Você está na página 1de 3

A acústica é um ramo da Física que se dedica ao estudo do som d da sua

propagação.

O som é produzido pela vibração dos corpos.


A sua propagação ocorre quando a
vibração é transmitida através de um meio
material.
Para que seja detetado, é necessário que
encontre um recetor sonoro.

Assim, para que um som seja ouvido, são


necessários os seguintes elementos:
uma fonte sonora;
um meio de propagação (sólido,
líquido ou gasoso);
um recetor.

Exemplos de fontes sonoras:


As cordas vocais: a voz humana resulta da vibração das cordas vocais quando o
ar, proveniente dos pulmões, passa por elas.

Os instrumentos musicais podem ser classificados de acordo com o modo como


produzem som.

Instrumentos de corda, nos quais o som é produzido pela vibração das suas
cordas. Exemplos: piano, guitarra.

Instrumentos de sopro, nos quais o som tem origem na vibração da coluna de ar


interna. Exemplos: flauta, saxofone.

Instrumentos de percussão, nos quais o som resulta da vibração da superfície


flexível percutida. Exemplos: bateria, xilofone.

O som resulta da vibração de uma fonte sonora.


Uma vibração é um movimento repetitivo em torno de uma posição de equilíbrio.

Ao número de vibrações produzidas por uma fonte sonora, por unidade de tempo
(segundo), dá-se o nome de frequência.
A frequência representa-se por f e exprime-se em Hz (hertz) ou s-1.

Exercício
Uma corda de guitarra produz 18000 vibrações durante um minuto.
Qual a frequência do som produzido?

18 000 vibrações –– 60 segundos


x vibrações –– 1 segundo x = 18 000 : 60 = 300 vibrações

Resposta: A frequência do som produzido será igual à frequência da fonte sonora, ou


seja, 300 Hz.
Agora pratica…
Uma corda da guitarra A produz 9000 vibrações durante 30 s. Uma outra corda do
mesmo material, da guitarra B, produz 8000 vibrações em 20 s. Seleciona a opção
correta.

Os sons produzidos pelas cordas das duas guitarras têm igual


frequência.

O som produzido pela corda da guitarra A tem uma maior frequência


do que a da guitarra B.

Os sons produzidos pelas cordas das duas guitarras são iguais.

O som produzido pela corda da guitarra B tem uma maior frequência


do que a da guitarra A.

O som, quando é produzido, propaga-se pelo meio envolvente. As vibrações


originadas pela fonte sonora, passam de partícula em partícula, transmitindo o som
com a mesma frequência da fonte. Mas as partículas, não se deslocam
significativamente. Apenas oscilam em torno da sua posição média. Portanto, não há
transporte de matéria na propagação do som, apenas existe transferência de energia
entre as partículas.
No ar, as vibrações ao se propagarem provocam compressões e rarefações
sucessivas das partículas do meio. As zonas de compressão, onde a pressão é maior,
sucedem-se as zonas de rarefação, onde a pressão é menor. Verifica-se assim, que
para que a propagação do som ocorra é necessária a existência de um meio material,
sólido, líquido ou gasoso. Retirando o ar que envolve a fonte sonora, conclui-se que o
som não se propaga no vácuo.

A velocidade de propagação do som corresponde à rapidez com que as vibrações se


propagam ao longo de um dado meio material.

v – velocidade (m/s)
d –distância percorrida pelo som (m)
Δt – intervalo de tempo durante o qual o som se propaga (s)

Pela análise da tabela, podemos concluir que, em regra:


vsólidos > vlíquidos > vgases

Velocidade de propagação do
Meio material
som (m/s)
Ar (0 ºC) 330
Ar (20 ºC) 340
Água (20 ºC) 1480
Água (25 ºC) 1498
Cobre (20 ºC) 3750
Alumínio (20 ºC) 5100
A velocidade do som depende das características do meio em que se propaga.