Você está na página 1de 2

COLÉGIO SCALABRINIANO NOSSA SENHORA MEDIANEIRA

Disciplina: Química Peso: Série: Turma: Data:


( x ) Lista de exercícios 0 3º Ano 31C /____/_______
Alunos (a): Raiana Fão, Guilherme de Bona, Nº Professor: Emiliano Chemello
Victor Nejelischi

LISTA DE EXERCÍCIOS DE REVISÃO/TERCEIRÃO MEDIANEIRA 2010

Assunto: Equilíbrio Químico I

Este arquivo, com as questões devolvidas e corrigidas, deve ser enviado por e-mail ATÉ dia 22/09, QUARTA-FEIRA, 22h, para
o endereço: chemelloe@yahoo.com.br ou chemelloe@hotmail.com (para garantir, mande para os dois endereços).

01) Com base no gráfico, calcule o valor da constante de Examine os gráficos abaixo:
equilíbrio:
A + B  2x + 2y

Aqueles que mostram corretamente as concentrações de A


e de B, em função do tempo, nos experimentos Y e Z,
a) 81,0 c) 2,25 e) 4,00 respectivamente, são:
b) 20,25 d) 9,00 a) I e II c) I e III e) II e I
b) II e III d) III e I
02) Considere o sistema um equilíbrio:
2H2(g) + O2(g)  2H2O(g) ΔH = -136Kcal 04) São colocados 2,0 mols de água em um recipiente
fechado de 2L de capacidade. Aquecendo essa água acima
A melhor maneira de aumentar o rendimento de H20(g) é: de 1500°C, estabelece-se, após algum tempo, o equilíbrio:
2H2O(g)  2H2(g) + O2(g)
a) aumentar a temperatura;
b) diminuir a pressão;
c) adicionar um catalisador;
d) diminuir a concentração de hidrogênio;
e) aumentar a pressão.

03) No equilíbrio A  B, a transformação de A em B é


endotérmica. Esse equilíbrio foi estudado, realizando-se
três experimentos; Calcule o valor da constante de equilíbrio (Kc), sabendo
que a variação do número de mols dos participantes está
Experimentos Condições registrada no gráfico acima.
X a 20°C, sem catalisador
Y a 100°C, sem catalisador
Z a 20ºC, com catalisador 05) Sobre equilíbrio químico, complete as afirmações:

O gráfico abaixo mostra corretamente as concentrações de I - A velocidade da reação direta é ________ à velocidade
A em B, em função do tempo, para o experimento X. da reação inversa;
II - Apesar de _______ o rendimento da reação, a
temperatura ______ a velocidade da reação;
III - Para que o estado de equilíbrio dinâmico seja
alcançado, as concentrações de reagentes e produtos
______ com o tempo.

06) Apresente uma analogia entre o equilíbrio químico e a


“escola de dança”.

1
Gab olhos; os meninos levam um corte de cabelo muito
arito: pequeno e as meninas, um rabo, de tal forma que tocar a
cabeça é uma forma de conhecer o sexo da pessoa que é
1) B) encontrada. Quando uma pessoa do outro sexo é
encontrada, quem a encontrou terá que levá-la ao quarto
2) E) “de compromisso”. Ao serem reunidos, ocorre a reação
química e ficam unidos, dançando. Quer dizer que, quanto
3) E) mais atividades tenham os estudantes, maior será o
incremento do número de “colisões” entre eles, o que é
4) [H2] = 1,5/2 = 0,75 mol/L semelhante a incrementar a energia cinética das partículas
[O2] = 0,75/2 = 0,375 mol/L (temperatura) e, consequentemente, a rapidez da reação.
[H20] = 0,5/2 = 0,25 mol/L Imediatamente, o raciocínio na analogia é incrementado,
sabendo que há um número máximo de casais que podem
2H2O  2H2(g) + O2(g) ficar no quarto “de compromisso” e que somente pode
entrar outro casal quando algum dos existentes seja
Kc = [H2]² x [O2] / [H2O]² = (0,75)² x (0,375) / (0,25)² = liberado (é introduzido então o tema da reação inversa e o
Kc = 3,375 mol/L equilíbrio, com um número fixo de casais unidos).
Então, é apresentada a condição de equilíbrio da analogia:
5) I - igual; II – diminuir, aumenta; III – não variam. que a velocidade de formação dos casais é igualada à da
dissociação destes.
6) Na analogia da “escola de dança”, é explicado que certo
número de estudantes de ambos os sexos se encontra no
ginásio, todos eles cegos devido à colocação de faixas nos