Você está na página 1de 2

Tudo tem o seu tempo

Eclesiastes 3.1 (A Mensagem)


Nessa vida tudo tem sua hora; há um tempo certo pra tudo!

Introdução
- Essa campanha foi lançada esse ano pelo Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos,
liderada pela Ministra e também pastora Damares Alves, que se mostra preocupada com um
número absurdo de adolescentes grávidas no Brasil. A campanha estimula o adiamento do início
da vida sexual ativa, priorizando a conversa com os pais e busca de orientações antes de fazer
qualquer coisa. Não é proibição, é orientação.
- Alguns dados: Segundo a OMS, de mil crianças que nascem no Brasil, 69 são de meninas entre
15 e 19 anos. O Brasil, hoje está acima da média latino-americana que é de 65 e muito acima no
mundo que é de 46. Nos EUA, por exemplo, a cada mil, apenas 22 nasceram de mães
adolescentes. Estamos muito acima. Esses dados são de 2018.
- Antes das questões religiosas, é preciso estar atento à pesquisa. O risco de morte materna
duplica entre adolescentes. Principalmente em países de baixa renda.
- Essa é uma pauta da igreja de muito tempo. Muitos já foram desligados, excluídos por causa
disso. Alguns somente se manifestaram porque não tiveram como esconder a gravidez e fora os
que abortaram. O número seria muito maior.
- Se esse assunto é de nosso interesse, é importante tocar nele com mais frequência. A questão
da sexualidade na nossa sociedade precisa ser mais debatida porque estamos crescendo,
evoluindo e está tudo tão fácil que nos assustamos. Será que não relaxamos? O que podemos
fazer, como devemos nos portar em relação a isso?

1 – Foco na integridade - Provérbios 28:6


Melhor é o pobre íntegro em sua conduta do que o rico perverso em seus caminhos.

- Na Bíblia temos dois casos, entre outros, que retrata bem a integridade, como agiram e a
consequência em cada caso.
a) José na casa de Potifar – Gn 39 – exemplo de integridade
b) Davi com Bate Seba – 2 Samuel 11

- José poderia ceder às investidas de sua patroa. Não é nada anormal. Quantas
mulheres/homens estão em seus bons empregos porque tiveram uma noite de sexo com seus
chefes. Seja essa relação hétero ou homossexual.
- José escolheu se manter íntegro, mesmo que isso o fizesse sofrer injustamente porque a sua
relação com Deus não podia ser quebrada.
- Já Davi mostrou o outro lado. O lado do Rei poderoso, vitorioso que usa de sua influência para
fazer o que quiser. Isso não é novo e Davi não foi o único. Durante toda a história temos esse tipo
de atitude por parte de monarcas. Então o problema nunca foi questão financeira ou posição
social. É a integridade.
- Estar inteiro, completo é fundamental para que Deus venha agir de maneira sobrenatural na sua
vida principalmente nessa área tão complexa e ao mesmo tempo, tão maltratada.

2 – Diminuam as brechas – 2 Timóteo 2.22


Fuja dos desejos malignos da juventude e siga a justiça, a fé, o amor e a paz, juntamente
com os que, de coração puro, invocam o Senhor.

- Desejos malignos ou paixões= desejo do que é proibido.


- Importante que Paulo não orienta Timóteo a enfrentar, mas a fugir, buscar um local seguro onde
você não vai cair.
- Interessante que Tiago à igreja, orienta a submissão a Deus, rejeição a Satanás e ele fugiria de
nós (Tg 4.7) Mas em relação aos desejos, as minhas paixões, a recomendação é fugir.
- Pais atentos aos filhos, evitando brechas. Isso vai impedir? Claro que não. Estamos apenas
orientando e conversando sobre esse assunto que dominas as igrejas há muito tempo.
- Quando você aumenta as brechas, fica muito difícil de Deus atuar porque com essa abertura,
está se dizendo a Deus que você quer viver isso. Quando os pais não dão muita importância para
esse assunto em meio a tantas informações que os adolescentes têm na escola e via mídia,
estão aumentando os espaços de entrada e fechando a porta para o que Cristo quer de nós.

3 – Tem o erro, mas também tem o perdão. (1 João 1.9)


Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e
nos purificar de toda injustiça.
- Estamos na Casa de Deus, na casa do nosso pai. Deus é justo, não tem aliança com o pecado,
mas ama demais o pecador e quer restaurar a sua aliança conosco.
- Pv 28.13 - Quem esconde os seus pecados não prospera, mas quem os confessa e os
abandona encontra misericórdia.
- Hb 10.16-17 - "Esta é a aliança que farei com eles, depois daqueles dias, diz o Senhor.
Porei as minhas leis em seus corações e as escreverei em suas mentes"; e acrescenta:
"Dos seus pecados e iniquidades não me lembrarei mais".
- Voltando ao exemplo de Davi, após o reconhecimento do seu pecado, alcançou o perdão do
Senhor sobre sua vida.
- O mesmo Deus que se entristece com o nosso erro, que se aborrece com o pecado é o Deus
que perdoa sem precedentes as nossas falhas desde que estejamos prontos a abandoná-las.
Tem que haver confissão, tem que ter arrependimento. Quando há isso, tem perdão porque Ele é
fiel.

Conclusão
- Tudo tem o seu tempo. Mas mesmo quando ultrapassamos isso, Deus tem muito da sua
misericórdia sobre nós. Ele é fiel e justo pra nos dar uma nova chance.
- Se no meio do caminho falharmos, ele é amoroso suficiente, quando confessamos e nos
arrependemos, de retomar de onde se parou e seguirmos firmes.
- O que você não pode de maneira nenhuma é demonstrar uma vida que não existe, em cima de
uma pseudo santidade. Confissão e arrependimento são sinais de santidade. Sinais de que você
errou sim, mas quer retornar e estar ao lado do Senhor porque longe dele é bem pior para nós.