Você está na página 1de 2

PÁGINAS CATÓLICAS UNIDAS

PROPOSIÇÃO DE REGULAMENTO

1. O PCU (Páginas Católicas Unidas) representa um grupo de mídias católicas não-institucionais,


que em seu trabalho tem por finalidade defender os interesses universais da fé católica, apesar
de não estar sob uma jurisdição específica de uma diocese, pois isto cabe a cada um
individualmente enquanto fiéis circunscritos em suas respectivas igrejas e comunidades. Cada
um deve obediência a seu bispo diocesano, embora as consequências que se acarretem sobre
qualquer indivíduo acerca dessa obediência em relação a seu bispo, não venham atingir ao
funcionamento do grupo, enquanto Associação Privada de fiéis com seus direitos e deveres
próprios, a saber o que reza o cânon 211 do Código de Direito Canônico:

"Todos os fiéis têm o DIREITO e o DEVER de trabalhar, a fim de que o anúncio divino da salvação
chegue sempre mais a todos os homens de todos os tempos e de todo o mundo".

2. Este movimento associativo respaldará todos que atuam segundo à Sã Doutrina, no


ensinamento fiel do que diz à Igreja sobre as realidades temporais e espirituais. Igualmente a
todos aqueles que não tenham qualquer impedimento público e notório pelo seu ordinário local
(isto é, seu bispo diocesano) de realizar o seu apostolado com a sua mídia. Reitera-se: notório e
público.

3. A associação de páginas não assume pautas partidárias políticas, porém se compromete


assiduamente com tudo que ensina a Doutrina Social da Igreja, rejeitando qualquer coisa secular
que se oponha a fé da Igreja, tais como o materialismo ateu, o marxismo cultural e o liberalismo.

4. As demandas de organismos eclesiásticos quaisquer, seja de uma diocese ou da Conferência


ou qualquer regional, em termos de geração de conteúdo de maneira comum pelas páginas
deverão ser postas em debate comum, e não necessariamente aceitas, embora cada página seja
livre para a sua atuação individual. Pois a associação tem livre iniciativa e suas próprias
finalidades segundo seu carisma. Havendo concordância do grupo, haverá a proposição da
geração do conteúdo demandado. Contudo, afirmamos nossa comunhão com a Igreja, mesmo
tendo que defender a diversidade de carismas, a liberdade de consciência e livre associação
deste grupo.

5. Para pertencer ao grupo, é preciso participar do apostolado das páginas católicas admitidas a
esta associação ou ao menos ser convidado a integrar um trabalho de assessoria do grupo de
qualquer natureza que seja do interesse comum das páginas. Não serão admitidos os que não
tiverem concordância com todos os termos vitais ao apostolado do PCU ou não tenham
nenhuma atividade atribuída nele, seja pela participação numa página concordante ou por uma
assessoria do grupo.
6. Todas as páginas têm liberdade de conteúdo. O PCU não interferirá de nenhum modo no
andamento próprio de cada uma das páginas, sabendo respeitar a diversidade de expressões e
carismas sem qualquer censura por parte dessa associação. Caso venha ocorrer uma grave falta
para com a fé da Igreja no trabalho de mídias, a página em questão poderá vir a ser interrogada
em busca de uma reafirmação de sua fidelidade ao Magistério Católico Apostólico Romano. Se
houver ruptura com matérias de fé e persistência nesse tipo de prática, os membros da página
em questão podem ser convidados a repensar a sua pertença ao PCU, podendo haver ações
comuns do grupo para uma resolução do modo mais fraterno possível.

7. As pautas comuns de mídia são de grande importância. Porém, não deve jamais sobrecarregar
o serviço de nenhuma página que tem seu trabalho específico. Nem pode se gerar uma exigência
e obrigatoriedade indevidas. Trabalhamos de modo cooperado, de modo respeitoso, mesmo
procurando garantir a ampla participação e engajamento das partes. A defesa da existência do
apostolado de cada uma das páginas é uma responsabilidade de todo grupo se esta se mantiver
sempre fiel à Igreja, à sua doutrina e à sua autoridade.

8. Fica consagrada esta associação à proteção de São Miguel Arcanjo, da Virgem Maria, sob o
título de Nossa Senhora Auxiliadora dos Cristãos, e de Cristo, Rei e Senhor do Universo.

9. AMÉM!

Você também pode gostar