Você está na página 1de 2

A importância da Reeducação Postural Global (RPG) em pacientes portadores de

escoliose. (Revisão de Literatura)

¹ Laís Letícia Manção dos Santos, ¹Franciele Salvalágio Garnês, ²Reinaldo Monteiro Marques.
¹ Acadêmica do Curso de Fisioterapia das Faculdades Integradas de Bauru – FIB
² Professor Ms. do Curso de Fisioterapia - Faculdades Integradas de Bauru - FIB
Rua: Rodolfina Dias Domingues, q.11, Bauru-SP.
Email : reinaldomm@fisiobauru.com.br

Palavras Chave: RPG, Escoliose, Postura, Coluna vertebral.

INTRODUÇÃO: A postura humana tem sido objeto de estudo biomecânico, uma vez
que desvios estruturais e funcionais da atitude causam desequilíbrios no sistema
corporal, levando as compensações que podem gerar alterações em suas estruturas e
funções, são usadas para realizar atividades com menor quantidade de energia. A boa
postura é aquela que melhor ajusta nosso sistema músculo esquelético, equilibrando e
distribuindo todo esforço de nossas atividades diárias, favorecendo a menor
sobrecarga em cada uma de suas partes, porém muitas pessoas são acometidas de
dores no corpo, principalmente nas costas, e somente depois de algum tempo,
percebem que sua postura estava errada, pois a má postura pode ser a causa de
várias lesões, levando inicialmente à dor e depois a uma deformidade que pode torna-
se irreversível (geralmente em pacientes idosos). (GONÇALVES et al, 2007;
VERDERI, 2003).
A coluna normal é composta por 33 vértebras, separadas por discos intervertebrais
justapostos, que formam a coluna vertebral. Toda coluna, apoiada sobre o sacro em
alinhamento vertical, forma quatro curvaturas fisiológicas. Estas quatro curvaturas são
chamadas lordose cervical e lombar com a convexidade anterior, cifose dorsal e sacral
com convexidade posterior. (CAILLIET, 1979).
Os sintomas da escoliose são: má aparência, dor e complicações cardio-pulmonares.
O termo postura é usado com freqüência para descrever o alinhamento biomecânico
do corpo e sua orientação em relação ao ambiente. A boa mecânica corporal requer
que a amplitude de movimento articular seja adequada. Para isso é necessário haver
mobilidade e flexibilidade, que são conseguidos com alongamento muscular. O
alongamento é utilizado no ganho de ADM, diminuição de espasmo, encurtamentos
musculares, reabilitação, prevenção, e alívio da dor. (PRADO, 2006).
Na presença de escoliose com quadro de sintomatologia dolorosa uma técnica eficaz
de tratamento é a Reeducação Postural Global (RPG), é um método da fisioterapia
que trabalha nas desarmonias do corpo humano, levando em consideração as
necessidades individuais de cada paciente. A RPG melhora o instrumento corporal,
corrige a morfologia, suprime a rigidez e libera as articulações, resolve problemas
musculares, desvenda-lhes as causas. (SOUCHARD, 1992).

OBJETIVOS: O objetivo desta revisão bibliográfica é relatar a eficácia do método de


Reeducação Postural Global (RPG) em pacientes portadores de escoliose.

MATERIAIS E MÉTODOS: Utilizamos o acervo bibliográfico na biblioteca das


Faculdades Integradas de Bauru – FIB e Universidade do Sagrado Coração - USC
onde foram analisados artigos científicos e capítulos de livros, complementando com a
internet e sites de pesquisa. Os artigos foram selecionados de acordo com as palavras
chaves, datados de 1979 a 2007.

DESENVOLVIMENTO: A literatura pouco se refere ao tratamento fisioterápico


empregado na escoliose e menos ainda em relação aos resultados deste. A escoliose
sempre foi entendida como uma deformidade que adquire ares de definitiva, pouco
importando o que se faz em termos de fisioterapia. Alguns autores referem-se a alguns
métodos de correção, aos exercícios físicos, à estimulação elétrica etc., mas boa parte
da literatura é reservada para falar do uso de coletes como forma de correção da
escoliose e entre eles o mais usado é o de Milwaukee. Devido à rotação que
acompanha a curva escoliótica, muitos a julgam irreversível e poucos acreditam na
diminuição dos ângulos da curvatura. (MARQUES 1996).
Molina e Camargo 2003 comprovaram a eficácia do método RPG em um estudo
realizado com crianças que apresentavam escoliose e foram submetidas a tratamento
com a RPG, utilizando duas posturas de alongamento muscular tipo excêntrico, de
maneira lenta e progressiva, com duração de 25 minutos em cada postura.
De acordo com Bruno 2005, as vantagens da RPG estão em visar restabelecer a
funcionalidade e flexibilidade normais novamente a coluna, tem capacidade de moldar
a coluna em todas as dimensões, tanto na estrutura articular vertebral como na
muscular, reorganizando-a e promovendo uma modelagem estrutural de forma
superficial e eficiente na sua correção.

CONCLUSÃO: A alta incidência de escoliose idiopática gera preocupação quanto a


sua evolução durante a fase de crescimento da criança, fazendo com que seja
necessário tratá-la precocemente para um maior controle. Dessa forma, sugere-se que
novos estudos mais aprofundados sobre o tema sejam realizados, para que seja
possível aproveitar as novas técnicas fisioterapêuticas aplicadas em cada caso,
inclusive a técnica de Reeducação Postural Global, sendo citada no presente estudo.

Referências
BRUNO, E.C; A reeducação postural global no tratamento da escoliose. Disponível
em:<http://www.jauinfo.com.br/artigo/ver.asp?id=117>. Acesso em: 15 Out. 2009.
CAILLIET, R. Escoliose: Diagnóstico e tratamento. 1ª Ed., São Paulo: Manole, 1979.
GONÇALVES J; BRUM L.M; SOUZA W; LIMA C.N.C. Coluna vertebral: O que nossos
alunos estão fazendo com ela. 2007.104f. Tese (Saúde Pública)- Colégio Estadual
Professor Murilo Braga, São João de Meriti/RJ.
MARQUES, A.P; Escoliose tratada com reeducação postural global. Disponível
em:<http://www.fm.usp.br/fofito/fisio/pessoal/amelia/artigos/escolioserpg.pdf>. Acesso
em: 15 Out. 2009.
MOLINA, A. I.; CAMARGO, O. P. O tratamento da criança com escoliose por
alongamento muscular. Revista Fisioterapia Brasil, São Paulo, v. 4, n. 5, p.369-372,
set/out. 2003.
PRADO, C.C.A. Analise da avaliação por fotogrametria e goniometria em individuo
com escoliose submetida à intervenção postural. 2006. 32f. Universidade do sagrado
coração; Bauru S/P.
SOUCHARD, P.E. Esculpindo seu corpo – Autoposturas de endireitamento. 1ªEd., São
Paulo: Manole, 1992.
VERDERI. A. Importância da avaliação postural. 2003.70f. Dissertação (Desportiva)-
Faculdade de Educação Física da ACM de Sorocaba, Sorocaba/SP.

Interesses relacionados