Você está na página 1de 25

P1

1. O pai conversa com a filha ao telefone e diz que vai chegar atrasado
para o jantar. 

Nesta situação, podemos dizer que o canal é: 

a) o pai 
b) a filha 
c) fios de telefone 
d) o código 
e) a fala 

2. Assinale a alternativa incorreta:
 
a) Só existe comunicação quando a pessoa que recebe a mensagem
entende o seu significado. 

b) Para entender o significado de uma mensagem, não é preciso


conhecer o código. 
c) As mensagens podem ser elaboradas com vários códigos, formados
de palavras, desenhos, números 
etc. 
d) Para entender bem um código, é necessário conhecer suas regras. 
e) Conhecendo os elementos e regras de um código, podemos combiná-
los de várias maneiras, criando 
novas mensagens. 

3. Uma pessoa é convidada a dar uma palestra em Espanhol. A pessoa


não aceita o convite, pois não sabia falar com fluência a língua
Espanhola. Se esta pessoa tivesse aceitado fazer esta palestra seria
um  fracasso porque: 

a) não dominava os signos 


b) não dominava o código 
c) não conhecia o referente 
d) não conhecia o receptor 
e) não conhecia a mensagem 

4. Um guarda de trânsito percebe que o motorista de um carro está em


alta velocidade. Faz um gesto pedindo para ele parar. Neste trecho o
gesto que o guarda faz para o motorista parar, podemos dizer que é: 
a) o código que ele utiliza 
b) o canal que ele utiliza 
c) quem recebe a mensagem 
d) quem envia a mensagem 
e) o assunto da mensagem 

5. A mãe de Felipe sacode-o levemente e o chama: “FELIPE, ESTÁ NA


HORA DE ACORDAR”. 
O que está destacado é: 

a) o emissor 
b) o código 
c) o canal 
d) a mensagem 
e) o referente 

6. Podemos afirmar que Referente é: 

a) quem recebe a mensagem 


b) o assunto da mensagem 
c) o que transmite a mensagem 
d) quem envia a mensagem 
e) o código usado para estabelecer comunicação

7. Observe a imagem ao lado e assinale a única alternativa que


contenha apenas as afirmativas verdadeiras:

I-             Este texto apresenta diversos desvios à língua culta, portanto não


transmite sua mensagem.
II-           O canal em que essa mensagem foi produzida não atrapalha o
entendimento da mesma.
III-          A mensagem é religiosa, destinada a receptores cristãos.

Estão corretas apenas:

a)    I       
b) II        
c) III       
d) I e III       
e) II e III

8.  De acordo com a imagem abaixo assinale V ou F nos parênteses e


depois assinale a letra correta:

(    ) A situação do texto é um pedido de ajuda que não foi


compreendido.

(    ) O emissor não entende a mensagem do receptor.

(   ) O código usado nesta comunicação é a língua portuguesa.

(    ) A palavra “hora” causou a confusão no diálogo.

(  ) Os sinais feitos com o dedo pelo homem que está atrás do carro não
transmitem sentido nesta imagem.

(   ) Os sinais feitos com o dedo pelo homem que está atrás do carro
são exemplos de linguagem não-verbal.

A sequência correta é:

a)    VFVVFV      
b)    VFVVFF     
c)    FFVVFV      
d)    VFFVFV

9. Observe os elementos da comunicação: 


I) Emissor: Revista Veja
II) Receptor: os leitores da publicação.
III) Canal: língua portuguesa
IV) Código: mídia impressa
V) Contexto ou referente: principal - bullying nas escolas
VI) Mensagem: Abaixo a tirania dos valentões (principal).

Está(ao) INCORRETOS:

a) I, III         
b) III, IV          
c) IV, VI          
d) V e VI

10. Comunicação  só poderá  existir  quando  duas  ou  mais  pessoas


estiverem  interagindo  em  torno  de  uma  mensagem,  seja  ela
escrita ou  oral  por canais, como rádio, telefone,  carta, etc. Para
que  haja  comunicação,  é  necessária  a interação  de  vários
elementos. 
Sobre os elementos da  comunicação,  assinale  a
alternativa  que  corresponde  ao  veículo  que  permite  a transmissão
da mensagem. 

a) Emissor.                     
b) Receptor.                  
c) Ruído.                         
d) Canal.
e) Mensagem. 

 Texto para as questões 11 e 12.

A parte da senzala que era habitada


pelas negras solteiras, logo que o sol
iluminou as grades das janelas que
davam para o vale, tornou-se
movimentada. Mulheres de chimangos
quase brancos, os braços muito pretos
de fora, falavam em voz baixa e
gesticulavam nervosamente. Algumas
delas mais velhas diziam palavras
africanas na excitação em que estavam
e não se compreendiam porque eram
de diversas nações e haviam sido
escolhidas já de propósito assim, para
que não formassem grupos à parte,
com a linguagem secreta de uma só
algaravia.
(Cornélio Pena, A Menina Morta)

11. Sobre o texto, leia os itens seguintes.

I. As escravas dispunham de um código comum de palavras africanas.


II. Fora intencional o agrupamento de escravas provenientes de nações
diversas.
III. A falta de uma língua comum dificultava as relações que mantinham
com a administração.

Está correto o que se afirma em

a) I e II, somente.
b) I e III, somente.
c) II, somente.
d) II e III, somente.
e) todos os itens.

12. A afirmação contida no item II pode ser confirmada no trecho:


“eram de diversas nações e haviam sido escolhidas já de propósito
assim”. O que se afirma no item I é contraditório em relação ao que se
afirma em II, e o item III está incorreto porque não se menciona no
texto a dificuldade no relacionamento entre as escravas e a
administração. No texto, algaravia

I. É o mesmo que um código não verbal no caso de povos iletrados.


II. Designa uma língua estranha aos membros de outro grupo.
III. É a mistura de palavras africanas com palavras da língua
portuguesa.

Está correto o que se afirma em


a) I e II, somente.
b) I e III, somente.
c) II, somente.
d) II e III, somente.
e) todos os itens.       

13.

O humor da imagem acima está em

a) subverter a lógica convencional ao unir objetos de universos culturais


diferentes.
b) transformar a expressão idiomática (utilizada por homens) “tirar água
do joelho”, que significa urinar, no seu equivalente fotográfico, tomada
a expressão em seu sentido literal.
c) instaurar uma divergência entre sentido figurado e representação
iconográfica.
d) apresentar uma desproporção entre o universo civilizado e o
selvagem.
e) utilizar o eufemismo, ou seja, a suavização de expressões chocantes
ou grosseiras.      
14. Observe a tirinha abaixo e assinale a letra que contenha as
afirmativas verdadeiras:

I- A comunicação é iniciada pela personagem feminina através do código


da língua portuguesa falada.
II-  Pode-se inferir que o personagem masculino, no segundo quadrinho,
ignora a interação iniciada pela companheira, portanto não há
comunicação entre eles.
III- A intenção desta tirinha é fazer uma intertextualidade com a atual
situação política do nosso Brasil.

Está (ão) correta (s):

a) I apenas
b) II apenas
c) III apenas
d) I e III
e) II e III

15. Ainda sobre o texto acima, a função da linguagem predominante é


a:

a) Metalinguística, pois a personagem feminina usa a língua portuguesa


para explicar a má fase do seu relacionamento.
b) Fática, visto que ela tenta estabelecer um diálogo com o parceiro.
c) Expressiva, uma vez que a personagem feminina expõe o que está
sentindo pela má fase do seu relacionamento.
d) Conativa, pois a personagem feminina tenta convencer o parceiro a
discutir a relação.
e) Referencial, porque a personagem feminina avisa ao seu parceiro a
real situação da relação deles.
16. Da imagem abaixo se pode compreender que:

a) O anúncio tem por objetivo conscientizar/persuadir o leitor a aderir a


um projeto de proteger a natureza.
b) O anuncio foi criado para explorar o sentido único da expressão “filho
da mãe”.
c) O objetivo principal deste texto é passar uma informação.
d) A expressão “filho da mãe” causa estranheza ao leitor e foi usada no
sentido pejorativo.
e) O canal para veicular está mensagem é a revista Época e a função da
linguagem predominante é a referencial. 

17. Leio o texto abaixo e assinale a única alternativa correta:

LEGISLATIVO APROVA MEDIDA


PROVISÓRIA QUE CONGELA
SALÁRIO DOS SERVIDORES DA
PARAÍBA EM 2016

       A Medida Provisória 242, editada


pelo governador Ricardo Coutinho
(PSB) e que dispõe sobre a suspensão
dos reajustes salariais dos servidores
do Estado, acabou sendo aprovada
durante sessão realizada nesta terça-
feira (15-03-2016), em meio a
discursos acalorados entre as bancadas
de situação e oposição.
      A matéria foi aprovada por 19
votos favoráveis contra 10 votos
contrários.
Votaram a favor os deputados Adriano
Galdino (PSB), Anísio Maia (PT), Arthur
Cunha Lima Filho (PT do B), Branco
Mendes (PEN), Buba Germano (PSB),
Caio Roberto (PR), Doda de Tião,
Edmilson Soares (PEN), Hermano
Santos, Estela Bezerra (PSB), Galego
Souza, Genival Matias (PT do B),
Gervasinho (PSB), Hervázio Bezerra
(PSB), Inácio Falcão (PT do B), Nabor
Wanderley (PMDB), Olenka Maranhão
(PMDB), Tião Gomes (PSL) e Zé Paulo.
       Os votos contrários foram dos
deputados Arnaldo Monteiro (PSC),
Bruno Cunha Lima (PSDB), Camila
Toscano (PSDB), Dinaldinho (PSDB),
Frei Anastácio (PT), José Aldemir
(PEN), Jutay Menezes (PRB), Raniery
Paulino (PMDB), Renato Gadelha (PSC)
e Tovar Correa Lima (PSDB).
       Assinada pelo governador Ricardo
Coutinho (PSB), a matéria suspendeu
os reajustes das remunerações e
subsídios dos servidores ativos civis e
militares da administração direta e
indireta, inclusive dos proventos dos
servidores inativos e pensionistas.

(http://opipoco.com.br/)

a) O texto acima é uma notícia em que o código usado para transmiti-la


foi o site http://opipoco.com.br/.
b) Segundo o texto, os servidores do estado da Paraíba terão seus
salários reajustados em data já marcada pelo governo.
c) A função da linguagem predominante no texto é a referencial, visto
que o texto traz uma informação para o leitor.
d) Segundo o texto, a MP foi aprovada de forma unânime, isto é, sem
resistência nenhuma.
e) A função da linguagem predominante no texto é a metalinguística,
visto que o texto explica para o leitor os motivos da aprovação da MP
242.

18. Leia um diálogo típico das redes sociais e assinale a única alternativa correta:

k@ty@: - Kd vc? To c sds


de vc!

Artur: - To em kza, hj tah


fmz aki.

k@ty@: - Pq vc naum resp


m msg?

Artur: - Rlx, to d boa. Jah t


lg.

a) Essa passagem não se concretiza como texto, pois, as regras


gramaticais de ortografia, acentuação, utilização da letra maiúscula etc,
são totalmente deixadas de lado pelo autor do scrap.
b) Em um ponto de vista gramatical a passagem não corresponde a um
texto porque ela não expressa claramente a informação que o autor
(dele) quis passar.
c) Não corresponde a um texto por não apresentar coesão e coerência,
além disso o texto não pode ser compreendido por causa das falhas
gramaticais.
d)Trata-se de um texto verbal coerente, que se manifesta através
abreviações e símbolos, os quais, na escrita, provocam estranheza,
mas, lidos no seu lugar de origem, cumprem sua função comunicativa.
e) Trata-se de um texto verbal que evidencia a linguagem digital, e é
considerado errado, pois o local em que foi empregada essa linguagem,
o Whatsapp, não é suporte para esses desvios ao português padrão.
19.  Leia o texto abaixo e assinale a única alternativa CORRETA:

Ao sair do boteco, todo embriagado,


consegue chegar em casa com muito
custo. Abre a porta e vai correndo para
o banheiro. Assustado, corre para o
quarto e acorda a mulher:
 - Ô muié....Essa casa tá mal
assombrada! Eu abri a porta do
banheiro e a luz acendeu sozinha.
Depois, fechei a porta e a luz apagou
sozinha.... A mulher, pê da vida, grita:
- Filho da mãe!!! Você mijou na
geladeira de novo!!!!

a)    O humor do texto está na fala da mulher.


b)    O canal neste texto é a porta da geladeira.
c)     O código deste texto é a língua portuguesa ( no nível coloquial).
d)    A função da linguagem predominante é a referencial, tendo em vista o
diálogo dos dois.
e)    O emissor da mensagem é a mulher do bêbado.

  
20. Analise a imagem abaixo e assinale a única letra correta:
a)    A imagem acima representa como os seis elementos da comunicação
trabalham na hora de um diálogo. Vemos que neste exemplo o código
são gestos.
b)    A imagem acima representa como os seis elementos da comunicação
trabalham na hora de um diálogo. Vemos que neste exemplo o canal
são gestos.
c)     A imagem acima representa como os seis elementos da comunicação
trabalham na hora de um diálogo. Vemos que neste exemplo o emissor
foi demitido.
d)    A imagem acima representa como os seis elementos da comunicação
trabalham na hora de um diálogo. Vemos que neste exemplo não houve
comunicação, porque o receptor não captou a mensagem correta.
e)    A imagem acima representa como os seis elementos da comunicação
trabalham na hora de um diálogo. Vemos que neste exemplo não houve
comunicação, porque o emissor não captou a mensagem correta.

GABARITO OFICIAL

1C
2B
3B
4A
5D
6B
7B
8A
9B
10D
11C
12C
13B
14D
15C
16A
17C
18D
19 A / C
20D

P2
1 – (ENEM – Vestibular – 2012)

Desabafo

Desculpem-me, mas não dá pra fazer uma cronicazinha divertida hoje.


Simplesmente não dá. Não tem como disfarçar: esta é uma típica manhã de
segunda-feira. A começar pela luz acesa da sala que esqueci ontem à noite. Seis
recados para serem respondidos na secretária eletrônica. Recados chatos. Contas
para pagar que venceram ontem. Estou nervoso. Estou zangado.

CARNEIRO, J. E. Veja, 11 set. 2002 (fragmento).

Nos textos em geral, é comum a manifestação simultânea de várias funções da


linguagem, com predomínio, entretanto, de uma sobre as outras. No fragmento da
crônica Desabafo, a função de linguagem predominante é a emotiva ou expressiva,
pois:

a) O discurso do enunciador tem como foco o próprio código;


b) A atitude do enunciador se sobrepõe àquilo que está sendo dito;
c) O interlocutor é o foco do enunciador na construção da mensagem;
d) O referente é o elemento que se sobressai em detrimento dos demais;
e) O enunciador tem como objetivo principal a manutenção da comunicação.

2. (ENEM – Vestibular – 2011)

Pequeno concerto que virou canção


Não, não há por que mentir ou esconder
A dor que foi maior do que é capaz meu coração
Não, nem há por que seguir cantando só para explicar
Não vai nunca entender de amor quem nunca soube amar
Ah, eu vou voltar pra mim
Seguir sozinho assim
Até me consumir ou consumir toda essa dor
Até sentir de novo o coração capaz de amor

VANDRÉ, G. Disponível em: http://www.letras.terra.com.br. Acesso em: 29 jun. 2011.

Na canção de Geraldo Vandré, tem-se a manifestação da função poética da


linguagem, que é percebida na elaboração artística e criativa da mensagem, por
meio de combinações sonoras e rítmicas. Pela análise do texto, entretanto,
percebe-se também, a presença marcante da função emotiva ou expressiva, por
meio da qual o emissor:

a) imprime à canção as marcas de sua atitude pessoal, seus sentimentos;


b) transmite informações objetivas sobre o tema de que trata a canção;
c) busca persuadir o receptor da canção a adotar um certocomportamento;
d) procura explicar a própria linguagem que utiliza para construir a canção;
e) objetiva verificar ou fortalecer a eficiência da mensagem veiculada.

3. (ENEM – Vestibular – 2010) Predomina no texto a função da linguagem:

A biosfera, que reúne todos os ambientes onde se desenvolvem os seres vivos, se


divide em unidades menores chamadas ecossistemas, que podem ser uma tem
múltiplos mecanismos que regulam o número de organismos dentro dele,
controlando sua reprodução, crescimento e migrações.

DUARTE, M. O guia dos curiosos. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

a) emotiva, porque o autor expressa seu sentimento em relação à ecologia;


b) fática, porque o texto testa o funcionamento do canal de comunicação;
c) poética, porque o texto chama a atenção para os recursos de linguagem;
d) conativa, porque o texto procura orientar comportamentos do leitor;
e) referencial, porque o texto trata de noções e informações conceituais.

4. (ENEM – 2006)

Aula de Português

A linguagem
na ponta da língua
tão fácil de falar
e de entender.
A linguagem
na superfície estrelada de letras,
sabe lá o que quer dizer?
Professor Carlos Góis, ele é quem sabe,
e vai desmatando
o amazonas de minha ignorância.
Figuras de gramática, esquipáticas,
atropelam-me, aturdem-me, sequestram-me.
Já esqueci a língua em que comia,
em que pedia para ir lá fora,
em que levava e dava pontapé,
a língua, breve língua entrecortada
do namoro com a priminha.
O português são dois; o outro, mistério.

Carlos Drummond de Andrade. Esquecer para lembrar. Rio de Janeiro: José


Olympio, 1979.

Explorando a função emotiva da linguagem, o poeta expressa o contraste entre


marcas de variação de usos da linguagem em

a) situações formais e informais.


b) diferentes regiões dos pais.
c) escolas literárias distintas.
d) textos técnicos e poéticos.
e) diferentes épocas.

Gabarito:

1 – Alternativa B. É possível observar que a atitude do enunciador


sobrepõe-se àquilo que está sendo dito, com predominância da
função emotiva da linguagem, já que a mensagem está voltada
para aspectos subjetivos do enunciador.
2 – Alternativa A. A alternativa que corretamente explica a
presença também marcante da função de linguagem denominada
emotiva ou expressiva é a que se refere ao tom pessoal e intimista
do qual o eu-lírico faz uso ao expressar seus sentimentos e
atitudes.
3 – Alternativa E. Observa-se que a mensagem do texto está
centrada em seu referente e este é exterior à linguagem e ao
processo de comunicação. Ou seja, o texto trata de noções e
informações conceituais. A função de linguagem que predomina
nesse caso é a referencial.
4 – Alternativa A.

P3
Questão 1
(ENEM 2013)

Através da linguagem não verbal, o artista gráfico polonês Pawla Kuczynskiego aborda a
triste realidade do trabalho infantil

O artista gráfico polonês Pawla Kuczynskiego nasceu em


1976 e recebeu diversos prêmios por suas ilustrações. Nessa
obra, ao abordar o trabalho infantil, Kuczynskiego usa sua
arte para
a) difundir a origem de marcantes diferenças sociais.
b) estabelecer uma postura proativa da sociedade.
c) provocar a reflexão sobre essa realidade.
d) propor alternativas para solucionar esse problema.
e) retratar como a questão é enfrentada em vários países do
mundo.
Questão 2
(ENEM 2013)

A linguagem não verbal pode produzir efeitos interessantes, dispensando assim o uso da
palavra. Cartum de Caulos, disponível em www.caulos.com

O cartum faz uma crítica social. A figura destacada está em


oposição às outras e representa a
a) opressão das minorias sociais.
b) carência de recursos tecnológicos.
c) falta de liberdade de expressão.
d) defesa da qualificação profissional.
e) reação ao controle do pensamento coletivo.
Questão 3

Ao aliar linguagem verbal e não verbal, o cartunista constrói um interessante texto com
elementos da intertextualidade

Sobre o cartum de Caulos, assinale a proposição correta:


I. A linguagem verbal é desnecessária para o entendimento
do texto;
II. Linguagem verbal e não verbal são necessárias para a
construção dos sentidos pretendidos pelo cartunista;
III. O cartunista estabelece uma relação de intertextualidade
com o poema “No meio do caminho”, de Carlos Drummond de
Andrade;
IV. O cartum é uma crítica ao poema de Carlos Drummond de
Andrade, já que o cartunista considera o poeta pouco prático.
a) Apenas I está correta.
b) II e III estão corretas.
c) I e IV estão corretas.
d) II e IV estão corretas.

Questão 4

Sobre as linguagens verbal e não verbal, estão corretas,


exceto:
a) a linguagem não verbal é composta por signos sonoros ou
visuais, como placas, imagens, vídeos etc.
b) a linguagem verbal diz respeito aos signos que são
formados por palavras. Eles podem ser sinais visuais e
sonoros.
c) a linguagem verbal, por dispor de elementos linguísticos
concretos, pode ser considerada superior à linguagem não
verbal.
d) linguagem verbal e não verbal são importantes, e o
sucesso na comunicação depende delas, ou seja, quando um
interlocutor recebe e compreende uma mensagem
adequadamente.
Respostas

Resposta Questão 1
Alternativa “c”. A imagem tem como objetivo, através do uso da
linguagem não verbal, provocar uma reflexão sobre a realidade do
trabalho infantil, que submete crianças pobres a uma dura rotina.
Enquanto algumas crianças trabalham, outras, mais protegidas, brincam.

Resposta Questão 2
Alternativa “e”. No cartum, os homens são representados por bonecos de
corda que andam para uma mesma direção, uma metáfora que critica o
comportamento subserviente adotado por muitas pessoas. Há apenas um
boneco que representa o pensamento contrário, que não é movido por
corda e que caminha rumo à outra direção: esse seria responsável pela
escolha de seu próprio caminho, aquele que reage ao controle do
pensamento coletivo.

Resposta Questão 3
Alternativa “b”.

Resposta Questão 4
Alternativa “c”. Ambas as linguagens, verbal e não verbal, são
importantes para a construção de sentidos de uma mensagem.

P4
QUESTÃO 1
(UERJ)
Mineiro de Araguari, o cartunista Caulos já publicou seus trabalhos em diversos jornais, entre eles o
Jornal do Brasil e o The New York Times

No cartum apresentado, o significado da palavra escrita é reforçado


pelos elementos visuais, próprios da linguagem não verbal. A separação
das letras da palavra em balões distintos contribui para expressar
principalmente a seguinte ideia:

a) dificuldade de conexão entre as pessoas

b) aceleração da vida na contemporaneidade

c) desconhecimento das possibilidades de diálogo

d) desencontro de pensamentos sobre um assunto

QUESTÃO 2
Nos quadrinhos, o uso simultâneo das linguagens verbal e não verbal contribui para a construção de
sentidos do texto

Na tira do cartunista argentino Quino, utilizam-se recursos gráficos que


lembram o cinema.
A associação com a linguagem artística do cinema, que lida com o
movimento e com o instrumento da câmera, é garantida pelo
procedimento do cartunista demonstrado a seguir:

a) ressaltar o trabalho com a vassoura para sugerir ação.

b) ampliar a imagem da mulher para indicar aproximação.

c) destacar a figura da cadeira para indiciar sua importância.

d) apresentar a sombra dos personagens para sugerir veracidade.

QUESTÃO 3
Tirinha Garfield, de Jim Davis

Sobre a tirinha de Garfield, é correto afirmar que:

a) A linguagem verbal é o elemento principal para o entendimento da


tirinha.

b) O uso da linguagem verbal não faz diferença para a compreensão da


tirinha.

c) O uso simultâneo das linguagens verbal e não verbal colabora para o


entendimento da tirinha.

d) A sequência cronológica dos fatos relatados nas imagens não


influencia na compreensão da tirinha.

QUESTÃO 4
Sobre as linguagens verbal e não verbal, é INCORRETO afirmar que:

a) A linguagem verbal utiliza qualquer código para se expressar,


enquanto a linguagem não verbal faz uso apenas da língua escrita.

b) São utilizadas para criar atos de comunicação que nos permitem dizer
algo.

c) A linguagem não verbal é aquela que utiliza qualquer código que não
seja a palavra, enquanto a linguagem verbal utiliza a língua, seja oral ou
escrita, para estabelecer comunicação.
d) Linguagem verbal e não verbal, quando simultâneas, colaboram para
o entendimento do texto.

QUESTÃO 5

Gráficos são exemplos de utilização simultânea das linguagens verbal e não verbal. É preciso analisar
as duas ocorrências para a compreensão do texto

Nos gráficos, os elementos visuais e os elementos textuais são


fundamentais para o entendimento total da mensagem transmitida. No
gráfico em questão, a linguagem verbal e a linguagem não verbal têm
como intenção mostrar ao leitor que:

a) O número de casamentos entre pessoas acima de 60 anos diminuiu


em um período de cinco anos.

b) O número de pessoas acima de 60 anos que estão inseridas no


mercado de trabalho é proporcionalmente inverso à quantidade de
pessoas que se casam nessa faixa etária.

c) Apresenta dados para o leitor que comprovam o aumento no número


de casamentos entre pessoas acima de 60 anos, assim como o aumento
da inserção de pessoas acima de 60 anos no mercado de trabalho.

d) Apresenta a preocupação com a diminuição no número de


casamentos entre pessoas de várias faixas etárias da população
brasileira, assim como a dificuldade dessas pessoas para conseguir
emprego no mercado de trabalho.
RESPOSTAS
Questão 1
Alternativa “a”. Observe que no cartum os elementos visuais e textuais
estão combinados, portanto, ambos são necessários para a sua
compreensão. As letras da palavra “solidão” aparecem em diferentes
balões pertencentes a personagens também distintos, reforçando a ideia
de que nenhum tipo de comunicação é estabelecido entre eles. Os
personagens caminham em sentidos opostos, o que denota a dificuldade
que os seres humanos têm de se conectarem.

Questão 2
Alternativa “b”. Para o melhor entendimento da questão, é preciso
observar todos os elementos presentes nos quadrinhos, entre eles, as
linguagens verbal e não verbal. A linguagem não verbal é representada
pelos recursos gráficos utilizados pelo cartunista, com destaque para a
imagem da mulher que, à medida que a história é contada, sofre
ampliação, simulando o efeito de close muito utilizado no cinema.

Questão 3
 Alternativa “c”. Apesar da predominância da linguagem não verbal, a
linguagem verbal colabora para a construção de sentidos da tirinha.

Questão 4
Alternativa "a".

Questão 5
Alternativa “c”. A intenção do gráfico é demonstrar o aumento no
número de casamentos entre pessoas acima de 60 anos em relação ao
número de casamentos da população brasileira fora dessa faixa etária,
assim como o aumento da população acima de 60 anos no mercado de
trabalho.