Você está na página 1de 5

DSM-4-TR DSM-5

Trans. Do Transtornos geralmente Transtornos do


neurodesenvolvimento diagnosticados pela primeira vez na neurodesenvolvimento
infância e adolescência
Deficiência intelectual Além de Avaliação da capacidade
Avaliação cognitiva cognitiva é fundamental avaliar
capacidade funcional adaptativa
Transtornos globais do
desenvolvimento, incluáam
autismo, transtorno desintegrativo Transtorno do espectro autista
da infância, e as síndromes de
asperger e Rett
TDAH Os subtipos do transtorno foram
substituídos por especificadores
com o mesmo nome
Precisa apresentar 6 dos dezoito Indivíduos até dezessete anos de
sintomas listados idade precisam apresentar seis dos
sintomas listados, enquanto
indivíduos mais velhos precisam
apenas de cinco
Os sintomas precisam ser A exigência de que sintomas
apresentados até os 7 anos de estivessem presentes até os 7 anos
idade de vida foi alterada. Sendo
expandidos até os 12 anos de
idade.
Trans. Específicos da Divididos em transtornos de leitura, Deixam de ser subdivididos,
aprendizagem cálculo, escrita, e outros especialmente pelo fato de que
indivíduos com esses transtornos
apresentam déficits em mais de
uma esfera de aprendizagem.
Tiques, movimentos Tiques movimentos musculares
estereotipados, súbitos, rápidos, repetitivos e não
síndrome de tourette rítmicos, incluindo sons ou Todos organizados como
vocalizações. A síndrome de transtornos motores.
Tourette é diagnosticada depois que
as pessoas têm tiques vocais e
motores.
Espectro da O diagnóstico requer a presença de Continua a exigência de dois dos
esquizofrenia e outros no mínimo dois dos cinco sintomas cinco sintomas listados, mas que
transtornos listados. (critério A) ao menos um deles seja positivo
(delírios, alucinações ou discurso
desorganizado)
O diagnostico poderia ser dado Essa exceção foi retirada, por
com a apenas um sintoma, no caso considerar pouco confiável a
de delírios bizarros ou alucinações classificação de delírio bizarro,
auditivas(vozes conversando entre especialmente por esbarrar em
si) questões culturais.
A esquizofrenia era dividida em Os subgrupos foram, abandonados
subgrupos: paranóide, por não refletir validade e
desorganizado, catatônica diferenças quanto ao curso do
indiferenciada e residual. tratamento.
Transtorno delirante se exigia que Esse critério foi abandonado
os delírios fossem bizarros
Catatonia subtipo da esquizofrenia Catatonia passa a ser dividida;
catatonia associada com outras
condições médicas ou catatonia
não-especificada. Pode ser um
especificador do transtorno
depressivo, trans. Bipolar e
transtorno psicótico, ou forma
isolada de condições médicas.
Trans. Bipolar e outros
transtornos Mania subtipo do transtorno bipolar Passa a ser um especificador com
características mistas, que pode
ser diagnosticado inclusive na
depressão unipolar.
Ansiedade não faz parte dos Passa a ser um especificador “com
critérios para diagnostico de ansiedade”
transtorno bipolar
Transtornos Novo diagnostico: trastorno
depressivos disruptivo de desregulação de
humor
Transtorno disfórico pré-menstrual
Diagnósticos de depressão crônica Modificados passando a formar
e distimia. transtorno depressivo persistente.
Transtorno depressivo importante
com novos especificadores com
Transtorno depressivo maior características mistas e com
ansiedade. Características mistas
pode alertar para um possível
espectro bipolar.
Luto com critério de exclusão de Retirada do luto como critério de
depressão exclusão de depressão, menos
aqueles que passaram pela perda
de ente querido há menos de dois
anos.
Transtorno de Incluía diagnósticos de trans. Esses transtornos foram relocados
ansiedade Obsessivo compulsivo, trans. De em novos capítulos.
estresse agudo e pós-traumático
Quadros fóbicos exige-se que
indivíduo acima de dezoito anos Essa exigência foi deixou de existir
reconheça seu medo como
irracional ou excessivo
Transtorno de pânico e agorafobia Foram separados como
como comorbidade diagnósticos independentes
Ataques de pânico pode ocorrer
como comorbidade de outros
transtornos mentais além da
ansiedade.
Transtorno de ansiedade de Passa a compor os transtornos de
separação e mutismo seletivo no ansiedade.
cap. de transtornos geralmente
diagnosticado na infância e
adolescência
Sintomas devem ter início na Aceita-se que os sintomas tenham
infância início em indivíduos com mais de
dezoito anos.
TOC Descrição no capítulo dos Um capítulo exclusivamente
transtornos de ansiedade destinado ao trans. Obsessivo
compulsivo. E outros trans.
Relacionados.
Incluindo novos diagnósticos como
trans. De acumulação e transtorno
de escoriação.
Especificador para TOC com Novos especificadores: bom insight
“insight pobre”(pouca crítica) (autocrítica preservada) e ausência
de insight/sintomas delirantes. (não
identifica pensamentos obsessivos
como trans. mental.
Trans. Dismórfico Cap. transtornos somatoformes Foi removido deste cap. incluindo
corporal como exigência a presença de
comportamentos repetitivos e atos
mentais em preocupação com a
aparência.
Dismorfismo muscular:
preocupação excessiva com a
musculatura.
Trans. De estresse O evento traumático deve ser vivido Esse critério foi expandido,
pós-traumático pelo próprio paciente aceitando que seja desenvolvido
por quem soube que um evento
traumático aconteceu com familiar
próximo ou amigo.
Trans. Com sintomas Trans de somatização, Absorvidos pelo Trans. Com
somáticos somatoforme indiferienciado e sintomas somáticos
trans, doloroso
Hipocondria Hipocondria Transtorno de ansiedade de
doença
Alimentação e Anorexia: exigência de amenorreia
transtornos em mulheres pós-menarca Esse critério foi retirado
alimentares
Bulimia nervosa Frequência: crises bulímicas: pelo Frequência: crises bulímicas: uma
menos duas vezes por semana, por vez por semana por três meses.
três meses
Trans. De compulsão Apresentado como proposta para Validado como diagnóstico
alimentar periódica estudos adicionais
Disfunções sexuais Cap. trans. Sexuais e da Identidade Originou três novos cap: disfunções
de gênero sexuais, disforia de gênero, e
transtornos parafílicos.
Disforia de Gênero Trans. Da identidade de Gênero Disforia de gênero
Indivíduos que realizaram a
transição para gênero desejado
listada como pós-transição
Transtornos Cap. Trans. Relacionados a
relacionados a substâncias e Abuso e dependência Sem divisão: Transtorno por uso de
substâncias e adição de substância substância.
Trans. neurocognitivos Demência e trans. Amnésico. Absorvidos e criado Novo trans.
Transtorno neurocognitivos.
Trans. De Inclusão de um modelo alternativo
personalidade para os trans. De personalidade.
Que apresenta uma nova
concepção acerca do
funcionamento da personalidade e
lista traços de personalidade
patológica que podem está
presentes em cada transtorno.
FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS- ESUDA

Curso de pós-graduação em avaliação e reabilitação neuropsicológica

Aluna: Ana Paula Carvalho


Matrícula: 180207
Turma:8
Professora: Carmem Regis
Disciplina: seminários clínicos II

Recife, 28 de setembro de 2019