Você está na página 1de 9

Física Eletricidade e Magnetismo

Lista 1 – Eletrostática e Capacitores

PROCESSOS DE ELETRIZAÇÃO

1) Com a chegada do inverno é mais comum "tomar choque" na maçaneta das portas, especialmente as
de automóveis. A baixa umidade do ar no inverno faz a eletricidade estática acumular-se no corpo da
pessoa pelo simples fato de caminhar só de meias sobre o carpete. Em razão dos atritos, o indivíduo se
eletriza e, ao tocar na maçaneta, há um deslocamento de cargas entre ele e o metal. Tal descarga
manifesta-se em choque ou até mesmo com faíscas. Isso depende, além das condições ambientais locais,
de características da pele da pessoa.

Na ilustração, a eletrização é a causa da descarga entre veículo e a


pessoa.
a) Coloque-se no lugar da pessoa em questão e sugira um procedimento
para não levar mais choque ao abrir o carro em dias secos.
b)Explique também o porquê de tal fenômeno quase não acontecer em dias
úmidos.

2) Quando alguém leva um choque elétrico muito forte e fica preso a um aparelho ou cabo elétrico, são
feitas as seguintes recomendações para ajudar a pessoa:
- desligue a chave geral do circuito.
- se tiver de usar as mãos para remover a pessoa, envolva-as em jornal, saco de papel ou pano de lã seco.
- empurre a vítima para longe da fonte de eletricidade com um objeto seco, como cabo de vassoura, tábua,
corda seca, cadeira de madeira ou bastão de borracha.

Note que nos dois últimos itens recomendados o uso do papel, borracha, madeira , etc para entrar em
contato com a vítima. Explique o que diferencia um material condutor e um isolante, em termos elétricos,
e cite dois exemplos de cada um deles.

3) O gerador eletrostático de Van de Graaff, apresentado simplificadamente no esquema a seguir, consiste


basicamente em uma esfera metálica e oca, na superfície externa da qual se acumulam as cargas
elétricas. Esse condutor é sustentado por suporte isolante, mantendo por certo tempo a carga elétrica que
armazena. Geradores de Van de Graaff de grande porte, que armazenam grandes quantidades de carga
elétrica, gerando descargas elétricas de grandes proporções, costumam ser usados em aceleradores de
partículas. Quando alguém se mantém em contato com a esfera do gerador, os cabelos dessas pessoas,
desde que lisos e longos o suficiente, se arrepiam. Sabendo que a pessoa em contato com gerador
também está eletricamente carregada, explique a causa do arrepio dos cabelos dela.

Página 1 de 9
4) As sacolas plásticas são amplamente utilizadas pelo mercado consumidor. Seu uso é questionado em
razão do impacto ambiental que podem gerar. Muitos estabelecimentos têm incentivado o uso de sacolas
reutilizáveis, ou pelo menos, biodegradáveis. A fabricação de alguns tipos destas embalagens é feita por
máquinas extrusoras e a matéria prima das embalagens é o polietileno granulado, um polímero que quando
aquecido, se funde. Uma fonte de ar quente sopra o polietileno fundido formando um balão (balão de
extrusão). Este sobe até a parte superior da máquina, quando entra em contato com facas que o abrem,
deixando o plástico pronto para ser enrolado em bobinas. Cilindros invertem o sentido das folhas de
plástico formadas, direcionando-as para um último conjunto de cilindros que preparam o plástico para o
enrolamento da bobina. Um grande problema para as linhas de produção de embalagens é a eletrização
das folhas de plástico. Isso pode gerar pequenos choques elétricos nos funcionários, comprometer a
qualidade das embalagens e dificultar o enrolamento nas bobinas.

a) Suponha que, para evitar problemas de eletrização citados, os cilindros utilizados nas máquinas,
inicialmente de material isolante, sejam substituídos por cilindros condutores. Discuta a eficiência desta
medida.
b) Independente da época do ano ou da localização geográfica, algumas empresas de embalagens
utilizam grandes umidificadores de ambiente em seus galpões de produção. Discuta as possíveis
justificativas para tal uso.

5) O princípio de funcionamento da pintura eletrostática é a atração eletrostática. Uma pistola borrifa a tinta
contra uma grade metálica, por exemplo. A atração eletrostática entre a tinta e a grade faz com que não
se desperdice tinta, nem seja gerada uma nuvem de tinta borrifada ao redor da pessoa que está pintando.

Em termos da carga elétrica total da tinta e da grade metálica a ser pintada, quais são as possibilidades
de gerar atração? O que seria mais fácil fazer para gerar essa atração?

Página 2 de 9
LEI DE COULOMB

6) Qual deve ser a distância entre a carga pontual q1 = 26,0 C e a carga pontual q2 = -47,0 C para que
a força eletrostática entre elas tenha uma intensidade de 5,70 N? R: 1,39 m

7) Determine a força eletrostática resultante sobre a partícula carregada no canto


inferior esquerdo do quadrado, sendo q = 1,0 x 10-7 C, a = 5,0 cm, q1 = +q, q2 = -
q, q3 = +2q e q4 = -2q. R: FR = 0,18 N

8) Duas partículas fixas de carga q1 = +1,0 C e q2 = -3,0 C estão a uma


distância de 10cm. A que distância de cada uma das cargas deveria estar localizada uma terceira carga
de modo que a força eletrostática resultante atuando sobre ela fosse nula? R: 14 cm e 24 cm

9) A intensidade da força eletrostática entre dois íons idênticos que estão separados por uma distância de
5 x 10-10m é 3,7 x 10-9 N. (a) Qual a carga de cada íon? (b) Quantos elétrons estão “faltando” em cada íon
(causando assim o desequilíbrio de carga do íon)? R: (a) 3,2x10-19 C, (b) 2 elétrons

10) Um elétron está no vácuo próximo à superfície da Terra. Onde deveria ser colocado um segundo
elétron para que a força eletrostática que ele exerce sobre o primeiro elétron equilibre a força gravitacional
sobre o primeiro elétron devida à Terra? Obs.: me = 9,11 x 10-31 kg. R: 5,1 m.

11) A figura ao lado a pequena esfera A e o pêndulo B possuem cargas


de mesmo módulo e sinais contrários. Sabendo-se que B está em
equilíbrio e que sua massa vale 10 g, determine o módulo da carga de
cada um destes corpos.
R: 1,66.10-7 C

12) Duas pequenas esferas estão positivamente carregadas. O valor total das duas cargas é de 5,0.10 -5
C. Sabendo que cada esfera é repelida uma pela outra por uma força eletrostática de módulo igual a 1,0
N quando a distância entre elas é de 2,0 m, qual a carga de cada esfera? R: 1,2.10-5C; 3,8.10-5C.

13) Três pequenas esferas eletrizadas com carga Q, 4Q e 2Q são alinhadas numa caneleta isolante, na
qual as cargas Q e 2Q são fixas, podendo 4Q se mover livremente sem atrito. Determine a relação (r 1/r2)
para que a esfera 4Q permaneça em equilíbrio.
R: √2/2

Página 3 de 9
14) Na figura, a partícula 4 tem uma carga q4 = -3,20x10-19 C está a uma distância de 3R/4 da partícula 1
de carga q1 = 1,60x10-19 C e está sobre a reta que faz um ângulo de 60º com o eixo x. A partícula 2 de
carga q2 = 3,20x10-19 C está sobre x a uma distância R da partícula 1. Sabendo que R = 0,020 m determine
a força total em termos de vetores cartesianos sobre a partícula 1.
 
R: (-1,25x10-25 N) i + (1,78x10-24 N) j

15) Duas pequenas esferas condutoras de massa 10g estão suspensas por um fio de seda de comprimento
l=120 cm e possuem a mesma carga q, conforme e mostrado na figura abaixo. Considerando que o angulo
θ e tão pequeno que tan θ possa ser substituída por sen θ:

a) mostre que para esta aproximação no equilíbrio teremos:

onde x é a distância entre as esferas.

b) Sendo L = 120 cm, m = 10 g e x = 5,0 cm, quanto vale q? R: ±2,4.10-8 C

16) No composto CsCl (cloreto de césio), os átomos de Cs estão situados nos cantos do cubo com o átomo
de Cl no centro do cubo. O lado do cubo mede 0, 40nm; veja a figura. Em cada átomo de Cs falta um
elétron e o átomo de Cl carrega um excesso de um elétron.

a) Qual a intensidade da força elétrica resultante sobre o átomo de Cl da atuação dos oito átomos de Cs
mostrados?.
b) Considere que o átomo de Cs marcado por uma seta esteja faltando (defeito cristalino). Qual é agora
a força elétrica resultante no átomo de Cl resultante dos sete átomos de Cs restantes?
R: a) A resultante é nula. b) 1, 92 × 10−9N

Página 4 de 9
CAMPO ELÉTRICO

17) Qual a intensidade de uma carga pontual cujo campo elétrico a uma distância de 50 cm possui a
intensidade de 2,0 N/C. R: 5,6 x 10-11 C

18) Duas partículas de mesma intensidade de carga 2,0 x 10 -7 C, mas de sinais contrários, são mantidas

a 15 cm uma da outra. Qual a intensidade, direção e sentido de E no ponto médio entre as cargas?
R: 6,4x105 N/C

19) Duas cargas pontuais, q1 = 2,1 x 10-8 C e q2 = -4q1 são fixadas com uma separação de 50 cm. Encontre
o ponto ao longo da linha reta que passa pelas duas cargas no qual o campo elétrico se anula. R: 50 cm
de q1

20) Na figura, qual a intensidade do campo elétrico no ponto P devido às quatro


cargas pontuais mostradas? R: zero

21) Qual a intensidade, direção e sentido do campo elétrico


no centro do quadrado da figura se q = 1,0 x 10-8 C e a =
5,0 cm? R: 1,02x105 N/C

22) Uma partícula alfa (o núcleo de um átomo de hélio) possui uma massa de 6,64 x 10-27 kg e uma carga
+2e. Qual a intensidade, direção e sentido do campo elétrico que equilibrará a força gravitacional que age
sobre ela? R: 2,03x10-7 N/C

23) Na experiência de Milikan, uma gota de óleo com raio de 1,64 μm e massa
específica 0,851 g/cm3 está suspensa na câmara C quando um campo elétrico
dirigido para baixo de 1,92 x 105 N/C é aplicado. Determine a carga sobre a
gota, em termos de e. R: 5

24) Duas placas metálicas paralelas, eletrizadas com sinais contrários, estão colocadas no vácuo a 10 cm
de distância uma da outra. O campo elétrico produzido pelas placas tem intensidade de 6.10 7 N/C. Uma
carga elétrica puntiforme de 2µC e massa 5.10-6 kg é abandonada na placa positiva. Supondo desprezível
a ação da força gravitacional, determine:
a) A força atuante sobre a carga elétrica. R: 120N
b) A aceleração da carga elétrica. R: 24.106 m/s²
c) A velocidade com que a carga elétrica atinge a placa negativs. R: 2,2.103 m/s.

Página 5 de 9
25) Três cargas puntiformes estão posicionadas ao longo de uma linha como indica
a figura abaixo. Determine: a) O módulo, direção e sentido da força elétrica
resultante sobre a carga q3. b) O módulo, direção e sentido do campo elétrico
resultante sobre o ponto P.
R: a) (28,1N)j b) (-21,3.106 N/C)i

26) O campo elétrico é um campo vetorial. Ele consiste em uma distribuição de vetores, um para cada
ponto na região ao redor de um objeto carregado. Para o cálculo do campo elétrico, pode ser aplicado o
princípio da superposição. Em particular, se o campo for criado por várias cargas pontuais (distribuição
discreta) como, por exemplo, na distribuição da figura a seguir, temos que o campo elétrico resultante será
igual a soma vetorial dos campos elétricos criados em M por cada uma das cargas. Supondo que as três
cargas elétricas estão situadas nos vértices de um triângulo equilátero de lado L, a intensidade do campo
elétrico que as cargas estabelecem no ponto M (ponto médio ao lado)
correspondem a:
R: 8,1 KQ/L²

27) A tecnologia dos polímeros de cristais líquidos (PDLCs) pode mudar profundamente as janelas da
atualidade. Tal tecnologia é capaz de transformar o vidro transparente em uma material translúcido. O
segredo está no papel do cristal líquido. Inicialmente, as moléculas de crista líquido dificultam a passagem
de luz incidente. Quando um campo elétrico é aplicado entre as placas, no entanto, as mesmas moléculas
de arranjam em uma direção específica permitindo a passagem de luz através do vidro.

Analise as afirmações abaixo:

I. Para que os elementos de cristal líquido se alinhem com o campo elétrico aplicado, devem
necessariamente possuir carga elétrica.
II. Se as linhas do campo elétrico forem horizontais e para a direita, então a cobertura condutiva
da direita está carregada positivamente e a da esquerda, negativamente.
III. Considerando as placas condutivas como sendo perfeitamente planas e uniformemente
carregadas, o campo elétrico entre elas pode ser considerado como sendo um campo elétrico
uniforme.

É correto o que se afirma em:

a) apenas I.
b) apenas I e II.
c) apenas I e III.
d) apenas II e III
e) Todas as alternativas.
Página 6 de 9
FLUXO DE CAMPO ELÉTRICO E LEI DE GAUSS

28) Uma folha de papel plana, com área igual a 0,250 m² é orientada de tal modo que a normal ao plano
forma um ângulo de 60º com a direção do campo elétrico uniforme de módulo 14 N/C.
a) Calcule o módulo do fluxo elétrico através da folha. R: 1,75 Nm²/C
b) Para que ângulo o fluxo é máximo? E mínimo?

29) O cubo da figura tem 1,40m de aresta e está orientado da forma mostrada na
figura em uma região onde existe um campo elétrico uniforme. Determine o fluxo
elétrico através da face direita do cubo se o campo elétrico em N/C é dado por (a)
   
j
6,00 , (b) -2,00 , (c) -3,00 i +4,00 k , (d) o fluxo total através do cubo nos três
i
casos. R: (a) 0, (b) −3.92 N.m2/C, (c) 0, (d) 0

30) Quando se liga um chuveiro em um banheiro fechado, o bater da água sobre a banheira vazia pode
encher o ar do ambiente com íons carregados negativamente e produzir um campo elétrico no ar que pode
chegar a 1000 N/C. Considere um banheiro que tenha dimensões de 2,5 m X 3,0 m X 2,0 m. Ao longo do
teto, do piso e das paredes, aproxime o campo elétrico no ar como se tivesse direção perpendicular à
superfície e uma intensidade uniforme de 600 N/C. Considere também que essas superfícies formam uma
superfície gaussiana fechada ao redor do ar do ambiente. Qual a densidade volumétrica de carga no ar do
banheiro? R: 1,3x10-8 C/m3

31) Uma haste fina e retilínea tem carga de +230 nC distribuída uniformemente ao
longo do seu comprimento de 630 cm.
a) Determine a densidade de carga linear.
b) Determine o valor do campo elétrico próximo do meio da haste a uma distância
perpendicular de r = 25 mm.

R: a) 3,6.10-8 C/m. b) 26,3.10³ N/C

32) A Figura mostra um contador de Geiger, aparelho usado para detectar


radiação ionizante (radiação que causa a ionização de átomos). O contador é
formado por um fio fino central carregado positivamente envolto por um cilindro
condutor circular concêntrico com o fio e com uma carga igual negativa. Assim, um
forte campo elétrico radial é criado no interior do cilindro. O cilindro contém um gás
inerte à baixa pressão. Quando uma partícula de radiação entra no aparelho através
da parede do cilindro, ela ioniza alguns átomos do gás. Os elétrons livres resultantes
(identificados pela letra e) são atraídos para o fio positivo. Entretanto, o campo
elétrico é tão intenso que, entre as colisões com outros átomos do gás, os elétrons
livres ganham energia suficiente para ionizarem estes átomos também. Mais
elétrons livres são criados desse modo, e o processo que se repete até que os
elétrons alcancem o fio. A “avalanche” resultante de elétrons é coletada pelo fio, gerando um sinal usado
para registrar a passagem da partícula original de radiação. Suponha que o raio do fio central seja de 25
μm; o raio do cilindro seja 1,4 cm e o comprimento do tubo de 16 cm. Se o campo elétrico na parede
interna do cilindro for 2,9 X 104 N/C, qual será a carga total positiva sobre o fio central? R: 3,6 nC.

Página 7 de 9
POTENCIAL ELÉTRICO

33) Duas grandes placas metálicas paralelas estão afastadas uma da outra 1,5 cm e possuem cargas
iguais mas contrárias sobre suas superfícies vizinhas. Considere o potencial da placa negativa como nulo.
Se o potencial no meio da distância entre as placas é então de 5,0 V, qual o campo elétrico na região entre
as placas? R: 6,7x102 V/m

34) Na experiência de Millikan com a gota de óleo, um campo elétrico de 1,92 x 10 5 N/C é mantido através
de duas placas com um afastamento de 1,5 cm uma da outra. Determine a diferença de potencial entre as
duas placas.
R: 2,9 kV

35) Um dos exames mais eficientes para se detectar a epilepsia é o eletroencefalograma (EEG), que
registra a atividade elétrica cerebral, usando eletrodos. As figuras a seguir esquematizam o exame.
Levando em consideração as informações dadas pelo enunciado e pelas ilustrações, assinale a alternativa
com a afirmação correta.

a). A grandeza física considerada no exame mencionado é o potencial elétrico e as linhas representadas
na segunda ilustração são superfícies equipotenciais.
b) A grandeza física considerada no exame mencionado é o potencial elétrico e as linhas representadas
na segunda ilustração são as linhas de campo elétrico.
c). A grandeza física considerada no exame mencionado é o campo elétrico e as linhas representadas na
segunda ilustração são as linhas de campo elétrico.
d) A grandeza física considerada no exame mencionado é o campo magnético e as linhas representadas
na segunda ilustração são as linhas de campo magnético.
e) A grandeza física considerada no exame mencionado é a energia elétrica e as linhas representadas na
segunda ilustração são as linhas de campo elétrico.

Página 8 de 9
CAPACITORES

36) Um capacitor de placas paralelas possui placas circulares de raio igual a 8,2 cm e separação de
1,3 mm. a) Determine a sua capacitância. b) Se aplicarmos uma diferença de potencial de 120 V, qual será
o valor da carga que surgirá ente as placas?
R: a)  140 pF, b)  17 nC

37) A placa e o catodo de um diodo à vácuo têm a forma de dois cilindros concêntricos, com o catodo
como cilindro central. O diâmetro do catodo é igual a 1,6 mm e o da placa mede 18 mm, sendo o
comprimento de ambos igual a 2,4 cm. Calcule a capacitância do diodo. R:  0,55 pF

C1 C1=10,0 F
38) Calcule a capacitância equivalente da V C3 2=5,0 F
Cassociação.
R: 7,33 F C2 C3=4,0 F

39) A partir da associação de capacitores abaixo, determine:


a) A capacitância equivalente. R: 3,0µF
b) A diferença de potencial em cada capacitor.
R: capacitores de 3µ possuem ddp de 8V; capacitor de 1µ
possuem ddp de 24V; capacitores de 2µ possuem ddp de 12V.
c) A energia armazenada na associação. R: 8,64.10-4 J

40) Sabendo que a diferença de potencial entre os pontos a e b é 120 V,


determine a carga e a energia armazenada pela associação.
R: 1,37 mC; 0,08 J

41) Um capacitor de placas paralelas tem uma capacitância de 5,0 pF. a) Se a placa tiver uma área de
0,35 m2, qual será a distância entre elas? b) Suponha que a região entre as placas seja, então, preenchida
com material cuja constante dielétrica é igual a 5,6. Calcule a capacitância.
R: a) 0,6195 m, b) 28 pF

42) Certa substância possui uma constante dielétrica de 2,8 e uma rigidez dielétrica de 18 MV/m. Se
usarmos esta substância como o material dielétrico a ser introduzido num capacitor de placas paralelas,
qual será a área mínima que as placas do capacitor devem ter para que a sua capacitância seja de
7,0x10-8 F e para eu o capacitor seja capaz de resistir a uma diferença de potencial de 4,0 kV?
R: 0,63 m2

Página 9 de 9