Você está na página 1de 2

Altares

1 Coríntios 3.16
Vocês não sabem que são santuário de Deus e que o Espírito de Deus habita em vocês?

Introdução
- Na Bíblia há várias referências sobre o altar. Mas isso não é algo restrito ao povo de Deus. Os povos
pagãos também construíam seus altares para os seus deuses. Eles colocavam suas oferendas e em troca
eram abençoados pelas divindades.
- No antigo Testamento podemos encontrar alguns homens que edificaram um altar ao Senhor: Noé,
Abraão, Isaque, Jacó e Moisés. Ao contrário dos pagãos, o altar era usado para pedido de perdão e
purificação da alma, sempre levado pelo sacerdote ao santo dos santos.
- O judaísmo do AT sofreu uma queda muito grande no novo testamento. Ofuscado muito por estar
subjugado ao Império Romano e as misturas que sofreu ao longo dos cativeiros passados pelo povo.
- O templo de Jerusalém começou a ser substituído pelas casas humildes das pessoas. O batismo e a Ceia
presentes na vida da igreja. E agora o altar é a vida.
- Jesus traz esse entendimento no texto de João 4.20-24. Quando a mulher pergunta ao Mestre onde
adorar. E Cristo estabelece o coração do homem como o altar a Deus. A adoração deve ser feita em
espírito e verdade. Não é o lugar, é você!

1 – Altar é lugar de renúncia. (Gênesis 22.1-12) Ler 9-12


9 Quando chegaram ao lugar que Deus lhe havia indicado, Abraão construiu um altar e sobre ele
arrumou a lenha. Amarrou seu filho Isaque e o colocou sobre o altar, em cima da lenha.
10 Então estendeu a mão e pegou a faca para sacrificar seu filho.
11 Mas o Anjo do Senhor o chamou do céu: "Abraão! Abraão! " "Eis-me aqui", respondeu ele.
12 "Não toque no rapaz", disse o Anjo. "Não lhe faça nada. Agora sei que você teme a Deus, porque não
me negou seu filho, o seu único filho. "

- Talvez sacrifício seja uma palavra bastante polêmica por causa de outras religiões que sacrificam animais
para seus deuses. Mas vamos tratá-la com outro nome: renúncia.
- O evangelho do tempo que vivemos não gosta de falar e nem de ouvir sobre renúncia. Doem os ouvidos,
dá nervoso, traz incômodo. Mas o Reino de Deus não abre mão dessa postura de negar-se por amor a
Cristo e a sua obra. (Lc 9.23)
- Abraão foi posto a prova por Deus ao ser levado ao Monte Moriá para sacrificar aquela que seria a
promessa de Deus pra sua vida. Ele prepara tudo e leva o garoto que, em sua inocência, acha que vai fazer
o que sempre fez ao lado do pai: adorar a Deus construindo um altar a ele.
- Jamais passou por sua cabeça que ele seria o sacrifício. Jamais passou pela sua cabeça que o pai era tão
fiel ao Senhor que não pensou duas vezes em renunciar até o próprio filho em amor e obediência a Deus.
- Cada vez que somos confrontados por Deus para que renunciemos algo, Ele está nos colocando à prova.
Se somos fiéis a ponto de renunciarmos até o que Ele mesmo nos deu. Altar é lugar de sacrifício.

2 – Altar é lugar de conhecer a Deus. (Atos 17.22-23)


22 Então Paulo levantou-se na reunião do Areópago e disse: "Atenienses! Vejo que em todos os aspectos
vocês são muito religiosos,
23 pois, andando pela cidade, observei cuidadosamente seus objetos de culto e encontrei até um altar
com esta inscrição: AO DEUS DESCONHECIDO. Ora, o que vocês adoram, apesar de não conhecerem, eu
lhes anuncio.

- Paulo estava em Atenas triste, comovido com a situação da cidade. Muita idolatria e, Paulo, sem caber
em si, começa a discutir com os doutores da cidade a ponto de ser chamado de impostor por estar
pregando Jesus.
- Só que havia um altar na cidade “Ao Deus Desconhecido”. E foi o gancho que o Apóstolo queria para
anunciar Jesus àquelas pessoas. E Paulo o fez. E ao final da pregação alguns rejeitaram, mas outros
receberam a Jesus (v. 34).

3 – Altar é lugar de se derramar. (1 Samuel 1.1-16)


- Ana tinha o amor de seu marido, mas não tinha filhos e isso era uma maldição sobre a vida da mulher.
Penina, por sua vez tinha muitos filhos e zombava dela por causa da sua esterilidade.
- Todos os anos eles subiam ao templo para oferecer sacrifício, só que dessa vez foi diferente. Ela foi ao
altar do Senhor e pediu que tirasse aquela angústia do seu coração.
- Ana se derrama de tal forma que o sacerdote pensa que ela está bêbada. Quando nos derramamos aos
pés do Senhor, quem está ao redor, não entende, não compreende. Acha que estamos loucos. Mas o
derramar daquela mulher a fez não só mãe de Samuel, mas também de outros filhos.
- Aquele que se derrama diante do altar do Senhor, obtém resposta.

4 – Altar é lugar de entrega. (Lc 23.46)


46 Jesus bradou em alta voz: "Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito". Tendo dito isso, expirou.

- Esse texto deixa claro uma coisa: a morte de Cristo na cruz foi consciente e voluntária. Ele caminhou para
esse momento, por mais doloroso que fosse. No mesmo livro, porém no capítulo 9.22, Jesus após receber
a informação do que as pessoas pensavam a seu respeito, prediz sua morte.
- Cristo vem a Terra para morrer por nós. Para se entregar na cruz, que de símbolo de morte, agora é
símbolo da vida. A cruz vazia nos dá a certeza de que Ele a venceu e a esperança que voltará para nos
buscar.
- Jesus nesse altar entregou de melhor. Não se pode falar de entrega ao Senhor sem ser o melhor. Tem que
ser o melhor da sua vida, do seu dom, do seu talento, das suas finanças, enfim, a sua vida.
- Em nenhum escrito da Palavra, você encontra Jesus negociando com Deus o que entregar. Não era meia
vida, não era uma parte da vida, mas toda a vida.
- O altar é lugar de entrega e entrega total! Para sermos santuário de Deus e morada do seu Espírito como
Paulo orienta na carta aos Coríntios, a entrega é total e irrestrita. Não há negociação, não há flexibilização.
Ou tudo ou nada.

Interesses relacionados