Você está na página 1de 8

PROVA ESCRITA DE AVALIAÇÃO DE GEOGRAFIA A

NOME __________________________________________________ Nº ___ T URMA


______

DATA ____/____/____ CLASSIFICAÇÃO _________________________ PROF.


____________

Na resposta a cada item dos Grupos II, III e IV selecione a única opção que permite obter
uma resposta correta.

GRUPO I

1. - O Mapa 1 representa as regiões agrárias de Portugal Continental.

Mapa 1 – Regiões agrárias de Portugal Continental

7 1.1. – Faça a legenda do Mapa 1.


4

1.2. – Compare a estrutura agrária predominante na


Região 1 com a da Região 6.
1
6
1.3. – Relacione a estrutura agrária da Região 1 e da
Região 6 com fatores humanos.
3
1.4. – Refira em qual das Regiões (Região 1 e Região
6) houve diminuição da SAU?

2
1.4.1. – Justifique.

Página 1 de 8
PROVA ESCRITA DE AVALIAÇÃO DE GEOGRAFIA A

NOME __________________________________________________ Nº ___ T URMA


______

DATA ____/____/____ CLASSIFICAÇÃO _________________________ PROF.


____________

Página 2 de 8
GRUPO II

A Fig. 1 mostra uma paisagem do concelho de Arganil, atingida pelos incêndios de 2012.

Fig. 1 – Paisagem em Pomares (Arganil, Distrito de Coimbra)

Fonte: O Rouxinol de Pomares

1. – A utilização do solo na paisagem da Fig. 1 reflete...

(A) as potencialidades turísticas da região.


(B) uma ocupação muito intensiva do território.
(C) a adequação da aptidão do solo e a sua utilização agrícola.
(D) a falta de irrigação.

2. – A paisagem da Fig. 1 representa um espaço...

(A) agrícola.
(B) rural.
(C) agrário.
(D) cultural.

3. – Relativamente à estrutura fundiária na região da Fig. 1, predominam...

(A) minifúndios regulares.


(B) minifúndios irregulares.
(C) latifúndios regulares.
(D) latifúndios irregulares.

4. – O tipo de povoamento da região da Fig. 1 é...

(A) concentrado.
(B) misto.
(C) aglomerado.

Página 3 de 8
(D) disperso.

5. – O fenómeno dos incêndios...

(A) contribui para uma maior fragmentação do território.


(B) conduz ao aproveitamento agrícola do solo.
(C) favorece a introdução de espécies como o eucalipto que facilita o combate aos
mesmos.
(D) traduz o despovoamento e o abandono da limpeza das matas.

GRUPO III

1. - O Gráfico 1 refere-se à composição dos rendimentos da Companhia das Lezírias


por atividade e cultura.

Gráfico 1 – Evolução das vendas por produtos (Companhia das Lezírias)

Fonte: Relatório e Contas da Companhia das Lezírias 2015

1.1. – Indique quais as duas maiores fontes de rendimento da Companhia das Lezírias
em 2016.

1.2. – Refira os dois produtos mais rentáveis para a Companhia das Lezírias em
2016.

1.3. – Qual foi o produto cujo rendimento mais decresceu desde 2010?

1.4. – Sabendo que a média etária dos trabalhadores com contrato sem termo é de 48
anos e dos contratados a termo é de 35 anos, estabeleça a comparação entre
as características da mão-de-obra agrícola da Companhia das Lezírias e a mão-
de-obra agrícola a nível nacional.
Página 4 de 8
GRUPO IV

O Gráfico 2 representa a distribuição da SAU numa determinada Região Agrária em 2016.

Gráfico 2 – Distribuição da SAU

1. – No Gráfico 1 predominam as...

(A) pastagens permanentes.


(B) hortas familiares.
(C) culturas permanentes.
(D) culturas temporárias.

2. – A Região Agrária do Gráfico 1 corresponde...

(A) à Madeira.
(B) ao Entre Douro e Minho.
(C) ao Algarve.
(D) ao Alentejo.

3. – O sistema de cultura do Gráfico 1 caracteriza-se por ser...

(A) Intensivo, devido à forte mecanização das explorações.


(B) Extensivo, devido à orientação para o autoconsumo.
(C) Intensivo, devido à reduzida dimensão das propriedades.
(D) Extensivo, devido à elevada produtividade das explorações.

4. – Entre 1999 e 2009, uma das principais alterações na composição da SAU foi...

(A) o aumento do olival e da vinha.


(B) a diminuição das forrageiras.
(C) o aumento dos cereais.
(D) a diminuição do olival e da vinha.

Página 5 de 8
5. – A principal fragilidade do sistema agrário da Região do Gráfico 1 é...

(A) a fragmentação da propriedade.


(B) a degradação dos solos.
(C) o excessivo emparcelamento.
(D) a falta de viabilidade económica das explorações.

GRUPO V

1. - Observe o Gráfico 3 que representa o índice de dependência total da população


portuguesa, segundo os dados dos Censos 2011.

1.1. - O índice de dependência total é…

(A) a relação entre a população jovem e idosa e a população ativa.


(B) a percentagem da população ativa na população total.
(C) a relação entre a população que não pode trabalhar e a população absoluta.
(D) a percentagem de reformados relativamente à população ativa.

1.2. - O índice de dependência de idosos, evidenciado na figura, poderá…

(A) facilitar a emigração, principalmente de jovens adultos.


(B) beneficiar a economia, porque irão baixar as despesas com a educação dos
jovens.
(C) trazer dificuldades para a Segurança Social, porque a população ativa diminui.
(D) contribuir para a diminuição do desemprego, principalmente dos mais jovens.

1.3. - As regiões de Portugal que apresentam menor índice de dependência de idosos


correspondem às que apresentam menor índice de dependência de jovens. Esta
afirmação é…

(A) verdadeira, porque são regiões afetadas pelo êxodo rural e pela emigração.
(B) verdadeira, porque nessas regiões é maior a esperança média de vida e é
menor a natalidade.

Página 6 de 8
(C) falsa, porque os índices de dependência estão relacionados com a população
ativa.
(D) falsa, porque essas regiões correspondem àquelas onde se registam menores
taxas de natalidade.

1.4. - Através da análise do gráfico pode concluir-se que…

(A) em todas as regiões, o índice de dependência total é superior a 50%.


(B) em todo o país, o índice de dependência de idosos é inferior a 30%.
(C) somente no Alentejo e no Centro, o índice de dependência total supera os
50%.
(D) na RAA e na RAM, o índice de dependência de jovens supera o índice de
dependência de idosos.

1.5. - O índice de dependência de jovens, segundo os resultados dos Censos 2011, na


maioria das regiões portuguesas, resulta…

(A) da diminuição da taxa de população ativa e da redução da natalidade.


(B) do aumento do envelhecimento e da diminuição da população ativa.
(C) da diminuição do crescimento natural e do aumento da mortalidade infantil.
(D) da diminuição de jovens em relação à população em idade ativa.

FIM

O Professor Pedro Caetano

Cotações

GRUPO I

1.1.……………………………………………………… ………………………… …………………… 7 pontos

1.2.……………………………………………………… ………………………… ……………………12 pontos

1.3.………………………………………………… …………………………………………………… 14 pontos

1.4.……………………………………………………… ………………………… …………………… 5 pontos

1.4.1.………………………………………………… …………………………………………………… 12 pontos

Subtotal………………………………………………………………………………………………………………50 pontos

Página 7 de 8
GRUPO II

1.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

2.………………………………………………… …………………………………………………… 8 pontos

3.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

4.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

5.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

Subtotal………………………………………………………………………………………………………………40 pontos

GRUPO III

1.1.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

1.2.……………………………………………………… ………………………… ……………………8 pontos

1.3.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

1.4.……………………………………………………… ………………………… ……………………16 pontos

Subtotal………………………………………………………………………………………………………………40 pontos

GRUPO IV

1.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

2.………………………………………………… …………………………………………………… 8 pontos

3.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

4.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

5.……………………………………………………… ………………………… …………………… 8 pontos

Subtotal………………………………………………………………………………………………………………40 pontos

GRUPO V

1.……………………………………………………… ………………………… …………………… 6 pontos

2.………………………………………………… …………………………………………………… 6 pontos

3.……………………………………………………… ………………………… …………………… 6 pontos

4.……………………………………………………… ………………………… …………………… 6 pontos

5.……………………………………………………… ………………………… …………………… 6 pontos

Subtotal………………………………………………………………………………………………………………30 pontos

Total da prova…………………………………………………………………………………… 200 pontos

Página 8 de 8