Você está na página 1de 80

Curso Completo de Raciocínio Lógico

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Como montar uma Tabela-Verdade:

Nº Linhas =

Tabela com 2 proposições Tabela com 3 proposições

Curso Completo de Raciocínio Lógico


05. (PC-SP/2011) Qual o numero de linhas de uma
tabela verdade utilizada para determinar o valor
lógico de uma proposição composta formada por 4
(quatro) proposições simples?
(A) 16
(B) 24
(C) 48
(D) 8
(E) 4

Curso Completo de Raciocínio Lógico


06. (Cespe/2013 - Adaptada) Um provérbio chinês
diz que:
P2: Se o seu problema tem solução, então não é
preciso se preocupar com ele, pois ele logo se
resolverá.
O número de linhas da tabela verdade
correspondente à proposição P2 do texto
apresentado é igual a
(A) 24. (B) 4. (C) 8.
(D) 12. (E) 16.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


07. (Cesgranrio/2010) Uma tabela verdade de
proposições é construída a partir do número de
seus componentes. Quantas combinações possíveis
terá a tabela verdade da proposição composta "O
dia está bonito então vou passear se e somente se o
pneu do carro estiver cheio."?
(A) 1.
(B) 3.
(C) 6.
(D) 8.
(E) 12.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Estudando os Conectivos

Curso Completo de Raciocínio Lógico


08. (Vunesp/2013) Sobre as tabelas de verdade dos
conectivos de disjunção (inclusiva), conjunção e
implicação (material), assinale a alternativa correta.
(A) As conjunções só são falsas quando ambos os
conjuntos são falsos.
(B) Não existe implicação falsa com antecedente
verdadeiro.
(C) As disjunções são falsas quando algum dos
disjuntos é falso.
(D) Só há um caso em que as implicações são
verdadeiras.
(E) As implicações são verdadeiras quando o
antecedente é falso.
Curso Completo de Raciocínio Lógico
09. (Fundatec/2012) Dado que as proposições “Eu fiz o
curso.” e “Eu estudei muito.” são verdadeiras e que “Estive
presente em todas as aulas.” é falsa, qual das alternativas a
seguir representa uma proposição verdadeira?
(A) Se estudei muito, então não fiz o curso.
(B) Se eu fiz o curso, então estive presente em todas as
aulas.
(C) Eu fiz o curso ou estudei muito, mas estive presente em
todas as aulas.
(D) Se estudei muito e fiz o curso, então estive presente em
todas as aulas.
(E) Se estive presente em todas as aulas, então eu fiz o
curso e estudei muito.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


10. (IBFC/2012) O raciocínio lógico trabalha com
proposições, que é um conceito fundamental no
estudo da lógica. Dadas as proposições abaixo:
p: 12,5% de 400 = 50 ; q: a terça parte de 300 é igual
a 90
É correto afirmar que:
(A) a conjunção de p e q ( p ^ q) é verdadeira.
(B) a conjunção de p e q ( p ^ q) é falsa.
(C) Não existe a conjunção das proposições dadas.
(D) Ambas têm os mesmos valores lógicos.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


11. (Vunesp/2013) Em uma implicação do tipo “Se A,
então B”, dizemos que A é o antecedente e B é o
consequente. Considere a seguinte implicação:
Se José é promotor, então José é o acusador dos réus.
Assim, pode-se afirmar corretamente que
(A) o antecedente é “José é o acusador dos réus”.
(B) o antecedente e o consequente são “José é o
acusador dos réus”.
(C) o antecedente e o consequente são “José é
promotor”.
(D) o antecedente é “José é promotor”.
(E) o consequente é “José é promotor”.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


12. (IFCE/2012) Considere os conectivos * e # com a
seguinte interpretação:
p * q é verdadeira, somente quando p e q têm o mesmo
valor lógico.
p # q é falsa, somente quando p é falsa e q é verdadeira.
Nessas condições, dentre todas as escolhas de valor
lógico para as proposições simples A, B e C, a fórmula A
# (B * C) é falsa
(A) nenhuma vez. (B) duas vezes.
(C) três vezes. (D) cinco vezes.
(E) todas as vezes.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


13. (FCC/2013) Considere as proposições abaixo.
p: Afrânio estuda. ; q: Bernadete vai ao cinema. ; r: Carol
não estuda.
Admitindo que essas três proposições são verdadeiras, qual
das seguintes afirmações é FALSA?
(A) Afrânio não estuda ou Carol não estuda.
(B) Se Afrânio não estuda, então Bernadete vai ao cinema.
(C) Bernadete vai ao cinema e Carol não estuda.
(D) Se Bernadete vai ao cinema, então Afrânio estuda ou
Carol estuda.
(E) Se Carol não estuda, então Afrânio estuda e Bernadete
não vai ao cinema.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


14. (Cetro/2013) Considere a proposição P.
P: “A ou B”
Onde A e B, por sua vez, são as seguintes
proposições:
A: “Suelen é morena”.
B: “Se Cláudia é loira então Noemi é ruiva”.
Ora, sabe-se que a afirmação P é falsa, logo,
(A) Suelen não é morena, Cláudia não é loira e Noemi não é
ruiva.
(B) Suelen não é morena, Cláudia é loira e Noemi não é ruiva.
(C) Suelen é morena, Cláudia é loira e Noemi não é ruiva.
(D) Suelen não é morena, Cláudia é loira e Noemi é ruiva.
(E) Suelen é morena, Cláudia não é loira e Noemi é ruiva.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


15. (FGV/2012) Um contra-exemplo para uma
determinada afirmativa é um exemplo que a contradiz,
isto é, um exemplo que torna a afirmativa falsa. No
caso de afirmativas do tipo “SE antecedente ENTÃO
consequente”, um contra-exemplo torna o
antecedente verdadeiro e o consequente falso. Um
contra‐exemplo para a afirmativa “SE x é múltiplo de 7
ENTÃO x é um número ímpar” é:
(A) x = 7 (B) x = 8 (C) x = 11
(D) x = 14 (E) x = 21

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Cespe na veia!
01. (Cespe/2013) Ao comentar a respeito da
instabilidade cambial de determinado país, um
jornalista fez a seguinte colocação: “Ou cai o
ministro da Fazenda, ou cai o dólar”. Acerca desse
comentário, que constitui uma disjunção exclusiva,
julgue o item seguinte.
Caso o ministro da Fazenda permaneça no cargo e a
cotação do dólar mantenha sua trajetória de alta, a
proposição do jornalista será verdadeira.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


02. (Cespe/2013) Julgue os itens subsequentes,
relacionados a lógica proposicional.
A sentença “A presença de um órgão mediador e
regulador das relações entre empregados e patrões é
necessária em uma sociedade que busca a justiça
social” é uma proposição simples.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


A sentença “O crescimento do mercado informal,
com empregados sem carteira assinada, é uma
consequência do número excessivo de impostos
incidentes sobre a folha de pagamentos” pode ser
corretamente representada, como uma proposição
composta, na forma P → Q, em que P e Q sejam
proposições simples convenientemente escolhidas.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


A sentença “Quem é o maior defensor de um Estado
não intervencionista, que permite que as leis de
mercado sejam as únicas leis reguladoras da economia
na sociedade: o presidente do Banco Central ou o
ministro da Fazenda?” é uma proposição composta que
pode ser corretamente representada na forma (P v Q) ^
R, em que P, Q e R são proposições simples
convenientemente escolhidas.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


03. (Cespe/2013) Considere que sejam verdadeiras as
proposições “Pedro Henrique não foi eliminado na
investigação social” e “Pedro Henrique será nomeado
para o cargo”. Nesse caso, será também verdadeira a
proposição “Se Pedro Henrique foi eliminado na
investigação social, então ele não será nomeado para o
cargo”.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (Cespe/2013) Com relação às proposições lógicas, julgue
os próximos itens.
A frase “O ser humano precisa se sentir apreciado,
valorizado para crescer com saúde física, emocional e
psíquica” é uma proposição lógica simples.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (Cespe/2013) Com relação às proposições lógicas, julgue
os próximos itens.
A proposição “A escola não prepara com eficácia o jovem
para a vida, pois o ensino profissionalizante não faz parte
do currículo da grande maioria dos centros de ensino”
estaria corretamente representada por P → Q, em que P e
Q fossem proposições lógicas convenientemente
escolhidas.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (Cespe/2013) Com relação às proposições lógicas, julgue
os próximos itens.
A expressão “Como não se indignar, assistindo todos os
dias a atos de violência fortuitos estampados em todos os
meios de comunicação do Brasil e do mundo?” é uma
proposição lógica que pode ser representada por P → Q,
em que P e Q são proposições lógicas convenientemente
escolhidas.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


05. (Cespe/2013) Com relação às proposições
lógicas, julgue os próximos itens.
A expressão “Viva Mandela, viva Mandela! gritava a
multidão entusiasmada” estará corretamente
representada na forma P v Q, em que P e Q sejam
proposições lógicas adequadamente escolhidas.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


05. (Cespe/2013) Com relação às proposições
lógicas, julgue os próximos itens.
A frase “A religião produz um cerceamento da
liberdade individual e a falta de religião torna a
sociedade consumista e degradada” estará
representada, de maneira logicamente correta, na
forma P ^ Q, em que P e Q sejam proposições
convenientemente escolhidas.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


05. (Cespe/2013) Com relação às proposições
lógicas, julgue os próximos itens.
A frase “O perdão e a generosidade são provas de
um coração amoroso” estará corretamente
representada na forma P ^ Q, em que P e Q sejam
proposições lógicas convenientemente escolhidas.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


05. (Cespe/2013) Com relação às proposições
lógicas, julgue os próximos itens.
A frase “Todo ato de violência tem como
consequência outro ato de violência” estará
simbolicamente representada, de maneira correta,
na forma P → Q, em que P e Q sejam proposições
lógicas convenientemente escolhidas.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Equivalência de Proposições
Proposições são equivalentes quando os valores de
suas tabelas-verdade forem iguais. Veremos
primeiro algumas equivalências básicas (alguns
autores chamam de Propriedades)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Propriedades

Curso Completo de Raciocínio Lógico


01. (Esaf/2013) A proposição composta p
→ p Λ q é equivalente à proposição:
(A) p v q
(B) p Λ q
(C) p
(D) ~ p v q
(E) q

Curso Completo de Raciocínio Lógico


02. (Cesgranrio/2012) Dadas duas proposições
lógicas, p e q, tem-se que a expressão (~p v q) ^ (~q
v p) é logicamente equivalente à expressão
(A) p ↔ q
(B) p → q
(C) (~p) → (~q)
(D) (p ^ q) ^ ~(p ^ q)
(E) (p ^ q) ^ (~p ^ ~q)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


03. (Cespe/2013) A Proposição ¬[(P → Q) v Q]
é equivalente à proposição P ^ (¬Q), em que
¬P é a negação de P.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (FCC/2013) Se todas as bananas têm asas, então o
ouro não é um fruto seco. Se o ouro não é um fruto
seco, então todas as bananas têm asas. Logo,
(A) todas as bananas não têm asas se e somente se o
ouro não for um fruto seco.
(B) todas as bananas têm asas se e somente se o ouro
for um fruto seco.
(C) todas as bananas não têm asas se o ouro é um fruto
seco.
(D) todas as bananas têm asas se e somente se o ouro
não for um fruto seco.
(E) algum ouro não é um fruto seco se e somente se
todas as bananas tiverem asas.
Curso Completo de Raciocínio Lógico
Equivalência da Condicional

Curso Completo de Raciocínio Lógico


05. (Cesgranrio/2010) Qual, dentre as proposições
abaixo, é uma proposição logicamente equivalente
a ~p → ~q ?
(A) p → q
(B) p → ~q
(C) q → ~p
(D) q → p
(E) ~q → ~p

Curso Completo de Raciocínio Lógico


06. (Funcab/2013) Marque a alternativa que contém
uma sentença logicamente equivalente a “Se Paulo
é estudante, então João é professor”.
(A) Paulo é estudante ou João é professor.
(B) Se João não é professor, então Paulo não é
estudante.
(C) Paulo é estudante ou João não é professor.
(D) Se João é professor, então Paulo é estudante.
(E) Se Paulo não é estudante, então João não é
professor.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


07. (Ceperj/2012) Considere a seguinte afirmação a
respeito de dois jovens X e Y;
“Se X vai à festa, então Y não vai.”
Esta afirmação é equivalente a:
(A) X vai à festa e Y não vai.
(B) X não vai à festa ou Y vai.
(C) Se X não vai à festa, então Y vai.
(D) Se Y vai à festa, então X não vai.
(E) Se Y não vai à festa, então X vai.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


08. (Cespe/2013) Um delegado, ao interrogar os servidores
A, B, C, D e E — em que A e D são homens e B, C e E são
mulheres —, suspeitos de fraudar um processo licitatório,
ouviu as seguintes declarações:
— se B é culpada, então C é inocente, disse D.
Com base nessa situação hipotética e sabendo que
somente um dos servidores participou da fraude, julgue os
itens seguintes.
A afirmação de D é equivalente a “Se C é culpada, então B é
inocente”.
(Verdadeiro) (Falso)
A afirmação de D é equivalente a “B ou C é inocente”.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


09. (FGV/2013) Manoel e Francisco trabalham juntos
em uma empresa. Toda semana, há uma reunião
social de confraternização entre os funcionários da
empresa à qual nem sempre um dos dois
comparece. Entretanto, é sempre verdade que:
“Se Manoel comparece à reunião então Francisco
não comparece.”
Esta afirmação é equivalente a

Curso Completo de Raciocínio Lógico


(A) Se Francisco comparece à reunião então Manoel
não comparece.
(B) Manoel não comparece à reunião ou Francisco
comparece.
(C) Se Manoel não comparece à reunião então
Francisco comparece.
(D) Manoel comparece à reunião e Francisco não
comparece.
(E) Se Francisco não comparece à reunião então
Manoel comparece.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


10. (FCC/2013) Se Heráclito está convicto de que o
mundo está em permanente mudança, então ele é
triste. Portanto, se
(A) Heráclito é triste, o mundo está em permanente
mudança.
(B) Heráclito não está convicto de que o mundo está
em permanente mudança, então ele é triste.
(C) Heráclito está convicto de que o mundo está em
permanente mudança, então ele não é triste.
(D) Heráclito não é triste, então ele não está convicto
de que o mundo está em permanente mudança.
(E) Heráclito é triste, então ele não está convicto de
que o mundo está em permanente mudança.
Curso Completo de Raciocínio Lógico
11. (Esaf/2013) A proposição “Paulo é médico ou Ana
não trabalha” é logicamente equivalente a:
(A) Se Ana trabalha, então Paulo é médico.
(B) Se Ana trabalha, então Paulo não é médico.
(C) Paulo é médico ou Ana trabalha.
(D) Ana trabalha e Paulo não é médico.
(E) Se Paulo é médico, então Ana trabalha.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


12. (Cesgranrio/2013) Certo dia, João afirmou:
Se eu tivesse ido ao banco ontem, eu não precisaria ir ao
banco amanhã.
No dia seguinte, não tendo ido ao banco ainda, João diria
algo logicamente equivalente ao que dissera no dia
anterior, se tivesse dito:
(A) Como não fui ao banco hoje, fui ao banco anteontem.
(B) Como não fui ao banco ontem, irei ao banco hoje.
(C) Como não fui ao banco hoje, fui ao banco ontem.
(D) Como preciso ir ao banco hoje, não fui ao banco
anteontem.
(E) Como preciso ir ao banco hoje, eu fui ao banco ontem.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


13. (Cespe/2013) Acerca da proposição R: “A
população aprende a votar ou haverá novos atos de
corrupção”, julgue o item seguinte.
A proposição “Enquanto a população não aprender
a votar, haverá novos casos de corrupção” tem o
mesmo valor lógico da proposição R.
(Verdadeiro) (Falso)
(Cespe/2013) A proposição [(¬P) v Q] → (R ^ S) é
logicamente equivalente a [P → Q] → [R ^ S]
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Negação de Proposições

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Negação de Proposições

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Curso Completo de Raciocínio Lógico
a) ~(~A ^ ~B) = _______________________

b) A v ~B = __________________________

c) ~(A -> ~B) = _______________________

d) (~A ^ B) = ________________________

Curso Completo de Raciocínio Lógico


01. (Ceperj/2012) Considere a afirmação: “Isabel não
almoçou e foi ao dentista”. A negação dessa
afirmação é:
(A) Isabel almoçou e não foi ao dentista
(B) Isabel almoçou ou não foi ao dentista
(C) Isabel não almoçou e não foi ao dentista
(D) Isabel não almoçou ou não foi ao dentista
(E) Isabel foi ao dentista ou não almoçou

Curso Completo de Raciocínio Lógico


02. (IBFC/2013) Seja a proposição p: Maria é
estagiária e a proposição q: Marcos é estudante. A
negação da frase “ Maria é estagiária ou Marcos é
estudante” é equivalente a:
(A) Maria não é estagiária ou Marcos não é
estudante.
(B) Se Maria não é estagiária, então Marcos não é
estudante.
(C) Maria não é estagiária, se e somente se, Marcos
não é estudante.
(D) Maria não é estagiária e Marcos não é
estudante.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


03. (Biorio/2013) Se não é verdade que “Amanhã
Maria vai à praia e ao teatro” então amanhã:
(A) Maria não vai à praia nem ao teatro
(B) Maria vai à praia ou ao teatro
(C) Maria não vai à praia ou vai ao teatro
(D) Maria vai à praia ou não vai ao teatro
(E) Maria não vai à praia ou não vai ao teatro

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (Funcab/2013) A negação de “Arthur ou Paulo
são agentes administrativos e Mauro mora em
Brasília” é:
(A) Arthur e Paulo não são agentes administrativos
e Mauro mora em Brasília.
(B) Arthur e Paulo não são agentes administrativos
ou Mauro mora em Brasília.
(C) Arthur e Paulo não são agentes administrativos
ou Mauro não mora em Brasília.
(D) Arthur ou Paulo não são agentes
administrativos e Mauro não mora em Brasília
(E) Arthur ou Paulo não são agentes administrativos
ou Mauro não mora em Brasília.
Curso Completo de Raciocínio Lógico
05. (Universa/2013) A afirmativa “Se a rosa é
amarela, então o cravo é vermelho” é falsa, apenas
quando a rosa
(A) não é amarela e o cravo não é vermelho.
(B) não é amarela e o cravo é vermelho.
(C) não é amarela e o cravo é branco.
(D) é amarela e o cravo é vermelho.
(E) é amarela e o cravo não é vermelho.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


06. (Funcab/2013) A negação da afirmação
condicional “Se estiver fazendo sol no feriado, eu
vou ao clube” é:
(A) Está fazendo sol no feriado e eu não vou ao
clube.
(B) Se não estiver fazendo sol no feriado, eu vou ao
clube
(C) Se estiver fazendo sol no feriado, eu não vou ao
clube.
(D) Não está fazendo sol no feriado e eu vou ao
clube.
(E) Não está fazendo sol no feriado e eu não vou ao
clube
Curso Completo de Raciocínio Lógico
07. (FCC/2013) Uma das regras elaboradas pela
associação dos bancos de um país define que:
Se o vencimento de uma conta não cair em um dia
útil, então ele deverá automaticamente ser
transferido para o próximo dia útil.
Para que esta regra não tenha sido cumprida, basta
que

Curso Completo de Raciocínio Lógico


(A) uma conta cujo vencimento caía num dia útil tenha tido
seu vencimento antecipado para o dia útil imediatamente
anterior.
(B) uma conta cujo vencimento caía num dia útil tenha tido
seu vencimento transferido para o próximo dia útil.
(C) uma conta cujo vencimento caía num dia útil não tenha
tido seu vencimento transferido para o próximo dia útil.
(D) uma conta cujo vencimento não caía num dia útil tenha
tido seu vencimento transferido para o próximo dia útil.
(E) uma conta cujo vencimento não caía num dia útil não
tenha tido seu vencimento transferido para o próximo dia
útil.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


08. (Comvest/2013) A negação de “João ou Maria
vão à escola e Ana vai passear” é:
(A) João e Maria não vão à escola ou Ana não vai
passear.
(B) João e Maria não vão à escola ou Ana vai
passear.
(C) João ou Maria vão à escola ou Ana não vai
passear.
(D) João ou Maria não vão à escola e Ana não vai
passear.
(E) João e Maria não vão à escola e Ana vai passear.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


09. (FGV/2013) Considere a sentença:
“Gosto de jiló e não gosto de quiabo”.
Uma sentença logicamente equivalente à negação
da sentença dada é
(A) Não gosto de jiló e gosto de quiabo.
(B) Não gosto de jiló e não gosto de quiabo.
(C) Se gosto de jiló então gosto de quiabo.
(D) Se não gosto de jiló então gosto de quiabo.
(E) Se não gosto de quiabo então gosto de jiló.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


10. (Cespe/2012) A negação da proposição “Há
transformação na linha pedagógica e no processo
de ensino” pode ser corretamente expressa por
“Não há transformação na linha pedagógica ou no
processo de ensino”.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


11. (Cespe/2013) Assinale a opção equivalente à
negação da proposição “Comi feijoada com couve,
mas não bebi vinho”.
(A) Não comi nem feijoada nem couve.
(B) Comi feijoada, mas não bebi vinho.
(C) Não comi nem feijoada nem couve, mas bebi
vinho.
(D) Não comi feijoada ou não comi couve ou bebi
vinho.
(E) Comi couve e bebi vinho.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


12. (Esaf/2013) A negação da proposição “se Curitiba é a
capital do Brasil, então Santos é a capital do Paraná” é
logicamente equivalente à proposição:
(A) Curitiba não é a capital do Brasil e Santos não é a
capital do Paraná.
(B) Curitiba não é a capital do Brasil ou Santos não é a
capital do Paraná.
(C) Curitiba é a capital do Brasil e Santos não é a capital
do Paraná.
(D) Se Curitiba não é a capital do Brasil, então Santos
não é a capital do Paraná.
(E) Curitiba é a capital do Brasil ou Santos não é a
capital do Paraná.
Curso Completo de Raciocínio Lógico
13. (FGV/2013) Considere a sentença
“Se como doces, então engordo ou tenho azia.”
A negação lógica dessa sentença é
(A) se não como doces, então não engordo nem
tenho azia.
(B) se como doces, então não engordo nem tenho
azia.
(C) como doces e não engordo nem tenho azia.
(D) não como doces e engordo ou tenho azia.
(E) se não como doces, então engordo ou tenho
azia.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Fiquem atentos!
01. (FGV/2013) Uma sentença logicamente equivalente a
“Se faz sol e eu acordo cedo, então eu vou à praia” é:
(A) se não faz sol ou eu não acordo cedo então não vou
à praia.
(B) se eu vou à praia então faz sol e eu acordo cedo.
(C) se não faz sol e eu não acordo cedo então não vou à
praia.
(D) não faz sol ou eu não acordo cedo ou eu vou à
praia.
(E) faz sol e eu acordo cedo, ou eu vou à praia.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


02. (Vunesp/2013) Uma afirmação equivalente à
afirmação condicional: – Se escorrego na lama, então
estou de olhos fechados ou estou desatento – é:
(A) Se não estou desatento e não estou de olhos
fechados, então não escorrego na lama.
(B) Se não escorrego na lama, então estou de olhos
abertos e estou desatento.
(C) Se não escorrego na lama, então estou de olhos
fechados e estou atento.
(D) Se estou de olhos fechados e estou desatento,
então escorrego na lama.
(E) Se estou de olhos fechados e estou desatento,
então não escorrego na lama.
Curso Completo de Raciocínio Lógico
03. (Esaf/2012) Seja D um conjunto de pontos da
reta. Sejam K, F e L categorias possíveis para
classificar D. Uma expressão que equivale
logicamente à afirmação “D é K se e somente se D é
F e D é L” é:
(A) Se D é F ou D é L, então D é K e, se D não é K, então D
não é F e D não é L.
(B) Se D é F e D é L, então D é K e, se D não é K, então D não
é F ou D não é L.
(C) D não é F e D não é L se e somente se D não é K.
(D) Se D é K, então D é F e D é L e, se D não é K, então D
não é F ou D não é L.
(E) D é K se e somente se D é F ou D é L.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (Cespe/2013) Ao comentar a respeito da
instabilidade cambial de determinado país, um
jornalista fez a seguinte colocação: “Ou cai o ministro
da Fazenda, ou cai o dólar”. Acerca desse comentário,
que constitui uma disjunção exclusiva, julgue o item
seguinte.
A negação da colocação do jornalista é equivalente a
“Cai o ministro da Fazenda se, e somente se, cai o
dólar”.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (Cespe/2013) Ao comentar a respeito da
instabilidade cambial de determinado país, um
jornalista fez a seguinte colocação: “Ou cai o ministro
da Fazenda, ou cai o dólar”. Acerca desse comentário,
que constitui uma disjunção exclusiva, julgue o item
seguinte.
A negação da proposição “Ou o cliente aceita as regras
ditadas pelo banco, ou o cliente não obtém o dinheiro”
é logicamente equivalente a “O cliente aceita as regras
ditadas pelo banco se, e somente se, o cliente não
obtém o dinheiro”.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


05. (Vunesp/2013) Uma negação lógica para a
proposição a Terra é redonda se e somente se o céu
não é azul ,pode ser dada por:
(A) o céu é azul e a Terra é redonda, ou a Terra é
redonda e o céu não é azul.
(B) a Terra é redonda e o céu não é azul
(C) o céu não é azul e a Terra não é redonda, ou a
Terra é redonda e o céu é azul
(D) a Terra não é redonda ou o céu não é azul.
(E) O céu não é azul e a Terra não é redonda.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Condição Suficiente
Condição Necessária

Curso Completo de Raciocínio Lógico


01. (FMP-RS/2013) Se João viajou, então ele conhece
outras cidades. Assim sendo
(A) João conhece outras cidades somente se viajou.
(B) se João não viajou, então ele não conhece
outras cidades.
(C) a viagem de João é condição suficiente para que
ele tenha conhecido outras cidades.
(D) mesmo que João tenha viajado, ele não
conheceu outras cidades.
(E) João ter viajado é condição necessária para que
ele tenha conhecido outras cidades.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


02. (MS Concursos/2013) Se um número é par, então
é um número real. Assim sendo:
(A) O número só é real se for par.
(B) Se o número é real, então ele é par.
(C) Se o número não é par, então não é real.
(D) O fato de o número ser par é condição
suficiente para ser real.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


03. (Esaf/2009) Considere que: "se o dia está bonito,
então não chove". Desse modo:
(A) não chover é condição necessária para o dia estar
bonito.
(B) não chover é condição suficiente para o dia estar
bonito.
(C) chover é condição necessária para o dia estar
bonito.
(D) o dia estar bonito é condição necessária e suficiente
para chover.
(E) chover é condição necessária para o dia não estar
bonito.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (FGV/2009) Com relação à naturalidade dos
cidadãos brasileiros, assinale a alternativa
logicamente correta:
(A) Ser brasileiro é condição necessária e suficiente
para ser paulista.
(B) Ser brasileiro é condição suficiente, mas não
necessária para ser paranaense.
(C) Ser carioca é condição necessária e suficiente
para ser brasileiro.
(D) Ser baiano é condição suficiente, mas não
necessária para ser brasileiro.
(E) Ser maranhense é condição necessária, mas não
suficiente para ser brasileiro.
Curso Completo de Raciocínio Lógico
Subindo o nível...

Curso Completo de Raciocínio Lógico


05. (Esaf/2005) Se Marcos não estuda, João não
passeia. Logo:
(A) Marcos estudar é condição necessária para João
não passear.
(B) Marcos estudar é condição suficiente para João
passe-ar.
(C) Marcos não estudar é condição necessária para
João não passear.
(D) Marcos não estudar é condição suficiente para
João passear.
(E) Marcos estudar é condição necessária para João
passear.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


Tautologia, Contradição e Contingência

Tautologia => Quando todos os valores lógicos de


uma tabela-verdade têm como resultado
VERDADEIRO
Contradição => Quando todos os valores lógicos de
uma tabela-verdade têm como resultado FALSO
Contingência => Quando não for tautologia, nem
contradição

Curso Completo de Raciocínio Lógico


01. (Cespe/2013) Considerando que, P, Q e R sejam
proposições conhecidas, julgue o próximo item.
A proposição [(P ^ Q) → R] v R é uma tautologia, ou
seja, ela é sempre verdadeira, independentemente
dos valores lógicos de P, Q e R.
(Verdadeiro) (Falso)

Curso Completo de Raciocínio Lógico


02. (Cesgranrio/2010) Abaixo são apresentadas 3
proposições compostas.
I. p ^ ~p
II. p v ~p
III. p → p
É(São) tautologia(s) APENAS
(A) I.
(B) II.
(C) I e II.
(D) I e III.
(E) II e III.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


03. (FDHR/2008) A proposição “Carlito vai ao parque de
diversões, ou não é verdade que Carlito vai ao parque
de diversões, e Florinda não vai ao cinema” é
(A) uma contradição.
(B) uma tautologia.
(C) uma contingência.
(D) um paradoxo.
(E) um silogismo.

Curso Completo de Raciocínio Lógico


04. (MS Concursos/2011) Considere p, q e r três
proposições. Considere ainda os conectivos lógicos
“ ^ ” ,“ v ” “ ->” e “<->” que representam,
respectivamente, “e” , “ou” , “condicional” e
“bicondicional” . Sejam “ ~p” e “ ~q” as negações
de p e q, respectivamente. Qual das proposições
seguintes NÃO é uma tautologia?
(A) (p ^ q) v (~p ^ ~q)
(B) (p ^ q) <-> (q ^ p)
(C) (p v q) <-> (q v p)
(D) p ^ (q v r) <-> (p ^ q) v (p ^ r)

Curso Completo de Raciocínio Lógico