Você está na página 1de 189

Contenido

PIADAS DE BÊBADO
PIADAS DE CASAL
PIADAS DE MEDICOS
PIADAS DE POLITICOS
PIADAS DE INFIDELIDADE
PIADAS DE AMIGOS
PIADAS DE VELHOS
122- Um casal de mayorcitos
PIADAS DE PROFESSORES
PIADAS INTERNACIONALES
PIADAS DE POLICIA
PIADA DE SOLDADOS
PIADAS DE MENINOS
PIADAS DE ANIMAIS
PIADAS DE DESPORTES
PIADAS DE RESTAURANT E BAR
PIADAS DE FEMINISTA
PIADAS DE MUSICOS
PIADAS DE MACHISTAS
PIADAS DE RELIGIOSOS
PIADAS NEGROS
PIADAS DE SUEGRAS
PIADAS DE ADVOGADOS
PIADAS DE COMIDA
PIADAS DE CAMPONÊS
PIADA DE DENTISTAS
PIADAS DE CARROÇA
PIADAS DE MARINHOS
PIADAS FUNERALES
PIADAS DE PRESOS
PIADA DE EXAGERAÇÃO

PIADAS DE BÊBADO
1-Papai:
Papai, papai, papai¿como se sabe se alguém está bêbado?
-Olha menino, ¿olha a esses 2 homens que vêm aí?, se eu estivesse bêbado veria 4.
-Mas papai, se só vem 1.

2- Não somos nada:


Entra um bêbado ao velorio de um senhor, se dirige ao ataúde, observa ao difunto e começa a chorar
com muito sentimento e a dizer:
- Não somos nada, hip, não somos nada.
E assim seguiu chorando e dizendo esta frase, quando se lhe acercou uma das pessoas que também se
encontrava no velorio e lhe perguntou:
- ¿Tanto queria a seu amigo, senhor, que lhe dói muito sua morte? ¿De onde o conhecia?
O borrachito se volta e lhecontesta muito enojado:
- ¿Mas não está a ouvir que "não somos nada"?,nem família, nem amigos, nem vizinhos, nem
conhecidos.

3-Três bêbados num bordel


Esta era uma vez três bêbados que estavam a tomar desde temporãs horas da noite, depois se vão a
um bordel a procurar prostitutas, e chamam à senhora:
-¡Senhora!,traigame três mujerzuelas para nós.
A senhora responde:
- Bom, pelas altas horas à que estão a chegar, só posso lhes oferecer duas, e uma mulher de plástico.
-Os tipos pensam, e há um deles que está sumamente ébrio, então decidemdar a mulher de plástico a
ele.
Aos dias se encontram os três amigos sobrios e começam a se contar as travesías dessa noite. Diz o
primeiro:
- Raios!,a mim me toco uma leoa, essa mulher loira excelente, não pôde ter sido melhor!.
Replica o segundo:
- Não pôde ter sido muito melhor que a minha, porque a minha era loira e ademais era uma batidora.
E o terceiro diz:
- A mim me mandaram a uma bruxa.
- Bom, e ¿Por que? perguntam os outros.
-Porque quando lhe mordi um seio, saiu voando pela janela.

4- conclusão embriagado.
Chega um bêbado que não entende ao médico, este lhe trata de demonstrar ao bêbado, que tomar licor
é mau, e lho demonstra com uma lombriz; primeiro mete a num copo com água e saca a e não passa
nada; depois mete-a a um copo com vinho e a lombriz morre em poucos segundos. Lhe diz a seu
paciente:
- ¿Já vez o que lhes passa aos que tomam muito?
Ao que o bêbado responde:
- Se doutor, nunca teremos lombrices.
Não dizia você que não tinha bebido, mas ¡¡¡ se não pode nem andar !!! -Grita o guarda.
O bêbado lhe contesta: Por que te achas que vou de carro.

5- bêbado fora de casa


Tinha uma vez um bêbado que chega a sua casa às três da madrugada e toca o timbre.
- ¡Abram me a porta! ¡Abram me a porta!
E não lhe abriram a porta. Então foi ao negócio do canto e pediu prestado um telefone, e diz:
- Boas noites, ¿está José Luis?
E lhe respondem:
- Não, ele não está.
E diz:
- ¡Como diabos querem que esteja se não me querem abrir a porta!

6- O pato fala:
Dois amigos tomando umas cervejas no bar e diz um:
- Em minha casa tenho um pato que fala
E lhe diz o outro
- Teu estas bêbado... ¿como vais ter um pato que fala?
- Vem a minha casa e to ensino
Se vão e chegam à casa. Entram e sai o pato
- Olha já lados, pato! Vê e traeme as sapatilhas
O pato responde:
-Cuakcuak
E homen responde:
-¿Pois cuales vão ser? ¡as que estão embaixo da cama!

7-Consequência do grau de alcoholismo


Saindo de um bar uma mulher com um grau de álcool nas veias,
Indescritível andando a pé chega a seu automóvel, um formoso descapotable.
Ao tratar de abrir a porta e não poder (daembriaguez que tinha) se cai sentada de nalgas na rua.
Ao cair ao andar olha para abaixo, e como não levavacuecas, vê seu órgão sexual e diz:
- Por ti tenho este auto! Por ti tenho estas jóias! Por ti tenho dinheiro! Por ti tenho viagens! Por
titenho a qualquer homem!
Em isso, em consequência do grau de alcoholismo que tinha....se faz pipi.
Assustada, volta a olhar para abaixo e diz:
- ¿POR QUE CHORAS ESTUPIDA? SE NÃO TE ESTOU RETANDO.

8-Luz automatica
O marido, totalmente bêbado, lhe diz a sua mulher ao deitar-se:
- Suceme deu algo incrível. Tenho ido ao banho e ao abrir a porta acendeu-se a luz automaticamente.
- ¡A mãe que te parió!,já te voltaste a mear na geladeira.

9- O táxi breve:
Três bêbados saem de um bar e pedem um táxi.
O taxista viu que estavam muito mau, de modo que quando entram no carro e ao momento de acender
o motor, o apaga e diz: “¡¡CHEGAMOS!!”.
O primeiro bêbado paga-lhe, o segundo lhe agradece e o terceiro dálhe uma bofetada...
O taxista, surpreso, pensando que o terceiro se deu conta do engano, lhe pergunta: ¿por que me
colou?
O bêbado lhe diz: “¡¡Para que não corras tanto, louco, que quase nos matamos!!”.

10-Bêbado a bordo
Um bêbado sobe a um coletivo e começa a gritar:
- ¡Estes filhos de puta que vão cá atrás são maricones! ¡Os desgraçados que estão a meu lado são uns
cabrones! ¡Os estupidos de adiante são todos uns come merdas!
O condutor, indignado, freia bruscamente e as pessoas se desequilibran... umas caem, outras se colam
contra a janela, os que vão parados chocam uns com outros.
O condutor para o coletivo, agarra o bêbado pelo pescoço da camisa e amenazante lhe pergunta:
- Repete a ver, desgraçado¿Quem é gay, cabrón, come merda ou filho de puta?
E contesta o bêbado tranquilamente:
- E agora a verdade que não sei... com essa freada misturaste mos a todos.

11-Esposa bêbada
Uma senhora, harta de que seu marido sempre chegava muito bêbado a lhe querer fazer o amor, se foi
à cantina, se toma de um tirón média garrafa de tequila, espera a se sentir bem bêbada, chega a sua
casa, sabendo que seu marido estava já dormido; se mete ao banho, agarra um desodorante de bolita
destapado e vai se lhe emcima ao homem picando o
o desodorante na cara, no peito, nas pernas, (o homem assustado e defendendose) nas costas, nas
nalgas, até que o marido lhe diz:
- Velha de merda, que te passa? ¿Te voltaste louca?
E a esposa lhe contesta bem bêbada:
- Isto cabrón é para que saibas o que se sente que te queiram apanhar às duas da manhã...e bêbado.
12-Requerente
Um homem vai um buffet de advogados e diz:
- Escutei que a gente tem demandado com sucesso às companhias de fumo por lhes causar cancro e
aos restaurantes de comida rápida pelos ter engordado.
- Assim é -diz um advogado.
- Muito bem. Estou interessado em fazer uma demanda.
- ¿Contra as companhias tabaqueras ou contra as correntes de comida rápida?
- Não. Quero demandar à cerveja Budweiser por toda a gente feia com a que me deitei.

13- Teste de álcool


Um polícia de trânsito detém a um homem que vai conduzindo erráticamente. Lhe disse que se baixe
do auto, e quando o outro obedece lhe ordena que sopre no detector de álcool. O detento responde:
- Não posso o fazer, oficial.
- ¿Por que não?
- Porque sou asmático, e se sopro nesse cano pode-me dar um ataque de asma.
O polícia lhe diz então:
- Bom, só me dê uma mostra de urina que possa analisar na estação.
- Não posso o fazer, oficial.
- ¿Por que não?
- Porque sou diabético, e se orino se pode me baixar o açúcar.
O polícia diz:
- OK, nesse caso lhe tomar ei uma mostra de sangue.
- Não posso fazer isso, oficial.
- ¿Por que não?
- Porque sou hemofílico, e se tomame uma mostra de sangue morrerei desangrado.
O polícia diz por fim:
- Então caminhe direito sobre esta linha branca.
- Não posso o fazer, oficial.
- ¿Por que não????
- Porque estou bêbado...

14-Uma cerveja dantes de que comece


Um homem chega a sua casa, se senta em sua cadeira favorita prende a televisão, e lhe diz a sua
esposa:
- Querida, traeme uma cerveja em seguida, dantes que comece.
A esposa o olha com um poquito de curiosidade, mas compraze-o e traz-lhe uma cerveja, quando de
repente termina a cerveja e lhe diz:
- ¿Me trazes outra cerveja ?apurate, que já deve estar por começar.
A este ponto a doña se põe um pouco enojada mastraslho para comprazê-lo outra vez, e outra vez ele
lha toma e uma vez mais lhe diz:
- Rápido, apurate e traeme outra cerveja, que agora seguro que começa!
Nesse momento se enoja a doña e lhe diz:
- Que filho de puta eh, entras por essa porta, te sintas, nem sequer me dás um beijo, e depois me
tratas como uma escrava, ¿sem pensar como passei no dia, limpando, lavando roupa, e cozinhando
pára vos?
E o tipo olhae diz:
- Ai carajo, já começou!

15-Corbata perdida.
O mesmo bêbado, em outro velório. Chega o momento em que os homens da funeraria fecham o
ataúde para levar ao cemitério. O ébrio fica abraçado ao cajón e não há forma do separar. Até os
próprios familiares se surpreendem.
Alguém se lhe acerca e lhe pergunta:
-Desculpe senhor ¿Tanto quería o ao difunto?
-Mas que o vou querer. Se me ficou a corbata adentro do cajón.

16-Sonâmbulo bêbado
Um bêbado chega às seis da manhã a sua casa. Sua esposa que os está a esperar o recebe
regañándolo:
- ¡Olha como vens feito um asco! ¿Tens visto que hora é? São as seis da manhã.
¡Não tenho dormido nada te esperando!.
O bêbado contesta:
- ¿E teu que cries? ¿Que eu tenho dormido muito ou que?

17- Parapeito
Entra um bêbado na Polícia e pergunta:
-¿Poderia ver ao que roubou ontem em minha casa?
O servidor público encarregado lhe diz :
-¿E para que o quer ver?
O bêbado contesta:
- Para saber como entrou sem acordar a minha mulher.

18-Pai e filho bêbados


Isto são dois que iam súper bêbados num bar a ponto de fechar:
- Ouve, ¿por que não vamos a minha casa para seguir com a festa?.
- Não, melhor à minha, que está cerquita.
- A ver, vejamos qual está mais perto.
Chegam ao canto, detêm-se e dizem:
- Já chegamos, esta é minha casa.
- Não pode ser, também é a minha.
- Chamaremos. Assim saberemos de quem é.
Chamam à porta, sai a dona e diz:
- ¡Muito bonito, pai e filho bêbados!.

19-Uma sorte de bêbado


Chega um bêbado ao médico, o médico lhetrata de demonstrar que tomar licor é mau e lho demonstra
com uma lombriz, primeiro a mete num copo com água e a saca e não passa nada, depois a mete a um
copo com vinho e a lombriz morre em poucos segundos. Depois lhe diz a seu paciente:
- ¿Já vês o que lhe passa aos que bebem muito?
- Sim doutor - contesta o bêbado - É uma sorte ¡Nunca teremos lombrices!
20-Dois bêbados numa moto
Iam dois bêbados numa moto, e um se estava rascando a cabeça com o capacete posto e o outro lhe
diz:
- ¿Por que te estás rascando a cabeça com o capacete posto?
E o outro lhe responde:
- ¡A ver...!, ¿talvez quando te rascas o cu te baixas os pantalones?

PIADAS DE CASAL
21- Mulheres
¿Com quantas mulheres tens estado dantes de que nos conhecêssemos?
- As suficientes, isso não é importante meu amor.
- ¿Quantas, querido?
- É que não quero te desagradar.... Bom, deixa me que conte; uma, dois, três, quatro, cinco, seis, sete,
tu, nove, dez, onze, doze, treze, catorze, quinze...

22- Meu aniversário


- Meu amor, acerca se meu aniversário ¿já sabes o que me vais presentear?
- Se, ¿vês essas graças azul de ali?
- Se! Não mo posso crer!
- Pois uma bici da mesma cor.

23 -A família
Um casal de viagem em carro de repente passam por um descampado cheio de cabras ovelhas
cavalos vacas cães e diz a mulher
- ¡¡Anda cariño!!não sábia que tivesses família por aqui
- Siii meu amor. Por aqui vivem meus suegros e meus cuñados

24-¿Que dia é hoje?


- ¿Que dia é hoje, Pepe?
- Pois não sei. Espera a que lhe pergunte a minha mulher.
- María. ¿Qué é diasou?
- ¡¡Impotente!!
- ¡Não, não, digo de dia!
- ¿De dia? ¡Cornudo!

25-A viúva
Uma viúva sepõe em contacto com seu marido através de uma medium:
- Pepe. meu querido Pepito, ¿estás aí?
- Sim, aqui estou.
- ¿E que tal estás?¿Melhor que aqui na Terra comigo?
- Sim, sim. A verdade é que muito melhor.
- ¡Pepito conta-me, ¿como é o Céu?
- ¿O Céu? ¡Mas se eu estou no Inferno!

26-Marcar território
Uma idosa lhediz a outra:
- Com os anos, meu marido converteu-se numa fera na cama.
- ¿Te faz o amor como um selvagem?
- Não, se mea nas sábanas para marcar seu território.

27- Pepe e seu casal


O casal cenando tranquilamente, e diz a mulher:
- Pepe ¿sabes que o cura que nos casou tem morrido?
E Pepe olha a de reojo e lhe diz:
- O que a faz, a paga.

28-30 anos após casados...


NO MOMENTO MAIS DOCE DE UM CASAL DURADOURO...
Estava o casal de esposos dormindo e a esposa ouve um ruído e diz:
- Velho, levanta-te e assoma tua cara pela janela para que achem que temos cão...
E o velho lhe contesta :
- Melhor assoma te tu velha, para que achem que a casa está embrujada.

29- A loteria
Pergunta o marido à esposa:
- ¿Que farias se me tocasse a loteria?
Esposa:
- Ficaria com a metade, separarme ia de ti e irmeia de casa.
Marido:
- Muito bem. Pois me tocaram 12 euros; toma teus 6 e ¡eh!, a fritar espárragos.

30-Manolo e seu casal


- Manolo, me disseramque te casaste.
- Sim, sim, já vês.
- ¿E que tal isso do casal?
- Pois ao princípio bem, mas assim que sais da igreja...

31-O amor
- Papai... ¿que é o amor?
- É a luz da vida, filho meu.
-¿E o casal?
- É a factura que chega depois
32- Um ginecólogo
Uma senhora no ginecólogo:
- Senhora, está você grávida.
- ¿Outra vez?
- ¿É que seu marido não toma precauções?
- O sim, mas os outros não.

33-A último noivo.


Uma jovem lhe apresentouseu último noivo a seu papai, e este conversou longamente com o garoto.
Quando o garoto se vai da casa lhe diz o pai a sua filha:
- É um excelente rapaz, filha.
Merece uma boa mulher.Te recomendo que te cases com ele dantes de que a encontre...

34-Uns calzoncillos.
O marido se mete na cama e a susurra a ela ao ouvido:
-Cariño, estou sem calzoncillos
E ela lhe responde:
-Imbecil, deixa me dormir, amanhã lavote uns.

35- Cremerejuvenecedora
Uma mulher comprou uns cosméticos muito caros, pois lhedisseram que fá laiam se ver vários anos
mais jovem.
Depois de pôr lhos se dirigiu a seu esposo.
- Amor, decime a verdade... ¿que idade represento?
O marido olha a detenidamente e contesta:
-¡ A julgar por tua pele... 20 anos, por teu cabelo... 18, e por tua figura... 25!
- ¡Ai que terno! - exclamou ela comprazida.
- Esperá um cachito - interrompeu o homem -, que ainda não fiz a soma!

36- Recém casados


Primeira noite de um casal recém casado.
Quando se vão à cama, ela lhe diz ao noivo:
- ¿Sabes que? não to tinha dito, mas eu não se fazer nada de nada.
O noivo lhe responde:
- Ai, meu bebota, não te preocupes linda, vos te desnudás, te recostás na camita, abris as pernas e eu
faço o resto.
Ela diz:
- Não, isso SE se. O que não se é lavar, passar, cozinhar…

37-O casal num restaurante


- Entra um casal num restaurante, e quando se sentam, lhe diz a mulher:
- ¿Te deste conta do bêbado que tinha no balcão?. É meu ex noivo, que não tem parado de beber
desde que nos separamos.
- ¡Não me estranha. ¡Ainda está loá a celebrar!.

38-A barra do bar


Um que vai para um senhor que sem se meter com ninguém bebia sua copa num extremo da barra, lhe
diz em tom amenazante:
- ¿Está você procurando briga?
O outro lhe responde acalmado:
- Desde depois que não, amigo. Se procurasse briga já ter-me-ia ido a minha casa com minha mulher.

39-Os Ramírez
O casal Ramírez está espachurrado no sofá, vendo a televisão, ele, comcamisa de tirantes e uma bata
de cerveja na mão, ela, com bata de boitiné, com os rulos postos.
- Pedro, ¡faz trinta anos que estamos casados e nunca me compraste nada!.
- Mulher, não sabia que vendesses algo...

40- A luz do porche


A mulher a seu marido:
- Amor mio, teproponho uma coisa.
- Teu dirás
- ¿Por que não saímos esta noite e nos divertimos um pouco?
- Me Parece estupendo!!
- Pois se teu chegas primeiro, não esqueças deixar a luz do porche
acendida.

PIADAS DE MEDICOS
41-Manolo e seu medico
Um homem se encontra com um amigo pela rua e lhe diz:
- Manolo ¿que te passa que estás branco?
- Nada Pepe, que venho do médico e me disse que deixe de beber, fumar, fazer o amor...
- E que ¿vais fazer?
- Pois que queres que faça Pepe, mudar de médico.

42- Apendicitis
Os médicos estamos acostumados a que nos chamem por telefone a qualquer hora.
Uma noite meacordou um homem a cuja esposa já tinha atendido dantes.
- Sento molestá-lo tão tardeme disse, mas acho que minha mulher tem apendicitis.
Ainda médio dormido, lhe recordei que eu lhe tinha tirado o apêndice a sua esposa dois anos atrás.
- Ninguém tem um segundo apendice - exclamei.
- Doutor, quiçá você não tenha oido falar de um segundo apêndice -contestou- mas sim de que
podemos ter uma segunda esposa.

43- Loucos
Um Doutor chega a visitar um manicomio e em seu percurso vê que um dos reclusos está a cantar
numa praça, e os demais loucos estão enfrente dele. Ao cabo de uma hora o doutor volta a passar e
vê ao louco que estava a cantar, mas agora o fazia de costas ao público.
O doutor lhe pergunta a um dos reclusos por que o cantor se tinha volteado, ao que este lhe contesta:
- É que esse louco se cria cassette e como terminou o lado "A agora" estamos a escutar o lado "B".

44- Central de urgências


Pela noite soa o telefone na central de urgências do hospital:
- Olá, é urgente, nosso amigo acaba-se de engolir um sacacorchos. Faz favor vingam rápido!!!
Ao cabo de um momento volta a soar o telefone de novo. A mesma voz:
- Doutor, não corra, já passou. Não faz falta que vinga, temos encontrado outro sacacorchos.

45-A parte médico


Uma vez no hospital um senhor esperava que saísse o doutor para saber como estava sua esposa.
Pouco depois, saiu e lhe disseque estava muito grave a senhora, e que lhe ia ter que dar de comer na
boca porque não podia mover as mãos, têla ia que levar ao banho, têla ia que mudar de roupa, a
banhar, etc.
O maridosepôs a chorar
O marido sepôs a chorar e o doutor agregou:
- ¡Estava jodiendo homem! já se morreu!
46-A Bañadera
É aconselhável que, de tanto em tanto, consideremos como estamos, e esta mensagem seguramente te
ajudar á a começar...
Durante uma visita a um instituto psiquiátrico, uma visita lheperguntou ao Diretor que critério se
usava para definir se um paciente deveria ou não ser internado.
- Bom, disse o Diretor,enchemos uma bañera, depois oferecemos uma cucharita, uma xícara e um
balde ao paciente e-lhe pedimos que esvazie a bañadera.
- Ah, entendo –(disse a visita) . Uma pessoa normal usaria o balde porque é maior que a cucharita e a
xícara.
- Não –(disse o Diretor)- Uma pessoa normal sacaria a tampa... ¿Quer uma habitação com ou sem
vista?
47-Médicos caçando patos
Vão quatro médicos a caçar patos.
O primeiro médico, um psiquiatra, vai adiante.
Dentre os matorrales sai voando um pato. O psiquiatra aponta e diz:
- Tem aspecto de pato, mas... teria que ver como sobrelleva o pato o ónus de ser pato e se na verdade
é seu desejo ser pato.
Porque caso contrário, apesar de ter aspecto de pato, não devesse ser conceituado pato.
A esta altura o pato já estava bem longe para lhe disparar.
- Melhor dejáme a mimdiz outro dos médicos, um clínico.
E seguem caminhando quando novamente um pato levanta voo.
O clínico aponta e diz:
- Tem bicha de pato... tem bico de pato... tem asas de pato... e voa como um pato, portanto tem de ser
um pato.
Mas já o pato se encontrava fora do alcance do arma.
- O próximo pato é meu! - reclama,harto de tanta estupidez, o terceiro médico, um cirujano.
Todos seguem caminhando e algo, que ninguém atinge a ver que é, sai dentre os juncos. Rapidamente
o cirujano aponta e dispara certeiramente sobre o ave.
Todos ficam olhando:
- Mas... ¿era um pato? - lhe perguntam.
- Não sei, que o veja o patólogo.
Vai o patólogo, o quarto integrante do grupo, a procurar o animal morto.
Pouco depois volta com um formoso pato pendurando de sua mão. Todos lhe perguntam:
- ¿E... é um pato?
- Não o se. A mostra é insuficiente.
48-Com o pediatra
Uma mulher leva a um bebé recém nascido ao doutor. A enfermeira fá-los passar ao consultorio.
Quando o médico se apresenta, examina ao menino, mede seu peso e descobre que esta embaixo do
peso normal.
Pergunta se alimenta-o com biberão ou com o seio materno.
- Seio materno -responde a senhora.
- Faz favor senhora -diz o doutor - descubra-se os peitos.
A mulher obedece, e o médico toca, aperta, apalpa e oprime ambos peitos, num exame detalhado.
Depois lhe indica à senhora que se cubra e lhe diz:
- Com razão o menino pesa pouco. Senhora, ¡você não tem leite!
- Já o sei. Sou sua avó ¡mas estou tão contenta de ter vindo!

49- Vacina
A gente reage diferente quando se põe uma vacina:
Quando é um menino: ¡AYYYY, COMO DÓI!
Quando é um jovem: Dói um poquito, mas não é nada.
Quando é um homem: Não me dói nada, nem o notei.
Quando é um friki: O banco de dados de vírus tem sido actualizada

50- A visita do doutor.


Um homem e sua esposa, grávida de seu primeiro filho, foram ver ao doutor. O médico examino a, e
depois tomou um pequeno selo com o que estampó uma diminuta marca no ventre da mulher, com
tinta indeleble.
O casal tinha curiosidade por saber que dizia o selo, de modo que quando chegaram à casa o marido
tomou uma lupa para poder lê lo. Dizia:
"Quando possam ler isto, voltem ao hospital".

51- O analisis
Dois meninos estão na sala de espera de um laboratório médico. Um deles está a chorar, e o outro lhe
pergunta:
- ¿Por que llorás?
- É que venho a um exame de sangue.
- ¿E te dá medo?
- Sim, porque meu irmão me disseque te fincam a ponta de um dedo com uma agulha.
Ao oir isto, o outro se põe a chorar.
O outro diz:
- Ah, ¿também vindes a um exame de sangue?
- Não, -contesta o outro entre lágrimas -venho a um exame de urina...

52-Loteria perigosa
Unhomen está muito mau do coração mas se ganha 1 milhão de pesos da loteria. Sua família lhe
oculta a notícia por se talvez, e falam com seu médico:
- É que não sabemos como lho dizer por se lhe dá um ataque.
- Mo deixem a mim, que eu sou seu médico de toda a vida, e saberei quando está em condições de
lhe o dizer.
O homen em questão vai à revisão como todas as semanas e o médico começa:
- Muito bem che, estás muito bem. Sabés que, por falar de algo, ¿que farias se te tocasse 1 milhão de
pesos da loteria?
- Homem, pois o primeiro que faço é te dar a vos a metade por me ter tratado toda a vida.
- Aaaggggghh.
E o médico morreu de um ataque ao coração.

53-Morte subita
Está o doutor em seu consultorio quando de repente entra a assistente e lhe diz:
- Doutor, doutor, o paciente que você acaba de cadastrar, caiu morrido à frente da clínica.
E pergunta o doutor:
- ¿E caiu com a frente para a rua?
- Sim.
- ¡Pois vá e dele volta para que achem que ia entrando!

54- AsDoenças
Na consulta do médico:
- Não lembrança se era Alzheimer ou Aids o que sua esposa tem.
- ¿E que faço Doutor?
- Pois, deixe no meio do bosque sozinha e se sabe voltar sozinha a casa sobretudo não se acueste
com ela.

55-Soriasis
Vai uma mulher ao médico com um problema de pele e lhe diz o médico:
-Senhora, vocêtem soriasis.
-Não perdoe mas se equivoca eu nunca tenho estado em Soria.
-¡E eu nunca tenho estado em Burgos e olhe que morcillatenho!

56- Um exame de próstata


Um tipo vai ao urólogo para realizarse um exame de próstata. Já dentro do consultorio, o urólogo lhe
diz:
- Veja Sr. López, as atuais normas internacionais que regem os exames de próstata, recomendam que
os mesmos se devem realizar com o pene do médico, como o anterior sistema, pela introdução do
dedo, provocava no paciente, pequenas lesões internas pelo roce da unha.
- ¿Mas que me está a dizer Doutor?, ¿Por quem me tomou?
- Olhe senhor - contesta o galeno - assim nos indicam as normas da Associação Internacional de
Urólogos, e eu não estou disposto a contravenir ditas normas, de modo que o tome ou o deixe.
Como o senhor López já se encontrava dentro do consultorio, acedeu a fazer se o exámen tal como o
médico o recomendou, pelo que procedeu a se baixar os pantalones.
O médico, raudamente, introduziu seu pene dentro do paciente. Na metade da situação o Sr. López,
que se encontrava em quatro patas, gira a cabeça e lhe diz ao médico:
- Doutor, faça me um favor.
- Sim, como não. ¿Que deseja?
- Faz favor feche a porta do consultorio sina a gente que está afora vai pensar que me está a apanhar!

57- três amigos um hospital


Vão três a visitar a um amigo ao hospital, em isto o amigo lhes diz:
- Vicente, obrigado por vir, bésamea frente!
- Mariano! Obrigado tambien a ti, bésame a mão!
- Montoya!! A onde vais Montoya!!

58- Doutor tenho um problema


Vai um homem ao urólogo e lhe diz:
- Doutor tenho um problema, e é que tenho um ovo maior que outro.
- Ok, muestrémelo diz o médico.
- É que....me dámuita vergonha.
- Você só muestrémelo.
- OK.
Sobre a mesa saca um ovo de 5 quilos e o médico se começaa reir a gargalhadas:
- Ah se? pois agora não lhe mostro o grande.

59-Paciente de hospital
Conversa telefonica:
- Hospital bom dia...
- Olá, quisesse falar com alguém que me de informacion sobre um paciente que está internado.
- De que paciente se trata?
- Se chama Pablo Ramírez e está no quarto 376.
- Um momento, lhe passo com enfermaria.
- Bom dia, sou a enfermeira Jorgelina, ¿em que posso o ajudar?
- Quisesse saber condicione las clínicas do paciente Pablo Ramírez do quarto 376, faz favor.
- Um minuto que vou localizar ao médico de guarda.
- Bom dia, fala o doutor Tarufeti, em que posso o ajudar?
- Veja doutor, quisesse que me informassem sobre a saúde de Pablo Ramírez, do quarto 376.
- Ah, sim, espere me um minutito que consulto a ficha do paciente.
- Bom, obrigado.
- Aqui está. Hoje alimentou se bem, a pressão e o pulso estão estáveis, responde bem à medicación e
retirar lhe emos o monitor cardíaco amanhã, e se continua bem dar lhe ão em dois ou três dias.
- Muito obrigado doutor, não sabe que notícia maravilhosa me acaba de dar, ¡que alegria!
- Por seu entusiasmovoçê deve ser algum parente muito próximo...
- Não, não... eu sou Pablo Ramírez e estou a chamar do quarto 376!, o que passa é que todo mundo
entra e sai de meu quarto, falam entre vocês e a mim ninguém me dá pelota.

60- Só gases
Uma mulher chega ao consultorio e lhe diz ao médico:
- Doutor!,você sabe que me parece que estou grávida.
O doutor revisa a, e lhe responde:
- Não senhora, o que você tem são gases!
A senhora se vai-e volta à semana, e o médico lhe volta a dizer que não está grávida e que o que tem
são gases.
Aos dois anos, o medico se cruza à senhora, vê a com gémeos e lhe pergunta:
- SENHORA!,como lhe vai, são seus esses nenitos?
- Sim, mas para você devem ser
2 GASES DISFARÇADOS DE MARINERITOS!!!

PIADAS DE POLITICOS
61-
- Eu não voto pessoas, ¡eu voto ideias!
- ¿E se dou-te um milhão de euros?
- Pois voto a quem seja, porque a ideia não é tão má

62- Ética politica


O filho de um famoso político lhe pergunta a seu pai o significado da expressão "ética política". O
pai escuta o e lhe diz:
- Bom, para que seja mais simples de entender to vou a explicar com um exemplo.
Imaginate que estás no Congresso e vem um representante de uma multinacional e te oferece 100.000
dólares por um contrato de "privatização ". Aí surge a ética política... o grande dilema... o desafio a
tua dignidade e que terás que resolver no mais profundo de tua alma: agarras a prata e te callás a
boca ou averiguás dantes quanto lhe ofereceu aos outros.

63-Napoleon
Napoleón Bonaparte durante suas batalhas sempre usava uma camisa de cor vermelha.
Para ele era importante, porque se era ferido, com sua camisa vermelha não notar-se-ia seu sangue e
seus soldados não deixariam de lutar. Toda uma prova de valor. Duzentos anos mas tarde, Mariano
Rajoy utiliza sempre um pantalónmarrón.

64- Partido gay


Isto sucede num pueblito num país sudamericano....
Há eleições municipais e se apresenta um partido GAY.
Este partido ganha as eleições com maioria aplastante.
A imprensa nacional, se interessa por tão insólito resultado e coincide ao povo a perguntar aos
vizinhos pelo facto, ao que respondem:
- Se vão romper-nos o cu, pelo menos que sejam profissionais.

65-Os governos
O presidente do governo dá um discurso em motivo da crise:
¡Cidadãos! Tenho uma boa e uma má notícia.
A boa é que nossa dívida tem desaparecido, todos os governos estrangeiros nos perdoaram até o
último euro.
A má é que temos 48 horas para abandonar o país.

66-Delitos tentadores
Vais em teu carro e vês passar a um político em bicicleta:
- ¿Por que não o atropellas?
Porque a bicicleta poderia ser tua.

67-Planificando a terceira guerra mundial


Estavam George Bush e Collin Powell sentados num bar, quando então entra uma pessoa e lhe
pergunta ao barman:
- ¿Esses dois não são Bush e Powell?
- Sim, são eles.
Então acerca se lhes e cumprimenta os:
- Olá que tal, ¿que fazem?
E Bush lhe contesta:
- Estamos a planear a 3ra Guerra Mundial.
O tipo então lhe diz:
- Em sério? e que é o que vai passar?
Bush lhe contesta:
- Bom... desta vez vamos matar a 14 milhões de Afegãos e a um reparador de bicicletas.
E o tipo assombrado exclama:
- ¿A um reparador de bicicletas?
- Bush se dá volta, olha a Powell e lhe diz:
- ¿Vês? ¡que te disse..! A ninguém lhe importa os 14 milhões de Afegãos.

68- A película de politicos


Se levanta o telón e vê-se um guardabosquetirandose a uma prefeita.
Se volta a levantar e sai outro guardabosquetirandose a uma conselheira.
Se volta a levantar de novo o telón, sai outro guardabosquestirandose à mulher de Obama.
Se fecha o telón , como se chama a pelicula ?
Os power ranger

69-O congresso
Um homem que ia manejando seu automovil, chega até as portas do congresso e se estaciona. O
policia de transito chega imediatamente e lhe diz :
- Ouça, não estacione sua carroça ahi que vão sair os deputados.
O homem diz tranquilamente:
- Não se preocupes, meu auto tem alarme

70- Uma bomba


Estavam os presidentes George Bush, Chávez e Álvaro Uribe e tinham uma bomba à frente e se
diziam mentiras se lhes explodia a bomba .
Bush Diz eu penso que meu país não há guerra com Iraque, se lhe explode a bomba.
Uribe diz eu penso que em meu país não há guerilla, se lhe explode a bomba e Chavez diz;
Eu penso se explode a bomba.

71- Um deputado corroído


Levam a um deputado acusado de corrupção, lavado de dinheiro, tráfico de armas e influências,
etcétera, ante o juiz.
- Verá, Seu Señoría, é que eu sou deputado e...
O juiz interrompe-o:
- A ignorância não é uma desculpa.

72- Assalto politico


Um ratero assalta um tipo e lhe diz :
- Isto é um assalto, ¡Deme todo seu dinheiro!
- Ouça-me, ¿Você não sabe com quem se está a meter? Sou um político muito influente.
- Nesse caso, ¡Devolvame todo meu dinheiro!

73- Passando a lista


Desde afora da escola para políticos escutavase:
- Corrupto!.Coimero!..Ladrão!
E um homem disse lhe a outro:
- ¿A quem insultam tanto?
- Não são insultos, estão a passar pronta.

74- Ministério de economia


Dois aposentados estão a fazer bicha na porta de um banco para cobrar seus escuálidoshaberes. Um
deles, cansado de esperar baixo os raios do sol, lhe diz ao outro:
- Olha, cansei-me!. Vou-me ao Ministério de economia a insultar ao Ministro.
Pouco depois nomás, o aposentado volta. O outro lhe pergunta:
- ¿Por que voltaste tão rápido?
- Na fila para insultar ao Ministro é muitíssimo mais longa que esta.

75- Três cientistas discutindo


Estavam três cientistas discutindo: um norte americano, um cubano e um argentino. Falavam sobre
qual país estava mais avançado na ciência. O cubano diz:
- Meu país está melhor; fixem-se que nasceu um menino sem pernas, se lhes pôs patas de cavalo e
agora é o melhor corredor do mundo.
- Meu país está melhor -interrompe o nortamericano- nasceu um menino sem braços, pôs se lhe mãos
mecânicas e agora é o melhor escultor.
E o argentino diz:
- Não, não, não... meu país está melhor. Nasceu um menino sem cabeça.
Então conseguiu-se um coco, recheou-se de mierda, colou-se-lhe, ao menino mandou se lhe a estudar;
ao tempo se postuló para as eleições e hoje em dia é o Presidente de Argentina.

76-Ajuda medica
Um político vai ao médico com um pato na cabeça, e o doutor lhe pergunta:
- Em que posso lhe ajudar?
E o pato responde:
- Me poder sacar este político do orto?

77- Dois políticos num bar


Dois políticos de ideologia X entram num bar e o camarerolhe diz:
- Vocês sabem que é o que tem 4 pernas e apesta?
- Não.
- Vocês dois.
- Ja, ja, ja, que bom, lhe vamos contar o a esses dois, que são de ideologia E.
Total, que se acercam a uma mesa e lhes dizem aos que estão sentados:
- ¿Sabem que é o que tem quatro pernas e apesta?
- Não, ¿que é?
- Pois, nós homem.

78-Um homen comum e um político.


¿Qual é a diferença entre a vida sexual de um homem comum e a de um político?
O homem comum com vida sexual tem tido seis casais sexuais dantes dos 18 anos.
O político tem seis casais sexuais de menos de 18 anos.

79- Acidentes
Estava o presidente com seu condutor passeando em seu auto a toda a velocidade, cruzando o campo,
quando de repente zás!,atropellan a um chanchito:
- ¿Que fazemos? -pergunto o condutor.
- Andá a procurar ao dono do porco, explicale o acidente e dá-lhe um dinheiro a mudança -respondeu
o presidente.
Assim, passou uma, dois, três... ao cabo de 6 horas, aparece-se o condutor, totalmente despeinado,
com a camisa fora:
- ¿Que passou? -pergunta o presi.
- Demorei-me, porque o dono do porco convidou-me a comer, depois a mulher presenteou-me estes
puros, e um rico vinho, e ademais fiz apaixonadamente o amor com sua formosa filha de 17 anos.
- Incrível, ¿como fizeste?
- Foi fácil -responde o condutor- o único que disse foi: "Olá, sou o condutor do Presidente da Nação
e acabo de atropellar ao porco".

80-Me livrei do roubo


Um senhor vem tranquilo com seu auto, e estaciona o justo na porta da casa de governo. Um dos
granaderos que se encontram na porta se dirije ao senhor que conduzia o automóvel (justo que este se
baixava do mesmo e o fechava com chave para o deixar estacionado) e com muita diplomacia lhe
diz:
- Senhor, lhe recomendo que retire o auto de aqui porque em qualquer momento sai o senhor
Presidente.
E ele responde:
- Não se preocupe, bom homem, ¡eu não tenho stereo!

PIADAS DE INFIDELIDADE
81- Suplente de viagem
Um viajante chegou a sua casa após ter passado toda uma semana de viagem.
- ¡María! Venho que não me aguento, vê te tirando a roupa que te vou fazer o amor como nunca.
Entraram na habitação, se meteram na cama e fizeram o amor de maneira selvagem, brutal,
escandalosa.
Foi tal o ajetreo e o ruído da cama contra a parede,que ao pouco de começar escutaram uns golpes ao
outro lado da parede, acompanhados pelas vozes do vizinho:
- Já está bem, ¡toda a semana igual, já basta!

82-Duas viúvas num cemitério.


Se encontram duas viúvas num cemitério; uma muito feliz limpando a lápida de seu marido e
cantando como louca.
A outra muito triste, chorando desconsoladamente...
Pouco depois, a desconsolada olha à contente e lhe pergunta:
- ¡Ai, senhora!, ¿quanto tempo faz que enviudó?
- Seis meses, respondeu em tom alegre a outra.
- E ¿como faz para estar tão feliz se eu levo 3 anos e não tenho podido superar esta pena?
- ¡Ai, filha minha! porque após muitos anos, é a primeira vez que sê onde está e quem lho está
comendo.

83- E-mail não recebido.


A senhora chega a casa de sua filha e encontra a sua yerno furioso preparando uma mala.
- ¿Que passa?- pergunta ela.
- ¿Que que passa? ¡Vou dizerlhe exactamente o que passa, senhora! Lhe mandei um email a
Catalinadizendolhe que hoje regressava a casa de minha viagem de trabalho. Cheguei a casa e ¿pode
adivinhar o que me encontrei?
A minha esposa, sim, ¡sua filha!,com um homem nu em nossa cama. Este é o fim de nosso casal. ¡Eu
me longo de aqui para sempre!
- ¡Acalma-te! - diz a suegra. - Há algo que não me quadra. Catalina nunca faria uma coisa dessas. Eu
a criei e a conheço bem. Espera um momento enquanto eu averiguo que foi o que passou.
Um momento depois regressa a suegra com um sorriso enorme.
- Já vês, te disse que tinha que ter uma explicação lógica e a há, o que passa é que ¡Catalina não
recebeu teu email!

84-Diagnostico tentador
A empregada do lar, chorando, apanha sua mala e vai despedir-se de sua patroa...
- ¿A onde vais? - perguntou a senhora.
- Vou-me a meu povo, a morrer para perto de os meus.
- Mas, ¿que te passa?, ¿por que dizes isso?
- Senhora, você mesma diz que seu marido é um grande médico e nunca se equivoca em seus
diagnósticos...
-Mas, ¿que tem que ver isso contigo?
- Pois é que esta manhã, quando lhe estava a pôr o café da manhã, o senhor me apertou o cu e me
disse: ¡Desta noite não passas!

85-Habitantes de locaisfofoqueiros
Manolo se casou com Pilar. Ele não o sabia, mas Pilar tinha passado de mão em mãos dantes do
conhecer. A noite de casamentos estiveram no hotel do povo. Como os habitantes de locais eram
muito fofoqueiros se amontonaron junto à porta da habitação de Manolo e Pilar para ouvir que
passava.
O primeiro que escutaram foi que Manolo dizia:
- Agora vou abesarte como ninguém o fez, Pilar.
Afora se correu o rumor:
- ¡Vai-a a besar! ¡Vai-a a besar!
- Agora te vou abraçar como ninguém o fez, Pilar,
- ¡A vai abraçar! ¡Vai abraçála!
- E agora te vou fazer o que ninguém lhe fez dantes, Pilar
- A vai matar! ¡Vai matála!

86- Passando em grande


Restaurante de luxo. Tio bem vestido com uma tia impressionante ao lado.
- ¿Que tomarão os senhores?.
A mim me põe a langosta maior que tenha e um cava Juve e Camps reserva da Família.
- Sim, senhor, ¿e a sua mulher que lhe ponho?
- Ponhalhe um fax e digalhe que mo estou passando em grande.

87-Spaghetti, Spaghetti, Spaghetti.


Um advogado mantém um romance com sua secretária. Ao pouco tempo esta fica grávida e o
advogado, que não quer que sua esposa se inteire, lhe dá a uma boa soma de dinheiro e lhe pede que
vá a parir a Itália. Ao que a secretária pergunta:
-¿E como comunicarteei que tem nascido o bebé?
-Tão só enviame uma postal e escreve Spaghetti por detrás. Não te preocupes, eu encarregarmeei de
todas as despesas.
Passam seis meses e uma manhã a esposa do advogado chama o ao bufete exaltada:
- ¡Querido, acabo de receber o correio e há uma postal muito estranha de Itália... A verdade não
entendo que significa!.
-O advogado, assustado, contesta:
- ¡Espera a que chegue a casa e te explico!
Quando o homem chega a casa e lê a postal cai ao solo fulminado por um infarto.
Chega uma ambulancia e lholevam.
Já no Hospital, o medico chefe fica a confortar à esposa e lhe pergunta qual tem sido o trauma que
tem precipitado tal ataque cardíaco. Então a esposa saca a postal e lê:
- ¡Spaghetti, Spaghetti, Spaghetti, Spaghetti, Spaghetti, três com salchicha e albóndigas e dois com
almejas!

88- Cobrar factura


Um indivíduo vai cobrar uma factura a uma casa. Lume à porta e recebe-lhe uma senhora estupenda
em picardías.
- Ejem... Boas, vinha a cobrar esta factura.
A mulher analisa a e lhe contesta:
- Olhe é preferível que vinga amanhã porque é de meu marido e agora está de viagem.
Volta ao dia seguinte, lume e lhe recebe a mesma mulher, desta vez sem picardías.
- Desculpe meu marido tem atrasado a viagem, importar voltar manhã.
Por terceira vez se dirige o senhor à casa.
Quando esta chegando pensa que a mulher se lhe esta insinuando e dantes de chamar ao timbre se
baixa os pantalones. Abre-se a porta e aparece o marido da senhora.
O cobrador analisa rapidamente a situação e lhe diz :
- Venho a cobrar esta factura e,... oupaga-ma ou lhe meo.

89- Um telegrama
Um homem a seu amigo:
-¿Posso te pedir um favor? Olha é que me vou de viagem três meses e gostaria que vigiasses de perto
a de minha mulher, é que não me fio dela... Avisame quando notes algo anormal.
Ao cabo dos quinze dias, lhe põe um telegrama e lhe diz que regresse.
- Desde que te foste, o filho do panadero vai a tua casa todas as noites e sai ao dia seguinte.
- ¿E me avisas agora?
- Teume disseste que te avisasse quando notasse algo anormal ¿não?. Bom, ¡pois ontem à noite não
foi!

90- Um culturista
Se encontramdois amigos e lhe diz um ao outro:
- Não sabes o que me passou ontem. Chego a casa e me encontram a minha mulher na cama com um
culturista. O caso é que para minha surpresa o tio cachas vai e me apanha do pescoço, me empurra a
um rincão, me pinta uma listra no solo e me diz:
- Como calques esta listra, te mato.
E acto seguido se volta à cama com minha mulher a continuar a lida.
- ¡Vá situação! e teu, ¿que fizeste?
- ¿Eu?... ¡Que crerseia essehomen!. ¡Quando não olhava, calcava a listra!

91- Italiano enganado


Um italiano no hospital esperando a que a mulher dê a luz.
Sai o médico e diz:
- Têm sido quintillizos.
O italiano com cara de surpresa diz:
- Sou um monstro, É que... ¡ tenho um cañon !
E o médico lhe diz:
- Pois a ver se o limpa então, porque têm saído negros.

92-Homen equivocado, mulher equivocada.


Isto é um tipo que une num bar e se vai com seu novo casal em seu carro a um parque.
E claro, ocorre o que ocorre. Ao cabo de cinco minutos de acabar, a mulher lhe diz que quer repetir,
asi que outra vez... Quando acabam, a mulher precisa tão só um par de minutos para se recuperar e
querer voltar a ser satisfeita, asi que o tipo faz o quequer outro. O pobre homem não pode mas e lhe
diz que precisa um descanso, asi que sai do carro e se vai dar uma volta. E dá a casualidade de que
bem perto na estrada vê a um carro parado e um tipo mudando uma roda.
-Olá, boas noites.
-Muito boas.
-Olhe, é que tenho unido com uma garota incansable que me deixou esgotado,mas o caso é que me
gustaria ficar bem com ela... Que lhe parece se eu lhe mudo a roda de seu carro, enquanto você lhe
faz o amor? Depois lhe diz que se dá a dar uma volta para descansar, e volvere eu, sem que ela se de
conta da mudança.
-Pois claro que aceito! Onde esta ela?
-Aí, num carro, por trás desse arbol.
Total, que o segundo tipo se vai ao carro, entra, e sem dizer uma palavra retoma a tarefa, mas aos
cinco minutos são interrompidos por um polícia que alumbra o interior do carro com uma linterna e
lhes grita:
-A ver, vocês, que fazem aqui às três da madrugada?
-Que passa, que não posso lhe fazer o amor a minha mulher?
- E por que não se vão a casa?
-É que até que você não nos deu luz, não sábia que era minha mulher...

93- Pescando as mentiras


Um homem leva três horas pescando sem nenhum resultado, em isto que vem o carteiro do povo, mete
a mão no água e começa a sacar truchas uma depois de outra.
- Mas bom! Como pode fazer isso!
- Não, eu é que as pesco com a mão.
- Mas isso terá truque, não?
- Bom, como você me caiu bem lhe dizer ei o truque.
O único que tem que fazer você é lhe meter a mão aí mesmo a sua mulher e depois vir a pescar. Ao
meter a mão no água os peixes se sentem atraídos e podeos apanhar com a mão.
- Obrigado, obrigado.
Total, que o tio recolhe os aparejos de pesca e volta dantes de tempo a casa para fazer a prova.
Sua mulher esta limpando os cristais e o tio chega por detrás e lhe mete a mão por embaixo da saia
no lugar correspondente. A mulher diz:
- Ai, carterito! Que juguetón estas hoje!

94- Minha mulher se foi.


Um carro a 120 Km/h e um policia civil persiguiendolo.
Asi atiram-se 300 kilometros, ao final o carro pára-se, o guarda civil se baixa e lhe diz :
- A ver os papéis - revisa-os com muito mau leite e finalmente diz - mas se está todo correto ¿por que
fugia?
- Verá... é que na semana passada minha mulher se foi com um policia civil e ¡eu crivocê que vinha a
me a devolver!

95- Neve
Uma senhora se vai sem seu esposo a um Congresso a Cuba.
Quando chega ao hotel de Havana encontra em sua habitação a um negro de dois metros nu com uns
atributos que tiram o sentido.
Fazem o amor uma e outra vez até que amanhece... ela lhe pergunta:
- Meu amor ¿como te chamas?
-Não to penso dizer porque te riias –contesta ele-.
E assim dia depois de dia durante uma longa semana até que chega no dia de regresso ao povo, em
Espanha.
O "cubanito" acompanha a ao aeroporto. E uma vez mais e dantes de despedirse lhe pergunta:
- Faz favor, não me deixes ir assim, me dize como te chamas.
- Prometeme que não te vais areir, lhe diz.
Me chamo Neve.
A senhora solta uma grande gargalhada...
O cubano lhe diz
- Vês como te riste...
E responde a senhora:
- Não me rido de teu nome, sina da cara que vai pôr meu marido quando lhe diga que estive uma
semana em Cuba com 35 centímetros de neve.

96- A chave
Jaimitolhe pergunta a seu pai:
- Papai papai! ¿Que há entre as pernas de mamãe?
- O paraiso
- ¿E entre as tuas?
- A chave do paraisoJaimito
- Pois já podes ir mudando a cerradura que o vizinho tambien tem a chave

97- Sapatos pequenos


Um senhor entra a uma zapatería e se lhe acercao vendedor:
-Boas tardes, ¿Em que posso lhe ajudar senhor?
-Quero uns sapatos do número 42.
-Verá, senhor, não é por lhe levar a contrária, mas a simples vista posso ver que você calça almenos
um 46.
-Isso não me importo, eu quero um número 42, se não, não compro nada e me vou a outra loja
-Está bem (lhe contesta o vendedor com cara de assombro).
O dependente lhe traz uns sapatos do número 42; o homem provalhos e lhe diz:
-Perfeito, mos levo postos.
Quando vai de saída do comércio, o vendedor se dá conta de que o homem vai sofrendo porque os
sapatos lhe apertam muito.
O vendedor, intrigado de por que comprou uns sapatos tão pequenos, se lhe acerca e lhe diz:
-Senhor, desculpe, mas não me posso combinar com a intriga, ¿como é que compra seus sapatos tão
pequenos, se se vê que está a sofrer porque não lhe ficam bem?
- Olhe, lhe vou contar minha história: minha mulher me engana com um colega de trabalho; minha
filha é prostituta; meu filho é yonki; meu suegra vive conosco e me atira em cara a culpa de todos os
problemas familiares... ¡O único prazer que tenho nesta vida é chegar acasa e me tirar estes malditos
sapatos!

98- O vizinho Antonio.


Uma bela mulher jovem sai da ducha, se envolve com uma toalha e avisa a seu marido que já pode
ducharse. Quando ele entra na ducha soa o timbre da porta. A esposa lhe diz que ela abre, e baixa a
abrir a porta envolvida na toalha.
Ao abrir a porta se encontra a seu vizinho Antonio,quem fica sem palavras ante a visão que lhe
oferece a senhora. Então, ele saca dois bilhetes nuevecitos de 100 euros e lhe diz a ela que são seus
se deixa cair a toalha até a cintura.
Ela pensa, "¿por que não?", de maneira que deixa cair a toalha e deixa seus seios ao descoberto ,
então apanha o dinheiro.
Antoniojadea ante o que vê; saca prontamente outros 200 euros e lhos oferece por deixar cair a
toalha até o solo para ver todo o assunto. A mulher pensa que já tinha chegado bastante longe, de
modo que não se importava o fazer, e deixa cair a toalha ao solo ensinando seu precioso corpo.
Antoniocontemplaa um momento, lhe agradece e se vai.
Quando ela sobe de novo, seu marido que acabava de sair da ducha, lhe pergunta que quem tinha
chamado à porta.
Ela contesta:
- Era nosso vizinho Antonio.
- ¿E têm trazido os 400 euros que me deve? - pergunta o marido.

99- A real academia espanhola


Um destacado membro da Real Academia Espanhola aproveita que sua mulher estava de viagem para
se levar a casa a seu amante. Mas a esposa regressa dantes do previsto e entra na habitação e pilla a
seu marido em plena lida.
- ¿Mas que fazes com esta mulher na cama? ¡Estou surpresa!
O académico, sem inmutarse, faz gala de seus conhecimentos linguísticos e lhe responde:
- Não, querida, o surpreso sou eu. Tu estás assombrada.

100- A estúpida morte.


Duas mulheres morrem e se encontram no céu. Uma lhe pergunta a outra:
-¿Como morreste tu?
-Congelada.
-¿E dói?
-Pois ao princípio te dão uns escalofrío horríveis, depoiste dá uma dor nos dedos e os ossos, te
começas a congelar.
Me dormi e mori.
-¡Uuyy que horrível!
-¿E tu como morreste?
-Bom a meu me deu um infarto...
-¿E como foi?
-Bom te conto. Achava que meu esposo estava a me enganar, asi que regresse temporão à casa e o
encontre muito tranquilo vendo tv. Sali correndo ao garage e não encontre nada. Depois fui ao pátio e
nada. Subi à segunda planta e nada. Quando venia baixando as escadas me deu um infarto da alegria
que não me era infiel e morri...
-¡Estupida! ¡Tivesses procurado na geladeira e as duas estariamos vivas!
PIADAS DE AMIGOS
101- Um tênis
Após um partido de tênis Manolo e Pepe se duchan no clube...
- Manolo, ¿me puedex dar um pouco de teu Champô?
- Mas tu tens o teu, ¿se te tem acabado?
- Não. Mas o meu diz "para cabelo seco”, e eu o
tenho lodo molhado.

102-Compadre
Estão dois amigos charlando, um deles é muito pesado, a tal ponto que o outro se lhe acerca e lhe dá
um guantazo enorme em toda a cara, o outro se lhe fica olhando e lhe diz:
- Compadre isto não se vai ficar assim...
Ao que o outro lhe responde:
- Já...nuns minutos vai-se-te a inchar.

103- Gentilício das mulheres.


Dois amigos se encontram e um lhe diz ao outro:
- Pois tenho estado em Portugal de férias.
- E que tal por ali? Tudo bom as lusas??
- As lusas? Isto...se, muito bem...
O amigo volta a sua casa e procura o significado de lusas no dicionário e vê que se trata do gentilicio
das portuguesas.
Ao tempo se voltam a encontrar:
- Homem!! Que tal tudo??
- Pois bem, acabo de vir de Alemanha!
- Ah se? E como te foi? Gostaste? Tudo bom as teutonas?
- Eh...bem, as teutonas bem.
O homem vai a casa e procura no dicionário a palavra teutona, e vê que é o gentilicio das mulheres
de Alemanha.
Ao cabo de uns meses se encontram :
- Homem tio! Tudo bom?? Como te vai?
- De maravilha, acabo de vir de Egipto.
- Ah se?? E que tal por ali? Gostaste das pirâmides?
- As pirâmides? Ufa tio, deiteime com 2. Umas feras na cama!

104- Dois amigos da terceira idade


Pepe e Manolo são dois amigos da terceira idade que se viam no parque todos os dias para alimentar
às pombas, observar às ardillas, discutir os problemas do mundo, etc. Mas um dia Pepe não chegou.
Manolo não se preocupou muito pensando que quiçá esteve resfriado ou algo parecido.
Mas após uma semana, Manolo realmente preocupou-se, não sabia onde vivia Pepe, pelo que não
podia averiguar que lhe tinha passado.
Passado um mês, Manolo foi ao parque e surpresa; ali estava Pepe.
Manolo se alegroutanto de vêlo que lhe disse:
Pelo que mais queiras Pepe, me dize que te passou.
Pepe lhe contestou: Tenho estado na cárcel
¿No cárcere?,replicou Manolo. ¿Que te passou?
Bom, disse Pepe, ¿conheces a Angelines, a linda camarera loira da cafeteria onde vou com
frequência?
Claro, disse Manolo... a lembrança. ¿Que passa com ela?
Bom, um dia me demandou por violação.A meus 87 anos, eu estava tão orgulhoso que... quando fui
ao julgado, me declarei culpado.
E o maldito Juiz me condenou a 30 dias de cárcere por mentiroso.
105- Morte inesperada
Dois amigos se encontram pela rua:
- ¿Te vai tudo bom na vida?
- Fatal, no outro dia enterramos a meu tio.
- ¡Não me digas! ¿Como passo?
- Pois nada, estava no balcón fazendo uma barbacoa e de repente se acercou demasiado ao fogo e...
- Já, se queimou vivo, ¿não?
- Não, que vai. Do susto se jogou para atrás e tropeçou com a barandi
- Sim, e se caiu pelo balcón e se mato, ¿não?
- Não. Resulta que na queda se pôde agarrar à cornisa, mas se começou a escorregar e...
- Já, lha deu contra o solo, ¿não?
- Que vai. Alguém chamou aos bombeiros, que tinham posto embaixo uma lona, mas teve tão má pata
que quicou e...
- Por fim lha colou, ¿não? (O amigo começa a pôr se nervoso)
- Não, no quique se pôde apanhar a um cabo de alta tensão...
- ¡Se electrocutó!
- Não, como estava a fazer a barbacoa levava luvas, mas o cabo cedi?
- ¿E por fim lha colou?- Não, os bombeiros tinham corrido a lona baixo ele, mas ainda quicou, e
dantes de cair se pôde apanhar a uma cornisa...
-¿MAS ME QUERES DIZER COMO MORREU TEU TIO?
- Verás... ao final os bombeiros chamaram à polícia e tiveram que o abater a tiros...

106- A gata que não regresso


Um senhor que tinha uma gata, estava harto de que lhe arranhasse todos os muebles da casa e não
sabia como se desfazer dela, se foi ao monte e a deixo abandonada. Após uns dias a gata regressou.
O senhor lhavoltou a levar e a atirou do outro lado do monte, e a gata voltou.
Desesperado, lheperguntou a um amigo, como o podia fazer para que não voltasse e este lhe deu
algumas indicações:
- Cruza o monte, vê ao rio e o cruza gira à direita, depois à esquerda, outra vez à direita, cruza a
ponte e deixa a gata.
sedento, e lhe pergunta:
- ¿Como te foi?
- Que queres que te diga, que se não é pela gata, ¡não regresso!

107- O leão me seguia.


Se encontram dois amigos e um lhe diz a outro:
- ¿Tudo bom o safari de leões?
- Muito ajetreadoouve, te conto:
- La pela sabana quando de repente camuflado entre os matorrales aparece um enorme leão macho.
Saco o rifle e disparo mas com o nervosismo falho o tiro,otentopor segunda vez e se me encasquilla,
decido soltar o rifle e saio correndo.
O outro lhe diz:
- E o leão ¿que para?
- ¡Me seguia!
- Vejo perto um pequeno barranco me atiro por ele e caio a um rio.
- ¿E o leão que fazia?
- ¡Me seguia!
- Vejo uma árvore inclinada e penso me subirei por ele.
- ¿E o leão que fazia?
- ¡Me seguia!
- Vejo de longe uma choça me encaminhoa ela.
- ¿E o leão que fazia?
- ¡Coño! Preocupas-te mais do leão que de mim.
108-Tuning
Um entusiasta do tuning de automóveis estreia uns potentes travões em seu carro.
Deseoso de proválos com alguém que alabe sua eficácia encontra a um amigo ao que diz:
- Vem-te que te vou ensinar os potentes travões que tenho instalado em meu carro.
O amigo acede um pouco expectante da prova.
Estão no campo dentro do carro, o condutor entusiasmado lhe diz ao amigo:
- ¿Vês aquele papel no solo? Pois verás.
Acelera de maneira vertiginosa e quando está cerca do papel freia em seco a um palmo do mesmo, ao
mesmo tempo em que diz:
- ¿Espantoso? ¡eh!
Seguidamente se encaminha para um muro a toda a velocidade, quando quase lho comiam freia de
novo bruscamente e fica a centímetros da parede.
- Espetacular ¿eh? ¡Pois verás agora!
Acelera todo o que o carro pode, vão diretos para um alcantiladoe quando praticamente só vêem o
horizonte, freia violentamente, ficam com as rodas à beira do precipício.
- ¿Que te pareceu?
- Vamos voltar onde estava o papel.
- Gostaste ¿eh? Queres repetir.
- ¡Não, é que me caguei!

109- Dois amigos e uma escopeta


Dois amigos vão pelo campo.
Se encontram uma escopeta com os canhões recortados.
Sem saber muito bem o que é, um deles se põe a olhar pelos canhões a modo de prismáticos.
Enquanto o outro hurga nos gatillos e claro, se dispara.
Os olhos do que olhava pelos canhões, se lhe saltam das órbitas.
O outro lhe diz : ¡Não me olhes de modo que eu também me assustei!

110-Umbaptizo.
Uma festa estava cheia de convidados e se começaram a acabar as bebidas e ainda era muito
temporão, então um tio dos noivos se levanta e diz no meio dosalão:
-Aquém todos os amigos e as amigas do noivo, e deste outro lado os amigos e as amigas da noiva e
tudo se faz como o tio diz:
E então grita:
-Fora de aqui gorrones que isto é um baptizo.

111- Caçadores
Um casal de amigos caçadores se encontra no bosque disposta a praticar seu desporto favorito
quando, de repente, um deles cai desplomado ao solo, com os olhos em alvo e ao que parece sem
respiração. O outro caçador desenfunda rapidamente o telefone móvel e lume aos serviços de
emergência:
A telefonista, com voz acalmada, lhe responde:
-Se tranquilize. Eu estou aqui para lhe ajudar. E o primeiro que deve fazer é se assegurar que seu
amigo esteja realmente morrido.
Se faz um silêncio na linha e, ao cabo de um momento, se escuta um tiro. O caçador volta a pôr ao
telefone:
-Bom, isso já está resolvido. ¿E agora que?

112- Dois amigos e um deserto


Vão dois amigos caminhando pelo deserto e um lhe diz ao outro:
- Não posso aguentar a sejam.
- Tranquilo, que cedo chegaremos a um poço daqui a pouco..
Chegam ao poço, se acercam e comentam:
- Parece que não se vê água aqui.
- Espera que atirarei uma pedra.
Olha a um lado e outro e vê uma grande pedra, a agarra e a atira dentro do poço.
- Pois parece que está profundo.
- Espera que já chegará, lhe diz o amigo.
Em isto vêem baixar uma cabra correndo para o poço.
- Olha a cabra essa, ¡Como corre!
A cabra se atira de cabeça ao poço, e diz um:
- Esta tinha mais sejam que tu, ¿Eh?
Então, aparece o cabrero e lhe pergunta:
- Esta tinha mais sejam que tu, ¿Eh?
Então, aparece o cabrero e lhe pergunta:
- Boas tardes, ¿Têm visto uma cabra por aqui?
- Sim senhor, acaba de atirar ao poço, pobrecilla, seguro que tinha sejam.
- Mas como se vai atirar ao poço a cabra, se a tinha eu aqui, amarrada a uma pedra!

113-A coisa mais rápida


Três amigos estão a discutir sobre a coisa mais rápida do mundo:
O primeiro diz: Eu acho que a coisa mais rápida do mundo é o raio; quando cai do céu, baixa tão
rápido que nem os vês.
O segundo diz: Eu acho que a coisa mais rápida é a luz, porque quando chegas a tua casa e lhe
apertas o interruptor para a acender, pulsas e ao instante, sem darte conta esta acendida.
E a terceiro sentença: Pois eu acho que há outra coisa mais rápida que o raio e a luz.
Os outros dois perguntam: ¿E qual é?
-A diarrea. Uma noite estava no campo e de repente se me retorceu o estômago; saí para minha casa
como um raio e quando acendi a luz, já me tinha cagado.

114-Huéle merda
Dois amigos iam passeando pela rua e em isto que um lhe diz ao outro:
-​ ¡Cuidado, uma mierda, não a calques!
- ¡Bah, isso não é uma merda!
- ¿Como que não?,huélela, já lados...
- Homem, sniffff, cheira mau, mas não como uma merda.
- A ver, sniffff, ¡​que sim, que cheira como uma mierda, a toca e já verás!
- Bom, a textura é similar, mas Me pareceum pouco diferente.
- Pois a mim não, eu acho que tem a textura da mierda, a prova e verás.
- ¡Puajjjj! ¡Sim, tinhas razão, é uma merda: ​AINDA BEM QUE NÃO A CALCÁMOS!

115- Dois loucos num manicomio


Estão dois loucos num manicomio e um lhe diz ao outro:
- ¡Temos que nos escapar!
E a outro pergunta:
- Vale, mas ¿como?
- Olha, se a valla é muito alta escarbaremos por embaixo, e se é muito baixa saltaremos por em cima.
Vai olhar a valla e quando volta lhe diz ao outro:
- Não nos podemos escapar, ¡não há valla!

116- Tendências homossexuais


Estes eram quatro diretores de empresa, que estavam a jogar ao golfe no luxuoso clube local. Pouco
depois de estar a jogar, um deles comenta que precisa ir ao banho e lhes pede que suspendam um par
de minutos o partido. Os outros, todos uns caballeros, não põem inconveniente algum e aproveitando
o breve descanso, se põem a charlar de suas coisas:
- Não é por presumir, mas a meu filho lhe esta indo de cinema no negócio imobiliário. Tem ganhado
tanto dinheiro neste ano, que até se permitiu o luxo de lhe presentear um chalet a um de seus amigos...
- Pois também não é por presumir, mas já sabeis que meu filho se dedicou ao negócio do
automóvel.Esta especializado em carros de importação e vontade tanto dinheiro que até lhe
presenteou um Ferrari a um de seus amigos...
- Pois devem ser os tempos, porque o meu tem uma sociedade de Mudança e Carteira e vos fixar se
estar indo bem, que até lhe presenteou a um de seus amigos um pacote de acções das melhores...
Em isso regressa o que se tinha ido apressado no banho e os outros três, dantes de retomar o jogo e
por educação, lhe perguntam por seu filho:
- Pois a verdade, mau -responde o quarto diretor- Já sabeis que desde pequeno me saiu com
tendências homossexuais: agora é uma louca e trabalha num salão de beleza.Mas tem de ser bom no
que faz, porque um de seus noivos lhe presenteou uma casa, outro um Ferrari e outro um pacote de
acções das mais boas.

117-Entrevista de trabalho
Duas mães se encontram no rellano da escada e uma lhe diz à outra:
- ¿Tudo bom tua filha?
A outra contesta:
- Uy de maravilha, após fazer a entrevista para esse trabalho que te disse a apanharam, em 2 semanas
a ascenderam de administrativa a chefa de secção, o chefe lhe deu um carro de empresa e agora lhe
vai alugar um apartamento para perto de o escritório para que tarde menos em chegar ao trabalho.
¿E a tua?
- Pois a minha, igual de puta, mas com menos sorte.

118-Uma escopeta
Vão dois amigos andando pelo bosque, e em isso que se encontram uma escopeta atirada no solo.
Como não sabem o que é, um a apanha pela parte do cañon e se põe a olhar pelos buracos. O outro
amigo s apanha pela culata, metendo os dedos no gatillo, disparandose a escopeta.
Soltandola, vê como se lhe tem ficado a cara ao colega elhe diz:
- Tio, não ponhas essa cara, que eu tambien me levei um susto da hostia.

119- Uma garota fria


Um velho lhe diz a outro:
-Quando eu era jovem, em Madri tinha uma dessas que cobra por hora à que apodabanCibeles.
-¿Por que a apodaban assim?
-Porque era bonita como uma deusa,fria como uma pedra e se atirava aos leões
.-Fria seria, mas a ti seguro que te aqueceu.
-Aqueceu, aqueceu. ¡Vá se me aqueceu!
-¿Quando foi isso?
-Quando lhe disse que não tinha dinheiro para lhe pagar o polvete que lhe jogasse.

120-
Eram 3 idosos de 70 anos, que se encontraram num bar e se puseram a falar.
Falavam dos filhos, dos estudos trabalhos, etc...
-Um diz: meu filho é vendedor de bens raízes e com isso lhe presenteou uma casa a um amigo.
Outro diz:
- Pois meu filho é dono de uma concesionaria e presenteou-lhe um carro a um amigo.
E o último diz...
- Pois meu filho é gay, e tem 2 noivos, um trabalha em vendedor de casa e lhe presenteou uma casa e
o outro trabalha numa concesionaria e lhe presenteou um carro.

PIADAS DE VELHOS
121- A infracção
Um aposentado comenta:
A gente que ainda trabalha me pergunta com frequência que que faço diariamente, agora que estou
retirado...
Pois bem, por exemplo, no outro dia fui ao centro e entrei em Correios a recolher um pacote que me
tinha chegado, sem demorar na gestão nem cinco minutos.
Quando saí e cheguei ao carro que estava na porta, um Polícia Local estava a rechear uma multa por
estacionamiento proibido.
Rapidamente meacerquei a ele e lhe disse:
- ¡Vá homem, não tenho demorado nem cinco minutos. Deus lhe recompensaria se fizesse um pequeno
gesto para com os aposentados...
Me ignorou olimpicamente e continuou enchendo a infracção.
A verdade é que passei um pouco e lhe disse que não tinha vergonha. Me olhou friamente e começou
a encher outra infracção alegando que, ademais, o veículo não trazia eu não sê que decalque da ITV.
Então levantei a voz paradizerlhe que me tinha percatado de que estavatratando com um capullo, e
que como lhe tinham deixado entrar na Polícia...
Ele acabou com a segunda infracção, a colocou embaixo do limpiaparabrisas, e começou com uma
terça.
Não me achiqué e estive assim durante uns 20 minutos lhe chamando de tudo.
Ele, à cada insulto, respondia com uma nova infracção. Com a cada infracção que enchia, se lhe
desenhava um sorriso que refletia a satisfação da vingança...
Após a enésima infracção... lhe disse:
- Desculpe. O tenho que deixar, porque... ¡Aí vem meu autocarro!
E é que desde minha aposentação, ensaio a cada dia como me divertir um pouco. É importante fazer
algo a minha idade, para não aaburrirme.

122- Um casal de mayorcitos


Uma noite um casal de mayorcitos estava já deitada em sua cama.
O marido estava a ficar-se dormido, mas sua mulher sentia-se romântica e queria conversar.
Lhe disse: "Quando me apaixonavas, me agarravas a mão..."
De má vontade, o marido se deu média volta, lhe agarrou a mão por um por uns segundos e depois
tratou de dormirse outra vez.
Em poucos momentos ela lhe disse novamente: "Então me besabas..."
Algo molesto, se deu média voltada outra vez e lhe deu um ligeiro beijo na bochecha e depois se
acomodou para se dormir.
Aos trinta segundos, ela lhe disse: "Depois tu me mordias o pescoço..."
Molesto, o marido atirou a roupa de cama esselevantou."¿Aonde vais?", lhe perguntou ela.
- ¡¡¡A procurar os dentes...!!!

123-Um homem quere parecer jovem


Um tipo de 47 anos muito preocupado por parecer jovem decide fazerme um estiramento de cara.
Uma vez feita a cirurgia, o tipo sai muito contente da clínica com sua cara nova. Se detém num posto
de diários compra um e lhe pergunta ao vendedor:
"Digame amigo, quisesse que me contestasse uma pergunta: ¿Quantos anos acha que tenho?"
O quiosquerolhe diz: "Não sei... uns 32".
Contente da vida, o tipo lhe diz: "Em realidade tenho 47 anos".
Logo este bom senhor entra a um McDonalds, pede uma hamburguesa e lhe pergunta o mesmo ao
caixa.
O caixa lhe diz: "Eu lhe calculo uns 29 anos".
O homem, a cada vez mais contente, lhe diz: "Não, tenho 47".
Depois toma o autocarro para voltar a sua casa, ese senta ao lado de uma idosa.
Uma vez mais, o tipo faz a pergunta: "Desculpe, senhora, ¿quantos anos pensa você que tenho?"
A viejita oolhou pensativa com sua cara cheia de arrugas, e lhe contestou: "Olhe, hijito, eu já tenho
85 anos e não vejo bem.No entanto, quando era jovem eu tinha um método para adivinhar a idade dos
homens; metia-lhes a mão nos calzoncillos e dizia-lhes a idade correta".
O homem duvidou um pouco, mas vendo que não tinha ninguém no autocarro pensou: "Bom,
provemos, total...", e acto seguido lhediz à viejita que comece com sua tarea.Aviejita lhe mete a mão
e lhe manosea os testículos ao tipo. Ao cabo de dez minutos exatos, a senhora diz: "Você tem 47
anos".
O tipo, asombradísimo exclama: "Mas isto é incrível, ¿me diga... como o faz?"
E a idosa lhe contesta: "Je, je, je,... É que eu estava detrás seu na bicha do McDonalds...".

124- Homem catalã


Uma avó catalã estava a indicar sua direcção a seu neto, que a ia ir a visitar com sua mulher.
- Quando chegueis ao edifício, na porta da entrada há um grande painel do goleiro eletrónico. Eu
vivo no apartamento 301. Apertais o botão do 301 com o cotovelo e eu vos abro a porta. Entrais, o
elevador está à direita,entrais nele e apertais o botão do 3º com o cotovelo. Quando saiais do
elevador, meu apartamento esta à esquerda. Com elcodo tocais o timbre.
- Muito bem avó, tudo me parece muito singelo... ¿mas por que tenho que apertar todos os botões com
o cotovelo?
- ¡Homem! ¿É que pensais vir com as mãos vazias?

125- idosos já não pica.


Estes são dois idosos falando, e de repente um lhe pergunta ao outro:
- ¿Quantos anos tens?
E lhecontesta:
- Oitenta e bico
Então o outrolhediz:
- Pois eu tenho oitenta e três e não pico entre as refeições.

126- Um aniversário
No aniversário centenário do avô esta toda a família reunida lhe cantando o Feliz Aniversário, em
isto que o avô, viejísimo, se ladea, parece que se vai cair da
cadeira, e todos gritam:
- ¡O avô! ¡o avô! ¡cuidado com o avô!
E entre todos o põem na posição correta.
Ao cabo de um momento a mesma situação:
- ¡O avô! ¡o avô! ¡cuidado com o avô!
E assim várias vezes, até que ao final o avô diz:
- ¡Mas o leite! ¡Nem no dia de meu aniversário posso-me atirar um pedo tranquilo!

127- Neto enganado.


O avô chama ao neto a escondidas e lhe diz:
- Na mesa de cabeceira de teu papai há um frasquito pequeno com umas pastillitas azuis que diz
Viagra. Se tu me trazes uma pastillita dessas, sem lhe dizer nada a teu papai, amanhã cedo te dou 10
euros.
-¿10 euros, avô? Isso é muito dinheiro, está bem, me espera aqui.
O menino chega aapanha o frasquito e lê:
- Via...gra, estas são e lhe leva a pastilla ao avô.
Ao dia seguinte, o chiquillo levanta-se muito temporão e vai cumprimentar ao avô.
- Bons dias, avô. ¿Como dormiste?
- Muito bem, filho (com um sorriso de orelha a orelha), e lhe entrega 100 euros.
O garoto, estranhado diz:
- Avô, te confundes tu me ofereceste só 10 euros.
- Sim, 10 que te dou eu e 90 que te manda tua avó!

128- Os peitos.
Uma mulher leva a um bebé recém nascido ao doutor. A enfermeira los fá passar ao consultorio.
Quando o médico se apresenta, examina ao menino, mede seu peso e descobre que esta embaixo do
peso normal.
Pergunta se o alimenta com biberão ou com o seio materno.
- Seio materno, responde a senhora.
- Faz favor senhora, diz o doutordescubrase os peitos.
A mulher obedece, e o médico toca, aperta, apalpa e oprime ambos peitos, num exame detalhado.
Depois lhe indica à senhora que se cubra e lhe diz:
- Com razão o menino pesa pouco, Senhora, ¡você não tem leite!
- Já o sei. Sou sua avó ¡mas estou tão contenta de ter vindo!

129-Um botão
Estava um bêbado fazendo autostop, então um caminhoneiro se detém e o monta no camião.
O bêbado começa a perguntar uma por uma as funções de todos os botões que tinha o tabuleiro, mas
tinha um botão que não servia para nada, então como o condutor estava harto pelas perguntas do
bêbado, lhe diz que esse botão serve para que quando ele visse a uma viejecitaaprete esse botão e a
atropella.
O bêbado fica assombrado mas não diz nada. Ao cabo de uma hora passam por um povo que colava à
estrada que vem cruzando uma viejecita, o bêbado ao a ver aperta desesperadamente o botão e o
condutor a esquiva e se escuta um grande golpe, então o apagaentão o bêbado lhe diz ao condutor:
- Olha, manda a arranjar esse botão porque se não abro a porta falhamos a velha.

130- Piloto automático


Após efectuado a descolagem, o piloto do avião se dirige aos passageiros pelo altavoz:
- Estimados passageiros, o voo estima-se de 14 hrs. faz favor mantenham seus cintos abrochados e
desfrutem do voo.
Ao terminar o rollo de sempre, esquece apagar o microfone e começa a lhe dizer a seu copiloto:
- ¡Agora sim, nada mais ponho o piloto automático, me jogo uma boa cagada, e depois me faço à
hospedeira!"
Ao notar que todos os passageiros escutam o comentário, a hospedeira sai correndo para avisar ao
capitão que apague o microfone, quando uma ancianita sentada junto ao corredor lhe põe a bengala,
tropeça e ao !!SOLO!! A hospedeira, desconcertada, voltea a ver à idosa, que lhe diz:
- ¡¡¡Quieta!!! Primeiro deixao que cague.

131- A mulher fera


Um velho lhe diz a outro:
-Quando eu era jovem, em Madri tinha uma dessas
que cobra por hora à que apodabanCibeles.
-¿Por que a apodaban assim?
-Porque era bonita como uma deusa,friacomo uma pedra e se atirava aos leões
.-Fria seria, mas a ti seguro que teaqueceu.
-Aqueceu, aqueceu. ¡Vá se aqueceume!
-¿Quando foi isso? -
Quando lhe disse que não tinha dinheiro para lhe pagar o polvete que lhe jogasse.

132-Rouboem jóias
Teve um roubo numajóias da capital.
Chega a polícia e encontra as janelas rompidas e a um viejito mendigo para perto de a porta.
Os polícias dizem:
-¡Este é o ladrão! Levemolo à pileta do parque para que confesse.
O levam e o metem de cabeça dentro do estanque; O sacam e lhe perguntam:
- ¿Onde estão as jóias?
O viejito não contesta nada, então ovoltam a meter durante mais tempo.
O sacam de novo:
- ¿Onde estão as jóias?
Nada que contesta, o metem a terceira vez, durante dois minutos, então o viejitolevanta uma mão; um
polícia diz:
- ¡Já vai falar! O sacam e lhe perguntam:
- A ver, ¿Onde estão as jóias? ¿Que tem que dizer?
Contesta o viejito:
- Que chamem a um buzo porque eu não vejonada no estanque.

133-O que não mata engorda


Numa aldeia, lhe diz uma velha muito gorda a seu neto:
-Hoje cocemos pan.
Vai ao caminho e traz bosta (excremento de vaca) para sellar a porta do forno, assim
não se escapará a calor.
O menino se vai, pouco depois vem com a bosta num caldero, e perguntaa
avó: ¿Que passaria se a bosta semisturasse com o pão?
-O que não mata engorda, menino, o que não mata engorda.
-Hoje eu não vou comer o pão.
¿Por que? -Porque teu peso de comer pãosó não é.

134- Magia de velhos


Um mago subiu a um autocarro que ia llenísimo a uma horário de pico e quis entretener à gente com
seus truques.
-Senhoras e senhores gritava
- Muito boas tardes.
Ninguém lhe fazia caso e o pobre homem tinha sacado da nada um ramo de flores.
Enfadado porque ninguém lhe fazia caso, lhes anunciou:
- Vou fazer que se eleve este autocarro…¡1, 2, 3!
E então o autocarro se elevou. Toda a gente assustada lhe gritou:
- ¡Baixaobaixao, faz favor!
- Ahhhh, ¿não se achavam que pudesse fazer magia, ¿eh?.Se querem que baixe o autocarro,
SOPREM TODOS.
Toda a gente começou a soprar e o autocarro começou a baixar. A gente estava emocionada e então
lhe pediram outro truque ao mago. Este lhes disse:
-Vou fazer que a esse viejito que vai com sua esposa se lhe suba o membro. ¡1,2,3!
E ¡ZASSSSSSS! A coisa se lhelevantouao viejito e os passageiros ao uníssono exclamaram:
-OHHHHHHHHHHHHHH
Então se ouve a voz da viejita que grita:
-¡Ao PRIMEIRO QUE SOPRE O QUEIMO VIVO!

135- San Pedro


Isto é San Pedro na porta do céu, quando sente uma imperiosa necessidade de ir ao banho.
Então chama a Jesús e lhe solicita que o substitua uns minutos durante sua ausência.
Vai Jesús e se senta no escritório a receber aos que tentam entrar e em isso aparece um viejecito
aoque Jesús lhe pergunta:

- Avô, ¿você a que se dedicava na Terra?


- O viejecito responde: ¡Ah...! Eu era carpinteiro tenía uma longa barba, muitas canas, era pobre e
tive um filho fruto de um milagre que foi muito, mas que muito famoso, demais de querido por todos
os homens, especialmente os meninos.
Jesús comovido o olha sollozando e lhe diz:
- ¡¡¡PAPAAAÁ!!!
O velho oolha surpreso e, muito emocionado, lhe contesta:
- ¡¡¡PINOCHO!!!

136-cacahuetes
Isto é um autocarro repleto de velhos, que vão de viagem a Lourdes.
Uma viejecita lhe toca o ombro ao condutor e lhe dá um grande punhado de cacahuetes sem casca.
O condutor surpreso lhe agradecee lhos come com agrado.
Poucos minutos mais tarde, a velha volta a vir, o condutor volta a agradecerlhe o gesto e se come os
cacahuetes.
Aos cinco minutos, a idosa vem de novo com outro punhado.
O condutor já não pode comer mais e lhe pergunta:
- Boasenhora, é muito amável de sua parte presenteandome tantos cacahuetes, mas...¿você não acha
que, talvez, seus cinquenta amigos e amigas lhe apeteceriam também uns poucos?
- ¡ Não se preocupe caballero! não temos dentes para os mastigar e só chupamos
o chocolate que os recobre!
137-Sinal
Em pleno acto sexual uma viejita lhe diza seu marido:
–Pareces um telefone celular!
O Velho orgulhoso diz:
- ¿Vibromuito?
–Não, ao entrar ao túnel se te cai o sinal…

138-Dentadura compartida
Um casal de idosos vai a um restaurantede comida rápida. Com cuidado dividemem dois a
hamburguesa e as batatasfritadas que têm pedido.
Um caminhoneiro que os vê sente pena por eles e se oferece a comprar à esposa sua própria comida.
- Não se preocupe, diz o idoso, nós o compartilhamos tudo.
Uns minutos depois, o caminhoneiro se dá conta de que a esposa não tem provado bocado.
- Para valer não me importo comprarlhea comida a sua esposa, insiste o caminhoneiro.
- Não se preocupe, ela comerá sua parte, lhe assegura o idoso. O Compartilhamotudo.
Pouco convencido, o caminhoneiro lhe perguntaà esposa:
- ¿Por que não come? -
¡Porque estou a esperar a que meu esposo me preste a dentadura!

139-De ter sabido...


Um idoso e uma idosa se conhecemnuma festa para a terceira idade. Após charlarum momento,
decidem ir a um lugar mais tranquilo, estacionam o veículo e fazem o amor.
Finalizado o actoe enquanto voltavam, o idoso ia pensando:
- De ter sabido que era virgenma tivesse levado a um lugar mais mascomodo.
A idosa sentada no assento do copiloto pensava:
- De ter sabido que se lhe levantava, me tivesse tirado as calcinhas.
140- Fera na cama
Uma idosa lhediz a outra:
- Com os anos, meu marido converteu
-se numa fera na cama.
- ¿te faz o amor como um selvagem?
- Não, se mea nas sábanaspara marcar seu território.

PIADAS DE PROFESSORES
141-
Estavam reunidos vinte professores de todas as especialidades na Sorbona.
De repente, apareceu um Génio dos desejos
- Um de vocês poderá me pedir um desejo e só um. Terá que eleger entre: A beleza eterna, todo o
dinheiro do Mundo ou asabedoria perfeita.
Os professores elegeram ao doutor Alexander Shell, o mais respeitado do grupo, para que formulasse
o desejo.
-Desejo ter: ¡a sabedoria perfeita!
-¡Facto! Grande nuvem de fumaça e ogénio desaparece.
O professor Shell permaneceu pensativo.
- ¿Que pensa, doutor?
- ¡Penso que teria que ter elegido o dinheiro...!

142-Susuki
É o primeiro dia de classes, e a maestra apresenta a Susuki, filho de um empresário japonês, aos
garotos de sexto grau: A maestra lhe diz:
-Comecemos repassando um pouco de história americana.
¿Quem me disse dêema liberdade ou me dêem a morte'?
A classe ficou calada, excepto por Susuki: ' o disse Patrick Henry,1775'
-¡Muito Bem!
¿Quem disse 'o governo do povo, para o povo não deve desaparecer da face da terra'? De novo,
nenhuma resposta da classe, salvo Susuki: 'Abraham Lincoln, 1863'
A maestra, assombrada,lhe diz:
-Garotos, deveria darlhes vergonha.
Susuki, que é novo em nosso país sabe mais dehistória que vocês... A maestra atinge a escutar um
susurro: 'à merdacom os malditos japoneses!'
-¿Quem disse isso? Perguntou a maestra...
Novamente Susuki levanta sua mão e diz: 'General Mc Arthur, 1942 e Lê Iacocca, 1982'.
A classe fica muda e um dos garotos atinge a dizer:
'Vou vomitar...' A maestra trata de ver quem foi o irrespetuoso:
-Já está bem, ¿Quem disse isso? E Susuki diz 'George Bush pai ao Premiê japonês, 1991'
Um dos alunos, animado, lhe grita desde o fundo: 'Chúpate essa!'
Susuki,quase saltando em sua cadeira, lhe diz à maestra: 'Bill Clinton a Mónica Lewinsky. 1997'!

143- Suspendidos
Uma vez a maestra estava a escrever napizarra e se lhe cai a tiza. Se agachae laarecolhê, como tem
uma minifalda,os alunos se riem. A maestra diz:
-Quem tenha visto algo estará suspenso.
Olha a um e lhe pergunta:
- Tu, ¿quetens visto?
- Eu vi as pantorrillas.
- Um mês suspendido! Fora!
A outro estudante:
- Tu, ¿que tens visto?
- Eu vi as coxas.
- Dois meses suspendido! Fora!
A outro estudante:
-Tu, ¿que tens visto? - Eu vi uma parte de uma nalga.
- Três meses suspendido! Fora!
A Jaimito:
- E tu, Jaimito, ¿que tens visto?
- Bom, garotos, nos vemos no ano que vem...

144-futebolista profissional
Chega Jaimito à escola e a maestra lhe diz:
- ¡FelicitacionesJaimito, felicitaciones! Jaimito lhe pergunta à maestra:
- ¿Mestre por que me felicita se hoje não é meu aniversário? A maestra lhe diz:
- É que tu és o primeiro em chegar ao colégio.
- Ah, é que meu tio é futebolista profissional.
- ¿Que tem que ver isso com que tu chegues temporão à escola? Lhe perguntaa maestra.
- É que ele me traz a patadas.

145- A liteira
Estava Jaimito em casa fazendo osdeveres e lhe pergunta ao pai:
-Papai,papai, ¿Como se diz quando umapessoa dorme em cima de outra?
-Chama se fazer o amor filho. -Ah, vale,obrigado!
Ao dia seguinte chega Jaimito a casa da escola e lhe diz ao pai:
- Papai, diz aprofessora que tens que ir falar com ela
-¿E issoporquê? ¿Que foi o que fizeste desta vez?
-¡Eu nada! É que a palavra era liteira...

146-um novo professor


Chega um novo professor à universidade, trajeado e vistoso, a dar um curso de fisica fundamental.
Desde a tarimapopone a seus alunos o seguinte problema:
- Tendo em conta o volume que ocupam vocês (eu não, que para isso sou catedrático), a velocidade
do raio lumínico solar, aaberracióndo pó deslocado pela tiza e as vibrações emitidas por minhas
cordas vocais, calculem a idade que tenho. Todos os alunos tremem ante o problema, excepto um que
levanta a mão e diz de imediato: "quarenta e quatro".
O catedrático se surpreende e pergunta:
- ¿e você, como o sabe? - Muito fácil.
Tenho um irmão que tem 22 e é médio idiota.

147- Um curso de Inglês


Um professor de Inglês que estava hartode que um aluno seu não passasse de curso por só suspender
sua matéria, então decidiu lhe fazer um pequeno exame para ver podia passar.
- A ver Jaimito, se eu te dissesse: "openthewindow", ¿que seria?
E Jaimito responde:
- Window, window, isso é dos computadores, ¿não? - Não Jaimito, não é dos computadores, é abrir
a janela.
- A ver, outra, ¿que é "closethewindow"?
Jaimito responde:
- Outra vez o do computadores, ¿não? -
Não Jaimito não, se "open thewindow" é abrir a janela, "closethewindow" será fechar a janela.
- A ver, a última oportunidade Jaimito, ¿que é "goodmorning"? Jaimito diz:
- ¡Ah!,estasim que a sei, goodmorning é, a janelaentre aberta.

148- Copiando en classes


O professor repartindo as notas: Luisitoum dez. Pedrito um oito. Juanito um seis. Jaimito um zero. -
Ouça professor,
¿E por que a mim um zero? – Porque tens copiado o exame de Pedrito. - ¿E você como o sabe?
- Porque as quatro primeiras perguntas, estão iguais, e na última pergunta
Pedrito respondeu: "Essa, não ma sei" e teu tens posto:
"Eu também não".

149- Logica
Está Carlos em classe e lhe diz aprofessora:
-Carlos se há 3 pássarosnum arame e colas um tiro e matas a 1,¿quantos pássaros ficam?
-Nenhum.
AverCarlos se matas a 1 de 3 pássarosteficarão 2.-diz a professora.
-Nãoseñorita se colas 1 tiro e matas a 1 osoutros se vão voando pelo que não fica pelo que não fica
nenhum.
-A resposta não é correta mas gosto de tua lógica.
Ao dia seguinte chega Carlos a classe e lhe diz à professora:
-Señorita, se entram 3 mulheres numa heladería e pedem 3 gelados, uma delas o lambe,
outra o chupa e outra o morde. ¿Qual está casada?
Ao que a professora responde:
-A que o chupa.
E lhe contesta Carlos:
-Não señorita a que tem o anel no dedo, mas gosto de sua lógica.

150- Zapatero Zapatero


Um dia lhediz a professora aos meninos.
-Amanhã vai vir Zapatero e quero que quando saia da limusina digais:
¡bem! Quando suba pelasescadas: ¡outra vez, outra vez! e quandochegue a classe digais:
ZapateroZapatero
Chega no dia seguinte sai Zapatero da limusina essecai e dizem todos¡bem! estáa subir pelas escadas
escorrega e se cai para atras e dizem :
¡outra vez, outra vez!
chega a classe e Jaimitoatirase um pedo e diz a profe ¿Quem a sido? e dizem todos Zapatero
Zapatero.

151-Sonhos de tontos
Entram 2 garotos tarde ao sala, e a maestra lhe diz a um deles:
- Aluno, ¿por que chegou tarde?
- É que estava a sonhar que viajava por todas partes, conheci tantos países, e me acordei um pouco
tarde.
- ¿E você, aluno?
- ¡Eu fui ao aeroporto ao receber!

152-Boas obras
A maestra lhe pergunta aos meninos:
-Vamos ver contemmeas boas obrasque fizeram durante o fim de semana
- .....
- A ver Pedrito, teu primeiro -
Bom....ontem ajude a uma viejecita a cruzar a rua.
- Muito bem, a ver Juanito, teu quefizeste?
- Eu presenteie comida a um pordiosero.
- Muito bem, a ver Pepito, que fizeste teu?
- Eu evite uma violação
- Como fizeste isso?
- Pois....a convenci!

153-Evidências de alunos
Na autoescuela:
-¿Que significa umtriângulo com o desenho de doismeninos correndo com a carteira?
-Quesaem do colégio –contesta o aluno.
Também poderia ser que entrassem naescola, ¿não?.
-Não, porque os meninos estão a correr.

154-O professor miope


O maestro é muito miope e hoje sedeixou as gafas em casa, de modo que já que lhe resulta
difícil ler, decide passar a classe o melhor possível perguntando aos alunos. -Vamos ver... ¡tu, o do
fundo à direita!, ¿saberias dizerme quem escreveu o Quijote?
-Pois não o se, senhor professor. -
¿Não? Pois, a ver, dizeme quem foiCervantes.
-Pois... não poderia lhe dizer com exactidão.
-¡Mas isto é o cúmulo! ¿Saberás ao menos dizerme como se chama o diretor da escola?
-Não senhor. Eu em realidade sou oelectricista e estou a consertar a instalação.

155-Classe sobre as hienas.


A professora emplena classe:
- A hiena é um animal que vive no centro de África, come carroña, faz o amor uma vez ao ano e emite
um som similar ao do homem ao se rir.
A ver, Pedrito, ¿entendeste a classe?
- Se señorita, a hiena é um animal que vive no centro de África, comecarroña, faz o amor uma vez ao
ano e emite um som similar ao do homem ao se rir.
-Muito bem, Pedrito.
A ver tu, Carlitos.
-A hiena vive longe, em África creio, come carne podre, desfruta uma vez ao ano e se ri como o
homem.
Bom, mais ou menos o entendeste .
Aver tu, Pepito.
-Maestra, há algo que não entendo... a hiena, com o longe que vive, a mau que come, o pouco que
folla... ¿de que se ri?

156-
Lhe diz o professor a Juanito: A ver Juanito, ¿que te passa se te corto umaorelha?
E lhe diz Juanito: Fico médio surdo.
E, ¿que passa se te corto a outra orelha?
- Fico cego.
E o professor assustado lhe diz a Juanito: ¿Por que? E contesta Juanito:
-Porque se me cairiam os lentes.

157-elemento fundamental
Um professor de primeiro ano de Medicina está a dar a seus alunos a primeira lição sobre autópsias
na morgue e lhe diz: “Para fazer uma autópsia, há dois elementos básicos:
O primeiro, não ter nenhuma repugnancia.
Nesse momento, o professor introduz um dedo no ânus do morto e depois o chupa.
A seguir pede aos estudantes que façam o mesmo e depois de um momento de silêncio temeroso,
estescomeçam a obedecer. Quando já todos os alunos têm terminado de chuparsecom asco o dedo, o
professor prossegue:
“O segundo elemento fundamental, é um sentido muito agudo de observação: eu
metimeu dedo anular, mas me chupé o índice.”

158- Aluno vivo


No exame, o professor lhe dizao aluno que não tem sabido contestar a
nenhuma pergunta:
Lhe fáei uma última pergunta, se sabe,lhe aprovarei.
- ¿Quantos cabelos tem a bicha de um cavalo?
-Trinta mil quinhentos oitenta etrês.
-¿E como o sabe?
-Perdoe professor, mas essa já é outra pergunta.

159-Montevideo
Chega a professora e lhe diz a seus
alunos:
A tarefa para manhã é trazer deuma forma criativa, a representação de
um país. Ao outro dia chega Juanito com sua representação, e começa a colocar sobre a mesa uma
montanha de videos.

A professora lhe perguntaJuanito,


¿que significa isso? Ele diz:
- Pois professora, isso significa Montevideo.

160-Cores
Estava a mestre enseñanado as cores e pergunta:
Carolina, ¿como se faz o rosa?
Com vermelho e alvo, reponde Carolina.
Juanito, ¿Como se faz o azul céu?
-Com azul marinho e alvo, mestre, responde
Juanito.
E lhe pergunta a Pepito: Pepito, ¿como se faz o café? Pepito muito sério responde: Com uma colher
de café e dois de creme e açúcar ao gosto.

PIADAS INTERNACIONALES
161-Roupa Chinesas
Paco , um andaluz de viagem em Japão, se compra um par de gafas de tecnologia ponta que permitem
ver à gente sem roupa.
Se lhas põe e vê passar a uma e a outra.
Todas sem roupa. estava encantado. Lhas põe, sem roupa. Lhas tira, vestidas. Lhas põe, sem roupa.
Lhas tira, vestidas. ¡Por Deus, que maravilha! Inclusive adianta a viagem de volta a casa para ensinar
a sua mulher a novidade. No avião, se sente enloquecido vendo às hospedeiras em pelota picada.
Lhas põe, sem roupa.
Lhas tira, vestidas. Lhas põe, sem roupa. Lhas tira, vestidas. Quando chega a casa, e dantes de abrir a
porta, se coloca as supergafas, para ver sem roupa a sua mulher Luisa . Abre a porta e ali está ela,
sua querida esposa, com Pedro, seu melhor amigo.
No sofá. ¡sem roupa! Se tira as gafas, sem roupa. Se põe as gafas, sem roupa. Lhas tira... sem roupa.
-Lhas volta a pôr... sem roupa. E não pode evitar um grito desgarrador:
- ¡Me cago en deus! ¡¡¡Novas e já não funcionam! ¡¡Chinesas tinham que ser!!!!

162-Casio
-Um chinês, um japonês e um español; Fazem uma aposta a ver quienconocen com o nome mais curto.
Salta o chinês e diz:
- Em meu povo há um que se chama
Ou o japonês rindose diz:
- O que me arranja o relógio se chama casio
E o espanhol se partindo de riso diz:
- Nem Ou nem quase ou,meu tio chama se llama Nicasio.

163- Uma bata de atum

Um cubano conseguiu escapar de Cuba.


Chegou a Miami ¡¡¡demtro de uma bata de atum!!!
Ante tão insólito acontecimento foram os jornalistas, a televisão, as rádios. O cubano se converteu na
notícia do dia.
-¡Sensacional! ¿Como fez para se meter dentro de uma bata de atum?
- Meterme em a bata foi relativamente fácil. O que me resultou quase impossível foi conseguir uma
bata de atum em Cuba...

164- A pajita
Num concurso de pássaros lhes toca o turno a um francês, um ingles e um espanhol:
O francês leva um halcón lhe tira a capuchita e soltao a voar. Aos poucos segundos o halcón estava
bastante alto, saca uma pajita do bolso e a atira ao ar, o halcón baixa em picado atingindo a
velocidade de 120 Km. E consegue recolher a pajita dantes de que esta caia ao solo, lhe dão 8
pontos. Agora lhe toca o turno ao inglês, este traz uma águia real, lhe tira a capucha, a solta a voar e
quando está muito alto, saca uma pajita, a parte em duas e a atira ao ar, a águia baixa em picado à
velocidade de 160 Km. E consegue recolher os dois pedaços dantes de que toquem o solo, lhe
outorgam 9 pontos. Lhe toca o turno ao espanhol, este traz um lorito de sua casa e se lhe escuta gritar:
- ¡Tirame já esta porquería da cabeça que não vejo nada!
Quando o faz o loro se escapa a voar, quando vai muito alto o amo saca uma pajita, a parte em três e
a atira ao ar, o loro baixa em picado atingindo a vertiginosa velocidade de 240 Km., e quando se vai
acercando ao solo lhe grita ao dono: - ¡Atira mais palha, atira mas palha, desgraçado, que me mato!
165-Menhino feio
Uma senhora alemã vivia em Espanha com um menino muito feio, ali onde ia todos diziam:
- ¡Oh que menino mas feio, oh que menino mas feio!.
No colégio:
¡Oh que menino mas feio, oh que menino mas feio!
No supermercado:
¡Oh que menino mas feio, oh que menino mas feio!
Total que como a mulher não sabia muito bem espanhol, apanha o dicionário para ver o significado
da palavra feio. Procura na efe, efe, efe, efe,... feio! e estava a fotografia de seu filho.

166- não há ninguém...


Um casal de noivos argentinos vão ao cinema.
Enquanto estavam a ver o filme, a rapariga começa a tocar a mão ao noivo, então o noivo pergunta:
- Meu amor, olha para a direita..., ¿há alguém?..
- Não meu amor, não há ninguém....
- Olha para a esquerda, ¿há alguém? Já emocionada a rapariga lhe diz:
- Não meu amor não há ninguém!
- E atrás ¿há alguém detrás nosso?...
- Não amor não há ninguém.....
- Adiante ¿há alguém?...
- Não cariño não há ninguém...
- ¡Então foste teu a que se atirou esse terrível pedo, a concha tua!

167- o japonês
-Um tipo foi a visitar a seu amigo e vizinho japonês que tinha sido vítima de um grave acidente
automobilístico. Estava na UCI. Ao chegar encontrou ao nipón todo entubado. Um cano por aqui, um
cano por lá… Canos por tudas partes.
Ficou ali parado, em silêncio, ao lado da cama do amigo de olhos rasgados, que se achava sereno e
repousando com todas aquelas mangueiras conectadas a seu frágil corpo. De repente, num momento
dado, o japonês acordada e com os olhos quase fora de órbita, grita:
- ¡ SAKARO AOTA NAKAMY ANYOBA, SUSHI MASHUTA!
Dito isto, suspirou e passou a melhor vida. As últimas palavras de seu amigo morto, ficaram
gravadas na mente de nosso protagonista. No funeral do japonês, o indivíduo em questão se
aproximou à mãe e à viúva e lhes disse abraçandoas:
- Senhora Fumiko e senhora Shakita, nosso querido Fuyiro, segundos dantes de seu fallecimiento, me
disse estas palavras que não consigo esquecer:
“ ¡ SAKARO AOTA NAKAMY ANYOBA, SUSHI MASHUTA!” E não sê que querem dizer.
A mãe de Fuyiro se desmaiou quase ao instante, e a viúva olhou assustada ao vizinho.
O tipo insiste: - ¿Que querem dizer essas palavras, senhora Shakita.
A viúva o olhou com raiva e respondeu:
-"¡NÃO CALQUES A MANGUEIRA DO OXIGÉNIO, ANIMAL!"

168-Falar Inglês
Se encontra um inglês com um camponês espanhol e diz:
- Do youspeak English?
- ¿Como diz você?
-Do youspeak English?
- ¡Não o entendo! – Lhe pergunto que se fala você Inglês.
-¡Ah sim, perfeitamente!

169-A encuesta
A ONU acaba de finalizar a encuesta maior de sua história, a pergunta foi:
-Faz favor, conteste à seguinte pergunta: ¿que opina da escassez de alimentosen o resto do mundo?
Os resultados não têm podido ser mais desalentadores,a encuesta tem sido um total falhanço como: -
Os europeus não entenderam que significava "escassez".
- Os africanos, em general, não sabiam que era "alimentos".

- Os argentinos não entenderam que significava "faz favor".


- Os americanos perguntavam "que era o resto do mundo".
- E os cubanos estranhados pediam que lhes explicassem que era "opinião"…

170- Num concurso para homem


Num concurso do homem mais duro do mundo se apresentam vários candidatos e entre todos
destacam 3:
o russo, o americano e Paco o bruto.
As provas consistem em matar um urso e fazer com uma prostituta até esgotála. Em isto que sai o
candidato russo, mata ao urso em meia hora e quinze minutos depois acaba com a prostituta. O
americano melhora o tempo total em cinco minutos. Finalmente sai Paco o bruto. Passa o tempo e às
quatro horas aparece todo arranhado e sangrando por todos os lados e diz:
- ¿Onde está a puta que há que matar?
171- Supositorios
Entra um turista a uma farmácia em Brasil e lhe diz ao farmacêutico: - Deme uma aspirina, faz
favor... O negro saca uma aspirina enorme, do tamanho de um plato e lha envolve. O tipo, confundido
lhe pergunta: - ¿Não tem uma aspirina mais chiquita? ¿Uma de tamanho normal? E o negro lhe
responde: - ¡Em Brasil fabricamos as aspirinas mais grandes du mundu! O tipo, assombrado, aceita a
enorme aspirina e diz:
- Deme um cano de massa dentífrica, faz favor. O negro saca um cano do tamanho de um termo e lhe
diz:
- ¡Em Brasil fabricamos ou cano do massa dentífrica máis grande du mundu! ¿Vocé gosta algo máis?
O tipo pensa-o um pouco e lhe responde:
- Não, obrigado, os supositorios o compráei de regresso a meu país.

172-Empresas
O concurso para a realização do projecto do túnel do Canal da Mancha que unia Grã-Bretanha com
França foi muito particular.
-Nós nos comprometemos ao realizar por 1.000 milhões de marcos, oferece uma alemão.

-Minha empresa lo fáia por 40.000 milhões de liras é a oferta do italiano.


-Para que vocês se decidam os franceses lo fáíamos por sozinho 1.000 milhões de francos.
A última plica é de uma empresa espanhola:
-Por um milhão de pesetas lho fazemos nos.
-¿Mas como pensa você que lhe saia tão barato?
-Olhe, pomos a um operário a cavar desde Dover e outro desde Calais e quando se encontrem, já têm
vocês seu túnel.
-¿E se não se encontram? -¡Ah, bom... lhes deixamos os dois túneis pelo.

173-Perdidos na selva
Três homens, um catalão, um vascão e um madrileno, se perderam na selva e foram capturados por
uns canibais rei dos canibais lhe disse aos prisioneiros que podiam salvar suas vidas se conseguiam
passar uma prova que continha duas partes:
A primeira parte da prova, era voltar à selva e conseguir dez unidades de uma mesma fruta. Então a
cada um dos três homens tomou seu caminho à selva para encontrar as frutas. O Vascão regressou e
lhe disse ao rei:
- Me chamo Patxi, eu trouxe 10 maçãs.
O rei lhe explicou a segunda parte da prova:
- Agora tens que meter pelo reto a cada uma das frutas. ¡Sem pôr nenhuma expressão na cara, ou te
comemos! A primeira maçã entrou, mas com a segunda, o vascão se retorceu de dor, pelo que
imediatamente o mataram.
O catalão chegou e lhe mostrou ao rei dez cerezas. Quando o rei lhe explicou a segunda parte da
prova, o homem pensou que seria tarefa muito fácil, então começou:
1.. 2.. 3.. 4.. 5.. 6.. 7.. 8.. 9 e justo na nona cereza, soltou uma gargalhada e no mataram.
O vascão e o catalão se encontraram no céu, e o vascão lhe perguntou ao outro:
- Ouve Pere, ¿e você porque soltou a gargalhada, se já quase o tinha conseguido? Ao que o catalão
lhe contesta:
- Não pude o evitar, é que vi ao madrileno, chegando com PIÑAS!

174-Payoner e gitaner.
Vai um gitano com seu carro a uma oficina e lhe diz ao encarregado:
- Ai payooo venho a que me tintes as luas pode ser??l
- Se por suposto, cuales queres que tintemos?
- Pois as dos lados de atras e a de atras tambien quero que me lhe ponhas uma pegatinas.
- OK, pois olha a ver qual gostas e ta pomos
- Payoooo que a pegatina que quero não a tens - É o que temos...
-Quero uma que ponha gitaner.
- Não não essa não temos e também não temos letras soltas para ponertela, elege outra
- Que não, payo que não que eu quero uma que ponha gitaner
- Que não pode ser que não temos
- Olha que és racista aos payos lhes pões as de payoner e a minha não me pões a de gitaner.

175-¡oeeeeeeeeeeeeeee, oeoeoe!
Um chinês se aprendeu a palavra eu-eu,depois foi a um restaurante e aprendeu faca e tenedor,e
depois foi a um partido de futebol e aprendeu ¡oeeeeeeeeeeeeeee, oeoeoe!
De repente apareceu a polícia e lhe perguntou ao chinês:
-¿Quem tem matado a minha mulher?
-Eu-eu.
-¿Com que?
-Faca e tenedor.
-Vai ir você ao cárcere.
-¡¡Oeeeeeeeeeeeeoeoeoeoe!!

176- Sou um monstro


Um italiano no hospital esperando a que a mulher dê a luz. Sai o médico e diz:
-Têm sido quintillizos.
O italiano com cara de surpresa diz:
- Sou um monstro, É que... ¡ tenho um cañon !
E o médico lhe diz:
- Pois a ver se limpa-o então, porque têm saído negros.

177- Férias em paris


Dois tontos que não se tinham visto em todo o inverno e lhe diz um ao outro:
- Amigo, ¿este verão que?
- Pois tenho vontade de ir a Paris, como no ano passado.
- ¿No ano passado tu foste a Paris?
E lhe um monstro responde o tonto:
- Não, mas também tinha vontades.

178- Argentinos
- ¿Por que na Argentina há tantos sietemesinos?
- Porque aos argentinos não os aguentam nem suas mães.

179-Jesucristo
Estão num bar um inglês, um alemão e um espanhol tomando juntos umas copas. De repente o inglês
lhe diz aos outros dois:
-Ouve, não vos parece que o que está aí em frente é igualito a Jesucristo?
-Não digas tolices, que vai ser Jesucristo, lhe respondem o alemão e o espanhol.
-Insiste o inglês. Que se, que sim. Não vês que é igualito. A barba, a túnica…… Estou seguro que é
Jesucristo. Sem pensarlho um segundo, se levanta o inglês, se vai para o homem da mesa e tanto lhe
insiste, que o homem lhe susurra ao inglês:
- Escuta, efectivamente sou Jesucristo, mas te peço faz favor que fales bajito e não lho digas a
ninguém porque como os demais se inteirem me vais formar um escândalo impressionante na
cafeteria.
Então, o inglês,louco de contente lhe diz bajito ao ouvido:
Olha tenho uma lesão nas costas que me fiz de pequeno fazendo desporto. Faz favor, curame.
Jesucristo lhe põe a mão sobre as costas e lhe cura.
Acto seguido o inglês se vai a sua mesa e, claro, lhe conta o milagre ao alemão e ao espanhol.
O alemão, sem poder conterse, se levanta e vai até a mesa de Jesucristo e lhe diz:
- Ouve, que me disse meu amigo que tu és Jesucristo. Tenho um olho de cristal, faz favor curame.
Jesucristo lhe põe a mão no olho e lho cura.
Então o alemão se vai a sua mesa e lho conta a seus amigos.
Jesucristo começa a pensar que em breves instantes aparecerá por ali o espanhol querendo, como
todos, que lhe cure, mas passa o tempo e o espanhol não vai.
Então Jesucristo, já picado pela curiosidade, se levanta e se vai para a mesa onde estão os três e lhe
pondo uma mão no ombro ao espanhol lhe pergunta:
-Ouve, ¿tu por que não...? E o espanhol salta da cadeira e apartandose violentamente lhe diz:
- ¡¡¡¡EH, EH, EEEHHHH!!!! ¡¡¡¡SEM TOCAR…..SEM TOCAR,QUE ESTOU DE BAIXA!!!!

180- procurar trabalho


Um médico Israelita comenta:
- A medicina em Israel está tão avançada que nos lhe tiramos os testículos a uma pessoa, lhos pomos
a outra e em seis semanas já está a procurar trabalho.

Um médico alemão comenta:


-Isso não é nada, em Alemanha lhe sacamos parte do cérebro a uma pessoa, a pomos em outra, e em
quatro semanas já está a procurar trabalho.
Um médico russo comenta:
- Isso também não é nada, em Rússia a medicina esta tão avançada que lhe sacamos a metade do
coração a uma pessoa lha pomos a outra e em duas semanas, ambas estão a procurar trabalho. Ao que
o médico espanhol responde:
-¡Nada que ver, todos vocês estão muito atrasados! Se fixem que nos em ESPANHA, agarramos a
uma pessoa sem cérebro, sem coração e sem ovos, ¡o pusemos de PRESIDENTE e agora médio país
está a procurar trabalho!

PIADAS DE POLICIA
181-Medidas de segurança
No quartel da Policia civil de Lepe receberam um fax procedente do Instituto de Sismología:
“Movimento sísmico iminente em sua zona, Tomem medidas de segurança. Localize epicentro e
enviem sua posição para posterior estudo" Quinze dias mais tarde chega este fax ao Instituto
Sismológico, procedente de Lepe: “Movimento sísmico desarticulado. Epicentro e seus secuaces
encarcerados. ¡Não pudemos chamar dantes porque tinha um terramoto de quatro pares de narices!

182-Um casal de guarda civis


- Luis, toma da mão. Ao que Luis lhe responde:
¡Não! - Luis, abraçame.
Ao que Luis responde:
¡Não! - Luis, bésame.
Ao que Luis responde:
¡Não! - Mas Luis, se todos os casais se tomam das mãos, se todos os casais se abraçam, se todos os
casais se besan, ¿Por que nós não?
Ao que Luis responde:
- ¡Porque nós somos um casal de Guarda Civis, Armando!

183- Uma briga


Um menino lhe diz a um polícia:
-Polícia, polícia lá há uma briga faz meia hora
O polícia lhe diz se dizes que a briga era faz meia hora por que não me avisaste dantes.
O menino responde:
-Por que meu papai estava a ganar.

184- Um prêmio ao melhor condutor


Um homem vai pela estrada conduzindo e de repente o detém a polícia:
Bons dias Senhor, lho temo estado vigiando desde que passou o último povo, e temos observado que
respeita todas as normas, se detém em todos os semáforos, e conduz correctamente.
Tráfico tem posto um prêmio ao melhor condutor e lho vamos a dar a você.
Não, mas se eu não tenho licença de conduzir, diz o condutor.
Ao que responde sua mulher:
Não lhe faça caso, que está bebido
. E a suegra comenta: Não, se já sabia eu que com um carro roubado, não íamos chegar bem longe.

185-Joven conductor
Numa cidade pequena, um agente de tráfico deteve a um jovem condutor que ia a grande velocidade
pela rua principal.
O jovem começou a protestar: Senhor agente, deixeme que lhe explique.
¡Silêncio! Lho retêei até que regresse meu chefe.
O rapaz insistia: Mas senhor oficial, escuteme, tenho pressa.
O agente replicou: ¡Calese! ¡Agora mesmo, ao cárcere! várias horas depois, o guarda foi a ver ao
detento e lhe disse:
Tem tido você sorte, o chefe assiste ao casamento de sua filha, quando regresse estará de bom humor
e seguro que lhe perdoa.
Não esteja tão seguro, replicou o jovem, ¡Eu sou o noivo!

186- documentação
Isso, era um que ia com seu Ferrari a 260 km/h e a civil lhe faz o alto.
O policia civil lhe diz:
¿A documentação? O condutor lhe responde:
-Não tenho.
-¿Os papéis do carro?
-O carro é roubado.
-¿Deixeme ver seu guantera?
- Não, tenho uma pistola.
-¿A ver seu maletero faz favor?
- Levo três mortos.
O civil não sabe que fazer, e lume ao geral. Chega o general ao lugar do acontecimento e fala com o
condutor, e lhe diz:
¿A documentação?
Sim, tenha.
¿Os papéis do carro?
Tenha, são estes.
¿Deixame ver seu guantera?
Sim, olhe, tenho as luzes... ¿Pode abrir seu maletero?
Olhe, tenho os triângulos e todo o obrigatório.
O general disse: Mas se os guardas me disseram que não tinhas documentação, que não tinhas os
papéis, que levavas uma pistola, e que levavas três mortos no maletero.
E o condutor lhe diz:
¿E também dizer-te-ão que ia a 260 Km/h?

187- nada que ver


Num tiroteio entre policias e ladrões, um agente detém a um cego.
Despues de um momento lho solta, e o comandante pergunta:
-E porque lho deixo livre?
-Porque não ténia nada que ver, chefe.

188- em Alemanha
Um senhor vai pela autopista a 120 Km por hora e no canal contrário.
Então, um policía o vê e o detém.
O polícia lhe diz: Vou lho detê.
- ¿Por que?
-Está no canal incorreto e vai muito rápido.
- Em Alemanha a velocidade das carroças é ilimitada.
-Igualito o multaré.
- ¿Por que?
-Vai no canal contrário.
- Em Alemanha pode-se manejar por onde se queira.
-Eh, igualito o multaré.
-¿Por que?
- Leva as luzes apagadas.
- Mas se é de dia. Cá sim, mas em Alemanha não.

189- três na moto


Vão 2 freiras numa moto e atravessam uma curva na que todo mundo lha cola, e lhes para um polícia
que lhes diz:
¿Como é que não lha têm colado? Ao que as freiras lhe contestam:
É que Deus está com nós.
E o policía lhes diz: ¡Multa por ter três na moto!

190-A muhler feia


Vai um senhor à delegacia e lhe diz o comissário:
-Senhor comissário, venho a denunciar o desaparecimento de minha esposa.
E lhe diz o comissário: ¡Muito bem, senhor! Apanham todos os dados da mulher e depois lhe dizem:
-¿Tem alguma foto para pô la aqui?
-¡Sim, senhor, aqui tem uma!
A vê o comissário e lhe diz: ¡Joder! ¿Pra valer que quer que a encontremos?

191-Forense torpe
Tinha um forense algo torpe num caso de assassinato. Em isso chega o comissário e lhe diz:
- ¿Qual é a causa da morte?
- Morte natural.
Nesse momento o comissário diz:
- ¡Mas se tem 15 facadas!
E o forense lhe contesta:
- Por isso é natural que morra.
192- cão policia
Vai Manolo com seu cão pela cidade e se cruza com Pepe.
- Homem Manolo, ¡quanto tempo sem te ver!.
- Sim Pepe, é que este trabalho de polícia é muito esgotador.
Em isso que passa um gato e o cão nem se move, e lhe diz Pepe:
- Mas Manolo, ¿que classe de cão é esse, que vê um gato e nem lhe ladra?.
- O que passa Pepe, é que este cão é da polícia secreta.

193- Infraccion.
Um motorista da policia civil para a um carro e lhe solicita a documentação.
- Tenho que os denunciar - diz o policía
- ¿Por que? - replica o condutor –
- Aqui põe Audi-4 e vão cinco.
- ¡Isso não pode ser! avise faz favor a seu sargento.
- Não moleste você ao sargento, que leva toda a tarde discutindo com os dois que iam num Fiat-1.

194-De semaforos e daltónicos.


Uma loira se salta um semáforo em vermelho e a detén um polícia
- ¿Lho sento oficial, é que sou daltónica.
- ¿Mas você acha que eu sou tonto?
¿Ou vai dizerme que em Daltonía não têm semáforos?

195-Carnet
Esta um casal da Policia civil de tráfico no arcén de uma estrada quando vêem passar a um carro a
toda a velocidade.
Lhe Identificam e diz um ao outro:
-Mas ¿não é ao que lhe tiramos ontem o carnet?
Lhe seguem e quando lhe atingem lhe dizem pela janela com muita ironía:
- ¿E o carnet?
- Mas se lho dei ontem, não me incomodem que mo têm perdido.

196- Lixo do vizinho


Um homem tem o costume de atirar o lixo todas as noites ao jardim de seu vizinho.
Uma noite este o surpreende e lhe diz:
- Se segues atirando o lixo em meu jardim não terei mais remédio que dar parte à polícia.
- A mim me dá igual, se queres lha dás toda, ¡eu não a quero para nada!

197-Um burro morrido


Um burro morre em frente a uma igreja.
Uma semana depois o corpo seguia ali, o Pai se decidiu chamar ao chefe de polícia.
- Sr. polícia tenho um burro morrido faz uma semana em frente à igreja!
O polícia, grande adversário político do pai contesta:
- Mas pai, ¿não é o Senhor quem tem a obrigação de cuidar dos mortos?
- ¡Asi é! Mas também é minha obrigação de avisar aos parentes...

198-Ninguém e Nenhum.
Tinham três amigos que se chamavam Tonto, Ninguém e Nenhum.
Tonto vai e lhe diz ao polícia:
Ninguém se caiu ao poço e Nenhum o está a ajudar.
Então o policía lhe responde ¿Você é tonto?
Sim, ¡Muito gosto!

199-Ladron educado
Caminhava um homem idoso por um parque fazendo exercícios e chega um jovem que lhe pergunta:
- Desculpe senhor , ¿por acaso não tem visto a um par de polícias pelo parque?
E o senhor maior lhe contesta:
- Pois... não, ¿por que? - Ah, então, acima as mãos que isto é um assalto.

200-Tartamudez
Vai um senhor conduzindo a 160 Km por hora e o para um polícia de trânsito e lhe pergunta:
- ¿Qual é seu nome?
E lhe contesta:
- Ja ja e me rio.
O agente molesto lhe diz:
- Não se ria, sina me diz seu nome mo levo detento.
E lhe diz:
- Ja ja e me rio.
O policía o leva detento e lê a licença de conduzir que dizia: Jaeme Rio, (sofre de tartamudez)

PIADA DE SOLDADOS
201-Maclovio
Estavam formados os soldados e em isso o general lhe pergunta a um soldado:
Soldado Maclovio, ¿Para você que é a pátria? Para mim a pátria é como se fosse minha mãe, geral.
Muito bem muchachito, muito bem. Soldado Cornelio, ¿E para você que é a pátria? O soldado
Cornelio fica pensando e diz: Para mim é como se fosse minha tia, geral. ¿E por que? Porque aqui, o
soldado Maclovio é meu primo.

202-Sargento e general.
Chama o general ao sargento por telefone às 3.00 da manhã e contesta um soldado:
¡Alo!, diz o soldado. Deme ao sargento e apressese. O sento senhor, o sargento está a dormir e não
quer que o molestem, chame manhã.
¡Olha incompetente, passame ao sargento agora mesmo! lhe contesta o general.
¿É você duro ou que?, lhe disse que o sargento está a dormir e não quer que o molestem, chame
amanhã, lhe grita o soldado. Senhor, ¿Você sabe quem sou eu?, lhe grita o general. Não sê e não me
interessa, lhe grita o soldado.
¡Eu sou teu general!, lhe grita o general. ¡chuuuuuuuuuuuuuttttaaaaaa!
¿E você sabe, quem sou eu?, lhe pergunta o soldado:
¡Não!, lhe responde o general.
¡Ah, que bom!, e lhe pendurou.

203-Um recruta gay


Ingressam novos recrutas à reserva militar, o coronel pede que se formem em bicha e que se listem
do 1 ao 7. Do 1 a 6 os recruta dizem com voz alta seu número, 1, 2, 3, etc. o sétimo com voz sexy diz:
¡Sete!
O coronel franze a frente e repete algo enojado: Favor voltar a dizer seus números.
E novamente 1, 2 e o sétimo novamente com voz sensual diz: ¡Sete!
O coronel muito enojadose acerca ao recruta e lhe diz com voz forte:
Eu gosto dos homens.
E o sete contesta com voz sensual:
¡Que bom, a mim também!

204-Uma navaja
Reúnem a todos os soldados no pátio do quartel e formam uma linha, e o sargento diz:
O que tenha uma navaja, dê um passo à frente.
E um soldado disse:
- Eu tenho uma, meu sargento.
E o sargento diz:
-Okay, você se vai a Hawaii por uma semana, e todas as despesas pagas.
Ao seguinte dia, o sargento volta a perguntar:
- O que tenha uma navaja, dê um passo à frente.
- E todos dão um passo à frente e o sargento lhes diz:
-¡Okay, hoje, todos a pelar papas!

205- No exército
O coronel a seu ayudante: Amanhã às nove terá um eclipse de sol, fenómeno que não ocorre todos os
dias. Ordene que saia a tropa ao pátio em traje de lida para que possam observar esta rareza natural,
e eu estarei presente para a explicar. Se chove, não poderá se ver nada, de modo que ordenará você
que se levem a tropa ao gimnasio. O ayudante do coronel ao capitão: Por ordem do coronel, amanhã
às nove terá um eclipse de sol; se chovesse não poderá ver desde o pátio e, portanto, em traje de lida
o eclipse terá lugar no gimnasio, coisa que não ocorre todos os dias.

O tenente ao sargento: Amanhã às nove, em traje de lida, o coronel eclipsará ao sol no gimnasio,
como ocorre todos os dias que faz bom tempo, se chove terá lugar no pátio. O sargento ao cabo:
Amanhã às nove o eclipse do coronel em traje de lida pelo sol terá lugar no gimnasio; se chove ali,
coisa que não ocorre todos os dias, a tropa formará no pátio. Comentários entre a tropa: Amanhã se
chove, o sol eclipsará ao coronel no gimnasio. Lástima que isto não ocorra todos os días

206-Soldado veterano
Se encontra um soldado veterano explicando a uns amigos o que lhe passou na guerra e lhes conta:
Eu tive a experiência de me cair dentro de uma letrina no campo.
¡Incrível!, comentam os amigos.
¿Até onde te impregnaste de toda essa porquería?, perguntam.
O veterano contesta:
Até os tornozelos. ¡Ah, pelo menos não estava tão cheia!, suspiram seus amigos. ¿Que não? ¡Caí de
cabeça!

207-Indios
Era uma vez que vêm muitos índios juntos a atacar e um soldado diz:
-Sargento por aí vêm uns índios.
E o sargento diz:
-¿Mas são amigos ou inimigos?
E o soldado lhe diz :
-Eu acho que são amigos porque vêm todos juntos.

208- inteligencia de soldados


Certo general, presumiendo da inteligência de seus soldados, lhe diz a um marinho. Vou demonstrarte
que meus soldados são muito inteligentes.
E lume a um soldado: Soldado, digame, ¿quanto é oito mais sete? O soldado contesta rapidamente:
Quinze, meu general.
E o general orgulhosamente felicita ao soldado e lhe diz:
¡Bravo soldado! ¡Passaste!
E o soldado rapidamente contesta:
¡Então, catorze meu general!

209-Quartel
Num quartel da milícia, tinha um soldado razo que era muito boa gente, ajudava a todo mundo em
suas tarefas, tinha muito bom sentido do humor, era muito colaborador, e ademais era muito
estudioso, o verdadeiro é que ao homem todo mundo o queria. Um dia mandam um telegrama ao
quartel onde diz que a que a mamãe deste soldado tinha morrido, mas ninguém queria lhe dizer tão
má notícia, o capitão que é quem recebe as mensagens manda ao comandante e lhe diz: Comandante,
tem a dura tarefa de dizerlhe a Gonzáles que sua mamãe morreu.
E o comandante sai todo afligido e lhe diz a outro e esse outro lhe diz a outro e assim até que se
encontram com um cabo que era mais mau que o ódio, que diz:
Dáme cá, eu sou quem lho vai dizer, quero a todos os razos aqui em bicha, e os razos se colocam,
que dêem um passo adiante os que tenham a sua mamãe viva.
¿Para onde vais teu Gonzáles?

210-Dia da Independência
Está um General revisando sua tropa no Dia da Independência e lhe pergunta ao Sargento:
A ver sargento, ¿Que é para você a bandeira?
Bom, meu General, a bandeira no maior, simboliza nossa liberdade, representa nossos direitos como
país livre, é o emblema de nossa nação, por ela devemos dar até a vida.
É mais, meu General, a bandeira é como minha mãe. ¡Muito bem! ¿A ver Recruta, que é a bandeira?
Oh, meu General, muito fácil, a bandeira é a mamãe do sargento.

211- chegaram os índios


O cabo olhando pelo catalejo (telescópio).
¡General, general, vêm os índios!
¿Se vêem grandes ou garotos?
¡Se vêem chiquitos!
Aviseme mais tarde.
¡General, general, se acercam os índios!
¿Se vêem grandes ou garotos?
Ainda se vêem chiquitos.
Aviseme, mais tarde.
¡General, general, chegaram os índios!
¡Dispare soldado! Não, ¿Como lhes vou disparar se os conheço desde chiquitos?

212-Uma guerra
Tinha uma guerra e num dos exércitos tinha um soldado muito flojo, muito flojo. De repente vem o
capitão e diz:
¡Vingam rápido, bico e pá, vamos todos a cavar uma trinchera!
E pergunta o soldado que era muito flojo:
Meu senhor capitão, ¿Para que vamos cavar uma trinchera?
E contesta o capitão:
Porque se ataca o inimigo, nós poderemos nos esconder.
E contesta o soldado:
¿E por que não atacamos nós e que eles cavem a trinchera?

213-Alimento para mascotas


Num acampamento o general decide lhe fazer uma pequena prova a seus soldados perguntandolhes,
que alimento lhes davam a seus mascotas.
O general lhe pergunta ao primeiro:
A ver, ¿Que lhe dá você a seu cão de comer?
E o soldado lhe diz: Carne, meu general.
E o general diz:
Reprovado, a carne é alimento para humanos.
O general lhe pergunta ao segundo: ¿Que alimento lhe dá você a seu cão?
E o soldado lhe diz:
Farinha, meu general.
O general diz:
Reprovado, a farinha é alimento de humanos.
E assim o general seguiu perguntando e quando lhe pergunta ao último:
¿Que alimento lhe dá você a seu cão?
Leste contesta: Bom meu general, eu lhe dou o dinheiro para que ele compre o que queira.

214- Um capitão do ejercito


Um capitão do ejercito, chega a ver suas tropas, os soldados estavam alinhados, esperando ao
capitão. Ao chegar, o capitão lhe diz:
Soldados, ¡firme! Um dos soldados se lhe aproxima e lhe diz:
¿Onde assino capitão?

215-Queartel militar
Estão num quartel militar e pergunta o general: ¿Que é isto? Os soldados respondem: ¡Uma metralleta
meu general! E ouve-se ao longe: ¡Uma metratella!
A geral pergunta: ¿Quem tem dito isso? Tenho sido eu, diz Bryan. O general manda ao cabo primeiro
a ensinarlhe a dizer metralleta.
Diz o cabo primeiro: Metralleta.
E reponde o soldado: Metratella. Não soldado, é metralleta. Sim senhor, metratella. Que não
soldado, é metralleta. Sim senhor, metratella. Às duas horas chegam ao quartel e diz o cabo primeiro
ao geral: Meu general já lhe ensinei a dizer metratella.

216-Um exército
Estava um exército esperando um ataque do inimigo e ao longe vêem a um soldado de seu país que
lhes diz:
¡Aí vêm, estão por chegar!
O general fálo esperar com as tropas e depois de três horas lhe pregunta:
¿Seguro que estão por vir?
O soldado responde: ¡Claro meu general, quase chegam! Depois de 12 horas o general volta-lhe a
perguntar e o soldado responde: ¡Devem estar por chegar, Deus queira que não lhe tenha passado
nada mau!

217- experiências duras


Resulta que um garoto de Torrejón de Ardoz chega a sua casa um meio dia sem ânimo de comer e
sem apetito.
-O pai lho olha muito sério e preocupado, porque o garoto levada dois meses fazendo o Serviço
Militar, e lhe diz:
- ¡Menhinooo! ¿Tão malamente se está em Paracas? que vens desganao, que não dormes mal, que
passas as noites em vela e que em cima não comes.
-¡Homem, papaaaaii! São umas experiências muito duras.Há um capitão ali que é muito severo e o
homem quando estamos a dois mil pés no helicóptero e está todo mundo preparado com a mochila
para saltar, me vê a cara de medo, e esta manhã ¿que te achas que me disse? - ¡Contame minha arma!,
lhe diz o pai.
- ¡¡¡¡¡Ou saltas agora mesmo ou te violo!!!!! - ¿E saltaste? prossegue o pai. -¡Ouve papaaa!, ao
princípio um poquito.

218-Soldados idiotas
O tenente chama a dois soldados, e lhes ordena medir o hasta para comprar a soga da bandeira pois
se acercavam as festas pátrias, e tinha que a instalar.
Os soldados obedientes partem a cumprir a ordem, em isso se percatan que não têm escala para
efectuar a medida, então um soldado lhe diz ao outro:
Saquemos o hasta e medimola no solo.
Quando estavam a executar a operação, passa o tenente e lhes diz:
¿Que estão a fazer, imbecis? Bom, estamos a medir o hasta meu tenente.
Idiotas, lhes disse o tenente, ao coronel lhes interessa saber o alto do hasta e não o longo.

219-¿quem descobriu América?


Um dia no exército, o general lhe diz ao sargento:
Amanhã na manhã na instrução formal vão ensinarlha a história de América, ao que o sargento lhes
responde: ¡Entendido meu general! Por conseguinte, recrutalos todos formados no pátio recebiam as
instruções do sargento,e em isso ele lhes diz:
Recrutas, no dia de hoje vamos estudar história.
E lhes pergunta: Recrutas, ¿quem descobriu América?
Los recruta respondem ao unísono e com voz forte:
Não sei, nós não temos sido meu sargento
. Ao escutar essa resposta, pergunta novamente: Recrutas, ¿quem descobriu América?
E voltam a contestar:
Não sei, nós não temos sido meu sargento.
O sargento sem saber que fazer se dirige onde o general e lhe diz:
Meu general, eu tenho perguntado aos recrutas que quem descobriu América, e eles me respondem
que não têm sido eles.
E o general lhe diz: ¡Colelhes, maltratelhes, eles mesmos têm de ter sido!

220- um eclipse de sol


O coronel ao comandante:
- Amanhã às 8:00 se á produzir um eclipse de sol, facto que não ocorre todos os dias.
Ademais, as previsões meteorológicas para amanhã anunciam chuvas, com o que não se á ver nada
ao ar livre. Portanto formaremos no gimnasio em traje de campanha.
- ¡À ordem de usía meu coronel! O comandante ao capitão:
- Amanhã às 8:00 se á produzir um eclipse de sol.
Segundo o senhor coronel se chove não se á ver nada ao ar livre.
Então, em traje de campanha, o eclipse terá lugar no gimnasio, facto que não ocorre todos os dias.
- ¡A suas ordens meu comandante! O capitão ao tenente:
- Por ordem do senhor coronel, amanhã às 8:00 terá lugar no gimnasio a inauguração do eclipse de
sol em traje de campanha.
O senhor coronel dará as ordens oportunas de se deve chover ou não, facto que não ocorre todos os
dias. Se faz bom tempo e não chove, o eclipse terá lugar no pátio.
- ¡A suas ordens meu capitão! O tenente ao sargento: - Por ordem do senhor coronel amanhã às 8:00
choverá no pátio do quartel, facto que não ocorre todos os dias.
O senhor coronel, em traje de campanha, dará as ordens no gimnasio para que o eclipse de sol se
celebre no pátio
. - ¡A suas ordens meu tenente!
O sargento ao cabo: -
Por ordem do senhor coronel amanhã às 8:00 terá lugar o eclipse do senhor coronel em traje de
campanha por efeito do sol.
Se chove no gimnasio, facto que não ocorre todos os dias, se á air ao pátio.
- ¡Vale tito!
O cabo ao soldado:
-Amanhã a isso das 8:00 parece ser que o sol em traje de campanha eclipsará ao senhor coronel no
gimnasio.
¡¡Lástima que isto não ocorra todos os dia!!

PIADAS DE MENINOS

221- não sabo nem não sepo


Estavam dois meninos a cada um com um trompo e um lhe diz ao outro: A ver, dança o trompo. E o
outro lhe contesta:
Não sabo. O outro lhe diz:
-Não se diz "não sabo" se diz "não sepo".
Nesse momento uma senhora estava a escutar a conversa dos meninos e lhe diz:
- Não se diz nem não sabo nem não sepo.
Os meninos lhe perguntam:
-Então, ¿Como se diz?
A senhora lhe contesta:
Não sei.
E os meninos dizem:
Então, por que se mete no que não se importa.

222-Tampax

Um menino lhe pergunta ao outro:


- ¿Que lhe vais pedir a Papai Noel neste ano?
Eu lhe vou pedir uma bicicleta, ¿e tu?
- Eu lhe vou pedir um Tampax.
- ¿Um Tampax? ¿E que é um Tampax?
- Não o sei, mas na televisão dizem que podes ir à praia todos os dias, correr em bicicleta, ir a
cavalo, dançar, ir à discoteca, fazer todo o que queira

223- O florero
Na classe de Jaimito, a mestre lhes pede aos meninhos que se portem bem aquela tarde porque o
diretor iria visitar a classe.
Lhes pede especificamente que não digam:
- Mestre: ¿posso ir ao banho a orinar?
Sina que digam:
- Mestre: ¿posso ir cortar uma flor?
Pois soa mais bonito e isso impressionaria ao diretor. Chega a hora, e o diretor entra e se senta os
meninos começam a chamar à maestra... Juanito
- Mestre: ¿posso ir cortar uma flor?
María:
- ¿Mestre: posso ir cortar uma flor?
Pablito:
- ¿Mestre : posso ir cortar uma flor?
E sai Jaimito:
- Mestre, ¿me presta papel para limparme o florero?
224-Autocarro
Tinha uma vez um menino e um condutor de autocarro e o menino diz:
- Se meu papai fosse um cavalo e minha mamãe uma yegua eu seria um caballito
- Se meu papai fosse um porco e minha mamãe uma porca eu seria um cerdito
O condutor, dos nervos, não aguenta mais e lhe diz :
- Se teu papai fosse gay e tua mamãe uma prostituta , ¿que serias?
e o menino diz :
- Seria um condutor de autocarro.

225- órgão de reprodução masculino


- Perdão papai, ¿te posso fazer uma pergunta?
- Por suposto...
- ¿Que é... "pene"?, perguntou a menina.
- O homem sorriu e respondeu:
- Vêem muchachita, sentate aqui, a meu lado... Verás, seguramente tê lo ás ouvido nomear de outras
formas, é algo que tem muitos nomes populares.
Entre os meninos vais ouvir falar do pito.
Também lo escutá ás com nomes de vegetais como a cenoura, o pepino, etc.
Como verás os apodos podem ser masculinos ou femininos.
Também se lhe menciona com nomes de animais como o pássaro ou pajarito, o gusanito, etc...
Também como instrumento musical, como a flauta.
Ou embutidos, como a salchicha, o chorizo, a morcilla e todo o tipo de outras denominações de
fantasía.
Por suposto também se fala dele de forma carinhosa. As mamães lhe dizem aos nenes "que cosita tão
linda tem meu bebé”
- Mas o importante é que se trata do órgão de reprodução masculino, e está composto por um glande
ou cabeça, que é um corpo cavernoso, e o corpo propriamente dito. Surcan seu corpo a uretra, que
leva o pipí ao exterior desde a vejiga, o conduto espermático, que leva o esperma desde os
testículos, e dois arterias importantíssimos. Quando o homem se excita, essas arterias começam a
bombear sangue para a cabeça, que se endurece, e permite a relação sexual e a saída do esperma que
leva as semillitas ao órgão feminino, para permitir a procriação.
Por exemplo, assim vos fizemos mamãe e eu a ti e a tua hermanito.
- Mas... ¿por que mo perguntas?
- É que ontem no colégio, nos disseram que se morreu o papai de uma colega de turma e a maestra
nos disse que temos que levar um euro para lhe fazer uma missa no sábado para que sua alma não
pene e descanse em paz.

226-O mundo dá voltas


Jaimito chega do colégio e lhe diz a sua mãe:
Mamãe, mamãe, hoje temos aprendido no colégio que o mundu dá voltas.
Pela tarde sua mãe o manda a comprar, passa 1 hora, 2 horas, três horas, quatro horas, e a mãe vendo
que não voltava se assoma pela janela, e vê a Jaimito sentado nas escadas da entrada.
Sai e se senta a seu lado e lhe pergunta:
Jaimito, ¿Quando vais ir a comprar?
Ao que o meninho responde:
Como o mundu dá voltas estou a esperar a que passe um supermercado por aqui.

227- de pesca
Uma meninha vai pescar com seu pai e volta com a cara toda vermelha.
A mãe, assustada, pergunta:
-Filha. ¿Que sucedeu?
-Foi um mosquito muito grande...
- ¿ E te picou?
-Não teve tempo, papai o matou com o remo.

228-Barbie divorciada
Um homem lhe vai comprar um brinquedo a sua filha e lhe pergunta à vendedora:
- ¿Quanto custa a barbie do escaparate?
De uma maneira condescendiente a da juguetería lhe respondeu:
- ¿qual? temos:
Barbie vai ao gimnasio, por 19.95 euros,
Barbie joga ao volley, por 19.95 euros,
Barbie vai de compras, por 19.95 euros,
Barbie vai trabalhar, por 19.95 euros,
Barbie vai dançar, por 19.95 euros,
e Barbie divorciada, por 265.95 euros.
a lancha de Ken,
os muebles de Ken,
o computador de Ken...
¡e um amigo de Ken!
Assombrado, o homem pergunta:
- ¿Por que a barbie divorciada custa 265.95 euros quando as demais custam 19.95?
A vendedora com ar de autossuficiência responde:
- Senhor, Barbie divorciada vem com:
o carro de Ken,
a casa de Ken,

229-Gitano
Vai o filho ao pai gitano e lhe diz:
- Ai papa me vou ao colégio.
e seu pai lhe diz:
- Muito bem filho, a ver quanto é 4x4.
- Papa pois um todoterreno.
- Muito bem filho e 3x2.
- Pois o carrefour.
- vale e agora um problema de matemáticas. Se num huerto há 200 melones e na furgoneta cabem só
100 quantos ficam.
- Papa nos fica outra viagem.
e agora vem o outro filho e lhe diz:
- Ai papa eu também sou o mais pronto da classe porque estávamos no vestuário e os meninos a
tinham muito pequena e eu a tenho grande isso papai é por ser gitano?
- Não filho isso porque tu tens 18 anos e vais com os de primária.

230- Peluquería
A mãe de Jaimito, diz:
- Vamos à peluquería
- Não... é que não tenho vontades.
- Mas Jaimito ¿por que tens medo de ir à peluquería?
- Porque há um creme que te tira dez anos e eu só tenho sete.

231-Num restaurante
Uma mãe que estava a comer com seu filho de 10 anos num restaurante
Ao pagar deixa uma propina e num descuido o menino se mete um euro na boca e se atraganta
Em isso a mãe começa lhe dar palmadas nas costas, golpes e demais mas o menino não a cuspe e
entra em momentos de asfixia, o qual a mãe começa a gritar pedindo auxílio !!
Em isto um senhor que também comia ali, se levanta todo tranquilo, sem mediar palavra tudo com
tranquilidade chega até o menino, lhe baixa os pantalones e lhe aperta os testículos com força, lhe
dando um tirón para abaixo com bastante violência ,
O pobre garoto ante a dor inaguantable expulsa a moeda
O homem volta a sua mesa com a mesma parcimónia que tinha chegado
Ao cabo de uns minutos se acerca a mãe para agradecer ao senhor e lhe pergunta é
- ¿Você medico?
- NÃO - responde o caballero - SOU SERVIDOR PÚBLICO DE FAZENDA experiente em tocar os
caralho até sacar a última moeda.

232-meninos tontos
Duas mães falam de seus respectivo filhos:
- Tenho um filho mais tonto!
- Pois anda que eu!
Os dois filhos se acercam e diz a mãe 1:
- Anda, Marianico, te vai a casa a ver se estou.
E o menino se vai. E diz a mãe 2:
- Anda Santiaguico, toma esta peseta e me compra um T.V. em cor,
e o menino também se vai. Durante o caminho, se encontram os dois,
e dizem:
- Tenho uma mãe mais tonta!
- eu tamben
- Fixate, a minha me manda ir a casa a ver se esta e não me dá a chave.
- Pois fixate a minha, que me dá dinheiro para comprar um T.V. em cor,
e não me diz de que cor a quer.

233- um milhão de euros


¡Papai! ¡Papai! No colégio, na classe de informática, pediram-me que para amanhã explique a
diferença entre ‘virtualmente’ e ‘realmente’.
- Bom, pergunta a tua mãe se deitarse ia com outro homem por um milhão de euros. O menino
obedece:
- Mamãe, ¿deitarte ias com outro homem por um milhão de euros?
- ¡Por suposto!
- ¡Papai! ¡Papai! ¡¡¡Disse que sim!!!
- Bom, agora anda e pergunte a tua irmã.
- María, ¿deitarte ias com um homem por um milhão de euros?
- ¡Claro que sim!
- ¡Papai! ¡Papai! ¡¡¡Também disse que sim!!!
- Vale e Perguntelhe também a teu irmão maior.
- Juan, ¿deitarte ias com um homem por um milhão de euros?
- ¡¡¡Pois claro!!!
- Papai, papai, ele também tem dito que sim!!!
- ¿Vês?, ‘VIRTUALMENTE’ temos três milhões de euros, mas ‘REALMENTE’ só temos um par de
putas e um gay em casa.

234-Pepe baixa
Pepe estava acima de uma árvore e sua mamãe lhe diz:
- Pepe baixa
- e Pepe contesta:
- Não, não quero.
Vêm os polícias e lhe dizem:
- Pepe baixa
- e Pepe contesta:
- Não, não quero.
Vêm os bombeiros e lhe dizem:
-Pepe baixa
e Pepe contesta:
- Não, não quero.
Vem o cura e lhe faz o sinal da cruz e Pepe baixa.
A mamãe lhe pregunta:
- ¿Por que baixaste? - e Pepe contesta:
- Porque o cura me disse baixa ou ta corto.

235-Noticias
Mamãe, mamãe, te tenho duas notícias, uma boa e outra má.
- A ver filho, dizeme primeiro a boa.
- Pois que tenho deixado a droga.
- Ai que bem filho, muitas felicidades, e a má?
- Que não sê onde

236- A Culpa é de presidente


Um menino regressa da escola a sua casa, cansado e faminto e lhe pergunta a sua mãe:
-mãe, ¿que há de comer?
-Nada, filho.
O menino olha para o loro que têm e pergunta:
-mãe, ¿por que não comemos loro com arroz?
-Não há arroz.
-¿E loro ao forno?
-Não há gás.
-¿E loro na grelha elétrica?
-Não há electricidade.
-¿E loro fritado?
-Não há azeite…
E o loro contentísimo grita:
-¡¡VIVA PRESIDENTE! ¡¡VIVA PRESIDENTE!!

237- A professora de Jaimito


A professora de Jaimito em classe, pergunta:
- Pepito se atiramos uma pedra ao água, ¿Que passa?
- Que se afunda.
- Juanito se atiramos uma folha ao água, ¿Que passa?
- Que flutua.
- Jaimito e se jogamos um palito, ¿Que passa?
- Mas que seja rápido, que tenho pressa.

238- segue participando


Tinha um menino que jogando à pelota se lhe saiu um dente, e lhe perguntou a sua mãe: Mamãe
mamãe se me saiu um dente ¿Que faço?
E em isto a mãe lhe contesta:
-Deixao embaixo de teu almohada e o ratoncito dos dentes te á dar algo.
O menino isso fez, e no dia seguinte sua mamãe lhe perguntou:
-¿E te que trouxe o ratoncito?
E o menino lhe responde:
-Nada, me deixou um papelito que dizia, "segue participando"

239-Uma vidente
Numa feira, um homem se topa com a loja de campanha de uma adivinha.
Pensando em passar um bom momento, entra nela e se senta.
- Posso ver que é pai de dois meninos, diz a vidente, olhando sua bola de cristal.
- ¡Ajá! Isso é o que você crê, diz o homem com desdén. Sou pai de três.
- ¡Ajá! - diz adivinha a-. Isso é o que você crê!!!

240-Chorizos
Um Galego tinha uma fábrica de chorizos e estava a ensinar a seu filho como funcionava.
- Filho, se metes um burro por este buraco, passará por esta máquina e sairão por aqui os chorizos.
O filho depois de pensar um momento lhe pregunta:
- Pai, ¿e se meto um chorizo por este buraco, então sairá um burro pelo outro?...
- ¡NÃO! nooo... nooo... metes um burro por cá, passará e sairão por aqui os chorizos.
..
- ¡Ahh !então, meto o chorizo por cá e por lá sairá um burro
Desilusionado, o pai lhe responde
- Não, filho..., o único buraco ao qual lhe podes meter um chorizo e sai um burro, o tem tua mãe.

PIADAS DE ANIMAIS
241-Caperucita
Caperucita se encontra com o lobo no meio do bosque e lhe diz:
- Lobo, ¡que orelhas mais coloradas tens!
- Sim...
-Lobo, ¡que cara mais vermelha tens!
-Sim...
- E... ¡que torcidas tens as veias do pescoço!
- Sim... - Lobo, ¡que abertos tens as olhos!
-¡Siiiiiiiiiiiiiim!
- Lobo, ¡que apertados tens os dentes!
- Caperucita, ¿¿¿poderias ir te e deixarme defecar em paz???

242- O leão e macaco


O leão se desloca majestosamente pela selva.
O macaco o vê vir e sobe velozmente a uma árvore.
- Tranquilo, macaco:
hoje estou de bom humor e quero ser amigo de todos os animais.
Se baixas não te fáei nada.
- Não baixo. Não te creio.
- Baixa, macaco. Quero ser amigo. Para que vejas que não te fáei nada me vou atar. ¿Vês? Já não me
posso mover. Baixa e te cumprimento.
O macaco baixa tremendo da árvore.
- ¿Por que tremes? Quero ser teu amigo.
- Tremo de emoção: ¡é a primeira vez que lhe vou romper a cara a um leão!

243-Pepe é génio
- ¿Como é que ultimamente te vai tão bem Pepe?
- Lho devo a um porco que me comprei. Foi um pouco caro, mas ¡é um génio! É capaz de ir ao casino
¡e ganhar! Graças a isso já não tenho problemas económicos Ademais, me descobriu na granja uma
mina de ouro e petróleo.
Ele mesmo se encarrega de negociar os contratos. Por se fosse pouco, faz um mês se queimou nos a
casa e ele nos resgatou a mim e a minha família a risco de sua própria vida.
- ¡Que impressionante! ¿Posso vêlo, Pepe?
- Sim, claro, é esse: o das patas de pau.
- ¿Um porco com dois patas de pau? ¿Que lhe passou?
- ¡Homem! Com o cariño que lhe tomámos ¡não acharás que no lo vamos a comer!

244-Puzzle de tigre
Uma manhã de Domingo, às 08:00 horas, uma loira encantador lume a seu noivo muito alterada:
- Tens que vir a me ajudar. Tenho um puzzle e não sou capaz nem de começar!
- ¿Que classe de puzzle? - Segundo a foto da caixa, é um tigre.
Como a ele se lhe dão muito bem os puzzles decide passar a lhe jogar uma mão, de modo que se põe
os pantalones e se vai.
Entra e se acerca à mesa onde estão todas as peças dispersas ao lado da caixa. Olha as peças, logo a
caixa e ao cabo de um momento se volta para ela:

- Bom, para começar, o sento muito, mas não vejo como unir estas peças para formar o tigre, e
segundo, te aconselho que te relaxes, te tomes um café e depois metas os Froskies de Kellogs em sua
caixa.

245-Papagayo
No vagão de um comboio viajavam um velho com o cabelo todo cheio de gel e um jovem punk. O
velho não podia tirar o olho do decorado do menino, com o cabelo tão multicolor, a maior parte
verde, uma parte amarelo e a melena a listras de cores que parecia um arco íris. Em isto, o menino se
molesta das miradas do velho e lhe diz:
-¿Quee paaassa, avô? ¿Vai dizerme que de jovem nunca fez nada raro? - ¡Claro que se! Uma vez mo
fiz com um papagayo e estou a pensar se tu não serás meu filho.
246-A gata não regresso
Um senhor que tinha uma gata, estava harto de que lhe arranhasse todos os muebles da casa e não
sabia como se desfazer dela, se foi ao monte e a deixo abandonada. Após uns dias a gata regressou.
O senhor lha voltou a levar e a atirou do outro lado do monte, e a gata voltou.
Desesperado, lhe perguntou a um amigo, como o podia fazer para que não voltasse e este lhe deu
algumas indicações:
- Cruza o monte, vê ao rio e o cruza, gira à direita, depois à esquerda, outra vez à direita, cruza a
ponte e deixa a gata.
Após uma semana, se encontra com o amigo, todo sujo, cansado, faminto, desvelado e sedento, e lhe
pergunta:
-¿Como te foi?
- Que queres que te diga, que se não é pela gata, ¡não regresso!

247-Safari
Se encontram dois amigos e um lhe diz a outro:
- ¿Tudo bom o safari de leões?
-Muito ajetreado ouve, te conto:
- Ia pela sabana quando de repente camuflado entre os matorrales aparece um enorme leão macho.
Saco o rifle e disparo mas com o nervosismo falho o tiro, o tento por segunda vez e se me
encasquilla, decido soltar o rifle e saio correndo. O outro lhe diz:
- E o leão ¿que para?
- ¡Me seguia! - Vejo perto um pequeno barranco me atiro por ele e caio a um rio.
- ¿E o leão que fazia?
- ¡Me seguia!
- Vejo uma árvore inclinada e penso me subirei por ele.
- ¿E o leão que fazia?
- ¡Me seguia!
- Vejo de longe uma choça me encaminho a ela.
- ¿E o leão que fazia?
- ¡Eh! Te preocupas mais do leão que de mim.

248- O veterinário
Um veterinário vai a um medico amigo seu porque se encontra mau.
O médico lhe diz:
- Vamos realizarte uma analítica, umas provas de estômago, umas placas de tórax e depois te fáeium
diagnóstico e te recetaré o remédio.
O veterinário lhe contesta:
- Pois vá, eu quando vejo os sintomas de uma vaca doente não preciso mais, lhe receto
imediatamente.
Ao que o médico lhe contesta: - Bom pois olha tomate estas pastillas e se te vão bem pois nada e se
não, te sacrificamos.

249- Tigre miserável


Isto é a selva, onde há um tigre que é um chulo. Quando vê a um macaco, se acerca a o, e lhe diz
rugindo com todas suas forças:
- ¿Quem é ele mais poderoso dos animais da selva?
O macaco, todo assustado, responde:
-¡Teu, por suposto, tu és o mais poderoso de todos os animais!
O tigrese afasta satisfeito de se mesmo e sorrindo, quando vê a um ciervo; de novo, se acerca
correndo e gritando, e lhe pergunta:
- Dizeme, miserável ciervo, ¿que animal é o mais poderoso?
- ¡Sem dúvida alguma tua, o tigre, és o mais poderoso da selva!
O tigre lhe deixa em paz e se afasta com o rabo bem alto, e então vê ao elefante.
De novo lhe grita amenazadoramente e lhe pergunta:
- Dizeme, elefante gordo e asqueroso, ¿que animal da selva é o mais poderoso?
O elefante, que já esta harto das tonterias do tigre, lhe cola um pisotón, depois lhe agarra com a
trompa e começa a lhe dar golpes contra as árvores, depois o atira contra uma rocha.
Quando o tigre recupera o alento, vai e lhe diz:
- ¡se não sabes a resposta não tens por que te molestar!

250-Rifle potente
Se encontramdois amigos e um lhe diz ao outro ¿tudo bom tua viagem por Africa e o safari de
gorilas?
- Bem, bem, muito bem Anda me conta detalhes.
-Bom pois em primeiro lugar deves pertrecharte: comprar um rifle muito potente e de alta precisão,
contratar os porteadores e naturalmente fazerte com um bom cão gorilero.
- Quando chegas ao cazadero teu te sobes a uma árvore, os porteadores movem as árvores onde estão
os gorilas; quando cai, o cão gorilero se lança ferozmente a por ele e lhe morde os testículos.
O gorila se retorce de dor, momento que aproveitam os porteadores para lhe jogar uma rede e ..., já
está caçado.
- O amigo, que segue o relato, lhe pergunta:
E então... ¿para que queres o rifle potente e de alta precisão?
Bom é que às vezes os porteadores se equivocam e movem tua árvore, te cais, e não tens mais
remédio que matar ao cão.

251-Macaco mau educado


Entra a um café um homem levando a um macaco com uma correia. Se senta, pede uma bebida para
ele e um zumo de plátano para o macaco. O animal se toma o zumo, atira o copo ao solo e começa a
correr por todo o bar, lançando gritos e fazendo destrozos.
Finalmente, chega à mesa de billar, se pára, vê a bola branca que esta sobre o paño da mesa; a agarra
e se lha come. O dono do bar, enfurecido, lhe recrimina ao homem:
- Ouça me, você, ¡Esse macaco seu é um selvagem, primeiro me destroça o bar e depois se come
minha bola de billar! Vou jogá a patadas a você e a esse bicho de mierda. O homem, envergonhado,
lhe diz ao dono:
- Não se preocupe amigo, eu lhe pago por todos os danos.
Dito isto, saca um fajo de bilhetes e se vai.
Ao cabo de uma semana voltam o homem e seu macaco ao mesmo bar.
O homem pede um engolo para ele e um zumo de plátanos para o macaco. O macaco desta vez se
comporta decentemente; se toma mas sem romper nada. Em isto que vê sobre uma mesa um gelado
com uma cereza em cima. Agarra a cereza, a olha bem, e procede a lhe a meter no cu com toda a
delicadeza. Lha saca, a volta a olhar, e lha come. O dono do bar, indignado, outra vez lhe recrimina
ao homem:
- Ouça! Esse bicho asqueroso seu é um inmundo!. ¿Viu o que fez? Adiante de todos meus clientes, se
mete uma cereza no cu e depois lha come. Ao que o homem lhe contesta:
- Se, olhe, tem que o compreender, com o que lhe custou cagar a bola de billar, agora dantes de
comer qualquer coisa primeiro a mede.

252- Arca de Noé


Estava Noé no arca com todos os animais, e para que não se reproduzissem, lhe corta o membro a
todos os machos e os põe num saco grande, após os 40 dias de diluvio quando já estão em terra firme
os reúne para lhe devolver seu respectivo à cada um... Primeiro saca a do leão e diz o leão: essa é
minha Saca a do porco e diz o porco: essa é minha... Depois saca a do burro, e a macaca lhe diz ao
macaco que tem ao lado: ¡dize-lhe que é tua, lhe dize que é tua!

253-A tartaruga tonta


Há uma escassez de comida na selva, o leão propõe contar PIADAs e o que faça reir a todos os
animais se salva, se não o matam.
-O coelho conta um PIADA buenísimo e todos se riem menos a tartaruga, matam ao coelho.
-O urso conta um PIADA buenísimo e todos se riem menos a tartaruga matam ao urso.
-O cavalo conta um PIADA malísimo e ninguém se ri e começa a tartaruga a se rir a gargalhada e diz
-: o PIADA do coelho buenísimo, buenísimo jajaja

254-Ao criador de porcos


Um homem baixa de seu carro e se acerca ao criador de porcos:
- ¿Que lhe dá de comer a seus porcos? - Pois eu lhe dou as sobras da comida, basurillas e outras
inmundicias que encontro por aí.
-¡Ouça, que se creu, deve pagar uma multa de 1 milhão de euros por tratar mau aos animais! O
criador fica todo incomodado e, ao passar um tempo, chega outra pessoa que lhe pergunta o mesmo, e
desta vez diz:
- ¡Ouça, que se creu, deve pagar uma multa de 1 milhão de euros por tratar mau aos animais! O
criador fica todo incomodado e, ao passar um tempo, chega outra pessoa que lhe pergunta o mesmo, e
desta vez diz:
-O criador já não sabe que fazer, passa o tempo, chega outro tipo e lhe pergunta outra vez que comida
lhe dá aos porcos, e diz:
- ¡Olhe, eu lhes dou 50 € à cada um e que se comprem o que queiram!

255-Caperucita visita a sua vehla


Uma vez Caperucita Vermelha foi a visitar a sua velha sem saber que a sua abuelita lha tinha comido
o lobo, entra à casa e diz:
- Abuelita, que olhos tão grandes teu tens.
E a abuelita diz: - É para verte melhor.
Novamente, Caperucita olha a seu abuelita e diz:
- Abuelita, que orelhas tão grandes tua tens.
E a abuelita diz: - É para escutarte melhor.
Caperucita volta a insistir:
- Abuelita, que nariz tão grande teu tens.
E a abuelita lhe diz:
- É para cheirarte melhor.
- Abuelita que boca tão grande tua tens. E a abuelita contesta já cansada de suas perguntas:
- ¿A que tens vindo, a me visitar ou a me criticar?

256-Homen rico
Um homem rico passeia pelo parque com seus dois cães dóberman que lhe custaram uma millonada e
que estão superentrenados para brigar com outros cães. De repente vê a um vagabundo despeinado
com um cão pulgoso e maloliente, para reirse dele lhe reta:
- Fazer uma briga um sozinho cão meu com o teu.
O vagabundo lhe responde:
-Não, melhor teus dois cães contra o meu. O homem rico aceita e começa um grande combate.
Quando termina tudo com os dois dóberman mortos, o rico rompe a chorar junto aos cadáveres
dizendo:
- Meus cães, me custaram 100.000 euros a cada um.
O vagabundo responde:
- ¿ ¡E tu que achas que a meu me presentearam a cirurgia plástica de meu cocodrilo?

257- se não é uma cabra


Um homem pretendia embarcar com seu cabra rumo a Mallorca quando lhe vê o controlador de
aduanas e diz:
- A cabra não passa.
O senhor se marcha e no caminho encontra um amigo que lhe aconselha que pinte a cabra de negro e
lhe ponha uma focinheira para fazer achar que é um cão.
O homem lo fá e volta ao barco. Ao entrar, o da aduana lhe diz: -
¡ Lhe disse que a cabra não passa!
- Mas, se não é uma cabra, é um cão.
E o controlador lhe contesta: - Se claro...¿e os cornos?
- ¡Na vida privada de meu cão não se meta agente!

258-Um loro musico


-Isto era um homem que queria comprar um loro.
Entra a uma loja de animais e vê a três loros; o primeiro loro cantava karaoke e pergunta:
- ¿Quanto custa este loro? - 20.000 euros.
O senhor pergunta pelo seguinte loro que cantava óperas.
- ¿Quanto custa este outro loro? - 30.000 euros.
Logo o comprador pergunta pelo último dos loros que estava mau vestido, despeinado e fumando.
- ¿E quanto custa este?
-100.000 euros
Ao que o senhor estranhado pergunta:
- ¿Por que este é tão caro? O vendedor responde:
- Senhor... porque este é o que escreve as canções, lhe põe a música, e prepara os concertos.
259-Tartaruga penosa
Uma tartaruga começa penosa e lentamente a subir a uma árvore. Após várias horas de esforço,
quando chega à ponta, se lança ao vazio e se dá um feroz golpe no solo. Pouco depois, a mesma
tartaruga volta a fazer o esforço e lentamente, trepando como pode, chega de novo quase à ponta, se
lança e se volta a dar outro costalazo. Novamente, testaruda, faz outro tremendo esforço e após muito
momento e muitos jadeos, vai chegando à ponta da árvore quando se escorrega, se volta a cair, agita
seus patitas e se cola novamente um grande golpe no solo. Na mesma árvore no extremo de um ramo,
tinha um casal de pombas a olhando com lástima, então a pomba fêmea lhe diz ao pombo macho:
- Ouve, querido, ¿Não te parece que já é hora de que lhe digamos à tortuguita que ela é adoptada?

260-Autocarro
-Um carnicero estava a trabalhar muito ocupado, quando vê entrar a seu local um cão ao que joga da
loja, pouco depois o cão entra novamente e desta vez o carnicero se dá conta que o cão traz uma nota
no focinho que diz:
¿Poderia darme uma perna de cordeiro, faz favor?
O olha, e agora tem um bilhete de 10 euros no focinho, de modo que o carnicero assombrado toma o
dinheiro, mete a perna de cordeiro numa carteira e a coloca no focinho do cão, o carnicero
impressionado decide fechar a loja e seguir ao cão, este toma uma rua até um cruze onde se detém,
deixa a carteira no o andar e se pára em seus patas traseras para pressionar o botão de cruze, uma
vez que muda a luz, toma a carteira, avança e chega até um paradeiro de autocarros, aí se senta
pacientemente e quando se aproxima um autocarro se pára, olha o número e se volta a sentar até que
chega o autocarro adequado, então toma a carteira e se sobe, já acima do autocarro olha pela janela
distraidamente até que chegam a um sector da cidade onde toca o timbre e se baixa, que chega a uma
casa, deixa a carteira no solo e com a cabeça começa a golpear a porta um par de vezes e e como
ninguém abre a porta, dá a volta à casa, desta vez golpeia uma janela e regressa novamente à porta a
esperar que abram, quase imediatamente aparece um tipo na porta que começa a gritar ao cão, pelo
que o carnicero lhe diz:
¡Mas homem! ¿Por que trata assim ao animal? ¡É um génio, bem poderia sair na televisão!
Ao que o homem responde:
¿Génio? ¿Está você louco? ¡Esta é a segunda vez nesta semana que esquece sua chave!

PIADAS DE DESPORTES
261-Equipa de baseball
Erase uma vez dois rapazs aos que gostavam muito jogar baseball, então de uma tarde falando, se
perguntavam se no céu existiria uma equipa de baseball e se fizeram uma promessa:
"O primeiro de nós que morra, vai regressar à terra para dizer se existe ou não uma equipa de
baseball no céu".
Dois anos depois, um deles morre e regressa à terra como tinha prometido e lhe diz a seu amigo:
Tenho uma notícia boa e uma má.
E o amigo diz:
¿Qual é a boa?
Ao que o outro lhe contesta:
Sim, há uma equipa de baseball no céu.
E então, ¿Qual é a má?
Ao que o morto lhe contestou:
¡Que tu és o pitcher na próxima semana!

262- Goleiro da selecção


Uma mulher vai ao médico e este lhe diz :
- ¡ Você está grávida ... um dia , vai dar
a luz e lhe sai o menino voando , se choca na parede e se morre.
Isso lhe passa umas quantas vezes !
A mulher, um dia chama ao goleiro da selecção nacional para que pare a um menino , que vai ter .
Chega no dia do parto . O goleiro se põe suas luvas, sai o menino e o goleiro o pára e
grita :
- ¡¡¡ Saímos !!!e cola uma voada com o menino .

263-Noticias
Dois futebolistas, lembram que o primeiro que morra , informará ao outro de se no céu há futebol .
Um de les, se morre e ao pouco tempo seu espírito volta à Terra para dizer a seu
amigo .
¡ Conforme combinamos , venho a informarte. Mas das duas notícias , uma é
boa e a outra , má !
- ¡ Dáme a boa , primeiro !
- ¡ Que no céu , sim existem as equipas de futebol .Todos os domingos jogamos !
- ¡ Estupendo ! ¿ E qual é a má ?
- ¡ Que no próximo domingo ... jogas tu !

264-Suicidate homem suicidate


Um homem se quer atirar de uma ponte em Sevilla ( Espanha ) , quando passa por ali outro que lhe
diz :
- ¡ Mas homem ! ¿ Por que te queres suicidar ?
O primeiro contesta :
- ¡ A vida é uma porquería , já nada faz sentido para minha !
- ¿ Como que não ? ¡ A vida é bela , pensa por exemplo em tua mulher ... seguro que tens uma
estupenda mulher que te espera em casa !
- ¡ Não ... minha mulher se fugó com meu melhor amigo !
O segundo homem , tentando por todos os meios evitar que o outro se suicide , responde :
- ¡ Pois , então pensa em teus filhos ... a esperança de futuro que eles representam !
¡ Meu filho é drogadicto ... minha filha se prostituye !
Já sem saber quase que dizer , o outro replica :
- ¡ Bom ... pois olha , ainda te fica o Clube Real Betis , que esta temporada vai muito bem !
- ¡ É que eu sou do Sevilla !
Em isto , o segundo homem empurra ao primeiro ao rio e lhe diz :
- ¡ Pois ..então suicidate , homem ...suicidate !

265-Concorrência de natación
Esta era uma competição de natación muito especial, pois se tratava de ver quem nadava 100 metros
sem que o devorassem os cocodrilos que estavam dentro do lago. Entra um japonês e lhe contam: 10,
20, 30, 40, 50, 60, 70 metros, e lho engullen os cocodrilos.
segue o francês e lhe contam: 10, 20, 30, 40, 50, 60, 70, 80 metros, e os cocodrilos no devoram.
após isso, ninguém se atrevia a participar, pelo que pelos altavocê s solicitavam mais participantes...
- ¿que temos aqui? um mexicano, diz o locutor, e lhe contam: 10, 20, 30, 40, 50, 60, 70, 80, 90, 100
metros.
- bom temos um ganhador - anunciam.
- ¿quer dizer algo ao público?, entrevistam ao atleta.
- ¡que joda a sua mãe o que me aventó!, estoira o nadador

266-Escalada perigosa
2 alpinistas estão numa parede vertical altísima quando um deles se desprende e começa a cair.
o outro não pode lhe ver, e pergunta:
- ¿pepe? ¡pepe!! ¿estás vivo?
- sim...
- ¿te golpeaste a cabeça?
- não...
- ¿que te rompeste algo?
- nada...
- ¿como te encontras?
- perfeitamente...
- espera e baixo a ajudarte.
-¿quantos metros estas por embaixo de mim?!!
- 750...800...850...900...

267-Atletismo feminina
Um ambicioso treinador de uma equipa feminina de atletismo decidiu darlhes grandes doses de
hormonas às garotas para melhorar seu rendimento.
Por suposto, a equipa começou a melhorar os resultados. cedo ganharam as concorrências locais,
depois as estatais e finalmente venceram facilmente na concorrência nacional.
Após a concorrência, penélope, uma das garotas mais velozes da equipa, se acercou ao treinador e
lhe disse :
- ouça, treinador, tenho um problema. tem-me estado saindo cabelo no peito.
- ¿que?, exclamou o treinador alarmado.
¿até onde te chega?
e ela lhe responde:
- até os ovos. essa é a outra coisa de que queria lhe falar.

268-Karate
Tinha uma vez um senhor que se foi aprender karate a japón, e levava como 5 anos estudando, mas
não aprendia nada, não podia dar nem uma patada, e já cansado e aburrido decidiu falar com seu
maestro que era um desses viejitos como de 100 anos que ensinam artes marciales.
- Maestro, estou cansado disto, levo 5 anos de minha vida aqui desperdiciados e não se nem dar nem
uma patada, já não posso mais, me vou.
o maestro fica olhando-o seriamente aos olhos e com voz misteriosa lhe diz:
- ¿tens visto ao entardecer quando as gaviotas voam flamantes pela planície?"
e o jovem responde:
- sim, maestro.
- ¿tens visto quando os hipopótamos se revuelcan no lodo?
- sim, maestro.
- ¿tens visto quando os leopardos se juntam no ocaso.
- sim, maestro.
- ¡vês, por estar a ver mariconadas é que não aprendes um cu, guevón!

269-Golfe
John e Philip jogam ao golfe,
John lhe dá com a pelota a outro jogador no extremo
do campo.
Quando se acercam, vêem que o homem está morrido; tem a pelota incorporada na nuca.
- ¡Deus meu! E agora ¿que faço?
- Eu tentaria sacar a pelota com um ferro do 9.

270-Kung fu
Numa escola de Kung Fu:
- Maestro, ¿por que não avanço em minha técnica?
- ¿Tens visto o entardecer, quando as gaviotas voam livres pelo imenso céu?
- Se, o vi maestro
- ¿E tens visto a cascata de água golpeando a rocha sem conseguir aparentemente nada?
- Sim, maestro
- ¿E a Lua cheia que se reflete no água cristalina do lago?
- Sim, mestre
- Ajá... já vejo o problema, passas todo o dia olhando chorradas em lugar de praticar.

271- Divino Golfe


Um bom dia estão a jogar ao golfe Moisés, Jesucristo e um homem maior. A isto que apanha Moisés
se prepara e paff, a bola direta ao água. Toda a gente oooh! e diz Moisés:
- Não passa nada. Apanha o pau, o hinca no solo e separam-se as águas cola-lhe de novo à bola e
direta ao buraco...a gente voltou-se louca.
A isto que chega Jesucristo se prepara e paff, a bola outra vez ao água, mas desta vez fica flutuando
apanha Jesucristo começa a andar pelo água lhe cola à bola e ao buraco.
Agora lhe toca ao idoso, lhe cola e a bola direta ao água, mas justo dantes de chegar sai um peixe, se
come a bola e dantes de que caia o peixe ao água aparece uma gaviota que se come ao peixe. À
gaviota cai-lhe um raio, se cai ao solo abre o bico sai a bola e se cuela no buraco...a isto que diz
Jesucristo:
- Olha papai se começas com chulerías eu não jogo

272-Real Madri no Londres


Vai o Real Madri a Londres para jogar contra o Chelsea um partido, mas se suspende pelo nevoeiro.
No avião de regresso, CR9 descobre que falta Casillas e volta ao procurar. Encontra-o defendendo
ainda a portería, e lhe diz:
- ¿Que fazes aqui? O partido se suspendeu.
- ¡Já me estranhava que não atirassem a porta tendo a defesa que temos!

273- Menino vivo


Um menino pequeno à saída do estádio:
Cristiano, Cristiano, faz favor ¿assinas-
me 10 autógrafos? eu tos assino mas
¿para que queres 10??
É que no recreio me mudam 10 teus por um de Messi

274-Buzos
Chega um tipo que queria aprender a mergulhar, após a palestra informativa e demais teoria estão no
bote para realizar de cheio a pratica.
O instrutor lhe diz:
¿Alguma pergunta dantes de submergirnos?
Pois sim, tenho tido sempre uma dúvida, quisesse saber, ¿Por que sempre os buzos se atiram para
atrás?
Pois é muito fácil, se nos atirássemos para adiante colaríamos contra o bote.

275-Equipa de basebol
Entrevistam ao Presidente numa junta de desportos e diz:
Quando eu era jovem pertencia a uma equipa de basebol, mas me botaron.
Caramba Presidente, ¿Por que o botaron?
Porque me roube a segunda base.

276- Num partido de futebol


Um homen vai ao campo de futebol e observa que todos os espectadores levan uma escopeta.
Intrigado lhe pregunta a um:
-¿Por qué levais todos uma escopeta?
E este lhe contesta:
-Quando nossa equipa marca um golo, todos disparamos ao céu para o celebrar.
-¿e quando marcam os visitantes?
-Isso aquí não tem pasado nunca (Contesta muito sério o homem)

277- Barça e Real Madri


Um aficionado do Barça empedernido está moribundo. Já tem recebido a extremaunción, quando
reúne a sua família.
- Minha última vontade anuncia - é que me des de baixa como sócio do Barça e me hagáis sócio do
Real Madri.
- ¿Mas como, se tua vida tem sido o Barça?.
- Precisamente. Melhor que se morra um sócio do Madri que um do Barça.

278-Um campo de golfe


Um tio ganha muita massa na loto e compra um campo de golfe e paga a um tio para que lhe ensine a
jogar:
- É que a ilusão de minha vida tem sido aprender a jogar ao golfe, mas nunca tenho sabido as regras
nem tenho tido meios para jogar.
- Olhe, o primeiro, ¿vê este palito?.
- Sim.
- ¿Vê esta bolita no solo?.
- Sim.
- ¿Vê essa banderita ali quase no horizonte?.
- Sim, parece que a distingo.
- Pois o que tem que fazer é golpear a pelota com o palito e a acercar o mais possível ao buraco que
há ao pé da bandeira.
O tio lhe dáum golpe à bola e diz o profe:
- Pois parece que não está mau o golpe. Vamos ver onde está a bola.
Se acercam e a bola está justo na borda do buraco.
- ¡Que sorte!. ¡Um pouco mais e a mete!.
- ¿Como?, ¿mas não me disse que o que tinha que fazer era a acercar o mais possível?

279- jogadores e árbitros


Os diabos organizam um partido de futebol com os anjos para determinar quem eram com a bola.
Quando chegam ao Céu, os Anjos lhes dizem:
-Não tem caso, cá temos aos melhores jogadores.
E os diabos respondem:
-Quiçá, mas nós temos a todos os árbitros.

280-Boxeo
Um boxeador; morrido de sonho, lhe perguntaa seu amigo:
- Ouve, ¿sabes que posso fazer para me curar o imsomnio? Já não posso mais...
-Umm... ¿não tens provado a contar até te ficar dormido?
-Claro, mas o mau é que quando chego a 9 me levanto da lona!

PIADAS DE RESTAURANT E BAR


281-Perguntas respondidas
Estava num restaurante e enquanto ia ao banho, vi como outra pessoa tomava o mesmo caminho que
eu.
Ao entrar ao banho, observei como ocupava um dos dois cubículos, que eram desses que não chegam
até o teto. Eu, logicamente, entrei no outro. De repente, ouço que me dizem:
¡Olá! Eu segui calado, mas o tipo volta a dizer: ¡Olá! ¿Me escutas ? Eu, para não parecer mau
educado, contestei: ¡Olá! E o tipo pergunta: ¿Como estás?
Ao que contestei: Bem, obrigado, um pouco cansado.
E o tipo diz: ¿Que fazes? Eu já estava intrigado, pensei, sempre há gente muito rara neste mundo.
E contestei: ¿E que vou estar fazendo? O mesmo que tu, ¡Defecando!
De imediatamente ouço: ¡Minha vida, te chamo depois porque tenho a um imbecil ao lado, que está a
contestar a todas minhas perguntas!

282-Esparragos nada mais


-Entra um senhor num restaurante, lhe entregam a carta e lê: verduras a eleger.
Quando se lhe acerca o camarero lhe pergunta:
¿Que verduras têm?
-¡Espárragos!
-E que ¿ mais?
- ¡Nada mais!
- Então ¿entre que posso eleger?
- ¡Entre se los quê ou não os quer!

283-A sopa
O senhor estava no restaurante e lume ao camarero:
- ¡Mesero! - Digame Senhor
- Prove a sopa, faz favor...
-Leste, em, senhor ¿há talvez uma mosca na sopa? se quer lha posso mudar.
-Não, tranquilo, prove a sopa.
- Emm, senhor, ¿talvez está fria? se quer lha aqueço.
- Não, tranquilo, prove a sopa...
- Senhor faz favor, que tem a sopa, ¿talvez tem um cabelo?
- ¡Ah! ¡que não! ¡prove a sopa!
- Mas senhor faz favor, Digame que tem a sopa, se você quer lha mudo.
- ¡Que prove a sopa!
- De acordo vou provála, e ¿onde está a colher?
- ¡Exato! ¡Bruto traígame a colher!

284 Ovo blando


- Estava um senhor num restauram e lhe diz ao mesero:
¡Mesero! Quero que me traga um ovo bem duro.
Aos dez minutos chega o mesero e lhe diz:
Aqui esta senhor, que o desfrute.
O senhor toma o ovo e o golpeia, o ovo ao receber o golpe se rompe, e o senhor, muito enojado lhe
grita ao mesero:
¡Mesero, este ovo está macio! Ao que o mesero grita: ¡Ovo! ¡Calate!

285-Mesero, Mesero
Um tipo num restaurante chama ao mesero:
¡Mesero! O mesero chega e o tipo lhe diz:
Façame uma mesa faz favor. O mesero responde dizendo:
Eu não sei. O tipo lhe responde:
Então, ¿Pra que se chama mesero?

286- O dedo na sopa


Um homem entra num restaurant, pede uma sopa e ahi que te vês ao camarero com a sopa e com o
dedo gordo metido nela.
O cliente lhe olha com cara de assassinar lhe e com sarcasmo lhe pergunta:
-Que, divertido o do dedito na sopa, não, Cabrón?
Ao que o camarero contesta:
-É que resulta que me picou uma avispa, e o medico me disse que o ponha em algo quente.
-Pois to podias meter no ânus!
-Não, se é o que faço entre plato e plato.

287-Um chihuahua
Um homem vai a um bar com seu cão, um grande dinamarquês, e como não lhe deixam meter no bar,
o deixa atado na porta. Ao cabo de um momento, entra outro tio e lhe diz:
-Ouça, o cão da entrada é seu?
-Se.
-Pois olhe, o sento para valer, mas meu cão lhe matou-
-Impossível. Com o grande que é meu cão? Como é o seu?
-Bah, pouca coisa, um chihuahua.
-Ja, ja, ja, isto é uma broma, não?
-Não, é que se lhe tem ficado atascado na garganta a seu cão.

288-Chega um senhor a um restaurante de 5 estrelas, um mesero se acerca a pedir sua ordem e lhe
diz: Desculpe, ¿que deseja ordenar? O senhor responde: Uma milanesa. ¿Em que termino?, diz o
mesero. E o senhor diz: Não, se ainda nem começo.

289-Um senhor muito tonto num bar


Entra um senhor a um bar e o camarero lhe pergunta:
- ¿Que quer?
- ¡Que que quero!, uma casa maior, ter mais dinheiro, que minha mulher seja mais guapa.
- Não, homem, ¿Que que deseja?
- ¡Que que desejo!, ter uma mansão, ser milionário, que minha mulher seja estupenda.
- ¡Não homem! ¿Que que vai ser?
- ¿Que que vai ser? - Eu prefiro que seja garota mas se é um menino, não me importo.
-¡Não homem! ¿Que que vai tomar? - ¡Ah, homem, isso se diz dantes! ¿Que há?
-Pois nada, por aqui, como sempre por trás da barra...

290-Camareros vivos
Num restaurante um homem espera que fique alguma mesa livre. Vê uma na que um homem cabecea
dormitando.
-Desculpe camarero, ¿Por que não acorda a esse homem e lhe diz que há gente esperando para
comer?
- Já lho tenho dito três vezes e volta a ficar dormido.
- ¿E por que não lhe joga?
- Pois... Porque a cada vez que lhe acordo pede a conta e a paga.

291-Envielhe um fax
Chega um casal a um restaurante o senhor muito contente senta a seu acompanhante se senta ele e
depois lhe diz ao camarero:
- A mim me traga um aperitivo e nos pões a esfriar uma garrafa de champagne.
O camarero lhe pergunta:
- ¿E a sua senhora? ¿Deseja algo agora? - Sim ¡lhe envie um fax dizendo lhe que a estou a passar de
maravilha!

292-Copa de veneno
Um senhor de média idade leva uma hora sentado num bar olhando a copa sem bebêla, quando chega
um caminhoneiro alto e gordo e se bebe a copa de um sozinho engolo.
O pobre homem se joga a chorar, e o caminhoneiro lhe diz:
- ¡Vamos, bom homem, era só uma broma, ahorita lhe peço outra copa!
O senhor: - Não, não é isso, é que hoje tem sido no pior dia de minha vida.
Primeiro, chego tarde ao trabalho e me despedem. Depois, ao chegar onde tinha deixado meu carro,
vejo que lho tinham roubado.
Caminho a minha casa e vejo a mim mulher com com outro homem, e me venho para cá, e quando por
fim ia terminar com tudo isto, chega você e se toma meu veneno.

293-Deixa a bebida
Um homem que ia todos os dias a um bar, sempre pedia três cervejas.
¡Deme três cervejas!
Ao dia seguinte a mesma coisa: ¡Três cervejas, faz favor!
Como o camarero estava algo estranhado lhe pergunta: Ouve, ¿por que sempre que vens pedes três
cervejas e tas bebes do tirón? e o tio lhe responde: É que eu tenho dois irmãos, um em Suécia e outro
em Paris, e como sempre bebíamos juntos, pois eu bebo por eles.
Diz o camarero: Ah, bem, bem...
Ao dia seguinte o tio chega ao bar e diz: ¡Duas cervejas!
O camarero estranhado lhe pergunta:
E isso, ¿é que se morreu um irmão ou que?
E diz o homen:
¡Não, é que eu tenho deixado a bebida!

294- Um camponês
Chega um camponês a um bar com uma rádio baixo o braço oferecendo a em venda.
Numa mesa próxima há vários citadinos quem ao vêlo humilde se propõem tirarlhe a rádio sem
pagarlhe um centavo.
Um dos citadinos lhe comenta aos outros: Lhes asseguro que com umas cervejas em cima, esse
camponês terminará rebajando o custo da rádio até quase nada. Pelo que o convidam a se sentar com
eles. Então, pergunta o citadino: ¿Em quanto nos vendes tua rádio?
-Em 30 dólares, responde de maneira ingénua.
Okay, diz o citadino, vamos tomarnos umas cervejas e depois falamos.
-Ao cabo de um momento já se tomaram várias cervejas a cada um e o citadino volta a perguntar:
- E então, ¿Em quanto a vendes?
- Bom, deme 10 dólares, responde o camponês.
Me parece melhor, diz o citadino. ¡Vamos, te convido a outras cervejas!
Depois de um bom momento lhe pergunta novamente ao camponês, E agora,
-¿Em quanto ma vendes? Deme cinco dólares para poder ir a minha casa.
O citadino, vendo a possibilidade de combinarse com a rádio, decide continuar com a rodada de
cervejas e depois de outro bom momento insiste:
E agora camponês, ¿Em quanto mo vendes? Ao que o camponês responde:
Vou dizerlhe a verdade, eu queria vender a rádio para beber cerveja mas, como já estou bêbado
tenho decidido não a vender e me ir já a minha casa.
295-Apostas
Um homem está num bar e lhe diz ao camarero:
-Lhe aposto 200 dólares que eu orino no copo que está a 5 metros sem atirar nenhuma gota de urina
no andar.
-Bom lhe contesta o camarero.
O homem pensa no copo, se concentra no copo e de repente sai a urina, urina a mesa, o pool, o
camarero e todo o bar.
-O homem rindo se vai ao fundo do bar e fala com uns jovens e traz os 200 dólares e dá lhos ao
camarero.
O camarero lhe diz:
-Grandísimo estúpido acabas de perder 200 dólares.
E o homem lhe contesta:
-Vês aqueles jovens do fundo lhes apostei 500 dólares que orinaba em todo o bar e que vos não te ias
enojar e mas em cima te ririas.

296-Um café são 26 pesos


Entra um senhor num bar e pede um café, o mozo lo trá e o senhor lho toma, pede a conta e o mozo
lhe diz:
São 26 pesos
¿Quantos? ¿Um café 26 pesos? ¿Você está louco?
Então, o senhor se lembra que tem 26 moedas de um peso e lhas começa a atirar de uma por trás do
balcão, e assim as 26 moedas.
O senhor se vai e o mozo ficou re quente, este maldito, me atirou todas as moedas. Volta o mesmo
senhor à semana, pede outro café, lho traz o mozo e o senhor lho toma quando pede a conta o mozo
lhe diz:
São 26 pesos.
O senhor saca um bilhete de 50 pesos e se lho dá ao mozo. O mozo vai à caixa e lhe diz ao caixa:
Olha, aí está o maldito que me atirou as 26 moedas, me dá o voltado em moedas que o vou a joder.
O caixa lhe dá 24 moedas de um peso e o mozo se acerca ao senhor e lhe diz: Aqui tem seu voltado,
e lhe atira da uma todas as moedas.
O senhor saca duas moedas, as atira e lhe diz: ¡Mozo, outro café!

297-Frango
Um senhor no restaurante. ¡Mesero, mesero!, eu lhe pedi um frango e você o que me trouxe foi uma
gallina.
¿Por que diz que é uma gallina?, pergunta o mesero.
Pelos dentes. Ao qual o mesero replica: ¡Mas as gallinas não têm dentes! Ao que o cliente responde:
As gallinas não têm dentes, mas eu sim.

298-Um vaqueiro a uma cantina


Numa ocasião entrou um vaqueiro a uma cantina de um povo a tomarse um engolo, e ao chegar
amarró seu cavalo na porta. Mas ao sair o forastero da cantina se percató que seu cavalo já não
estava, muito enfadado o tipo regressou ao salão e pateando a porta e atirando as cadeiras ameaçou:
Se não aparece meu cavalo em 5 minutos vou fazer aqui o mesmo que fiz em San Francisco, e se
dirigiu à barra por outro engolo. Aos 3 minutos voltou a sair e de novo não encontrou seu cavalo, de
novo entrou ao salão pateo a porta e voltou a gritar: Se em 2 minutos não aparece meu cavalo, vou
fazer aqui o mesmo que fiz em San Francisco, e se voltou a dirigir ao cantinero por outro engolo ao
minuto, novamente se dirigiu à porta e o cavalo nem luzes e encolerizado atirou a porta do salão e
exclamou:
Lhos advirto, se num minuto não aparece meu cavalo, vou fazer aqui o mesmo que fiz em San
Francisco, e se dirigiu novamente à barra com o cantinero para outro engolo. Finalmente ao passar o
minuto, voltou a sair e por fim ali Se encontrava o cavalo tal e como o tinha deixado. Advirto-lhos,
se num minuto não aparece meu cavalo, vou fazer aqui o mesmo que fiz em San Francisco, e se
dirigiu novamente à barra com o cantinero para outro engolo. Finalmente ao passar o minuto, voltou a
sair e por fim ali Se encontrava o cavalo tal e como o tinha deixado. Desculpe senhor, este, em nome
de todos os parroquianos da cantina e meu, temos uma dudota, este, ¿Que foi o que fez em San
Francisco? Ao que o forastero contesta: Pois, me fui a pé.

299- preços altos


Estava um cantinero esperando ao primeiro cliente, quando ao cabo de várias horas, entra um cavalo,
se senta e pede um engolo. O cavalo se toma o engolo e lhe pergunta quanto lhe deve. O cantinero
assombrado ao ver ao cavalo falando, lhe diz:
São 6 dolares.
O cavalo saca um bilhete, lhe paga e se levanta para irse.
O cantinero surpreso lhe diz:
Não se vá, é a primeira vez que um cavalo me pede um engolo, e o cavalo lhe contesta:
E será a última, senhor meu, ¡Com esses preços!

300-Um mexicano com pistolas


Um mexicano com grandes pistolas bebia sua tequila na barra de uma bar, quando entra outro
mexicano com cara de poucos amigos, igualmente armado. O parroquiano increpa ao visitante:
Ouve tu, ¿Como te chamas?
O visitante responde no mesmo tom. Pois, não te digo nada.
Ante a negativa, o parroquiano, com voz mais dura, repete:
Ouve tu, ¿Não ás dizerme teu nome? O visitante contesta, com mirada indiferente:
Nem modo, ao qual o parroquiano saca sua pistola e lhe efectua três disparos que o deixam tieso.
Depois enquanto soprava a fumaça do caño de sua pistola murmura:
-Amanhã me inteiro nos jornais

PIADAS DE FEMINISTA
301- 11 náufragos num ilha
Numa ilha há 11 náufragos homens e uma mulher. Aos poucos dias os resgata um helicóptero e todos
vão pendurados da corda do helicóptero.
Então, o piloto lhes diz que leva muito ónus e que tem que atirar a um. Nenhum dos homens se quer
atirar, então a mulher diz que ela se deixar á cair, e começa um discurso no qual diz que as mulheres
estão feitas para sofrer e sacrificar pelos demais. Os homens emocionados até as lágrimas
aplaudem....

302- inteligência
Chega uma menina correndo com sua mamãe e lhe pergunta :
- ¡Mamãe, mamãe!
- Que, filha.
- Eu de quem saquei a inteligência, ¿de ti ou de papai?
E ela lhe contesta:
- De teu papai.
E a menina lhe diz :
- ¿Por que?
- Por que eu ainda conservo a minha.

303- sermonear a um homem


¿Por que não serve de nada sermonear a um homem?
Porque quando uma mulher diz:
"Isto está feito um desastre.
Vamos, temos que ordenar isto nós;
tuas coisas estão atiradas no solo
e não terás nada de roupa que te pôr
se não a lavamos agora mesmo".
o que o homem escuta é:

"Bla, bla, bla, bla... Vamos,


bla, bla, bla, bla... nós,
bla, bla, bla, bla... no solo,
bla, bla, bla, bla... nada de roupa,
bla, bla, bla, bla... agora mesmo.

304- As mulheres dominam


Ocorre uma catastrofe mundial e milhões de pessoas perecem; no céu se revoluciona tudo ante a
chegada de tanta gente junta.
É tanto o trabalho que o mesmo Deus sai a receber às pessoas; em primeiro lugar forma bichas de
homens e mulheres.
Mas ante tanta gente começam a dividir mais as bichas; para isso a Deus se lhe ocorre algo e fala a
todos os homens:
- Façam duas bichas faz favor, uma para os que dominaram a suas esposas e outra para os que foram
dominados por elas.
Aprendam deste homem! Lhes conta a todos o filho, como conseguiste ser o único nesta bicha.
O homem olha a todos, se encolhe de ombros e responde:
- Não se... minha mulher me disse que me pusesse aqui!

305- três desejos


Um homem vai caminhando pelo deserto, encontra um lustre, esfrega a e um génio se materializa:
- Por ter me libertado te considerei três desejos.
- Bom... quero ser inteligente.
- Concedido!... pede me teu segundo desejo.
- Quero ser mais inteligente!...
- Mas... ¿está seguro?...
- Absolutamente!...
- Concedido!... ¿qual é teu último desejo?
- Quero ser ainda mais inteligente!...
- Mas... ¿por que não pede riquezas, mulheres, terras e essas coisas?
- Porque não. Quero ser mais inteligente...
- Está bem, mas deves saber que terás que cumprir um requisito para ser tão inteligente.
- Não importa, lo fáei ¿Qual é o requisito?
- Terás a regra a cada 28 dias.

306- a loira no casino


Dois empregados do casino estavam aburridos esperando numa das mesas.
Uma loira atraente chegou e apostou 20000 pesos a uma sozinha atirada.
Disse: "- Espero que não se importem, mas me dá mais sorte estar totalmente nua."
Se tirou toda a roupa, atirou o dado enquanto dizia:
- Mamãe precisa roupa nova.
Então gritou:
- Sim, sim... ganhei, ganhei!
Começou a dar brincos e abraçou aos dois empregados. Quando recolheu todo seu dinheiro e sua
roupa e se foi, os dois empregados se olharam atontados:
- ¿Que número sacou?
- Não sei, pensei que vos estavas a olhar.
Moraleja: Não todas as loiras são tontas, mas todos os homens são homens.

307- tipos de homens


Um menina lhe pergunta a sua mãe que quantos tipos de homens há. A mãe surpresa lhe responde:
- Olha filha, os homens durante sua vida passam por três fases: Dantes dos 29 são como o arbusto do
jardim, duros e bem dispostos.
Até os 49 são como o roble, fortes e confiáveis. E a partir de 50 são como os arbolitos de natal, com
as bolitas de enfeito.

308- cérebro de um homem


No cérebro de um homem tinha um neurónio triste e sozinha. De repente um dia aparece outro
neurónio com aspecto de felicidade e lhe pergunta :
- ¿Que estás a fazer cá sozinha?
A triste contesta:
- Bom, não se... sempre tenho estado sozinha, nunca tinha visto dantes a outra como eu.
A feliz replica:
- Desde depois... vêem ao pene que estamos todas lá.

309-
Um dia, no jardim do Edén, Eva chama a Deus:
- Senhor, ¡tenho um problema!
Os céus abrem-se e escuta-se:
- ¿Que te passa, filha?
- Já se que tu me criaste e me deste este formoso jardim e todos estes animais maravilhosos, mas não
sou feliz.
- ¿Por que Eva?
- ¡Estou muito sozinha!
- Bom, eu tenho a solução. Criarei um homem para ti.
- ¿Que é um homem, Senhor?
- O homem será uma criatura imperfecta com tendências agressivas e enorme ego, pouco disposto a
escutar-te e incapaz de compreender-te. Será maior que teu, mais rápido e musculoso, terá habilidade
para brigar e caçar rumiantes velozes.
Portar-se-á bem na cama, mas quererá te dominar, te fazer achar que te protege e o precisas; em
resumo, molestar-te-á bastante mas fá-te-á a vida entretenida. Se assim o queres, dar-to-ei com uma
condição.
- ¿Que condição é essa, Senhor?
- Terás que lhe deixar achar que Eu o fiz a ele primeiro.

310- cérebros femininos


No hospital tinha um paciente gravemente doente, os familiares se tinham reunido na sala de espera.
Por fim entra um médico cansado e apesadumbrado disse:
- Sento ser portador de más notícias.
Disse olhando as caras preocupadas. É algo experimental, arriscado e economicamente tudo isto
correria por conta vossa.
Os familiares permaneceram sentados escutando as graves notícias.
Ao cabo do momento um perguntou:
- Mas ¿que custa um cérebro?
- Depende -respondeu o médico.- 5000 pesos um cérebro de homem, 200 um de mulher.
Produz-se um longo momento de silêncio, enquanto os homens da sala tentam não se rir e evitam
olhar às mulheres aos olhos, ainda que algum sorri. Ao final a curiosidade lhe leva a um deles a
perguntar:
- Doutor, a que se deve a diferencia de preços?
O médico sorri ante a pergunta inocente e contesta:
É só uma lógica política de preços. Temos tido que baixar os preços dos cérebros femininos porque
estes são os que estão usados....

311-Envenenado
O marido, em seu leito de morte, lume a sua mulher. Com voz rouca e já débil, lhe diz:
- Muito bem, chegou minha hora, mas dantes quero te fazer uma confesión.
- Não, não, tranquilo, teu não deves fazer nenhum esforço.
- Mas, mulher, é preciso. - insiste o marido
- É preciso morrer em paz. Quero-te confessar algo.
- Está bem, está bem.
¡Fala!
- Tenho tido relações com tua irmã, tua mamãe e tua melhor amiga.
-O sei, o sei- lhe diz a mulher - É por isso que te envenenei, Desgraçado !!!

312-O universo novo


Parece que Deus já estava a acabar de criar o universo,
mas ainda lhe ficavam um par de coisas por repartir,
de modo que decidiu falar com Adán e Eva.

Lhes diss eque uma das coisas que ainda lhe ficavam
era algo que permitiria, a quem o tivesse, fazer pipí estando de pé.
"Realmente é algo muito útil", lhes disse Deus,
"e estava a pensar se interessar-lhes-ia a algum de vocês".
Adán começou a dar saltos e lhe rogou,
"¡Eu quero isso! ¡Dá mo a mim, porque eu sê como o usar!
Me parece que é justo a classe de coisa que um homem deve poder fazer
¡Faz favor! ¡Faz favor! ¡Por favoooooor! ¡Eu quero isso!".
E seguia pedindo, enquanto atirava uma das mangas da túnica de Deus.
Eva sorriu ao ver essa cena e lhe disse a Deus que se Adán desejava tanto isso, deveria lho dar a ele.
De modo que Deus lhe deu a Adán a coisa que lhe permitiria fazer pipí de pé, e que o tinha tão
emocionado.
Mal o recebeu, Adán foi correndo a provar sobre uma árvore,
e depois escreveu seu Nome na areia, enquanto ria a gargalhadas,
encantado do que podia fazer com seu presente.
Deus e Eva estiveram a olhálo um momento, e então Deus lhe dissea Eva,
"Bem, aqui tens a outra coisa que tenho para repartir, e que acho que te pertence.
"¿E como se chama?", perguntou Eva.
"Cérebro", disse Deus.

313-Sexo
Duas amigas que não se viam faz muitos anos, se encontram
e após cumprimentos efusivos uma lhe pergunta à outra:
- Bom eu me case com um velho milionário de 80 anos,
- Me alegro, mas aos 80... e como fazem com o sexo ?
- Ah, estamos em tratamento...
- Em tratamento ?
- Sim, .. O trata e eu minto !!

314-Morte
Um médico forense esta realizando uma autópsia a um homem:
-secciona o peito e só encontra birutas de madeira.
-secciona o abdomen e só encontra birutas de madeira.
-secciona ambos braços e só encontra birutas de madeira.
-secciona ambas pernas e só encontra birutas de madeira.
-Pergunta: ¿de que se morreu?
-Resposta: de derrame cerebral.

315- corpo de lavadora


Vai um homem pela praia com sua mulher, e ela lhe pede que lhe compre um bikini, ao que ele lhe
diz:
- com esse corpo de lavadora, nem lo pense.
seguem caminhando e lhe insiste a mulher:
- bom comprame esse vestido.
e repete o esposo:
- com esse corpo de lavadora nem lo pense.
passa no dia e pela noite, já na cama, o marido lhe diz à esposa:
- então que, velha ¿jogamos a andar a lavadora?
e a mulher lhe responde:
- para esse mugre trapito, melhor lavao a mão.

316- sou pastelera


A esposa lhe diz ao esposo:
- ¿por que não arranjas a luz do corredor?

o esposo contesta:
- ¡mas se eu não sou electricista!
- ¿por que não arranjas esse mueble da cozinha?
- ¡mas se eu não sou carpintero!
um dia chega o esposo e vê que a luz e o mueble estão arranjados e o esposo lhe pergunta:
- ¿como tens arranjado tudo?
- veio o novo vizinho e o arranjou tudo.
- ¿e te cobrou algo?"
- bom, me deu a eleger entre fazer lhe um pastel ou deitar me com ele.
- ¿e de que lhe fizeste a pastel?
- ¡mas se eu não sou pastelera meu amor!
317- inteligência
Estão três homens perdidos num bosque.
O primeiro homem encontra um rio bastante grande e do outro lado do rio vê a cidade.
O homem não sabe como passar então lhe começa a rezar a Deus que lhe dê a inteligência para
cruzar.
Deus dá lhe a inteligência para que nade ao outro lado do rio.
Então chega o terceiro homem e lhe pede a Deus que o faça mais inteligente que o primeiro e o
segundo e Deus o converte numa mulher e a mulher cruza a ponte.

318- lustre mágico


Quatro homens vão pelo deserto e se encontram um lustre mágico que tinha um génio, que lhes
concede um desejo à cada um. O primeiro:
Ser um mais 25% pronto.
E o é.
O segundo:
Ser um mais 50% pronto.
E o é.
O terceiro:
Ser um mais 75% pronto.
E o é.
O quarto:
Ser um mais 100% pronto.
E se converte numa mulher.

319-O contador e o militar


¡Ai mamãe! não sê se me casar com Valerio o contador ou com Tiburcio o militar, lhe diz María a
sua mãe.
Não o penses mais filha, te casa com Tiburcio o militar, os militares sabem cozinhar, tender a cama,
e receber ordenes; em mudança os contadores como Valerio só sabem contar.

320-Num supermercado
Iam 2 senhoras pelo supermercado quando de repente seus carritos chocam uma delas diz:
-Uups! perdão não a vi me desculpe é que ando distraída procurando a meu marido por aqui.
-Uy e eu estou também procurando ao meu
-sim? como é?
-É alto, moreno, olhos verdes, leva uns pantalones ajustados que lhe marcam seu s pernas e suas
fortes pernas tem uma flanela branca deixando à vista seus músculos e seus braços...e...o seu?
-O meu...o meu que se joda, vamos procurar ao seu melhor.

PIADAS DE MUSICOS
321-Coro local
O contrabajista chega uns minutos tarde ao ensaio do concerto anual do coro local. Toma seu
instrumento e seu arco e dirige sua atenção ao diretor.
O diretor pergunta:
-¿Querem um momento para afinar?
O contrabajista responde surpreso:
-¿Por que?... ¿talvez não é a mesma obra que no ano passado?

322-Flautista
Durante um concerto, o flautista se manda um moco impressionante e alguém do público grita:
-Flautista animal!
O diretor olha enfadado para a plateia, mas segue dirigindo.
Pouco depois, outro moco do flautista e outra vez gritam:
-Flautista animal!
O diretor re quente olha amenazador ao público, mas continua em seu trabalho.
Finalmente outro mocazo do flautista, e de novo:
-Flautista animal!
O diretor detém o concerto, põe ao flautista à frente do palco e se dirige ao auditório muito enfadado:
-¡Quisesse saber quem, desde o anonimato e oculto entre a multidão, lhe gritou 'Flautista' a este
animal!

323- coeficiente mental


Se encontram dois tipos num canto e um lhe diz a outro:
- ¿Qual é teu coeficiente mental?
- 255.
- O meu também, falemos de fisica nuclear.
Mas tarde em outro canto se encontram outros dois tipos e um lhe diz a outro:
- ¿Qual é teu coeficiente mental?
- 150.
- O meu também, bom falemos de Algebra.
Mas tarde em outro canto se encontram outros dois tipos com cara de pouco inteligentes e um lhe diz
a outro:
- ¿Qual é teu coeficiente mental?
-10.
- O mio tambien, ¿que palillos usas?

324- acordeón grande


Um baterista, harto das bromas decide mudar de instrumento. Após pensá lo um bom tempo, se
decide pelo acordeón. Vai à loja de instrumentos e lhe diz ao vendedor:
-Quisesse ver os acordeones, faz favor.
O vededor assinala uma estantería e lhe diz:
-Todos nossos acordeones estan ali.
Depois de olhar um momento, o baterista lhe diz:
-Gosto daquele grande e vermelho do canto. O vendedor o olha e lhe diz :
-¿Você é baterista, não?
O baterista surpreso:
-¿Como o soube?
-O acordeón grande e vermelho é o radiador.

325-Grupo musical

Um grupo musical ameniza uma grande festa privada com mais de 250 pessoas convidadas à mesma.
Duas horas mais tarde a festa se põe quente e um dos convidados lhe pergunta a um dos integrantes:
Ouça Senhor, ¿tem algo de Menudo? Ao que o músico responde: ¿Menudo? ¡Que vai!, nem um dólar
tenho na carteira.

326-Donzelas
Tinha uma vez duas bellísimas donzelas passeando pelos arredores de seu castelo. De repente, uma
delas escutou uma tímida voz que gritava:
- ¡Ehhhh! ¡Olhem aqui abaixo! As donzelas olharam e viram um pequeno sapo à orla do fosso.
- ¡Oi! --disse o sapo--. Em realidade sou um cantor, mas um génio malvado converteu-me num sapo.
Se uma de vocês me besa, voltarei a ser cantora e viveremos felizes para sempre. Então, a mais bela
das duas donzelas o apanhou com a mão e lho meteu no bolso.
- ¿Como é isso? -lhe pergunta a outra donzela-. ¿Não vais a besarlo? --¿Estás de broma? --responde
a bela--. ¡Vontades bem mais com um sapo que fala que com um cantor!

327-Baterista
No meio de um campo de futebol têm colocado um bilhete de 10 euros. Num canto há um violonista,
em outra um bajista, em outra um bateria e na outra um vocalista. ¿Quem chega dantes ao bilhete? O
vocalista porque...
- O violonista não se move por tão pouco dinheiro
- Não existem bajistas rápidos.
O baterista não tem entendido a pergunta.

328-Num concerto
Num concerto o Bateria pensa: "joder, como levo o ritmo, sou o alma do grupo". O tecladista pensa
"joder, que técnica tenho, sou o único que põe algo de qualidade musical aqui". O guitarra "pensa
joder, sou o puto amo, ninguém toca como eu". O cantor pensa "joder, como me atirava à loira da
segunda bicha". O bajista pensa "do, sol, do, sol"

329-Sou o mais alto


- ¡Mamãe, mamãe! ¡Hoje pude dizer todo o alfabeto de cor e os demais garotos não
! - Muito bem, cariño. Isso é porque és um baterista.
Ao dia seguinte, Ricardito diz:
- ¡Mamãe, mamãe! ¡Hoje contei até 10 e todos os demais ficaram em 7!
- Muito bem, cariño.
Isso é porque és um baterista.
Ao terceiro dia, Ricardito chega e diz:
- ¡Mamãe, mamãe! ¡Hoje nos mediram no colégio e sou o mais alto! ¿É porque sou um baterista?
- Não, cariño, é porque tens vinte e seis anos.

330-Virgen Maria
Dizem que, depois da aparência simpática de ambos, existe um grande ódio entre Luciano Pavarotti e
Plácido Domingo. No entanto, a casualidade fez que uma tarde se encontrassem no Aeroporto
Kennedy, se cruzando sem possibilidade de se ignorar. Contam que se produziu o seguinte diálogo:
LP: ¿Como anda, Plácido? Tanto tempo sem vernos.
PS: Excelente, Luciano, venho de um concerto na Scala de Milão, com o teatro completamente
colmado e minha actuação foi realmente fabulosa. Tive que sair a cumprimentar 35 vezes, e uma
estátua da Virgen María , que se encontrava à direita do palco, chorou. ¿E vos, Luciano? ¿Tudo bom
teus concertos?
LP: Não te imaginás, Plácido, o que foi meu concerto nesta bela cidade de New York. Cantei como
nunca tinha cantado a teatro cheio, arias, canzonettas, bises, e a cada vez a gente aplaudia mais e
mais.
Tive que sair a cumprimentar 62 vezes e, ao final do concerto, se produziu um facto incrível: desde
uma cruz tamanho natural que tinha à beira do palco, se libertou Jesús e, vindo para mim, me abraçou
e me disse: "vos sim que cantás bem, não como esse outro galego maldito que a fez chorar a mãe.

331-Num bosque
Se te perdeste num bosque, ¿quem destes três pode te indicar o caminho correto?:
a) Um saxofonista refinado
b) Um saxofonista desafinado
c) Papai Noel
Resposta correta : b) Um saxofonista desafinado. ¡Os outros dois são alucinaciones!

332-África
-Um violinista de viagem por África se perde com sua violín pela selva. De repente se lhe aparece
um leão faminto. O violinista recorda o dito: "a música amansa às feras", e começa a tocar sua violín
de forma magistral, enquanto vão chegando mais leões que vão se sentando pacificamente ao redor
do violinista, que pensa:
-Nunca achei que o violín me poderia salvar a vida. Nesse momento sai outro leão dentre os
arbustos, lhe dá um zarpazo e lho come Depois do qual um leão comenta:
-Já sabia eu que o surdo nos ia incomodar o concerto.

333-Dotes de música
Um jovem de um povo mostra especiais dotes para a música. Reunido o Consistorio e não sem
influências da mãe do rapaz, decidem lhe pagar uma costosísima bolsa para que amplie estudos em
Áustria. À volta de três anos, regressa ao povo com os estudos terminados.
Se organiza um concerto no teatro da Prefeitura que congrega a todo o povo orgulhoso de seu
chavalote. Começa o concerto, o rapaz que se tinha especializado em música vanguardista, submeteu
à audiência a uma interminável série de sons quase insuportáveis, excepto claro está, para seu mãe.
No descanso se acerca a mãe ao Prefeito e lhe diz :
- ¿Que lhe parece a execução de meu filho?
E o Prefeito:
-Tanto como uma execução, me parece excessivo, mas umas quantas ostias não lhas tira ninguém
quando acabe o concerto.

334-Viena
Um novo rico tinha enviado a seu filho pequeno a Viena para que lhe ensinassem a tocar o violín.
Quando o filho regressa, aos dois anos, lhe pede a um amigo melómano que o escute e dê sua
opinião.
Assim o fazem e após que o menino tem tocado o violín, o pai pergunta ao amigo: -¿Que te parece a
execução?
-Homem, um pouco forte. Eu acho que dois bofetadas seriam suficientes.

335-Professora de piano
Tenho vindo a afinar o piano.
-- Mas eu não o chamei --diz a professora de piano.
-- Não, me chamou a gente que vive no andar de acima.

336-Duas balas
Estás numa habitação com Saddam Hussein, Adolf Hitler e Enrique Iglesias... tens um arma, mas só
duas balas. ¿Que fazes?... Disparar a Enrique Iglesias duas vezes... para estar seguro.

337-Tambores
Uns turistas estadounidenses vão a um safari na selva. Acampam e começam a escutar ao longe um
ruído de tambores.
-- ¿Que é isso? --lhe perguntam à guia nativo.
-- Tambores tocar, muito bom. Tambores parar, muito mau --contesta o guia.
Passam umas horas e os turistas acostumam-se aos tambores, que continuam assim durante dois dias e
duas noites.
A cada vez que lhe perguntam ao guia pelos tambores, o guia contesta o mesmo:
-- Tambores tocar, muito bom. Tambores parar, muito mau.
De repente, a terceira noite, justo no momento em que se sentam a cenar, os tambores se silenciam.
Os turistas estão aterrorizados. -- ¿Que passa agora? --perguntam ansiosos. -- Ah, terrível, terrível --
suspira tristemente o guia--. ¡Depois tambores parar, só de baixo começar!

338-Musicos
Um russo, um cubano e dois músicos mexicanos --um violonista e um bajista-- viajam num comboio,
no mesmo compartimento. Para impressionar aos outros dois, o russo diz: - Em Rússia temos tanto
vodka como para atirar pela janela , e para demonstrá lo, atira uma garrafa de vodka pela janela
. -Em Cuba ,diz o cubano, para ser mais macho; temos tantísimos puros da melhor qualidade como
para atirar pela janela -e, logicamente, atira uma caixa dos melhores puros pela janela.
Então, para não ser menos e sem dizer uma sozinha palavra, o bajista mexicano se põe de pé e atira
ao violonista pela janela.

339-Elvis, Bob e Freddie


Elvis Presley, Bob Marley e Freddie Mercury têm permissão para baixar à terra, mas Deus lhes
adverte que se encontram algo que verdadeiramente lhes apasione, desaparecerão imediatamente.
Chegados à terra, os três caminham pela acera. Elvis encontra uma guitarra no solo, se põe a fazer
rock e desaparece. Bob Marley e Freddie Mercury ficam sozinhos e seguem caminhando. Bob
encontra um porro no solo. Agacha-se e desaparece Freddie Mercury.
340- às três da manhã
Acho que meu vizinho não anda muito bem.
-¿Por que? –
De repente, todas as noites às três da manhã, se põe como louco a golpear as paredes.
-¿E tu que fazes?
--¿Eu? Nada, seguir tocando a batería

PIADAS DE MACHISTAS
341- Menino sensível.
Uma mulher conhece a um tipo num bar... conversam, se entendem... e terminam marchandose juntos.
Vão ao departamento dele e, enquanto lhe mostra o lugar, ela nota que seu dormitório está cheio de
ositos de peluche. Todos bem acomodaditos: os maiores na repisa de acima, os médios ao centro e
os pequeñitos abaixo. A mulher está surpreendida que um homem tenha essa colecção de peluches;
mas decide não lhe comentar nada e se alegra de que ele não tenha medo de expressar seu lado
sensível (esse que tanto gostam a de as mulheres). Ela o olha aos olhos, se besan e em 3 minutos já
estão a full na cama. Após essa intensa noite de paixão, ela felíz com seu homem sensível,
acurrucada em seus braços, lhe pergunta:

- E? que te pareceu.. como estivemos? O homem se dá volta e com o pucho na boca lhe diz :
- Nada mau. Podes retirar teu prêmio da repisa do médio.

342-Açougue Machista
Um canibal vai ao açougue a conseguir um cérebro para o almoço e vê um cartelito que faz alarde da
qualidade dos cérebros de profissionais que têm em oferta. Lhe pergunta então ao que atende:
- ¿ A quanto tem o cérebro de programador ?
- A três dólares o quilo.
-¿ E tem de analista ?
- Se, . . . quatro com cinquenta o quilo.
- ¿ E de lider de projeto ?
- Esse está cinco com cinquenta o quilo.
- ¿QUE ? ¿Como pode custar tanto ? -pergunta sorprendidísimo o canibal recaliente. –
Como que não! ¿Tem ideia da quantidade de mulheres que há que matar para conseguir um quilo de
cérebro?

343-Mulher perfeita
¿Como é a mulher perfeita?... de médio metro de estatura, orejona, com cabeça plana, sem dentes e
muito feia. De médio metro para que chegue exatamente à cintura, orejona para poder a manejar com
mais facilidade desde as costas, com cabeça chata para ter um lindo lugar onde apoiar sua cerveja,
sem dentes para que não lastime e muito feia para que ninguém a roube.

344- Procura-se verdugo


Aparece um aviso classificado no jornal, "Se precisa verdugo; interessados apresentarse no dia
quinta-feira".
No dia quinta-feira, aparecem três pessoas, dois homens e uma mulher. De repente se escuta uma voz
na habitação, "passe o primeiro".
O homem entra, a voz diz, "ao frente seu há uma porta, por trás dela há uma escopeta em uma mesa, e
está sua esposa atada em uma cadeira, entre, lhe dispare e o posto será seu".
O homem disse, "não posso, não sou capaz".
Então a voz lhe disse , "pode ser retirado, você não serve para este emprego, passe o seguinte".
Entrou o segundo homem muito decidido, a voz repetiu, "ao frente seu há uma porta, por trás dela há
uma escopeta em uma mesa, e está sua esposa atada em uma cadeira, entre e lhe dispare, e o posto
será seu".
O homem entrou, tomou a escopeta e se pôs a chorar. Então a voz disse, "Se vá, você não serve para
isto, passe o seguinte".
Então entrou a mulher, a voz lhe disse , "ao frente seu há uma porta, por trás dela há uma escopeta em
uma mesa, e está seu esposo atado em uma cadeira, entre, lhe dispare e o posto será seu".
A mulher entra, toma a escopeta e dantes de que se feche a porta, pum, pum, pum, lhe descarregou
quatro cartuchos na cara a seu esposo, depois se fechou a porta e começaram a soar golpes, quejidos,
vidros quebrados.
E assim, se demorou uns minutos, quando de repente sai a mulher toda cheia de sangue e diz:
¡Me tivessem- dito que as balas eram de salva, me toco o matar a sillazos!

345-Deus
-Um homem lhe pergunta a Deus:
-Senhor, ¿por que fizeste às mulheres de forma que quando estão em quatro patas têm as tetas como
gostamos a de nós, puntiagudas e turgentes... ou quando estão tumbadas as têm gordas e cuajadas de
carne... e em mudança quando estão de pé estão quedas que dão asco as ver?
- Não, se quando as crê, ¿como me ia imaginar eu que algun dia se iam pôr de pé?

346- Hadas
Habia uma vez um casal que levava 25 anos casada e ela celebrava seu 60 aniversário. Durante a
celebração, se apareceu uma hada e lhe disse s que como prêmio por ter sido um casal instância
durante 25 anos lhes concedia um desejo à cada um.
A mulher pidio fazer uma viagem ao redor do mundo.
O hada movio seu varita e zás... Apareceram os bilhetes de viagem nas mãos dela. A seguir foi o
turno do marido. Lho pensou um momento e disse:
- Bom, me gustaria ter uma mulher 30 anos mais jovem que eu. O hada fez um círculo com seu varita
e zás ... O marido tinha agora 90 anos...
Moraleja: Desconfien das Hadas. Afinal de contas, são mulheres .

347-Extraterrestres
Uns extraterrestres chegam à terra e capturam uma instância de homem e de mulher. Analisando o
cérebro do homem ficam admirados de sua complexidade.
Quando abrem o cráneo da mulher só encontram um fio que cruza de lado a lado e admiram-se ainda
mais da complexidade de seu cérebro aglutinado num só fio condutor. Se propõem então cortálo ¿e
que passa?... se lhe caem as orelhas.

348-Ano 3.000...
Sucede num mercado, há um vendedor de cérebros:
- Cérebros!... vendo cérebros!...
Se acerca um homem e diz:
- Uma pergunta, ¿este cérebro quanto custa?
- Este vale 50.000 pesos.
- Epa!, ¿de quem era?
- Era de Cervantes.
- ¿E este?
- Bom, esse custa 150.000 pesos.
- Mierda! ¿de quem era?
- Esse é o cérebro de Einstein.
- ¿E esse cérebro?
- Ah!, esse custa 2 milhões de pesos.
- À mierda!... ¿de quem era?
- Era de uma mulher.
- ¿E por isso custa tanto? - E claro!... está sem estrear.

349-Congresso feminista
Num congresso feminista europeu se reúnem as representantes mais destacadas do movimento em
Alemanha, Reino Unido e Argentina.
Motivo do Congresso: Expor suas experiências no terreno da educação dos maridos para que
realizem as tarefas domésticas. A primeira em falar é a alemã: "Um dia lhe disse a meu marido:
a partir de amanhã me nego a fazer a comida.
Será uma tarefa da que te encarregarás tua.
E se teu não o fazes, pois não comemos. E no primeiro dia não vi que a coisa funcionasse, o segundo
já foi à compra, e no terceiro dia já tinha cozinhado um codillo para chuparse os dedos." Lhe toca o
turno à britânica:
"Pois eu, o mesmo, um dia lhe disse que seria sua responsabilidade a limpeza da casa, que eu já não
lo voltáia a fazer. E no primeiro dia, não vi nada, o segundo, vi que meu marido começava a limpar
os cristais, e ao terceiro, tinha a casa brillantísima."
Por fim, fala a argentina: "Lhe disse a meu marido que me negava a lhe passar sua roupa. E no
primeiro dia, não vi nada, o segundo já comecei a ver um poquito pelo olho esquerdo.

350- Minas
Duas minas, decidem ir ao prostíbulo para mulheres da cidade, chegam e vêem que tem 5 andares.
Sobem ao 1er Andar e lêem um cartaz que diz:
"ACA TÊM-NAS CURTAS E FINITAS"
As duas minas decidem ir ao 2do andar a ver que encontram e se topam com outro cartaz que diz:
"ACA TÊM-NAS LONGAS E FINITAS" Se olham e preferem seguir subindo, no 3er andar lêem um
cartaz que diz:
"ACA TÊM-NAS GORDAS E CORTITAS"
Então decidem seguir ao 4to andar. Chegam e lêem um novo cartaz que diz: "ACA TÊM-NAS
GORDAS, LONGAS E JUGOSAS"
As minas se voltam a olhar e como todavia ficava um andar, decidem seguir subindo para ver que há.
Chegam ao 5to andar e lêem um cartaz grande e luminoso que diz: "ESTE ANDAR FOI CRIADO
PARA DEMONSTRAR QUE Às MULHERES NÃO HÁ PORONGA QUE LHES VINGA BEM".

351- Partido popular


Um senhor precisa uma secretária, de modo que depois de uma selecção consideram a três mulheres
como as mais idôneas para o posto.
Lhas apresentam a Aznar para que seja o mesmo o que eleja.
- Bom, como as três tendes um curriculum muito similar os fáei uma prova para ver qual é a que se
merece o posto.
Suponham que vos mando ao banco a cobrar um cheque de meio milhão de pesetas e que por erro vos
dão um milhão completo.
¿Que faríeis com o meio milhão que sobra?
Ao que respondem por turnos:
- Eu lo metêia sem o duvidar nas arcas do Partido Popular.
- Pois eu, tenho que o reconhecer, mo ficaria porque em minha casa faz falta dinheiro.
- Eu, que sou muito honrada, não teria mas remédio que devolver ao banco.
¿Com qual ficará o senhor? Pois com a loira das tetas maiores.

352-Heladera
¿Por que o soltero está sempre delgado e o casado gordo?
-Porque o soltero chega a casa, abre a heladera, diz "sempre o mesmo" e se vai à cama.
O casado chega a casa, se vai à cama diz "sempre o mesmo" e abre a heladera.

353-Campo de golfe
¿Sabem que se faz com 5 mulheres?
-Uma má equipa de basquete. -¿E com 11...?
-Uma má equipa de futebol.
-¿E com 18 ?
-UM BOM CAMPO DE GOLFE.

354- MISION DELTA 4321


A NASA tem enviado ao espaço a missão DELTA 4321, módulo experimental tripulado por dois
simios e uma mulher.
O seguinte é parte da comunicação entre o controle de Terra localizado em Houston e a tripulação:
-Houston a Simio 1 - Simio 1: verifique sistemas hidráulicos, verifique adequada pressão nos
propulsores de arranque e indicadores de desgaste no fuselaje, a 60.000 pés diminua um 25% na
velocidade de rotação. O simio olha para a câmara e faz senha de OK.
- Houston a Simio 2 - Simio 2: nivele velocidade ao cruzar a estratósfera e active sistemas
anticongelantes. Não esqueça monitorar a cada 15 minutos os sistemas de comunicação e a
manutenção da órbita geoestacionaria.
Revise computadores 1, 2, 3 e 4, e reporte qualquer actividade anormal. O simio faz senha de OK. -
Houston a Mulher: Não se esqueça.....
- Mulher a Houston: Sim, sim, sim, JÁ SEI!, JÁ SÉEEEEEEEE!!! QUE NÃO SE ME ESQUEÇA
LHE DAR DE COMER A ESTES 2 MACACOS DE MIERDA E QUE NEM SE ME VÁ A
OCORRER TOCAR NADA.

355-Modelos
Três loiras modelos se encontra perdidas numa ilha.
Não sabem que fazer até que de repente aparece um génio e lhes diz:
- Sou o Génio da Ilha... vejo-as tão tristes e perdidas que lhes concederei um desejo à cada uma...
A primeira delas diz:
- Fazme inteligente para poder voltar a casa!
-Concedido! -diz o Génio.
Converte à loira numa guapa morena e esta imediatamente se lança a nadar rumo à costa. A segunda
exclama:
- A mim me dá MAS inteligência que à outra.
– Facto.
E a converte numa pizpireta ruiva que imediatamente constrói uma balsa e se arroja a navegar rumo a
sua casa.
- Teu turno -lhe diz o Génio à última.
- Quero que me faças MAS INTELIGENTE que às outras duas. -Aqui vamos...
E a converte num HOMEM, que cruza rapidamente a ponte da ilha e se dirige a seu lar.

356- Elevador
Estão um homem e uma mulher encerrados num elevador, e a mulher está a começar-se a pôr
cachonda. Em isto que vai e lhe diz:
- ¡¡Fazme mulher!!.
E o homem se desabrocha o botão dos pantalones, se tira o cinto, lhos baixa, lhos tira e lhe diz :
- Passamos

357-Neurónio
Que faz um neurónio na cabeça de uma mulher?
Se aburre.
e dois neurónios?... charlan.
e três neurónios?... não se deu o caso.
e quatro neurónios?... a cada uma está a pensar numa hornalla da cozinha.
358-Policia
Um homem vai a uma delegacia e quando chega lhe diz ao polícia:
-Boas demores Senhor polícia não encontro a minha mulher, preciso que me ajudem à encontrar, olhe
é gorda, feia, anã chueca e tem a cara cheia de acné.
O polícia escuta e lhe contesta :
-E então para que idiotez a procura.
-Pensandoo bem, não o sei, melhor faça como se eu não vim aqui.

359- carroça
São as 12 do meio dia. Uma mulher sai à rua e se monta em sua carroça, o acende e vai
tranquilamente conduzindo até que de repente se lhe tem cruzado um automóvel de um bêbado a toda
a velocidade, o auto era roubado e por má sorte se choca com ela. ¿Quem tem a culpa? A mulher,
porque a essa hora ela não devia estar na rua conduzindo, ela por dever tinha que estar a preparar a
comida na casa.

360- LUSTRE MÁGICO


Três mulheres se encontram um lustre mágico que lhes conceder á um desejo à cada uma.
A primeira diz:
- Eu quero ser a mais inteligente de todo mundo.
A segunda diz: - Eu quero ser 100 vezes mais inteligente que ela.
E a terça diz: - Eu quero ser 100.000 vezes mais inteligente que as duas.
E transformou-se em homem.

PIADAS DE RELIGIOSOS
361-Jesucristo e san pedro
Iam Jesucristo e San Pedro num carro desportivo a 200 km/h. De repente San Pedro diz:
- Mirá, aí vai Lázaro!!
Jesucristo acelera, o atropella e se baixam ,se rindo a gargalhadas...
- Pensei que não o tinhas visto... ja, ja, ja!!! - diz San Pedro.
- Jajajajaja - ri Jesucristo, sem parar...
- Bom, diz Jesús, já foi, Lázaro, te levanta e anda... Lázarooo! levanta-te e andaaa!! Lázarooo!!!!
dejate de joder e leváaaantate e andaaayaaaa!!!!!, - diz aos gritos, acercando ao morto...
Após vê-lo de perto, Jesús pára-se e lhe diz a San Pedro:
- ¡Boludo rajemos, que este não era Lázaro!!!!

362-Cura em Alaska
Um cura é envíado a Alaska. Um bispo vai visitá-lo um ano mais tarde e lhe pergunta :
- ¿E como lhe vai cá?
- Bom, se não fora por meu rosario e meus dois whiskys ao dia, estaria perdido. A propósito, ¿gosta
um whisky?
- Sim, faz favor.
- Rosario!! ¡Traz-lhe um whisky ao bispo!

363 -A rezar...
Uma solterona se inteira que uma amiga sua tinha ficado grávida só com um Ave María na Igreja de
um povo vizinho.
Uns dias depois decide ir à Igreja com o desejo de ficar em fita ao igual que sua amiga...
- Bom dias pai, cumprimenta a solterona.
- Bons dias filha, ¿em que posso te ajudar?
- Fixe-se pai que me inteirei que uma minha amiga veio aqui e ficou grávida com um Ave María...
- Não filha... foi com um pai nosso mas já se foi à Mierda!

364-O sermão
O cura da igreja dizia em sua sermão:
- Queridos feligreses: tem chegado a meus ouvidos o rumor de que se instalou para perto de a igreja
uma casa dessas, de má reputação, onde trabalham mulheres da vida. Pois bem, saibam que alguma
dessas mulheres lhes pode contagiar uma doença venérea e depois, vocês chegam a seus lares e lha
passam a suas esposas... ¡E aí sim que nos jodemos todos!

365-Confesión de Hollywood
Uma garota entra num confesionario de uma igreja em Hollywood:
- Pai me quero confessar.......
- Bem... dizeme filha minha, ¿quais são teus pecados? - lhe diz o pai.
- Fui-lhe infiel a meu marido, sou actriz de cinema, e faz 2 semanas dormi com George Clooney, na
semana passada dormi com Brad Pitt, e nesta semana dormi com Richard Gere......
- O sento muito filha mas não te posso dar absolución.....
- Mas ¿por que pai?, ¿talvez a misericordia do senhor não é infinita?
- Sim filha, a misericordia de Deus é infinita...... ¡mas Ele jamais te acharia estás arrependida!!!!

366-Qualquer se equivoca
Um cura recém ordenado se confessa pela primeira vez com seu bispo:
- Dizeme filho meu, ¿tudo bom tens levado os votos durante esta, tua primeira semana?
- Verá eminencia, quanto à pobreza tenho presenteado meu hábito e me visto com um que já se tinha
eliminado, meus sandalias estão rompidas e cheias de buracos e dou a metade de minha comida aos
pobres que vêm ao comedor.
- Muito bem, filho meu, muito bem, continua.
- Quanto à obediência faço qualquer coisa que me mande qualquer outro pai sem pensar em se é justo
ou adequado, dando graças ao Senhor por ter a mordomia de obedecer.
- Muito bem, filho meu, excelente, excelente.
- Finalmente, eminencia, nesta semana lhe fiz o amor a 37 mulheres.
O Bispo quase se cai- da cadeira e com os olhos desorbitados pergunta:
- Mas... ¡Filho meu! ¡¿e o voto de castidade?!
O curita, assustado e com cara de perplexidade responde:
- Mas... mas... ¿ Não era de QUANTIDADE ?

367-Um centavo
Um cobiçoso estava a falar com Deus e lhe pergunta :
- Deus, ¿quanto é para ti um segundo?
E Deus lhe contesta :
- Mil anos.
- ¿E um centavo?
- Mil pesos.
- Então, ¿Me poderias presentear um centavo?
- OK Dá me um segundo...

368-¿Dom Monsenhor?
A novicia do convento está a escrever uma carta e começa:
"Querido Monsenhor"
Se dá conta de que aquele pode mal interpretar suas palavras e volta a começar...
"Excelentísimo Monsenhor"
Recapacita pensando que é demasiado formal.
"Sr. Monsenhor"
Este título lhe parece muito mundano. Segue provando vários títulos e decide que o melhor é Dom
Monsenhor.
Para assegurarse de não meter a pata, lhe pergunta à Mãe Superiora:
- ¿Mãe, Monsenhor se põecom Dom?
- Claro que se põe condón, se não, este convento seria uma guardería.

369-O sobrinho do pai


Um cura rural nota que se lhe está inchando muito a barriga e vai ao hospital.
Os médicos que o atendem, se dão conta imediatamente de que é uma simples acumulação de gases,
mas decidem lhe gastar uma broma...
No anestesiam, e com medicación conseguem rebajarle a hinchazón, lhe colocam a seu lado a um
bebé recém nascido huerfanito e quando acordada da anestesia lhe dizem que tem dado a luz e que
esse é seu filho.
O cura, muito preocupado, decide voltar à parroquia com o bebé dizendo a seus feligreses que é um
sobrinho ao que se lhe tem morrido sua mãe e que o vai ter com ele.
Passam nos anos, o bebé já é um homem a mais de 20 anos e o cura, doente, em seu leito de morte o
chama.
O suposto sobrinho se acerca e lhe diz :
- ¿Que queres, tio?
- Precisamente disso te queria falar... - lhe responde .
- Não precisas me dizer nada, já faz muito tempo que suspeitava que não eras meu tio, sina que eras
meu pai...
- Não, filho, não... Não sou teu pai, sina tua mãe; teu pai é o Bispo !!!

370-Sor
Ethel era uma novicia a ponto de tomar os hábitos. Uma vez freira, ia receber o tratamento de Sor
. Sor Ethel, pronunciado assim de corrido, não soava muito bem, e Ethel estava preocupada pelo
tema. Um dia foi a falar com a mãe Superiora.
Timidamente, expôs seu argumento tratando de ser muito subtil. A Mãe entendeu em seguida e lhe
disse
- Ah, compreendo, filha minha. Não te preocupes. Aqui temos uma regra para casos como o teu.
Olha, já tem passado outras vezes, e o que fazem as garotas é ir ao jardim, se pôr de costas às flores
e atirar seu lenço para atrás.
Teu nome será o da flor sobre a que caia o lenço. Assim o fizeram Sor Rosa e Sor Margarita.
Muito contente e entusiasmada pelo método, Ethel fué ao jardim e atirou seu lenço segundo lho tinha
sugerido a Superiora, com tanta má sorte que caiu sobre um fungo...

371-Dois curas num avião


Dois sacerdotes viajam num avião, sentados na secção de primeira classe.
A hospedeira se aproxima e lhe pergunta a um deles:
- ¿Deseja algo de beber?
- Sim, filha, tomarei um martini, obrigado.
A hospedeira lhe pergunta então ao outro sacerdote:
- ¿Deseja você também um martini?
- ¿Como se atreve a me perguntar isso? ¡Dantes que mancillar meu corpo com álcool, cometeria
adultério!
De imediato diz o primeiro:
- Señorita, esqueça o martini. Eu não sabia que se podia eleger...

372-Pai sanador
Iam pelo bosque subidos a um cavalo um cura e uma freira e de repente se produz uma grande
tormenta, com tão má sorte que cai um raio e mata ao cavalo.
O cura lhe diz à freira:
- Acho que deveríamos pedir um último desejo, já que desta não vamos sair.
- Bom, ¿qual é teu último desejo?
- Pois olha, nunca tenho visto uma freira em pelotas.
- OK, despir-me-ei.
- ¿E qual é teu último desejo?
- Pois eu também não tenho visto nunca a um cura em pelotas.
O cura ao ver à freira nua pôs-se ao pau e esta lhe pergunta:
- ¿Que é essa coisa tão gorda e longa?
Ele diz com um sorriso pícara:
- Isto é um membro viril que ao introduzir no corpo dá vida.
- Buenísimo! Lha mete ao cavalo a ver se ressuscita e podemos sair de aqui.

373-Visita ao confesionario...
A garota se acerrca ao confesionario na igreja.
- Bons dias, pai. Sou Teresa. ¿Me recorda?
- ¡Teresa, mulher! Ditosos os olhos. ¡Tantísimo tempo sem ver-te!
- É que me pus de noiva, pai.
- ¿E é um bom rapaz?
- Buenísimo, pai.
- ¿Trabalhador?
- Sim... muito trabalhador, pai. E muito carinhoso.
- ¿Ah, sim? A ver, dizeme : ¿que fazes com ele?
- Pois, nos dias de calor vamos-nos às praias afastadas, tiramos-nos a roupa e nadamos, e
chapinamos, e abraçamos-nos...
- ¿¿¿Nus???
- Pois claro, pai.
- ¿E não vos vêm maus pensamentos?
- Ah, sim, pai. Vir vêm-nos. ¡Mas apanhamos e passa-se-nos!

374-Confesion
Uma rapariga vai confesarse com o cura e lhe começa a dizer:
- Pai tenho vindo a confessarme porque tenho muitos pecados.
O cura, que tem problemas com o álcool e estava a beber nesse momento lhe diz:
- Não te preocupes filha, e começa que eu te escuto.
A jovem lhe diz :
- Pai, ontem à noite me deitei com Mario o noivo de minha irmã. Na quinta-feira me deite com
Rubén, o vizinho de defronte.
- Continua filha.
- Pai, aqui cheira a rum!
O pai lhe diz :
- Não faças caso disso e continua.
Ela segue:
- Pai, no sábado passado lhe chupe o pito à metade da equipa de futebol do colégio; deitei-me com
três professores e..., mas pai, ¡aqui cheira a rum!
O cura desagradado lhe replica:
- Olha filha, aqui faz momento que me cheira a puta e não me queixo!!!

375-Freira
Uma freira estava a caminhar pela rota caminho ao convento a uns quilómetros, de repente para um
auto, uma garota loira manejava, oferecese a levar até o convento, muito agradecida a freira aceitou e
se subiu ao auto, um reluzente Ferrari vermelho com assentos de couro, equipa de som Alpine e como
10 mais mil extras.
- Que belo auto tem você - comentou a freira - deve ter trabalhado muito para poder o comprar
verdade?
- Não, não foi assim irmã, respondeu a loira, na verdade este auto mo presenteou um empresário que
dormiu comigo durante alguns meses.
A freira não disse nada. Olhando o assento trasero vê um bellísimo abrigo de visón e se dirige
novamente à loira.
- Seu abrigo de pele é muito bonito, lhe deve ter custado muita prata, verdade?
- Na verdade não me custou muito, mo presentearam por umas quantas noites que passei com um
jogador de futebol...
Então a freira não disse nada mais durante toda a viagem.
Depois de chegar ao convento se dirige a sudormitorio e de repente, alguém toca a porta....
- Quem é?
- Sou eu o Pai Martín!
Ela lhe abre sem o deixar passar e lhe diz:
- Sabe uma costure pai? Se pode ir à mierda agora mesmo..... Você e seus chocolatitos!!!

376-O Céu vs. O Inferno


O Céu é o lugar onde...
...a polícia é britânica,
...os chefs franceses,
...os mecânicos alemães,
...os amantes italianos,
...e tudo é organizado pelos suíços.
O Inferno é o lugar onde...
...a polícia é alemã,
...os cocineros britânicos,
...os mecânicos franceses,
...os amantes suíços,
...e tudo é organizado pelos italianos.

377-Curas milagrosos
Três sacerdotes estão a pescar num bote no meio de um lago. De repente um diz:
- Tenho sejam. Vou procurar uma Coca Bicha.
Então se levanta, sai do bote e caminha sobre as águas até a orla, compra a Coca e volta caminhando
sobre as águas.
O segundo sacerdote diz pouco depois:
- Me parece boa ideia. Vou comprar um pancho.
E como o primeiro, caminha sobre o água, se compra o pancho e volta.
O terceiro diz:
- Eu também me vou comprar uma Coca.
Então levanta-se, e nem bem põe um pé no água... se afunda. Enquanto luta por voltar à superfície, o
primeiro sacerdote lhe diz ao segundo:
- Quiçá devemos dizerlhe onde estão as pedras.

378-Pene
Vai uma mulher a confessarse e lhe diz ao sacerdote:
-¡Pai tenho olhado o pene de meu noivo!
- ¡Horror, horror!, lavate os olhos com água bendita.
A mulher lava-se os olhos com água bendita e volta ao outro dia...
- Pai lhe toquei o pene a meu noivo.
- ¡Horror, horror!¡Lavate as mãos com água bendita!
A mulher lava-se as mãos com água bendita e volta ao outro dia... e diz:
- Pai, me venho a fazer uns bons buches

379-Elvis
O Papa de visita num país no que nunca tinha estado. Baixa do avião e a gente se agolpa gritando-lhe:
- ...¡Elviiiis!... ¡Te queremos, Elvis!...
O Papa, confundido, lhe diz s que não é Elvis, sina Juan Pablo II, mas a gente segue ao seu:
- ¡...Elviiis, Elviis...!
No hotel o botões:
- Bem-vindo, senhor Presley.
- Mas que eu não sou Elvis -lhe contesta.
O diretor do hotel lhe acompanha até sua habitação e enquanto lhe diz :
- Bom Elvis, nós sabemos o que gostas, por de isso te preparámos uma sorpresita.
- ¡Lhe repito que eu não sou Elvis, sina o Papa! - lhe diz o pontífice.
Em isto, chegam à habitação, na que há um par de mulatas impressionantes médio nuas, ao que o Papa
grita:
- ¡¡¡¡¡¡¡¡A WAN BA BU LUBA BA LAM BAM BU!!!!!!!!!!

380-FIAT 600
Chega uma señorita a igreja para confessarse e lhe diz ao cura:
- Pai tenho cometido um pecado.
- A ver Filha, qual é o pecado que tens cometido?
- Bom pai, você sabe pai, que eu estava com meu noivo, vínhamos de uma festa em sua Fiat 600
(fitito), e eu INOCENTE pai, a metade de caminho o me ofereceu umas cervejas... eu não tomo mas
eu aceitei pai, e eu INOCENTE pai, após umas quantas cervejas o se meteu por um suposto atalho, e
eu INOCENTE pai, e no meio de um callejón de repente me tomo em seus braços, e eu INOCENTE
pai, me tiro toda a roupa, e eu INOCENTE pai, começou a besarme por todo o corpo, e eu
INOCENTE pai, de repente me pôs as pernas nas correitas das portas e me fez sua duas vezes
seguidas pai, e até esse momento fui INOCENTE pai...
O pai interrompe e diz:
- ¿Inocente tu?!... não me jodas!. O inocente sou eu, que faz 25 anos que tenho um Fiat 600 e recém
agora me inteiro para que servem essas correitas de mierda!!!

PIADAS NEGROS
381- Páraquedista.
O instrutor de paracaidismo estava a contestar às perguntas dos novos estudantes, até que um deles
fez a pergunta usual.
- Se o paracaídas não se abre, e o de reserva também não, ¿que tempo tenho dantes de chocar contra
o andar? O instrutor olhou-lhe e lhe disse com voz profunda:
- O resto de tua vida.

382-Náufragos
Dois náufragos numa barca solitária, achando que ninguém os vai resgatar, um deles começa a gritar:
-¡San Lázaro, San Lázaro, salvame.
Se me salvo não volto a fumar nunca, nem volto a tomar, nem a fornicar, nem a drogarme!

De repente lhe grita o outro:


- ¡Não prometas mais coisas, que aí se acerca um barco!

383-Sida e cancer
Um casal vai pela rua e se encontram com um amigo que se dirige ao marido:
- Olá, Paco. ¿Tudo bom estás?
- Mau, Pedro, tenho um AIDS terrível.
O médico deu-me três meses de vida. O amigo se despede rapidamente e se vai todo acongojado.
A mulher lhe recrimina ao marido: -
Mas, Paco. ¿Como lhe dizes à gente que tens AIDS, se o que tens em realidade é cancro de pulmão?
- Eu me vou morrer, mas contigo ninguém se acuesta...
384-Loucos a bordo
Estavam 3 loucos num avião armando bardo, e de repente o piloto lhe diz ao copiloto que vá ver que
lhes passa a esses tipos. O copiloto se dirige aos loucos e ao ratito volta à cabine. O piloto lhe
pergunta:
- ¿Que fizeste pára que ficassem quietos? –
Nos pusemos a jogar à escuelita e lhes mandei tarefas... Cinco minutos depois, se voltam a alborotar
e o piloto lhe diz ao copiloto:
- Andá a ver que lhes passa a esses tipos agora. O copiloto se vai e regressa aos poucos minutos, o
piloto lhe pergunta: -
E agora? ¿Que fizeste?
- Corrigi-lhes suas tarefas e como as fizeram bem, lhes abri a porta e se foram ao recreio.

385-Loquitos armados
Dois enajenados mentais se escapam do manicomio e andando pelo campo se encontram uma
escopeta, um lhe pergunta ao outro:
-¿Para que servirá esse artefacto?
O outro lhe contesta que não tem nem ideia. O primeiro se põe a olhar pelo canhão e o outro aperta o
gatillo... ¡Boooooom! Lhe diz o que apertou o gatillo ao outro: - ¡Não me olhes com essa cara! ¡eu
também me assustei!

386-Milagres inesperados
Vão um manco, um apanho e um parapléjico ao santuário de Lourdes, para ver se ali podem lhes
curar algo. Quando chegam ao manancial o manco decide meter o muñón no água, pouco depois saca
o braço e vê que tem a mão completa.

- ¡Deus meu, obrigado por este milagre, te rezarei todos os dias!


O apanho fica alucinado e decide meter ele também a perna; ao cabo de um momento a saca e diz:
- ¡Deus meu! ¡Milagre, meu pé volta a estar em seu lugar e com todos seus dedos! ¡Obrigado!
Lhe toca o turno ao parapléjico e diz:
-¡Faz favor, colegas, metam a meu inteiro no água, a ver se eu também me curo! Seus amigos no
metem com todo e a cadeira de rodas dentro do água e um momento depois o sacam.
- ¿Que passa? ¿Como te sentis? ¡Intentá levantarte! O inválido pretende pararse, mas depois de
várias tentativas rendese:
- Não posso, isto não serve de nada. E lhe dizem seus amigos:
-¿Como que não te serviu de nada? ¡Mirá tua cadeira! Rodas de alumínio, espelho retrovisor, travões
ABS e com motor!
387- quilómetros
Um homem vai conduzindo pela estrada quando se dá conta que um carro da polícia lhe está a fazer
luzes para que se detenha. Quando pára se lhe acerca um polícia com cara de asco e lhe pergunta:
- ¿Sabia você que sua esposa se caiu do carro faz dez quilómetros? - ¡Ai, graças a Deus! ¡Achei que
tinha-me ficado surdo!

388- um camião
Um homem toca o timbre de uma casa, ao que um menino o atende.
- ¡Olá! ¿Está teu pai? O menino responde:
-Não, ele não está. O calcou um camião.
O homem expressou seus condolencias, e lhe perguntou se sua mãe se encontrava em casa.
O menino responde:
- Não, ela não está. Um camião a calcou. O homem já um pouco desconcertado e impaciente lhe
pergunta:
- Mas, ¿não se encontram por acaso teus irmãos, tua avó ou teu avô?
O menino responde:
- Não, eles também não estão. A todos os calcou um camião.
O homem surpreendeu-se muitíssimo e lhe replicou:
- Mas, ¿onde te encontravas tu, quando a todos os calcou o camião?
- ¿Eu? ¡Eu estava a manejar o camião!

389-Os resbalones do leão


Chega um caçador a casa de seu amigo e lhe diz : -vamos caçar um leão, o maior, para que nos dêem
um prêmio. O outro não o pôde acompanhar, de modo que se vai só o caçador.

À entrada da montanha vê um leão grandísimo.Lhe dispara uma vez e nada. Lhe dispara outra vez e
nada, e o leão se vai sobre ele.
O senhor começa a correr. Numa dessas o leão se escorrega e cai ao solo, enquanto o senhor seguia
correndo desesperadamente e o leão se volta a escorregar até três vezes mais enquanto persegue ao
senhor.
O tipo consegue subir a uma árvore e salvarse. Aos três dias regressa e lhe conta a seu amigo o que
passou:
- É rarísimo, o leão enquanto me perseguia me escorregava.
- ¿E que fizeste?
- Corri como um louco e me subi a uma árvore.
- ¡A puta mãe , eu em teu lugar me tivesse cagado! E o outro lhe diz :
- ¡E COM QUE TE ACHAS QUE SE ESCORREGAVA O LEON!

390-Um cubano
Um cubano que foi na terra muito bom, se morreu e, como era de se esperar, se foi ao céu. Após mais
de mil anos desfrutando da eternidade, um dia se incomodou e lhe disse a Deus: "Deus meu, quisesse
que me permitisses conhecer o inferno por uma noite, para saber de que me perdi".
Deus, em sua infinita bondade, lhe disse : "Se é tua vontade, assim seja". Nosso homem se foi essa
noite ao inferno. Subiu a sua entrada umas escadas de mármol. Viu por todos os lados luzes de neón e
uma porta se abriu de maneira espetacular, dando passo a uma espécie de Edén surcado por rios de
whisky de 18 anos e mulheres nuas, das mais formosas de o mundu.
Passou a melhor noite de sua vida e regressou ao céu de madrugada. Na manhã, falou com Deus e lhe
manifestou seu desejo de mudarse definitivamente ao inferno. Deus novamente aceitou. Arranjados
seus assuntos, à semana estava caminho ao inferno.
Subiu as mesmas escadas e se abriu novamente a porta, mas desta vez caiu a uma paila gigantesca de
azufre hirviente. Se afundou nela enquanto o diabo o punzaba com seu tridente. Com esforço
conseguiu pendurar da borda. Sacou a cabeça e olhou ao Diabo sentado em seu trono e lhe disse :

- Satán ¿que é isto? Eu estive aqui na semana passada e todo era maravilhoso! E o Diabo lhe
respondeu:
Tu como cubano já deverias o saber: uma coisa é para o turismo e outra para os que vivem aqui.

391-Piloto

Um piloto se comunica muito preocupado à torre de controle e lhe diz :


- Torre de controle, tenho um grave problema, nenhum motor do avião está a funcionar.
- Aqui torre de controle, faz favor piloto trate de acalmar aos passageiros.
Enquanto isso passava, o piloto esqueceu tirar o altavoz e a gente escutou toda a conversa. O piloto
chegou onde estavam os passageiros e lhes disse:
- Senhoras e senhores, tenho algo que lhes dizer.
- Não nos minta - disse um passageiro-,
¿Nos vamos a estrellar, o avião vai em picada?
- Não passa nada - disse o piloto-, saquem todos seu passaporte, metam em sua boca e o mordam
com força.
- ¿E isso pára que? - gritou outro passageiro.
- ¡¡¡É que assim será mais fácil identificar os corpos!!!

392-um descanso
-A meu papai não gostaria de um homem conduzia tranquilo seu auto, quando ao lado do caminho
encontra um camião que tinha chocado contra uma árvore.
Do camião tinham caído muitas caixas e um pequeno menino se esforçava colocandoas outras vez no
veículo.
O homem se deteve e lhe disse ao menino:
- Parece que estás esgotado.
Tomate um descanso e depois te ajudo a subir as caixas.
– Não posso, -foi a resposta. –
A meu papai não gostaria.
- Vamos, todos temos direito a um descanso. Pelo menos pará um minuto e tomá um pouco de água.
- Para valer não posso. Meu papai se enojaria. O homem se indignou e lhe disse :
- Teu papai deve ser um homem muito mau se te obriga a trabalhar sem parar. Decime onde está para
falar com ele.
-Está cá... abaixo das caixas...

393-Meu irmão gémeo


Nunca lhe perdoei a meu irmão gémeo que me abandonasse durante sete minutos na barriga de
mamãe, e me deixasse ali, só, aterrorizado na escuridão, flutuando como um astronauta naquele
líquido viscoso, e ouvindo ao outro lado como a ele lho comiam a beijos.

Foram os sete minutos mais longos de minha vida, e os que à postre determinariam que meu irmão
fosse o primogénito e o favorito de mamãe. Desde então saía dantes que eu de todos lados: da
habitação, de casa, do colégio, de missa, do cinema...

Ainda que isso me custasse o final do filme. Um dia me distraí e meu irmão saiu dantes que eu à rua,
e enquanto me olhava com aquele sorriso adorable, um carro lho levou por diante.
Lembrança que minha mãe, ao ouvir o golpe, saiu da casa e passou ante mim correndo gritando meu
nome, com os braços estendidos para o cadáver de meu irmão. Até hoje nunca a saquei do erro.

394- Trágico
Ia por a rota um senhor e seu sobrinho. De repente passa um burrito e ao esquivarlo se estrellan
contra uma árvore. O senhor e seu sobrinho são levados em ambulancia à clínica mais próxima.

Depois de três dias acorda-se o senhor, e o primeiro que diz é:


- Digame a verdade doutor, ¿como está meu sobrinho? Lamentamos informarlhe que... nunca mais
poderá lhe tocar as orejitas a seu sobrinho...
- ¡Oh não! ¿Perdeu as duas orelhas?
-Não, você perdeu os dois braços.
395- Iminente funeral
Um velho está a morrerse. Ao redor do leito pouco a pouco começa a surgir uma discussão. Diz a
esposa:
- ¡Vamos alugar uma carroça fúnebre para levá-lo com decencia!
- ¡Não acho que se deva gastar tanto dinheiro! Eu posso o levar na camioneta do vizinho, se ma
presta, -diz o filho do velho moribundo.
- ¿E por que não o levamos ao ombro? -pergunta o vizinho,-
ele quase não pesa nada.
Por fim o moribundo reúne o resto das forças que lhe ficam, e diz:
- Se vocês me ajudam a baixar, talvez eu possa chegar ao cemitério por minha conta.

396-3 desejos
3 desejos de cor Andava um negro totalmente perdido no deserto do Sahara, sem água, sem comida,
sem nada, totalmente só... até que em isso num de seus últimos passos descobre um pequeno lustre
mágico. Surpreso, esfrega-a com grande ansiedade e fé de salvarse.
Se lhe aparece um génio que lhe diz:
-A ver, já que me acordaste vou concederte teus três desejos, mas dizemos todos juntos para poupar
tempo.
Então o negro fica pensando uns segundos e diz:

- ¡Já os tenho¡ Primeiro, quero ser branco, meu segundo desejo é ver muitos cus, sim, ver muitos cus,
e por último... quero tirarme a tremenda sejam que tenho, de modo que quero que nunca mais me falte
o agua
. Pronto, esses são meus três desejos.
E então lhe diz o génio:
- ¡Desejos concedidos!
E converteu o num inodoro.

397-Acidente aereo
Um avião cai ao mar e o capitão diz:
- Os que saibam nadar ao lado esquerdo, os que não saibam nadar, ao lado direito.
Os assustados passageiros seguem estas instruções
. Então o capitão diz:
- Passageiros do lado esquerdo, favor nadar até essa ilha próxima.
Passageiros do lado direito, nossa linha aérea agradece sua preferência, obrigado por voar conosco.

398-As bolachas
Um homem agonizante percebe o cheiro de suas bolachas favoritas que sua esposa estava a preparar
na cozinha. Com grande esforço consegue desligar dos canos, trata de sair da cama e se desploma no
solo.
Com muita dificuldade se arrasta até a porta, se apoia na parede e quase desmaiando-se consegue
erguirse e abríla.
Reunindo suas últimas forças consegue reptar até a escada e se deixar cair.
Milagrosamente consciente continua seus esforços até conseguir entrar na cozinha.
Aí, sobre a mesa, estavam a esfriarse as galletitas.
Apoiando numa cadeira estava a ponto de atingir uma delas, quando sua esposa entra e lhe dá uma
forte palmada na mão e lhe diz: - ¡Não as toques! ¡são para o funeral!

399-
Esta manhã ao sair de casa escutei no noticiero, uma notícia terrível.
A orlas da estrada, encontraram o corpo de um homem que media entre 1.65 e 1.80 cm, ao que parece
de boa família; mas o mais espeluznante foi que estava incinerado, tinha peluca loira, ao que parece
era marica já que o cu estava os dentes eram postizos, tinha uma tanga brasilera, a verga era
chiquitita, ao que parece acabava de mamar (tinha semen na ponta da língua e na boca do estômago),
e tinha um tarrito de vaselina no interior de um de seus bolsos...
E me agarrou um susto tão grande que me lembrei de ti pelo que: Se estás bem faz favor mo faz
saber!!

400-Cigarros.
Um homem estava a colocar um tapete numa casa luxuosa.
Ao terminar quis fumar, mas não encontrou a caixa de cigarros. Cedo descobriu um pequeno bulto no
tapete. Como já tinha finalizado, decidiu tomar um martelo e aplainar a golpes a caixa para que não
se notasse.

Pouco depois chegou o dono da casa e lhe disse :


- O felicito, tem feito um bom trabalho.
Aqui estão seus cigarros;os encontrei na frente da casa. Uma coisa mais: ¿Por acaso não viu a meu
hámster.

PIADAS DE SUEGRAS
401-Deus
- Se encontram dois amigos e lhe pergunta um ao outro:
- Que tal Juanjo ¿Como te vai com teu suegra?
Ao que Pepe responde:
- E olha ¡me trata como a um deus!
- És o primeiro que ouço falar tão bem de seu suegra! ¿Como é isso de que te trata como a um deus?
- Claro, me trata como a um deus. ¡Sabe que existo, mas não me pode ver!

402-Eu quero a meu suegra


Um casal discutia e o marido diz:
- ¡É que tua mamãe tem a culpa de tudo!
A esposa responde:
- Sim, já sei que não queres a minha mamãe...
- ¿Quem diz que não quero a tua mãe, se eu a quero igual que à cerveja. A esposa, conhecedora da
paixão de sua cónyuge pela cerveja, lhe diz com tom de questão:
- ¿Queres a minha mamãe igual que à cerveja?
- Sim, igual, a quero frite, com a boca aberta e jogando espuma.

403-Uma manhã
Durante o café da manhã, a esposa comenta a seu marido:
- Minha mãe vem a vive com nós, de modo que teremos que mudar a uma casa maior.
E o marido contesta:
-¿Para que? ¡Tarde ou cedo nos encontrará!

404-Três yernos
Uma suegra saiu a passear com um de suas três yernos.
Enquanto passavam pelo parque, a senhora escorrega-se, cai no lago e se começa a afogar.
Sem duvidálo um momento, o yerno se atira ao água e a resgata.
Ao dia seguinte, o yerno sai e encontra um auto último modelo com uma nota colada no parabrisas:
- Obrigado de parte de tua suegra, que te quer
Uma semana depois a suegra sai a passear com seu segundo yerno.
Ao passar pelo mesmo lago, a senhora se volta a escorregar e cai ao água. De imediato seu segundo
yerno se mete ao lago e a salva.
Ao dia seguinte, o segundo yerno encontra em frente a sua casa um auto último modelo e uma nota
que diz:
- Obrigado de parte de tua suegra, que te quer.
Uma semana mais tarde a suegra sai a passear com seu terceiro yerno. A história se repete, e a
senhora se cai ao lago. Só que desta vez o yerno se senta no solo e se ri enquanto vê à senhora se
afogar e afundar no água..
Ao dia seguinte, o terceiro yerno sai e encontra um auto último modelo com uma nota no parabrisas:
- Obrigado de parte de tua suegro, que te quer.

405-Suegra querida
O arguido se dirige ao juiz.
- De maneira que não posso lhe dizer "Vaca" a minha suegra?
- De jeito nenhum caballero, pois incorreria em injúria...
- E se apesar disto, ¿lho digo?
- Pois, ¡posso mandar ao cárcere!
O arguido medita, sem dúvida alguma reflexionando em suas palavras e continua..
- Mas, ¿Posso dizerlhe suegra a uma Vaca?
- Pois claro.. Nada nem ninguém lho proíbe...
Então o réu se dirige à denunciante e fazendolhe uma reverência lhe diz :
- Boas tardes minha querida suegra.

406-a volta
A mulher está muito triste e preocupada porque sua mãe está muito grave e internada num hospital
privado, se dirige a seu marido e lhe suplica que a vá visitar.
O marido vai até o hospital e à hora e meia o marido regressa, então a esposa lhe pergunta :
- ¿Como está mami?
O marido, muito sério e com voz grave, lhe diz :
- Em qualquer momento tua mãe volta a viver conosco.
- ¿Que dizeis??? - grita a mulher - ¿Mamãe está melhor? ¿A pudeste ver em Terapia Intensiva? ¿Que
foi o que passou???
- Não a pude ver. Tem proibidas as visitas. Também não me deram o parte, mas o médico de guarda
me disse:
"- Preparese pára o pior..."

407-Funeraria
Se lhe morre a suegra a um indivíduo e na casa funeraria lhe perguntam :
-¿Que quer você fazer com ela? ¿Incinerála? ¿Embalsamarla? ¿Ou simplesmente enterrála?
-As três coisas! Não corramos riscos!

408-Italianos
Dois amigos italianos se encontram . Um deles vai com uma pá ao ombro, e vai suando um montão e
parece esgotado.
-Mas Luigi, que te passou?
-Jo, estou feito pó, venho de enterrar a meu suegra.
-Mas custou-te tanto, com o forte que teu és?
-É que a muito asquerosa não se deixava.

409-Familias judias
Num pueblecito há duas famílias judias, e querem casar às filhas; mas como não há garotos judeus no
povo, decidem se unir para procurar pelos povos dos arredores.
Finalmente encontram dois excelentes partidos, e lhes convidam a que vão conhecer o povo. Mas
resulta que um dos tios se arrepende pelo caminho, e só um deles chega.
E é uma joyita, de modo que as duas famílias mo querem.
Total, que as duas famílias começam a discutir de quem é o noivo, e como a coisa não se aclara,
decidem falar com o rabino mais velho dos arredores.
- O que faremos é muito simples.
Partiremos ao garoto ao meio, e lhe daremos um trozo à cada família para que não tenham
discussões.
Então a mãe de uma das noivas diz:
- Não, faz favor, pobre rapaz, ¿como lhe vão fazer isso!?
Mas a outra mãe diz:
- Isso! Isso! Que o partam! Que o descuarticen!
Então o rabino olha à segunda mãe que gritava com os olhos injectados em sangue que o cortem em
dois e lhe diz:
- O garoto casa-se com sua filha; você é a verdadeira suegra.

410-Burro
Numa ocasião tinha muitas pessoas reunidas numa casa e passou por aquele lugar um conhecido da
família e perguntou...
- ¿Que passou compadre?... ¿morreu alguém?
- Se, meu burro matou a meu suegra de uma patada.
- ¿E toda essa gente conhecia a tua suegra?
- Não... vieram a comprar o burro!

411-Num bar
Conversavam dois homens num bar quando um pergunta:
- Desculpa a pergunta, ¿mas a tí te cai bem tua suegra?
- Não, para nada.
- Então ¿por que levas uma fotografia dela no pacote de cigarros?
- Ah! É que quero deixar de fumar.

412-Enterro de suegra
Se encontram dois amigos e um vinha com um lenço atado à cabeça. Então o outro lhe diz :
- ¿Que te passa? ¿vindes do dentista?
- Não venho do enterro de meu suegra.
- ¿E por que o lenço atado na cabeça?
- É que não posso parar de reirme!

413-o cão assasino


Vai um senhor encabeçando um funeral, com dois carrozas. O, vestido de negro, e muito acongojado.
A seu lado vai um tremendo doberman, que se vê muito feroz. Atrás do cortejo habia uma
interminável bicha de homens, que acompanhavam ao mesmo. Um senhor que estava a ver passar o
cortejo fúnebre, se lhe acerca ao senhor de negro e lhe diz:
- Ouça amigo, desculpe. ¿Quem se morreu?
- Minha esposa e minha suegra.
- Ah!! Meu mais sentido pesame amigo. E digame ¿como morreram?
- As matou este cão.
- Ouça amigo... ¿mo podria prestar?!.
- Claro!, só pongase atrás na bicha.

414-Felicidade
Uma pessoa chegava a uma casa muito contente, sua cara irradiaba júbilo e gozo, e seu amigo lhe
pergunta :
- ¿De onde vens que estás tão contente?
- De uma viagem de prazer.
- ¿Mas como?... ¿estiveste de férias?
- Não... venho do aeroporto... de deixar a meu suegra.
415-Toyota
A um homem se lhe morre a suegra e se dirije ao jornal para publicar o obituario. O homem entra ao
escritório de anúncios e diz:
- Quero pôr um anúncio pela morte de minha suegrita.
- Muito bem senhor, lhe adianto que são $10 por palavra.
- Morreu Josefina.
- Desculpe, acho que não me expliquei bem, são mínimo 5 palavras, ou seja $50.
- Mas eu só quero gastar $20.
- Já lhe disse que não pode ser, de modo que se quer se vai um momento e volta com as 5 palavras...
O homem se vai molesto e regressa aos 10 minutos e diz:
- Já se que pôr no anúncio...
- Se, digame...
- Murio Josefina...
- ¿¿¿E as outras 3 palavras???
- Vendo Toyota Corolla!!

416-Os corvos
Dois agricultores:
- ¡Mierda, outra vez os corvos me comeram a colheita!
- Mas homem, hacé como eu, poné um espantapájaros.
- Se já o pus, mas como se nada.
- O que tenés que fazer é lhe colar uma foto de minha suegra.
- ¿E isso é efetivo?
- Mirá, a meu os corvos não só não me comeram a colheita, sina que me devolveram a do ano
passado.

417- Reencarnacion
- Suegra, ¿você crê na reencarnación?
- Pois claro que se.
- E digame, se você se morre, ¿em que animal gostaria reencarnarse?
- Pois a meu sempre gostei das serpentes.
- ¡Não vale repetir, não vale repetir!

418- vizinhos
- Sabes, meus vizinhos se me queixado várias vezes. Dizem que tenho que sacar meu lixo de casa.
- Homem, um pouco de razão se que têm, ¿não?
- Se, mas é que meu suegra não quer ir nem ao cinema.

419-Avó morta
Muito assustado entra o filho ao banho no qual se encontra seu papai se barbeando e lhe diz:
- Papai! papai! à avó a acaba de atropellar um carro na rua!!!
- Jajaja! Pedrito, já te disse que não me faças reir quando me estou a barbear.
420-Num psicologo
Um homem vai ao psicólogo e lhe diz:
-Doutor me briguei com meu suegra e a velha me disse que não me voltaria a falar num mês.
-¡Mas homen! Isso é uma grande vantagem, lhe disse o medico.
-¡Para mim não! ¡E que o prazo se vence hoje!

PIADAS DE ADVOGADOS
421-Direito de Propriedade
¿Como funciona o direito de propriedade para os advogados? ¿Por que sempre se levam tudo?
Singelo, são mal sete regras fáceis de memorizar:
1 - Se é teu e ele pensa que é dele, é dele.
2 - Se não é teu nem de ninguém, é dele.
3 - Se ele gosta disso, é dele.
4 - Se está na mão dele, é dele.
5 - Se ele to pode sacar, é dele.
6 - Se tinha-lo faz pouco, é dele.
7 - Se parece ser dele, é dele.

422-Candidato a bom advogado


Aluno de Direito ao fazer uma prova oral:
- Que é uma fraude?
- É o que o Sr. Professor está a fazer agora mesmo - responde o aluno.
O professor fica indignado:
- O que faltava! Expliquese!
Então o aluno diz:
- Segundo o Código Penal, "comete fraude todo aquele que se aproveita da ignorância do outro para
o prejudicar".

423-A laranja
Numa classe prática de Direito Civil (obrigações e contratos), o professor lhe diz a um de seus
melhores alunos:
Se você tivesse intenção de lhe presentear a alguém uma laranja, ¿como lo fáia?
- Tomá, te presenteio esta laranja - respondeu o aluno.
- ¡Não não não!, - disse o professor visivelmente contrariado, - ¡pense e actue como um advogado!
O aluno aventajado recapituló e exclamou:
- ¡Ah bem!, eu lhe dizeria: Neste acto, voluntariamente e de forma expressa, te cedo para teu próprio
uso e desfrute, sem restrição alguma, todos meus direitos sobre esta laranja em todas suas partes, e
em todo quanto lhe for inerente, incluindo a pele, a polpa, o suco e as pepitas, ficando bem entendido
que poderás a morder,

424-Honestidade
Numa entrevista de selecção de advogados para uma empresa, o chefe de pessoal lhe diz a um dos
aspirantes ao posto de trabalho:
- Como você compreenderá, numa empresa como esta, se requer uma absoluta honestidade e
integridade pessoal. ¿Se considera você um advogado honesto?
- ¿Honesto?, -replicou o advogado candidato ao posto de trabalho-.
Permitame você que lhe diga algo sobre a honestidade: quando eu comecei a estudar Direito, meu pai
me prestou 15.000 euros para que eu pudesse pagar meus estudos, e eu lhe devolvi até o último
centavo quando tive meu primeiro caso.
- Realmente impressionante, -replicou o chefe de pessoal-.
¿e de que tipo de caso se tratava?
O advogado se revolvió um pouco em sua cadeira e contestou:
- Bom, meu pai me reclamou judicialmente o dinheiro que me tinha prestado.

425-Julgamento Trabalhista
Num Julgamento Trabalhista pergunta o Promotor ao Arguido:
- ¿É verdadeiro que você no dia dos factos se cagou nos mortos do denunciante, em toda sua puta
família, na cadela de sua mãe e no filho de puta travesti de seu pai?
Resposta do Arguido:
- Não, não é verdadeiro... Eu estava tranquilamente trabalhando na fundição e então lhe disse:
"Antonio, por Deus, ¿não te dás conta de que salpicarme com aço fundido nas costas é muito
molesto?

426- Se procura advogado


Conversam dois delinquentes:
- ¿Por que te vais defender vos mesmo no julgamento? ¿Estás louco, Ganzúa?
- ¿E que querés que faça? Passei cinco meses tratando de conseguir um bom advogado e não pude...
- ¿Que dizeis, Ganzúa? se há muitos advogados bons!
- Sim, já sei, magro, mas quando se inteiravam que não era eu o que tinha roubado a prata, não
aceitavam o caso.
427-Apelação Final
Um advogado exaltado e às corridas atinge, quase sem alento, ao Juiz num corredor e lhe diz :
- Seu Señoría, quero que se repita o julgamento, tenho encontrado novos elementos que me permitem
seguir demonstrando que meu cliente é inocente!!
O Juiz surpreso lhe diz :
- Novos elementos? e quais são?
- Ainda lhe ficam 100.000 dólares no banco !!!

428-San pedro com um advogado


Um advogado se morre e toca as portas do céu.
Sai San Pedro e lhe pergunta :
- ¿Que queres?
- ¡Entrar! - lhe diz em tom muito rebelde.
- E quem sos? - lhe diz San Pedro.
E vos, ¿quem sos para perguntar?
- ¿Não me reconocés?, sou San Pedro, mano direita de Deus.
- ¿Tenés contrato de trabalho? - lhe pergunta o advogado.
- Esperá, Jesús vení, o de afora pergunta se tenho contrato de trabalho.
- ¿Quem é?
- ¡Não sei!
Então sai Jesús...
Lhe pergunta o mesmo, e o advogado lhe responde igual mas a ele lhe pede partida de nascimento.
- Um momento, María andá a ver ao de afora.
Sai María...
- ¿Que queres?
- Entrar, - lhe responde o advogado.
- ¿E quem és?
- Não, vos quem sos?
- Sou María, - lhe diz , - a esposa de Deus.
- Ajá? A ver, mostrame o acta de casal, - diz o advogado.
- A ver, um minuto... Deus, vení a ver ao de afora.
Sai Deus...
- ¿Que queres? - lhe pergunta Deus.
- Quero entrar! E vos quem sos?
- Sou Deus, o dono de tudo isto.
- ¿E tenés contrato de COMPRA E VENDA??

429- Pagar ou cobrar


Um menino pergunta a seu pai que é advogado:
- Papai, ¿quanto é 5 mais 5?
- Depende filho, - responde o pai.
- ¿Depende de que?
- Se é para pagar ou se é para cobrar.

430- a audiência.
Numa sala do julgado, vem entrando o Juiz para dar início a uma audiência...
Nesse momento, o promotor se levanta e lhe grita ao advogado defensor:
- ¡É você um sinvergüenza!
O advogado defensor lhe responde gritando:
- ¡E você é um ladrão!
O Juiz toma assento e tranquilamente diz:
- Bom, já que ambas partes se identificaram plenamente, podemos dar início à audiência.

431-Por perguntar...
Um médico e um advogado estão charlando numa festa quando se lhes acerca outro convidado e lhe
diz ao médico:
- Perdoe doutor, mas é que me encontro muito cansado, me custa respirar, tenho a naríz tampada e me
dói tudo.
- Provavelmente não é mais que uma alergia. Tomese qualquer antihistamínico e uma aspirina; tenha
meu cartão, e se não tem melhorado num par de dias, me chame e se dá uma volta por minha
consultorio.
O tipo se vai muito contente e então o médico lhe diz ao advogado:
- Provavelmente não é mais que uma alergia. Tomese qualquer antihistamínico e uma aspirina; tenha
meu cartão, e se não tem melhorado num par de dias, me chame e se dá uma volta por minha
consultorio.
O tipo se vai muito contente e então o médico lhe diz ao advogado:

432-Secetaria nova
Um bufet de advogados contrata a uma nova secretária, que resulta ser uma garota de povo bastante
inocente, ainda que muito formosa.
Um dia dois dos advogados estão a falar dela:
- Sabés, com o boa que é Marita, me preocupa que algum buitre se possa aproveitar dela.
Acho que deveríamos falar com ela para lhe explicar as coisas boas e más da vida na cidade.
- Me parecebem, - diz o outro, se acomodando a bragueta - você explicale as coisas boas.

433-Tratos com o diabo


Um advogado estava em seu escritório, quando de repente o Diabo aparece ante ele.
- Te venho a propor um trato, -disse o inimigo da Humanidade.
- Aumentarei teus ganhos, teus colegas te respeitar ão, teus clientes te admirarão, as mulheres cairão
rendidas a teus pés, terás quatro meses de férias a cada ano e viverás até os cem anos.
A mudança só quero que me entregues o alma de tua mulher e tuas três hijitos para que ardam no fogo
do Inferno por toda a eternidade.
O advogado o pensa e diz, desconfiando:
- E... ¿onde está a armadilha?

434-San pedro
Um maestro de escola, um vagabundo e um advogado chegaram muito próximo do céu.
San Pedro lhes explicou que, para poder entrar, a cada um devia contestar uma pergunta. Ao maestro
lhe perguntou
- ¿Qual é o nome do famoso barco que se afundou em 1912? Faz uns anos fizeram um filme.
O maestro contestou:
- Ah, deve ser o Titanic.
San Pedro o deixou entrar. Depois, dirigindo-se ao vagabundo, decidiu lhe pôr uma prova mais dura:
- ¿Quantas pessoas morreram no Titanic?
Mas o vagabundo tinha lido o dado numa revista que encontrou num lixeiro, e disse:
- 1490.
- Ah, muito bem, pode entrar.
Depois, dirigindo ao advogado, perguntou:
- ¿Como se chamava a cada uma das vítimas?

435-Proibido estacionar
Um homem estaciona seu carro em frente ao edifício de uma assinatura de advogados. Um polícia se
acerca e lhe diz :
- Senhor, não pode se estacionar aqui, cedo sairão os advogados.
E o homem contesta:
- Não se preocupe, tenho seguro...

436-Cuidado com a lei


Se encontrava Moisés lendo a seu povo os mandamientos:
- Nono mandamiento: não desejar a mulher do próximo.
Ao qual se ouve o protesto geral do povo.
Moisés aclara:
- Cumpram a lei! a não ser que tenham um bom advogado...

437-Doação
Uma parroquia descobriu que não tinham recebido nem uma sozinha doação de parte do advogado
mais acaudalado do povo. Um voluntário foi a visitar ao advogado e lhe disse :
- Temos realizado uma investigação, e nos demos conta de que apesar de que você é a pessoa que
ganha mais dinheiro em todo o povo, não tem realizado nenhuma doação à parroquia. ¿Não gostaria
de ajudarnos?
O advogado o pensou um momento e respondeu:
- Primeiro digame, ao realizar essa investigação, ¿descobriram que minha mãe está a agonizar depois
de uma longa e dolorosa doença e que o tratamento médico ao longo destes anos supera todo o que
ela pode pagar?
- Eh, não... -respondeu abochornado o solicitante.
- Segundo: ¿Descobriram que meu irmão, um veterano de guerra, está cego e condenado a uma
cadeira de rodas e que é incapaz de manter a sua esposa e seis filhos?
O apenado voluntário contesta:
- Não tínhamos ideia...
- Terceiro: Descobriram talvez que o esposo de minha irmã faleceu num terrível acidente, a deixando
com três filhos e uma hipoteca?
O voluntário começa a murmurar uma desculpa, mas o advogado o interrompe:
- E se a eles não lhes dou dinheiro, ¿acha que lho dária a vocês?

438- ladrão-ladrão-ladrão...
Entra um advogado a um caixa automático, desses que têm um sofisticado sistema de alarmes, e de
repente começa o sistema a soar uma estruendosa alarme acompanhado de luzes e uma voz digital
que grita a todo o pulmão:
- LADRÃO-LADRÃO-LADRÃO...
O advogado retira o cartão da ranhura do caixa, a examina e diz:
- Mierda, me equivoquei ¡Pus meu cartão profissional!
439- a investigação
Durante um julgamento por corrupção política, o promotor interroga à testemunha:
- ¿É verdadeiro que você recebeu uma quantidade importantíssima de dinheiro para obstruir a
investigação?
A testemunha permanece em silêncio. O promotor achando que não lhe tinha ouvido repete a
pergunta:
- ¿Não é verdadeiro que você recebeu uma quantidade importantíssima de dinheiro para obstruir a
investigação?
A testemunha não responde. Finalmente o juiz se dirige à testemunha:
- Faz favor, responda à pergunta.
- ¡Ah! Perdão, achei que o promotor se dirigia a você, senhor Juiz.

440-Advogado halagado
Um advogado morreu e chegou muito próximo do céu, (não me perguntem por que).
Descobriu que tinha centos de pessoas fazendo bicha nas portas, e se resignó a esperar seu turno. De
repente se lhe acercou San Pedro, o tomou da mão e o levou à frente de todos.
Aliviado, o advogado disse:
-Me sento halagado, mas digame por favor , ¿por que este trato tão especial?
San Pedro respondeu:
-É que temos somado as horas de trabalho que você lhe cobrava a seus clientes, e temos calculado
que você tem 247 anos...

PIADAS DE COMIDA
441- inspector de previdência

Um dia chega um inspector de previdência a um criadero de porcos e pergunta ao criador:


¿Que lhe dá de comer a seus porcos?
Pois eu lhe dou as sobras da comida, basurillas e outras inmundicias que encontro por aí.
¡Ouça, que se creu, deve pagar uma multa de 1 milhão de pesetas por tratar mau aos animais! O
criador fica todo incomodado e, ao passar um tempo, chega outra pessoa que lhe pergunta o mesmo, e
desta vez diz:
Eu lhes dou salmón ahumado, entrecot à pimienta e um postre de gelado e passas.
¡Ouça! ¡Sou da Plataforma pela Fome Mundial, deve pagar uma multa de 1 milhão por insolidaridad
aberrante! O criador já não sabe que fazer, passa o tempo, chega outro tipo e lhe pergunta outra vez
que comida lhe dá aos porcos, e diz:
¡Olhe, eu lhes dou mil pesetas à cada um e que se comprem o que o que queiram!

442-A sandía:
Chega um tipo onde um vendedor que vende frutas numa carretilla e lhe diz: Eu quero comprar uma
sandía, mas quero que esteja colorada por dentro. Sento-o, mas eu não posso partir uma sandía para
ver se está colorada por dentro, lhe asseguro que está colorada por dentro.
O homem lhe faz questão de que lhe partisse a sandía e o vendedor que não. Nesse momento um
camião choca contra a carretilla e a sandía que o vendedor lhe oferecia ao tipo se partiu e estava
branca por dentro. O tipo lhe diz : Veste, o que te disse que esta sandía não era colorada, a olha
como está branca por dentro. ¡Não jodas! ¿E que querias com o tremendo susto que acaba de passar?

443-Um quilo açúcar


Um senhor entra a um bar e lhe diz ao camarero:
¿Quanto custa um café?
O camarero responde:
1 Euro.
¿E o açúcar? Perguntou o senhor.
¡Grátis! Respondeu o camarero.
Pois me põe um quilo, faz favor.

444-Gato tuerto
Nos encontrávamos, meu esposo, meu filho de 8 anos, e eu decidindo a onde íamos a cenar. Meu
esposo me sugieró ir ao "Conejito", então o menino pergunta:
¿Que tipo de comida servem nesse restaurante?
E meu esposo, que tinha um carácter facilmente irritable, lhe contesta:
¿Que cries tu? Se o restauram se chama
"O conejito" é porque vendem coelho, ¿ou não?
Então, lhe digo eu, melhor vamos ao "Cochinito". Volta o menino a perguntar:
¿Que servem nesse restauram? Meu esposo um pouco irritado, lhe contesta : Se usasses um pouco o
sentido comum, não farias tantas perguntas tontas.
Por enquanto recordo que me tinham recomendado um restaurant chamado "O Gato Tuerto", e lhe
digo a meu esposo:
Melhor, vamos ao "Gato Tuerto".
O menino respondeu: ¡Oh não, mas esse gato tuerto comer-lho-ão vocês!

445-Média sandía
Numa frutería estava a pessoa que atende, e chega um fulano fornido, alto e lhe diz ao encarregado:
Ouça jovem, ¿Quanto custa esta sandía? E o outro lhe contesta :
15 pesos.
Então, vendame média sandía.
Não senhor, não posso lhe vender média sandía.
¿Mas, por que, eu somente quero média sandía? Não posso, porque se a parto se me perde a outra
metade se pudre senhor, lhe contesta já enfurecido e sacado de onda. Então, diz com um vozarrón:
Deixe me dizer ao padrão a ver que diz. Entra a um cuartucho que estava no fundo do negócio, e não
se deu conta que seu cliente o tinha seguido e lhe diz ao padrão:
Chefe lá afora está um tipo que quer que lhe venda média sandía e o mandei por um cano, lhe disse
que não se podia mas o muito terco néscio, insiste. O encarregado lhe disse a seu chefe pestes do
cliente, mas não se deu conta de que estava atrás dele, e lhe toma o ombro.
¡Como disse!, com voz de enojado.
E o encarregado diz: Ah, olhe chefe e aqui este jovem quer a outra metade. ¿Que diz, lha vendemos?

446- No purgatorio
Um homem que está no céu lhe pergunta a San Pedro:
- San Pedro, ¿que há hoje de cenar?
- Uma loncha de presunto york e um yogur.
- Mas como vai ser isso -diz o tio- se noto eu por aqui um odor muito rico...
-Pois aqui não é -replica San Pedro-será no inferno ou no purgatorio, porque hoje de cenar há uma
loncha de presunto york e um yogur.
O tio se baixa ao inferno e vê que se montaram um pedaço de barbacoa; passa de volta pelo
purgatorio e vê que se estão a tomar umas cervecitas enquanto se preparam uma paella. Perturbado,
atira para o céu e lhe diz a San Pedro:
- San Pedro, vá teia, no inferno uma barbacoa, no purgatorio, uma paella, e aqui. No céu, uma mierda
de loncha de presunto york e um yogur, anda homen faz um jantar em condições.
-¡Que não!
- ¡Vamos homem!
- ¡Que não!, que para quatro que somos não me ponho eu a guisar.

447- o almoço
Um irlandês, um mexicano e um homem loiro estavam a trabalhar no arcabouço de um edifício na 20
planta.
Às 12.00 almoçaram e o irlandês disse: “¡Carne de ovelha com col! Outra vez… Se minha mulher me
dá este plato outra vez vou saltar deste edifício!”
O mexicano abriu seu lonchera e exclamou: “¡Burritos, burritos, burritos! Sempre esses burritos. Sim
me dá burritos outra vez eu também me saltarei.” O loiro sacou seu almoço e disse:
“Bocadillo com mortadela – ¡outra vez! Um bocadillo com mortadela mais e eu me vou saltar
também!”
No próximo dia o irlandês abriu seu lonchera, viu a ovelha com col, saltou-se e morreu-se. O
mexicano abriu seu lonchera também, viu um burrito e se saltou ele também. O loiro também abriu
seu lonchera, viu o bocadillo com mortadela e se saltou.
No funeral, a mulher do irlandês estava a chorar. Disse: “Se tivesse sabido que cansado era de
ovelha com col, não lha teria dado outra vez.” A mulher do mexicano chorava também e disse: “Lhe
pudesse ter dado tacos ou enchiladas….. Não podia me imaginar que odeia tanto aos burritos.” E
todos se dirigiram para olhar à mulher do loiro. Ela disse: “Não me olhem, prepara seu próprio
almoço.”

448- vizinha tacaña


Um papai lhe diz a seu filho:
- Filho anda onde a vizinha e lhe pede que te presenteie uma xícara de açúcar. O menino vai e
regressa sem nada.
- Papai, a vizinha não quer nos presentear nada. Então o papai lhe diz :
- ¡Que velha mais tacaña!... está bem então, saca a nossa.

449-Ovo
Uma manhã um ovo se encontrou perdido no meio de um povo pobre, pobre, pobre. Estava a procurar
a saída do lugar no meio de ruas solitárias, quando de repente viu a um povoador faminto assomar a
cabeça por um canto e que o olhava com olhos que pareciam dizer:
Ah, que sorte, ¡Que rico café da manhã! Então, se deu média volta e começou a caminhar em sentido
contrário. O povoador começou a seguílo. O ovo sem deterse volta a cabeça e nota que já são duas
os povoadores que o seguem e apressa o passo.
Olha outra vez e são quatro, e depois eram dez, e depois vinte; volta a olhar e vê toda uma multidão
correndo depois dele. Então, o ovo se põe a correr desesperado, em seu afán de fugir dá voltada por
um canto e se encontra com um bistec (carne de rês à grelha) descansando apoiado numa parede e
muito tranquilo.
O ovo lhe diz gritando e sem deixar de correr: ¡Corre, salva tua vida, atrás vem uma multidão!
¡Corre! Ao que o bistec tranquilo responde: Corre você, a confusão é contigo. ¡Porque a mim, neste
lugar ninguém me conhece!

450-Jogo
Uma mãe cansada porque seu filho não queria comer, decide inventar um jogo: -
Olha hijito, imagina que tua boca é um autocarro e a cada cucharada um passageiro.
- Se... gosto deste jogo.
E o menino começa a comer... até terminar. Quando de repente olha a sua mãe e lhe diz:
- Pronto, se acabo o trajecto.... todo mundo afora... e começa a vomitar

451- Brócoli
O brócoli diz:
- Pareço um arbolito.
A noz segue: -
Pareço um cérebro.
Finalmente diz a salchicha:
- ¡já não quero jogar isto!

452-Carnet de manipular alimentos


Um amigo lhe conta a outro:
- Hoje me saquei o carnet de manipular alimentos.
- Que bem, ¿e que pensas fazer?
- Pois nada, em princípio já tenho posto às maçãs e as peras na contramão dos tomates.

453-Es pera ou piña


Uma piña estava na parada do autocarro, quando se lhe acerca uma laranja e lhe pergunta:
- Faz muito que espera?
E a piña responde: -
Não, sempre fui uma piña.

454-Piña
Primeiro acto:
aparece uma piña entrando no autocarro sem pagar.
Segundo acto: uma piña entra no cinema sem pagar.
Terceiro acto: uma piña entra sem pagar a uma discoteca.
-¿Como se chama o filme?
- A piña colada

455- três frutas


Vai Jaimito à escola, e o professor lhe diz:
- Jaimito para amanhã quero que me traga 3 nome de frutas .
Ao acabar a classe o professor lhe entrega uma carta a Jaimito e lhe diz :
- Entregalha a tua irmã.
De caminho a sua casa, Jaimito abre a carta e lê: No parque às seis.
Quando chega a casa muito obediente Jaimito lhe entrega a carta a sua irmã e esta se marcha ao
parque, Jaimito lhe pergunta a sua mãe se pode ir e lhe disse que sim.
Uma vez ali, Jaimito observa como o professor lhe tocava os peitos a sua irmã.
Ao dia seguinte o maestro na escola lhe pergunta a Jaimito:
- Jaimito digame as três frutas.
E este contesta: -
Olhe professor como você volte a lhe tocar os melones a minha irmã lhe vou adar uma patada em sua
banana que lhe vão saltar os kiwis.

456-Paella
Lhe diz um menino a sua mãe:
-Mamãe, mamãe, que rica está a paella.
E sua mãe lhe contesta :
- Pois repete, filho. E diz o filho:
- Mamãe, mamãe, que rica está a paella.

457-Duas azeitonas
- Estas são duas azeitonas que estão a fazer alpinismo e uma delas se cai e lhe diz:
- ¡Ufa! Que dor, acho que me rompi um osso.
E lhe diz a outra:
- ¿Mas és tonta ou que? ¿Como te vais romper um osso se estas recheada de anchoa?

458-Extortista
-1º acto: um senhor vende tortas.
2º acto: o mesmo senhor vende mais tortas.
3º acto: o mesmo senhor vende carne. ¿
Como se chama o filme?
- O extortista.

459-Telepizza
Olá, Telepizza, que deseja?
- Vocês vendem pizzas?
- A você que lhe parece? Se nos chamamos Telepizza que acha que vamos vender?
- Ah claro, e têm tv?
- Uy ...
- E agora que, quem é o sobrado? eh!

460- abençoa estes alimentos


Vai um cura correndo porque o persegue um leão de repente o cura se ajoelha e diz:
-Senhor, peço-te que este leão se volte cristão.
O leão se ajoelha e diz:
-Senhor, abençoa estes alimentos que vou consumir.

PIADAS DE CAMPONÊS
461-Misa
Vai passando um camponês por afora
da igreja e o cura do povo lhe diz : -
-Filho, passa a missa.
O camponêslhe responde : -
Não posso pai, ¿quem me cuidará o cavalo?.
- Deus to cuidará, filho.
- Bom -disse o camponês-, e entrou à igreja.
Quando o pai se dispunha a começar a missa diz:
- ¡Deus está conosco! Então o camponês se levanta enojado de seu assento e diz:
- Então, ¡quem diantre me está a cuidar o cavalo!

462-Num rebanho de ovelhas


Estava um homem dando de pastar a seu rebanho de ovelhas, quando de repente aparece pelo
inhóspito camino uma 4x4 full 0KM. Para em frente ao viejito e se baixa um chavo de não mais de
30, traje negro, camisa branca "Hugo Boss" e sapatos "DKNY", se acerca ao velho e lhe diz:
-Senhor, se eu lhe adivinho quantas ovelhas tem você em seu rebanho, ¿me
presenteia uma? O velho responde com algo de assombro:
-Sim, como não.
Então o jovem volta a seu 4x4 e saca
uma Toshiba Tecra 8000 com 128 MB de RAM, se liga à Rede de Redes, baixa um banco de dados
de 300 MB entra a uma página da NASA, mediante um satélite identifica a zona exata de onde está o
rebanho, calcula a média histórica do tamanho de uma ovelha tipo "Merino", mediante uma tabela
dinâmica de Excel e com a execução de alguns Macros personalizadas em Visual Basic, consegue
completar o diagrama de fluxo do Microsoft Project e depois de três horas lhe responde ao velho:
Você tem 1.347 ovelhas e 4 podem estar grávidas. O velho assentiu e lhe disse que efectivamente
assim era, e que se levasse uma ovelha. O jovem tomou uma e a carregou na camioneta, quando
seestava por ir o velho o deteve e lhe perguntou: Desculpe, mas se eu chegasse a adivinhar em onde
estudou, ¿você me devolve minha ovelha? Ojovem lhe disse sonriente: Seguro, homem. Enquanto
abria a porta de sua 4x4 para marchar-e. O velho então contestou:
Você estudou no Tecnologico O jovem surpreso Por 4 razões: Primeiro por estupido,
segundo vinho sem que eu lhe falasse,terceiro me cobrou por me dizer algo
que eu já sei, quarta, se nota que não conhece NADA de negócios, porque se estava a levar um
estúpido cão.

463-Vacas holandesas
Um paisano vai arreando duas vacas e outro se lhe arrima a conversar. ¿Estas
vacas são holandesas?, pergunta o primeiro. Esta sim, responde Dom Zoilo.
¿E a outra?, pergunta o primeiro. A outra também, responde Dom Zoilo.
E digame, ¿Estas vacas vão para a feira? Esta sim, responde Dom Zoilo. ¿E
a outra? A outra também, responde Dom Zoilo.
E digame, ¿Estas vacas estão grávidas? Esta sim, responde Dom Zoilo.
¿E a outra? A outra também, responde Dom Zoilo. Mas, diga-me uma coisa, por que a cada vez que
lhe pergunto pelas vacas me responde que esta sim e depois, me diz que a outra também.
Ao que Dom Zoilo lhe responde: O que passa que esta vaca é minha. ¡Ahhhh!, contesta o primeiro,
agora entendo, e me diga, ¿E a outra? A outra também.

464-Ferrari
Um camponês vai sobre seu asno quando de repente passa um Ferrari a
uma grande velocidade, mais adiante o camponês vê o Ferrari parado e
aproveita para lhe fazer uma pergunta ao condutor: ¿Como é que essa carroça
corre tanto? Isso é como está pintado de azul e verde, lhe contesta o condutor
aproveitando da ignorância do camponês.
Uma vez que chega ao povo compra dois batas de pintura azul e verde para pintar seu asno, quando o
camponês lhe lança a pintura azul ao animal, este se incorpora devido ao picor que produz na pele e
sai disparado pelo caminho. O camponês o observa e diz: ¡E isso que ainda lhefalta a pintura verde!

465-50 porcos
Dois camponeses compram 50 porcos e
um lhe diz ao outro: ¿Onde os metemos?
Na casa. ¿E o cheiro?
Bom, eles já se acostumassem.

466-garotas nuas
Um dia um granjero cruza por sua
plantação com uma cubeta a recolher
algumas frutas, ao chegar ao rio vê duas
garotas banhandose totalmente nuas.
Elas ao o ver se metem no água até o
pescoço e lhe dizem:
- Não vamos sair até que você não se
vá. - Não vim às ver a vocês, - responde
o granjero levantando a cubeta -. Só vim
a lhes dar de comer aos cocodrilos

467-Camponeses
Um casal de camponeses tinha desejado toda sua vida ter filhos e
tentavam, tentavam e nada, até que um dia lhe deram a boa notícia que iam ter
um filho varão. Ao qual baptizaram como Tiros. Eles muito felizes o criaram,
quando cumpriu quase os 18 se foi à cidade.

Nos meses passaram e passaram e os pais não sabiam nada dele. Até que um
compadre se acerca a sua casa e lhe diz: Compadrito, tenho muito boas
notícias de Tiros, lhe ensina o jornal e onde diz: "Tiros na universidade".

Entre todos se felicitam e matam à vaca mais gorda e grande e festejam por seu triunfo. Passam uns 2
meses volta o compadre e lhe diz : Tenho notícias de
teu filho: Tiros para advogado. Voltam a matar à vaca maior e fazem uma grande
festa, todo o povo se inteirou, todos foram convidados. Aos 5 meses vem o
compadre e lhe diz :
Lhe tenho más notícias compadrito e vêem o título do
jornal e diz: "A tiros mata-o a polícia".
468-Escopeta
Leste era um camponês que ia pela primeira vez à cidade, ele ia em sua
carreta que era jalada por um cavalo, em seu carreta ia um cão e um gato.
Quando já iam chegando à cidade, um homem numa carroça 4x4 os atropelló,
e a carreta saiu voando da estrada.

O senhor da 4x4 se baixou da carroça com uma escopeta, procurou e procurou


até que encontrou ao gato que dizia miau, miau, quase moribundo, o homem
se compadeció do pobre animal e disse:
¡Eu não posso ver a este animal sofrer assim!, e lhe atirou 2 balazos, procurou
mais adiante e encontrou ao cão, este já quase nem respirava e também lhe
atirou dois balazos, e a tudo isto, o camponês tinha visto todo o que o
homem tinha feito com os animais, seguiu procurando e encontrou ao
camponês com um olho afora, uma mão que se lhe tinha destroçado, um pé
avariado. E o camponês lhe diz ao homem: ¡Jo!, parece mentira mas a
minha não me passou nada.

469-Turistas gringos
Estava um grupo de turistas gringos percorrendo as chacras de um povoado
rústico; em isso um deles vê a um camponês atirado à sombra de uma árvore descansando. O gringo
se lhe acerca e lhe procura conversa:
Olá amigo,
¿Como estar tu?
Muito bem chefe, aquí descansando.
Digame por que você não trabalhar mais por suas terras.
¿E para que?
Para ter grandes colheitas e vender mais.
¿E para que?
Assim tu poder ganar mais dinheiro e comprar ganhado.
¿E para que?
Com o ganhado fazer, reproducir e vender e ganar mais dinheiro.
¿E para que?
Para ter uma casa bonito e viver tranquilo e descansar.
¿E que estou fazendo?
470- Panaderia
Um camponês chega a uma panadería:
Boas tardes, me disse minha querida
senhora que perguntasse se já saiu o
pão quente.
Sim, acaba de sair, responde o panadero.
Então o camponês pergunta:
Ouça, ¿E como a que horas regressará?

471-

Um camponês baixa ao povo com seu cavalo, e o amarra em frente à estação de polícia, e ao
amarrarlo o animal se surra na banqueta do lugar e ao vê-lo
um gendarme lhe diz :
Ouça senhor, eu lhe dárei parte disto ao chefe.
O camponês lhe contesta :
¡Se quer dêlho tudo, que a meu, não me vai servir!

472-Vacas
Tinha um camponês que andava muito
preocupado, lhe tinham roubado 200
cabeças de ganhado (de vacas), e o
homem pôs um aviso no diário que dizia:
"Faz favor devolvam me as 200 cabeças
de ganhado porque as vacas se andam
chocando entre se."

473-Maizal
A um senhor se lhe tinha morrido uma
irmã; e um bom amigo dele lhe pergunta:
Ouça compadre, ¿E de que morreu sua irmã?
O senhor responde:
Pois, de acordo aos médicos parece que
se morreu num maizal.
Seu amigo:
¿E isso por que?
Pois, os médicos dizem que se morreu
de feridas contusas.

474-Suicidarme
Um camponês harto de sua vida se queria
suicidar, então se sobe a uma árvore
para pendurarse e no que está por
aventarse, se rompe o ramo, e se saca a
mugre.
Vendo no solo todo maltratado diz:
¡Ai, por querer suicidarme quase me matei!

475-nome com J
Estao uns compadres falando e se lhes aparece o diabo dizendolhes que se adivinha seus nomes lhos
á levar com ele, únicamente entao os dos compadres lhe diz que seu nome começa com “j”, após
muitas tentativas e não poder adivinar o nome o diabo se dá por vencido e lhe pede que diga seu
nome, então o compadre lhe diz:
Me chamo Jelipe.

476-Lendo uma carta


Um camponês amigo meu recebeu uma carta que dizia:
Leia a carta pelo reverso, é importantíssimo.
E pelo outro lado dizia:
Leia o reverso, é
importantíssimo.O camponês combinou
com a dúvida, e se morreu lendo a carta.

477-
Uma vez um granjero foi a levar a suas
vacas a outro establo de um amigo:
¡José, te trago estas vacas para ver se
tua semental as preña!
Não há problema...põe no curral, ao que meu
pai regresse lhe faz o trabalho.
478-Huerta
Um agricultor está a trabalhar na huerta,
Se acerca um garoto e lhe pergunta :Senhor, ¿Que lhe põe às frutillas?
Estou a pôr-lhe fertilizante. Ah, ¡Eu lhe
ponho creme!

479-Dua lavadoras
Era uma mãe que vivia num campo
muito mas muito atrasado, sua filha o lume e lhe diz:
- Mamãe, vou te mandar uma lavadora.
A mãe lhe diz :
-¿Que é isso?
-Mamãe, só lhe jogas detergente, água
e a roupa suja e ta lava, ah e também te mandarei uma licuadora.
Aos diasvolta a chamar a filha e pergunta a sua mãe:
-¿Como te vai com a lavadora?
-Com a grande muito bem, mas a
chiquita me danifica a roupa interior.

480-Gavilana
Uma camponesa chega ao ginecologo…
– Doutor: venho para que me revise a Gavilana..!
– Senhora! ¿E por que lhe diz asi a sua parte intima?
– Doutor, pela quantidade de pombas que se comeu.

PIADA DE DENTISTAS
481-Muela
Chega um paciente onde o dentista com moléstia de uma muela, é revisado da mesma e então lhe
pergunta o paciente ao dentista: ¿Vou perder meu muela, doutor? E o dentista lhe contesta : Isso não o
sei senhor, eu lha vou a entregar numa bolsita, e se a perde é problema seu.

482-Férias no dentista
Uma mulher e seu esposo tiveram que interromper suas férias para ir ao dentista. Preciso uma
extracção, mas sem anestesia porque levo muita pressa, anunciou a dama.
Extraia a muela o mais rápido possível para que possamos nos ir cedo. Muito impressionado o
dentista exclamou:
¡Que valente é você, senhora! ¿Qual é a peça?
A mulher se voltou a seu marido e lhe disse : Mostralhe a muela, cariño.

483-Eco
O dentista lhe diz ao paciente:
¡Joder! Tem você a carie maior que tenho visto em minha vida, a carie maior que tenho visto em
minha vida, a carie maior que tenho visto em minha vida.
Bom, bom, não tem por que o repetir tanto.
Não o repeti, ¡É o eco!

484-Dentista
Um senhor lhe diz a outro:
Meu filho deixa a todos com a boca aberta. E o amigo muito impressionado lhe pergunta :
¿E que faz seu filho?
O senhor lhe responde :
Meu filho é dentista.

485-90 dolares
Dentista: Tenho que lhe extrair o dente adolorido, mas não te preocupes só tomará uns cinco minutos.
Paciente: ¿E quanto custará?
Dentista: 90 dólares
Paciente: ¡90 dólares por só uns minutos de trabalho!
Dentista: ¡Posso lo extraí muito lentamente se quer!

486-Jogo de futebol
Um dentista, após completar o trabalho num paciente, veio a lhe diz ao paciente: ¿Poderias faz favor
ajudarme?
¿Poderias faz favor dar teu grito mais forte e doloroso?
O paciente responde:
¿Por que?, Não me doeu tanto desta vez.
O dentista agrega: Há tanta gente na sala de espera neste momento agora e não me quero perder o
jogo de futebol da 4.

487-Terrível muelas
Este é um homem que vai pela rua com uma dor de muelas terrível, de repente vê uma clínica dental
com um cartaz que dizia:
Extracção de muelas, com dor: 5.000 pesos, sem dor: 3.000 pesos.
O homem ficou olhando um pouco confundido dizendose:
¿Eh? Eu acho que se equivocaram, bom eu entro por se talvez.
Total que entra e lhe diz ao conserje: Olhe, eu quereria me tirar esta muela.
¿Com dor ou sem dor? Lhe pergunta o conserje. Sem dor. 3.000 pesos faz favor, suba à terceira
planta.
O homem sobe e se tumba na camilla, vem o dentista com umas tenazas, lhe põe o pé no peito e
começa a atirar da muela. O homem começou a gritar de dor e diz o dentista: ¡Olhe que lhe cobro
com dor! ¿Eh?

488-Whisky
Vai um caminhoneiro ao dentista todo assustado. Doutor, me dói a muela.
A ver, abra a boca. Não, que tenho muito medo. Olhe, ¿Sabe que faremos?, dou-lhe esta garrafa de
whisky, você joga algum engolo, e verá como se lhe passa o medo. Olhe, ¿Sabe que faremos?, lhe
dou esta garrafa de whisky, você joga algum engolo, e verá como se lhe passa o medo. Pouco depois,
o caminhoneiro já tem deixado a garrafa totalmente vazia.
¡Que! ¿Se sente mais valente agora? Se, mas a ver quem é o guapo que me toca agora a muela.

489-Coroa da rainha
Estava um tipo onde o dentista, e depois do revisar, o dentista lhe disse: Senhor, vou ter que lhe pôr
uma coroa, mas lhe advirto, isto lhe vai custar 12,000 pesos. Ao que o homem contestou: ¿E de quem
é essa coroa, da rainha de Espanha?

490- Boxeadores
Era uma vez um senhor que foi a uma briga de boxeadores e seu assento estava à frente.
Junto a ele estava um senhor que aos dois jogadores lhes jogava porras. Chegou um momento em que
o outro senhor se incomodou e lhe pergunta:
¿Por que lhe joga porras aos dois?
E este lhe responde:
¡Porque sou o único dentista neste povo!

491-Higiene bucal
Vai um tipo ao dentista para fazerse uma higiene bucal, total que já finalizada a limpeza, lhe diz o
dentista ao cliente:
Olhe, hoje não vá comer pelo centro.
E lhe diz o paciente: Não se preocupe, hoje vou comer a casa de minha cuñado.

492-Viagra
O dentista lhe explica ao homem que devia lhe extrair a muela para o que o ia anestesiar, começa a
preparar a jeringa quando o homem o interrompe
: -Nada de agulhas, eu tenho pânico às agulhas...
-Bom, diz o dentista, vamos anestesiar com um pouco de gás...
-Não doutor...não suporto ter a máscara de gás na cara... O dentista traz uma pastilla e se lha dá ao
paciente, que lha toma sem protestar
-Com as pastillas não há problemas...¿Que é o que acabo de tomar? –
Viagra.... -diz o dentista.
-¿Viagra?... ¿para que me deu viagra? –
Para que tenha de onde se agarrar enquanto lhe saco a muela sem anestesia.

493-me dói meu billetera


Chega o dentista com seu paciente e lhe pergunta :
¿lhe dói a você algo?
Ao que o paciente lhe responde:
Sim, meu billetera.

494-Dentes postizos
Uma senhora, como de cem anos, vai à consulta do dentista:
– Venho a que me saque os dentes…
– ¡Mas senhora, se você não tem dentes!
– ¡O que quero é que me saque os postizos que acabo de me engolir!

495-Caries
Uma dama vai ao dentista. No cadeirão, o dentista nota uma mancha marrón sobre um de seus dentes.
-Aha, caries! Lhe vou ter que extrair este dente" diz o dentista.
-Oh não, dantes que isso preferiria ter um menino, grita a dama.
-Nesse caso, deixe me ajustar o cadeirão primeiro, contesta o dentista.

496- ter cuidado


Uma mulher vai ao dentista. Quando ele se inclina para começar a trabalhar, ela lhe agarra os
testículos.
O dentista diz, "Senhora, acho que tem tomado minha zona privada."
A mulher contesta, "Sim, vamos ter cuidado para não lastimarnos o um ao outro"

497-Muela muela
Estava uma freira no hospicio moliendo milho e outra com dor de muelas grita: ¡MUELA IDIOTA!
¡MUELA ESTUPIDA! Ao que a freira lhe re responde:
- Vinga e muela você floja.

498-Dentes
¿Se enojou muito tua mulher ontem por ficarte um momento mais a jogar às cartas? - Não, total, estes
quatro dentes mos tinha que sacar.

499-Anestecia importada
No dentista: -
¿Quer que lhe ponha anestesia local?
- Olhe, contanto que não doa, estou disposto a pagar anestesia importada.

500-Dentes amarelos
Um senhor vai ao dentista pois tinha os dentes muito amarelos.
Chega onde o dentista e lhe diz:
Doutor, tenho os dentes amarelos, ¿Que me recomenda? O
doutor responde:
-corbata marrón
PIADAS DE CARROÇA
501-Um aventón
Se encontra um senhor parado à orla da estrada na noite pedindo aventón e estava a cair uma
tremenda tormenta, mas ninguém se parava, quando de repente volteó e viu que para a curva vinha
uma carroça, e que se pára.
O senhor sem duvidálo mais se sobe à carroça e fecha a porta, quando de repente voltea e se dá conta
que ninguém vai manejando a carroça, voltea para a estrada e vê que adiante tinha uma curva e o
senhor começa a rezar.
Quando ao chegar à curva se abre a porta do condutor, entra uma mão e move o volante na curva, e
assim lhe sucede repetidas vezes até que o senhor não aguenta e se baixa da carroça e se vai
correndo até o povo mais próximo, entra à cantina e a todos lhes começa a contar o que lhe sucedeu.

Como à meia hora chegam dois tipos todos molhados e lhe diz um ao outro: Olha Juan, lá está o tipo
que se subiu à carroça quando o vínhamos empurrando

502-Heladero
Um heladero que estava cansado de dar à bicicleta, se pára num canto e nesse momento chega um
tipo num auto desportivo. O heladero lhe diz : Senhor, ¿Me poderia dar um aventón faz favor?
O tipo do auto lhe diz :
Bom, mas amarra o carrito de gelados com uma corda à parte de atrás da carroça. O heladero lhe diz
: Quando eu lhe toque uma corneta é para que freie, e quando lhe toque duas cornetas é para que pare.
O tipo do auto diz:
OK, muito bem. Vão pela avenida e o do auto lhe deu rápido, o heladero tocou-lhe uma corneta e ele
baixou a velocidade. Tudo ia bem até que ao parar num canto, outro auto se lhe pára ao lado e lhe faz
senhas para fazer uma concorrência.
Os dois autos arrancaram a toda a velocidade, quando iam a 200 Km/hora, passaram uma alcabala,
um guarda diz a outro: ¿Viste essas carroças o rápido que iam? O outro diz:
Isso não é nada, não viste o carrito de gelados que lhe estava a tocar corneta para lhos passar.

503-Ninja
Resulta que um conhecido tipo se compra um auto último modelo e o sai a provar pela autopista. Põe
primeira (60 km/h), segunda (90 km/h) terceira (110 km/h). Quando estava a acelerar para pôr quarta
uma Ninja (moto) se lhe põe simultaneamente.
O condutor da moto inclina sua cabeça, olhando ao condutor do automóvel, com a mirada fixa para
os olhos do tipo lhe diz :
¿Conheces a Ninja?, acelera a moto a fundo e se escapa a grande velocidade. O condutor do
automóvel muito ofendido pelo insulto que o motorizado lhe tinha oferecido, acelera até atingílo. O
facto se repete, e assim uma vez mais o motorizado se afasta mas desta vez, a uma velocidade que o
automóvel não pode atingir.
Depois de manejar tranquilo por um momento ao chegar a uma curva vê ao motorizado atirado no
andar, a moto 30 metros mais adiante toda quebrada.
O motorizado agonizando no andar, o condutor se acerca e lhe diz : Ja, isso te passa por andar
carregando à gente com tua motito. Olha o que ficou de tua moto.
Ao que o motorizado como pode responde: Eu te perguntava se conhecias a Ninja, para ver se sabias
onde estava o travão.

504-Um camião
Um homem toca o timbre de uma casa, ao que um menino o atende. ¡Olá! ¿Está teu pai? O menino
responde: Não, ele não está. Lhe calcou um camião. O homem expressou seus condolencias, e lhe
perguntou se sua mãe Se encontrava em casa.
O menino responde:
Não, ela não está.
Um camião a calcou . O homem já um pouco desconcertado e impaciente lhe pergunta: Mas, ¿não se
encontram por acaso teus irmãos, tua avó ou teu avô? O menino responde: Não, eles também não
estão. A todos lhes calcou um camião. O homem surpreendeu-se muitíssimo e lhe replicou : Mas,
¿onde te encontravas tu, quando a todos lhes calcou o camião? ¿Eu? ¡Eu estava a manejar o camião!

505-Pepito
Era Pepito e lhe diz a seu papai:
Papai, papai, ¿me prestas a carroça? Não Pepito, porque vais atropellar a alguém. E Pepito seguia:
Papai, ¿me prestas a carroça?
E disse seu papai:
Bom, pois to vou a prestar, e de repente atropella a um viejito, e se vai recio na carroça para que não
o descubram, e de repente prende a rádio e estava uma canção que dizia, por que se foi, por que
morreu, e diz Pepito: Porque o estupido se me atravessou.

506-¡Bem vindo!
Ia um senhor numa moto a 80 Km p/h numa estrada desértica. Quando vê um aviso que dizia: Diminui
a 50 Km. Então, diminui a velocidade a 50 Km p/h. Mais adiante encontra outro aviso: Diminui a 30
Km.
Então, diminui a velocidade a 30 Km p/h. Mais adiante encontra outro aviso: Diminui a 10 Km.
Então, diminui a velocidade a 10 Km p/h. Mais adiante encontra outro aviso: Diminui a 5 Km.
Então, diminui a velocidade a 5 Km p/h. Mais adiante encontra um último aviso que diz: ¡Bem vindo
a Diminui!

507-Álcool.
Leste era uma vez um homem que ia pela estrada com excesso de velocidade e o pilla a polícia e lhe
diz:
-Abrame o maletero-
E vê um montão de facas e o homem lhe diz :
-É que sou puxador
-E então o polícia lhe diz:
-pois vinga demonstra-o-
Então este tomada a sua esposa que a ténia no carro e a saca e a põe contra uma árvore e começou a
atirar as facas e nesse momento passa por ali um homem num carro e se diz a se mesmo:
-Uy, sim que sê esta pondo difícil a prova do álcool.

508-Um vendedor
Um vendedor lhe diz ao cliente:
Senhor este auto lhe convém, só tem que me dar 50 mil dólares.
Esta bem, aqui tem o dinheiro, e pergunta, ¿A quanto corre? O vendedor lhe contesta :
Ouça senhor, quando vai em primeira, vai a 50 milhas por hora, quando vai em segunda, vai a 100
milhas por hora, quando vai em terça, vai a 150 milhas por hora, quando vai em quarta, vai a 200
milhas por hora, quando vai em quinta, a 250 milhas por hora, mas já não lhe metas sexta porque o
auto voa.
O comprador vai por sua mulher, seus filhos, a avó e vão-se a um passeio no auto novo.
De repente ao senhor cola-lhe a loquera e se vai em primeira, segunda, terceira, quarta, e de repente,
a esposa lhe diz :
Meu amor, aí há um barranco, e o esposo lhe contesta : ¡Não te preocupes velha, o trago em sexta!

509-Autopista
Vai um senhor em sua carroça por uma autopista, de repente observa que outra carroça leva uma bata
arrastando, se acerca o mais possível para lhe avisar e lhe grita:
¡Ouve, levas uma bata arrastando!
O outro responde: ¿Que? ¡Que levas uma bata arrastando!
¿Que? ¡Que levas uma bata arrastando! ¡Fale mais duro que levo uma bata arrastando!

510-Viajando Volkswagen
Viajando em seu pequeno Volkswagen ia Luis caminho a Cuernavaca, cidade de descanso localizada
na República Mexicana, quando a carroça lhe começa a falhar até parar, desesperado Luis baixa do
carro; quando vê passar a seu amigo Pepe em veloz Corvette, lhe fazendo senhas, Pepe reconhece a
Luis e para; desgraçadamente nenhum sabe um ápice de mecânica pelo que Pepe decidiu oferecer
remolcar a Luis até a oficina mais próxima; Luis que conhecia o hábito da velocidade de Pepe se
nega rotundamente, pois teme que se lhe esqueça que leva remolque;
Pepe promete que não aumentará a velocidade mas que se o fizesse o único que Luis teria que fazer é
tocar a bocina e isto lhe fáia baixar a velocidade. Já em caminho um Ferrari lhes rebasa e Pepe sem
pensar mais acelera a fundo, Luis se cola à bocina sem conseguir que Pepe diminua a velocidade; em
isso um polícia lhes vê passando, vendo que ia ser impossível lhes dar atinja se comunica com seu
colega ao final da estrada lhe dizendo:
Aí vão três carroças com excesso de velocidade; Um Ferrari branco ao que faz favor deténs e lhe
aplicas uma forte multa por excesso de velocidade; ao Corvette aparte da multa lhe sancionas com
cancelamento de permissão para conduzir, por querer passar a outro veículo a excesso de
velocidade; mas ao Volkswagen leva-lo preso aparte de multarlo e de cancelarlhe a licença pois
ainda lhe vai tocando aos outros dois pára que o deixem passar.

511-Clementina
Uma noite, Clementina vai conduzindo a sua casa quando se desata uma tremenda granizada que
deixa seu carro cheio de abolladuras. Ao dia seguinte leva o veículo à oficina para que lhe façam um
orçamento de reparo.
O mecânico lhe faz um guiño a seu colega e lhe diz a Clementina que se sopra com força pelo cano
de escape, as abolladuras desaparecerão. Ao chegar a sua casa, Clementina se põe a soprar com
todas suas forças pelo escape do carro.
Em isso chega a amiga com quem compartilha a moradia e lhe pergunta que está a fazer. Clementina
lhe explica o que lhe disse o mecânico. Mas não dá resultado, acrescenta, fazendo uma pausa para
tomar alento. ¡Não sejas tonta!, lhe diz sua amiga, ¡primeiro tens que fechar as janelas!

512- manhã de dia Domingo


Era uma manhã de dia Domingo e numa cidade muito habitada dava-se por inaugurada uma nova
estrada que permitiria aos automovilistas viajar mais rápido, a polícia estava muito contente e o
prefeito lhe propôs a um oficial de polícia que presenteasse 1.000 dólares ao automóvel 1.000 que
passasse pela nova estrada, se deu a oportunidade, e o oficial faz deter uma carroça e se expressa
assim: ¡Muito bons dias, senhor!, tenho o agrado de comunicarlhe que você tem ganhado 1.000
dólares por ter sido o automóvel número mil desta manhã, o oficial muito ansioso lhe diz : ¿Que
pensa fazer com o dinheiro? O condutor lhe diz : Bom, já é tempo para tomar lições de conduzir e
pagar minha licença Enquanto a esposa do condutor que estava sentada ao lado lhe diz: Não lhe faça
caso senhor polícia, se este quando se cura não sabe o que fala. O oficial de polícia se enfureceu e
lhe disse: Nesse caso meu amigo, detenha o veículo e se baixe.
e a suegra que estava no assento trasero lhe diz: ¡Veste, te disse que não chegaríamos a nenhum lado
com um veículo roubado!

513-Cantinero
Se decompõe o automóvel de um homem num caminho para perto de um povoado. Abre o cofre e
começa a procurar o defeito. Em isso se ouve uma voz que diz:
¡É o revendedor! Voltea e não vê a ninguém, só a um cavalo que estava ao lado do caminho e sem
mais segue procurando o defeito.
E outra vez se ouve a voz: Não há dúvida, é o revendedor, está flojo o revendedor. Dantes de que
terminasse de se ouvir a voz voltea o homem, e vê surpreso que o cavalo era quem estava falando.
E fazendolhe caso ao cavalo arranja o revendedor, e arranca até chegar uma cantina do povoado.
Dirigindose ao cantinero lhe diz :
¿Me dá um wiskhy?, não me vai crer o que me passou no caminho, se me decompôs minha carroça, e
um cavalo negro me falou. O cantinero sem desconcertarse lhe responde : ¡Que bom, porque o cavalo
branco não sabe nada de mecânica!

514-Chupa gasolina
Um senhor sempre acostumava a ficar sem gasolina, e tinha o costume de se estacionar atrás de um
carro e succionar com uma mangueira a gasolina do carro. Numa ocasião já muito entrada a noite, na
estrada, o chupa gasolina se voltou a ficar varado. A uns quantos metros se encontrou uma casa
rodante e como é costume sacou sua mangueira e se pôs a succionarla, mas teve problemas ao o
fazer, após meia hora do tentar se lhe acercou o dono da casa rodante e lhe perguntou:
¿Que está a fazer? O chupa gasolina contestou: O que passa é que preciso gasolina.
O senhor respondeu:
Está bem, tome toda a que queira.
Ao momento em que voltava a succionar na mangueira, o senhor assustado exclamou: ¡Não, essa é a
cisterna de meu banho!

515-Auto deportivo
Uma vez um homem estava a ler o jornal e viu um anúncio que dizia, "Se vende um auto desportivo
em US $500". O homem se surpreendeu e de uma vez foi à direcção indicada para ir ver a carroça.
Quando ao fim encontra a casa, encontrou que era uma mulher a que estava a vender a carroça. Ela o
leva a ver a carroça, vê que a carroça se vê em muito boas condições e lhe pede o provar para se
assegurar de que sim o está. O prova e vê que a carroça está estupendamente bem. A isto já lhe
estava a matar a curiosidade e lhe pergunta à mulher:
¿Por que está a vender uma carroça tão cara em sozinho $500? Ela muito comprazida lhe contesta:
O que passa, é que meu esposo e eu nos acabamos de separar.
Ele me disse que me podia combinar com todo menos a carroça, que lhe fizesse o favor e lho
vendesse e depois lhe mandasse o dinheiro

516-Cavalos
Um senhor conduzia tranquilamente pela autopista quando de repente um carro o adianta a 200 km/h
tocando o claxon.
O condutor lho toma a mau e começa a acelerar mas não consegue o adiantar.
Mais adiante vê o mesmo carro estacionado adiante de um bar e a seu dono baixando dele; então,
baixando a janela grita com todas suas forças: ¡600 cavalos! Mas seguidamente se topou com uma
curva muito fechada, e como ia a muita velocidade se caiu a um rio que passava por um lado da
estrada.
O tipo de dantes passando adiante do acidentado grita:
¿que dando do comer aos cavalos?

517-Ancianitas num convertible


Iam duas idosas num convertible na estrada 110.
Depois se meteram na estrada 5.
De repente se deram conta que iam seguidas por uma carroça de polícia e o oficial lhes pede se
deter. O oficial lhes pergunta :
¿Sabem por que as parei? A idosa que ia conduzindo respondeu:
Não, não sê porque nos parou. A razão por que as parei foi porque o limite de velocidade nesta
estrada é 65 milhas por hora, e vocês iam a 5 milhas por hora, disse o oficial.

Então, a idosa lhe disse ao oficial:


Ah, eu achei que nesta estrada se tinha que conduzir a 5 milhas por hora.
O oficial lhe respondeu :
Me temo que lhe tenho que dar uma infracção.
Quando o oficial lhe entregou a infracção à idosa notou que ambas idosas tinham o cabelo alborotado
e lhes pergunta:
Uma última pergunta, só por curiosidade, ¿Por que as duas têm o cabelo tão alborotado?
E contesta a idosa:
Não oficial, pois se fixe que acabamos de sair da estrada 110.

518-Fiat 600
Um senhor que vai com seu Fiat 600 pela estrada e lhe passa um Mercedes a 180. O do 600 se pica
com o do Mercedes, e fazendo um alarde de valor, lhe passa.
Ao que o do Mercedes, acelera e lhe volta a passar.
Estão a passar um ao outro durante horas e ao final se vê o do 600 que se sai reto numa curva
jogando fumaça do motor e o do graças que passa ao lado, para e lhe diz:
¡Vá calentón!, ¿Eh? Ao que o do 600 lhe responde:
Tu verás, ¡Não entrava a terça!
519-Audi A4
Um polícia detém a dois indivíduos que iam num Audi A4 e lhes diz: Tenho que multarles. ¿Por que?
Pergunta um deles, levamos os cintos de segurança postos, vamos à velocidade ordenada, tudo vai
bem.
Estou de acordo, diz o polícia, mas aqui põe Audi A4 e só vão dois, assim ao ser um carro para 4 e
só vão dois devo multarles.
Ao encontrar a multa injusta, se põem a discutir com o polícia quem muito enojado lhes diz: Olhem,
aqui las ordene as dou eu, de modo que não me façam perder o tempo. Faz favor deme os papéis que
lhes ponho a multa, e me vou ver que lhe passa a meu colega que está com um seiscentos e só vai um.

520-Um motorista
Este é um motorista que vai por uma estrada, toma uma curva e tem um acidente com uma carroça
carregada com coisas, que circula em seu mesmo sentido.
O homem da carroça baixa e lhe pergunta :
¿Se fez algo você bom homem? Ao que o motorista responde:
Não, mas você deveria levar um trapo vermelho ou algo similar.
E o homem da carroça responde:
¡Se não tem visto a carroça, como espera ver um trapito vermelho

PIADAS DE MARINHOS
521- âncoras
Um rapaz quis entrar à marinha e lhe tomaram um exame: ¿Quantas âncoras tem um barco?
Ehhhhh, mmmm, ¡Onze!
¿Que? ¿Como que onze?
¡Claro! ¿Não vê que sempre dizem: Elevem âncoras?

522-Piratas
Os piratas dos sete mares: Leste era um barco pirata, de repente, aparece uma fragata inglesa. O
segundo de abordo grita:
¡Capitão, capitão uma fragata inglesa a babor! Então o capitão gira instruções:
¡Baixem as velas, coloquem a bandeira pirata, todos aos canhões, sables em mãos e me tragam minha
jaqueta vermelha! Pin, pun, pan, trifulcas, golpes e ganha a batalha o barco pirata. Ao outro dia,
novamente grita o segundo de abordo:
¡Capitão, capitão uma goleta espanhola a estribo! Então o capitão gira de novo instruções: ¡Baixem
as velas, coloquem a bandeira pirata, todos aos canhões, sables em mãos e me tragam minha jaqueta
vermelha!
foi quando o marinheiro lhe pediu permissão para que abandonará o barco dantes de tempo. O
capitão molesto lhe disse :
¿E para dizerme isto me levaste ao fundo do barco? O marinheiro lhe disse :
O que passa é que me disseram que você é muito mau, mas que no fundo é bom.
Pin, pun, pan, trifulcas, golpes e de novo ganha a batalha o barco pirata. Ao dia seguinte o segundo
de abordo acerca-se e lhe pergunta ao capitão: Capitão todos estamos impressionados por seus dotes
dirigindo na batalha e o bem que nos foi na mar.
No entanto, todos entendemos por que há que colocar a bandeira pirata, baixar as velas e o demais,
mas me desculpe, ¿Para que pede que lhe tragamos sua jaqueta vermelha? A isto o capitão contesta:
Elementar senhor Smith; se por infortunio sou ferido em batalha, a tripulação não se desmoralizará
porque não se darão conta que estou ferido; deste modo sempre ganharemos a batalha. Ou senhor
Smith contesta:
Ah, que interessante e bem pensado meu capitão.
Três dias depois o segundo de abordo grita: ¡Capitão, capitão, dois fragatas portuguesas a babor, três
fragatas inglesas para a popa e quatro goletas espanholas para proa, então o capitão, se rasca a
cabeça e gira as instruções:
¡Baixem as velas, coloquem a bandeira pirata, todos aos canhões, sables em mãos e me tragam meu
pantalón marrón!

523-Tripulante de mar
Um dia em alta mar um tripulante lhe diz ao capitão:
¡Capitão! ¡Capitão! ¡Se acercam 20 carabelas! Ao que o capitão responde:
¡Uma frota! E o tripulante lhe contesta : ¡Não, todas flutuam!

524- Um marinheiro
Um marinheiro viajava com seu capitão, e quando já estavam por chegar a seu destino, o marinheiro
insistiu falar com seu capitão no fundo do barco, o capitão ao princípio não quis, mas o marinheiro
insistiu mais e conseguiu levar a seu capitão ao fundo do barco, foi quando o marinheiro lhe pediu
permissão para que abandonará o barco dantes de tempo. O capitão molesto lhe disse :
¿E para dizerme isto me levaste ao fundo do barco?
O marinheiro lhe disse :
O que passa é que me disseram que você é muito mau, mas que no fundo é bom.

525-Babor
Este é um homem que está
num barco e lhe pergunta a um marinheiro:
¿Onde está o capitão? E o marinheiro lhe responde:
Por babor.
E lhe diz o homem:
Ah, você perdoe, por babor, ¿Onde está o capitão?

526-A galera romana


A galera Romana com 200 galeotes e de repente lhes diz o Capitão:
Galeotes, informo-vos que após 2 anos e 312 dias de navegação vos vou dar 2 notícias, uma boa e
outra má. Todos os galeotes gritavam:
¡A boa, a boa! E diz o capitão:
A boa é que ao fim vos ides poder mudar os calzoncillos, e a má é que; tu Augustus, tos mudas com
Octavius, tu Marcus com Alfonsus, tu Micaelus com Porfidus...

527- Um marinheiro e um pirata


Um marinheiro e um pirata se encontram num bar e começam-se a contar suas aventuras nos mares.
O marinheiro nota que o pirata tem uma perna de pau, um garfio na mão e um parche no olho e lhe
pergunta ao pirata:
- ¿E como terminaste com essa perna de pau?
O pirata lhe responde :
- Estabamos no meio de uma tormenta e uma onda me atirou ao mar, caí entre um montão de
tiburones. Enquanto meus amigos subiam-me um tiburón me arrancou a perna de um mordisco.
- !Guau! -replicou o marinheiro.

E que te passou na mão, por que tens esse garfio? -Bem.... estávamos a abordar um barco inimigo e
enquanto lutávamos com nossas espadas contra os outros marinheiros, um inimigo cortou-me a mão."

- ¡Incrível! - disse o marinheiro -¿E que passo-te no olho?" - Uma pomba que ia passando e me caiu
excremento no olho. - ¿Perdeste o olho por um excremento de pomba? - Bom... é que era meu
primeiro dia com o garfio...

528- confesionario
Um marinheiro chega ao confesionario e lhe diz ao sacerdote:
-Pai, estou a sair com a esposa do capitão do barco
. -Bom, deixe de fazêlo e reze cinco Pais Nossos e um Ave María.
- Pai, eu não sei rezar.
-Então, ¿para que vem à Igreja?
-A verdade é que estou tão contento que lho tinha que contar a alguém.

529-Pastillha vermelha
O medico de abordo a um marinheiro que lhe consultou:
- Bom, vai tomarse na manhã esta pastilla vermelha com um copo de água; depois ao meio dia esta
pastilla azul com um copo de água, depois na tarde esta pastilla amarela com um copo de água, e na
noite esta pastilla verde com um copo de água. –
Mas doutor, ¿Que tenho?
- Que não tomada suficiente água...

530- Porte de marinheiro


No balcão, um cliente lhe diz ao da o lado:
- Perdoe que lhe moleste, mas você é marinheiro, verdade?
- Como o adivinhou?
- Não se... Este porte, esta segurança, esta mirada valente, este salvavidas, esta corrente, este
ancora…

531-Num barco
Capitão:
-¡Soltem amarras!
E Marras mordeu a todos.
Capitão: -¡Seguam avançando!
E todos se perderam porque Vanzando era bruto.
Capitão: -¡Atirem o âncora!
Marinheiro: -¡Mas capitão, se é nova!
Capitão: -¡Subam as velas!
E os de abaixo ficaram sem luz

532-Exame oral
Contam que o relatado a seguir ocorreu num exame oral de manobra
. -Catedrático: Imaginese que está ao pairo esperando para entrar em porto, e se levanta um forte
vento da mar para terra.
¿Que faria você se não pode arrancar a máquina?
- Aluno: Daria fundo
- Catedrático: ¿E se o vento arrecia?
- Aluno: Fondearía com outra ancora
- Catedrático: ¿E se contínua refrescando?
- Aluno: Mandaria fondear outra âncora.
- Catedrático: ¿De onde saca você tantas âncoras?
- Aluno: Do mesmo lugar que você o vento.

533- cantina caribenha


Na barra de uma Cantina caribenha se encontra um mozo e um veterano pirata tomando uns cacharros,
o jovem observa que o pirata, é praticamente um tullido, com seu pata de pau, garfio e parche no
olho.
Impressionado, lhe pergunta onde perdeu a perna, o pirata lhe conta uma feroz abordagem a um barco
de seu graciosa majestade onde um cañonazo se levo por diante, sua perna.
A curiosidade pode mais que o mozo e volta a inquirir ao velho pirata sobre sua mão, este lhe conta
que em outra abordagem, um espanhol lha arrebatou com um mandoble de espada quando o barco
estava quase rendido. O mozo impressionado, não sai de seu assombro e lhe pede que lhe conte como
perdeu o olho.
O pirata faz um silêncio, e diz:
-Isso foi culpa de uma mosca ao dia seguinte de perder a mão.

534-Num autocarro
Dois engrasadores com umas copas a custas, se sobem a um autocarro de regresso ao barco, no
autocarro viajavam também outros marinheiros. Um diz ao outro: "¿Para onde irá este bote?". Ao que
o outro replica: "Isto é um autocarro"
"Não, que é um barco, olha o montão de marinhos".
"Não sejas bruto, que é um autocarro". "Um barco". "¡Bêbado, néscio, que é um autocarro!".
"¡Que é um barco, e to vou a provar!".
Então se lança do autocarro, ao cair quica e roda por toda a estrada. Desde o autobus grita-lhe o
outro: "¡Vês é um autocarro!" E o outro responde: "Não, é um barco. Mas se lanças-te, fá-lo pela
outra banda, que aqui está o berço e está cheio de pedras.

535-200 dolares
Um tripulante se apresenta no despacho do Capitão.
- Bons dias, meu Capitão, como temos chegado a Brasil preciso 200 dolares. O Capitão, muito sério,
abre um cajon e dálhe ao tripulante um condón.
- Mas meu Capitão eu lhe pedi 200 dolares, não um condón. O Capitão responde:
Isso é para que vás incomodar a outro.

536-Ferry
O tipico menino que visita a ponte de um ferry e começa a perguntar ao oficial
. -¿E se afunda o ferry, por onde sairíamos?
- Nos botes salvavidas.
- ¿E se não funcionam todos?¿Como sairíamos?
- Então usaríamos as balsas.
- ¿E se há mais gente que botes e balsas? ¿Por onde se sai? –
Pela televisão, filho, pela televisão.

537-O loro sem modais


Um marinho morre na mar deixando como parte da herança um loro, sua mulher surpresa, decide lho
ficar por ser uma lembrança do marido, apesar de ser um bicho mau falado.
Após vários meses tentando que o loro deixe seus modais marinheiros.e ante a visita de umas amigas
pela tarde, decide darlhe um ultimato;
"Esta tarde se dizes qualquer taco acabarás de jantar para o gato".
O loro fica pensativo e pensa que é melhor contentar à mulher, que ao gato. A chegada das amigas é
recebida com indiferença pelo loro, apesar de que uma señorona carregada de jóias, muito
peripuesta e perfumada se senta junto a ele.
A tarde se vai alongando, o tom se vai alçando e o salão se vai enchendo de fumaça enquanto todas
cotillean, jogam a cartas e riem. Finalmente o loro não pode resistir e grita:
-Fulanas zarpamos às nove A mulher que está junto a ele se levanta indignada e se encaminha para a
porta, enquanto um silêncio cortante invade o salão, quando o loro se gira para a porta e volta a
gritar: -¿A onde vais idiota?, que ainda não são as nove!

538-Navegando num yate


Um homem navega em yate, quando de repente, se percata de que está perdido, felizmente divisa um
mercante no horizonte, manobra para se aproximar e grita: -
Os do mercante ¿Há alguém?
-Ao grito se assomam três tripulantes
-¿Desculpem? ¿Poderia Uds. ajudarme?
Tenho ficado de verme às 7 da tarde com um amigo, levo meia hora de atraso e não se onde me
encontro.
- Claro que se, lhe contesta um desde o alerón. Se encontra Ud. num yate da lista septima, em
latitud:000° 02' Leste e longitude 39° 57' Norte, abatendo ao SSE a médio nodo, são as 1834 UTC e
o ocaso será em 22 minutos.
- ¿É Ud. o Capitão? verdade? -pergunta o do yate.
- Se senhor, o sou ¿como o adivinho?
- É simples, porque todo o que tem dito é tecnicamente correto, mas praticamente inútil. Contínuo
perdido e vou chegar tarde a meu cita inevitável porque não se que fazer com sua informação. - E Ud.
¿é político?
- Se senhor. ¿Como o soube?
- É muito simples. Não sabe nem onde está, nem para onde vai, tem feito uma promessa que não pode
cumprir e espera que outro lhe resolva o problema. De facto, acha-se exactamente na mesma situação
na que estava dantes de nos encontrar, salvo que agora, por alguma estranha razão... ¡¡¡a culpa é
nostra!!!

539- barca de pesca


Para a botadura de uma moderna barca de pesca a mais de 1500 C.V., tripulação exigua e tremenda
capacidade extractiva, o armador e padrão avisa ao cura para que abençoe o nome e as posteriores
singladuras:
-¿Que nomeie lhe vais pôr, filho?
-Pois eu tinha pensado, senhor cura, em Que "Pesque Deus".
-Não, filho meu, não me parece um bom nome. Pensa em outro. -Pois então "Remédios", senhor cura.
-Isso está melhor. ¿É quiçá o nome de alguma parente tua?

-Não, é que tenho pensado que já que não pesca, ao menos que reme, que ao preço que está a
gasolina vai fazer falta.

540- barco de passageiros


Há dois , um frances, e o outro espanhol, que trabalham num barco de passageiros. Como de costume,
muitos dos passageiros fazem exercício na coberta pela manhã, e um dia, os dois amigos olham a uma
passageira lindisima correndo pela coberta.
Não podem lhe tirar a vista à rapariga bela. De repente, chega um grande vento, e se lhe levanta a
saia curta à rapariga, dandoles aos marinheiros uma vista magnifica de sua trasero bonito. Os dois
olham toda a cena com muito interes, mas tambien com silêncio.
Uns momentos mas tarde, o frances dá um suspiro, se besa os dedos e diz,
"Ah, c'est a vie!"
E o espanhol responde,
"Se, eu lha vi tambien."

PIADAS FUNERALES
541- enterro equivocado
Um homem irresponsable e que se tinha portado muito mau com sua pobre família, morre ao fim.
No acto do enterro, um parente longínquo pronuncia a oração fúnebre: Foi um esposo modelo e um
pai instância.
Ao ouvir isso a viúva toma da mão ao menino que está a seu lado e lhe diz:
Vamos filho, equivocamonos de enterro.

542- um enterro com milhares


Passa um enterro com milhares de pessoas, um senhor pergunta:
Ouça, ¿Sabe você quem é o morto?
E o outro lhe contesta :
Não estou seguro, mas me parece que é o que vai dentro da caixa.

543-¡Ring Ring Ring!


Um empregado ao saber a notícia de que seu padrão tinha morrido num acidente no trabalho, pergunta
a seus colegas quem lhe daría a triste notícia a sua esposa.
Ao perguntar lhes , indica lhes que têm que ser cuidadosos e sensíveis ao comunicar a má nova.
Pepo, quem era graduado de sicología, se ofereceu e rapidamente procedeu a chamar à esposa de seu
padrão: Ring, ring, ring...
- ¿Bom? Olá, ¿se encontra a senhora Martínez?
-Sim, ela lhe fala.
-¡Você acaba de se ganhar 2 milhões de dólares!
-¡Como! ¿Mas como assim? Ao se converter hoje em viúva, a companhia de seguros de seu difunto
marido, acaba de receber a autorização para emitir o pagamento.
-¡Não! ¡Deus meu! ¡Sim senhora! ¡Nem eu mesmo o creio!

544- num velório


Entra um homem num velório e lhe diz à viúva:
- O sento
A viúva lhe responde :
- Não, obrigado, melhor o deixa tumbado.

545-Papai erroneo
O homem acaba de morrer.
O cura na cerimónia se estende com os elogios:
- O difunto era um bom marido, excelente cristão, um pai instância!!...
A viúva se volta para um de seus filhos e lhe diz ao ouvido:
- Anda à urna e olha se é teu papai o o que está adentro..

546- de empregado a empregado


- ¿Já sabes que o chefe se morreu? –
Sim, mas quisesse saber quem foi o que faleceu com ele.
- ¿Por que o dizes?
- ¿Não leste a esquela que pôs a empresa...e com ele se foi um grande trabalhador...

547-Enterro de sua suegra


Isto é um trabalhador que está na empresa e lhe diz o chefe:
- Ouve , ontem te dei no dia livre para ir ao enterro de teu suegra, e a vi esta manhã fazendo a compra
no mercado e depois no shopping.
E lhe contesta o empregado,
- ¡¡¡para que te fies das mulheres!!

548-Maripily
Se encontram Maripily e Carolina numa funeraria, e ‘Caro’, lhe pergunta a sua amiga:
-¿E de que morreu teu amigo?
E responde Maripily:
-Acho que numa briga, porque afora diz ‘enterro’, mas não diz com quem...

549-Funeral do irmão
Um senhor ia ao funeral do irmão de um amigo.
Quando chegou ao funeral, ainda não começavam e o senhor aproveitou para perguntar a seu amigo:
¿Como se morreu teu irmão?
Atirou um cigarro pela azotea.
¿E por que se morreu por atirar um cigarro?
É que se lhe esqueceu soltar o cigarro.

550-Num grande enterro


No enterro de um multimillonario, uma mulher estava a chorar desesperadamente, e o cura lhe
pergunta :
- ¿Era você uma familiar muito próxima?, ¿verdade?
- Não.
- E, então, ¿por que chora?
- Pois por isso mesmo, pai.

551- kiosquero
Um homem de madura idade se acercava, como de costume, a seu kiosco para comprar o jornal, mas
este quando o comprava o abria pela página dos cartazes de fallecimientos, e lhe dizia ao kiosquero:
¡Que má sorte! ¡Hoje não tenho saído!
Ao dia seguinte ia e dizia o mesmo:
¡Que má sorte! ¡Hoje não tenho saído!
E assim durante muito tempo.
Ao passar nos anos vê o kiosquero que o tio não vem, e se diz a se mesmo: ¡Vá teia! ¡Toda a vida
comprando o jornal, e para uma vez que sai não o compra!

552- tias incomodas


Como fazer que a gente deixe de te molestar com:
¿Quando te vais casar? Minhas tias costumavam acercarse a mim nos casamentos, me dando
golpecitos nas costillas e dizendo:
És o seguinte... Deixaram de fazêlo quando eu comecei a fazer o mesmo, nos funerais.

553-A escada
Estava um senhor num funeral, ao lado do senhor estava a viúva e o senhor lhe diz :
Pensar que as ultimas palavras mas disse a mim e a viúva pergunta:
¿Quais foram? O senhor lhe diz:
-Não movas a escada.

554- uma discussão


Um velho está a morrerse.
Ao redor do leito pouco a pouco começa a surgir uma discussão. ¡Vamos alugar uma carroça fúnebre
para leválo com decencia! Diz a esposa.
¡Não acho que se deva gastar tanto dinheiro!
Eu posso o levar na camioneta do vizinho, se ma presta, diz o filho do do velho moribundo.
¿E por que não o levamos ao ombro?
Pergunta o vizinho, ele quase não pesa nada.
Por fim o moribundo reúne o resto das forças que lhe ficam, e diz:
Se vocês me ajudam a baixar, talvez eu possa chegar ao cemitério por minha conta.
555-Amigo muito triste
Um senhor se inteira que o tio de seu amigo acaba de morrer, pelo que vai a seu funeral, aí encontra a
seu amigo muito triste. O amigo se lhe acerca e lhe pergunta : Mas, ¿que passou? ¿de que morreu teu
tio? ¡Pelo cigarro! ¿De cancro? E o outro responde: Não, estava no avião, viu um filme, e ao terminar
saiu a fumar um cigarro...

556- Três amigos num funeral


Três amigos estão no funeral de um colega de trabalho.
Um deles, olhando ao difunto, exclama:
- Eu quisesse que quando morra, a gente me olhe e me recorde por algo grande que tenha conseguido
na vida.
- É verdade, eu também quisesse que a gente me olhasse e dissesse

Foi um grande homem e melhor amigo.


O terceiro escutava atenciosamente a seus amigos sem fazer comentários, o que ocasionou a pergunta
destes:
- ¿E a ti, que gostarias que dissessem? –
¿De mim? Eu gostaria que me olhassem e dissessem: ¡Uy, mirá, parece que se está a mover!

557-Jogando golfe
Uns homens se encontram jogando golfe e, justo ao lado do campo se encontrava um cemitério no
qual se estava a levar a cabo um funeral.
Um dos homens interrompe seu jogo, se acerca a ver desde longe o funeral, se inclina, diz uma
oração e regressa a seu partido de golfe.
O colega lhe diz :
- Ouve Miguel, és a pessoa mais nobre que tenho conhecido, sentes a dor das demais pessoas quando
perdem um ser querido, me sento orgulhoso de jogar ao golfe contigo.
- A verdade, é o menos que podia fazer, levávamos 23 anos casados.

558-Casamento
-¿Que é um Casamento?
-É um funeral onde o morto pode cheirar as flores.
-¿Que é uma lápida?
-Uma chinesa que corre rápido.
-¿Que foi o último que se escutou na caixa negra do Challenger quando se estrelló?
-Deixem que conduza ela...
559-Manolo num ataúde
Num funeral o senhor que está dentro do ataúde começa a gritar:
- Toc, toc, toc, ¡Maríaaaaaaaaa, Maríiaaaaaaaa, abre, abre que estou vivo.
E diz María:
- Cala Manolo, vais saber tu mais que o médico!!

560- Dois bêbados num velório


Dois bêbados estão num velório e vêem entrar a um viejito de uns 80 anos em cadeira de rodas.
Então um lhe diz ao outro:
– ¿Sabés como lhe dizem ao ancianito?
– Não, ¿Como lhe dizem? –“Filme a estrear”.
– ¿Por que?
–Proximamente nesta sala

PIADAS DE PRESOS
561-Suspeitas tontas
Uma vez num cárcere um preso lhe disse a um gendarme: Ouça meu gendarme, anteontem deixei meu
cepillo de dentes na cama e mo roubaram ontem deixei meu pente na cama, e outra vez mo roubaram
e hoje resulta que deixo minhas calcetas, e também ma roubaram,
¿Sabe do que suspeito?
E o gendarme diz: Não,
¿De que? Então o preso lhe responde :
Pois começo a suspeitar que aqui no cárcere há ladrões.
562-Dois presos num túnel
Eram dois presos que fizeram um túnel para escapar do cárcere, quando se dispunham a realizar seu
escapatoria não contaram que tinha um guardião que conhecia dos planos de escape e os estava a
esperar à saída do túnel com um grosso tolete.
Uma vez na escotilla de escape do túnel, diz um dos presos:
¡Por fim, a liberdade!
E abriu a escotilla.
Quando sentiu o forte golpe do tolete do guarda justo na boca.
O presidiario imediatamente se regressa com a mão na boca e o outro lhe pergunta :
¿Que passou? ¿Por que não saístes?
Ao que o primeiro respondeu sem destapar sua boca:
É que me dá muito riso, saia tu primeiro

563- dois prisioneiros


Era uma vez dois prisioneiros e que ao dia seguinte começavam corrente perpétua.
E lhe diz o pronto ao tonto:
Apanha aquela lima e quando se acueste esta gente nos pomos a limar. Diz o tonto: ¡Vinga, vale!
Se põe o pronto a limar as grades do cárcere e acordase o guarda e diz:
¿Quem anda aí?
O pronto diz:
¡Miau! E diz o guarda: Ah, esse é o gato de sempre.

Agora se põe a limar o tonto e diz o guarda: ¿Quem anda aí? E diz o tonto: ¡Outro gato!

564- cadeira elétrica.


Se trata de dois presos que estan condenados a morte.
Vem o primeiro e o guarda lhe diz :
¿Em que preferes morrer, na cadeira elétrica ou na câmara de gás?
E o rapaz lhe diz : Na cadeira elétrica.
No sentam e ligam lhe todo e lhe dão ao interruptor 2 vezes e não funciona.
O guarda deix-o livre e o rapaz lhe diz ao outro preso:
¡A cadeira está má!
O guarda passa ao outro preso e lhe pergunta o mesmo ao que o segundo preso responde:
A câmara de gás porque, a cadeira está má.

565- chefe do cárcere


Chega o chefe do cárcere e pergunta:
-¿Quem tem queixas?
E todos ficam calados, ninguém diz nada, mas há uma pessoa que levanta a mão e diz: - Eu sim tenho
uma queixa.

566- escarbar a huerta


Era um senhor preso no cárcere na qual, todo o que entrava e saía dela era minuciosamente registado.
Um dia a esposa do preso lhe mandou uma carta a seu marido na qual dizia:
Lorenzo, preciso que me digas em que momento devo escarbar a huerta para semear papas. Contesta
o marido:
Não vás a escarbar nada querida porque na huerta estão enterradas todas as armas que escondi.
Depois de três dias Lorenzo lhe volta a escrever uma carta a sua esposa:
Querida, suponho que a polícia já foi à casa a procurar as armas, e escarbó todo o pátio, agora já
podes semear as papas.

567- Condenados a morte


Vão executar a dois homens condenados a morte.
O capitão lhe pergunta:
¿Algum último desejo?
E um deles contesta:
¡Sim! Eu gostaria de escutar uma canção.
O capitão contesta: De acordo e lhe diz ao outro, ¿E tu?
Ao que este lhe contesta: Faz favor, que me matem a meu primeiro para não ter que escutar as
porquerías de canções que este quer ouvir.

568-
Um condenado a morte está a passar sua última noite em capilla.
Recebe a visita do alcaide, quem se põe a dialogar amavelmente com ele.
-Bom, já sabes que aos condenados a morte se lhes concede um último desejo. ¿Queres álcool?
-Não, obrigado.
-¿Cigarros quiçá?.
-Também não.
-Bom, dei que é o que desejas. -me gostaria de aprender o chinês por correspondência.

569-Bobo
Em isto que estava um bobo no corredor da morte e e perguntam que modo de execução prefere.
- Quero morrer de AIDS. - Concedido.
Chega um médico à prisão e injecta-lhe o vírus enquanto o bobo rie sem parar.
- ¿Como se pode rir, se lhe estamos a injectar o vírus do AIDS? - Já, ¡mas é que tenho um condón
posto!

570-Volky
Estes eram dois presos que se escaparam do cárcere e viram um Volky com as chaves postas e o
roubaram. Após conduzir um momento o Volky este se apagou e os presos se baixaram.
Um deles diz ao outro:
Vamos a chequear que é o que lhe passa.
Um vai para a parte delantera e o outro para a parte de atrás do veículo. O preso que vai revisar a
parte delantera lhe diz ao outro: Chico, olha se roubaramos o motor.
Ao que o outro contesta:
¡Não te preocupes, garoto, se cá atrás há um de respuesto!

571-2 presos em uma cela


Tinham 2 presos em em uma cela, um lhe diz ao outro:
Tenho uma má e uma boa notícia.
E o outro lhe disse : Okay, ¿qual é a má? A má é que um de nós se vai morrer.
E o outro assustado lhe pergunta :
¿E a boa? É que eu não vou morrer.

572- uma noiva e arguido à espera


¿Em que se parece uma noiva a ponto de se casar e um arguido à espera de que ditem sentença?
Em que os dois sabem que vai ser longo e duro,
mas não sabem exactamente por quanto tempo.

573- palavra de Deus


O condenado a morte espera a hora de execução, quando chega o pai:
- Filho, trago a palavra de Deus para ti.
- Perde o tempo pai. Daqui a pouco vou falar com o pessoalmente. ¿Algum encarrego?

574- julgamento
Um preso regressa a sua cela após de celebrar o julgamento,e seu colega lhe pergunta:
- ¿Como te foi o julgamento? ¿Quanto te caiu?
-Ufa!!,pois caíram-me 30 anos.
- ¿E que te disse teu advogado?
- Pois disse-me que não me preocupe, que em inverno os dias são mais curtos.

575- compras navideñas


Como o juiz prometeu ser tolerante este natal lhe pergunta a um arguido:
-Homem, ¿de que se lhe acusa a você ?
O homem lhe responde :
-De ter feito meus compras navideñas com antecipação.
Ao que o juiz responde:
Homem, mas isso não é um delito, ¿com quanta antecipação as comprou você?
O respondeu: -Dantes que abrissem a loja.

576-40 anos de cárcere


Leste era um senhor ao que lhe deram 40 anos de cárcere.
A esposa vai visitálo e lhe diz :
-¡Fixate que o diretor do cárcere me propôs que se fazíamos o amor te descontaba um dia de
sentença!
E o marido assombrado lhe pergunta :
-¿ e que passo?
A mulher lhe responde :
Pois que vai passar, nada, que já és totalmente livre.

577-Letrina
A um preso lhe mandam a lavar a letrina e lhe diz ao preso que estava dantes que ele:
-¿por onde te chegava a mierda?
Ele lhe responde:
-A meu pelos talones.
-¡ah, que bom! Então o homem se põe seus botas e se atira.
Então a mierda le chega à frente e vai e lhe diz ao outro preso:
-¡olha estúpido animal, a mierda me chegou à frente!
E o outro preso lhe diz : ¡é que eu me atirei de cabeça!
578-Justin bieber
Estan dois presos numa carcel a ponto de ser executados e o verdugo lhe diz ao segundo preso:
-Tu moriras primeiro mas dantes te cumprirei um desejo
¿Que queres? o preso lhe responde :
-Quero oir um disco de Justin bieber.
O verdugo diz: -
Esta bem, te conderé teu desejo.
¿E tu que queres? lhe diz ao primeiro preso.
Ao que este responde:
-Eu quero morrer primeiro dantes de escutar esse lixo.

579-Violacion de direitos humanos.


Uma viejita vai ao cárcere e lhe diz ao vigilante da porta:
- Venho a fazer uma visita conyugal.
O guarda lhe diz :
- ¿Você avó? ¿a uma visita dessa classe, mas com quem?
- Ah, pois com o que seja, com o que seja.

580- indignado
Dois presos se encontram no pátio do cárcere, e um deles está enojadísimo. Ao lo vê seu colega lhe
pergunta :
Pedro, ¿te passa algo? ¡Estou indignado! ¡Me jogaram 40 anos, e só tenho 25

PIADA DE EXAGERAÇÃO
581-Um centavo, um sengundo
Um cobiçoso estava a falar com Deus e lhe pergunta :
- Deus, ¿Quanto é para ti mil anos?
E Deus lhe contesta : - Um segundo.
- ¿E um milhão de pesos?. E
Deus lhe contesta :
- Um centavo. Então
o cobiçoso lhe diz :
¿me dás um um centavo?.
Ao que Deus lhe contesta: -
Esperate um segundo.

582- coisa inutil


Habia uma vez um menino que sonhava com ser uma coisa totalmente inutil para
o mundo. Um dia pediu o desejo de ser essa coisa inutil. Ninguém podia crer
como um menino queria ser o mais inútil do mundo, passaram nos anos e um dia
o destino lhe cumpriu seu sonho e já não era algo util, agora se chamava Justin Bieber.

583- procurarando trabalho


Boas, estou a procurar trabalho como cortador de árvores.
-Alguma experiência?
-Se claro, levo os últimos 30 anos cortando árvores no Sahara.
-Mas se aí não há árvores!
-Para que veja, ¿sou bom ou não sou bom?

584-O homen muito romântico


-Se fora por meu t ebaixar ia a lua e pôr
a teus pés princesa.
-Encantas-me, és tão romântico e doce
¿Saímos hoje?
-Vale, dejame terminar de fazer pupú e
Te recolho em tua casa.

585- concorrência do mentirosos


Teve uma vez uma concorrência dos mais mentirosos do mundo, na final
ficaram um russo, um norteamericano, e um panamenho. Quando começou a
final, o russo disse: Nós os russos, lhe pusemos sal ao mar Todo mundo ficou impressionado. Lhe
toca o turno ao norte-americano, e diz:
Nós semeamos a árvore onde Adán tomou a maçã. Todo mundo mais
impressionado que o concursante anterior. Agora lhe toca o turno ao
panamenho o que diz:
¡Eu os vi aos dois!
586-Pouco dinheiro
Um menino lhe diz a sua mamãe:
Mamãe, mamãe, minha abuelito cheira
mau. A mamãe diz: ¡Calate menino!
Omenino lhe volta a dizer:
Mamãe, mamãe, o abuelito cheira mau.
E a mamãe molesta lhe diz : ¡Já, calate, que não há dinheiro para o enterrarlho!

587- tipo gordo


Era um tipo tão gordo, tão gordo, que era mais fácil brincarlo que lhe dar a volta.
Era um tipo tão feio, mas tão feio, que quando comia limão, o limão para caras.
Era um tipo tão anão, mas tão anão, que quando se sentava no solo lhe penduravam os pés.

588-
Era um homem tão magro, mas tão magro, que para lhe pôr uma inyección
lha tinham que pôr à carne do almoço. Era um homem tão magro, mas tão
magro, que não tinha intestino grosso. Era um homem tão magro, mas tão
magro, que quando se pesava a báscula lhe dizia, se monte pois.

589-Tipo feio e gordo


Era um homem tão feio, tão feio, tão feio, que quando nasceu o médico lhe disse
a sua mãe: Tranquila, temos feito o possível para que não saísse.
Era um tio tão gordo, tão gordo, que para se fazer uma foto carnet, o apanharam com uma vista aerea.

590- a televisão
A mulher lhe diz a seu esposo: ¿Soubeste o que lhe passou a minha
mãe? ¿ estás escutandome ? Em isso vai onde o esposo, e lhe apaga a televisão, e a mulher lhe diz:
¡Elije a televisão ou eu!
Em isso o esposo lhe responde:
-¿Que canal?

591-¡Vermelho!
Chega um costeño de boca grande a tomarse uma foto, e lhe diz ao fotógrafo: Quero tomarme uma
foto, mas que não se me note a boca grande.
O fotógrafo lhe diz : Não se preocupe senhor, eu lhe vou dizer como pode sair com a boca pequena.
Assim que eu lhe diga, ¡já! você diz vermelho.
De acordo, diz o costeño. Então o fotógrafo preparase e diz: ¡Já! E o costeño diz: ¡COLORADO!

592-Familia numerosa
Eu vivo num povo tão, mas tão antigo,
que o sol ainda sai em alvo e negro.
Ademais, as casas são tão garotas, que
quando entra o sol nos saímos nós já
que somos de família numerosa.
Depois lhe dizerei que as janelas de
minha casa são tão garotas, que as
moscas entram formaditas. Algo que
não faltam são o animais, o ganhado
vacuno pobre está tão magro, que em
vez de ter animais temos lástimas.

593-Gémea feia
Minha irmã era tão, mas tão feia, que lhe
diziam cerradura dupla porque era
INVIOLABLE. E era mais, mas mais feia
ainda que sua gémea, que quando a
esta se lhe perdeu o documento as ratas
se comeram tudo excepto sua foto.

594- O cabeção
-Mamãe, mamãe, na escola me dizem cabeção.
-Não lhes faças caso filho, e
agora vê à verdulería e me traz 3 Quilos
de zapallitos, 2 Quilos de remolacha, 3
Quilos de cenouras, 2 zapallos e 2
achicorias. ¿Em que os trago mamãe?
Em teu sombrerito filho.

595-Facebook
Tinha uma vez uma garota tão feia, tão
feia, tão feia que a cada vez que alguém
lhe dá a Gosto, em sua. foto de perfil de
Facebook sai uma janela que lhe
pergunta ¿Está seguro?

596-Cinema
O vigilante do cinema para a um garoto
que vai entrar e lhe diz: Ouve, que trazes aí na mão?
Pois uma pistola carregada com 12 balas.
Não, não, digo na outra.
Um bocadillo de chorizo.
Ah pois osento , ao cinema não se pode

597- Um chicle
Ouve colega, teu não terás um chicle?
-Não tenho.
-Seguro?
-Sim
-Seguro que não tens um chicle?
-Sim, seguro
-Mas estás totalmente seguro?
-Olha, como me me voltes a pedir um te colo um tiro.
-Tens pistola?
-Não, não tenho
-Tens um chicle?

598- níveis do medo


Existem 5 níveis para medir o medo:
1 - Pânico.
2 - Terror.
3 - Sete telefonemas perdidos de tua mãe.
4 - Tenho-te que dizer uma coisa.
5 - Sua senha é incorreta.
6-Falamos na casa.

599- duas notícias


- Mama, tenho duas notícias que te dar,
uma boa e outra má.
- Me dize a boa, filha mia.
- Pois que passe uma prova.
- Muito bem, e a má?
- Era um teste de gravidez

600-filha feia
Olhe, olhe! há que ver o feia que é essa menina
Ouça! que é minha filha
Perdoe, não sabia que você era seu pai
¿Como que seu pai? Sou sua mãe!