Você está na página 1de 1

O tempo não lhe trará

Sou como o véu jogado ao vento fugindo do teu


último olhar, fugindo do último abraço.Agora estás nos meus
sonhos, agora estás nas estrelas, agora meu coração te
guarda!Há coisas inevitáveis, inaceitáveis.
A lua vem, meu sonho é poder ter a oportunidade de
te encontrar, de te tocar.Não era hora, ainda precisava de ti,
do teu apoio.
Queria mais uma vez, mesmo sendo a última, poder te
falar que te amo e me arrependo de nunca ter demonstrado
isso!
O tempo passa, a lua muda, os domingos se vão, e tu
apenas em meu coração!O vento traz teu cheiro,tua
lembrança, o teu último olhar. O telefone toca, os jogos
acontecem, os vinhos se acabam e não estavas lá, tu não
estavas lá para mais uma vez eu lhe admirar, para ensinar,
para mostrar tuas invenções, para nos teus olhos eu
mergulhar.
Agora teus ensinamentos são minha voz, tuas lições
guiam meu mundo! Eu sei, a lua não te trará novamente ao
meu encontro, mas nos meus sonhos poderei te encontrar.
Eternamente te amarei e te seguirei. Nós somos as árvores
que tu plantaste , nós somos a recompensa pelo que lutaste,
meu querido avô.

Lorena Amorelli Reinato


Professora: Maria das Dores