Você está na página 1de 2

Da natureza da atenção:

Atenção e suas  Voluntária: exprime a concentração ativa


e intencional da consciência sobre um

alterações objeto.
 Espontânea: Suscitado pelo interesse
momentâneo incidental.
A atenção é a capacidade de dirigir a
consciência a um estímulo, Da direção da atenção:
concentrando sobre este toda a  Atenção externa: Utiliza dos órgãos
atividade consciente. Assim, a atenção é sensórias para projetar a atenção do
a capacidade de focalização da mundo subjetivo do sujeito para
consciência. externo.
Direção da concentração.  Atenção interna: Voltada para os
processos mentais do próprio sujeito.
A atenção resulta da atividade de
diferentes regiões do sistema nervoso Da amplitude da atenção:
central, sendo importante a participação  Atenção focal: concentrada e delimitada.
de pelo menos três sistemas: o reticular,  Atenção dispersa: espalha-se.
o cortical e o límbico.
Das qualidades:
O sistema ativador reticular
ascendente (SARA) mantém o nível de  Tenacidade: é a capacidade do indivíduo
consciência necessário aos processos de de fixar e manter a atenção sobre um
atenção. O controle cortical , estimulo.
principalmente de áreas pré-frontais, é  Vigilância: relacionada a mudança de
de fundamental importância, já que, foco de um objeto para outro.
através de processos de seleção e Atenção flutuante: um conceito
concentração, estabelece critérios desenvolvido por Freud, que diz
hierárquicos para a consciência, respeito à conduta do psicanalista
proporcionando a direção e a escolha no setting analítico. Consiste
do foco de atenção. De acordo com simplesmente em não dirigir aquilo que
Lezak, a porção anterior do giro do se escuta para algo específico e em
cíngulo é importante para o controle da manter a mesma atenção
atenção realizado pelas estruturas uniformemente suspensa, em face de
frontais.5 tudo o que se escuta.
O sistema límbico desempenha Divisão dos subtipos da atenção:
importante função no processo da
atenção responsável pela motivação, 1. Capacidade e foco de atenção: atenção
pela atração e pela carga emocional que concentrada sobre um campo ou
determinado objeto desperta na mente. estímulo, relacionada a experiência
subjetiva de concentração, as operações Transtornos
mentais.
-Tdah: dificuldade de manter e
2. Atenção Seletiva: seletividade dos
direcionar a atenção a estímulos interno
estímulos e informações relevantes para
e externos.
o sujeito, apesar de estímulos
distratores. - Transtornos do humor: dificuldade de
3. Atenção dividida: processamento concentração e atenção sustentada. Nos
simultâneo frente a estímulos quadros maníacos há diminuição da
concorrente ou realização de duas atenção espontânea com
tarefas. hipotenacidade e hipovigilância.
4. Atenção alternada: mudança do foco da
-Quadros depressivos: hipoprosexia.
atenção. A atenção alternada se
relaciona as funções executivas frontais. -TOC: atenção e vigilância exacerbadas.
5. Atenção sustentada: manter a atenção -Esquizofrenia: Déficit de atenção,
ao longo do tempo durante uma inadequada de filtragem de
atividade contínua. informações.
6. Seleção de resposta e controle seletivo:
ação plenejada.

Alterações

HIPOPRESEXIA: Perda da capacidade de


concentração básica, com fatigabilidade
aumentada, lembranças imprecisas,
dificuldade crescente nas atividades
psíquicas.

APROSEXIA: Perda total da capacidade


da atenção.

HIPERPROSEXIA: Estado de atenção


aumentada, infatigabilidade.

DISTRAÇÃO: Estado de
superconcentração ativa sobre
determinados conteúdo. (Comum no
TDAH)

DISTRABILIDADE: Estado patológico de


instabilidade e mobilidade acentuada da
atenção voluntária, incapacidade de
fixar-se, facilmente desviada.

Você também pode gostar