Você está na página 1de 53

EBÓS PARA TODOS OS FINS

COMIDA PARA OXUM PARA ABERTURA DE CAMINHO

Material Necessário:
Feijão fradinho cozido; uma tgela de louça branca; 21 ovos crus.
Maneira e Fa!er:
Colocase !oda a "uantdade do feijão fradinho cozido den!ro da tgela; em seguida# $assase um a um os
vin!e e um ovos $elo cor$o# jogando !udo na cachoeira. %rriar numa cachoeira em um dia de s&bado.

OFERENDA PARA "EMAN#$ PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Material Necessário:
'ma tgela de louça branca;
branca; canjica branca cozida;
cozida; (4 $er
$eras
as maduras;
maduras; (1 coco verde;
verde; 1 me!r
me!ro o de )!a nas
seguin!es cores* branca# rosa# amarela# azul e verde +1 me!ro de cada,.
Maneira e Fa!er:
Colocar !oda a $orção de canjica cozida den!ro da tgela# colocar $or cima da canjica as $eras# abrir o coco e
escorrer a &gua $or cima de !udo. -assar $elo cor$o !odas as )!as# colocandoas $or cima da tgela# uma a
uma de cada vez. %rriar em uma $raia deser!a e $edir !udo de bom a emanj&. Fazer
Fazer em um dia de s&bado.

OFERENDA PARA OXUM PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Material Necessário:
(1 tgela de louça branca; feijão fradinho cozido; (4 maçãs; )!as nas cores* branca# amarela# rosa# verde e
azul +1 me!ro de cada,.
Maneira e Fa!er:
Colocar !oda a $orção do feijão fradinho den!ro da tgela# colocar $or cima as maçãs# $assar $elo cor$o as
)!as# uma de cada vez# $edindo a /0um !udo de bom. Colocar as )!as em cima da tgela. %rriar em uma
cachoeira no dia de s&bado.

SA%ADA PARA O&UM XORO'U( PARA SE OBTER CORA&EM PARA %UTAR E OBTER PA)

Material Necessário:
(1 inhame; (1 ba!a!a bara; (1 inhame de ramo; ba!a doce; gengibre; (1 fava de aridã; amendoim !orrado;
camarão seco; cebola ralada; azei!e doce; azei!e dend; (1 "uartnha de barro vermelha; cachaça; (3 ovos
cozidos; couve e chicria.
Maneira e Fa!er:
Cor!ar !udo# em $e"uenos $edaços# menos a chicria e a couve# "ue serão utlizadas $ara enfei!ar o eb# os
ovos serão !ambm colocados $or cima# "uando a )nalidade  se ob!er coragem colocase dend $or cima
de !udo; "uando a )nalidade $or $az# colocase azei!e doce; 6ão se deve es"uecer a "uartnha com
cachaça# colocando ao lado do eb. Fazer es!e eb e um dia de segunda ou !erçafeira# na beira de um rio
ou embai0o de uma arvore
ar vore a !arde.

EBÓ PARA SE DESPACHAR UM E&UM DE UMA PESSOA

Material Necessário:
-inhão ro0o; são gonçalinho; aroeira; amoreira; $eregum.
Maneira e Fa!er:
7ocar com as folhas acima mencionadas# !odo o cor$o da $essoa# ao )nal de !er $assado cada uma das
folhas# "uebr&las de modo "ue )"uem bem esmagadas. 8ei0ar as folhas na ma!a. 8ar um banho de sabão
da cos!a na $essoa. 6ão se faz sacudimen!o em $essoas de /0al&# 9ang e /0umar com folhas de aroeira.
Como !ambm os ebs fei!os $ara as $essoas des!e ori0&# não levam azei!e dend# nem $lvora ou sal.
Fazer em uma ma!a aber!a nos dias de segunda# !erça# "uar!a ou "uin!afeira a !arde.

#IBERE DO ORIX$ OXUM PARA SE FA)ER UM BOM CASAMENTO

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
Camarão seco; cebola ralada; sal; oi!o ovos cozidos; ervilhas; (1 $anela de barro +!amanho mdio,; azei!e
dend ou azei!e doce.
Maneira e Fa!er:
8escascaras
8escascar as ervilhas# dei0ar cozinhar a! virar um $ur# adicionar o camarão seco e a cebola ralada. :e$arar
se!ee ervilhas in!eiras
se! in!eiras e os oi!o ovos
ovos $ara enfei!ar
enfei!ar.. Coloc
Colocar
ar !udo na $anel
$anelaa e enf
enfei!a
ei!arr com os ovos e as
ervilhas. -edir a /0um $ara fazer
fazer um bom casamen!o. :e for homem colocar dend. :e for $ara $ara mulher
colocar azei!e doce. Fazer em um dia de s&bado a !arde.

ABEB* DE OXUM CONSE&UIR UM BOM EMPRE&O

Material Necessário:
21 chuchus; camarão seco; cebola ralada; ( acaç&s; mel de abelhas e azei!e de oliva +doce,.
Maneira e Fa!er:
<alar os chuchus# com as cascas dei0ando uma rodela de cada um. (= gemas de ovos; >a!er os chuchus#
adicionando as gemas e ba!er a! o $on!o de fri!ada. ?is!urar !ambm as claras# colocar $or cima os acaç&s
e regar com o mel. Colocar !udo numa cachoeira e oferecer
oferecer a /0um @jimum em um dia de s&bado duran!e o
dia.

COMO PEDIR MISERCÓRDIO A OXA%$ NUM MOMENTO DE AF%I+,O

Material Necessário:
Canjica branca cozida; uma tgela de louça branca; açAcar cris!al; mel de abelhas; (= folhas da cos!a +saião,
e (= folhas de alface.
Maneira e Fa!er:
?is!urar a canjica cozida com o açAcar cris!al# colocar den!ro da tgela de louça# adicionar mel de abelhas#
colocar $or cima de !udo "ua!ro folhas da cos!a e embai0o da tgela as !rs res!an!es. Colocar as se!e folhas
de alface em cima de !udo# $edindo a /0al&# a!ravs de /0umar# "ue tre a $essoa da aBição. %$s !rs
dias des$achar !udo no ma!o verde $r0imo de casa. Fazer den!ro de casa na se0!afeira duran!e
duran!e o dia.

OFERENDA A XAN&- PARA RESO%.ER UM PROB%EMA DE #USTI+A

Material Necessário:
( rabadas de boi; (1 Dg de "uiabos; cas!anha de caju; amendoim; cebola ralada; azei!e dendEoliva; uma
gamela.
Maneira e Fa!er:
Fazse o amal& de 9ang# colocase na gamela e en!regarse em uma $edreira. 7irase um $ouco de amal&
do amal& e dar a se!e crianças $ara comerem. m seis dias !eremos o $roblema resolvido. Fazer a noi!e em
um dia de "uar!afeira.

COMIDA PARA O ORIX$ IRO/O 0TEMPO1 PARA PEDIR 'UE N,O CHO.A

Mat2rial necessário:
(= es$igas de milho; sal; mel de abelhas; uma $anela de barro; um $erfume de cheiro suave; um cravo de
cor vermelha.
Maneira e Fa!er:
Cozinhar as se!e es$igas com um $ouco de sal. 8e$ois das es$igas estverem "uase frias# colocar mel de
abelhas e colocar na $anela de barro. Colocar bas!an!e mel# o $erfume e $or cima o cravo. Fazer nos dias de
segunda# !erça# "uar!a# "uin!a ou se0!afeira.

EBÓ PARA TEMPO

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
Camarão seco; cebola ralada; sal; oi!o ovos cozidos; ervilhas; (1 $anela de barro +!amanho mdio,; azei!e
dend ou azei!e doce.
Maneira e Fa!er:
8escascaras
8escascar as ervilhas# dei0ar cozinhar a! virar um $ur# adicionar o camarão seco e a cebola ralada. :e$arar
se!ee ervilhas in!eiras
se! in!eiras e os oi!o ovos
ovos $ara enfei!ar
enfei!ar.. Coloc
Colocar
ar !udo na $anel
$anelaa e enf
enfei!a
ei!arr com os ovos e as
ervilhas. -edir a /0um $ara fazer
fazer um bom casamen!o. :e for homem colocar dend. :e for $ara $ara mulher
colocar azei!e doce. Fazer em um dia de s&bado a !arde.

ABEB* DE OXUM CONSE&UIR UM BOM EMPRE&O

Material Necessário:
21 chuchus; camarão seco; cebola ralada; ( acaç&s; mel de abelhas e azei!e de oliva +doce,.
Maneira e Fa!er:
<alar os chuchus# com as cascas dei0ando uma rodela de cada um. (= gemas de ovos; >a!er os chuchus#
adicionando as gemas e ba!er a! o $on!o de fri!ada. ?is!urar !ambm as claras# colocar $or cima os acaç&s
e regar com o mel. Colocar !udo numa cachoeira e oferecer
oferecer a /0um @jimum em um dia de s&bado duran!e o
dia.

COMO PEDIR MISERCÓRDIO A OXA%$ NUM MOMENTO DE AF%I+,O

Material Necessário:
Canjica branca cozida; uma tgela de louça branca; açAcar cris!al; mel de abelhas; (= folhas da cos!a +saião,
e (= folhas de alface.
Maneira e Fa!er:
?is!urar a canjica cozida com o açAcar cris!al# colocar den!ro da tgela de louça# adicionar mel de abelhas#
colocar $or cima de !udo "ua!ro folhas da cos!a e embai0o da tgela as !rs res!an!es. Colocar as se!e folhas
de alface em cima de !udo# $edindo a /0al&# a!ravs de /0umar# "ue tre a $essoa da aBição. %$s !rs
dias des$achar !udo no ma!o verde $r0imo de casa. Fazer den!ro de casa na se0!afeira duran!e
duran!e o dia.

OFERENDA A XAN&- PARA RESO%.ER UM PROB%EMA DE #USTI+A

Material Necessário:
( rabadas de boi; (1 Dg de "uiabos; cas!anha de caju; amendoim; cebola ralada; azei!e dendEoliva; uma
gamela.
Maneira e Fa!er:
Fazse o amal& de 9ang# colocase na gamela e en!regarse em uma $edreira. 7irase um $ouco de amal&
do amal& e dar a se!e crianças $ara comerem. m seis dias !eremos o $roblema resolvido. Fazer a noi!e em
um dia de "uar!afeira.

COMIDA PARA O ORIX$ IRO/O 0TEMPO1 PARA PEDIR 'UE N,O CHO.A

Mat2rial necessário:
(= es$igas de milho; sal; mel de abelhas; uma $anela de barro; um $erfume de cheiro suave; um cravo de
cor vermelha.
Maneira e Fa!er:
Cozinhar as se!e es$igas com um $ouco de sal. 8e$ois das es$igas estverem "uase frias# colocar mel de
abelhas e colocar na $anela de barro. Colocar bas!an!e mel# o $erfume e $or cima o cravo. Fazer nos dias de
segunda# !erça# "uar!a# "uin!a ou se0!afeira.

EBÓ PARA TEMPO

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
?eio "uilo de sara$a!el;
sara$a!el; cebola ralada; camarão seco; azei!e
azei!e dende; colorau e um alguidar de cor vermelha
mdio.
Maneira e Fa!er:
-re$arar o sara$a!el e colocar den!ro do alguidar. -or cima colocar o nome da $essoa "ue "ueremos "ue
vol!e e colocar uma boa "uantdade de colocaru. Fazer numa segundafeira
segundafeira "ual"uer hor&rio.

COMIDA PARA NANA CUIDAR PROB%EMAS NAS PERNAS

Material Necessário:
Feijão $re!o cozido; um alguidar mdio; uma galinha dG angola; mel de abelhas; (4 acaças brancos.
Maneira e Fa!er:
Colocar o feijão $re!o cozido den!ro do alguidar.
alguidar. :acri)case o giin dei0ando o sangue escorrer $or cima do
feijão $re!o. Colocar $or cima os "ua!ro acaç&s brancos# colocase o mel de abelhas $or cima de !udo e
enfei!ar com as $enas do guin. 8e$ois de !rs dias sus$ender e des$achar numa ma!a fechada. Fazer
numa segunda# !erça# "uar!a# "uin!a e se0!afeira
se0!afeira no !erreir
!erreiro
o de candomble a noi!e.

OFERENDA A NAN, PARA SO%UCIONAR UM PROB%EMA DE .ISTA

Material Necessário:
(5 bananas $ra!as; mel de abelhas; duas gemas de ovo; um $ra!o de barro.
Maneira e Fa!er:
%ssar as banas# abrilas# colocar no $ra!o de barro jun!o com as duas gemas de ovo e $or cima de !udo
colocar bas!an!e mel. /ferecer ao /ri0& e $ede cura $ara os males da vis!a. Fazer den!ro do casa em uma
segundafeira duran!e o dia.

EBÓ PARA EXU PARA OBTER CAMINHOS ABERTOS3 DINHEIRO3 TRABA%HO E .IA&ENS

Material Necessário:
(= moedas; (1 galo vermelho; (= folhas de mamona com !alo; farinha de mandioca; mel de abelhas;
cachaça; &gua e azei!e dende.
Maneira e Fa!er:
6o andamen!o do eb# dizse o seguin!e* @!& /Ho# @!& Ionã# @!& 0u# @!& /nã. %brese as folhas de mamona#
retrase os !alos e fazse "ua!ro $ads sendo* o $rimeiro de azei!e dende# o segundo de mel# o !erceiro de
cachaça e o "uar!o $ad  de &gua. %o mesmo !em$o vai ba!endo na $essoa com os !alos. :acri)case o
galo em cima !endo o cuidado do ej +sangue, cobrir !odas as folhas. <e!alhase o bicho e colcase uma
$ar!e em cada folha jun!o com a moeda e des$achar cada folha em uma encruzilhada. %rriar numa es!rada
de barro ou encruzilhada aber!a an!es do sol nascer no dia de segundafeira.
segundafeira.

EBÓ PARA DESTRUIR UMA PESSOA

Material necessário:
(= ovos chocos; (= agulhas de fundo largo; (= vezes o nome da $essoa escri!o num $edaço de $a$el )no#
"ue enrolado# caiba no fundo das agulhas; (= velas $ara serem "uebradas# chamando o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Colocar os ovos den!ro do alguidar
alg uidar## furados com as agulhas. Colocar den!ro do alguidar um $ouco de alcool
em cima de !udo e na encruzilhada !oca fogo. Fazer em um dia de segundaf
segundafeira
eira duran!e
duran!e o dia e arriar numa
encruzilhada.

EBÓ PARA DESTRUIR E SEPAR UMA PESSOA

Material Necessário:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
(1 acação grande e bem duro; azei!e dende; (= $imen!a da cos!a +a!ars,; (1 vela# os nomes das $essoas
escri!os cruzados no cen!ro o nome da rua e numero. scri!os em vol!a o nome 0u 7iriri.
Maneira e Fa!er:
screver um $edaço de $a$el o nome da $essoa de "uem se "uer se$ara ou des!ruir e en!regar
en!regar dez minu!os
an!es do meio dia numa encruzilhada aber!a. Fazse um acaç& grande e e bem duro e colocar os nomes
den!ro. Cus$ir as $imen!as em cima do acaç& e des$ejar o azei!e "uen!e $or cima. %cender a vela e na hora
de arriar $edir !udo de ruim $ara as $essoas. %rriar numa encruzilhada em um dia de segundafeira 1(
minu!os an!es da meia noi!e.

EBÓ PARA SEPARAR UMA PESSOA DA OUTRA

Material Necessário:
(2 garrafas de cachaça; (2 garrafas
garrafas de oleo de ricino; (= tras de $a$el com os nomes escri!os.
Maneira e Fa!er:
8en!ro de uma garrafa de cachaça $onha me!ade de oleo de ricino e as se!e tras de $a$el com os nomes
escri!os assim*

s!e eb  fei!o e !rs garrafas viradas ao con!r&rio# em lugares diferen!es. 0* rio# cemi!erio e mar. Fazer
numa segundafeira
segundafeira a noi!e.

EBÓ PARA SEPARAR UMA PESSOA DE OUTRA

Material Necessário:
(1 coração de boi; o nome da $essoa; $olvora; vinagre; $emba $re!a; cachaça e (1 me!ro de morim $re!o.
Maneira e Fa!er:
%brir o coração ao meio# colo"ue os nomes das $essoas e colo"ue den!ro $olvora# vinagre# $emba $re!a e
cachaça. Feche o coração e enrole no morim $re!o# dando um n. n!erre !udo no fundo de um mangue.
%rriar em um manguezal a noi!e em um dia de segundafeira.

EBÓ PARA OXA%$ COMO PEDIDO DE MISERICÓRDIA

Material Necessário:
21 acaç&s; canjica cozida; mel de abelhas; (1 vela de se!e dias branca e (2 $ombos brancos.
Maneira e Fa!er:
-assamse os $ombos no cor$o e sol!ase. % canjica cozida +eb, colocase den!ro da tgela de louça branca#
cobrese com mel. /s vin!e e um acaç&s serão es$alhadas $elos can!os da casa. %$s !rs dias levan!ase a
obrigação e des$achase em uma arvore frondosa. Fazer den!ro de casa em um hor&rio "ue melhor lhe
convier.

EBÓ DO ODU OSS$ PARA ATRAPA%HAR A .IDA DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 galo de $escoço $elado; (2 galinhas de $escoço $elado; (2 $ombos $re!os; (2 moedas; (1 alguidar;
azei!e dende; vinho de mesa; mel de abelhas; (5 velas $re!as.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar o nome da $essoa "ue "ueremos $rejudicar# sacri)car o galo# as duas galinhas e
os dois $ombos. Colocar $or cima do sacri)cio as duas moedas# o azei!e dende# o vinho# o mel de abelhas e
acender as velas# $edindo !udo de mal $ara es!a $essoa. Fazer em um dia de segundafeira as (=h(( da
manhã em um encruzilhada.

EBÓ DO ODU ODI PARA ARRASAR A .IDA DE UMA PESSOA

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Materia Necessário:
(1 alguidar; (1 frango $re!o; (= $regos de cumeeira; azei!e dende; mel de abelhas; cachaça e o nome da
$essoa.
Maneira e Fa!er:
s!e eb  fei!o ao meio dia# no meio de uma es!rada# em cima de uma $edra "uen!e. / frango 
es!rangulado. Chamar 0u $elos caminhos do /du /di. n!errar no frango os se!e $regos de cumeeira.
%rriar num es!rada de barro em cima de uma $edra "uen!e ao meiodia em uma segundafeira. 7er mui!o
cuidado com es!e eb. J um eb de ida sem vol!a.

EBÓ ME#I PARA RESO%.ER PROB%EMAS

Material Necessário*
Necessári o*
(2 acaç&s; (2 ovos; (2 "uiabos; (2 moedas; (2 conchas; (1( 1 alguidar vidrado; (2 velas brancas.
Maneira e Fa!er:
Colocar no alguidar o seguin!e ma!erial* dois acaç&s# dois ovos# dois "uiabos# duas moedas e duas conchas.
%rriar em uma -raça $Ablica de bas!an!e movimen!o as (h(( da manhã em uma !erçafeira. s!e eb deve
ser acom$anhado $or duas $essoas cujo /du seja /bar&# $edindo a ?eji +"ue são dois, $elos caminhos de
/bar& $ossa !er !udo em dobro. s!e  eb  fei!o em um dia de !erçafeira em uma $raça# com duas velas
acesas e bas!an!e mel de abelhas.

EBÓ PARA TIRAR UMA PESSOA DA PRIS,O

Material Necessário:
(2 orobos; (1 chave de cera; ( acaç&s brancos; ( velas brancas; ( ovos.
Maneira e Fa!er:
-assar dois orobos no cor$o da $essoa da seguin!e forma* o $rimeiro vai $ara o assen!amen!o do /ri0&
/gum no !erreiro de candomble. / segundo orobo  des$achado na $or!a da delegacia em "ue estver
$reso ou caso de não !er sido $reso em "ual"uer $or!a de delegacia. 7erceiro# $rocurar um desvio de linha
de !rem e fazse um eb* cachaça# um galo vermelho#
vermelho# mel de abelhas# vinho mosca!el. %o !erminar $ar!ese
a chave de cera e des$achar um $edaço $ara cada lado. %rriar num $or!a de delegacia ou $resKdio ao meio
dia em uma segunda ou !erçafeira. Fazse imedia!amen!o um eb $ra o /du do /ri0& /gun# !aogunda
com* ( acaç&s# ( velas# ( ovos. Colocase !udo den!ro de um $ra!o branco e des$achase em $raça
$Ablica.

EBÓ DE EXU PARA ATORMENTAR A .IDA DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 frasco sem r!ulo; ( dedos de cachaça; ( dedos de azei!e dende; 21 $imen!as malague!as; 21
azougues; alcool; $a$el com o nome da $esso.
Maneira e Fa!er:
smagar as $imen!as em cima do $a$el com o nome escri!o e colocalos no frasco. %crescen!ar* 1L azei!e
dende; 2L azougue; L encher com alcool. :air de casa agi!ando o frasco. Muebrar em uma encruzilhada
longe de casa ao meio dia ou a meia noi!e. Chamar $elo 0u do Iodo ou 0u 7iriri. Fazer em um dia de
segundafeira
segundafeira ao meio dia ou meia noi!e. 6ão $assar $elo local duran!
duran!ee se!e dias.

EBÓ DE EXU MARABO PARA ATRASAR A .IDA DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 acaç& branco; uma moeda; ( charu!os; $a$el com nome escri!o da $essoa.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
-onha den!ro do acaç& a moeda e nome da $essoa. / acaç& e os charu!os devem serem enrolados.
8es$achar em uma encruzilhada $ro0imo da $essoa. n!regar a 0u do Iodo ou 0u ?arabo. Fazer numa
encruzilhada de barro a meia noi!e de uma segundafeira. 6ão $assar $or se!e dias no local onde se arriou o
eb.

EBÓ DE EXU .E%UDO PARA DESTRUIR UMA PESSOA

Material Necessário:
( ovos; um $ra!o de barro; ( $edaços de carvão; $a$el com os nomes das $essoas com o nome de 0u
Neludo $or cima.
Maneira e Fa!er:
-or o nome no $ra!o. Muebre os !res ovos de uma s vez. m seguida# "uebrar o $ra!o em uma
encruzilhada. Fazer em uma encruzilhada a meia noi!e de uma segundafeira.

EBÓ DE E&UN PARA PRE#UDICAR A .IDA DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 $ra!o de barro vidrado; ( bolos de farinha; ( $edaços de carvão; (1 garrafa de cachaça; $a$el com o
nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Colocar no $ra!o o $a$el com o nome da $essoa# colocar os !rs bolos de farinha# colocar den!ro dos bolos
os $edaços do carvão# derramar um $ouco de cachaça em cima. n!re no mar a! onde alcançar $edindo
$ara "ue a $essoa nunca !enha sossego. 8ei0ar a garrafa com o res!o da cachaça. Fazer a maia noi!e de uma
segundafeira.

EBÓ DE EXU PARA SEPARAR UM CASA%

Maneira e Fa!er:
screver em se!e ovos o nome do homem# escrever em se!e ovos o nome da mulher# escrever em se!e ovos
o nome casal. -ercorrer !rs encruzilhadas* na $rimeira encruzilhada se$arar a clara da gema do nome do
homem# jogar fora# com uma vela $ara cada ovo se$arado. 6a segunda encruzilhada se$arar a clara da
gema do nome da mulher# jogar fora# com# com uma vela $ara cada ovo se$arado. 6a !erceira encruzilhada
se$arar a clara da gema com o nome dos dois# jogar fora com uma vela $ara cada ovo# acesa. Fazer numa
segundafeira duran!e a noi!e. Munado vol!ar $ara casa !omar banho de ab e des$achar a $or!a com &gua
e sal.
OFERENDA A %UA CHEIA PARA PROSPERIDADE

Material Nescessário:
(1 tgela branco de louça; canjica cozida; (1 $ombo branco; moedas corren!es; rosas brancas; (1 vela de
cera.
Maneira e Fa!er:
-assar o $ombo $or !odo cor$o e des$achar. Colocar a canjica den!ro da tjela# colocar as moedas# colocar
em vol!a as rosas brancas e acender a vela de cera. Fazer numa cachoeira numa noi!e de lua cheia em um
s&bado.s!a oferenda  oferecida a Iua numa noi!e de lua cheia.

OFERENDA A OSSA"IN PARA OBTER DINHEIRO

Material Necessário:
(3 ovos cozidos; azei!e de dende; azei!e de oliva; um $ra!o de barro.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Colocar os ovos cozidos den!ro do $ra!o de barro# cobrir com azei!e de dende e azei!e de oliva $edindo
bas!an!e dinheiro. 8es$achar na ma!a# a$s !rs dias. Fazer numa "uin!afeira em um hor&rio "ue melhor
lhe convier den!ro de casa. Fazer den!ro de casa# num hor&rio "ue melhor lhe convier em uma "uin!afeira.

OFERENDA A OSSA"IN PARA OBTER DINHEIRO

Material Necessário:
/1 abobora moranga; (O moedas corren!es; (1 $ra!o branco; mel de abelhas; (1 $anela de barro com
!am$a; (1 cebola; (1 garrafa de vinho tn!o; (1 "uartnha de barro.
Maneira e Fa!er:
-rimeiro* colocar oi!o rodelas de abbora moranga e oi!o moedas den!ro de um $ra!o branco com mel.
Colocar a!r&s da $or!a de en!rada da casa. :egundo* colocar den!ro de uma $anela de barro com !am$a#
uma cebola cor!ada em cruz# colocar mel# vinho tn!o e !am$ar a $anela. Colocar ao lado uma "uartnha
com vinho e mel de abelhas. :em$re man!er e nunca dei0ar secar. Fazer den!ro de casa# "ual"uer hor&rio e
dia da semana.

EBÓ DO ORIX$ O&UN PARA OBTER DINHEIRO E PA)

Material Necessário:
(1 inhame da cos!a; mel de abelhas; um alguidar e uma vela branca.
Maneira e Fa!er:
Cozinhar o inhame e de$ois de esfriar amassar com as mãos. Pun!ar o mel de abelhas e fazer "uan!os bolos
der. Colo"ue den!ro do alguidar e regar com mel de abelhas. %o oferecer ao /ri0& /gun acender a vela
 jun!o ao eb $edindo dinheiro e $az com bas!an!e f. J arriado em uma rua de subida bas!an!e
movimen!ada. %rriar em uma rua bas!an!e movimen!ada duran!e o dia numa !erçafeira.

EBÓ PARA CONSE&UIR CASAMENTO

Material Necessário:
12 $almas de :an!a <i!a# sendo ( brancas e seis amarelas; (2 bonecos de $ano; )!a de !odas as cores.
Maneira e Fa!er:
-egamse os dois bonecos de $ano +casal, vestdos de noivos# unir $ela fren!e +fren!e com fren!e, e amarrar
com as )!as# dei0ando um $edaço delas $ara "uando colocar com força nas $almas. %marrar o bou"ue! e
levar no mar en!regando a emanj& ou no rio a /0um em um dia de s&bado duran!e o dia.

OFERENDA PARA "EMAN#$ PARA SE OBTER UM PEDIDO IMPOSS4.E%

Material Necessário:
( maçãs e uma moeda.
Maneira e Fa!er:
/ferecer na $raia as !rs maçãs $ara emanj&. Fazer um furo em cada maçã e trar um $ouco do miolo.
screver o $edido e colocar den!ro das maçãs uma moeda em cada bilhe!e. n!errar na beira da $raia $er!o
das &guas. Fazer em um dia de s&bado duran!e o dia.

EBÓ PARA CURAR DOEN+AS SOBRE A INF%U(NCIA DE OBA%UA"I(

Material Necessário:
Q "uilo de milho vermelho; (1 alguidar; (1 vela branca; (3 bananas dG&gua; (1 $edaço de carne de musculo;
(3 eDurus; (2 ovos; Bores R margarida e crisan!emos; (1 me!ro de murim branco.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
7orrar o milho e dei0ar esfriar. -assar no cor$o da $essoa. Pun!ar !odo o milho e colocar no alguidar. -assar
na $essoa e colocar sobre o milho as bananas# o $edaço de musculo e os nove eDurus. >a!er na $essoa com
o bou"ue! de Bores e de$ois enfei!ar o eb. Com os dois ovos cruz $assar nas vis!as e amarra o $edaço de
murim e $assar novamen!e na $essoa. :omen!e "uando estver no cemi!rio  "ue acende a vela em fren!e
ao eb. %o vol!ar $ra casa dar um banho na $essoa com erva de $assarinho;erva de bicho e folha de fumo.
Fazer em uma segundafeira duran!e o dia em um cemi!rio.

EBÓ PARA DESTRUIR UMA PESSOA SOBRE A INF%U(NCIA DE MARIA MO%AMBO

Material Necessário:
(1 galinha $re!a; um $edaço de barban!e; um $rego virgem; o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
%marrar os $s da galinha $re!a e en)ar o nome da $essoa no bico da ave. Furar os olhos da ave com o
$rego virgem e sol!ar den!ro do cemi!rio. Fazer em um cemi!rio duran!e o dia em uma segundafeira.

EBÓ PARA DESTRUIR UMA PESSOA SOB A INF%U(NCIA DE EXU TIRIRI

Material Necessário:
(= folhas de cansanção e o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
nrolar o nome da $essoa em se!e folhas de cansanção# dei0ar duran!e se!e dias na casa de 0u. 8e$ois
dei0ar na encruzilhada e colocar fogo em !udo. Fazer numa casa de e0u duran!e o dia numa segundafeira.

OFERENDA A OBA%U"IE PARA SA5DE3 PROTE+,O E MISERICORDIA

Material Necessário:
1 bananas da !erra; azei!e dende; açucar; um $ra!o de barro.
Maneira e Fa!er:
Fri!ar as bananas no azei!e de dend# colocar $or cima o açucar. Colo"ue no $ra!o e dei0ar $or vin!e e um
dias. :us$ender es!a obrigação e en!regar no ma!o verde. Fazer den!ro de casa duran!e o dia numa
segundafeira.

EBÓ DE EXU PARA PRENDER OU AFASTAR UMA PESSOA

Material Necessário:
- de caf; 1 $ra!o de louça branco; mel de abelhas; azei!e dende; uma vela branca; o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Colocar o $ de caf e fazer um furo no meio. Colocar o nome da $essoa e regar com mel se for $ara o bem
e azei!e de dende se for $ara o mal. %cender a vela. Fazer den!ro de casa# numa segundafeira duran!e o
dia.

EBÓ PARA DESTRUIR UMA PESSOA SOB A INF%UENCIA DE EXU

Material Necessário:
(1 coração de boi; en0ofre em $edra; $emba $re!a; cachaça; o nome da $essoa; 1 me!ro de murim.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
%brir o coração de boi e colocar den!ro o en0ofre# a $emba# a cachaça# colocar !ambm o nome da $essoa.
nrolar !udo no morim $re!o e en!errar no $ de uma bananeira ou no mangue. %rriar no $ de uma
bananeira ou mangue# an!es do sol nascer numa segundafeira.

EBÓ PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Material Necessário:
1 me!ro de morim branco; ( $s de couve; 1 $e$ino; 1 $edaço de abobora; Q "uilo de feijão fradinho; Q
"uilo de feijão $re!o; Q "uuilo de canjica; (= acaç&s vermelhos; (= acaç&s brancos; uma farofa dG&gua; uma
farofa de azei!e dende; uma farofa de mel de abelhas; uma farofa de cachaça; incenso; bejoim; alfazema;
folha san!a.
Maneira e Fa!er:
-assar no cor$o da $essoa os seguin!es ingredien!es* a couve cor!ada# o $e$ino cor!ado em $edaços
$e"uenos# a abobora cor!ada# o feijão fradinho cozido e !orrado# o feijão $re!o cozido e !orrado# a canjica
cozida# os se!e acaç&s vermelhos# os se!e acaç&s brancos# a farofa dG&gua# a farofa de azei!e de dende# a
farofa de mel# a farofa de cachaça. m seguida $assar $ela cabeça da $essoa o morim branco lim$ando e
$edindo a /0al& "ue abra os caminhos da $essoa. 8es$achar !udo na ma!a fechada. 8ar na $essoa# um
banho de ab do !em$o. 8efumar a $essoa e a casa. %rriar numa ma!a aber!a ou Candombl em "ual"uer
dia da semana# e0ce!o se0!afeira no hor&rio "ue melhor lhe convier.

EBÓ PARA AFASTAR UMA PESSOA DE NOSSO CAMINHO

Material Necessário:
(= folhas da cos!a +saião,; azei!e de oliva; farinha de mesa; cinza de fogão de lenha; (= $edaços de carvão.
Maneira e Fa!er:
Fri!ar as se!e folhas da cos!a no azei!e de oliva com o nome da $essoa# fazer uma farofa de azei!e de oliva
com o nome da $essoa# fazer se!e bolos da cinza de fogão de lenha# fazer se!e bolos de farinha com carvão.
%rrumar os bolos de farinha e os se!e bolos de cinza e des$ejar em cima de !udo# as folhas da cos!a e o
azei!e de oliva. Fazer den!ro de casa duran!e o dia numa segundafeira.

EBÓ PARA SUMIR OU SEPARAR PESSOAS

Material Necessário:
(= folhas de cansanção; (1 alguidar vidrado; (= nomes da $essoa; azougue em "uantdade; $ de
corredeira.
Maneira e Fa!er:
nrolar em cada folha de cansanção os se!e nomes escri!os da $essoa. 8ei0ar debai0o dos $s de 0u a!
secarem. Colocar os azougues e levar $ara uma encruzilhada. 7ocar fogo jun!o com o $ de corredeira.
%rriar numa encruzilhada de barro duran!e o dia numa segundafeira.

EBÓ I/U

Material Necessário:
(1 "uilo de feijão $re!o; (1 frango branco; (1 "uilo de farinha de mandioca; (1 "uilo de canjica; (1 "uilo de
feijão fradinho; ois $aco!es de creme de arroz; (= moedas corren!es; (2 $aco!es de velas brancas; (1 me!ro
de murim branco; (1 me!ro de murim vermelho; (1 me!ro de murim $re!o; (1 alguidar grande; verduras;
(1 re!roz de linha branca; (1 re!roz de linha vermelha; (1 re!roz de linha $re!a; (1 car!ucho de $olvora; (1
$emba branca; (1 $eça de rou$a usada; azei!e de dende; (1 li!ro de cachaçaE (= me!ros de corda de
$rumo; (= $ra!os rasos de louça branca; Q "uilo de acm; Q "uilo de bucho; Q "uilo de !ri$as; o $aco!es
de cadarço; (= me!ros de chi!a +sendo 1 me!ro de cada com $adrSes diferen!es,; (= $edaços de cana; (=
ovos; (= ovos; incenso de igreja.
Maneira e Fa!er:
7raçar no chão um circulo# com a $emba branca. Colocar no meio a $essoa e em fren!e o alguidar# $assar no
cor$o da $essoa# obedecendo a seguin!e ordem o seguin!e*

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
1. /feijão $re!o cozido e !orrado.
2. /ferecer a $essoa o frango branco# $ara "ue ela $eça !udo "ue "uiser no ouvido do frango.
. :acri)car o frango a!ravs de esganadura e coloc&lo no alguidar.
4. -assar $elo cor$o da $essoa o feijão fradinho cozido e !orrado.
5. -assar dez bolas fei!as com o creme de arroz "ue serão $assadas no cor$o da $essoa.
. n!regar a $essoa as se!e moedas $ara "ue a $essoa $asse $elo cor$o e colo"ue no alguidar.
=. n!regar as se!e velas $ara "ue a $essoa $asse $elo cor$o# "uebreas e jogue no alguidar.
O. Colocar os $edaços de !ri$a# assm e bucho den!ro de um $edaço de morim vermelho e $assar no
cor$o da $essoa e colocar no alguidar.
3. n!regar as verduras cor!adas a $essoa $ara "ue ela v& $assando no cor$o e colo"ue no alguidar.
1(. n!regar os re!rozes de linha $ara "ue a $essoa v& desenrolando e colocando no alguidar.
11. <asgar a rou$a usado e colocar no alguidar.
12. Fazer duas farofas# uma de azei!e de dende e ou!ra de cachaçae en!rega a $essoa $ara ir $assando
no cor$o e colocar no alguidar.
1. >a!er na $essoa com a corda de $rumo e colocar no alguidar.
14. -assar os $ra!os no cor$o da $essoa e "uebrar. Colocar os cacos no alguidar.
15. -assar os $aco!es de cadarço e colocar no alguidar.
1. :acudir a $essoa com os $edaços de chi!a e colocar de lado.
1=. -assar os se!e $edaços de cana no cor$o e colocar no alguidar.
1O. /ferecer os ovos a $essoa e $assar no cor$o sem "uebralos e colocar no alguidar.
13. -re$arar os se!e $acotnhos de $olvora e colocalos em vol!a da $essoa e "uando es!ourar a $essoa
dever& se sacudir !odo o cor$o.
2(.  nvolver o alguidar com os se!e me!ros de chi!a e des$achar numa ma!a fechada T noi!e.
21. 8ar a $essoa um banho de ab de /gum# incensar a $essoa dei0andoa descansar. 8e$ois mandalo
$ara casa. <esguardo de !rs dias sem relaçSes se0uais e sem bebida alcoolica.

Fazer es!e eb num !erreiro de candomble em um hor&rio "ue melhor lhe convier em "ual"auer dia da
semana e0ce!o se0!afeira.

OFERENDA A "ANS,N ONIRA PARA REA%I)AR BONS NE&ÓCIOS

Material Necessário:
(1 abobora moranga; (4 buzios aber!os; (4 nozmoscadas; (4 moedas; (4 me!ros de )!a branca e
vermelha; um sa"uinho de morim branco; um $a$el com seu nome e o da $essoa com "ue "uer realizar o
negcio; mel de abelhas.
Maneira e Fa!er:
Cor!ase a abobora moranga em cima e colocase !udo den!ro do saco# colocando# em seguida# o saco
den!ro da abobora. Fechase a abobora e amarrase com )!as brancas e vermelhas. Colocase no al!o de um
morro en!regandose a ansãn /nira $elos caminhos de /bar&. %rriar num al!o do morro duran!e o dia em
uma "uar!afeira.

OFERENDA PARA O&UM PEDINDO DINHEIRO E PRO&RESSO

Material Necessário:
(1 "uilo de feijão fradinho; (1 alguidar; mel de abelhas.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
7orrar um "uilo de feijão fradinho# colocar no alguidar $edindo $ro!eção# $rogresso e dinheiro# e "ue /gum
ajude a achar bons caminhos. Colocar bas!an!e mel em cima. %rriar an!es do sol nascer de uma segunda
feira. % oferenda !er& melhor efei!o se colocada em uma linha de !rem numa subida.

OFERENDA A OBA%UA"I( PARA AFASTAR IN.E#A E O%HO &RANDE

Material Nescessário:
(1 "uilo de milho alho; (1 alguidar mdio; 1( orogbs; 1( moedas; 1( favas de olho de boi.
Maneira e Fa!er:
s!ourar o milho e colocar no alguidar. Colocar em cima os orobs $assando um a um no cor$o. m seguida
$assar as moedas# as favas e colocar no alguidar em cima dos doburu. s!a oferenda !em a )nalidade de
segurar a casa con!ra o mal# afas!ando da casa e seus moradores. Fazer den!ro da casa de candombl em
duran!e o dia numa se0!afeira.

EBÓ PARA AFASTAR DOEN+A E DESASTRE CAUSADO POR E&UN

Material Necessário:
?orim branco# maior do "ue a al!ura da $essoa; ( "uilos de canjica; 1 rosas brancas; (O velas; (1 $ombo
branco.
Maneira e Fa!er:
Ievar o morim +na casa ou hos$i!al, e fazer a $essoa dormir uma noi!e em cima. 6o dia seguin!e $assar o
$ombo no cor$o da $essoa e retrar o morim. mbrulhar o $ombo no morim e levar $ara o ma!o em lugar
"ue !enha rio. %rriar o morim e cobrilo !o!almen!e com a canjica e enfei!ar com rosas. %cender as velas e
 jogar +sol!ar o $ombo se ainda estver vivo,# fazendo com "ue o $ombo v& $ara o ou!ro lado do rio. 8izer o
seguin!e* ofereço este pombo, esta vida a Oxalá, por misericórdia, em troca da vida de.... (dizer o nome).
Se67na 8arte R !rs dias de$ois dar uma mesa fria $ara gun# com !udo "ue boca come. %rriar o ban"ue!e
de gun em cima do morim branco# sacri)car um frango brango e $e"ueno# em cima de !udo e acender
velas brancas.
Terceira 8arte R no dia seguin!e oferecer um eb bem grande a 0A.
'7arta 8arte R oferecer dois ebs bem grandes a /0al&* na ma!a e arriado em casa.
O9s ; R em casos de gravidade em "ue /0al& !oma con!a# de acordo com o jogo# $rinci$almen!e "uando a
doença ou desas!re são causados $or carrego de gun.
O9s < R de$ois "ue a $essoa melhorar dar um >orK com$le!o e de$ois dar comida ao /ri0& da $essoa.
Fazer em "ual"uer lugar duran!e o dia numa se0!afeira.

EBÓ PARA UMA PESSOA SUMIR DE NOSSO CAMINHO

Material Necessário:
(1 "uilo de feijão fradinho; o nome da $essoa; azei!e de dende; (= $imen!as da cos!a; (= $imen!as
malague!as.
Maneira e Fa!er:
Fazer um acaç& de feijão fradinho# colocar o nome da $essoa den!ro da massa# fri!ar um acaç& grande no
azei!e dende# colocar as $imen!as da cos!a e as malague!as socadas. Colocar em uma encruzilhada fechada#
$edindo $ara "ue 0u %rranca Fogo suma com a $essoa. %rriar numa encruzilhada no hor&rio "ue melhor
lhe convier numa segunda# "uar!a ou "uin!afeira.

EBÓ PARA TR)ER PESSOA AUSENTE

Material Necessário:
( me!ros de chi!a; Q "uilo de milho vermelho; 14 velas; (1 es!eira; Q "uilo de feijão $re!o; (1 $aco!es de
velas; canjica cozida; uma tjela branca.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
8ei!ar nu enrolado de chi!ão# acender as velas em vol!a do cor$o# colocar $er!o den!ro de um alguidar#
feijão $re!o !eme$rado $ara /baluaUi. %s velas são $assadas no cor$o an!es de acender. %rriar no dia
seguin!e num ma!o verde# !udo den!ro do chi!ão. Fazer um eb +canjica cozida,# colocar den!ro da tjela
branca com o nome da $essoa den!ro. 8ei0ar a!r&s da $or!a da casa# chamando o nome da $essoa duran!e
se!e dias. Fazer numa ma!a verde duran!e o dia numa segundafeira.

OFERENDA A OXA%$ PARA PROSPERIDADE

Material Necessário:
1 acaç&s brancos; (1 vela de = dias branca.
Maneira e Fa!er:
Colocar na tjela branca dezesseis acaç&s# $edindo a /0al& ajuda e melhora de vida# colocar em cima do
!elhado# $edindo "ue /0al& o ajude e eleveo bem al!o. %cender a vela den!ro de casa. %0. Fazer den!ro de
casa numa se0!afeira duran!e o dia.

EBÓ PARA OXOSSI PARA OBTER DINHEIRO SA5DE E PROTE+,O

Material Necessário:
(1 alguidar de barro; milho vermelho cozido; (O acaç&s brancos.
Maneira e Fa!er:
Colocar no alguidar o milho vermelho cozido e os acaç&s em vol!a +acaç& mole,. 8ei0ar o cen!ro aber!o e
colocar as moedas em cima do mingau e "uando mudar colocar &gua# dei0ando bem mole# sal$icar no
"uin!al dizendo o seguin!e* /0ossi* ajeum +comida e far!ura,# /D* bas!an!e clien!es $ara meu !erreiro# /d*
saAde e $ro!eção. Fazer no !erreiro de candomble num hor&rio "ue melhor lhe convier numa "uin!safeira.

EBÓ PARA XAN&- ABRIR OS CAMINHOS

Material Necessário:
( galhos de $ara raios; (1 car!ucho de $olvora e (1 me!ro de morim branco.
Maneira e Fa!er:
-assar na casa onde reside os !res galhos de $ara raios $edindo a 9ang# :enhor da Pustça "ue lhe defenda
das demandas. m seguida vemse varrendo a! o $or!ão da rua e dei0ase os galhos no chão. Fazse en!ão#
"ua!ro $on!os de fogo# com a $olvora em cima das folhas dizendo o seguin!e* es!ou livre de !odas as
demandas. %bra bem os braços e gri!e* Pustça# Pustça# Pustça. %$ague os $on!os de fogo com &gua dizendo
o seguin!e* "uem a$aga o fogo  a &gua. mbrulhe !udo e colo"ue no ma!o $edindo mais uma vez Pustça#
Pustça# Pustça. Fazer den!ro de casa num hor&rio "ue lher convier numa "uar!afeira.

EBÓ DE XAN&- PARA C%AREAR A .IDA

Material Necessário:
12 "uiabos in!eiros; 12 "uiabos bem )nos; (O "uiabos cor!ados em las"uinhas; cebola; camarão seco; um
$ouco de sal;azei!e doce;; (1 tjela oval branca de louça; (1 vela branca.
Maneira e Fa!er:
-re$arar os "uiabos com cebola ralada# camarão seco# sal# azei!e de oliva e &gua. Colocase es!e amal& na
tjela oferecendo a 9ang $edindo $ara elevar sua vida. s!e eb $ode ser oferecido acima de nossa cabeça#
na cumeeira da casa ou em cima de uma $edreira $edindo a 9ang o "ue desejar. %cender a vela branca.
%rriar numa $edreira a noi!e numa "uar!afeira.

PRECEITOS PARA SE APANHAR AREIA OU OUTRAS COISAS NO CEMIT*RIO

Maneira e Fa!er:
s!ar de cor$o lim$o. %cender uma vela de se!e dias $ara o anjo de guarda da $essoa. %cender uma vela no
cruzeiro. %cender uma vela $ara o dono do cemi!rio $edindo licença $ara a$anhar o "ue "uiser. %cender

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
uma vela $ara /baluaUe e /mulu. %cender !rs velas $ara o dono dos ossos# os guns. ?elhor $ $ara
!rabalho  $ "ue )ca na ca!a!umba. Fazer numa segundafeira a noi!e.

EBÓ PARA DESCARRE&AR UMA CASA SOB A PROTE+,O DE XAN&-

Material Necessário:
(1 alguidar; (1 abobora moranga; (= "uiabos; (= laranjas $era; (= $eras; (1 me!ro de morim vermelho; (1
vela de se!e dias.
Maneira e Fa!er:
8en!ro do alguidar colocase a abobora e ao redor as laranjas# as $eras e en!re cada laranja colocase um
"uiabo. Muando as fru!as forem a$odrecendo colocase fora. Ievan!ase o eb de$ois de doze dias e
des$achase na ma!a. s!e eb )ca em cima de um $ano vermelho. %cender uma vela de se!e dias e colocar
no can!o da casa. Fazer numa "uar!afeira duran!e o dia.

PARA PROTE&ER AS PESSOAS DE CASA CONTRA EBÓS

Material Necessário:
Canjica cozida; (1 tjela de louça branca; (1 vela de se!e dias e mel de abelhas.
Maneira e Fa!er:
-re$arar uma canjica $ara /0al&# colocar na tjela# acender a vela de se!e dias# colocar na tjela os nomes
das $essoas da casa $or cima. <egar com mel. Colocar em um can!o da casa. %$s o setmo dia des$achase
na ma!a e faz um ou!ro. Fazer den!ro de casa a noi!e de uma se0!afeira.

PÓ PARA O MA% SOB A INF%U(NCIA DE EX5

Material Necessário:
(1 sa$o vivo e grande; !erra de se!e ca!a!umbas; !erra de se!e encruzilhadas; cebo de boi; uma andorinha
viva; um cachorro dG&gua vivo; !erra de cemi!rio; ras$a de canela de defun!o +homem,; $imen!a da cos!a;
$imen!a malague!a; ras$a de chifre de veado; ras$a de bambu; folha de corredeira $re!a; folha de $imen!a
trada ao meiodia; (1 cogumelo $re!o.
Maneira e Fa!er:
-rimeiro fazer um fogo de lenha e colocar a $anela. Colase os bichos vivos $ara !orrar. -rimeiro !orrase o
sa$o com a s$imen!as# de$ois v& colocando o res!an!e do ma!erial. -assase numa $eneira e o "ue for
res!ando colase na $anela $ara !orrar a! reduzir !odo o ma!erial em $. s!e $  fei!o com 0u comendo.
@s!o # sacri)case um galo $re!o e arreiase uma farofa de dende e velas acesas Can!ase bas!an!e $ara 0A
a! !erminar o $. Fazer na casa de e0A ao meio dia em $on!o de uma segundafeira.

EBÓ PARA O MA% SOB A INF%U(NCIA DE UM EX5

Material Necessário:
'm bode de cor $re!a e velho; $imen!a da cos!a; azei!e de dende; o re!ra!o da $essoa "ue "uer o mal.
Maneira e Fa!er:
:acri)case o bode na casa de 0A. Colocase o re!ra!o na boca do bode e o nome da $essoa e falase o
seguin!e* “quero que fulano de tal andar como andar andou, rolar como rolar rolou, penar como penar 
 penou”. Fazer na casa de e0A ao meio dia em $on!o numa segundafeira.
EBÓ PARA AFASTAR O .4CIO DE ROUBO OU DE #O&O DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(2 !oalhas de ros!o novas; (1 me!ro de cadarço; (1 alguidar; (2 me!ros de morim branco; (1 galo
vermelho; (1 acaç& branco; (1 farofa de azei!e dende.
Maneira e Fa!er:
% $essoa deve en0ugar as mãos !rs dias em duas !oalhas de ros!o. %s !oalhas serão amarradas com um
cadarço e colocadas den!ro de um alguidar. -assase dois $edaços de morim branco em forma de buchas
nos $s de 0A. -assase o galo na $essoa e sacri)case $ara 0A +colocase s a cabeça no assen!amen!o,. %

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
$essoa dever& es!ar nua e com o morim nas mãos. m seguida vai se "uebrando os $s e as asas do galo em
cima das !oalhas. <etre o morim das mãos da $essoa e colocase em cima de 0u. -assase na $essoa o
acaç& branco e uma farofa de azei!e de dende. 8es$achase na rua. s!e b  $ara afas!ar vicio de roubo e
 jogo. :e melhor um $ouco e não resolver !em "ue des$achar o /du /di e o /du /ss&. m seguida afas!ase
o anjo de guarda da $essoa e colocase /0al& de fren!e. Fazer na casa de e0A no hor&rio diurno de uma
segundafeira.

PARA PRENDER FI%HO DE SANTO NA CASA

Material Necessário:
(1 "uartnha de barro $e"uena com !am$a; (1 $ouco de cabelo de cada )lho de san!o "ue deseja $render
no !erreiro; (1 garra)nha de mel; (= moedas corren!es; (= favas de imburana.
Maneira e Fa!er:
n!errar na $or!a do ronc ou na $or!ão do 7erreiro com a !am$a. 7odas as vezes "ue "uiser colocar mais
alguma coisa desen!erre. -ara desfazer bas!a desen!errar e des$achar em &gua corren!e. Fazer no !erreiro
de candombl no hor&rio no!urno em "ual"uer dia da semana.

EBÓ PARA %I.RAR UMA PESSOA DA DOEN+A E MORTE

Material Necessário:
(1 !ravessa de barro vidrada; ( folhas de bananeira; (3 velas brancas; (1 $edaço de lombo $aulis!a; um
$edaço de morim branco; folha de :ão Vonçalinho; azei!e dende e mel de abelhas.
Maneira e Fa!er:
-assar no cor$o da $essoa a carne e as velas. 8e$ois $assar as folhas de :ão Vonçalinho e "uebrar em !rs
$ar!es. Can!ase cantgas de eb. n!regar no mar com a mar vazan!e e $edir ao dono do mar "ue livre a
$essoa da doença e da mor!e. Colocar den!ra da !ravessa de barro a carne e cobrir com o morim# como se
fosse um defun!o. %cender as velas ao redor e colocar $or cima do lombo o azei!e e o mel de abelhas. Fazer
numa $raia duran!e o dia numa segundafeira.

TROCA DE CABE+A

Material Necessário:
(1 cabra de cor clara com os $s branco# (4 bichos de $enas.
Maneira e Fa!er:
/ sacri)cio  fei!o a meia noi!e# na $or!a de um cemi!erio e en!regar aa >aba @Du# :enhor da ?or!e. :e a
$essoa for fei!a no san!o abrir o ori da cabraEbode vivo e batzase com o nome da $essoa $edindo $ara "ue
não morra. Faz isso sob a luz de mui!as velas. Nes!ese o bicho e ma!a sangrando o animal dei0ando o
in!eiro. /ferecer em !roca da vida da $essoa. s!a obrigação  fei!a $or um babalori0& com mais de
"ua!orze anos de san!o fei!o e com as obrigaçSes em dia. -or!ão do cemi!rio a meia noi!e de uma
segundafeira.

EBÓ PARA EN%OU'UECER UMA PESSOA

Material Necessário:
(2 galos vermelhos; (1 garrafa de cachaça; o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
-ercorrer se!e ca!a!umbas# na se0!a ca!a!umba en!errar o galo vivo com uma garrafa de aguarden!e. 6a
stma sacri)car o galo colocandose o nome de "uem "uer $rejudicar. Cuidado es!e eb $ode causar o
desencarne da $essoa. Fazer no cemi!rio as 1Oh(( de uma segundafeira.

EBÓ PARA DEIXAR UMA PESSOA %OUCA

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
(1 cabri!o $re!o; o nome da $essoa; azei!e dende; cachaça; (= velas $re!as.
Maneira e Fa!er:
:acri)case o cabri!o vivo aos $oucos# na casa de 0u a! o bicho morrer e vaise chamdno o nome da
$essoa. $ois dividese o cabri!o e $edaços e leva ao cemi!rio $ara en!errar a meia noi!e em $on!e. Fazer
no cemi!rio a meia noi!e de uma segundafeira.

DESPACHANDO=SE UM EBÓ DE.O%.ENDO PARA 'UEM MANDOU

Material Necessário:
(1 vela branca.
Maneira e Fa!er:
-egase a vela branca e "uebrase em !rs $edaços sem cor!ar o $avio. %cender ao lado con!r&rio $edindo
$ara devolver o !rabalho $ara "uem o mandou. Fazer den!ro de casa no hor&rio diurno de uma segunda
feira.

EBÓ PARA DEIXAR UMA PESSOA %OUCA

Material Necessário:
(1 miolo de boi fresco; (1 alguidar ou $anela de ferro; $imen!a da cos!a socada; $imen!a malague!a;
azougue em "uantdade; azei!e dende; (= folhas de fogo e o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Ferver !udo com bas!an!e dend# colocar o miolo de boi den!ro# en!regar ao meio dia# em uma
encruzilhada. Fazer numa encruzilhada no meio dia de uma segundafeira.

EBÓ DE %4N&UA PARA CA%AR A BOCA DOS FA%ADORES

Material Necessário:
(1 lingua de boi; (1 cadeado $e"ueno; nomes dos faladores escri!o no $a$el21 al)ne!es virgens; (1
boneco; 21 $imen!as malague!as; cachaça; (1 cebola; farofa de azei!e dende; ( $edras de carvão; (1
$aco!e de velas $re!as; (1 alguidar de barro.
Maneira e Fa!er:
Colar a farofa no alguidar com as !res $edras de carvão. %brese a lingua e faz um !unel e na $on!a abrese
uma cavidade $ara se fechar com o cadeado. n)ase os vin!e e um al)ne!es na cabeça do boneco e coloca
se den!ro da lingua jun!o coms os nomes dos faladores. Pun!ase as $imen!as socadas# a cachaça e o azei!e
de dende. 8e$ois de colocado o boneco e o ma!erial fechar com o cadeado# trase a chave do mesmo $ara
 jogar no cemi!rio. -egase a lingua e levase ao fogo a! ferver no azei!e de dend. <etrase do fogo e
colcase em cima da farofa de dende com se!e rodelas de cebola crua. Colocase na casa de 0A jogandose
em cima bas!an!e cachaça. %cendese as velas $re!as ao redor na in!enção das $essoas "ue es!ão
$rejudicando. s!e eb  oferecido a 0A do :ilncio. 8ei0ar na casa de 0u $or se!e dias. 8es$achase em
uma encruzilhada aber!a. Fazer na casa de e0A ao meio dia numa segundafeira.

CANTI&A PARA TIRAR EBÓ

bó, ebó beruló


Orixá co!umad"
bó de #un de mux"
$eruló.

O9s: es!a cantga  trada "uando se $assa os bolinhos de farinha# verdura cor!adas# ovos# carne seca#
$e$ino cor!ado# bife de carne# galinha ou $ombo.

EBÓ PARA AFASTAR E&UN

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
(1 "uilo de farinha de mandioca; azei!e dende; mel de abelhas; cachaça; $edaços de carvão; (1 $e$ino; (1
cenoura; (1 re$olho; (1 couve; (1 $edaço de carne; ovos; doburu; feijão $re!o !orrado; (1 $aco!e de velas;
(1 me!ro de morim branco; (1 me!ro de morim $re!o; folhas de aroeira; $olvora; (1 $ombo branco.
Maneira e Fa!er:
-ela ordem $assar no cor$o do clien!e

1. Farofa de dende.
2. Farofa de mel.
. Farofa de cachaça.
4. / $e$ino cor!ado.
5. % cenoura cor!ada.
. / re$oulho cor!ado.
=. % couve cor!ada.
O. / $edaço de carne.
3. /s ovos.
1(. / doburu.
11. / feijão $re!o.
12. %s velas.
1. :acudir com as folhas de aroeira.
14. / $ombo  $assado no cor$o da $esso e $edese $ara cus$ir no bico e sol!alo vivo.
15. -assar o morim branco na cabeça como se estvesse lim$andoo.
1. -or ultmo fazer se!e !rouchinhas de $olvora e es!ourar e $edir "ue a $essoa se sacuda.
1=. 8ar um banho de ab ou ervas frescas.
1O.  nrolar !udo no morim $re!o e des$achar numa ma!a fechada.

Fazer es!e eb den!ro de casa em "ual"uer hor&rio numa segundafeira. es!e eb  fei!o na lua minguan!e.
<esguardo !o!al de !rs dias. 8uran!e o resguardo !omar banho de ab ou de ervas frescas.

EBÓ DE AMARRA+,O

Material Necessário:
(1 tjela branca; (1 vela de se!e dias branca; mel de abelhas.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ra da tjela# escri!o se!e vezes# o nome do homem e da mulher# colocar $or cima bas!an!e mel#
acender uma vela de se!e dias. Fazer den!ro de casa no hor&rio diurno em "ual"uer dia da semana.

OFERENDA E PEDIDO A OXOSSI

Material Necessário:
( es$igas de milho verdes cozidas; ( es$igas de milho verdes crus; (4 maçãs verdes; (4 $edaços de
ra$adura; (1 garrafa de vinho mosca!el; (1 $edaço de fumo de rolo; (1 garrafa de agua mineral; (1 alguidar
de barro.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar as es$igas cozida# as es$igas cruas# as maçãs# os $edaços de ra$adura# o fumo de
rolo# um $ouco de &gua mineral sem g&s. Colo"ue $or cima de !udo e o vinho mosca!el. Fazer numa ma!a
aber!a duran!e o dia de uma "uin!afeira.

PÓ PARA AMARRA+,O OU UNI,O

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
'ma raiz de danda da cos!a.
Maneira e Fa!er:
<alar o danda e so$rar na $essoa "ue se "uer amarrar sem ela ver. 8en!ro de casa no hor&rio "ue lhe
convier numa segundafeira.

TRABA%HO DE AMARRA+,O SOB A INF%U(NCIA DOS (R(S

Material Necessário:
(1 maçã vermelha; mel de abelhas; um $ires de louça branca; o nome do casal.
Maneira e Fa!er:
Colocar a maçã aber!a com o nome do casal $or cima. <egar com mel de abelhas. 8e$ois de !rs dias
des$achar numa ma!a. Fazer es!e !rabalho den!ro de casa em "ual"uer hor&rio e "ual"uer dia da semana.

TRABA%HO PARA AMANSAR UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 $ires virgem; azei!e dende; (1 vela branca; nome da $essoa escri!o em $a$el branco.
Maneira e Fa!er:
Colocar o $a$el com nome da $essoa# o nome da $essoa riscada com a unha na vela. %cender a vela ao
con!r&rio. -Se em cima do $a$el e es!e no $ires e em redor azei!e dende. Fazer den!ro de casa em "ual"uer
hor&rio em "ual"uer dia.

EBÓ PARA SEPARAR UM CASA%

Material Necessário:
(1 cebola; o nome do casal; cachaça; (1 vidro de boca larga; um $ires branco; (1 vela branca.
Maneira e Fa!er:
%brir a cebola e trar o miolo# colocar o nome do casal den!ro de cabola# fechar e colocar a cebola com as
raizes $ara bai0o. Colocar a cebola no vidro e $or cachaça na cebola com os nomes. 7am$ase com o $ires e
acendese a vela de cabeça $ara bai0o. Fazer den!ro de casa as (h(( da !arde em "ual"uer dia.

OFERENDA A "AS,N PEDINDO MISERICÓRDIA

Material necessário:
(1 !ravessa de louça branca oval; 1 es$igas de milho verdes cozida em uma $anela de barro virgem; (1
!aça de vidro branco; (1 garrafa de vinho mosca!el; (1 !oalha branca; (= me!ros de cetm de cores
diferen!es com os dois lados brilhan!es; 1 rosas +sendo (= vermelha e ( amarelas,; (1 cai0a de fosforos;
(1 barandão grande.

Maneira e Fa!er:
s!enda a !oalha no bambuzal# tre as $alhas do milho e forre a !ravessa de barro. Colo"ue bas!an!e mel. %s
es$igas deverão es!ar com as $on!as $ara fora. ncha a !aça de vinho e dei0ar ao lado. Faça um le"ue com
as )!as coloridas. %cenda a vela e dei0e a cai0a de fosforo ao lado. nfei!ar com as Bores. -edir a ansãn
misericrdia# $az e $ros$erida. %rriar em bambuzal duran!e o dia numa "uar!afeira.

EBÓ PARA ARRA)AR A .IDA DE UMA PESSOA SOB A INF%UENCIA DE EX5

Material Necessário:
(1 amal& "ue se faz $ara 9ang; nome da $essoa den!ro.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Fazer o amal& e ainda "uen!e colocar o nome da $essoa den!ro e en!regar a 0A. Chamar $elo nome da
$essoa# colocando novamen!e o nome e se for )lho de san!o chamar $elo nome ou barco. Fazer numa casa
de e0A no meio dia em $on!o numa segundafeira.

EBÓ DE SEPARA+,O SOB A INF%U(NCIA DE EX5

Material Necessário:
(2 miolos de boi; (2 alguidar; (1 garrafa de alcool; $imen!a da cos!a; $imen!a do reino; folha de corredeira
e azei!e de dend.
Maneira e Fa!er:
Cozinhar os miolos no azei!e dende e em sentdo con!r&rio# colo"ue nos alguidares com os nomes sem$re
de cos!as um ao ou!ro den!ro dos ingredien!es. -edir a 0u $ara se$arar o casal. /fereça a 0u um $resen!e
ser for alcançado o "ue se desejar. Fazer numa encruzilhada ao meio dia em $on!o em uma segundafeira.

OFERENDA A EXU MARIA PADI%HA PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Material Necessário:
(= rosas vermelhas; (1 chamanhe; ( acaç&s brancos; uma farofa de dende; (1 me!ro de cetm vermelho;
(1 vu negro; (= velas vermelhas; (1 cai0a de fosforos; (1 maço de cigarros e (= cigarrilhas.
Maneira e Fa!er:
Colocar na encruzilhada o cetm vermelho# em cimna do mesmo colocar as rosas# a cham$anhe# os acaç&s
em cima da farofa# o vu negro. %cender as velas ao redor com cuidado $ara não $egar fogo no cetm. %brir
o maço de cigarros e es$alhar sobre a farofa. %cender !rs cigarrilhas e colocar $or cima de !udo. 8ei0ar a
cai0a de fosforos ao lado. -edese o "ue "uiser a ?aria -adilha. Fazer numa segundafeira a maia noi!e em
$on!o.

CANTI&A PARA ATRAPA%HAR OS CAMINHOS DE NOSSOS INIMI&OS


0Fa!er e> 7> ia e se67na=?eira1

SIANINHA %O&OD( CAD( E E A


SIANINHA DO BA%ACU#$
SIANINHA %O&OD(
 0i!er os no>es os ini>i6os1
CASSIANO COMO SI
SIANINHA %A&OD( $
SIANINHA DO BA%ACU#$
 0i!er os no>es os ini>i6os1

EBÓ PARA DAR UMA SURRA EM A%&U*M SOB A INF%U(NCIA DE DONA MARIA PADI%HA

Material Necessário:
( ou (= garrafas de cachaça; o nome escri!o de !r&s $ra fren!e; $imen!a da cos!a em $; $imen!a
malague!a; fava de bejerecum; (1 vela; (1 moeda corren!e.
Maneira e Fa!er:
Colocar o nome nas garrafas de cachaça e o res!an!e dos ingredien!es. n!errar em um manguezal de
cabeça $ara bai0o# em cada garrafa. mbai0o de cada garrafa em moeda corren!a. %rriar em um manguezal
ao meio dia de uma segundafeira.

EBÓ PARA AFASTAR UMA PESSOA INDESE#$.E%

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
(1 $inha e o re!ra!o da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Colocar o re!ra!o da $essoa den!ro da $inha# com o $edido "ue "uiser fazer# colocar !udo em al!o mar.
Colocar em al!o mar no hor&rio "ue melhor lhe convier numa segundafeira.

EBÓ DE AMARRA+,O SOB A INF%UENCIA DE POMBA &IRA CI&ANA

Material Necessário:
(= $imen!as da cos!a; (2 miolos; ( agulhas virgens; (1 garrafa de um bom vinho; (1 vidro de $erfume de
boa "ualidade; (= rosas vermelhas; (1 me!ro de )!a $re!a; (1 me!ro de )!a vermelha; ( velas vermelhas;
(1 maço de cigarros; (1 "uilo de canjiga; (2 cai0as de fosforos; (1 vidro de azougue; (1 vaso $in!ado de
vermelho.
Maneira e Fa!er:
Colocar os miolos e o res!an!e do ma!erial. 8ei0ar 21 dias nos $s de -omba Vira Cigana e )rmando !odos
os dias com velas. %$s 21 dias $lan!ar uma arvore "ue não !enha es$inhos den!ro do vaso. Fazer numa
casa de e0A as 1Oh(( na segundafeira.

EBÓ DE EX5 PARA AFASTAR INF%U(NCIAS NE&ATI.AS

Material Necessário:
(1 galo $re!o; verduras de !odas as "ualidades; (1 $edaço de carne seca; (11 $edaço de carne de $orco
salgada; (= bolinhos de farinha com &gua e carvão; (= farofas de azei!e dende; (= farofas de mel; (= velas
brancas; (1 me!ro de morim branco; doburu; feijão $re!o cozido; feijão $re!o !orrado; galhos de aroeira.
Fazer no cemi!rio de meia noi!e de uma segundafeira.
Maneira e Fa!er:
-assar $elo cor$o do clien!e !odos os ingredien!es acima discriminados# obedecendo a mesma ordem.
8ei0ar !udo no local "ue )zer o eb. Ievar a $essoa $ara casa e dar um banho de ab ou ervas frescas. Fazer
no cemi!rio de meia noi!e numa segundafeira.

EBÓ DE E&UM PARA AFASTAR INF%U(NCIAS NE&ATI.AS

Material Necessário:
7odo ma!erial do eb de 0A acrescen!ando um casal de galinhas brancas. :eguir a mesma ordem. 7erminar
com a esganadura dos bichos. Fazer num cemi!rio numa segundafeira de maia noi!e.

BANHO DE ATRA+,O SOB A IN%U(NCIA DE OXUM


Material Necessário:
Cravo da india; erva doce; $a!choulU; sandalo.
Maneira e Fa!er:
Fazer um banho e !omar de cor$o in!eiro. Fazer den!ro de casa em "ual"uer hor&rio em um dia s&bado.
EBÓ DE AMARRA+,O

Material Necessáro:
(3 bolos de farinha e &gua; (1 vela de se!e dias; (1 coco in!eiro; (1 garrafa de azei!e dende; mel de abelhas
e cachaça.
Maneira e Fa!er:
screver o nome da $essoa# colocar den!ro do coco# em seguida trar &gua des!e# colocase cachaça# o mel#
o azei!e e !am$ase o coco. 8en!ro dos noves bolos de farinha# colocar o nome da $essoa# colocar em um
$ra!o a!r&s da $or!a# agi!ando sem$re o coco e chmanado o nome da $essoa. Conservar uma vesa acesa de
se!e dias acesa. :e!e dias de$ois des$achar na ma!a. Fazer den!ro de casa no hor&rio "ue melhor lhe
convier numa segundafeira.

EBÓ DE AMARRA+,O SOB A INF%U(NCIA DE OBA%UA"I( E NAN,

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
/molocum; ( ovos; doburu; $rião de $ei0e; (1 $ries de louça branca; (1 vela branca; azei!e dende; $a$el
branco com o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do omolocum com os !res ovos# o nome da $essoa "ue se "uer amarrar# ao lado o doburu e
o $irão de $ei0e# $or cima azei!e dend. %cender uma vela branca# no $ires branco. Fazer den!ro de casa ao
meio dia de uma segundafeira.

PARA ENFRA'UECER O AN#O DE &UARDA DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 vela branca.
Maneira e Fa!er:
screver na vela o nome da $essoa com a unha. Cor!ase a cabeça da vela e acende em sentdo con!r&rio ao
meio dia ou meia noi!e. 8es$achase em uma encruzilhada aber!a# numa segundafeira ao meio dia ou
meia noi!e. Fazer den!ro de casa ao meio dia ou meia noi!e da segundafeira.

EBÓ PARA SEPARAR UM CASA% SOB A INF%U(NCIA DE EX5

Material Necessário:
(1 coração de boi; (1 $aco!e de velas; (1 alguidar; $imen!a da cos!a socada; $imen!a malague!a; azei!e
dende; alcool; nome do casa.
Maneira e Fa!er:
%brir o coração e colocar o nome do casa# a $imen!a da cos!a# a $imen!a malague!a# azei!e dende# colocar
alcool# acender e dei0ar "ueimar !udo den!ro do alguidar den!ro da casa de 0u. -edir a 0u "ue se$are o
casal. Fazer na casa de e0u ao meio dia de uma segundafeira.

EBÓ PARA UNIR UM CASA%

Material Necessário:
(2 coraçSes de boi fresco; mel de abelhas; (1 vela branca; $alha da cos!a; dois $ali!os grandes de laranjeira;
(1 alguidar; nome do casal.
Maneira e Fa!er:
%brese uma das ar!erias do coração $or cima e colocase o nome den!ro. / ou!ro coração )ca in!ac!o.
Pun!ase os dois coraçSes den!ro do alguidar e a!ravessar com os $ali!os se$arados um mais acima do "ue o
ou!ro. -re$arase duas cordinhas com $alha da cos!a. %marrase os dois coraçSes# dandose um laço de
cada lado# a en!rada e saida do $ali!o. %rreiase es!e !rabalho no mesmo dia na ma!a ao $ de uma arvore
frondosa. %cendese !rs velas e fazse o $edido ao en!regar. Muando estver fazendo es!e !rabalho acender
uma vela no ronc. Nai se can!ando cantgas de /0ossi. Fazer no "uar!o do ori0& as (2h(( da manhã de uma
segundafeira.

XIM XIM DE EXU PARA OBTER UM PEDIDO IMPOSS4.E%

Material Necessário:
Q "uilo de bofe de boi; (1 cebola; $imen!a da cos!a; $imen!a malague!a; azougue; Q li!ro de azei!e de oliva;
Q li!ro de azei!e dende; sal grosso; (1 $anela de barro ou de ferro; carvão de lenha.
Maneira e Fa!er:
s!a comida  $re$arada den!ro da casa de 0u# com as $or!as fechadas# trandose cantgas de $ad.
%cendese o fogo e $oWese a $anela. -isa no $ilão as $imen!as# colocase o azei!e doce e as $imen!as#
cor!ase a cebola bem $icadinha# des$ejase o azei!e dende; colocase escri!o o $edido "ue se "uer fazer.
Cor!ase o bofe bem $icadinho# trandose as rami)caçSes dos bron"uios e !ra"ueias. Com um $edaço de
bofe# abrese no cen!ro e colocase o $edido# $assandose em seguida ra$idamen!e no fogo# en)ando o
garfo de 0u. 8es$ejase o 9im 9im# ainda "uen!e aos $oucos no assen!amen!o# fazendo o $edido e reserva

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
se uns $edaços# $ara en)ar nos den!es do !riden!e de 0u. :us$endese a obrigação com se!e dias e
en!errase numa encruzilhada. Fazer na casa de e0A ao meio dia de uma segundafeira.

EBÓ PARA TIRAR INF%U(NCIAS RUINS DE UMA PESSOA SOB INF%U(NCIA DE EXU

Material Necessário:
( ovos; (1 cebola; ( acaç&s brancos; (2 farofas de &gua; (2 farofas de azei!e dende.
Maneira e Fa!er:
-assar !udo no cor$o da $essoa e des$echar em uma ma!a fechada. Fazer den!ro de casa em "ual"uer
hor&rio em "ual"uer dia da semana e0ce!o se0!afeira.

UM &A%O PARA XAN&- A"R$ PARA CONSE&UIR UM EMPRE&O

Material necessário:
(1 frango branco e novo; 12 "uiabos; (1 cebola; camarão seco; azei!e de oliva; ( acaç&s brancos.
Maneira e Fa!er:
:acri)car o frango# trar as !ri$as e lim$ar bem o frango com os a0s# de$ois colocar os miudos den!ro da
barriga jun!o com os "uiabos# a cebola e os camarSes. Fechar com $ali!os e cozinhar no azei!e de oliva a!e
dourar. /ferecer o galo com os acaç&s em uma $edreira e $edir o "ue desejar a %Ur&. %rriar em uma
$edreira as (h(( da manhã de uma "uar!afeira.

EBÓ SERIPAP( 0SURRA1

Material Necessário:
1( "uiabos; mel de abelhas; vinho mosca!el; (1 casal de $ombos; o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
>a!er os "uiabos crus# com mel de abelhas# colocar de$ois vinho mosca!el# sacri)car o casal de $ombos em
cima da comida jun!os com o nome da $essoa. %rriar em uma ma!a fechada "ual"uer hor&rio em uma
segundafeira.

FEITI+O PARA DAR UMA SURRA EM UM FI%HO DE SANTO

Material Necessário:
(1 inhame da cos!a; (1 folha de cansanção.
Maneira e Fa!er:
Cozinhase o inhame da cos!a a! !ransform&lo em um mingau. <etre do fogo ainda "uen!e e des$ejase
sobre o :an!o aos. 8izendo $or "ue es!a fazendo isso. Colocase uma folha de cansanção. Nes!ese o /ri0& e
dase um surra de cansanção. Nes!ese o /rio0&# chamase $ara o barracão e es$alhase o milho vermelho
$elo chão# feijão fradinho !orrado ou ab. Colocase em cima do 0u# me de abelhas fervendo. 0u não
su$or!a. %rreiase $ei0e fresco em cima do 0u do )lho de san!o. 0u não su$or!a. Cobrir o assen!amen!o
do /ri0& do )lho um $ano $re!o# vermelho e ro0o. %cender uma vela ao lado. 'ma vez !omada "ual"uer
uma das at!udes o /ri0& sXo $ara de ba!er no )lho "uando o -ai $edir ag. Fazer no !erreiro de candombl
de madrugada numa segundafeira.

EBÓ PARA PRO.OCAR ACIDENTE EM UMA PESSOA SOB A INF%U(NCIA DE E&UM

Material Necessário:
(1 $ade de mel; (1 $ade de azei!e dende; (1 alguidar; (1 acaç& branco; o nome das $essoas; (1 galo carij.
Maneira e Fa!er:
8ividir as farofas em $ar!es iguais# den!ro do alguidar. Colocar em cima um acaç&. :acri)car em cima de
!udo o galo. Fazer em um cemi!rio ao meio dia em $on!o de uma segundafeira.

TRABA%HO PARA .IRAR O AN#O DE &UARDO DE UMA PESSOA

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
(1 vela; nome da $essoa; urina.
Maneira e Fa!er:
%cender a vela em cima do nome da $essoa e urinar em cima dizendo o seguin!e* o %njo de Vuarda de .......
+dizse o nome da $essoa, necessi!a de urina. Fazer em uma encruzilhada a meia noi!e de uma segunda
feira.

PARA .IRAR O AN#O DE &UARDA DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 bife cru; azei!e dende; (1 alguidar de barro; (1 me!ro de )!a vermelho; o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar o bife cru e $or cima o azei!e dende. / nome da $essoa  amarrado com a )!a
vermelha. %rriar no mangue a meia noi!e de uma segundafeira.

O9s* 1. n!regar a ?aria ?olambo.


2. n!regar no lodo ou mangue.

TRABA%HO PARA O MA% SOB A INF%UENCIA DE EX5

Material Necessário:
(1 casa de cu$im; uma $anela de barro; sal grosso; o nome da $essoa escri!o se!e vezes; (= velas $re!as.
Maneira e Fa!er:
Furase a casa de cu$im $or cima. Colocase na $anelinha o nome da $essoa escri!o se!e vezes# colocase
$or cima sal grosso. 8e$ois colocase a $anelinha den!ro da casa do cu$im. %cendese as se!e velas $re!as.
%rriar numa encruzilhada a meia noi!e de uma segundafeira.

EBÓ PARA IMPEDIR 'UE UMA PESSOA FA+A MA% A OUTRA

Material Necessário:
6ome da $essoa; (1 cebola; (2 $ires virgens; cachaça.
Maneira e Fa!er:
Colocase o nome da $essoa den!ro da cebola e fechar com os $regos. Colocar a cebola em cima do $ires e
colocar cachaça e cobrir com o ou!ro $ires. Fazer den!ro de casa em "ual"uer hor&rio da segundafeira.

EBÓ PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Material Necessário:
(1 me!ro de branco; (1 me!ro de morim vermelho e (1 me!ro de morim $re!o; (1 tjela de doburu; 21
acaç&s brancos; 21 velas; folha de for!una; folha da cos!a; bets cheiroso branco.
Maneira e Fa!er:
-assar !udo is!o no cor$o da $essoa e des$achar em uma ma!a fechada. 8ar um banho na $essoa# fei!o com
as folhas acima. Fazer no !erreiro de candombl duran!e o dia em uma segundafeira.

EBÓ DE AMARRA+,O SOB A INF%U(NCIA DE O&UM E OXUM

Material Necessário:
(1 coração de boi# com a gordura; vinho mosca!el; azei!e dend; mel de abelhas; &gua; (1 "uilo de canjica;
(1 alguidar; (1 $aco!e de velas.
Material Necessário:
Colocar den!ro do alguidar a canjica cozida# com os nomes do casal "ue "ueremos amarrar# colocar $or
cima o coração de boi em seguida o vinho mosca!el# o azei!e dend e o mel# sal$icar um $ouco de &gua e

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
acender as velas# em seguida fazer os $edidos. Colocar !udo na margem de um rio raso. %rriar na beira de
um rio raso duran!e o dia no s&bado.

COMIDA DE OSSAIM PARA OBTER UM PEDIDO IMPOSS4.E%

Material Necessário:
/nze ovos cozidos; (1 alguidar; azei!e dend e azei!e de oliva.
Maneira e Fa!er:
Colocar os ovos cozidos# as $on!as "uebradas den!ro do alguidar# cobrir com um $ouco de azei!e de oliva e
um $ouco de azei!e dend. %rriar na ma!a fechada em "ual"uer hora de uma "uin!afeira.

EBÓ PARA UNIR UM CASA%

Material Necessário:
(4 rosas vermelhas; (1 $aco!e de velas vermelhas; (1 dedal; uma farofa de azei!e dend; mel de abelhas; as
$!alas; o nome da $essoa enrolado com !rs velas.
Maneira e Fa!er:
Colocar o nome no dedal em cima da farofa de azei!e dend# cobrir com mel de abelhas# as $e!&las de rosas
$or cima dos nomes. %rriar numa ma!a aber!a duran!e o dia na segundafeira.

EBÓ DE AMARRA+,O SOB A INF%U(NCIA DE OXA%$

Material Necessário:
( acac&s; (1 $ra!o branco fundo; o nome do casal; (2 velas brancas; (1 carre!el de linha; mel de abelhas.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do $ra!o branco os !rs acaç&s brancos e os nomes $or cima do ou!ro. -egase as velas e
escrevese os nomes e amarrase aos $s das velas com o carre!el de linha branca# !odinhao sem dar n
dizendo* “em nome de Oxalá, que fez o %ol, a lua e as estrelas e o pino do meio dia que fulano&a 'que
 preso a fulano&a em nome de Oxalá@ Colocamse as velas no meio dos acaç&s e regase com mel de
abelhas. %rriar numa cachoeira a noi!e de uma se0!afeira. 6ingum desmancha o "ue /0al& unir.

EBÓ PARA ARRAN#AR UM NAMORADOA

Material Necessário:
(1 alguidar; o re!ra!o da $essoa; vinho mosca!el; cachaça; azei!e dend; ( ovos de $a!a; mel de abelhas;
(= me!ros de )!as de cores diferen!es.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar# os !rs ovos de $a!a# o re!ra!Uo da $essoa# o vinho mosca!el# a cachaça# o azei!e
dende e o mel. Colocar $or cima de !udo as )!as de !odas as cores. %rriar em uma ma!a aber!a a noi!e de
uma "uar!afeira.

EBÓ DE AMARRA+,O SOB A INF%U(NCIA DE XAN&-

Material Necessário:
(1 gamela; o re!ra!o da $essoa; o nome da $essoa e (1 amal& $ara 9ang.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro da gamela# o re!ra!o da $essoa# o nome da $essoa e $or cima o amal& de 9ang# ainda
"uen!e $edindo a 9ang $ara amarrar a"uela $essoa. %rriar numa $edreira as (h(( da manhã de uma
"uar!afeira.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
EBÓ PARA ENCONTRAR UM AMOR SOB A INF%U(NCIA DE OXUM

Material Necessário:
(1 alguidar de barro; (1 coração de boi; mel de abelhas; canjica cozida; ( velas brancas; o $edido $or
escri!o.
Maneira e Fa!er:
Colocar o coração de boi aber!o den!ro do alguidar. Colocr o $edido no coração aber!o e des$ejar o canjica
cozida $or cima. <egar com mel de abelhas e $edira a /0um "ue faça encon!rar um amor. %rriar numa
cachoeira duran!e o dia de s&bado.

EBÓ PARA ATRAIR UM AMOR

Material Necessário:
(1 coração de boi; cachaça; vinho mosca!el; açAcar; mel de abelhas; azei!e dend; nome da $essoa; )!as
nas cores* amarela# rosa# branca e verde; (1 alguidar de barro vermelho.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar# o coração de boi aber!o com o nome da $essoa "ue deseja a!rair. Colocar $or
cima cachaça# vinho mosca!el# açAcar# mel de abelhas# azei!e dend. %marra com as )!as de cores# amarela#
rosa# branca e verde. Fazer na casa de e0A as 1Oh(( da !arde de uma !erça# "uar!a ou "uin!afeira.

EBÓ PARA ENCONTRAR UM AMOR

Material Necessário:
(1 alguidar de barro; (1 coração de boi fresco; (1 garrafa de cachaça; (1 garrafa de vinho mosca!el; (1 li!ro
de azei!e dend; (1 $aco!e de velas; (1 faca virgem; (1 cai0a de fosforos; ( charu!os;(1 me!ro de morim
vermelho; (1 me!ro de )!a azul e branca; o nome do $re!enden!e.
Maneira e Fa!er:
%brir o coração com a faca virgem# colocar den!ro do mesmo o nome do $re!ende# amarrar com as )!as
coloridas# colocar o coração den!ro do alguidar; colocar $or cima a cachaça# o vinho mosca!el e o azei!e
dend# acender as velas. %s cai0as de fsforos e os charu!os )cam em cima do morim vermelho. %rriar em
uma cachoeira duran!e o dia de uma segundafeira.

EBÓ DE AMARRA+,O SOB A INF%U(NCIA DE "EMAN#$

Material Necessário:
( bolinhos de arroz e ( folhas de saião.
Maneira e Fa!er:
s$erar $assar !rs ondas# na !erceira onda# jogar os !rs bolinhos de arroz# na se0!a onda jogar ao mar as
!rs folhas de saião. -edir a emanj& $ara encon!rar seu amor verdadeiro. %rriar nos $s de uma arvore
frondosa as 1Oh(( do s&bado.

OFERENDA A OXA%$ PARA ENCONTRAR UM AMOR

Material Necessário:
( folhas de alface; ( al)ne!es e o nome da $essoas.
Maneira e Fa!er:
8obrar as folhas com o nome da $essoa# es$e!ar os al)ne!es com o nome da $essoa# colocar ao $ da
&rvore frondosa. Fazer em casa duran!e o dia no s&bado.

EBÓ DE AMARRA+,O SOB A INF%U(NCIA DE OBA%UA"I(

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
(1 $ de laranja com es$inhos; (= vezes o nome da $essoa; (1 me!ro de )!a vermelha; doburu; (1 alguidar
de barro. %rriar na ma!a duran!e o dia e "ual"uer dia da semana.
Maneira e Fa!er:
s$e!ase o nome da $essoa em cada es$inho# colocase bas!an!e doburu em numero de se!e em cada
es$inho e em cada dos es$inhos um laço de )!a. Colocar !udo den!ro do alguidar e colocar no $ de uma
arvore frondosa e chamar $or /baluaUi.

EBÓ PARA DESTRUIR UMA PESSOA SOB INF%U(NCIA DE E&UM

Material Necessário:
(1 $edaço de !abua virgem do !amanho do boneco; (= cravos de defun!o; (= velas $re!as; (1 me!ro de )!a
$re!a; (1 boneco de $ano de cor da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Colocar o boneco estcado no $edaço de !&bua virgem. s$e!ar no mesmo se!e cravos de defun!o. %marrar
com a )!a $re!a não escendo de colocar o nome da $essoa. Colocar !udo den!ro de uma ca!a!umba recen!e.
Fazer no cemi!rio de meia noi!e da segundafeira.

EBÓ PARA ATRAIR UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 co$o virgem; açAcar; o nome da $essoa "ue se "uer a!rair; (1 vela.
Maneira e Fa!er:
nchese o co$o com &gua e açAcar# colocase o nome da $essoa em bai0o do co$o e chamase o nome da
$essoa em bai0o do co$o e chamase o nome da $essoa. %cendese uma vela ao lado.

EBÓ PARA AMARRAR UMA PESSOA SOB A INF%U(NCIA DE EX5

Material Necessário:
% bebida de $referncia da $essoa "ue se "uer amarrar; (1 galo vermelho; (1 !esoura virgem de $on!a )na;
(1 c&lice de $; (1 me!ro de morim.
Maneira e Fa!er:
Colocar em uma encruzilhada de barro o morim vermelho# den!ro do calice a bebida de $referencia da
$essoa# o sangue do galo sacri)cado jun!o com o nome da $essoa "ue "ueremos amarrar e a !esoura de
$on!a )na den!ro. Chamar se!e vezes o nome da $essoa. / resul!ado es$erado em se!e dias. Fazer na
encruzilhada as (=h(( da manhã de uma segundafeira.

EBÓ PARA DESTRUIR UMA PESSOA SOB A INF%U(NCIA DE E&UM

Material Necessário:
(1 cruz de madeira retrada de um cemi!rio; )!a de cemi!rio; (= velas $re!as; alça de cai0ão enferrujada;
(1 alguidar de barro; (= $unhados de areia de cemi!rio; (1 $almo de morim $re!o; o nome da $essoa
escri!o se!e vezes.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar de barro o nome da $essoa# os $edaços de cruz# colocar a alça de cai0ão
enferrujada# a )!a de cemi!rio# os $unhados de !erra. %marrar !udo com o morim $re!o e acender as velas
$re!as. Vri!ar em cima de !odos os guns# $ara "ue não dm $az a"uela $essoa.  $edir "ue lhe ocorra !odo
mal. Fazer no cemi!rio a meia noi!e da segundafeira.

EBÓ DE AMARRA+,O SOB A INF%U(NCIA DE OXA%$

Material Necessário:
(= jambos; (= bAzios; (= folhas da cos!a; (1 vela de cera.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
8escas"ue os se!e jambos# escreva o nome da $essoa# enfei!e os se!e jambos com os se!e bAzios. %cender a
vela no meio. Fazer den!ro de casa as 1Oh(( de uma se0!afeira
O9s. <es$os!a des!e eb ser& em oi!o dias.

BANHO PARA FA)ER UM HOMEM ES'UECER UMA MU%HER

Material Necessário:
Ci$ mil homens; danda da cos!a; alfazema; nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
Colocar !udo numa $anela e "uando estver fervendo colocar o nome da $essoa e rezar* “eus quer, eus
 pode, eus faz e eus desfaz. ssim fulano&a tu *ás de esquecer tudo e todas e *ás de abondonar tudo
 por mim, porque eu ten*o f+ em eus e no ai -elesal, am+m”. Fazer den!ro de casa "ual"uer hor&rio
numa "uin!afeira ou s&bado.

EBÓ PARA TRA)ER UMA PESSOA DE .O%TA SOB A INF%U(NCIA DE EX5

Material Necessário:
(2 bru0os de $ano; (1 coração de boi; (1 vela branca; (1 cai0a de fsforos; azei!e dende; (1 me!ro de )!a
branca; (1 meU!ro de )!a $re!a; (1 car!a de al)ne!es; (1 $ra!o de barro.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do $ra!o de barro o coração aber!o com o nome da $essoa "ue "ueremos de vol!a. 8ar !rs
ns na )!a branca com o nome da $essoa# dar !rs ns na )!a $re!a com o nome da $essoa# $render as )!as
no coração de boi chamando duran!e !odo o !em$o o nome da $essoa. 6os Altmos al)ne!es# al)ne!ar o
casal de bonecos com o nome da $essoa. 6os ultmos al)ne!es# al)ne!ar o casal de bru0os com o nome da
$essoa "ue desejamos "ue vol!e. Colocar $or cima azei!e dende. %cender a vela $edindo $ara a"uela
$essoa vol!ar. Fazer numa encruzilhada as (5h(( da manhã de uma segundafeira.

EBÓ PARA ENTRE&AR UMA PESSOA PARA AS A%MAS 0E&UNS1

Material Necessário:
(1 garrafa de cachaça; o nome da $essoa; (1 cai0a de fosforos.
Maneira e ?a!er:
%cender um $ali!o de cada vez# chamando o nome da $essoa# colocar o nome da $essoa den!ro da garrafa
de cachaça. n!errar a garrafa de cachaça na encruzilhada de barro. Fazer numa encruzilhada ao meio dia
em $on!o de uma segundafeira.

EBÓ PARA CON'UISTAR O CORTA+,O DE UMA PESSOA


SOB A INF%U(NCIA DE EX53 "EMAN#$ E OXUM

Material Necessário:
(2 $ombos brancos; (2 folhas de )gos; ( agulhas virgens; (1 "uilo de açAcar; mel de abelhas; azei!e de
oliva; linha branca brilhan!e; (1 me!ro de )!a azul; (1 re!roz de linha verde; um $a$el branco..
Maneira e Fa!er:
:acri)car os $ombos nas folhas de )go# $elas cos!as trase os coraçSes e e0$e!ase nas agulhas. Colocase o
$edido no $ombo da $essoa a ser con"uis!ada. Colocase açAcar# fazse dois coraçSes de $a$el branco#
colocase $or cima# mel e azei!e doce e fechase !udo e colocase o bico de um $ombo com o bico e amarra
se !udo com a linha brilhan!e. 8e$ois embrulhase em um $a$el brancoe amarrase com a linha azul# as
folhas de )go amarrase a co"uis!ada e amarrase com a linha azul as folhas de )go amarrase a

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
con"uis!ada na folha do con"uis!ador e amarrase com a linha verde. %rriar !udo em uma arvore frondosa.
%rriar ao $ de uma arvore frondosa a! as (3h(( de uma segundafeira ou s&bado.

EBÓ PARA DESPACHAR A PERSE&UI+,O DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 frango branco; (1 me!ro de morim branco; (1 me!ro de morim vermelho; (= acaç&s; (= acarajs; (=
$edaços de cana; (= bolos de farinha; (= bolos de arroz; $lvora; (= velas brancas; doburu; (1 alguidar de
barro.
Maneira e Fa!er:

1. Colocar no chão o alguidar de barro.


2. -assar no cor$o os acarajs.
. -assar no cor$o os se!e $edaços de cana.
4. -assar no cor$o os se!e acaç&s.
5. -assar no cor$o os se!e bolos de farinha.
. -assar no cor$o as se!e velas brancas.
=. -assar no cor$o o frango branco "ue ser& sacri)cado $or esganadura.
O. -assar o dobur no cor$o da $esso.
3. Fazer se!e $acotnhos de $olvora# colocar fogo# "uando eles en!rarem em cobus!ão# a $essoa dever&
sacordir !odo o cor$o.
1(. -assar no cor$o da $essoa o morim branco.
11. mbrulhar !udo no morim vermelho e des$achar em uma ma!a fechada.

Fazer no !erreiro de candomble duran!e o dia na segundafeira. % $essoa dever& fazer um resguardo de !rs
dias. 8ar na $essoa um banho de ab ou omiero.

EBÓ PARA AFASTAR UM HOME DE UMA MU%HER 0OU .ICE=.ERSA1


SOB A INF%U(NCIA DE EX5

Material necessário:
(= sardinhas de cai0o!e# com sal grosso; se!e den!es de alho; um $edaço de fumo de rolo; (1 coração de
anu !orrado; (1 alguidar de barro.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar de barro# as se!e sardinhas com o nome da $essoa "ue se "uer afas!ar# socar os
den!es de alho em cima. Colocar $or cima o $edaço de fumo de rolo e $or cima de !udo o coração de anu
!orrado. -edir a !odos os 0us das !revas# "ue se encarreguem de se$arar a"uela $essoa da ou!ra. %rriar
!udo numa encruzilhada. %rriar numa encruzilhada ao meio dia de uma segundafeira.

PÓ PARA PRO.OCAR UMA DOEN+A &RA.E EM UMA PESSOA


SOUBE A INF%U(NCIA DE EX5 E DE E&UM

Material Necessário:
(1 morcego !orrado em uma $anela de barro e uma (1 cobra !orrada +!orrar numa se0!afeira as ( horas
da !arde,; $imen!a da cos!a; !erra de cemi!rio de ca!a!umba de defun!o fresco; $emba vermelha.
Maneira e Fa!er:
Colocar !udo em uma $anela de barro# "ue ser& me0ida com uma colher de $au. 7orrar !udo duran!e cinco
horas seguidas# a! virar $. -eneirar !udo e guardar em vidro fora de casa. 6a $rimeira o$or!unidade

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
so$rar nas cos!as de "uem desejamos fazer mal. Fazer no !erreiro de candomble meio dia em $on!o de uma
segundafeira. s!e $  mui!o $erigoso# dever& ser fei!o fora do !erreiro# sem a $resença de es!ranhos.

EBÓ PARA .IRAR O AN#O DE &UARDA DE UMA PESSOA SOB A INF%U(NCIA DE E&UM

Material Necessário:
(1 co$o virgem; nome do inimigo; urina "uen!e +a $rimeira do dia,; dizer o seguin!e* “O an!o de #uarda de
 fulano&a esta pedindo urina”. Fazer num hor&rio em "ue o sol es!eja bem "uen!e. Fazer numa encruzilhada
de barro ao meio dia em $on!o de uma segundafeira.

EBÓ PARA CO%OCAR UMA PESSOA DESE'UI%IBRADA SOB A INF%U(NCIA DE E&UM

Material Necessário:
(1 ovo choco; $imen!a do reino socada; o nome da $essoa; (1 alguidar de barro $e"ueno.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar o ovo choco com o nome da $essoa escri!o se!e vezes. Colocar $imen!a da cos!a
socada em cima. Colocar !udo na $or!a do cemi!erio. % res$os!a  imedia!a. Fazer no $or!ão de um
cemi!rio ao meio dia em $on!o de uma segundafeira.

EBÓ PARA CONSE&UIR EMPRE&O SOB A INF%U(NCIA DE OXA%$

Material Necessário:
%zei!e de oliva; mel de abelhas; miolo de boi; 1( acaç&s brancos; algodão# (1 tjela branca# (1 vela de se!e
dias.
Maneira e Fa!er:
Iavar o miolo de boi# $ara retrar o sangue# escorrer e $assar mel# azei!e doce e enfei!ar com os acaç&s.
Cobrir com algodão e oferecer a /0al& $edindo "ue abra os caminhos# arranjandolhe um bom em$rego.
8es$achar numa ma!a aber!a e dei0ar a vela de se!e dias acesa em casa. Fazer den!ro de casa as 1Oh(( de
uma se0!afeira.

EBÓ PARA AMARRAR UMA PESSOA SOB A INF%U(NCIA DE OXA%$

Material Necessário:
(= bAzios; (1 folha de alface; (= folhas de saião; o nome da $essoa; (1 vela de cera; (1 tjela de louça
branca.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro tjela os bAzios# o nome da $essoa# cobrir com a folha de alface e a folha de saião. %cender
uma vela ao lado $edindo a /0al& $ara amarrar de)nitvamen!e a $essoa. Fazer den!ro de casa as 1Oh(( de
uma se0!afeira.

EBÓ PARA DAR DOR DE CABE+A EM UMA PESSOA E CO%OCA=%A


NO HOSPITA% SOB A INF%U(NCIA DE POMBA &IRA

Material Necessário:
(1 cabeça de galinha $re!a; (1 tjela branca; o nome da $essoa "ue desejamos $rejudicar; ( charu!os; (1
garrafa de licor de aniz; (1 vela $re!a; (1 garrafa de cachaça.
Maneira e Fa!er:
-egase a cabeça da galinha de modo "ue a$areça o miolo e colocase o nome den!ro do miolo e colocar
den!ro da tjela. n!errarse numa encruzilhada. Colocase $or cima a cachaça e o licor de aniz# acendese os
charu!os. %cender a vela e $edir a -omba Vira $ara enlou"uecer a $essoa a "uem "ueremos mal. Fazer
numa encruzilhada de barro a meia noi!e de uma segundafeira.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
EBÓ PARA ARRASAR UMA PESSOA SOB A INF%U(NCIA DE
MARIA MO%AMBO DO MONTURO

Material Necessário:
(= vezes o nome escri!o da $essoa; (= $imen!as da cos!a socada; (= $imen!as malague!as; (= $imen!as do
reino; (= al)ne!es grandes e virgens; (= agulhas virgens; (1 garrafa de licor de aniz; (1 vela $re!a e
vermelha; (1 co$o virgem; um $ouco de $olvora; (1 cai0a de fosforos; (1 alguidar de barro.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar o nome da $essoa escri!o se!e vezes# colocar as se!e $imen!as da cos!a# as
$imen!as malague!as e as do reino. Colo"ue os al)ne!es virgens# es$e!ar as agulhas virgens. %cender uma
vela $re!a e vermelha# colocar den!ro do co$o um $ouco de aniz e colocar a garrafa ao lado. s$alhar $or
den!ro do alguidar a $olvora# e0$lodir !udo. %$s e0$lodir !udo# arriar num mon!e de li0o. Fazer em um
mon!e li0o a meia noi!e de uma segundafeira.

PÓ PARA O MA% 0PARA ARRASAR A .IDA DE A%&U*M1

Material Necessário:
(1 $anela de barro; (1 colher de $au; Casco de !a!u ralado; $au de guin $i$iu +at$im,; cavalo marinho;
nome da $essoa "ue se "uer arruinar; $ de andorinha; ras$a de chifre de veado; rabo de macaco;
bejerecum; danda da cos!a; ervas de 0u.
Maneira e Fa!er:
Colocar !udo na $anela de barro e !orrar me0endo com a colher de $au. -eneirar e guardar em vidro fora de
casa. 6a $rimeira o$or!unidade so$rar nas cos!a da $essoa "ue se deseja o mal. Cuidado os efei!os são
!errKveis. Fazer no "uin!al ou casa de e0A a meia noi!e da segundafeira.

PÓ PARA DAR UMA SURRA EM UMA PESSOA

Material Necessário:
?edir com um barban!e o ras!ro da $essoa; (3 montnhos de !erra; $enas de urubu; $emba $re!a; $emba
vermelha; folha de urtga; o nome da $essoa; dand& da cos!a ralado; folhas de reben!a cavalos; folhas de
fumo.
Maneira e Fa!er:
?edir com um barban!e o ras!ro da $essoa# !orrar !odos os ingredien!e acima discriminados# em uma
$anela de barro# "ue deve ser me0ida com uma colher de $au. 7orrar !udo a! virar $. :o$rar nas cos!as da
$essoa ou $or!a da residncia. <es$os!a em cinco dias. Fazer na casa de e0A ao meio dia na segundafeira.

EBÓ PARA EXU ATACAR UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 bife $odre; (= al)ne!es de cabeça; (= nomes da $essoa "ue se $rejudicar; (1 $eça de cera da $ar!e "ue
se desejar a!aca; (1 alguidar de barro; azei!e de dende fervendo; (1 garrafa de cachaça.
Maneira e Fa!er:
s$e!ase o al)ne!e# com o nome da $essoa# no bife $odre. Colase jun!o a $eça de cera "ue se deseja
a!acar. Colo"ue !udo den!ro do alguidar de barro# adicione o azei!e de dende fervendo e em seguida a
cachaça. -eça a 0u do cemi!rio e !odos os guns "ue a!a"uem a"uela $essoa. Fazer no cemi!rio em uma
cova recen!e a meia noi!e em $on!o da segundafeira.

EBÓ PARA DAR UMA SURRA EM UMA PESSOA

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:
( alguidar; (1 $lvora; (1 "uilo de farinha de mandioca; mel abelhas.
Maneira e Fa!er:
Fazer !rs farofas de* &gua# $olvora e mel. N& a uma encruzilhada e diga o seguin!e* “Ol*a xu eu sei que
voc" come isso, mas n/o sou eu que estou dando ao sen*or. 0oi fulano&a de tal que l*e mandou de
 presente” . Fazer numa encruzilhada de barro ao meio dia em $on!o de uma segundafeira.

EBÓ PARA DAR UMA SURRA EM UMA PESSOA  SOB A INF%U(NCIA DE OSSA"IN

Material Necessário:
(5 acarajs; $imen!a malague!a; cachaça; o nome da $essoa.
Maneira e Fa!er:
%brese cada um dos acarajs# colocase o nome da $essoa "ue se deseja $rejudicar# colocase $imen!a
malague!a# colocase $or cima bas!an!e cachaça. Fazer numa ma!a fechada ao meio dia em $on!o na !erça
ou "uin!afeira.
EBÓ PARA SEPARA+,O SOB A INF%U(NCIA DE EX5

Material Necessário:
(1 cebola ro0a; o nome da $essoa cos!urado; (1 alguidar.
Maneira e Fa!er:
Colocar a cebola ro0a $ara cozinhar# ainda "uen!e abrir e colocar o $a$el com o nome da $essoa# colocar
!udo de um alguidar em uma encruzilhada. Fazer numa encruzilhada ao meio dia de uma segundafeira.
-edir a 0u "ue de uma surra na $essoa.

EBÓ PARA DAR UMA SURRA EM UMA PESSOA

Material Necessário:
/ nome da $essoa "ue desejar $rejudicar; $imen!a da cos!a socada; sal grosso; $olvora; (1 vela $re!a; (1
alguidar de barro.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do alguidar o nome da $essoa "ue desejar $rejudicar# colocar $imen!a da cos!a socada# sal
grosso# $olvora. s!ourar !udo ao meio dia em $on!o. %cender uma vela $re!a# $edindo a 0u "ue de uma
surra na"uela $essoa. Fazer em uma encruzilhada ao meio dia em $on!o de uma segundafeira.

EBÓ PARA DAR UMA SURRA EM UMA PESSOA

Material Necessário:
/ nome da $essoa "ue se deseja $rejudicar; a!ar +$imen!a da cos!a,; Q me!ro de )!a $re!a; Q me!ro de
)!a; (1 boneco de $ano; doburu; azei!e dend.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do coração de boi o nome da $essoa "ue se deseja $rejudicar# colocar amarrado o nome da
$essoa "ue se deseja $rejudicar# com a )!a $re!a e vermelha# cobrir !udo com bas!an!e $imen!a e doburu.
Colocase $or cima de !udo bas!an!e azei!e dende fervendo. Fazer numa encruzilhada ao meio dia em
$on!o de uma segundafeira. -edindo a 0u# "ue d uma surra na"uela $essoa.

EBÓ PARA DESTRUIR UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 crYnio de defun!o; azei!e dend. / nome da $essoa escri!o se!e vezes.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Maneira e Fa!er:
-egase o cabeça do defun!o# colocase den!ro o nome da $essoa "ue se deseja $rejudicar# de$ejase azei!e
dende em cima. n!errar em uma cova recen!e# dei0ar duran!e se!e dias. :e!e dias de$ois desen!erre e e
acom$anhe um en!erro. :e houver o$or!unidade col"ue den!ro do cai0ão. :enão en!errar o crYnio de
cabeça $ara bai0o. 7enha cuidado com es!e !rabalho# $or"ue  uma ida sem vol!a $ara $essoa "ue foi fei!o
o eb. Fazer no cemi!rio de meia noi!e numa segundafeira.

EBÓ PARA DAR UMA SURRA EM A%&U(M SOB A INF%U(NCIA DE E&UM

Material Necessário:
/ nome da $essoa "ue se deseja $rejudicar; $imen!a da cos!a; Bores trada de uma se$ul!ura recen!e;
azei!e dende fervendo; (1 alguidar de barro; (1 coração de boi.
Maneira e Fa!er:
%brir o coração de boi em duas $ar!es# colocar den!ro o nome da $essoa# colocar as Bores# a $imen!a da
cos!a e o azei!e fervendo. Clocar !udo na $or!a da igreja e $edir $ara os guns dar uma surra na $essoa.
Fazer na $or!a de uma igreja antga de meia noi!e em $on!o de uma segundafeira.

EBÓ PARA DAR UMA SURRA EM A&U(M SOB A INF%U(NCIA DE UM E&UM

Material Necessário:
/ nome da $essoa; $imen!a da cos!a; $imen!a malague!a; doburu; azei!e de dende fervendo; (1 vela $re!a;
(1 vela vermelha; (1 boneco de $ano; (1 alguidar de barro.
Maneira e Fa!er:
Colocar no alguidar o nome da $essoa# as $imen!as da cos!a e malague!a# bas!an!e doburu# colocar $or
cima azei!e dende fervendo. Colocar o boneco# o nome da $essoa. %cender as velas $re!a e vermelha. -edir
aos guns $er!ubaores# "ue $er!ubem a vida da"uela $essoa.Fazer no $or!ão de um cemi!rio ao meio dia
de uma segundafeira.

EBÓ PARA DESPACHAR O CARRE&O DE ABI/U DE A%&U(M

Material Necessário:
(2 banelinhas de barro; (2 $ratnhos de barro; (= acaç&s brancos; (= acarajs; (1 frango branco; (1 camisa
de criança; (1 vidro de azei!e dende; (1 vidro de mel de abelhas; (1 bone"uinho.
Maneira e Fa!er:
-assar !udo no cor$o da $essoa e des$achar na ma!a. Fazer na ma!a fechada ao anoi!ecer em "ual"uer dia
da semana e0ce!o se0!afeira. uma $essoa "ue !raz carrego de %biDu  uma $essoa "ue ma!a !odose acaba
)cando sozinho.

EBÓ PARA CARRE&O DE ABI/U

Material Necessário:
(1 alguidar de barro grande; (= sa"uinhos de !erra; (= fei0es de lenha; (= bonecos de $ano; (= colheres de
$au; (= moringuinhas +"uartnha $e"uena,; (= $ra!os fundos de louça branca; (= alguidar $e"uenos; (=
$anelinhas de barro# 43 bolinhas de gude; (= co$os de vidro $e"uenos; ( frangos brancos $e"uenos;
canjica cozida; ( $edaços de carvão; (1 $eça de rou$a usada; ( "uilos de feijão fradinho !orrado e cru; (1
"uilo de amendoim !orrado e cozido; (= acaç&s; (= acarajs; doburu; (1 "uilo de feijão $re!o !orrado e
cozido; (= velas brancas; caf em $; cinza de fogareiro; (= bolos de farinha; (1 "uilo de milho vermelho.
Maneira e ?a!er:
-assar no cor$o da $ssoa seguindo a ordem*

1. /s sa"uinhos de !erra.
2. (s fei0es de lenha.
. /s bonecos.
4. -assar as colheres de $au no cor$o da $essoa e d$ois "uebrar uma auma.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
5. -assar as moringuinhas no cor$o e de$ois "uebr&las.
. -assar os $ra!os no cor$o da $essoa e de$ois "uebr&los.
=. -assar os alguidar $e"uenos e de$ois "uebr&los.
O. n!regar os frangos a $essoa $ara fazer seus $edidos. 8e$ois ma!ar com sucessivas $ancadas no
chão e colocar no alguidar.
3. n!regue a canjica $ara $essoa $assar no cor$o.
1(. sfregar os $edaços de carvão no cor$o da $essoa e jogar no alguidar.
11. % rou$a ser& rasgada e jogada no alguidar.
12. -assar o feijão fradinho !orrado e cru no cor$o da $essoa.
1. -assar o amendoim !orrado e cozido no cor$o da $essoa.
14. -assar os acaç&s na $essoa e $or no alguidar.
15. -assar os acarajs na $essoa e $or alguidar.
1. -assar o doburu.
1=. -assar o feijão $re!o !orrado e cozido no cor$o da $essoa.
1O. -assar as velas no cor$o da $essoa e "uebr&las.
13. -assar o $ de caf no cor$o da $essoa.
2(. -assar a cinza no cor$o da $essoa.
21. -assar os bolinhos de farinha na $essoa.
22. -assar o milho de galinha cozido na $essoa.

Colocar !udo no alguidar e des$achar numa ma!a fechada de $referncia a noi!e. Fazer no !erreiro de
candomble no hor&rio "ue lhe convier de segunda a s&bado e0ce!o se0!afeira e domingo.

Obs. ste ebó só deverá ser feito por uma pessoa com muita idade de %anto feito, acima de 12 anos e,
com as obri#aç3es em dia. 4unca deverá fazer sozin*o. %empre acompan*ado de pelo menos de quatro
 pessoas do %anto. 5odos dever/o estar vesdos de branco com ata6/ e o!ás, contra7e#uns e respecvos
de 'os de conta. 0azer de portas fec*adas, sem a presença de crianças por perto. s pessoas de %anto
dever/o ser de Obalu8a9i", :ans/n, Omulu, 4an/n, O#un ou Oxossi.

A#EBÓ DE XAN&- PARA RESO%.ER UM CASO DE #USTI+A

Material Necessário:
(1 gamela; &gua de mina ou mineral; Q "uilo de "uiabos; açucar; (1 orob; (1 vela de se!e dias; ( moedas
corren!es lavada.
Maneira e Fa!er:
Cor!ar os "uiabos em rodelas bem $e"uenas# den!ro da gamela# adicionar o açucar# a &gua. >a!er a! virar
uma massa uniforme. Colocar den!ro da gamela as seis moedas corren!es. /ferecer e $artr o orob em
cima do a ajeb. %cendese a vela# can!ase $ara o ajeb e $dese o "ue desejar a 9ang. 8es$achar a$s
!rs dias num lugar onde !enha $edreiras. Fazer den!ro de casa a! as (3h(( da manhã da "uar!afeira.

EBÓ PARA OXA%$ RESO%.ER UM PROB%EMA S*RIO

Material Necessário:
'm $ouco de canjica cozida; (1 tjela branca; (1 obi branco; mel de abelhas; banha de ori; (1 vela branca.
Maneira e Fa!er:
Cozinha a canjica. %inda "uen!e colo"ue um $ouco de banha de orK $or cima e dei0e derre!er. Muando
esfriar colo"ue $or cima mel de abelhas# acender a vela branca. -artr o obK em "ua!ro e colocar em cima.
/ferecer# can!ar e $edir misericrdia a /0al&. /0al& res$onde em !rs dias. : de$ende de f no /ri0&. Fazer
den!ro de casa as (h(( da manhã numa se0!afeira.

EBÓ PARA TRA)ER SORTE PARA CASA

Material Necessário:
(1 $ra!o de barro; 12 "uiabos; (1 maçã; mel de abelhas; 12 moedas corren!es lavada.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro do $ra!o de barro# os "uiabos# a maçã# em vol!a colocar as moedas# $or cima de !udo
bas!an!e mel. 8ei0ar duran!e se!e dias. %$s os seis dias# colocar !udo na ma!a. Fazer den!ro de casa em
"ual"uer hora e "ual"uer dia da semana.

OFERENDA A OSSA"IN PARA REA%I)AR BONS NE&ÓCIOS

Material Necessário:
(1 alguidar de barro; fumo de rolo des)ado; mel de abelhas; vinho branco;maçã; $era; uva branca.
Maneira e Fa!er:
-assar as fru!as no cor$o e colocar den!ro do alguidar. Colocar $or cima mel de abelhas# vinho branco e
fumo de rolo des)ado. Colocar !udo na ma!a# $edindo a /ssaUin# $ara realizar bons negcios. Fazer na ma!a
aber!a duran!e o dia numa "uin!afeira.
O9s. %s fru!as# an!es de colocar no alguidar são $assadas no cor$os.

DEFUMADOR PARA TRA)ER DINHEIRO E MO.IMENTO PARA UMA CASA COMERCIA%

Material Necessário:
8anda da cos!a; açucar; incenso e mirra.
Maneira e Fa!er:
Colocar no incensrio e defumar de fora $ara den!ro. Pogar as cinzas n ma!o verde. Fazer na residncia ou
$on!o comercial da $essoa no hor&rio "ue melhor lhe convier em "ual"uer dia da semana.

EBÓ PARA TIRAR ESP4RITO DE ABI/U DE UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 alguidar $e"ueno; canjica cozida; milho de galinha cozido; (= bonecos# sendo !rs re$resen!ando a
mulher# !rs "ue re$resen!a o homem e um "ue re$resen!a a $essoa "ue es!a fazendo o !rabalho; (
tjelinhas de barro $e"uenas; mingau de farinha de mandioca; feijão $re!o cozido; feijão fradinho cozido;
feijão mulatnho cozido; doburu; (1 me!ro de morim branco; (1 galo branco; (= velas brancas; folhas de
levan!e.
Maneira e Fa!er:
6o alguidar $e"ueno colocase milho cozido branco e o milho de galinha# $odendo variar o nAmero de
comidas. -assar no cor$o da $essoa os ingredien!es obedecendo a seguin!e ordem*

1. -assar a canjica branca cozida no cor$o da $essoa.


2. -assar o milho de galinha cozido no cor$o da $essoa.
. -assar no cor$o da $essoa os se!e bone"uinhos de $ano.
4. 6as seis tjelinhas de barro $e"uenas encher com o mingau de farinha# feijão $re!o cozido# feijão
fradinho# feijão mulatnho# o milho branco cozido e o milho amarelo cozido.
5. Com o Q me!ro de morim branco colocar renda bordada ao redor e colocar na ma!a. %rrumar como
se fosse uma mesa# com !odos os ingredien!es acima discriminados. %cendese as velas e $assase o
galo no cor$o da $essoa. >a!ese $or !odo o cor$o da $essoa com folha de levan!e. -edese a
$essoa "ue não vol!e mais a"uele lugar. / resguardo  de se!e dias.
. Fazer numa ma!a fechada ao anoi!ecer numa segundafeira.

INHAME DE O&UM PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Material Necessário:
(1 inhame da cos!a; onze $ali!os de dend; mel de abelhas; (1 $ra!o de barro vidrado ou alguidar; 11
moedas corren!es lavadas.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
%ssar o inhame na brasa# trar a casca# en)ar os onze $ali!os de dend# colocar o inhame no $ra!o# cobrir
!udo com mel# colocar em vol!a do $ra!o as onze moedas# a$s !er $assado $elo cor$o. Colocar !udo em
uma es!rada de barro# $edindo a /gum "ue abra os caminhos. %rriar numa es!rada de barro as (=h(( da
manhã numa !erçafeira.

OFERENDA A POMBO &IRA PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Material Necessário:
( rosas vermelhas; ( cigarilhas; licor de aniz; mel de abelhas; &gua de Bor de laranjeira; (1 me!ro de
morim vermelho.
Maneira e Fa!er:
Colocar na encruzilhada o morim vermelho# as cigarilhas# a garrafa de aniz# as rosas e borrifalas com a &gua
de laranjeira e $or cima o mel de abelhas. -edir o "ue "uiser a -ombo Vira Fazer numa encruzilhada
"ual"uer hor&rio numa segundafeira.

BANHO PARA ABERTURA DE CAMINHOS

Material Necessário:
Canelha de velho; &gua de levan!e e bets cheiroso.
Maneira e Fa!er:
Colocar as ervas em um balde com &gua lim$a e "uebrar !udo e dei0ar de molho. %cender uma vela $ara o
anjo de guarda e !omar o banho da cabeça aos $s. 8es$achar as folhas na ma!a ou ma!o verde.

EBÓ PARA E.ITAR O%HO &RANDE

Material Necessário:
(1 de olhos de boi +não  fava. ncomendase no ma!adouro,; (2 $ra!os de barros; azei!e dend e mel de
abelhas.
Maneira e Fa!er:
Colocar um olho em cada $ra!o cobrir com mel de abelhas# azei!e dende e dei0ar l& no "uantnho. %$s se!e
dias des$achar na ma!a. Fazer em casa em um dia de segunda# !erça# "uar!a ou "uin!afeira.

BANHO PARA DESPACHAR E&UM

Material Necessário:
Folas R desa!a n; abre caminho; levan!e; colnia; cordão de frade; !a$e!e de /0al&; manjericão.
Maneira e Fa!er:
Colocar as folhas em uma vasilha de me!al e "uinar as folhas. Coar e !omar da cabeça aos $s e des$achar
as folhas no ma!o verde. <esguardo de !rs dias $ara se0o. Fazer em casa no hor&rio "ue lhe convier no dia
de segunda# !erça# "uar!a ou "uin!afeira.

EBÓ PARA %I.RAR A PESSOA DE UMA ATRIBU%+AO SOB A IN%U(NCIA DE OXA%$

Material Necessário:
(2 "uilos de canjica branca cozida e (1 tjela de louça branca.
Maneira e Fa!er:
Colocar den!ro da tjela a canjica cozida e $assar $elo cor$o da $essoa e arriar den!ro de uma igreja
$r0imo ao al!ar. /0al& res$onde em !rs dias esse $edido de misericrdia.

EBÓ PARA AFASTAR DOEN+AS

Material Necessário:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Canjica cozida branca; doburu; (= moedas corren!es lavadas e secas; (= bolinhos de farinha de mandioca
com &gua; (1 me!ro de morim branco; (1 $ombo branco; (= acaç&s de feijão fradinho; (1 alguidar de barro.
Maneira e Fa!er:
-assar !udo no cor$o da $essoa e colocar no alguidar obedecendo a seguin!e ordem*

1. % Canjica.
2. / doburu.
. (2 bolinhos.
4. :acudir com o morim branco.
5. 8ar o $ombo $ara a $essoa $edir o "ue "uiser e sol!alo vivo.
. -assar os acaç&s.
=. Ievar o alguidar $ara uma ma!a edes$achar es!e eb.

s!e eb  fei!o no !erreiro de candomble numa segundafeira no hor&io "ue convier. <esguardo de !rs dias
$ara se0o.

EBÓ PARA DESTRUIR UMA PESSOA

Material Necessário:
(1 obi vermelho; azei!e dend# $imen!a da cos!a; o nome da $essoa; (1 acaraj; cachaça; carvão vege!al;
carvão mineral; (1 folha de jornal do dia "ue !enha crimes e mor!es; (1 me!ro de )!a $re!a; (1 me!ro de
)!a vermelha; (= $ra!os brancos rasos; (1 alguidar de barro grande; (1 limão; (1 garrafa de alcool e sal
groso.
Maneira e Fa!er*
Colocar den!ro do alguidar de barro !odos os ingredien!es acima relacionados# embrulhados com o nome
da $essoa# no jornal. Muebrar os $ra!os rasos e colocar os $edaços no alguidar. Mueimar !udo o mais "ue
$uder. Colocar $or cima as )!as. mbrulhar !udo com o morim $re!o e vermelho e colocar den!ro de uma
ca!a!umba fresca. :e faz na segundafeira de meia noi!e em $on!o no cemi!rio. Cuidado com es!e eb os
efei!os são !errKveis. Muem faz es!e eb sem$re mastga !odo !em$o dand& da cos!a.

BANHO DE DESCARRE&O

Material Necessário:
rvas  desa!a n; aroeira; levan!e; abre $or!a; vence !udo; branda fogo; colnia.
Maneira e Fa!er:
Colocar &gua lim$a numa vasilha e "uinar as folhas. Coar e !omar o banho de cabeça aos $s. 8es$achar as
folhas no ma!o verde. Fazer es!e banho no dia de segunda# !erça# "uar!a e "uin!afeira no hor&rio "ue lhe
convier.

EBÓ PARA FA)ER DUAS PESSOAS BRI&AREM SOB A INF%U(NCIA DE EX5

Material Necessário:
(1 $anela de barro com !am$a; um $ouco de areia de $raia; um $ouco de agua de mar de mar vazan!e; (
folhas de cansanção; ( folhas de corredeira; (= crias de $a!a ou galinha; (1 bis!eca de $orco sem osso
acebolado; (1 alguidar de barro; (1 li!ro de cachaça; (1 $aco!e de velas; (= charu!os bara!os; (1 cai0a de
fsforos.
Maneira e Fa!er:

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Colocar den!ro da $anela de barro# um $ouco de areia de $raia e um $ouco de &gua do mar# cobrir com as
folhas de cansanção e as folhas de corredeira. Colocar em vol!a as se!e crias de $a!a ou galinha. 6ão
es"uecer de colocar na $anela o nome das $essoas "ue "ueremos "ue briguem. 6o alguidar colo"ue o bife
de $orco acebolado# o li!ro de cachaça aber!a# os charu!os e uma cai0a de fsforo. -edir a 0u "ue faça
a"uelas $essoas brigarem. Fazer es!e !rabalho num dia de segundafeira# numa encruzilhada ao meio dia.

DEFUMADOR PARA ATRAIR COISAS BOAS DENTRO DE CASA

Material Necessário:
(1 co$o com &gua lim$a; 8efumador chama dinheiro e hei de vencer.
Maneira e Fa!er:
Colocar em um braseiro e defumar !oda a casa. Muando o defumador !erminar de "ueimar des$achar a
&gua "ue es!a no co$o na &gua corren!e. Fazer numa segundafeira as (h(( da !arde.

EBÓ PARA FA)ER UMA PESSOA .O%TAR

Material Necessário:
(1 $in!o novo sem asa; o nome da $essoa "ue desejamos "ue vol!e; mel de abelhas; (1 $anela de barro
com !am$a.

Maneira e Fa!er:
Falar no ouvido do $in!o o nome da $essoa "ue "ueremos "ue vol!e se!e vezes. Colocar no bico o nome da
$essoa# com bas!an!e mel. n!errar !udona $anela de barro# no "uin!a de casa# oferecendo a 0A. Fazer no
"uin!al de casa num dia de segundafeira# no hor&rio "ue lhe convier.

EBÓ PARA OBTER UM PEDIDO IMPOSS4.E% A POMBO &IRA

Material Necessário:
Farofa de azei!e dend; (1 bife acebolado; (1 alguidar de barro; (= $intnhos.
Maneira e Fa!er:
Colocar a farofa de dende den!ro do alguidar e $or cima o bife acebolado. :acri)car os $intnhos e colocar
den!ro do alguidar em vol!a. -edir o "ue "uiser a -ombo Vira. Fazer numa encruzilhada a meia noi!e em
$on!o em um dia de segundafeira. -omba Vira res$onde em !rs dias se fei!o com f.

EBÓ PARA UNIR UM CASA%

Maneira e Fa!er:
Canjica cozida; (1 tjela de louça branca; mel de abelhas; (2 $ombos brancos; 1 bolos de inhame; o nome
do casal; (1 vela de se!e dias.
Maneira e Fa!er:
Colocar a canjica cozida den!ro da tjela# regar com mel de abelhas e $or cima colocar os bolinhos de
inhame. Colocar o nome do casal den!ro da canjica. :acri)car os $ombos e colocar mel de abelhas $or cima
de !udo. %cender a vela de se!e dias ao lado. Fazer den!ro de casa as ( horas da !arde numa se0!afeira.

COMO PREPARAR BANHO DE AB-

Material Necessário:
(1 $o!e de barro; (1 obi ralado; (1 orogbo ralado; lelecum; bejerecum; sandalo; $i!chulim; noz moscada;
mel de abelhas; azei!e de olivaEdende; animas corres$onden!e ao /ri0&.
Maneira e Fa!er:
Ievar $ara ma!a um $resen!e $ara /ssaUin# /0ossi e /gun. n!regue o $resen!e e colha as folhas an!es do
sol nascer. Ieve o Candombl "uine as folhas can!ando $ara :assanha e v& colocando no $o!e. 8e$ois

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
colo"ue o obi e o orob ralado# o lelecum# o bejerecum# o sandalo# o $i!chulim# a noz moscada# o azei!e de
olivaEdende; bas!an!e &gua e mel. Faça a ma!ança começando $elos e!un e $or ultmo o uril. Caso "ueira
fazer um ab $ara clien!es e )lho de san!o não colocar azei!e dende# a$enas oliva. %s folhas serão de /0al&
e os bichos serão casal. % cabeça dos animais são colocadas no $o!e de ab. Fazer numa lua nova# crescen!e
ou cheia. 6uma ma!a an!es do sol nascen!e.

ATIM PARA /URAS DE I"A-

'm bom %tm $ode ser fei!o do seguin!e modo*

/bi e orogbo; danda da cos!a; sandalo; canela em $; ervadoce; açAcar; carvão vege!al; noz moscada
ralada; fava de aridan ralada; lelecum e $i!chulim em $; folhas do san!o do UaH secas e socadas.

7orrase !udo e $or ultmo socase as folhas e guardar em vidro fechado $ara não $eder o aroma. 'sar
"uando for necess&rio aber!ura de Duras ou ou!ras )nalidades.

EBÓ BRANCO PARA AFU&ENTAR MAUS ESP4RITOS

Chamase eb branco a uma lim$eza fei!a somen!e com coisas brancas. 'sase $ara afugen!ar es$iri!os
maus "ue nos $erseguem. / eb normalmen!e e fei!o $ara afas!ar guns do cor$o dos mediuns ou clien!es.
%o $assar os ingredien!es $elo cor$o dizer em voz al!a* “eu estou oferecendo este ebó aos #uns que est/o
atrapal*ando fulano&a para terem paz e luz”.

/ eb  const!uido de * (3 ovos brancos crus; (3 bolos de farinha com &gua; (3 acaç&s brancos; (3 velas
brancas; canjica branca cozida; (3 bolos de farinha com mel de abelhas e doburu fei!a com areia de $raia.

-assase !udo no cor$o da $essoa e dizer “O9á $al+ eu quero paz; Oxalá, eu quero paz;  %cendese as velas
$ara /mulu e "uando $assar o doburu $elo cor$o $edindo “Omulu me livre de tudo que *ouver de mau
nos meus camin*os” . s!e eb deve ser fei!o em uma es!rada de barro com bas!an!e vege!ação ou ma!a.
%$s !er fei!o !udo isso# ir $ara casa e !omar banho de ab ou de ervas frescas.

COMO SE AFASTAR UM EX5 'UE EST$ ENCOSTADO EM A%&U*M

Material Necessário:
21 ovos crus; 21 velas brancas; (1 me!ro de murim branco e (1 $ra!o de louça branca.
Maneira e Fa!er:
@r em se!e encruzilhadas diferen!es. m cada uma delas $assar !rs velas e !rs ovos $elo cor$o e "uebr&los
no chão. 6a Altma encruzilhada# de$ois "ue $assar no cor$o# se olhar no $ra!o a! ver sua imagem nele#
en!ão# "uebralo no chão. -asse o murim $elo cor$o e rasgueo e v& jogando as tras $ela es!rada. Muando
chegar em casa !omar banho de ervas ou ab.

NOME DOS ODUS DO #O&O DE B5)IOS

;  Oaran EG
<  E6ioo O67n
  Etao67na O9al7aJiK
L  Iross7n "e>aná

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
  OG2 OG7>
  O9ará OGossi3 %o67n E2
  Oi O>7l7 e OGalá
Q  Eionil2 OGa67ian
  Ossá "ansn e "e>aná
;  O9io?7n OGalá
;;  Oarin "asn
;<  EilaGe9orá Xan6
;  Eio6ili9an Nan>97r7c7
;L  Iá OG7>ar2 e OssaJin
;  O9eo67ná Eá e O9á
;  AláVa O9atalá e Ur7>ilá

ODU O/ARAN  EX5


:us!os# grandes $erigos# $risão# roubo# $erda de !udo e !rabalhos fei!os. Muando a$arecer es!e /du#
des$achase a rua com &gua. %visase ao consulen!e $ara fazer um eb @DA e dar comida T 0A. :e o clien!e
for )lho des!e /dA# des$achase o odA e !rocase $or /0 ou /bar&.

EBÓ PARA DESPACHAR ODU O/ARAN  EX5

Material Necessário:
(= folhas de mamona com !alo; (4 $ads R dend# &gua# mel e cachaça; murim $re!o# vermelho e branco R
(= $almos de cada cor; (= velas; (1 frango.
Maneira e Fa!er:
%brir as folhas de mamona# retrar os !alos e colocar no chão. Colocar um bocado em cada folha das farofas.
-assar no cor$o da $essoa. %!er com os !alos na $essoa. :acri)car o frango e colocar o sangue den!ro das
se!e folhas. 8ividir o frango em se!e $edaços e colocar um $edaço em cada folha. Cobrir !udo com morim.
Correse se!e encruzilhadas# em cada uma dei0ar uma folha e uma vela acesa. 8e$ois arriar comida seca
$ara /gun e assen!ar um novo /dA na $essoa ou darlhe comida.

ODU E&IO/O  O&UN


8emandas# guerras# !endncia $ara grande !riunfos# inimigos ocul!os# !er mui!o cuidado.

Sa7aWo 8ara este O: <= >O?<7 O@= A >O?=?

:e for um caso de $risão# d&se um eb ao redor de um $resKdio ou delegacia. s!e /du não $recisa ser
des$achado. 8&se um eb $ara ele# assim* um cachorro e alu& $ara. :e não souber dar o cachorro# enfei!ar
com )!as e oj&s colocridos e a$resen!ar a /gun. :ol!&lo vivo na es!rada e dar um bode a /gun no lugar do
cachorro. %$s o sacri)car o bode a /gAn dase !rs banhos $ara os )lhos des!e /dA. -rimeiro R um banho
de milho de galinha. :egundo R um banho de canjica amarela e 7erceiro R um banho de feij&o de fradinho
!orrado. 7odos os banhos devem ser des$achados numa es!rada de barro.

EBÓS PARA CASO DE PRIS,O

screver o nome da $essoa em vin!e e um ovos. Muebrar ao redor da delegacia ou do $resKdio# chamando
$or 0A 7iriri e $edindo o "ue "uiser. Fazer um caruru e dar $ara se!e crianças comerem. -edir $ara as
crianças comerem com a mão e lim$ar na rou$a da $essoa "ue es!ar $resa e des$achar numa cachoeira. :e
a $essoa ainda não estver $resa $edir $ara as crianças lim$ar as mãos na rou$a e no cor$o da $essoa.
Ievar a $essoa $ara cachoeira dar um banho com sabão de coco ou amarelo e des$achar a rou$a na
cachoeira.

OD5 ETAO&UND$  OBA%UA"IE

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
8oenças# gol$es# $ai0Ses# suicidio ou herança. Muando a$arecer es!e /dA no jogo# veri)car se a $essoa 
realmen!e des!e /ri0&. Caso con!rario v as doenças.

EBÓ PARA ETAO&UND$

Material Necessário:
(1 "uilo de )gado; carne de $ei!o; (1 miolo; rins; gargan!a; bucho; 21 acaç&s brancos; (1 "uilo de milho de
galinha !orrado; (1 me!ro de murim $re!o; milho de canjica branca e (= velas.
Maneira e Fa!er:
8e$ois de $assado no cor$o da $essoa# en!regar na $or!a do >al ou cemi!rio. 7omar !rs banhos de
canjica e es!ourar !rs $on!os de $lvora. 8e$ois dar comida a Pagun.

OD5 IROSSUN  "EMAN#$


CalAnia# falsidade# desas!res# indecisão# $essoas descon)adas ou $essoas "ue não con)am em ningum#
falsidade den!ro de casa. -roblemas de famKlia.

EBÓ PARA OD5 IROSSUN

Material Necessário:
(1 "uilo de arroz e defumador de arroz com casca e açAcar; defumador de bejoim# alecrim# alfazema#
mescla# cera de abelha# erva doce.
Maneira e Fa!er:
Colocar nos "ua!ro can!os da casa o "uilo de arroz# dis!ribuindo !odo o arro. 8e$ois de !rs dias varrer a
casa e levar o li0o $ara o mar. 8ar !rs defumadores de arroz com cascas e açAcar. 8ar defumação de
bejoim# alecrim# alfazema# mescla# cera de abelha# erva doce uma vez $or cima e $edindo bons Buidos $ara
a casa.

EBÓ PARA DESPACHAR ESTE OD5 NOS CAMINHOS DE "EMAN#$

Material Necessário:
(1 carangueijo; (1 cadeado; (4 eDurus; (1 $edaço de corren!e; (1 $eça de cadarço; (1 $anela com !am$a;
(1 frango; azei!edende; cachaça; (1 vela.

Maneira e Fa!er:
Colocase !udo den!ro da $anela# sacri)car o frango $elos caminhos de @rossun e !am$ar a $anela. Ievase
$ara o manguezal. Caso con!r&rio $ode fazer no $r$rio mangueza.

EBÓ PARA DESPACHAR ESTE OD5 NOS CAMINHOS DE O"$

Material Necessário:
(4 eDurus; (4 velas; (4 !orcidas de algodão; (4 $edaços de murim branco.

?aneira de Fazer*

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS

Os ; Os

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
AS MENSA&ENS DOS ; ODU ME#I NO MERINDI%O&UN

MENSA&ENS DE O/ANRAN ME#I

:en!ença*
-ara "ue o mundo e0is!a# !em "ue haver o bem e o mal. s!e /du indica "ue voc anda fazendo coisas
erradas "ue $oderão ser descober!as. 0is!e algum# $aren!e ou amigo seu# "ue es!& doen!e e s ser&
curado com o au0Klio de um /ri0&. 7enha mui!o cuidado com o fogo# e0is!e $erigo eminen!e de aciden!es
com ele. 6ão lance $ragas nem maldiçSes em ningum. Noc es!& $assando $or srias di)culdades# !em
"ue dar comida T cabeça $ara encon!rar a $az. Noc corre o risco de $erder uma criança de sua famKlia.
Cuidado $ara não ser a!acado ou mordido $or um cão. 6ovidades# j& a caminho# chegarão T sua casa. 'ma
viagem $lanejada re$resen!a srio $erigo $ara sua vida. Noc não gos!a de ouvir a verdade#  incrdulo# e
não acredi!a mui!o nos :an!os. Muando lhe dizem alguma coisa# $refere não seguir as orien!açSes# como se
não soubesse de nada. % justça ser& fei!a na $or!a da sua casa. Noc vai $assar $or um sus!o mui!o grande.
Noc gos!a de brigar# e de!es!a $erder em "ual"uer circuns!Yncia. vi!e brigas e discussSes nos $r0imos
dias# com "uem "uer "ue seja. 6ão ande na rua !arde da noi!e# nem $or!e armas# is!o $oder& lhe ocasionar
srios $roblemas e# $or engano# ser& $reso ou sofrer& um a!en!ado. 7odos os seus $roje!os e $lanos
acabam se $erdendo e caindo no abandono. 6ão use rou$as demasiadamen!e surradas. %s $essoas "ue
hoje lhe viram as cos!as são as mesmas a "uem serviu no $assado. :ua $r$ria famKlia não lhe d&
im$or!Yncia.
Noc !em um amigo "ue fala mal de voc# e isso lhe !em $rejudicado mui!o. Zs vezes voc sen!e von!ade de
morrer. 6ão coma nem beba nada na casa de amigos ou $aren!es. m sua casa fal!a alguma coisa "ue foi
roubada. Cum$ra o "ue $rome!eu Ts almas. 6ão mal!ra!e os cães. ?ande rezar missa $ela alma de um
conhecido seu. :aia de casa e ande a! sentrse cansado. Faça is!o duran!e !rs dias seguidos. Noc es!&
$reso ao vKcio do &lcool ou das drogas.

EBÓ DE O/ANRAN ME#I

Material Necessário:
'm $ei0e fresco; um carre!el de linha branca; um de linha vermelha e um de linha $re!a; um $unhado de
cinzas de carvão; um charu!o; um obi; otm; dend; mel e um galo $re!o.
Maneira e Fa!er:
-assase !udo no cor$o e arrumase den!ro de um alguidar. %s linhas são desenroladas $assando sobre os
ombros da $essoa# de !r&s $ara fren!e e vão sendo jogadas den!ro do alguidar. :acri)case o galo $ara gun
e colocase den!ro do alguidar. Cobrese !udo com e$# otm# mel# es$alhase as cinzas $or cima e
des$achase numa es!rada de movimen!o.

MENSA&ENS DE E#IO/O

SentenWa:
% guerra começa en!re dois irmãos. :ua vida não ir& $ara a fren!e en"uan!o voc não $arar com a mania
"ue !em de rogar $ragas e desejar mal aos ou!ros. 7enha cuidado $ara não envolverse em $roblemas com a
 justça. %lgum# em sua casa# cos!uma chorar duran!e a noi!e e ver o fan!asma de uma donzela.
Noc gos!a de levan!ar a mão con!ra os ou!ros# ou atrar obje!os em cima de "uem o incomoda.
%cha "ue  mui!o for!e# mas o inimigo $ode venclo com mui!a facilidade.
-ode sofrer uma en!orse nos $s ou na coluna# e is!o o dei0ar& doen!e e im$ossibili!ado de se locomover
livremen!e.

7em "ue !omar bori# fazer :an!o# e oferecer um adimA a @beji. 7em "ue dar um galo a 0A# $ara "ue abra
seus caminhos. :en!e !on!eiras e dores de cabeça. %lgum# em sua casa# !em $roblemas nas $ernas.
m sua casa e0is!e uma $edra "ue $er!ence a um de!erminado /ri0&. s!a $edra deve ser !ra!ada e
alimen!ada.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
6ão con!e seus sonhos a ningum# nem re!enha coisas "ue não lhe $er!ençam. Noc $recisa recu$erar um
obje!o "ue em$enhou ou em$res!ou a algum. -rocure jogar na rua um $ouco de !udo o "ue comer.
7em "ue $ermanecer mais !em$o den!ro de casa. % felicidade# nem sem$re $ode ser encon!rada na rua.
Noc !em mui!os inimigos e não deve andar dizendo "ue sabe !udo. /s )os de con!as de /ri0&s# "ue voc
$ossui# devem ser lavados e alimen!ados# $ara "ue $ossam $ro!eglo de verdade. 'm $aren!e mor!o $ede
uma missa. ?ande rez&la com a m&0ima urgncia. ?ais cedo ou mais !arde !er& "ue fazer :an!o.
Cuidado com a inveja# seus $aren!es são os $rimeiros a caluni&lo. : conseguir& ad"uirir o imvel de seus
sonhos de$ois "ue cuidar bem do seu lado es$iri!ual. vi!e brigas den!ro de casa $ara "ue não ocorra uma
!ragdia em famKlia. :e# es!ando es!e /du como o$ol# na segunda jogada sair /s& +3 bAzios aber!os,#
assinala doença incur&vel. 6es!e caso#  $reciso !omar bori ou fazer :an!o $ara "ue o /ri0& salve a $essoa.
/ mal es!& localizado da cin!ura $ara bai0o. :e es!e /du for seguido de jionile +O bAzios aber!os,# acusa
$roblemas com a justça e a si!uação  $ssima. 6es!e caso# !em "ue agradar 9ang e fazer eb.

EBÓ DE E#IO/O

Material Necessário:
'm galo# duas $enas de $a$agaio# dois aros de ferro# dois obKs# duas favas de a!ar# dend# mel# ot e efun.
Maneira e Fa!er:
-assase o bicho no clien!e e sacri)case $ara 0A. %rrumase !udo den!ro de um alguidar e dei0ase dian!e
de 0A de um dia $ara o ou!ro. %s $enas e os aros de ferro )cam no 0A# o res!o  des$achado no lugar
indicado $elo jogo.

MENSA&ENS DE ETAO&UNDA

SentenWa:
% !ragdia sem$re  ocasionada $or alguma coisa. s!e /du assinala "ue voc $ode agredir algum com
uma arma branca ou barra de ferro. 7enha cuidado $ara não ferirse com ferro ou aço# o ferimen!o $oder&
ser fa!al. Noc fez alguma coisa "ue o envolveu# ou envolver& com a justça. 6ão brigue com seu cnjuge e
evi!e sair de casa duran!e se!e dias. Noc se sen!e amedron!ado ou !ris!e $or"ue $ressen!e um $erigo
mui!o grande "ue o ameaça. / aço es!& mui!o $er!o de sua carne# seden!o do seu sangue. Cuidado $ara
não ser agredido ou mor!o $or engano. Cuide do es!mago# evi!e &lcool e comidas for!es.
Noc !em !rs inimigos "ue desejam des!ruKlo. /ba!al& es!& zangado com voc $or sua at!ude de
desres$ei!o aos /ri0&s. -are de envolverse com mulheres es!ranhas# uma delas !en!ar& amarr&lo.
:e for mulher# !er& srios $roblemas com o marido ou namorado# "ue a sur$reender& na com$anhia de
ou!ro homem. @s!o $oder& $rovocar uma !ragdia. 6ão acei!e convi!es fei!os $or uma mulher.
'ma $essoa vigia seus $assos e# $or dio ou des$ei!o#  ca$az de !udo $ara $rejudicar a sua vida.
%lgum# em casa# !em $roblemas de dores na cin!ura. 6ão acei!e convi!e $ara uma viagem# não ande a
cavalo. :e tver "ue realizar algum negcio $eça an!es $ro!eção a um /ri0&# do con!r&rio não dar& bons
resul!ados. 0amine bem $a$is relatvos a um con!ra!o com ou!ra $essoa "ue não  leal com voc.
0is!e algum "ue !en!a des!ruir uma amizade sua# falando mal de voc# $ara "ue briguem.

vi!e )car $arado na $or!a de sua casa# is!o coloca sua vida em risco. Noc anda meio desin!eressado com o
se0o# sen!e dores nos rins e na cin!ura. vi!e encos!arse nas $aredes e andar em gru$os.

EBÓ DE ETAO&UND$

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
Material Necessário:

'm galo; um $ei0e fresco; um $edaço de carne bovina; ot; e$ $u$&; mel; um $ano $re!o. -assase !udo no
cor$o do clien!e# sacri)case o galo $ara 0A; embrulhase !udo no $ano e des$achase no lugar
de!erminado $elo jogo.

MENSA&ENS DE IROSUN ME#I

SentenWa:
6ingum conhece os segredos guardados $elo oceano. Muando es!e /du vem seguido de jionile# a $essoa
!em "ue fazer :an!o. %ssinala "ue voc v fan!asmas e !em "ue mandar celebrar missa $ara os $aren!es e
amigos mor!os. 7em "ue oferecer um $resen!e T emanj& na $raia# en!regar no mar.
:ofrer& ou j& sofreu um sus!o "ue abalou o seu coração. :uas vis!as são fr&geis#  $reciso cuid&las bem.
Carrega uma !ris!eza in!erior "ue# mui!as vezes# lhe d& von!ade de chorar. Cuidado "uando forem assen!ar
um 0A $ara voc# con)rme se es!e 0A !em a ver com o seu carrego. 6ão $ode fazer nada $ara /ri0& sem
$rimeiro agradar gun. 6ão revele seus $lanos# e0is!e mui!o olho grande "ue cor!a suas $re!ensSes.
Noc anda cego dian!e dos acon!ecimen!os. %!en!e mais $ara os assun!os relacionados T sua vida e dei0e de
lado o "ue não lhe diz res$ei!o. vi!e $assar sobre valas e buracos. Noc !em mui!os inimigos e# en!re eles#
e0is!e um da raça negra "ue  mui!o $erigoso. %lgum de sua famKlia es!& ou ser& $reso. : voc $oder&
livr&lo da $risão. Noc $ode ser vitmado $or um aciden!e com fogo. 0is!e uma $essoa em sua casa "ue s
vive criando confusão. s!a $essoa $recisa fazer :an!o $ara "ue $ossa se acalmar. Cuide de 0A# emanj& e
@UeH&. Noc cos!uma con)ar demais nos ou!ros# a! mesmo na"ueles "ue agem com falsidade. 7em sido
enganado e não consegue descobrir o engano. % sua curiosidade em demasia# lhe coloca em osogbo# o "ue
$ode lhe ocasionar dano numa das vis!as. 'ma desgraça ocorrida em sua vida# mesmo "ue !enha sido h&
mui!o !em$o# ainda lhe faz chorar. 'ma $essoa de cargo den!ro da religião ir& subme!lo a uma $rova.
0is!e algum "ue !en!a fechar os seus caminhos $ara "ue não haja $rogresso na sua vida. 7udo is!o $or"ue
voc falou coisas "ue $rejudicaram es!a $essoa. 'ma mulher de 9ang# de suas relaçSes# !alvez $aren!e
sua# !em a lKngua sol!a e  mui!o mentrosa. vi!e "ue !enha conhecimen!o de sua vida e de seus $lanos.
Noc !em "ue dar comida T 7erra e fazer $reces $ara os desam$arados. 0is!e uma $essoa em sua famKlia#
mui!o delicada# "ue es!& doen!e e $recisa cuidar melhor des!a enfermidade# caso con!r&rio# morrer& mui!o
em breve. :ua vida es!& a!rasada. Noc# mesmo "ue não saiba# !em direi!o T uma herança. -ara bo!ar as
mãos nes!a herança# !em "ue !omar borK e cuidar de /ri0&. 7em "ue fazer# $eriodicamen!e# lim$eza
es$iri!ual em sua casa.

EBÓ DE IROSUN ME#I

Material Necessário

Mua!ro $in!os de galinha# um Becha# um bas!ão de madeira# "ua!ro t$os diferen!es de cereais !orrados.
-assase !udo no cor$o do clien!e e colocase o bas!ão e a Becha nos $s de 0A e os cereais den!ro de um
alguidar. :acri)camse os $in!os $ara 0A e colocamse os cor$os den!ro do alguidar# $or cima dos cereais.
8es$achase em &gua corren!e. +% Becha e o bas!ão )cam $ara sem$re com 0A,.

MENSA&ENS DE OXE ME#I

SentenWa:
J sangue o "ue corre em nossas veias. s!e signo diz "ue voc j& !eve v&rias chances na vida# mas "ue
dei0ouas esca$ar $or não saber a$rovei!&las. :en!e von!ade de chorar e não sabe $or"ue.
Cedo ou !arde# !er& "ue fazer :an!o. Noc !em a im$ressão de "ue as $essoas o !ra!am com des$rezo e#
mui!as vezes# em diferen!es lugares# sentuse humilhado. 7udo is!o# no en!an!o#  fru!o de sua imaginação.
6ão guarde rancor de ningum $ara não come!er injustças. %ssinala uma viagem em seus caminhos. -ara
"ue !udo corra bem# d um $resen!e T uma entdade es$iri!ual "ue o $ro!ege. 'm familiar seu# j& falecido#
$ede uma missa. ?ande rez&la urgen!emen!e. 0is!em !rs mudanças de vida em seu destno. 6a !erceira
mudança# ofereça uma fes!a em louvor T /0un. emanj& lhe deu $ro!eção e livrouo de uma si!uação mui!o

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
ruim. /fereçalhe um adimA como $rova de gratdão. 0is!e uma !ragdia ou uma inimizade envolvendo
uma $essoa negra. 7enha mui!o cuidado com es!e $rognstco. Noc sen!e dores nas $ernas e no es!mago.
-rocure um mdico# $ois  $roblema clKnico. 6ão dei0e dKvidas $enden!es com /0un# $ois ela lhe cobrar&
afe!ando o seu desem$enho se0ual. -ara ob!er ir aj# mande "ue algum# de sua con)ança# lave sua
cabeça com ervas. % $essoa "ue o )zer# !er& "ue lavar an!es# sua $r$ria cabeça# com as mesmas ervas.
0is!e algum !rabalhando $ara sua "ueda. 8efendase en!errando um cravo de linha de !rem na $or!a de
casa. 'm segredo seu $oder& ser descober!o e vir a $Ablico. 7enha cuidado[ -renuncia $erigo de ser
roubado ou a descober!a de um roubo do "ual j& foi vKtma. %nuncia um $resen!e "ue es!& a caminho.
7en!e a sor!e nas lo!erias e não $recisar& mais $edir um em$rstmo "ue es!ava $lanejando.
:e sentr dores não !ome remdios sem indicação mdica. 'ma amiga ou $aren!e sua es!& gr&vida e $ensa
em fazer abor!o. Converse com ela $ara "ue não faça is!o. :e conseguir evi!ar o abor!o# /0un saber&
recom$ens&lo. Noc es!& $assando $or um momen!o mui!o di\cil. Iu!e com denodo e não $ermi!a "ue as
coisas fujam do seu con!role. Iim$e sua casa# faça uma nova arrumação na dis$osição dos mveis e jogue
fora !udo o "ue for velho# es!ragado e inAtl. Noc !em inimigos gra!ui!os "ue o de!es!am s $or inveja.
:e for clien!e do se0o feminino# a)rma "ue j& $er!enceu a mais de um homem.

EBÓ DE OXE ME#I

Material Necessário:
'm $ei0e vermelho# cinco bAzios# cinco ovos# cinco obKs# cinco folhas de aDoD# uma cabaça e areia de rio.
Maneira e Fa!er:
Cor!ase a cabaça no sentdo horizon!al e colocase areia de rio den!ro. -assase o $ei0e na $essoa e
arrumase den!ro da cabaça# sobre a areia. -assamse os demais ingredien!es e vaise arrumando em vol!a
do $ei0e# den!ro da cabaça. +/s ovos são crus e não $odem ser "uebrados,. 7am$ase a cabaça com sua
$ar!e su$erior e embrulhase com um $ano colorido. -endurase o embrulho no galho de uma &rvore na
beira de um rio.

MENSA&ENS DE OBARA ME#I

SentenWa:
<ei mor!o# $rKnci$e coroado. Noc não con)a em ningum# acha "ue !odo o mundo o es!& enganando.
-assa $or di)culdades $or"ue não !em f# não con)a nos :an!os# nem em voc mesmo. Cobiça o "ue  dos
ou!ros# inclusive as mulheres ou os homens alheios. : $ensa em dinheiro e  mui!o manhoso.
Muando )ca sem dinheiro sen!ese de !al forma desam$arado# "ue chega a $erder o in!eresse $ela vida.
'ma viagem em seu caminho. @s!o ser& mui!o bom e !rar& e0celen!es resul!ados. Noc vive chorando
misria e gos!a mui!o de mentr. %lgum de sua famKlia sen!e dores na virilha e "uen!uras den!ro do cor$o.
Noc não dorme bem e# "uando acorda# não consegue lembrar do "ue sonhou# embora saiba "ue sonhou.
7em medo da justça. 'ma hora diz uma coisa# ou!ra hora diz ou!ra com$le!amen!e diferen!e.
6ão gos!a "ue lhe digam a verdade e# "uando is!o acon!ece# "uer brigar. Corre o risco $ermanen!e de sofrer
"ueimaduras. :e $re!ende enganar algum# !enha cuidado $ara não ser enganado $rimeiro.
6ão deve usar rou$as de ou!ras $essoas# nem beber em co$os em "ue algum j& es!eja bebendo.
6ão gos!a de cum$rir com$romissos nem honrar a $alavra em$enhada. :ofrer& um grande !rans!orno
ocasionado $or uma cilada "ue algum lhe $re$arou ou es!& $re$arando. 0is!e uma ameaça $airando
sobre voc. 6ão $ermi!a "ue saibam aonde vai. s!& a!ravessando uma fase mui!o ruim# sufocado $elas
dKvidas. -ossui bom coração# mas reage de forma negatva# falando demais e sus!en!ando discussSes
inA!eis# onde diz coisas das "uais acaba se arre$endendo. Cos!uma dizer o "ue sen!e# com demasiada
fran"ueza e $or is!o# $ossui mui!os inimigos "ue !en!am# de !odas as formas# des!ruKlo. 6ão em$res!e suas
rou$as# mui!o menos cha$us. Cuidado com o "ue lhe derem $ara comer# e0is!e uma $essoa de suas
relaçSes "ue guarda uma grande m&goa e !en!ar& vingarse a!ravs de um alimen!o !rabalhado.
7em sor!e no amor# mas não deve con)ar numa $ro$os!a de negcio "ue lhe )zeram. 7enha cuidado com
um amigo de duas caras. 6ão es$ere agradecimen!os $or favores "ue !enha $res!ado a algum. :e !em um
negcio em men!e# não o adie mais# façao logo[ 6ão assine nenhum $a$el sem an!es ler# com mui!o

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
cuidado# !udo o "ue estver escri!o e cert)"uese de "ue não e0is!am $edaços em branco# onde $ossa ser
acrescen!ada alguma coisa de$ois do $a$el assinado. 6ão negue comida a ningum. vi!e fumar dei!ado# h&
risco de aciden!es. Noc $ossui um car&!er alegre#  divertdo# e $or is!o as $essoas gos!am de sua
com$anhia. @s!o# en!re!an!o# causa inveja em mui!a gen!e. ?ui!o olhogrande em cima de voc# alm de
inimigos em$enhados em des!ruKlo. /s inimigos agem $elas cos!as e a!acam de forma !raiçoeira# $or"ue
!m medo de encar&lo de fren!e. :eus maiores inimigos são do se0o feminino. vi!e andar armado# um
momen!o de descon!role $oder& arruinar a sua vida. 6unca revele# T ningum# a verdade sobre sua vida.

EBÓ DE OBARA ME#I

Material Necessário:
'm galo# uma galinha# seis abaninhos de $alha# seis obKs# seis acaç&s# um $edaço de corda do !amanho da
$essoa# um alguidar grande# mel# ot# e$# seis velas.
Maneira e Fa!er:
-assase !udo na $essoa e sacri)camse as aves $ara 0A. Colocamse os bichos mor!os den!ro do alguidar
+o galo $or cima da galinha,# arrumase as demais coisas em vol!a e a corda ao redor de !udo +den!ro do
alguidar,. Cobrese com mel# e$ e ot e acendesse as velas em vol!a. s!e eb !em "ue ser fei!o e arriado
nos $s de uma $almeira.

MENSA&ENS DE ODI ME#I

SentenWa:
'm $e"ueno buraco  indKcio de "ue e0is!e uma saKda. Noc deve !er mui!o cuidado $or"ue es!& cercado de
inveja# a! mesmo $or $ar!e das $essoas de sua famKlia. :en!ese sobressal!ado# sem saber a razão.
Noc !em dois $aren!es "ue# de !an!a inveja "ue sen!em de voc# se $udessem# fariam com "ue
desa$arecesse. 7em "ue dar comida a /baluaUe e T emanj&. 7enha cuidado com $roblemas judiciais
ocasionados $or documen!os. 6ão !en!e esclarecer uma cer!a si!uação "ue o es!& in"uie!ando. @s!o s lhe
!rar& dissabores. -erigo de "ueda $rovocando ferimen!os e se"]elas. :e sua mãe for viva# ofereça dois obKs
em honra de sua cabeça. %lgum lhe disse algo "ue lhe dei0ou mui!o mal. Cos!uma !er $esadelos e sonhar
com seus inimigos. %s di)culdades )nanceiras $elas "uais !em $assado# são motvo de zombaria. 6ão se
$reocu$e# a for!una es!& a caminho. :elecione e $res!e mui!a a!enção aos lugares $or onde anda.
<eceber& uma no^cia do in!erior. %ssinala# em seu caminho# uma viagem em com$anhia de um homem
velho. :eu car&!er  violen!o# voc vive ou !rabalha em local onde e0is!em ferros ou ma!as. Noc !em um
dbi!o com /baluaUe. 7ra!e de $ag&lo. Noc sen!e a $resença de es$Kri!os desencarnados den!ro de casa. J
is!o "ue lhe causa sobressal!os. 0is!em !rs $essoas a$ai0onadas $or voc e uma delas $oder& causar
$roblemas srios "ue $rovocarão ciAmes e resul!arão em !ragdias. %lgum# em sua casa# es!& doen!e das
vis!as. :e voc !em um )lho homem# orien!eo $ara "ue não ande em m&s com$anhias# is!o $oder& fazer
com "ue seja $reso. 6ão maldiga a sua sor!e. :eu $ensamen!o viaja# não consegue )0arse em nada.
Noc deseja mudar de onde vive. vi!e intmidades com $essoas idosas. 'ma herança a ser recebida.
%s $essoas falam mal de voc e is!o $rejudica a sua vida. 7enha cuidado com seus cabelos# não $ermi!a "ue
se a$ossem de alguns de seus )os# $ois irão us&lo num !rabalho de feitçaria "ue o !ornar& louco ou
alcola!ra. %ssinala gravidez na famKlia# $ossKvel nascimen!o de gmeos. 'm dinheiro# !razido $or uma
$essoa "ue es!& no e0!erior# encon!rase a caminho. %lgum# "ue conhece seus segredos# faz uso dis!o $ara
mani$ul&lo. 'ma coisa $erdida ser& recu$erada. Noc fala de mais e com is!o# alm de des!ruir seu $r$rio
fu!uro# $ode cair em desgraça.

EBÓ DE ODI ME#I

Material Necessário:
'ma galinha carij# se!e es$igas de milho verdes# se!e t$os diferen!es de cereais !orrados# se!e chaves# se!e
moedas e se!e $edaços de ra$adura.
Maneira e Fa!er:
-assase !udo na $essoa e arrumase den!ro de uma $anela ou alguidar de barro. :acri)case a galinha em
cima do eb e colocase o seu cor$o sobre ele. 8es$achase num caminho de subida +no inKcio da subida,.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
?6:%V6: 8 P@/6@I

:en!ença*
% cabeça comanda o cor$o. 'm s rei governa o $ovo. Muando es!e /du sai numa consul!a devese $assar
um $ouco de efun na !es!a do consulen!e. Noc não  reconhecido $or seus mri!os e a cul$a  sua.
J roubado den!ro de sua $r$ria casa. 7eve um sonho "ue lhe dei0ou mui!o $reocu$ado.
/ba!al& recomenda "ue# $or $ior "ue es!ejam as coisas# não deve )car !ris!e# nem renegar sua vida e mui!o
menos $egar o "ue não lhe $er!ence. 7udo o "ue ob!m  Ts cus!as de mui!o sacri\cio e l&grimas e is!o
$or"ue voc não cuida devidamen!e do seu /ri0&. 7ra!e do seu :an!o e !udo se !ornar& mais f&cil $ara voc.
Zs vezes voc ri "uando sen!e von!ade de chorar. Noc  maledicen!e e cos!uma renegar sua crença.
8eve usar sem$re rou$as brancas. :ofre das $ernas e cos!uma !er cãibras. vi!e !omar mui!o :ol na cabeça.
<es$ei!e seus mais velhos# não zombe deles $ara não a!rasar sua vida. m breve receber& no^cias de um
familiar dis!an!e. Noc não !em !ran"]lidade e mui!as vezes# sen!e von!ade de morrer.

:ua famKlia viveu Ts suas cus!as e "uando voc )cou sem condiçSes de sus!en!&los# viraramlhe as cos!as.
Noc não !em sor!e com as amizades. 6ão deve comer feijão branco nem bucho. 6ão con!e seus sonhos a
ningum. 6ão use nada "ue !enha $er!encido a algum "ue j& morreu. / gun de uma $essoa conhecida
es!& "uerendo alguma coisa de voc. 8lhe o "ue deseja. 6ão coma mandioca# amendoim e comida de um
dia $ara o ou!ro. 6ão acumule li0o $elos can!os. Noc  sem$re mal $ago $elos seus serviços.
_& uma guerra em sua vida da "ual sair& vi!orioso. Noc sem$re abriu mão de !udo em favor de $essoas
"ue hoje são suas inimigas. ?ui!a gen!e fala mal de voc e de sua honra# somen!e $or inveja.
:e ouvir chamar seu nome# s res$onda de$ois de ver "uem es!& chamando. 6ão visi!e enfermos.
Noc !em uma boa $redestnação "ue $ode ser revelada a!ravs de seus sonhos. -rocure in!er$re!&los
corre!amen!e e seguir as orien!açSes neles contdas. :en!e dores na vis!as e na barriga. vi!e subir escadas
caracol e descer em $orSes. 6ão colo"ue $erfumes na cabeça nem ande nu da cin!ura $ara cima.
6ão use rou$as remendadas nem !enha em casa garrafas e $o!es des!am$ados. Noc fez uma coisa "ue o
dei0ou $reocu$ado e a$reensivo. -rovavelmen!e !er& se a$ro$riado de algo "ue não lhe $er!encia. -ode
gerar uma )lha %biDA. 0is!e uma $essoa $oderosa "ue es!& !en!ando $rejudic&lo. s!a $essoa fez um
!rabalho com res!os de um defun!o $ara seu mal. s!e male\cio $ode ser facilmen!e neu!ralizado e# $ara
is!o# bas!a "ue voc# duran!e se!e dias consecutvos# evi!e sair de casa an!es das 12 horas. Muando es!e /du
sai numa consul!a devese $assar um $ouco de efun na !es!a do consulen!e. Muando es!e /du surge em
o$ol e de$ois sai novamen!e na $rimeira mão# se vier !razendo ir signi)ca "ue o consulen!e  )lho de
/ba!al& e !em "ue fazer :an!o.

EBÓ DE E#IONI%E

Material Necessário:
'ma galinha branca# uma vara de madeira do !amanho da $essoa# canjica cozida# oi!o ovos crus# um $edaço
de $ano branco# oi!o acaç&s# oi!o bAzios# algodão em rama e um alguidar.
Maneira e Fa!er:
-assase !udo no cor$o do clien!e e arrumase no alguidar "ue j& foi an!eriormen!e forrado com algodão.
%marrase o $ano na vara de madeira "ue deve ser )ncada no solo como uma bandeira. %rreiase o alguidar
com o eb na fren!e da bandeira. -assase a galinha no clien!e# com mui!o cuidado $ara não machuc&la#
a$resen!ase a 0A e sol!ase com vida. s!e eb  $ara ser fei!o num lugar bem al!o# de fren!e $ara o local
onde nasce o :ol# de manhã bem cedo.

MENSA&ENS DE OSA ME#I

SentenWa:
-or vezes a loucura não $assa de convenincia. 0is!e um clima de revol!a e descon!en!amen!o em sua casa
"ue $oder& gerar $roblemas de justça. 'ma cer!a $essoa "ue fre"]en!a sua casa  a Anica res$ons&vel $or
es!a si!uação. 6unca ajude ningum a levan!ar coisas $esadas# $ois is!o far& com "ue es!a $essoa suba na

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
vida e voc regrida. 6ão guarde nada de ningum sem an!es conferir do "ue se !ra!a# $ara não correr o risco
de lhe en!regarem uma coisa e de$ois dizerem "ue foi ou!ra.
6unca viaje sem an!es fazer eb. 'ma doença coloca sua vida em $erigo. Faça eb e d um $resen!e $ara
/sain $ara livrarse des!e osogbo. Cos!uma sonhar com alimen!os e com $essoas "ue j& morreram.
6ão durma sobre lençis de cores. 7enha cuidado com $ragas e maldiçSes "ue lhe !enham lançado. :e seu
$ai j& faleceu# mande rezar uma missa $or sua alma e $eçalhe "ue o $ro!eja des!e $erigo. 7enha cuidado
com o fogo e com gol$es de ar# a mor!e es!& sem$re ao seu redor. Noc !em $aren!es no e0!erior.
J !eimoso# !em cabeçadura e gnio ruim. 6ão admi!e "ue o con!radigam e não $erdoa ofensas.
Muando se aborrece# não !em medo de ningum e se lhe fazem alguma coisa# !m "ue $agar $or is!o. :ua
saAde não es!& nada boa. vi!e velrios e cemi!rios. 6ão coma carne# feijão branco e gale!os. 6ão use
rou$as 0adrez ou com "uadrados e evi!e !ambm# cores berran!es. Noc !em sido !rabalhado com feitçarias
fei!as a!ravs de guns. 6ão seja curioso e evi!e olhar re$entnamen!e# $ara lugares escuros.
6ão descuide de suas rou$as e de obje!os de uso $essoal $ara "ue não sejam usados em !rabalhos de
feitçaria. Noc !em !rs inimigos den!re os "uais# um meio ruço# a "uem j& favoreceu em diversas ocasiSes.
_oje# es!a $essoa  o seu inimigo mais $erigoso. 7em "ue !omar borK. Noc $ensa em alguma coisa e logo se
es"uece dela. n!re seus ances!rais mor!os e0is!e um "ue# cansado de vlo sofrer# "uer lev&lo $ara seu
lado. m cima de voc !em mui!o mauolhado "ue lhe causa diversos con!ra!em$os. 6ão acredi!e nos
amigos# na verdade# voc não !em nenhum verdadeiro.

EBÓ DE OS$ ME#I

Material Necessário:
'm galo# nove agulhas# nove !aliscas de dendezeiro# nove bolos de farinha# nove cabacinhas $e"ueninas#
nove acaç&s# nove grãos de a!ar# nove moedas# nove $enas de eDodid# algodão# efun e um alguidar.
Maneira e Fa!er:
:acri)case o galo $ara 0A e colocase den!ro do alguidar. %rrumase !udo em vol!a do galo. 6as $on!as das
!aliscas de dendezeiro# enrolase um $ouco de algodão como se fosse um co!one!e. ?olhase o algodão
enrolado nas !aliscas# no sangue do galo e de$ois $assase no $ de efun. %s !aliscas e as $enas de eDodid
não vão den!ro do alguidar# devem ser es$e!adas no chão# formando um cKrculo ao redor do mesmo# no
local em "ue for des$achado. 6es!e eb não se $assa nada no cor$o do clien!e. 8es$achar na beira da $raia
sem acender velas. 6a vol!a# !odas as $essoas "ue $artci$aram !m "ue !omar banho de folhas de elevan!e
e defumarse com $ de canela.

MENSA&ENS DE OFUN ME#I

SentenWa:
J a agulha "ue carrega a linha. Noc faz de!erminadas coisas "ue afas!am seu %njodaVuarda# im$edindo
"ue lhe d a $ro!eção "ue gos!aria de dar. 6ão gos!a mui!o de !rabalhar e $refere encos!arse em algum
$ara conseguir o "ue $recisa. P& !eve diversas chances $ara ganhar dinheiro# mas nunca re!ribuiu aos /ri0&s
e# $or is!o# $erdeu !udo. 7em "ue fazer @f&# mesmo "ue não chegue a ser bTb&l&Ho. 'ma criança de sua
famKlia es!& doen!e# !ome $rovidncias nes!e sentdo. :e for mulher# !em re!enção do Bu0o mens!rual "ue
$ode se agravar dei0andoa doen!e de cama. Noc !em uma m&goa mui!o grande de algum de sua famKlia.
?udese do lugar onde es!& morando $or"ue ali e0is!e mui!o olhogrande em cima de voc.
Noc  uma $essoa mui!o sofrida e $ode enlou"uecer $or não ag]en!ar mais !an!o sofrimen!o. :ua cabeça
não es!& nada bem no as$ec!o $sicolgico. Noc# em de!erminados momen!os# deseja morrer.
6ão dorme bem e demora mui!o a $egar no sono. vi!e fumar. Chegarão no^cias sobre a mor!e de algum
dis!an!e. 6ão seja curioso# is!o $ode ocasionar cegueira. :e voc !em alguma coisa guardada "ue re$resen!e
um segredo# não facili!e com a chave do local onde es!& guardada# $ois algum !en!ar& descobrir o "ue  e
divulgar o seu segredo. Noc es!& com $roblemas de barriga e $ode es!ar gr&vida.
0is!e uma coisa boa em seu caminho "ue não $assa da es"uina da sua rua e não consegue chegar em sua
casa# $or"ue e0is!e um es!orvo "ue a im$ede de chegar. vi!e aborrecimen!os. mbora não $areça# sua
saAde não es!& boa e um aborrecimen!o srio $oder& ocasionar a sua mor!e. 6a sua casa e0is!em coisas
en!erradas e $or is!o# ouvemse ruKdos e acon!ecem coisas es!ranhas. Zs vezes voc es!& mui!o bem e#
re$entnamen!e# sen!e von!ade de rir e de chorar ao mesmo !em$o# sem saber $or "ue. Zs vezes se

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
sur$reende falando sozinho e não en!ende o "ue es!& se $assando. % mor!e ronda sua casa e# $or is!o# não
deve !er vasilhas des!am$adas e li0o amon!oado $elos can!os. 7enha mui!o cuidado com o "ue come e#
"uando estver comendo# evi!e ser incomodado ou in!errom$ido. 6ão abra sua $or!a de$ois "ue tver
dei!ado $ara dormir. 6ão visi!e doen!es nem v& a velrios. Noc $ro!ege uma $essoa "ue  sua inimiga.
Noc vive sofrendo $or algum "ue s $rejudicou a sua vida. 6ão se molhe na chuva nem se e0$onha T luz
da Iua. 7em "ue oferecer alguma coisa ao seu /ri. 6ão )"ue em fal!a com seus mais velhos nem "ueira
in!eirarse de coisas "ue não lhe dizem res$ei!o. Noc !em uma marca ou sinal grande no cor$o.
7udo o "ue voc !en!a fazer sai errado. 6ão deve comer milho e feijão branco. Muando estver T mesa
comendo# não deve levan!arse $ara a!ender a $or!a. Noc sen!e uma !ris!eza "ue lhe faz chorar.
Muando caminha um $ouco# sen!ese cansado. J $roblema de circulação sang]Knea. -assou $or srios
$roblemas na vida# ocasionados $or sua famKlia e $or amigos "ue o roubaram. Noc !em ou !er& uma )lha
cujo olorK  9ang ou /ba!al&. Noc ou uma $essoa de sua casa !em uma doença "ue  de origem es$iri!ual.
-agando o "ue deve ao /ri0&# a doença desa$arecer& imedia!amen!e. %lgum es!& !ramando um $lano
$ara $rejudic&lo e coloc&lo em a$uros. Vos!a de jogar# mas não !em tdo sor!e. %lgum# $or inveja# lhe
lançou uma maldição $ara "ue a sor!e lhe virasse as cos!as. 6ão se vis!a de negro nem durma sobre lençis
de cores. 7enha cuidado com rumores e $roblemas com a justça. %lgum o difama e levan!alhe falso
!es!emunho. Noc não encon!rou em sua vida ningum "ue lhe desse uma ajuda. <ogue a $ro!eção de
/0un e de /ba!al&. Noc $ode ser $reso. 'ma $essoa a "uem j& $res!ou mui!os favores# !rar& uma fofoca.
6ão lhe d ouvidos $or"ue "ual"uer at!ude "ue venha a !omar# $ode lhe !razer graves conse"]ncias. :e
!em algum $roje!o em men!e# aja com mui!o cuidado# /0un avisa "ue nas &guas calmas e0is!em
redemoinhos. 'ma amizade sua# den!ro em breve# se !ransformar& em inimizade.
Cuidado com um roubo. Noc se j& não foi# ser& submetdo a uma in!ervenção cirArgica.

EBÓ DE OFUN ME#I

'ma tgela branca grande# canjica# uma !oalha branca# dez velas brancas# dez acaç&s# um obi de "ua!ro
gomos# &gua de Bor de laranjeira# $ de efun# algodão em rama e um igbKn vivo. Ievase !udo ao al!o de
uma mon!anha e ali# embai0o de uma &rvore bem co$ada# fazse o seguin!e* -rimeiro rezase a saudação de
/fun ?eji# de$ois# forrase o chão com a !oalha branca; no meio da !oalha# colocase a tgela com a canjica#
colocase os "ua!ro gomos do obi sobre a canjica# um de cada lado; colocase os dez acaç&s em vol!a da
tgela; em cada acaç& es$e!ase uma vela# cobrese a tgela com o algodão# derramase sobre ele a &gua de
Bor de laranjeira e cobrese com o $ de efun. -assase o igbKn na $essoa e mandase "ue ela o colo"ue#
com suas $r$rias mãos sobre a tgela. 8erramase um $ouco de &gua de Bor de laranjeira sobre o igbKn "ue
dever& $ermanecer vivo. : en!ão acendese as velas e fazse os $edidos. % cada $edido formulado dizse*
`_eD$a >ab&. 6a vol!a $ara casa devese falar o mKnimo necess&rio e# a $essoa "ue $assou $elo eb !em
"ue guardar resguardo de dez dias e vestrse de branco duran!e o mesmo $erKodo.

?6:%V6: 8 /6<@6 ?P@

:en!ença*
-egar &gua num ces!o  !rabalhar inutlmen!e. Noc  $essoa de mui!o mal gnio e# $or es!e motvo# não
deve dar ouvidos T fofocas $ois is!o $oder& ocasionar uma desgraça em sua vida. 6ão se in!rome!a na"uilo
"ue não lhe diz res$ei!o. 6ão diga a ningum "ue em seu casamen!o e0is!e amor verdadeiro# $ara "ue não
in!er)ram na sua relação. :ua vida j& não  mais o "ue era an!es. 7em "ue oferecer um galo $ara 0A jun!o
com /gun# com bas!an!e milho !orrado. %s di)culdades "ue es!& $assando são decorren!es de algum erro
no $assado. 6ão !em tdo $aradeiro )0o e lhe fal!am coisas essenciais. 7em "ue assen!ar legbara# ele  seu
guardião e "uer lhe dar $ro!eção. Noc $ode ser agredido a $auladas e )car& mui!o machucado.
-ossui mui!os inimigos "ue não lhe dão !rguas. -eça a $ro!eção de 9ang con!ra os inimigos.
Come!eu uma fal!a com uma $essoa mais velha e# $or is!o# lhe im$useram maldiçSes e man!m velas
$ermanen!emen!e acesas $ara "ue voc não !enha $az. 6ão ande em gru$os nem !ome bebida em
com$anhia de ningum. vi!e andar na rua !arde da noi!e. :e !em alguma viagem $ara o in!erior
$rogramada# não a faça $or en"uan!o. 6ão $are em es"uinas. -ague uma dKvida "ue voc !em com /0un.
Noc  uma $essoa mui!o geniosa# $or!an!o# não deve $or!ar armas# discutr nem brigar com ningum.
6ão diga mais as `verdades "ue cos!uma dizer Ts $essoas. -rocure fre"]en!ar menos fes!as.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
'm amigo seu # na verdade# um inimigo bem dissimulado. /nde voc mora e0is!e mui!a umidade# !ra!e de
mudarse. 0is!e uma enfermidade em seu caminho. /0un es!& de $ com voc# evi!e dis$u!as com "uem
"uer "ue seja. 6ão !en!e se$arar um casal "ue  feliz. 6ão cobice a mulher ou o marido do seu $r0imo.
:e algum lhe $edir $ara guardar alguma coisa# não a!enda# $ois seguramen!e# ser& acusado de roubo.
Noc es!& em dbi!o com os /ri0&s. 0is!e um gun "ue o $ersegue e não lhe d& sossego. ?ande rezarlhe
uma missa. Noc cos!uma sonhar com coisas es!ranhas e com $essoas des$idas. 7enha cuidado com o fogo
e com os ciAmes. /s dois $odem "ueim&lo. 6ão levan!e a mão con!ra "uem "uer "ue seja.
Muerem "ue voc assuma a $a!ernidade de uma criança "ue não  sua. Noc cos!uma fazer !udo ao
con!r&rio do "ue lhe mandam. 6ão negue comida a "uem "uer "ue v& T sua casa# is!o lhe dei0a em osogbo#
!razendo guerra em sua vida. 6unca se vingue de ningum# 0A manda dizer "ue ele  su)cien!e $ara
cobrar !odo o mal "ue lhe façam. Cuide mui!o de legba. % $essoa "ue se consul!a !em obje!os guardados
"ue $er!enceram a algum "ue j& morreu. :e estver doen!e# !em "ue se cuidar $ara "ue não morra. 7em
"ue dar um galo a 0A com e$# $ de eDA# $ de ej&# oridacos!a e mui!o milho !orrado. m seguida a
$essoa deve fazer uma visi!a a um hos$i!al. Muando es!e /du# saindo em o$ol# vier seguido de /Danran# e
es!ando em osogbo# $ode es!ar indicando $risão ou mor!e e !em "ue se dar um cabri!o e duas galinhas
dGangola $ara legbara.

Te> 7e se ?a!er3 aina3 o se67inte e9Y:


'm cravo de linha de !rem# um facão# uma fa"uinha# uma corren!e de ferro# e um bas!ão de madeira. /s
bichos acima relacionados são sacri)cados sobre legbara e os demais com$onen!es. 8es$achase !udo
numa encruzilhada de rua. :e vier# nas mesmas condiçSes# seguido de @rosun# a $essoa !em "ue !er mui!o
cuidado com favores recebidos $ois "uem lhe $res!a favores es!& mal in!encionado e !udo o "ue faz# 
$lan!ar $ara colher mais !arde. :abe "ue o clien!e !em uma cabeça boa e $re!ende trar $rovei!o roubando
a sua sor!e.

EBÓ DE OÓNRIN ME#I

Material Necessário:
8ois obKs# duas solas de sa$a!os velhos +da $r$ria $essoa,# dois bone"uinhos de $ano# dois $edaços de
$ano# sendo um branco e um amarelo# uma casinha de cera# duas $encas de bananas# dois sa"uinhos de
confe!e# e um galo $ara 0A. % rou$a "ue a $essoa estver vestndo na hora do eb# !em "ue sair no carrego#
"ue ser& des$achado nos $s de uma &rvore frondosa. Fei!o o eb# o clien!e se vestr& de branco $or dois
dias.

MENSA&ENS DE E#I%AXEBORA

SentenWa:
Muando não e0is!e guerra o soldado não morre. 7enha cuidado com a justça e com o fogo. Noc es!&
metdo numa coisa ruim "ue $ode !razer mal resul!ado. Noc !eve um sonho ruim onde via sangue
derramado. 9ang es!& zangado com voc# $rocure a$azigu&lo bem de$ressa. -ossui um gnio mui!o
violen!o. 7em inimigos den!ro de sua $r$ria casa. s!& metdo em confusSes# nas "uais ser& derro!ado# e
não sabe como sair delas. %lgum fez uma armadilha $ara "ue voc )casse arruinado moral e
ma!erialmen!e. 0is!e algum a "uem voc sen!e ganas de agredir )sicamen!e. 6ão faça is!o $or"ue o
$rejuKzo maior ser& seu. -ressen!e "ue es!ão lhe fazendo mal e não es!& enganado. 0is!e mui!o fogo
mandado em sua direção. 7mlhe fei!o mui!o feitço $or inveja da sua maneira de ser. :e o clien!e for
homem# !em "ue !er mui!o cuidado com uma mulher "ue o es!& "uerendo amarrar. 7odos os con!ra!em$os
de sua vida são causados $or mulheres "ue foram des$rezadas. 8eve !er mui!o cuidado com o "ue come e
bebe. J des!a forma "ue cos!umam $eg&lo. 9ang aconselha "ue $ense bem no "ue fala# nunca diga nada
sem an!es es!ar seguro do "ue vai dizer e# $rinci$almen!e# não calunie a "uem "uer "ue seja. Noc  uma
$essoa "ue acha "ue sabe mui!o# mas# na verdade# não sabe nada. Vos!a de falar mal dos :an!os e dos
sacerdo!es. <es$ei!e a o$inião alheia# voc gos!a de ser crKtco e bancar o engraçado.
Noc descon)a de algum "ue  sincero e leal com voc# !ra!ase de uma $essoa mui!o nobre e "ue não
gos!a de mui!a conversa. -or mais "ue bus"ue# sem$re escolhe mal suas amizades. 6ão se dei0e levar $or
fala!rios infundados. 6ão use rou$as lis!radas nem rou$as em$res!adas. Noc convive com algum "ue lhe

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
causa asco.Nai sofrer uma !raição num lugar "ue cos!uma fre"]en!ar. vi!e ir l& $or es!es dias. :ua
fran"ueza e !emeridade fazem com aja com im$rudncia. <essen!ese $or "ual"uer bobagem e guarda
rancores $rofundos# "uando me!e algo na cabeça# )ca cismado e is!o !em lhe ocasionado mui!as $erdas.
%cha "ue !udo "ue lhe fazem  $or maldade e in!encionado# es"uecendo "ue# mui!as vezes# as $essoas se
$rejudicam sem "uerer. -ague uma dKvida "ue !em com 9ang. Noc !em sido alvo de calAnias.
'ma $essoa de sua amizade !em !en!ado amarr&lo# mas# "uando $ensa "ue conseguiu# voc j& se livrou da
armadilha. 7enha cuidado $ara não ser enganado numa "ues!ão de herança. %grade /0un $ara resolver
$roblemas relacionados a dinheiro. -rocure mudar a $osição de sua cama. :e o clien!e for do se0o
masculino# !em "ue usar um )o de con!as de /0al& e ou!ro de 9ang. 8eve !er cuidado $ara não ser
acometdo $or uma crise de im$o!ncia se0ual fora de sua casa. Noc  governado $or 9ang# e $or is!o#
!em "ue agrad&lo mui!o.

EBÓ DE E#I%A XEBORA

Material Necessário:
'm galo# dois $ombos# doze folhas de babosa# doze $edacinhos de ori da cos!a# doze $edaços de coco seco#
doze grãos de a!ar# um alguidar# doze folhas de mamona# doze bAzios# um charu!o de boa "ualidade#
dend# mel# ot# $ de $ei0e defumado# $ de eDA defumado# doze grãos de leleDun e efun.
:acri)case o galo $ara 0A e colocase den!ro do alguidar.
Maneira e Fa!er:
-assase no cor$o do clien!e e vaise arrumando no alguidar# em vol!a do galo# as folhas de babosa e os
bAzios. <egase com mel# ot e dend# cobrese com $ de $ei0e e $ de eDA. -egase as folhas de mamona
e# sobre cada uma delas colocase um $edaço de coco# em cima de cada $edaço de coco um $edacinho de
ori# um grão de a!ar e um de leleDun e com is!o se faz doze !rou0inhas. -assamse as !rou0inhas no clien!e
e vaise arrumando no alguidar. -or )m# $assase os $ombos e sol!ase com vida. / eb  arriado den!ro de
uma ma!a e o charu!o# de$ois de aceso#  colocado em cima de !udo.

MENSA&ENS DE E#IO%O&BON

SentenWa:
Muando e0is!e enfermidade o sangue adoece. s!e /du assinala "ue voc $ode es!ar doen!e do sangue# o
"ue se manifes!a $or eru$çSes ou caroços na $ele. Fala de doenças ad"uiridas $or con!&gio ou $or
heredi!ariedade. Noc es!& a!ravessando uma si!uação mui!o di\cil $or ser desobedien!e e !eimoso.
6ão seja curioso# nem mal!ra!e os cães. Muando voc es!ava no ven!re de sua mãe# algum lançou uma
maldição sobre ela. s!a maldição )cou sobre sua cabeça e a! hoje o acom$anha. 0is!em dAvidas em
relação a uma $a!ernidade. 6ão se dei0e envolver $or um $roblema familiar "ue resul!ar& em !ragdia.
'ma donzela  seduzida e desvirginada. Noc !em !endncias a assumir at!udes insanas "ue $Sem em risco
sua re$u!ação e sua honra. %lgum# obstnadamen!e# $ede sua mor!e. %!enda aos seus /ri0&s $ara livrarse
de @DA. Noc !em um $roblema de herança de :an!o "ue s ser& decifrado com ajuda de um bTb&l&Ho. 6ão
cruze as mãos sobre a cabeça# is!o a!rasa sua vida e lhe !raz osogbo. Cuidado $ara não ser acusado de
roubo. Zs vezes voc sen!e von!ade de sair andando sem rumo. :eria mui!o bom "ue voc mudasse $ara
ou!ra cidade. /molA caminha com voc $asso a $asso. Noc $recisa assen!ar /molA.
-re$are um sa"uinho cheio de milho# amarre com uma tra de $alhadacos!a e $endure a!r&s da $or!a de
sua casa# $ara !er a $ro!eção de /molA. -rocure um bTb&l&Ho $ara lhe consul!ar aos $s de /runmil&#
a!ravs do jogo de oD$ele. 'ma grande mudança# "ue $oder& ser $ara melhor ou $ara $ior# ocorrer& em sua
vida. 7em "ue $es"uisar do "ue se !ra!a. 'ma si!uação "ue chega ao )m# sa!uração !o!al e absolu!a
im$ossibilidade de dar contnuidade a alguma coisa. /fereça um adimA T 6anã. Noc cus!a a !omar uma
at!ude# )ca indeciso e $refere agir sob a orien!ação de algum em "ue con)e. J in!eligen!e e !em boas
idias# mas não consegue coloc&las em $r&tca sem o au0Klio de ou!ros. -refere ser comandado T
comandar. Vos!a de viver em gru$o e de fre"]en!ar lugares onde se reAnem mui!as $essoas.
6ão su$or!a a solidão e o isolamen!o. -ara !er sor!e na vida# deve morar $er!o do mar# de rio ou de lagoa.
:ua casa  fre"]en!ada $or mui!a gen!e e voc !em mui!os amigos.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
EBÓ DE E#IO%O&BON

Material Necessário:
'm $ei0e fresco# 1 $ãezinhos# um alguidar# um $edaço de $ano $re!o# um $edaço de $ano branco# $ de
$ei0e e de eDA defumado# dend# mel e vinho tn!o.
Maneira e Fa!er:
-assase o $ei0e na $essoa e colocase den!ro do alguidar# $assase os $ães na $essoa e arrumase em vol!a
do $ei0e. <egase !udo com mel# dend e vinho. :al$icase os $s sobre !udo. -assase o $ano $re!o nas
cos!as da $essoa e colocase den!ro do alguidar. -assase o $ano branco na fren!e e com ele embrulhase o
alguidar. 8es$achase nas &guas de um rio ou de uma lagoa.

MENSA&ENS DE I/$ ME#I

SentenWa:
Muando chove o sa$o se abriga em bai0o da $edra. Noc $artci$ou de uma cena de violncia# "uer seja
como au!or# "uer seja como vKtma. s!& envolvido numa si!uação insus!en!&vel "ue !erminar& como um
motm# de forma violen!a e e0$losiva. Nive $erigosamen!e# como "ue sen!ado num barril de $lvora. :e 
mulher# j& foi es!u$rada ou sofreu uma ameaça de es!u$ro. %lgum "ue o odeia $rofundamen!e !en!ar&
con!ra a sua vida usando arma de fogo. :eu a$et!e se0ual  e0acerbado e is!o $ode $rovocar uma !ragdia
em sua vida. 'm homem jovem e de car&!er violen!o es!& lhe criando srios $roblemas "ue voc não sabe
como solucionar. /0umar es!& $ron!o a lhe au0iliar# ofereçalhe um adimA. Noc $ode ser )lho de /0umar
ou de :oboadan. 6ão ande armado e evi!e locais onde se $ratcam a $rost!uição ou "ual"uer t$o de jogo#
mesmo os jogos es$ortvos. Noc ser& ferido e seu sangue derramado num local onde a multdão far& um
$ro!es!o. vi!e $assea!as# comKcios e manifes!açSes $Ablicas de $ro!es!o.
-rocure um bTb&l&Ho# /runmil& $recisa de seus $rstmos. 'ma no^cia de um aciden!e com mor!e lhe
!razendo grande cons!rangimen!o. % mulher  violen!ada $elo $r$rio marido e j& o foi $or um $aren!e
bem $r0imo. %ssinala caminho de bTb&l&Ho# voc !em "ue fazer @f&. %visa a mor!e de um en!e "uerido $or
ferro e fogo. 7em "ue fazer eb $ara lim$arse do osogbo e dar comida a /0umar. 7em "ue cuidar de
emanj& e de /runmil&. % mulher !em "ue receber aDof&# assen!ar /runmil&# legbara e os Vuerreiros
+/gun# /0ssi e sun,. :e for sol!eira !em "ue casar com um bTb&l&Ho. Noc abusa de sua au!oridade e a
usa $ara $isar e humilhar os subal!ernos. ?ude sua at!ude $ara não se !ornar escravo de "uem escraviza
hoje. Noc sair& vi!orioso de uma dis$u!a em "ue se me!eu# mas $ara isso# !er& "ue agir com mui!a energia.
-ense duas vezes an!es de !omar uma decisão. % im$e!uosidade $oder& cus!ar a sua vida. /s recursos de
"ue dis$Se são insu)cien!es $ara o $roje!o "ue !em em men!e. -re$arese melhor $ara não fracassar.
/u!ras $essoas tram $rovei!o do seu sacri\cio# o "ue lhe $rovoca mui!a revol!a. 7udo o "ue voc faz s
bene)cia os ou!ros# "ue nem ao menos reconhecem o seu valor. 'm amigo em "uem con)a es!& lhe !raindo
e faz !udo $ara $rejudic&lo. 'ma mulher !raKda e des$rezada  mais $erigosa do "ue uma ser$en!e ferida.
7enha mui!o cuidado. 6ão discu!a com ningum nem acei!e desa)os. %ja com a cabeça e aguarde o
momen!o cer!o. :ua cabeça  boa e de con"uis!as# mas o seu mau gnio a!ra$alha !udo. -or duas vezes j&
"uiseram lhe ma!ar# na !erceira# $or cer!o# conseguirão.

EBÓ DE I/$ ME#I

Material Necessário:
'm galo# duas "uartnhas com &gua# 14 grãos de milho# 14 grãos de a!ar# 14 favas de bejereDun# 14 grãos
de leleDun# um alguidar# um $ano branco# 14 moedas# uma mecha de $avio de lam$arina# um obi# um
orgb# 14 ovos e 14 acaç&s.
Maneira e Fa!er:
nchemse as "uartnhas com &gua de $oço# sacri)case o galo $ara 0A e arrumase no alguidar. -assase
os demais ingredien!es na $essoa e vaise arrumando den!ro do alguidar# +os ovos são "uebrados,.
8erramase a &gua das "uartnhas# uma sobre o eb e a ou!ra na !erra. 8es$achase em &gua corren!e.
+%s "uartnhas não $recisam ser des$achadas,.

54
EBÓS PARA TODOS OS FINS
MENSA&ENS DE OBEO&UND$

SentenWa:
 % mesma força "ue movimen!a  a "ue $aralisa. Noc  uma $essoa ingnua e "ue não v a maldade do
mundo. % sua ingenuidade faz com "ue con)e em !odo mundo# $rinci$almen!e na"ueles "ue não merecem
a sua con)ança. %s $essoas lhe elogiam $ela fren!e# agradam# e# de$ois "ue ob!m o "ue desejam# zombam
de voc $elas cos!as. :eu grande defei!o  a vaidade. J $or aK "ue o atngem. s!& sem$re $ron!o a receber#
de braços aber!os# a! mesmo a"ueles "ue j& o !enham !raKdo. -erdoa e es"uece com mui!a facilidade# !odo
o mal "ue lhe fazem. 7em "ue !omar um borK e assen!ar /ba!al&. 7em "ue agradar /gun e @UeH&. :ofre da
vesKcula# sen!e dores e acidez no es!mago. / mal es!& em sua boca# evi!e !alheres de me!al. 6ão consegue
agir de agir de m& f com ningum. 0is!e um gun "ue o $ersegue $or"ue "uer ser !ra!ado. Cuide des!e
gun# acendalhe velas e $eça a sua $ro!eção. 7em "ue assen!ar %zaHani. 7em cargo den!ro do :an!o.
-rocure saber "ual . 7em "ue se iniciar no cul!o de /runmil&# ser a$e!ebK ou bTb&l&Ho. 7em "ue cul!uar
>ab& %jal& $ara ob!er uma boa cabeça. 7em "ue assen!ar 0A @jelA e cuidar dele $ara receber sua $ro!eção.
7enha mui!o cuidado $ara não agredir algum com uma arma branca. :ua relação amorosa sofre o$osição
de !erceiros "ue desejam sua se$aração. :e for homem# !em $roblemas de im$o!ncia e $recisa fazer eb
$ara "ue o $roblema não se agrave. :e "uiser rea!ar com algum a "uem ama# ofereça um galo branco a
0A @jelA. Cuide mui!o bem de sua casa e não brigue com seu cnjuge.
:ua vida es!& a!rasada $or"ue desmancharam um assen!amen!o de /ri0& "ue lhe $er!encia. 7em "ue
assen!ar /0un. 6ão deve beber bebidas alcolicas. 6ão $ode comer $ombo.

EBO DE O&BEO&UNDA

Material Necessário:
'm alguidar cheio de $i$oca# den!ro do "ual se sacri)ca um galo branco. 6o mesmo alguidar colocase* 'm
orgb# um obi# uma fava de a!ar# mel# dend# vinho branco# uma fa"uinha $e"uena# um caco de louça#
uma $edra de rua# uma $edra de rio# uma $edra do mar e um bone"uinho.
Maneira e Fa!er:
%rreiase !udo num caminho de !erra "ue saia num rio. 6ão se $assa nada no cor$o do clien!e e  ele "uem
deve arriar o eb e fazer os $edidos en"uan!o acende 14 velas ao redor. +/s $edidos são fei!os a 0A,.

MENSA&ENS DE A%AFIA

SentenWa:
'ma venda sobre os olhos esconde o $r$rio nariz. Muando sai es!e /du# o jogo não $ode ser cobrado e# se
 j& o foi# o dinheiro !em "ue ser devolvido ao clien!e. Noc fala bem# sabe convencer# mas muda de o$inião
com mui!a facilidade. -ossui duas $alavras# uma hora diz uma coisa# ou!ra hora diz ou!ra. J afe!uoso e
recebe com mui!a alegria as $essoas "ue o buscam. 8eve# sem$re "ue $ossKvel# usar rou$as brancas ou
azuis. -ossui vocação ar^stca# o "ue deve ser olhado com mais a!enção# o seu sucesso $ode vir $elas ar!es.
%ma com sinceridade e# da mesma forma#  corres$ondido. 6ão $ermi!a "ue os instn!os dominem a razão.
-or aK es!& sua $erdição. %$renda a dizer não da mesma forma "ue sabe dizer sim. Cum$ra com a $alavra
em$enhada $ara não ser vis!o como uma $essoa de duas caras. :eja mais de!erminado# não hesi!e# nem
$ermi!a "ue ou!ros !omem decisSes $or voc. 6ão !enha cães em sua casa. les lhe !razem osogbo.
6ão coma milho assado# carne de $orco e carne de !ar!aruga. s!as são as suas in!erdiçSes. 6ão negue
esmolas aos necessi!ados e# "uando as der# seja generoso. 6ão fume nem seja indiscre!o.
Noc não $ode $or!ar nenhum t$o de arma. @s!o lhe !rar& um !rans!orno mui!o grande. Noc  )lho de um
/ri0& Funfun# $rovavelmen!e de /duduHa. 9ang lhe d& $ro!eção $ermanen!emen!e# $rocure agrad&lo.
:e for sacerdo!e de /ri0& ou do cul!o de /runmil&# !em "ue assen!ar %je 9aluga. 6ão $ode comer galo nem
inhame $ilado. Faça suas $reces de fren!e $ara o orien!e. %li es!& a sua sor!e. 7em "ue receber @f&# assen!ar
/runmil& e legbara. / $erigo ronda suas vis!as. 7enha cuidado $ara não )car cego. 6a vaidade se $erdem
os $oderosos. 6ão seja vaidoso# dei0e aos ou!ros o reconhecimen!o de suas "ualidades. Noc nasceu $ara
ser cabeça e não $escoço. 7em "ue comandar e não ser comandado. -ossui o dom de adivinhação# $or is!o
!em "ue a$render a jogar. :e mantverse sem$re em ir# !udo o "ue !ocar se !ransformar& em dinheiro.

54