Você está na página 1de 35

MAN.03 - REV.

11 - 02/2019

MANUAL GERAL DE
INSTALAÇÃO & OPERAÇÃO

FAMÍLIA 3
EBV20, EBV26, EBV26XL, EBV30, EBV36,
EBV40, EBV44, EBV50, EBV70, EBV90,
EB350TT, EB500T e EB600T.

Atenção: Leia todas as orientações contidas neste manual antes


de instalar ou operar o seu Climatizador Evaporativo .
Agradecemos por sua escolha!
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

A EMPRESA

A Viva Equipamentos, localizada na cidade de Campinas, São Paulo, foi


fundada em 1994 por dois engenheiros oriundos do Grupo de Energia da
Unicamp. O foco de trabalho desde o início foi em equipamentos de alta
eficiência energética e baixo impacto ambiental. A partir de 1998 especializaram-
se na tecnologia do resfriamento evaporativo, dedicando-se exclusivamente ao
desenvolvimento, fabricação e venda dos climatizadores evaporativos.

Figura 1 - Linha de produção da Viva Equipamentos Indústria e Comércio LTDA - 2013

Desde então foram comercializados vários milhares de climatizadores


evaporativos, acumulando grande know-how na engenharia de aplicações
desse tipo de climatização.

Investindo prioritariamente em inovação tecnológica e frequentemente


desenvolvendo equipamentos especiais, a Viva Equipamentos procura sempre
buscar a melhor solução para atendimento e prestação de serviços. A marca
tornou-se líder de mercado em Resfriamento Evaporativo e é
reconhecida pelos clientes pela qualidade, confiabilidade e tecnologia aplicada.

A representa hoje a mais completa linha de resfriadores


evaporativos do mercado, que inclui tanto modelos portáteis para uso em
pequenos ambientes, como também vários modelos para uso no comércio e
principalmente indústria, com soluções para qualquer tamanho de ambiente.

A Viva Equipamentos, ou como é mais conhecida, tem como


objetivo manter-se como referência em resfriamento evaporativo, focando no
atendimento das necessidades do cliente e no aprimoramento constante dos
seus produtos e processos produtivos, tendo como valores principais a ética e o
respeito ao meio ambiente. A empresa conta hoje com representantes e
assistência técnica em todo Brasil.
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

Obrigado por escolher um equipamento da vasta linha de


climatizadores evaporativos . Saiba que nossos
climatizadores evaporativos são produzidos respeitando o meio ambiente
e de acordo com as normas nacionais vigentes.

Este manual irá fornecer informações que o conduzirão a melhor utilização


possível do seu equipamento. Para garantir a máxima eficiência, recomendamos
que leia atentamente essas instruções antes de utilizar o produto.

Atenção: Leia todas as orientações contidas neste manual antes de


instalar ou operar o seu Climatizador Evaporativo .
Agradecemos por sua escolha!

Esse manual é aplicável aos seguintes modelos de climatizadores


:

EBV20, EBV26, EBV26XL, EBV30, EBV36, EBV40, EBV44, EBV50, EBV70,


EBV90, EB350T, EB500T e EB600T.
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

SUMÁRIO
1. ADVERTÊNCIA _________________________________________________________ 1
2. CONCEITOS BÁSICOS __________________________________________________ 3
2.3. O QUE É CLIMATIZAÇÃO EVAPORATIVA? ____________________________ 3
2.4. ASPECTOS GERAIS SOBRE O CLIMATIZADOR _______________________ 3
2.5. RELAÇÃO ENTRE TEMPERATURA, UMIDADE DO AR E A REDUÇÃO DA
TEMPERATURA DO AR ___________________________________________________ 4
2.6. VANTAGENS DO CLIMATIZADOR EVAPORATIVO _____________________ 4
3. POSICIONAMENTO _____________________________________________________ 5
4. PROCEDIMENTO PARA UMA INSTALAÇÃO TÍPICA ________________________ 7
5. INSTALAÇÃO ELÉTRICA _______________________________________________ 12
5.3. REDE ELÉTRICA DE ALIMENTAÇÃO ________________________________ 12
5.4. CONJUNTO COMANDO ELÉTRICO __________________________________ 13
5.5. OPERAÇÃO _______________________________________________________ 14
5.6. AJUSTE DE PARÂMETROS _________________________________________ 15
5.7. CONEXÃO ________________________________________________________ 16
5.8. BITOLA DO CABO DE ALIMENTAÇÃO _______________________________ 17
6. INSTALAÇÃO HIDRÁULICA _____________________________________________ 18
7. MANUTENÇÃO E LIMPEZA _____________________________________________ 21
7.3. TROCA DE ÁGUA DO RESERVATÓRIO ______________________________ 21
7.4. LIMPEZA DOS PAINÉIS EVAPORATIVOS, RESERVATÓRIO E
DISTRIBUIDORES DE ÁGUA ______________________________________________ 22
8. SOLUÇÃO DE PROBLEMAS ____________________________________________ 24
9. PLANO ANUAL DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA _________________________ 28
10. CERTIFICADO DE GARANTIA___________________________________________ 30
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

1. ADVERTÊNCIA

ATENÇÃO

Este aparelho não se destina à utilização por pessoas (inclusive crianças)


com capacidades físicas, motoras, sensoriais ou mentais reduzidas, ou por
pessoas com falta de experiência e conhecimento, a menos que tenham
recebido instruções referentes à utilização do aparelho ou estejam sob a
supervisão de uma pessoa responsável pela sua segurança. Recomenda-se que
crianças sejam impedidas de brincar com esse produto.

Todos os procedimentos de instalação e manutenção do Climatizador


Evaporativo deverão ser realizados com o equipamento desenergizado,
sem conexões condutivas com a rede elétrica (desacionamento do
disjuntor ou desconexão da tomada). Somente energize-o após a conclusão
de todos os passos de instalação e/ou finalização da manutenção e limpeza.

A não observação das instruções contidas neste manual anula a garantia do


produto e podem resultar em danos pessoais e/ou materiais.

A instalação e manutenção do equipamento devem ser realizadas por


pessoal capacitado* com conhecimentos básicos em elétrica e hidráulica,
utilizando ferramentas e métodos adequados e seguindo as orientações contidas
nos documentos fornecidos com o equipamento.

Obedeça às normas nacionais, estaduais, locais e as instruções de operação


referentes ao uso, operação, manuseio, instalação e manutenção deste
produto.

CUIDADO: Nunca manuseie equipamentos e aparelhos que gerem faíscas


ou fagulhas próximo ao equipamento, como esmerilhadeiras e máquinas de
solda e corte. O Painel Evaporativo é altamente inflamável.

CUIDADO: Nunca, em hipótese alguma, substitua qualquer componente do


seu climatizador sem prévia autorização do fabricante, pois o equipamento
poderá apresentar mau funcionamento e/ou causar danos pessoais e/ou
materiais.
(*) Pessoal capacitado – Profissional qualificado para trabalhos que envolvam eletricidade e com
certificado vigente do curso de NR-10.

1
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

IMPORTANTE: Em todo contato com o SAC tenha em mãos o Modelo,


Número de Série ou Nota Fiscal do seu Climatizador Evaporativo para melhor
atendimento.

O Modelo e Número de Série podem ser encontrados no Adesivo de


Identificação que é fixado próximo ao reservatório do equipamento, conforme
imagem ilustrativa abaixo:

Figura 2 - Adesivo de identificação

Em caso de dúvidas após ler todo o manual, incluindo o item 8,


contate nosso Serviço de Atendimento ao Consumidor através dos
telefone (19) 3303-1400.

2
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

2. CONCEITOS BÁSICOS

2.1. O QUE É CLIMATIZAÇÃO EVAPORATIVA?

O processo de climatização evaporativo utiliza dois fluídos para o trabalho:


água e ar. O ciclo se inicia na evaporação da água, que se dá pela passagem de
um fluxo de ar, provocando uma redução na temperatura do ar. Este é um
fenômeno, no qual moléculas no estado líquido passam ao estado gasoso em
função de um consumo de energia. Um litro de água consome cerca de 580 kcal
para evaporar a temperatura ambiente. No CLIMATIZADOR EVAPORATIVO é
o próprio ar que cede calor sensível para a água evaporar, tendo assim a sua
temperatura reduzida.

Ex.: Esse fenômeno, por exemplo, é o que faz uma pessoa sentir mais frio
ao sair de uma piscina (a evaporação da água esfria o seu corpo).

2.2. ASPECTOS GERAIS SOBRE O CLIMATIZADOR

O é um produto compacto, autônomo e de alta eficiência, que


resfria o ar pelo processo evaporativo. O funcionamento consiste em um sistema
de ventilação, Painéis Evaporativos (colmeias especiais de Papel Kraft
Resinado) e uma Bomba de Água que faz a circulação da água entre o
reservatório do equipamento e a parte superior dos Painéis Evaporativos pelo
distribuidor. A água escoa entre os Painéis Evaporativos, que têm uma extensa
área superficial exposta à passagem do ar, sendo parcialmente evaporada no
processo e causando assim o decréscimo de temperatura do ar.

Figura 3 - Esquema de funcionamento do Climatizador Evaporativo .

3
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

2.3. RELAÇÃO ENTRE TEMPERATURA, UMIDADE DO AR E A


REDUÇÃO DA TEMPERATURA DO AR

O grau de resfriamento do ar processado está relacionado com a quantidade


de água evaporada, que depende fundamentalmente da umidade relativa do ar
no ambiente externo, sendo que quanto mais seco o ar, maior o resfriamento
obtido.

Figura 4 - Quadro de redução de temperatura estimada


A umidade relativa do ar varia de acordo com a região, estação do ano e
período do dia, mas de maneira geral, mesmo em regiões bastante úmidas, a
umidade relativa é menor nos períodos do dia de maior incidência solar. O que
proporciona um melhor resultado de resfriamento do ar justamente quando é
mais necessário.

2.4. VANTAGENS DO CLIMATIZADOR EVAPORATIVO

- Processo aberto que não necessita isolamento do prédio e nem das fontes
de calor*;

- Insuflamento que provoca alta taxa de renovação removendo poluentes


leves em suspensão, além da carga térmica;

- Mantém o equilíbrio da umidade relativa do ar;

- Baixo consumo de energia;

- Manutenção simples e de baixo custo;

- Alta qualidade no ar;

- Não tem arraste de gotículas e/ou nevoa;

* Depende da temperatura da fonte.

4
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

3. POSICIONAMENTO

Abaixo os principais aspectos que devem ser considerados e observados


para se definir o correto posicionamento do no ambiente, vide
anexo P.

a. O lado do Painel Evaporativo deve ser posicionado de modo a


poder captar um fluxo contínuo de ar externo, proporcionando a
renovação do volume de ar do ambiente. Dentro de salões, galpões
ou outros ambientes semiabertos, o equipamento deve ser
posicionado frente a uma janela aberta ou outra abertura para a
área externa. Nunca encoste o equipamento em uma parede,
respeitando a distância mínima especificadas no Anexo P. Para os
casos de instalação interna recomendamos o uso da Caixa De
Ventilação (item opcional);

b. Os melhores resultados são obtidos quando o equipamento é


embutido em uma parede, assim o próprio equipamento será capaz
de forçar a renovação de ar no ambiente. Deve-se prever o acesso
à parte posterior do equipamento para limpezas e manutenções
periódicas;

c. O ar insuflado (lado da Grelha) deve ter uma área livre de


obstruções pela frente, para que a distribuição do ar não seja
prejudicada;

d. Recomenda-se a altura de instalação da base da grelha a 2 metros


do piso. Quando o climatizador for instalado acima de 2 metros, é
recomendado a utilização do suporte plataforma com guarda
corpo. É muito IMPORTANTE prever acesso fácil e seguro para
futuras limpezas e/ou manutenções. A figura abaixo ilustra uma
instalação típica do Climatizador Evaporativo.

e. Na instalação, o climatizador NÃO deve ser simplesmente apoiado


sobre o suporte, mas sim SEMPRE fixado na estrutura onde este
está instalado (suporte mão francesa, plataforma, etc.) ou na
própria parede, eliminando risco de queda.

f. Quando o equipamento é instalado dentro do ambiente, este local


todo deve ter uma exaustão natural ou forçada de modo a
minimizar a recirculação do ar que já passou pelo equipamento, de
forma a evitar a saturação da umidade relativa;

g. Quando o equipamento é embutido na parede, o ideal é insuflar o


fluxo de ar no ambiente de modo que as saídas estejam do lado
oposto à saída de ar do equipamento (Grelha);

5
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

h. Evite a instalação do Climatizador Evaporativo próxima a


chaminés, coifas de cozinha e outras fontes de irradiação de calor
intenso, para evitar a perda de eficiência da climatização;

i. Quando as saídas naturais de ar do ambiente forem insuficientes


ou inexistentes, exaustores mecânicos deverão ser instalados;

j. O correto ajuste das aletas da Grelha é importante também para o


ar ser direcionado adequadamente na direção desejada.

NÃO RECOMENDAMOS QUE A INSTALAÇÃO DO EQUIPAMENTO SEJA


FEITA POR PESSOAL SEM CAPACITAÇÃO TÉCNICA PARA TAL.
CONSULTE A NÓS OU SEU REPRESENTANTE LOCAL PARA SOLICITAR O
SERVIÇO/ORIENTAÇÕES DE INSTALAÇÃO.

6
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

4. PROCEDIMENTO PARA UMA INSTALAÇÃO TÍPICA

A. VERIFICAÇÃO ABERTURA E INFRAESTRUTURA;


Conferir as medidas da abertura e conferir se as instalações hidráulicas e
elétricas estão conforme o anexo Preparação para Instalação

B. INSTALAÇÃO DA MÃO FRANCESA PADRÃO;


Fixar a mão francesa padrão de acordo com o anexo Preparação para
Instalação e fixa-lo com barra roscada conforme desenho.

C. IÇAMENTO DO CLIMATIZADOR;
Fazer o içamento do climatizador e colocá-lo sobre o suporte mão
francesa. O içamento deve ser feito obedecendo todos os critérios de segurança
e com a utilização de guindaste ou caminhão munck de acordo com a
necessidade de cada local.

D. FIXAÇÃO DO CLIMATIZADOR NO SUPORTE;


É de extrema importância realizar do travamento do climatizador no
suporte mão francesa, em hipótese alguma o climatizador deve ficar apenas
apoiado no suporte.

E. VEDAÇÃO DA ABERTURA;
Para a vedação da abertura utilizar espuma expansiva e também deve-se
utilizar régua de chapa galvanizada ou de ABS conforme desenho.

F. LIGAÇÃO E TESTES;
Realizar as conexões hidráulicas e elétricas e efetuar os testes de
funcionamento. Antes de fazer as ligações conferir a tensão da tomada (220V) e
a pressão da água conforme anexo H.

G. CHECK-LIST DE ENTREGA
Realizar o Check-List de entrega, verificando todos os pontos necessários
e principalmente entregar o manual e explicar o funcionamento do climatizador
e o plano de manutenção para o responsável designado.

7
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

ANEXO P

(EBV20, EBV26, EBV26XL, EBV30, EBV36, EBV40, EBV44, EBV50,


EBV70, EBV90, EB350T, EB500T e EB600T)

8
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

ANEXO P

(EBV20, EBV26, EBV26XL, EBV30, EBV36, EBV40, EBV44, EBV50,


EBV70, EBV90, EB350T, EB500T e EB600T)

9
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

ANEXO P
(EBV90)

10
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

ANEXO P
(EBV90)

11
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

5. INSTALAÇÃO ELÉTRICA

O Climatizador Evaporativo é acompanhado de um Comando Elétrico e sua


instalação elétrica é relativamente simples, consistindo, além da alimentação
elétrica do comando, a interligação do cabo de rede na IHM conforme ilustrado
no Anexo E. As observações abaixo também devem ser seguidas como
requisitos da instalação elétrica.

5.1. REDE ELÉTRICA DE ALIMENTAÇÃO

A alimentação elétrica do Comando Elétrico deverá ser proveniente de uma


rede elétrica com a configuração 220VCA 1ɸ 60Hz + PE (fase + neutro + terra).
Ou seja, é necessário que se tenha uma tensão elétrica de 220VCA entre os dois
condutores de alimentação.

Quando se tratar de uma rede trifásica com 380V, por exemplo, pode-se
utilizar apenas uma fase em conjunto com o condutor neutro, de modo que a
tensão elétrica entre estes pontos de energia resulte em 220V.

Nota

A tolerância na tensão de alimentação é de ± 15V, caso este valor não


seja atendido, o Comando Elétrico pode apresentar falhas referentes à sob ou
subtensão.

É de suma importância a conexão do condutor terra (PE) à alimentação


do climatizador, evitando erros de operação, danos pessoais e/ou
materiais.

A falta de aterramento do climatizador poderá implicar em perda da


garantia.

O cabo de comando (Ethernet) que interliga a IHM e o Comando Interno


deve ser instalado SEPARADAMENTE de outros cabos de potência, sob
pena de mau funcionamento do equipamento.

12
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

5.2. CONJUNTO COMANDO ELÉTRICO

Cada conjunto é composto de três partes principais: o inversor (Comando


Interno), a IHM (interface de controle) e o controle remoto.

Comando Interno

Controle IHM
Remoto

INVERSOR: O Comando Interno conta com proteção contra jatos d’água (IP64)
que impede a entrada de umidade e evita problemas com oxidação no inversor
de frequência. Com isso, o inversor será instalado dentro do climatizador de
forma a facilitar a instalação do equipamento.

IHM: A IHM possui uma interface homem-máquina de acesso facilitado para as


principais funções dos climatizadores evaporativos, como “Climatizar” e
“Ventilar”, por exemplo.

Controle remoto: Os inversores são acompanhados de controle remoto


infravermelho. Com alcance de até 10 metros, o controle remoto apresenta teclas
de “Liga/Desliga”, “Climatizar”, “Ventilar”, entre outras. Todos estes recursos
tornam a utilização do climatizador prática e amigável.

13
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

5.3. OPERAÇÃO

Para ligar, pressione a tecla e aguarde o tempo de limpeza, que é


indicado pela IHM através da mensagem LiP. Após esse tempo, o equipamento
iniciará automaticamente, retornando para a velocidade ajustada pela última vez.
Para desligar pressione a tecla e aguarde o tempo de secagem das colmeias,
indicado pela IHM através da mensagem SEC.

Utilize as teclas ou para reduzir ou aumentar a velocidade do motor e


ajustar o tempo da função Timer.

Pressione a tecla Swing, Dreno, Ventilar, Climatizar ou Timer para


acionamento da respectiva função.

TECLAS E FUNÇÕES (IHM E CONTROLE REMOTO)

NOTAS
1) As funções Dreno e Swing são
OPCIONAIS e podem não ser
fornecidas como padrão de fábrica.

2) A função Exaustão inverte o


sentido de giro da hélice do motor,
essa função está desabilitada por
padrão de fábrica.

3) A função Timer funciona apenas


para DESLIGAR o climatizador
(similar à função “Sleep” de
eletrodomésticos).

14
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

Modo Ventila – Apenas o ventilador é acionado e o equipamento apenas renova


o ar do ambiente com ar externo.

Essa posição pode ser utilizada em dias mais frios, à noite quando
a temperatura externa é agradável ou em dias de chuva quando a
umidade relativa externa é alta.

Modo Resfria – O ventilador e o sistema hidráulico são acionados,


proporcionando o resfriamento evaporativo descrito nos itens 2 e 3 deste manual.

Nota

Após receber o comando de desligar, o ventilador permanece em


funcionamento por 30 minutos após dado o comando para desligar,
visando a secagem dos Painéis Evaporativos, que é importante para
evitar o desenvolvimento de mofo, algas, mau cheiro e abreviação da vida
útil.

5.4. AJUSTE DE PARÂMETROS

Para eventuais ajustes dos valores dos parâmetros, siga os passos:

Desligue completamente o climatizador dando um toque único na tecla .


O climatizador deverá ir para o modo SEC (secagem das colmeias). Para pular
esta etapa e desligar totalmente o climatizador, pressione por 5 segundos,
fazendo com o que a IHM volte a exibir rdy.

Mantenha a tecla Set pressionada por 5 segundos para entrar no menu de


parametrização. Para alternar entre Parâmetros e seus respectivos Valores, dê
um toque simples na tecla Set. Utilize as teclas e para navegar entre os
parâmetros e ajustar seus respectivos valores.

Para alterar os valores dos parâmetros, é necessário primeiro inserir a senha


de acesso. Para isso, ajuste o valor de P00 em 28.

Para sair do menu de parametrização, pressione Set por 5 segundos.

Não é possível alterar parâmetros enquanto o equipamento estiver


funcionando, apenas visualizar valores de operação (tensão, corrente,
frequência, etc.).

O climatizador já sai de fábrica parametrizado, portanto, não faça


qualquer alteração caso não seja um técnico autorizado ou sob orientação
do fabricante.

15
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

5.5. CONEXÃO

A instalação elétrica do equipamento é bastante simples e consiste apenas


na conexão do cabo de rede na IHM e do plugue de energia na tomada, conforme
Anexo E.

ESQUEMA DE LIGAÇÃO INTERNA

Os itens “Swing”, “Lâmp.” e “Dreno” são opcionais e estão disponíveis


apenas sob consulta.

Atenção: Todos os procedimentos de instalação e manutenção do Climatizador


Evaporativo deverão ser realizados com o equipamento desernegizado. Somente energize-o
após a conclusão de todos os passos de instalação e/ou finalização da manutenção.

16
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

5.6. BITOLA DO CABO DE ALIMENTAÇÃO

Comprimento do cabo de alimentação [metros]


Modelo
0 a 15 16 a 25 26 a 35 36 a 65 66 a 100
EBV20 2,5 2,5 2,5 4,0 6,0

Bitola [mm²]
EBV30/EBI300TX/EB350TT 2,5 2,5 2,5 4,0 6,0
EBV40 2,5 2,5 2,5 4,0 6,0
EBV50/EB600T 2,5 4,0 6,0 10,0 16,0
EBV70 2,5 4,0 6,0 10,0 16,0
EBV90 2,5 4,0 6,0 10,0 16,0

As bitolas acima indicadas estão dimensionadas de acordo com a NBR 5410/2004


e considera a utilização de condutores isolados de cobre (PVC 70°C / 750V) e
expostos à temperatura ambiente de até 40°C, com queda de tensão de até 2,5%,
para instalação em eletroduto embutido em alvenaria, compartilhado com até 3
outros circuitos já existentes.

17
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

6. INSTALAÇÃO HIDRÁULICA

A instalação hidráulica do Climatizador Evaporativo deverá ser executada


conforme orientado no Anexo H e/ou Anexo P.

A água a ser utilizada na alimentação hidráulica do equipamento deverá


ser potável. Em caso de fontes de água com alta concentração de carbonato de
cálcios e outros sais, preveja filtros apropriados antes da entrada de água do
climatizador para evitar problemas como: obstruções no Distribuidor de Água,
danificação dos Painéis Evaporativos e queima da Bomba de Água, queda de
desempenho do climatizador e perda de garantia.

No caso da alimentação de água do climatizador ser proveniente de caixas


de água, esta deverá estar pelo menos a 10 metros (1,0 kgf/cm²) acima da
entrada de água do equipamento.

A temperatura da água que alimentará o climatizador deverá estar entre 1 e


45 °C, caso contrário, a eficiência do sistema de climatização pode ser
parcialmente comprometida.

É importante observar o correto nível do equipamento no ato na instalação,


sob pena de prejudicar o sistema de distribuição e nível de água, que rege a
operação da Bomba de Água.

As saídas de Dreno e Ladrão devem ser canalizadas até local próprio para
descarte de água, de acordo com anexo H e/ou Anexo P.

18
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

ANEXO H

MODELOS DE PAREDE (EBV20, EBV26, EBV26XL, EBV30, EBV36, EBV40, EBV44, EBV50
e EBV70)

MODELOS DE TELHADO (EB350T, EB350TT, EB500T e EB600T)

19
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

MODELO EBV90

20
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

7. MANUTENÇÃO E LIMPEZA

Para garantia do correto funcionamento e operação do Climatizador


Evaporativo em suas condições desejáveis, é de caráter mandatório manter a
manutenção e limpeza do equipamento.

7.1. TROCA DE ÁGUA DO RESERVATÓRIO

A água do Reservatório deverá ser drenada e substituída por água limpa no


mínimo uma vez por semana. A troca de água tem por objetivo evitar a
concentração de sais e lodo que podem danificar a Bomba de Água, entupir os
orifícios do Distribuidor de Água ou formar depósitos de carbonato de cálcio
sobre os Painéis Evaporativos, causando mau cheiro e reduzindo
consideravelmente a durabilidade destes itens.

Nota

A garantia não cobre a troca de Bombas de Água queimadas por


falta de troca de água do reservatório e/ou uso de água não potável na
alimentação hidráulica do climatizador.

Nota

Em locais com muita poeira no ar ou quando se usa água de poço


artesiano com alta dureza (alto teor de carbonato de cálcio e outros sais
dissolvidos), a água deverá ser trocada diariamente.

Procedimento

1º. Abra o registro do Dreno de Água do equipamento e aguarde por volta de


cinco minutos até que seja escoada água suficientemente para o descarte
de impurezas depositadas no reservatório;

2º. Feche o registro do Dreno de Água;

Para aparelhos equipados com o item opcional de Troca de Água Automática,


a troca de água é feita automaticamente a cada 8 horas de trabalho por padrão
de fábrica, mas este tempo pode ser alterado via parâmetro do Inversor de
Frequência dependendo do modelo de climatizador. A Troca de Água
Automática (Dreno Automático) é recomendada para equipamentos localizados
em locais de difícil acesso ou quando não se dispõe de mão de obra para fazer
a operação manualmente.

21
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

7.2. LIMPEZA DOS PAINÉIS EVAPORATIVOS, RESERVATÓRIO E


DISTRIBUIDORES DE ÁGUA

Os Painéis Evaporativos, Distribuidores e Reservatório de água devem ser


lavados trimestralmente (dependendo da qualidade do ar local deve-se aumentar
esta frequência), de forma que as partículas de sujeira que são filtradas pelo
Painel Evaporativo não interfiram no correto funcionamento do climatizador e
causem problemas como: queima de Bomba da Água, obstruções no Distribuidor
de Água, dano aos Painéis Evaporativos, e queda de desempenho do
climatizador. Caso a manutenção seja negligenciada automaticamente ocorrerá
a perca da garantia do climatizador.

Procedimento

1º. Remova a régua utilizada para apoiar os painéis evaporativos


localizada na parte superior traseira do equipamento desafixando os
três parafusos que a prendem com o auxílio de uma Chave Canhão
Sextavada de ¼’’;

2º. Remova o Painel Evaporativo do meio, puxando-o pela parte superior


para fora do equipamento e então o retire. Depois remova os restantes
os afastando das laterais e realizando o mesmo procedimento. É
importante marcar a posição em quais os painéis evaporativos
estavam instalados e colocá-los na mesma ordem após concluída a
limpeza;

3º. Lave os Painéis Evaporativos com o auxílio de uma mangueira ou


lavadora de pressão com o leque aberto. Se apresentarem sinal de
acumulo de impurezas impregnadas em sua superfície, deixe-os de
molho em água com detergente neutro comum por 30 minutos e então
os enxágue até que o sabão seja completamente removido;

4º. Drene a água do reservatório e lave-o com jatos de água e escova, se


necessário. Quando aplicável ao modelo, retire o filtro da Bomba de
Água e limpe-o também;

5º. Observe se os orifícios do Distribuidor de Água, que ficam localizados


acima dos Painéis Evaporativos, estão obstruídos por quaisquer
impurezas e, se necessário, lave-o com água corrente e escova,
desobstruindo os canais de distribuição.

Sempre que o Climatizador Evaporativo for ficar fora de uso por um período
prolongado (por exemplo, durante o inverno), faça a limpeza acima detalhada e
depois esgote a água do Reservatório. O equipamento inativo deve estar
limpo e seco.

22
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

Nos equipamentos dotados de manta filtrante sintética (item opcional),


verifique o estado de limpeza a cada 15 dias. Dependendo da qualidade do ar
local, a manta filtrante sintética deverá ser substituída a cada 30 ou 45 dias.

Os Painéis Evaporativos têm efeito filtrante (similar a um filtro G3), portanto


retêm um grande volume de partículas de impurezas, que são filtradas do ar que
o equipamento capta para resfriar/ventilar. Essas partículas obstruem os Painéis
Evaporativos e prejudicam o desempenho do climatizador como um todo, além
de também serem escoadas para o Reservatório, onde podem prejudicar o
sistema hidráulico. Sendo assim, em caso de não cumprimento da limpeza
estipulada, a garantia dos componentes em questão pode ser anulada.

23
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

8. SOLUÇÃO DE PROBLEMAS

DESCRIÇÃO POSSÍVEIS CAUSAS SOLUÇÕES PROVÁVEIS

Exaustão para retorno de


Aumente a exaustão no ambiente (saídas de ar como
ar inadequada /
portas e janelas).
insuficiente.
Painéis Evaporativos Limpe os Painéis Evaporativos. Ou troque-os, se
estão obstruídos ou sujos. necessário.
Reveja o direcionamento e abertura das aletas da
Grelha de distribuição de ar.
Aletas mau direcionadas.
Cheque se a instalação está conforme o conceito ideal
descrito no Anexo P e item 5 deste manual.
Verifique se o modo "Resfria" está ativado.
O equipamento Painéis Evaporativos Cheque a alimentação de água do equipamento e
funciona, porém não estão secos ou há falta de possíveis obstruções dentro do sistema hidráulico
resfria o ambiente. água enquanto o interno (Distribuidor de Água obstruído).
equipamento funciona. Cheque o funcionamento da Bomba de Água e sua
ligação elétrica, vide Anexo E e item 6 deste manual.
Em dias chuvosos onde a umidade relativa do ar está
muito alta, o climatizador não irá ter a mesma eficiência
Umidade relativa alta no como em dias mais secos. Neste caso, pode-se desligar
ambiente. a Bomba de Água, deixando o equipamento
funcionando no modo "Ventila". Consulte o item 8 deste
manual.
Problema com o
funcionamento da Bomba Consulte o item abaixo.
de Água.

Perda de conexão elétrica


na fiação da Bomba de Confira se a ligação elétrica está conforme Anexo E
Água.
Fusível da Bomba de
Troque-o, conforme Anexo E.
Água queimado.
Verifique se a alimentação de água está aberta e de
acordo com o orientado no Anexo H e item deste
Falta de água no manual.
Reservatório. Cheque o funcionamento da Boia da Alimentação de
Bomba de Água não água, válvulas e encanamentos relacionados à
funciona no modo alimentação de água.
"Resfria".
Sensor de Nível não está Verifique se o nivelamento de instalação do
em correto equipamento está correto.
funcionamento. Cheque se a ligação elétrica está conforme Anexo E.

Troque-a e verifique a limpeza do Reservatório, se


atentando para possíveis impurezas sólidas que
Defeito interno na Bomba possam obstruir o rotor da Bomba de Água.
de Água.
Verifique também a qualidade da água de alimentação,
conforme item 7 deste manual.

24
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

Bomba de Água Filtro da Bomba de Água


Limpe o filtro. Consulte o item 9 deste manual.
funciona, mas não obstruído.
circula água ou os
Painéis Evaporativos Distribuidor de Água Limpe o Distribuidor de Água. Consulte o item 9 deste
estão secos. interno de água obstruído. manual.

Fase do Motor invertida. O


Altere o valor do parâmetro P73. Se o valor estiver em
equipamento exaure o ar
“0” altere para “1” e se estiver em “1” altere para “0”.
O equipamento ao invés de insuflar.
funciona, mas não
Correia frouxa ou Verifique o estado/tensionamento da Correia de
insufla ar no
estourada. transmissão entre o Motor e a Hélice (quando aplicável).
ambiente.
Área de saída de ar Aumentar a área de saída do ar no ambiente através de
insuficiente. aberturas (portas e janelas) e/ou exaustão forçada.

A Boia de Alimentação pode ter girado no ato da


Mau funcionamento da
instalação. Verifique se o movimento de sua parte
Boia de Alimentação.
móvel está alinhado com a vertical (reto).
Vazamento constante No tempo pré-ajustado no inversor, o equipamento
de água pela saída do realiza uma troca de água automática, onde descarta a
Dreno ou do Ladrão. Dreno automático ativo. água presente no reservatório por 1 minuto, a fim de
cumprir o que é recomendado no item 9 deste manual.
Climatizador desnivelado. Verifique se o climatizador está corretamente nivelado.

Painéis Evaporativos estão


Limpe ou troque-os, se necessário.
obstruídos.
Painéis Evaporativos estão Reposicione corretamente o Painel Evaporativo
com posição invertida. orientando-se pela indicação em sua lateral.
Distribuição de Água está fora de nível. Cheque o nível
Má distribuição de água
de instalação do equipamento e do Distribuidor de Água
nos Painéis Evaporativos.
interno.
Aspersando / jogando
Excesso de resina dos Troque a água do reservatório 5 vezes ao dia por pelo
água no ambiente.
Painéis Evaporativos menos 2 dias, com espaçamento mínimo de 30 minutos
(equipamentos ou painéis entre as drenagens. O dreno deve ficar aberto por pelo
evaporativos novos). menos 2 minutos a cada troca.
Faça o ajuste através do Registro interno instalado na
tubulação entre o Reservatório e o Distribuidor Ou na
Excesso de água nos
própria Bomba de Água, quando aplicável), diminuindo
Painéis Evaporativos.
o fluxo de água no Distribuidor até que ainda saia água
por todos os furos.

A captação de ar está
Verifique o odor na parte externa do ambiente, lado
próxima a uma fonte de
posterior do climatizador.
odor desagradável.
Execute a limpeza do equipamento, conforme item 9
Odor desagradável. deste manual.
Algas acumuladas no
Reservatório. Aplique uma dosagem de sulfato de cobre no
reservatório do equipamento, conforme documento
orientativo que deve ser solicitado ao SAC.

Depósito de resíduo Alta concentração de sal Reveja a fonte de alimentação de água, de forma que
branco no gabinete / na fonte de alimentação esta fique de acordo com o Anexo H e item 7 deste
Painéis Evaporativos. de água. manual.

25
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

Verifique a integridade dos cabos de ligação do Motor


ao Inversor de Frequência.
Verifique se as ligações elétricas estão de acordo com
o Anexo E.
Verifique se o condutor terra (PE) do Motor não foi
ligado a nenhum dos bornes "U", "V" e "W" do Inversor
de Frequência e vice-versa.
Desconecte o cabo do Motor dos bornes “U”, “V” e “W”
CFW10: E00 do Inversor. Caso o erro persistir, o módulo de
AGEON IRX: E06 Sobrecorrente ou curto- transistores IGBT pode estar em curto. Neste caso,
CFW100: F070 circuito na saída do Motor. troque o Inversor. Se o erro não for exibido, há
CFW500: F0070 problemas no cabo de interligação entre Motor e
Inversor ou no próprio Motor.
Verifique todos o correto ajuste de todos os parâmetros
do Inversor, seguindo a última versão disponível da
tabela de parâmetros.
Verifique se ocorreu a entrada de água dentro do motor,
fechando curto entre as bobinas deste.
Verifique se não há obstruções que impeçam a hélice
de girar.

Verifique se a entrada e saída de ar do Comando


Elétrico (parte inferior e superior) não estão obstruídas
por algum objeto / estrutura ou excesso de poeira e
outras impurezas. Caso sim, limpe-as.
CFW10: E04 Verifique se o Comando Elétrico não está instalado logo
AGEON IRX: E04 Sobretemperatura no acima de outro Comando Elétrico, captando o ar quente
CFW100: F051 Inversor de Frequência. exaurido pelo Comando Elétrico abaixo.
CFW500: F0051 Verifique a temperatura do local de instalação do
Comando Elétrico, que não pode exceder 40 °C,
conforme item 6 deste manual. Caso seja este o caso,
preveja a mudança de local do Comando Elétrico ou
remoção de fontes de calor próximas a este.

Verifique se não há obstruções que impeçam a hélice


de girar.
Verifique se a Correia de transmissão não está muito
apertada.
CFW10: E05 Verifique o correto ajuste do parâmetro de Corrente de
AGEON IRX: E05 Sobrecarga do Inversor de Frequência.
Sobrecarga no Motor.
CFW100: F072 Com o equipamento desligado, tente girar o eixo do
CFW500: F0072 motor e do mancal com as mãos, a fim de se verificar
se não estão danificados (rolamentos).

Verifique se a potência do Inversor de Frequência e


Motor Elétrico são compatíveis.

26
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

Desconecte e conecte novamente o terminal RJ-45 da


parte traseira da IHM.
Desconecte e conecte novamente o terminal RJ-45 da
parte interna do inversor de frequência.
AGEON IRX: E07 / Falha de comunicação
E08 entre IHM e Inversor. Verifique se o cabo ethernet (rede) está crimpado na
mesma sequência de cores em suas duas
extremidades.

Verifique se o cabo ethernet (rede) não foi rompido e/ou


danificado em alguma parte.

CFW10: Sub / E02 Verifique se a tensão de entrada no Inversor de


AGEON IRX: Sub / Tensão de alimentação Frequência está entre 205 e 235 V.
E03 insuficiente para operação
CFW100: F021 do inversor Pode ocorrer devido a oscilações na rede elétrica ao
decorrer do dia.
CFW500: F0021
Verifique se a tensão de entrada no Inversor de
CFW10: E01 Frequência está entre 205 e 235 V.
AGEON IRX: E02 Tensão de alimentação Pode ocorrer devido a oscilações na rede elétrica ao
CFW100: F022 excessiva. decorrer do dia.
CFW500: F022 Confira o ajuste do parâmetro de Corrente de
Sobrecarga do Inversor de Frequência.

Equipamento ainda
em funcionamento
após dado o Após dado o comando de desligar o equipamento, o
comando de ventilador continua em funcionamento por 30 minutos
Comportamento normal.
desligar. para que ocorra a secagem dos Painéis Evaporativos,
AGEON IRX: Sec prolongando sua vida útil e prevenindo mau cheiros.
CFW100: A781
CFW500: A0781

CFW10: E08 / E09 /


E41 Desergenize o Inversor de Frequência, aguarde o
Falha interna no inversor
CFW100: F080 / F084 de frequência. display se apagar totalmente, energize-o novamente.
CFW500: F0080 / Se o erro persistir, troque o Inversor de Frequência.
F0084

CFW10: E24 Conflito entre parâmetros Refaça a parametrização do Inversor de Frequência


CFW100: A702 do Inversor de seguindo a última versão disponível da tabela de
CFW500: A0702 Frequência. parâmetros.

AGEON IRX: RDY Equipamento em O equipamento está pronto para operação e


CFW10: RDY stand-by. aguardando comando de acionamento.

Equipamento em
Aguarde até o equipamento desligar completamente e
AGEON IRX: OFF processo de
exibir rdy em seu display para voltar a operá-lo.
desligamento.

Em caso de dúvidas, contate nosso Serviço de Atendimento ao


Consumidor através do telefone (19) 3303-1400.

27
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

28
9. PLANO ANUAL DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA
Estes períodos são estimados e dependem das condições da aplicação/instalação de cada climatizador.
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

29
Estes períodos são estimados e dependem das condições da aplicação/instalação de cada climatizador.
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

10. CERTIFICADO DE GARANTIA

Os resfriadores evaporativos estão garantidos, dentro da


capacidade e finalidade a que foram projetados, contra defeitos de fabricação, de
materiais ou de mão de obra, desde que sejam instalados, operados e mantidos de
acordo com as boas normas, bem como especifica este manual.

As obrigações da VIVA Equipamentos, no concernente à garantia, limitar-se-ão à


substituição gratuita de qualquer peça que, devidamente montada e instalada, com o
uso, conservação e proteção normais e adequados, apresentarem defeito dentro de
doze meses contados a partir da data de emissão da nossa nota fiscal de venda ou de
demonstração no caso do equipamento ter sido enviado em demonstração antes de se
efetivar a venda, desde que o cliente nos dê aviso imediato de tais defeitos e que os
mesmos sejam por nós devidamente comprovados. A responsabilidade e as despesas
de transporte e seguro correrão por conta do cliente. A critério da VIVA Equipamentos,
poder-se-ão efetuar os serviços de garantia no próprio local, por pessoal devidamente
habilitado e, nesse caso, correrão por conta do cliente as despesas de locomoção e
estadia do técnico e transporte do material designado para este fim.

Ficam excluídos desta garantia danos causados no equipamento devido a ambiente


corrosivo, danos causados por acidente, agentes da natureza, desgaste natural das
peças e componentes, ajuste ou conserto por pessoas não autorizadas descargas
elétricas, deficiência na alimentação de água, por picos de tensão, defeitos originados
pela falta de aterramento ou no caso de modelos trifásicos, pela falta de uma das fases
de energia elétrica.

A garantia será automaticamente cancelada independente de avisos e notificações


caso:

a) O cliente, sem prévia autorização da fornecedora, fizer ou mandar fazer


por terceiros, alterações ou reparos;

b) Ocorrer uso, manutenção ou armazenagem inadequada do equipamento;

c) Registrarem-se danos decorrentes de acidentes no transporte, carga e


descarga;

d) Registrarem-se danos decorrentes do não cumprimento das limpezas


ditas mandatórias neste documento;

e) Registrarem-se danos decorrentes do uso de água não potável.

DADOS DA COMPRA

REVENDEDOR

Nº NOTA FISCAL

CNPJ CLIENTE

DATA DA COMPRA

30
MAN.03 - REV. 11 - 02/2019

DADOS DO PRODUTO
Nº MODELO Nº DE SÉRIE SETOR
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
MAPA DO SETOR CLIMATIZADO

Identifique no mapa acima o número do climatizador no local onde cada


climatizador está instalado.

VIVA EQUIPAMENTOS INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA


CNPJ: 00.324.107/0001-95
Rua Rui Ildefonso Martins Lisboa, 303, Campinas - SP, CEP 13082-020
Fone/Fax: (19) 3303-1400 / E-mail: sac@ecobrisa.com.br / Site: www.ecobrisa.com.br

31