Você está na página 1de 19

UNIVERSIDADE FEDERAL CAMPUS DE

DO PARANÁ JANDAIA DO SUL

Capacidade e Produtividade

Disciplina: Tópicos Especiais em Ergonomia


(JEP041): Projeto do Trabalho
Professor: William Rodrigues dos Santos
O que é capacidade produtiva?
 O volume máximo potencial de atividade
de agregação de valor que pode ser
atingido por uma unidade produtiva sob
condições normais de operação.

 Capacitação de processamento

2
Níveis de capacidade

3
Input x Output da Capacidade
Medida de capacidade de
Operação Medida de capacidade de saída
entrada
Fábrica de aparelhos de ar- Horas-máquina disponíveis Número de unidades por semana
condicionado
Hospital Leitos disponíveis Número de pacientes tratados
por semana
Teatro Número de assentos Número de espectadores por
semana
Universidade Número de estudantes Estudantes graduados por ano

Loja de varejo Área de vendas Número de itens vendidos por


dia
Linha aérea Número de assentos disponíveis Número de passageiros por
no setor semana
Empresa de eletricidade Tamanho do gerador Megawatts de eletricidade
gerados
Cervejaria Volume dos tanques de Litros por semana
fermentação

4
5
Suponhamos que o fabricante de papel fotográfico tenha uma linha de tratamento
superficial cuja capacidade seja 200 m2 por minuto e que a linha opere 24 horas por
dia, sete dias por semana (168 horas por semana).
A capacidade projetada é de 200 × 60 × 24 × 7 = 2,016 milhões de metros quadrados
por semana. Os registros para uma semana de produção mostram o seguinte tempo
de produção perdido:
1 Mudanças de produto (preparação) 20 h
2 Manutenção preventiva regular 16 h
3 Nenhum trabalho programado 8h
4 Verificação amostral de qualidade 8h
5 Tempos de troca de turnos 7h
6 Quebra de equipamento/manutenção 18 h
7 Investigação de falhas de qualidade 20 h
8 Falta de estoque de material de revestimento 8h
9 Faltas de funcionários 6h
10 Espera por rolos de papel 6h

Durante essa semana, a produção real foi de apenas 582.000 m2.

6
7
Fórmula para Dimensionamento de
Pessoal e Equipamentos v1
Se o tempo de preparação for independente da demanda:
Equação geral:
( TPOp×D ) +TPPr
N=
J ×n
Onde:

N = número de pessoas ou de equipamentos no processo;

TPOp = é o tempo padrão para o ciclo de trabalho ou de processo - Operação;


(tempo-máquina ou tempo-homem)

TPPr = é o tempo padrão de preparação do equipamento ou da operação - Setup;

D = demanda do processo (referente à jornada: dia, mês ou ano);

J = jornada de trabalho;

n = rendimento.
Fórmula para Dimensionamento de
Pessoal e Equipamentos v2
Se o tempo de preparação for dependente da demanda:
Equação geral:
( TPOp+TPPr )×D
N=
J ×n
Onde:

N = número de pessoas ou de equipamentos no processo;

TPOp = é o tempo padrão para o ciclo de trabalho ou de processo - Operação;


(tempo-máquina ou tempo-homem)

TPPr = é o tempo padrão de preparação do equipamento ou da operação - Setup;

D = demanda do processo (referente à jornada: dia, mês ou ano);

J = jornada de trabalho;

n = rendimento.
Fórmula para Dimensionamento de
Pessoal e Equipamentos v3
Se o tempo de preparação for dependente da demanda – por lote/batelada:
Equação geral:
( TPOp×D ) + ( TPPr×D / L )
Onde: N=
J ×n
N = número de pessoas ou de equipamentos no processo;

TPOp = é o tempo padrão para o ciclo de trabalho ou de processo - Operação;


(tempo-máquina ou tempo-homem)

TPPr = é o tempo padrão de preparação do equipamento ou da operação - Setup;

D = demanda do processo (referente à jornada: dia, mês ou ano);

L = tamanho do lote para o qual necessita fazer preparação (setup)

J = jornada de trabalho;

n = rendimento.
Fatores que influenciam na capacidade
 a) Concepção dos produtos: partes
componentes, processos, seqüências, materiais.
 b) Mix de produtos: proporções, programação,
rotas.
 c) Pessoal: qualificação, métodos de trabalho,
organização, habilidades.
 d) Fluxo do processo e balanceamento das
operações
 e) Gestão de materiais: distribuição dos
estoques, disponibilidade, movimentação.
11
Produtividade

12
Produtividade total (ou Global)

13
Produtividade total (ou Global)

14
Produtividade dos operadores e
máquinas
 Uma "hora-homem" é o trabalho de um homem
em uma hora.

 Uma "hora-máquina" é o funcionamento de uma


máquina ou de parte de uma instalação durante
uma hora.

15
16
Fatores que

reduzem a

Produtividade

17
Atividades do projeto
 Calcular o rendimento real do posto de trabalho

 Calcular a capacidade do posto de trabalho


para, considerando 1 turno de trabalho

 Quais são as características do posto de


trabalho que potencialmente estão diminuindo a
produtividade no posto de trabalho? (justificar a
resposta com base nas observações e diálogos
com os operadores)
18
UNIVERSIDADE FEDERAL CAMPUS DE
DO PARANÁ JANDAIA DO SUL

Capacidade e Produtividade

Disciplina: Tópicos Especiais em Ergonomia


(JEP041): Projeto do Trabalho
Professor: William Rodrigues dos Santos