƒ Não foram observados efeitos da desloratadina sobre a fertilida-
RANTES (regulador da atividade normal de célula T expressa e de em rata.
secretada); ƒƒ Não foram observados efeitos teratogênicos, nem mutagênicos
ƒƒ produção do ânion superóxido pelos neutrófilos nos estudos realizados em animais com a desloratadina.
polimorfonucleares ativados; ƒƒ Como não há dados clínicos de gravidez com exposição à deslo-
ƒƒ adesão e quimiotaxia de eosinófilos; ratadina, o uso sem risco da desloratadina ante a gravidez não
ƒƒ expressão de moléculas de adesão, como a P- selectina; foi estabelecido. A desloratadina não deve ser usada durante a
ƒƒ liberação de histamina, prostaglandina (PGD2) e leucotrieno gravidez a menos que apropriadamente indicado.
(LTC4), dependentes da IgE; ƒƒ A desloratadina passa ao leite materno, deste modo, não se reco-
ƒƒ resposta broncoconstritora alérgica aguda e tosse alérgica em menda que mulheres durante a lactação que tomam deslorata-
modelos animais. dina amamentem o seu bebê.
ƒƒ Não foram observados efeitos sobre a capacidade de conduzir
Vantagens: automóveis e de operar máquinas.
ƒƒ Não provoca sonolência, que é um dos efeitos colaterais mais de-
sagradáveis causados por medicamentos desse tipo. Estudos clínicos:
ƒƒ Age mais rápido, combate a obstrução nasal e praticamente não Em um estudo clínico com doses múltiplas, na administração
causa reação adversa. diária de até 20mg de desloratadina durante 14 dias não foram ob-
ƒƒ A desloratadina apresenta efeito anti-histamínico (combate a servados efeitos cardiovasculares estatística ou clinicamente signi-
histamina, substância presente no organismo e associada ao ficativos. Em um estudo farmacológico em que a desloratadina foi
processo alérgico) e antiinflamatório. Por isso reduz também administrada numa dose de 45 mg diariamente (nove vezes a dose
problemas como nariz entupido, com os quais o alérgico costu- clínica) durante dez dias, não foi observado um prolongamento do
ma conviver mesmo quando não está em crise. intervalo QTc.
A desloratadina não penetrou facilmente no sistema nervoso
Indicações: Alívio rápido dos sintomas associados com a rinite central. Na dose recomendada de 5mg diária, não houve uma in-
alérgica sazonal, entre eles: cidência excessiva de sonolência em comparação ao placebo. Até
ƒƒ Espirro e prurido nasal (coceira no nariz); uma dose de 7,5mg diária, a desloratadina não afetou o desempe-
ƒƒ Coriza (corrimento nasal); nho psicomotor nos estudos clínicos.
ƒƒ Congestão nasal; As avaliações da qualidade de vida nos estudos clínicos indi-
ƒƒ Ardor e prurido ocular (coceira nos olhos); caram que a rinite alérgica sazonal produz uma carga uniforme de
ƒƒ Lacrimejamento; enfermidade e que as melhoras nas respostas terapêuticas se asso-
ƒƒ Vermelhidão dos olhos; ciaram às melhoras de vários aspectos da qualidade de vida, entre
ƒƒ Coceira do palato; eles, a vitalidade e o funcionamento social.
ƒƒ Tosse;
ƒƒ Urticária (alergia de pele) e outras alergias da pele. Sugestão de Fórmula:
Dose usual: Desloratadina....................................................................................5mg
ƒƒ Cápsulas: Adultos e adolescentes (maiores de 12 anos de idade): 30 cáps
Tomar uma cápsula, por via oral, de 5 mg uma vez por dia, inde- Posologia: Tomar 1 cápsula, 1 vez ao dia.
pendente da alimentação.
ƒƒ Xarope: Em crianças de 2 a 5 anos de idade: 2,5 ml (1,25 mg) de Desloratadina.................................................................................0,5mg
xarope uma vez por dia, independentemente da alimentação. Xarope de Framboesa....................................................................... 1ml
Em crianças de 6 a 11 anos de idade: 5 ml (2,5 mg) de xarope uma 60 ml
vez por dia, independentemente da alimentação. Posologia: Tomar 5ml ,1vez ao dia.
Reações adversas: As reações adversas mais freqüentes foram: fa-
diga, boca seca e cefaléia (dor de cabeça). Casos raros de reações
de alergia , incluindo anafilaxia (reação alérgica grave) e erupções Referências bibliográficas:
cutâneas (manchas na pele), também podem ocorrer. ƒƒ Literatura do fornecedor Gamma.

10   Informativo Técnico


medicina esportiva / nutrologia

Gamma oryzanol Indicações:


ƒƒ Alternativa natural para esteróides anabólicos;
ƒƒ Aumenta a força muscular, tamanho e definição;
ƒƒ Reduz a sensação de dor;
Suplementação esportiva ƒƒ Reduz os níveis de colesterol;
ƒƒ Protege contra câncer.
Descrição/Propriedades
É um dos quatro isômeros derivados do oryzanol (esterol vegetal), Dose usual: A dosagem suplementar de Gamma oryzanol varia de
é o extrato do óleo de farelo de arroz. Sugere-se que possui os mesmos 100 a 500 mg por dia.
efeitos dos esteróides anabólicos, contudo não é um anabólico por não Sugestões de fórmulas:
ser convertido em testosterona pelo organismo. É mais efetivo como
um suplemento antioxidante por neutralizar a liberação dos radicais Estimulante do crescimento de massa muscular
livres durante o exercício intenso, por isso é muito utilizado em combi- Gamma Oryzanol.................................................................................. 60mg
nação com a vitamina E. Gamma oryzanol é também conhecido como L-Arginina.............................................................................................325mg
óleo de arroz e é um componente proveniente do esterol da planta Ornitina.................................................................................................175mg
(uma substância gordurosa) e ácido ferúlico. Pantotenato de Cálcio......................................................................... 15mg
Vitamina B6............................................................................................ 15mg
Mecanismo de ação 90 cáps.
A teoria sobre a suplementação de gamma oryzanol é o efeito que Posologia: Tomar 3 cápsulas ao deitar, de estômago vazio.
essa substância tem no sistema hormonal do corpo, especialmente a
habilidade para aumentar os níveis de testosterona. Gamma oryzanol Melhora da performance física
é também conhecido por estimular o hipotálamo a liberar o hormô- Gamma Oryzanol................................................................................150mg
nio do crescimento (GH), que estimula o organismo a produzir o hGH. Inositol..................................................................................................150mg
Ambos, testosterona e GH humano possuem efeitos de crescimento L-Carnitina............................................................................................150mg
muscular. Gamma oryzanol pode também desenvolver efeitos nas en- Colina.....................................................................................................100mg
dorfinas (responsáveis pelo efeito de bem estar). 90 cáps
Endorfinas são liberadas durante o exercício e ajudam a reduzir o Posologia: Tomar 1 cápsula, 3 vezes ao dia.
sentimento de fadiga.
Atletas que sentem menos fadiga estão aptos a um treino de longa Referências Bibliográficas:
duração. Literatura do fornecedor Gamma.

Cyanotis vaga – β ecdisterona


Suplementação esportiva
Descrição: As lesões celulares fazem parte de um processo inerente ao envelhe-
As plantas medicinais são uma ótima opção como auxílio no de- cimento das células. Este processo, no entanto, pode ser diminuido devi-
sempenho esportivo, principalmente se associados a uma alimentação do a capacidade da ecdisterona em estabilizar essas lesões reduzindo o
adequada e utilizados de forma correta e sob supervisão profissional, seu desenvolvimento ou a velocidade destas.
podem gerar resultados benéficos e com segurança.
A β-ecdisterona ou β-ecdisona é um importante esteróide pre- Indicações: Estimular o crescimento muscular e aumentar o desem-
sente em diversas plantas, sendo sua obtenção realizada para diversas penho fisico.
aplicações como o empregado em formulações cosméticas ou suple-
mentação alimentar, entre outros. Dose usual:
Como suplementação esportiva, vem alcançando maior utilização, Ajustar a dose para 5mg de β-ecdisterona por Kg ao dia.
por proporcionar um maior aumento muscular e permitir melhor de- Tomar uma vez por dia uma hora antes dos treinos.
sempenho fisico.
A ecdisterona é um fitoesteróide, mas sua utilização dificilmente pode Sugestão de fórmula:
gerar efeitos estrogênicos em humanos, pois estudos realizados com ma- Melhora do desempenho físico (pessoa com aproximadamente 60kg)
míferos não apresentaram resultados que confirmassem tais suspeitas, Ecdisterona .........................................................................................300mg
uma vez que esses esteróides não se ligam a receptores de estrogênios. Cafeina..................................................................................................150mg
30 cáps.
Propriedades: Posologia: Tomar 1 cápsula 1 hora antes do treino.
ƒƒ Capacidade de proporcionar aumento da massa muscular.
ƒƒ Melhora do desempenho fisico. Contra indicações: Sua utilização deve ser acompanhada por médicos
ƒƒ Auxilio na preservação de órgão e tecidos. ou nutricionistas. Pessoas que tenham hipoglicemia não devem fazer
ƒƒ Pode estabilizar possiveis lesões celulares, diminuindo os processos uso deste produto.
degenerativos de orgãos e tecidos.
ƒƒ Melhora da função hepática. Efeitos colaterais: Até o momento não há relatos de efeitos colaterais
Mecanismos de Ação: pela utilização.
O aumento da massa muscular ocorre por elevar significativamente
a quantidade de aminoácidos das cadeias de proteinas presentes no cito- Referências Bibliográficas:
plasma celular estimulando a síntese proteica pela célula. ƒƒ Fabricante / fornecedor; 2011.
O auxilio no desempenho fisico, muito provavelmente ocorre por, ƒƒ Chen, Qui; Xia, Yongpeng, Qui, Zongyin; Effect of ecdysterone on glucose metabolism in vitro;
além de aumentar a massa muscular e sua resistência, elevar o consumo ƒƒ Life Sciences; P.R. China; v.78; 2006.
de glicose pelos tecidos, provavelmente devido aumento da sensibilida- ƒƒ Salviano, Franque, N.; Cunha, Ismael, A.; Estudo morfologico e avaliacao fitossanitaria de
de destes a insulina. ƒƒ plantas de Pfaffia glomerata oriundas de autosemeadura; TCC Faculdade de Agronomia
ƒƒ Medicina Veterinaria da Universidade de Brasilia; Brasilia; DF; 2011.

Este documento foi elaborado dentro do critério da boa fé com informações, dosagens e posologias cedidas por nossos fornece-
dores e / ou pesquisadas em literaturas técnicas especificas, devendo ser analisadas pelo médico antes de adotadas na clínica.
Estas informações têm como objetivo orientar o profissional de saúde e é sempre recomendável a pesquisa em outras bibliografias. Informativo Técnico   11  
Loja 1 Loja 3
Rua Vinte e Quatro de Maio, 373 Rua Sete de Abril, 950
Centro – Curitiba / PR Alto Da XV – Curitiba / PR
Fone: (41) 3018-3030 Fone: (41) 3014-9736

Loja 2 Loja 4
Alameda Dr. Muricy, 843 Rua Ermelino de Leão, 703, Lj. T23
Centro – Curitiba / PR Shopping Palladium – Ponta Grossa / PR
Fone: (41) 3023-6565 Fone: (42) 3025-1515

www.dermoervas.com.br