Você está na página 1de 2

UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ

MBA EM DESENVOLVIMENTO DE JOGOS DIGITAIS

Fichamento de Estudo de Caso

Matheus Brito do Nascimento

Trabalho da disciplina computação gráfica,


Tutor: Prof. Thiago Rodrigues

Manaus, Am
2018
Estudo de Caso:
Computação Gráfica
Placas de vídeo para uso profissional

REFERÊNCIA:
PALPITE DIGITAL. Placas de vídeo para o uso profissional.
https://www.palpitedigital.com/placas-video-para-uso-profissional/. Acesso em: 20 de Agosto de
2018

Atualmente há Pcs que são voltados para o uso doméstico e os que são voltados para o
lado profissional, seus hardwares e softwares são adaptados especificamente para funcionarem
ferramentas específicas como engines, modelagem, codificação entre outros, seus componentes
são quase idênticos aos de uso doméstico apenas se diferem nas placas de vídeo que são
voltadas para o uso profissional.
Há diversas fabricantes de placas de vídeo mas tem duas que dominam o mercado
atualmente, a Nvidia e ATI, elas são responsáveis pelas melhores placas gráficas profissionais no
mercado. Só conseguimos diferenciar uma placa gráfica de trabalho para uma doméstica quando
olhamos suas configurações de placa específica, drivers e softwares nela contidos, algumas
diferenças são o suporte para vários monitores onde dentro de uma empresa, várias pessoas
podem partilhar o mesmo projeto e trabalharem em equipe, suporte para otimização de software
onde conseguem ter um desempenho superior as placas normais quando estão trabalhando com
3d e especificações superiores como uma maior contagem de memória e unidades de
processamento gráfico com núcleos múltiplos.
Apesar de termos no mercado grandes placas gráficas elas podem não ser o ideal para
jogos por não apresentarem um desempenho de vídeo necessário que os jogos pedem, muitas
dessas placas não vem com software importantes para jogar como DirectX e Shader Model por
economizarem custos e focarem em processamento e renderização.
As placas gráficas profissionais não são voltadas para o público não-profissional pelo alto
custo e pelas atividades cotidianas do público não requererem grandes poderes de renderização,
há placas no mercado mais baratas que as profissionais que conseguem atender grande parte do
público normal devido a forma de sua utilização, o melhor em todos os casos é comparar as
opções e decidir qual placa se encaixa melhor no seu perfil e para que você irá utilizar ela

Local: Espaço Virtual da Pós-Graduação da Universidade Estácio de Sá.

Você também pode gostar