Você está na página 1de 1

Oração em Apologética

Por Matt Slick


6/9/2007

Um dos perigos do apologista está caindo na armadilha de confiar em suas próprias


habilidades intelectuais para tentar lutar contra alguém no reino de Deus. Estou triste em
dizer que eu fui culpado disso.

O orgulho se esconde no coração, por isso não pode ser visto. Quando nos encontramos
confiando em nosso conhecimento, em vez da palavra de Deus e da graça , então caímos
nessa armadilha. Não é razão que converte, mas o Espírito de Deus. Não é a lógica que
nos atrai para Deus, mas Jesus (João 12:32). Não é evidência que condena uma pessoa
de seus pecados, mas o Espírito Santo (João 16: 8). É por isso que precisamos confiar
em Deus e confiar que Ele usará nossa defesa da verdade para Sua glória e seu
benefício.

Ignorar a oração na apologética é ser orgulhoso. É o mesmo que dizer que não
precisamos de Deus. Mas nós fazemos. Precisamos orar por aqueles que estão perdidos,
rezar para que suas mentes sejam abertas, rezar para que a palavra de Deus seja
verdadeira para eles, reze para que nossa testemunha seja forte e reze para que o
maligno não fique preso com Eles ou conosco. Estamos lutando uma batalha espiritual e
precisamos de ferramentas espirituais. A oração é talvez a mais importante de todos.

É o Senhor que abre o coração e a mente - não você (Atos 16:14). Peça a Deus
orientação (João 14:14). Peça a sua bênção em seu entendimento (Tiago 1: 5) e seu
discurso (Colossenses 4: 6). Peça ao Senhor para abrir também a sua compreensão para
a Palavra de Deus (Lucas 24:45). É o que ele faz.

A oração traz humildade ao que ora. Admite dependência de Deus. Se somos humildes e
dependemos de Deus, somos mais propensos a ouvir Sua voz. Oração significa que você
está buscando a intervenção divina. Ele funciona com poder para suas palavras. Isso
muda seu coração. Ele o move mais perto de Deus.

Ser um grande apologista não é um emblema de honra para ser usado pelo cristão como
uma demonstração de suas habilidades intelectuais. Em vez disso, é uma resposta ao
chamado de Deus sobre todos os cristãos (1 Pe. 3:15) que deve ser realizado com amor
e humildade: o amor das pessoas e a humildade diante de Deus.

Nunca deixe seu estudo e prática de apologética substituir o poder - recebido pela fé - na
oração perante o Santo Criador. Peça a Deus para fortalecer suas palavras e abra os
corações daqueles com quem você fala. . . E então estudar e testemunhar o melhor de
suas habilidades.