Você está na página 1de 7

Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Traços, sons, cores e formas


(EI02TS01)
Criar sons com materiais, objetos e instrumentos musicais, para acompanhar diversos
ritmos de música.

Abordagem das experiências de Sugestões para o currículo


aprendizagem

Desde bebês, as crianças escutam e Ao formular objetivos de aprendizagem e


reagem à música com movimentos e desenvolvimento específicos para o
outras manifestações. As crianças bem currículo, é desejável detalhar noções,
pequenas se interessam por conhecer as habilidades, atitudes e/ou especificidades
canções, reproduzi-las ou inventar locais para cada um dos objetivos de
pequenos versos a partir das canções aprendizagem e desenvolvimento da
conhecidas. Ao escutar a música, BNCC. Para as crianças bem pequenas,
envolvem-se com seu corpo e buscam é possível construir objetivos
mover-se no compasso da canção. Os específicos relacionados às suas
materiais sonoros exercem grande explorações em busca de descobrir
interesse nas crianças bem pequenas, novos sons, como brincar com
sejam eles instrumentos ou objetos materiais, objetos e instrumentos
comuns. Em suas explorações, buscam musicais, imitar, inventar e reproduzir
descobrir e criar sons e acompanhar o criações musicais ou explorar novos
ritmo da música. Nesse contexto, é materiais buscando diferentes sons
importante que as crianças bem para acompanhar canções que lhes
pequenas participem de diversas são familiares, buscar adequar os
situações que as convidem a produzir sons produzidos com os diferentes
sons, utilizar o próprio corpo, como ao objetos ou instrumentos ao ritmo da
bater palmas, os pés, de forma ritmada, música ou diferenciar sons dos
com o auxílio de outras crianças e objetos sonoros e dos instrumentos
professores(as) e também utilizando musicais. O currículo local pode, ainda,
objetos diversificados. É importante, trazer exemplos de instrumentos musicais,
ainda, que possam explorar diferentes objetos ou canções que são típicos da
fontes sonoras e reconhecer sua ausência cultura local, e também criar objetivos
ou presença em diferentes situações ou relacionados à apreciação musical, ao
expressar-se utilizando diferentes gosto ou valorização pela diversidade de
instrumentos musicais, ritmos, produção artística das diferentes culturas.
velocidades, intensidades, sequências de
melodia e timbres em suas brincadeiras,
nas danças ou em interação em duplas,
trios ou pequenos grupos, e que possam
também demonstrar sua preferência por
determinadas músicas instrumentais e
diferentes expressões da cultura musical
brasileira e de outras culturas: canções,
acalantos, cantigas de roda, brincos,
parlendas, trava-línguas etc.
https://www.facebook.com/groups/Ed.InfantileBNCC/
Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Traços, sons, cores e formas


(EI02TS02)
Utilizar materiais variados com possibilidades de manipulação (argila, massa de
modelar), explorando cores, texturas, superfícies, planos, formas e volumes ao criar
objetos tridimensionais.

Abordagem das experiências de Sugestões para o currículo


aprendizagem

As crianças bem pequenas gostam de Ao formular objetivos de aprendizagem e


criar reproduções de pessoas e coisas desenvolvimento específicos para o
utilizando diferentes materiais, como currículo, é desejável detalhar noções,
argila, massa de modelar, areia etc. Suas habilidades, atitudes e/ou especificidades
explorações relacionando o locais para cada um dos objetivos de
reconhecimento das propriedades dos aprendizagem e desenvolvimento da
materiais com as representações que têm BNCC. Para as crianças pequenas, a
dos objetos, pessoas ou animais as exploração e o uso de diferentes materiais
engajam em produções cada vez mais é uma forma de ampliar suas noções e
intencionais, como, por exemplo, um habilidades sobre as coisas e as pessoas
pedaço de massinha esticado que pretendem representar. É possível
representando uma cobra. Além disso, construir objetivos específicos
contribuem para a compreensão sobre as relacionados a essas aprendizagens,
coisas que querem representar e também como criar produtos com massa de
para o aprimoramento das habilidades modelar ou argila a partir de seu
necessárias ao manuseio dos diferentes próprio repertório, explorando
materiais e instrumentos. Nesse contexto, diferentes elementos, como forma,
é importante que as crianças bem volume, textura etc. O currículo pode
pequenas participem de situações nas construir objetivos relacionados à
quais tenham a oportunidade de utilizar habilidade no manuseio dos materiais para
diferentes materiais para criar objetos sua produção artística — por exemplo,
tridimensionais, que podem ser feitos com explorar e aprofundar suas descobertas em
palitos de madeira, papéis diversos e relação a procedimentos necessários para
outros materiais disponíveis na escola modelar e suas diferentes possibilidades
e/ou fáceis de serem encontrados, de manuseio a partir de sua
criando, assim, formas diversas. É intencionalidade. O currículo local pode,
importante também que possam criar ainda, trazer exemplos de objetos e
objetos bidimensionais e tridimensionais a materiais que são típicos da região,
partir de materiais como argila, barro, comunidade ou cultura local, além de
massa de modelar, papel e tinta ou abordar atitudes a serem desenvolvidas
explorar as características de objetos e relacionadas ao cuidado e à apreciação
materiais — odores, sabores, sonoridades, pela produção própria da criança e a dos
texturas, formas, pesos, tamanhos e colegas.
posições no espaço — ao utilizar materiais
como argila, barro, massa de modelar,
papel, tinta etc.; e formas tridimensionais
nas brincadeiras de montar, encaixar e
empilhar.
https://www.facebook.com/groups/Ed.InfantileBNCC/
Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Traços, sons, cores e formas


(EI02TS03)
Utilizar diferentes fontes sonoras disponíveis no ambiente em brincadeiras cantadas,
canções, músicas e melodias.

Abordagem das experiências de Sugestões para o currículo


aprendizagem

As crianças bem pequenas estão abertas Ao formular objetivos de aprendizagem e


a ouvir, fazer música e se movimentar desenvolvimento específicos para o
com ela. Desde bebês, são capazes de currículo, é desejável detalhar noções,
escutar os sons e responder a eles. Elas habilidades, atitudes e/ou especificidades
estão rodeadas por diferentes sons à sua locais para cada um dos objetivos de
volta: o som da chuva, do rio, dos aprendizagem e desenvolvimento da
passarinhos, das pessoas a falar, dos BNCC. Para as crianças bem pequenas, é
motores dos carros, barcos etc. Gostam possível construir objetivos específicos
de ouvir os sons, identificá-los e relacionados à produção musical e
correspondê-los às imagens mentais que identificação de fontes sonoras. Por
possuem sobre os objetos ou seres que os exemplo, explorar e reconhecer sons
produzem. Nesse contexto, as diferentes familiares ou explorar e identificar
fontes sonoras presentes no ambiente possibilidades sonoras de objetos de seu
escolar ou ao seu redor são fontes de cotidiano ou de instrumentos musicais. O
investigações para suas explorações e currículo pode construir objetivos
descobertas sobre o mundo. É importante relacionados à produção e à
que haja diversidade de materiais que apreciação musical, como reproduzir
sejam fontes de sons, como aparelhos sons ou canções conhecidas e usar em
tecnológicos, rústicos etc. para que as suas brincadeiras, interessar-se por
crianças façam novos sons e descubram canções ou brincadeiras cantadas
novas possibilidades, que sejam apresentadas pelos professores(as)
convidadas a identificar e imitar sons ou seus colegas. O currículo local pode,
conhecidos, como os sons da natureza ainda, destacar os objetos, canções,
(cantos de pássaros, “vozes” de animais, instrumentos ou manifestações culturais
barulho do vento, da chuva etc.), sons da que são típicas de sua cultura, região ou de
cultura (vozes humanas, sons de outras culturas, além de abordar atitudes a
instrumentos musicais, de máquinas, serem desenvolvidas, como apreciar
produzidos por objetos e outras fontes canções e músicas de diferentes culturas
sonoras) ou o silêncio, e que tenham ou escutar músicas de diferentes tradições
vivências de ouvir, perceber e discriminar culturais buscando cantar juntos e imitar
eventos sonoros diversos, fontes sonoras os gestos comuns.
e produções musicais; explorar e
identificar elementos da música para se
expressar, interagir com os outros e
ampliar seu conhecimento do mundo ou
participar de jogos e brincadeiras que
envolvam a dança e/ ou a improvisação
musical.

https://www.facebook.com/groups/Ed.InfantileBNCC/
Traços, sons, cores e formas
As crianças vivem em ambientes onde, a cada momento, ocorrem
situações envolvendo pessoas, atividades, espaços, objetos e materiais
que elas buscam perceber, reconhecer, significar e representar, e o
fazem pela apropriação de diferentes linguagens e recursos, como suas
sensações, afetos e desejos, sua corporeidade, sua linguagem verbal,
sua percepção das ações de seus parceiros e sua atenção voltada para
os aspectos materiais do ambiente.
Este campo destaca experiências nas quais as crianças tenham a
oportunidade de perceber o ambiente como composto de TRAÇOS,
SONS, CORES e FORMAS, oferecendo condições para sentirem a
consistência da terra ou areia, criar misturas, colecionar coisas,
modelar com argila, criar tintas, explorar formas coloridas, texturas,
sabores, sons e também silêncios, em um espaço acolhedor, cheio de
visualidades e sonoridades, promovendo o desenvolvimento da
expressividade e da criatividade infantil e abrindo caminhos para o
desenvolvimento de sua afetividade.

https://www.facebook.com/groups/Ed.InfantileBNCC/

Traços, sons, cores e formas

Orientações gerais quanto ao processo pedagógico


O(a) professor(a) escolhe práticas a serem promovidas com as
crianças, referenciadas em sua formação, na proposta pedagógica da
instituição e na sua observação e escuta dos interesses, desejos e
necessidades das crianças.
Com a intenção de garantir os objetivos de aprendizagem e
desenvolvimento desse campo de experiências, o trabalho pedagógico
ganha força ao considerar a organização de situações que contemplem
experiências com a linguagem musical e com as linguagens visuais.

https://www.facebook.com/groups/Ed.InfantileBNCC/
Traços, sons, cores e formas

Experiências com a linguagem musical


Falar da experiência da criança com a sonoridade implica em
reconhecer que a escuta ativa que ela faz da música anda junto
com a criação musical que ela efetiva.
A criança necessita, ao escutar uma música, perceber a
intensidade dos sons e o ritmo das melodias ecoando no próprio
corpo, o que lhe estimulará a produzir outros sons e ritmos.
É importante apresentar canções, brincadeiras cantadas,
parlendas, brincos, rimas e outros jogos musicais, cantando em
diferentes situações ou promovendo momentos em que todos
cantem, acompanhados ou não por objetos e instrumentos
musicais, considerando situações em que observam adultos e
outras crianças em apresentações e/ou improvisações musicais e
festas populares.
Apresentar de forma sistemática um repertório musical —
obras clássicas, populares, étnicas, cantadas ou instrumentais,
incluindo canções infantis tradicionais, folclóricas de diferentes
países e também canções do repertório popular — e objetos
sonoros e/ou instrumentos musicais pode favorecer a exploração
destes pelas crianças na busca de identificar qualidades como
duração (sons curtos ou longos), altura (sons graves ou
agudos), intensidade (sons fracos ou fortes) ou timbre (que
qualifica os sons a partir da fonte que os origina), e ampliar seu
repertório de referências sonoras, seus modos de escutar e
produzir músicas e desenvolver suas preferências.
https://www.facebook.com/groups/Ed.InfantileBNCC/
Traços, sons, cores e formas

Experiências com linguagens visuais


Ao longo de sua vivência na Educação Infantil, as crianças
podem apropriar-se de alguns fundamentos das linguagens
visuais, conforme participam de atividades como desenho,
pintura, escultura, modelagem, colagem, gravura, fotografia,
visitas a museus e locais de produção e divulgação da arte
visual.
Ajudá-las na construção de uma sensibilidade mais
investigativa no campo visual impõe ao(à) professor(a)
acompanhar a atividade produtiva das crianças, observar o
desenvolvimento de sua gestualidade na produção de um desenho
ou de outras marcas infantis, e a fazer intervenções para que
possam articular suas marcas visuais a outras marcas infantis.
https://www.facebook.com/groups/Ed.InfantileBNCC/
Traços, sons, cores e formas
DIREITOS

CONVIVER e fruir com os colegas e professores manifestações


artísticas e culturais da sua comunidade e de outras culturas — artes
plásticas, música, dança, teatro, cinema, folguedos e festas
populares.

BRINCAR com diferentes sons, ritmos, formas, cores, texturas,


objetos e materiais, construindo cenários e indumentárias para
brincadeiras de faz de conta, encenações ou para festas tradicionais.

EXPLORAR variadas possibilidades de usos e combinações de


materiais, substâncias, objetos e recursos tecnológicos para criar
desenhos, modelagens, músicas, danças, encenações teatrais e
musicais.

PARTICIPAR de decisões e ações relativas à organização do


ambiente (tanto o cotidiano quanto o preparado para determinados
eventos), à definição de temas e à escolha de materiais a serem
usados em atividades lúdicas e artísticas.

EXPRESSAR suas emoções, sentimentos, necessidades e ideias


cantando, dançando, esculpindo, desenhando, encenando.

CONHECER-SE no contato criativo com manifestações artísticas e


culturais locais e de outras comunidades.
https://www.facebook.com/groups/Ed.InfantileBNCC/