Você está na página 1de 35

A ANÁFORA DOS APÓSTOLOS1

1. A Anáfora de nossos pais, os 5. Esta Palavra é Ele, que é de


Apóstolos, que a benção de Ti, e através de quem Vós
suas orações esteja com fizestes todas as coisas
nossos governantes2 e com segundo a Vossa vontade.
nosso povo, pelos séculos
dos séculos. Amém. 6. Diácono: Pelo bem do
bendito e santo Patriarca
2. Padre: O Senhor esteja Abba (nome do Patriarca), o
convosco. bendito Arcebispo Abba
Povo: E com teu espírito. (nome do Arcebispo),
enquanto eles ainda Vos dão
3. Padre: Demos graças ao graças em suas orações e em
nosso Deus. suas súplicas: Estevão o
É correto e é justo. primeiro mártir, Zacarias o
Padre: Corações ao alto. sacerdote e João, o Batista.
Povo: Nós os elevamos até o
Senhor nosso Deus. 7. E por todos os santos e
mártires que partiram para o
4. Nós Vos damos graças, Ó seu descanso na fé: Mateus e
Senhor, em Vosso amado Marcos, Lucas e João, os
Filho, Nosso Senhor Jesus quatro evangelistas; Maria a
Cristo, que nos últimos dias Mãe de Deus, Simão Pedro e
nos foi enviado por Vós, André, Tiago e João, Filipe e
Vosso Filho, O Salvador e Bartolomeu, Tomé e Mateus,
Redentor, o mensageiro do Tadeu e Natanael, Tiago o
Vosso conselho. filho de Alfeu, e Matias; os
doze Apóstolos; e Tiago o
Apóstolo, irmão do Senhor,

1
De acordo a tradição da Igreja Etíope, esta Anáfora foi escrita pelos Apóstolos,
após a ascensão do Senhor. Mais tarde, os padres da Igreja fizeram alguns
acréscimos. Ela é celebrada no dia memorial de qualquer dos Apóstolos. Ela provê
o núcleo ao qual outras anáforas fazem referência, em vários pontos. Nesta edição,
veja o apêndice, começando na página 174 para fácil referência às partes desta
anáfora que são usadas em outras.
2
Verifique o tratamento desta petição com os primeiros parágrafos em outras
Anáforas.
Bispo de Jerusalém: Paulo, misericórdia e fé. E
Timóteo, Silas e Barnabé; aperfeiçoa para nós a fé da
Tito, Filemon e Clemente, os Vossa Santíssima Trindade
setenta e dois discípulos, os até o nosso último suspiro.
quinhentos irmãos, os
trezentos e dezoito 12. Ó meu Senhor Jesus Cristo,
Ortodoxos; que suas orações visite os enfermos do Vosso
venham até nós e nos povo; curai-os; e guiai
visitem, junto com eles. nossos pais e nossos irmãos
que viajaram, tornando-se
8. E lembrai-vos da paz da estranhos: trazei-os de volta
Igreja Católica e Apostólica para suas moradas em paz e
que foi feita por Cristo, em saúde.
através de Seu preciosíssimo
Sangue. 13. Abençoai os ares do céu (†
em direção ao céu), e as
9. Lembrai-vos de todos os chuvas e os frutos da terra
patriarcas, arcebispos, deste ano, de acordo com a
bispos, padres e diáconos Vossa graça, e faça alegria e
que mantém reto o caminho júbilo prevalecerem para
da verdadeira Palavra. sempre sobre a face da terra.
(† em direção à terra).
10. O padre assistente deve
dizer “A Oração da 14. E confirme para nós a Vossa
Benção3” de São Basílio. paz. Transforme os corações
Ó Santíssima Trindade, Pai, dos poderosos reis para
Filho e Espírito Santo sempre lidarem com
abençoai Vosso povo, bondade para conosco.
amados Cristãos, com
bençãos celestiais e terrenas. 15. Conceda paz aos estudiosos
da Igreja, que estão
11. E envie sobre nós a graça do continuamente reunidos em
Espírito Santo, e mantenha Vossa Santa Igreja; a todos, a
as portas da Vossa Santa cada um por seus vários
Igreja abertas para nós em nomes, na presença de

3
Benção sobre o povo. Quando o Padre celebrante deve abençoar na direção
assistente disser “abençoe”, o Padre apontada.
poderosos governantes, Ó nosso Deus, livrai-os em
nosso Deus, aumenta Vossa Vossa misericórdia. E todas
paz. aquelas que se confiaram a
nós para lembrá-los em
16. Descansai as almas de nossas súplicas a Vós, Ó
nossos ancestrais, ambos nosso Mestre Jesus Cristo,
nossos irmãos e irmãs que lembrai-vos deles em Vosso
adormeceram e ganharam reino celestial, e lembrai-vos
seu descanso na verdadeira de mim, vosso servo
fé. pecador.
17. E abençoai estes que doam
ofertas de incenso († sobre o 21. Ó Senhor, salvai vosso povo
povo), pão e vinho, unguento e abençoai Vossa herança (†
e óleo, decorações e livros de sobre o povo), alimentai-os e
leitura, e véus para o levantai-os para sempre.
santuário, que Cristo nosso 22. Diácono Assistente: Senhor
Deus possa dar a eles sua tende piedade e misericórdia
recompensa na Jerusalém dos patriarcas, arcebispos,
celeste. bispos, padres, diáconos e
todo o povo Cristão.
18. E todos eles que estão 23. Padre: A estes e a todos,
reunidos conosco para conceda o descanso a suas
suplicar por misericórdia, almas, e tenha misericórdia
Cristo nosso Deus, tenha deles. Vosso Filho que Vós
misericórdia deles: e todos enviastes do céu para o
aqueles que dão esmolas ventre de uma virgem, foi
perante o Vosso terrível e concebido em seu ventre, e
aterrorizante trono, recebam. foi feito carne e Vosso Filho
tornou-se conhecido pelo
19. E conforte toda alma em Espírito Santo.
dificuldades, aquelas que 24. Diácono: Vocês que estão
estão acorrentadas, e aquelas sentados, fiquem de pé.
que estão no exílio ou 25. Padre: Lá estão diante d’Ele
cativeiro. mil milhares e dez mil vezes
dez mil, ambos os santos
20. E aquelas que são mantidas anjos e arcanjos e Vossos
em amarga escravidão,
honoráveis animais, cada um vontade e formar um povo
com seis asas. para Vós.
26. Diácono: Olhe para o 34. Povo: Lembrai-vos de todos
Oriente. nós em Vosso reino; lembrai-
27. Padre: Com duas de suas vos, Senhor, Mestre, em
asas eles cobrem sua face, Vosso reino, assim como Vos
com duas de suas asas eles lembrastes do ladrão à mão
cobrem seus pés, e com duas direita quando Vós estáveis
de suas asas eles voam de na árvore da Santa Cruz.
ponta a ponta do mundo.
28. Diácono: Vamos dar
atenção.
29. Padre: E todos eles
constantemente veneram e 35. Então o padre assistente
louvam a Ele, com todos deve colocar grãos de
aqueles que veneram e incenso e apresentar o
louvam a Ele. turíbulo, com a tampa
30. Receba também nossa inclinada para trás, ao
veneração, que nós celebrante, que deve cruzar
proferimos a Vós: Santo, suas duas mãos na fumaça
Santo, Santo, perfeito do incenso, e então passá-
Senhor dos Exércitos. las sobre o pão e o cálice
31. Diácono: Vocês, respondam. três vezes cada.
32. Povo: Santo, Santo, Santo,
perfeito Senhor dos 36. Padre: Ele estendeu suas
Exércitos, céu e terra são mãos na paixão, sofrendo
cheios da santidade de Vossa para salvar os sofredores que
glória. confiaram nele.
33. Padre: Verdadeiramente o 37. Que foi entregue à paixão
céu e a terra são cheios da para que Ele pudesse destruir
santidade de Vossa glória, a morte, romper as amarras
por Nosso Senhor, Deus, e de Satanás, pisar no inferno,
Salvador Jesus Cristo, Vosso levar adiante os santos,
Santíssimo Filho. Ele veio e estabelecer uma aliança e
nasceu da Virgem para que fazer conhecida sua
pudesse cumprir a Vossa ressurreição.
38. Diácono: Padres, levantem 44. Padre: E do mesmo modo
suas mãos. também tomou o cálice
39. Padre: Na mesma noite em dando graças, abençoando-o
que Ele foi traído, Ele tomou († sobre o cálice três vezes),
o pão em Suas Santas, e reverenciando-o, Ele o deu
Benditas e Imaculadas aos Seus discípulos,
Mãos. dizendo-lhes: tomai, bebei;
este (apontando) cálice é
Neste momento ele deve Meu Sangue que será
erguer a hóstia. derramado por vós como
40. Povo: Nós cremos que isto é expiação para muitos.
Ele, verdadeiramente Ele então deve mover o
cremos. cálice com sua mão direita
41. Padre: Ele olhou para o céu, traçando o sinal da cruz.
em direção a Vós, Seu Pai,
deu graças, abençoou e 45. Povo: Amém. Amém.
partiu († sobre o pão três Amém. Nós cremos e
vezes. Então ele deve confessamos, nós Vos
entalhar a Hóstia levemente glorificamos, Ó Nosso
com o polegar em cinco Senhor e Nosso Deus, que
lugares sem separação.) isto é Ele, nós
42. Padre: E Ele o deu aos Seus verdadeiramente cremos.
discípulos dizendo-lhes:
tomai, comei, este 46. Padre: E quantas vezes
(apontando) pão é fizerem isto, fazei-o em
verdadeiramente Meu Corpo memória de Mim.
que será partido em por vós 47. Povo: Nós proclamamos
para a remissão dos pecados. Vossa morte, Senhor, e Vossa
43. Povo: Amém. Amém. santa ressurreição; nós
Amém. Nós cremos e cremos em Vossa ascensão e
confessamos, nós Vos Vossa segunda vinda. Nós
glorificamos, Ó Nosso Vos glorificamos, e Vos
Senhor e Nosso Deus; que confessamos, oferecemos
isto é Ele nós nossa oração a Vós e Vos
verdadeiramente cremos. suplicamos, Ó Nosso Senhor
e Nosso Deus.
48. Padre: Agora, Senhor, nós gerações, e pelos séculos
relembramos Vossa morte e sem fim.
Vossa ressurreição. Nós Vos Neste momento ele deve
confessamos e vos mergulhar seu dedo no
ofertamos este (apontando) Sangue e assinalar o Corpo.
pão e este (apontando) 53. Padre: Conceda-o a todos os
cálice, dando graças a Vós; que dele tomarem, que ele
deste modo Vós nos fizestes seja com eles para a
merecedores e alegres, santificação e para o
estando diante de Vós e preenchimento do Espírito
ministrando a Vós. Nós Santo e para força da
rogamos e suplicamos a Vós, verdadeira fé, que eles
Senhor, de modo que Vos devem venerar e suplicar a
digneis enviar o Espírito Vós e Vosso amado filho
Santo e poder sobre este Jesus Cristo com o Espírito
(apontando) pão e sobre este Santo.
(apontando) cálice. Povo: Amém.
49. Que Ele os faça o corpo e 54. Padre: Conceda-nos sermos
sangue de Nosso Senhor, unidos por Vosso Santo
Deus, e Salvador Jesus Espírito, e curai-nos por esta
Cristo, pelos séculos dos oblação, que nós possamos
séculos. viver em Vós para sempre.
† uma vez sobre o pão, † uma O povo deve repetir suas
vez sobre o cálice, e † uma palavras.
vez mais sobre ambos.
50. Povo: Amém. Senhor tende 55. Padre: Bendito seja o Nome
piedade de nós, Senhor do Senhor, e bendito o que
poupai-nos, Senhor tende vem em Nome do Senhor, e
misericórdia de nós. bendito seja o Nome de sua
51. Diácono: De todo o coração glória.
supliquemos ao Senhor O povo deve repetir suas
Nosso Deus que Ele nos palavras.
conceda a boa comunhão do
Espírito Santo. 56. Padre: Enviai a graça do
52. Povo: Assim como foi, é, e Espírito Santo sobre nós.
deverá ser pelas gerações das O povo deve repetir suas
palavras.
Vosso é o reino, o poder e a
57. Diácono: Oremos. glória por todo o sempre.
Povo: Senhor tende
misericórdia de nós. 61. Padre: Senhor nosso Deus
Padre: A paz esteja Todo-poderoso, conceda-nos
convosco. participar efetivamente de
Povo: E com teu espírito. Vosso santo mistério, e não
58. Padre: (Oração da Fração) condene nenhum de nós,
E novamente nós suplicamos mas abençoai a todos em
ao Deus Todo-poderoso, o Cristo, através de quem a
Pai de Nosso Senhor, Deus e Vós, com Ele com o Espírito
Salvador Jesus Cristo Santo seja a glória e o
59. que nos conceda participar domínio, agora e para
de seu santo mistério com sempre, até os séculos dos
bençãos, que nos conceda a séculos. Amém.
confirmação e não condene 62. Povo: De acordo a Vossa
nenhum de nós, mas faça misericórdia, nosso Deus, e
digno todo o que participar não de acordo os nossos
do santo mistério, do corpo e pecados, (repetir três vezes).
sangue de Cristo. O Senhor 63. Então, em seguida, devem
Todo-poderoso é nosso dizer:
Deus. As hostes dos anjos do
Salvador do Mundo “Aí! Ai!
60. Diácono: Oremos. Ai!” permanecem diante do
Povo: Pai nosso, que estás Salvador do mundo
no céu, santificado seja o 64. e cercam o Salvador do
Vosso nome, venha o Vosso mundo “Ai! Ai! Ai!” até
reino, seja feita a Vossa mesmo o corpo e sangue do
vontade assim na terra como Salvador do mundo.
é no céu. O pão nosso de 65. Vamos nos aproximar da
cada dia dai-nos hoje, e face do Salvador do mundo.
perdoai-nos as nossas “Ai! Ai! Ai!” Na fé que é
dívidas, assim como nós dele vamos nos submeter a
perdoamos os nossos Cristo.
devedores, e não nos deixeis Então, há outros que dizem:
cair em tentação, mas livrai- Na fé que é dele os
nos de todo o mal: pois Apóstolos seguiram seus
passos, (e estas são as Povo: Perante Vós, Senhor,
palavras de Yared). nós adoramos e a Vós
66. O diácono assistente deve glorificamos.
dizer enquanto entra:
Abri vós os portões, 72. Padre: “Oração de
príncipes. Penitência.”
67. Diácono: Vós que estais de Ó Senhor Deus, o Pai todo-
pé, abaixem suas cabeças. poderoso, sois Vós quem
68. Padre: Senhor eterno, Quem cura as feridas de nossa
sabe o que está escondido e alma, corpo e espírito,
o que é manifesto, diante de 73. porque Vós dissestes, pela
Vós Vosso povo abaixou boca de Vosso Filho
suas cabeças, e a Vós unigênito, Nosso Senhor,
subjugastes os corações Deus e Salvador Jesus
teimosos de seus corpos; Cristo, que o que Ele disse
olhe de Vossa santa morada, ao nosso pai Pedro, tu és a
abençoai-os, homens e rocha, e sobre esta rocha Eu
mulheres; inclinai o Vosso edificarei Minha Santa
ouvido para eles e ouça com Igreja, e os portões do
atenção suas orações. inferno não prevalecerão
69. Confirmai-os com a força de contra ela; e a ti Eu dou as
vossa mão direita, ajudai-os chaves do Reino do Céu; o
e protegei-os da aflição do que tu ligares na terra será
mal; seja um guardião para ligado no céu, e o que
seus corpos e suas almas; e desligares na terra será
aumentai neles, homens e desligado no céu.
mulheres, Vossa fé e o temor 74. Que todos os Vossos servos e
do Vosso nome, Vossas servas, de acordo
70. através de Vosso Filho com seus muitos nomes,
unigênito, por quem a Vós sejam absolvidos e
com Ele e com o Espírito libertados pela boca do
Santo seja a glória e o Espírito Santo, e também
domínio, agora e pelos pela minha, vosso servo
séculos dos séculos. Amém. culpado e pecador… quer
* * * eles tenham operado
71. Diácono: Adorem o Senhor intencionalmente ou não.
com temor.
75. Mantenha-os, Senhor, e bom e o amante dos homens,
defenda-os, vossos servos, Senhor nosso Deus.
meus pais, irmãos e irmãs.
76. E também me liberta, vosso 81. Ó Senhor, absolva-nos e
humilde e pecador servo. liberta-nos, e absolva todo o
77. Ambos, absolva-os e liberta- Vosso povo, e absolva-me,
os: pela boca da Santíssima Vosso servo pecador.
Trindade: o Pai, Filho e
Espírito Santo, e pela minha 82. Então ele deve voltar sua
boca, eu, vosso pecador e face para o povo, abençoá-
injusto servo. los três vezes, fazer menção
78. Ó propício, misericordioso, deles que estão com ele e
e amante dos homens, também dizer:
Senhor nosso Deus, que Lembrai-vos, Senhor, o
tirais o pecado, aceitai a honorável pai, nosso
penitência de vossos servos e Patriarca Abba (Nome do
vossas servas, e brilhai sobre Patriarca) e o bendito
eles com a luz da vida eterna, Arcebispo Abba (Nome do
e perdoai-os, Senhor, todos Arcebispo) Nosso Deus,
os pecados; pois Vós sois mantenha-os para nós por
bom e o amante dos homens. muitos anos em retidão e
paz.
79. Ó Senhor, nosso Deus 83. Lembrai-vos, Senhor, todas
misericordioso, lento para a as nossas autoridades civis, e
ira, abundante em livrai-os de todas as
misericórdia e justiça, correntes do pecado que eles
perdoai-me meus pecados tenham cometido
80. e livrai todos os vossos intencionalmente ou não,
servos e servas de toda rapidamente submeta seus
transgressão e maldição. Se adversários e inimigos sob
nós temos transgredido seus pés.
contra Vós, Senhor, seja em 84. Lembrai-vos, Senhor, os
palavras, atos ou patriarcas, arcebispos,
pensamentos, liberte, bispos, padres e diáconos,
redima, perdoe e tenha leitores e cantores, virgens e
misericórdia, pois Vós sois monges, viúvas e órfãos,
homens e mulheres, anciãos
e crianças; e todo o Povo mártires, através de Jesus
Cristão que está de pé nesta Cristo nosso Senhor, através
Santa Igreja; fortaleça-os na de quem para Vós com Ele e
fé de Cristo. o Espírito Santo seja glória e
85. Neste momento ele deve domínio, agora e para
mencionar aqueles que sempre e pelos séculos dos
recentemente se foram para séculos. Amém.
repousar.
Lembrai-vos, Senhor, todos * * *
os nossos pais, irmãos e 89. Diácono: Prestem atenção.
irmãs que estão adormecidos 90. Padre: Coisas santas para o
e repousam na fé ortodoxa, e santo.
levai suas almas para o seio Povo: Um é o santo Pai, um
de Abraão, Isaac e Jacó. é o santo Filho, um é o Santo
86. E quanto a nós, livrai-nos de Espírito.
toda transgressão e maldição
e de toda iniquidade e de 91. Padre: O Senhor esteja
toda rebelião e de todo falso convosco.
juramento e de todos os Povo: E com teu espírito.
excomungados e de todo
perjúrio e da associação com 92. O Padre então deve levantar
hereges e pagãos em erro e toda a Hóstia com suas mãos
impureza. e dizer:
87. Conceda-nos, Senhor, Senhor, tenha compaixão de
sabedoria, poder, razão, nós.
compreensão e Ó Cristo, Senhor, tenha
conhecimento para que compaixão de nós,
possamos nos afastar e fugir Ó Cristo, Senhor, tenha
de todas as obras de Satanás, compaixão de nós,
o tentador. Ó Cristo. (três vezes em um
alto cântico, e quinze vezes
88. Conceda-nos, Senhor, fazer em um baixo cântico).
Vossa vontade e bons Senhor, tenha compaixão de
prazeres a todo momento, e nós, Ó Cristo.
escrever nossos nomes no O povo deve repetir suas
livro da vida no reino do céu palavras.
com todos os santos e
93. Então o Padre deve dizer 97. Diácono: De pé para a
três vezes: oração.
Senhor, tende compaixão de Povo: Senhor, tende
nós, Ó Cristo. misericórdia de nós.
O povo deve dizer duas Padre: A paz esteja com
vezes: Senhor, tende todos vocês:
compaixão de nós, Ó Cristo. Povo: E com teu espírito.
94. Diácono: Vocês que são
penitentes, inclinem suas 98. Padre: Isto (apontando) é o
cabeças. verdadeiro Santo Corpo de
Nosso Senhor, Deus e
95. Padre: deve se virar para o Salvador Jesus Cristo, o qual
povo e dizer: é dado pela vida, salvação e
Senhor nosso Deus, olhe remissão dos pecados
para o Vosso povo que é àqueles que o recebem com
penitente, e de acordo com fé.
Vossa grande misericórdia, Povo: Amém.
tende piedade deles, e de
acordo com a multidão de 99. Padre: Este (apontando) é o
Vossa compaixão arrancai verdadeiro Precioso Sangue
deles a iniquidade, cobri-os e de Nosso Senhor, Deus e
guardai-os de todo mal. Salvador Jesus Cristo, o qual
é dado pela vida, salvação e
96. E redima suas almas em paz, remissão dos pecados
perdoa-lhes suas antigas àqueles que bebem dele com
obras, uni-os com Vossa fé.
Santa Igreja, através da Povo: Amém.
graça e compaixão de Vosso
Filho Unigênito, Nosso 100. Padre: Pois isto
Senhor, Deus e Salvador (apontando) é o corpo e
Jesus Cristo através de quem sangue de Emanuel nosso
a Vós, com Ele e com o
mesmo Deus.
Espírito Santo sejam a glória
e o domínio, agora e sempre Povo: Amém.
até os séculos dos séculos.
Amém. 101. Padre: Eu creio, eu
creio, eu creio e confesso,
até meu último suspiro que Senhor, Deus e Salvador
isto (apontando) é o Corpo e Jesus Cristo, e que a Ele são
Sangue de Nosso Senhor, corretamente devidas honra
e glória e adoração com Seu
Deus, e Salvador Jesus
amável Pai celestial e o
Cristo, o qual Ele tomou da Espírito Santo, o doador da
Senhora de todos nós, a vida, agora e sempre até os
Santa Maria duplamente séculos dos séculos. Amém.
virgem, e fê-lo um com Sua 104. Então o Padre deve
Divindade sem mistura ou pegar em sua mão o
confusão, sem divisão ou “Asbadikon”4 o qual
carrega o sinal da cruz,
alteração; e Ele realmente
mergulhá-lo dentro do
professou a verdade, com cálice, dentro do Sangue, e
um bom testemunho, nos com ele fazer o sinal da cruz
dias de Pôncio Pilatos, e este no Corpo: Primeiro nas
corpo Ele o deu por nosso partes externas maiores,
bem e pela vida de todos nós. segundo nas partes internas
Povo: Amém. e terceiro, mas partes
102. Padre: Eu creio, eu menores. Então, com o
creio. Eu creio e confesso Corpo, ele deve fazer o sinal
que Sua divindade não foi da cruz sobre o Sangue e
separada de sua humanidade, dizer:
nem por uma hora, nem por
um piscar de olhos, mas Ele Bendito seja Deus, Pai todo-
a deu por nosso bem, pela poderoso, nosso Deus.
vida, salvação e remissão E bendito seja o Filho
dos pecados àqueles que Unigênito, Nosso Senhor e
tomam parte nela com fé. Salvador Jesus Cristo.
Povo: Amém. E bendito seja o Espírito
Santo, o Paráclito, o
103. Padre: Eu creio, eu consolador e purificador de
creio, eu creio e confesso todos nós.
que isto (apontando) é o
corpo e sangue de Nosso Então o diácono assistente
deve oferecer água para os
4
A parte central da Hóstia.
padres e diáconos para 108. E pela provisão do
lavarem as mãos, pecado ele matou-me.
significando que eles devem Vingai-me do audacioso que
estar limpos em suas almas. não está satisfeito com o fato
105. Ao mesmo tempo, o de eu ser desviado de minha
Padre celebrante deve dizer vida.
esta oração:
Senhor meu Deus, eis o 109. Vós, Senhor, meu
sacrifício do corpo de Vosso Rei, Deus e Salvador, atai as
Filho, que Vos agrada. feridas do corpo e da alma de
Através dele, arrancai todos mim, Vosso servo.
os meus pecados, porque
Vosso Filho Unigênito 110. Antes de receber a
morreu por mim. Sagrada Comunhão, todos
os que comungarão deverão
106. E eis o puro sangue dizer:
de Vosso Messias, o que Ó meu Senhor Jesus Cristo,
verteu por mim sobre o de modo algum lhe convém
Calvário, chore alto em meu que adentreis sob o teto de
lugar. Conceda que o minha casa poluída, pois eu
testemunho deste sangue Vos provoquei para a ira,
seja para o perdão de mim, pois eu pratiquei o mal ante
vosso servo. Vossa vista e pela
107. E aceite minhas transgressão de Vosso
orações por este motivo, mandamento poluí meu
porque vosso amado aceitou corpo e minha alma os quais
a lança e os cravos pelo meu Vós criastes a Vossa imagem
bem, e sofreu para Vos e semelhança, contudo em
agradar. Mas depois que eu mim nada habita de bom.
estava salvo, Satanás
retornou ao meu coração e 111. Mas por Vosso plano
atravessou-me com seus e Vossa encarnação para
dardos. Conceda-me, minha salvação, por Vosso
Senhor, Vossa misericórdia, preciosa Cruz e morte que dá
porque ele é um poderoso vida, por Vossa ressurreição
acusador. no terceiro dia, eu rogo-vos e
Vos bendigo, Ó meu Senhor,
que Vós me purifiqueis de 114. O celebrante recebe
toda culpa e maldição, e de da Hóstia primeiro, depois,
todo o pecado e ele deve ministrá-la ao
contaminação. padre assistente, quem deu a
ele o Sangue, o padre
112. E quando eu tiver assistente deve ele mesmo
recebido Vosso Santo receber do Sangue. O
Mistério, que não seja em celebrante deve dar aos
mim para o julgamento nem padres do Corpo, o padre
para condenação, mas tenha assistente deve dar a eles do
compaixão e misericórdia de Sangue.
mim; e através dele,
conceda-me a remissão de 115. Enquanto oferece a
meu pecado e vida para Sagrada Qurban, o padre
minha alma, Ó Vida do deve dizer o seguinte
mundo, pela intercessão de durante a Anáfora do
Nossa Senhora, a Santa Senhor:
Maria Sua Mãe, duplamente O corpo de Nosso Senhor
virgem, e de João Batista, e Jesus Cristo para a
pela oração de todos os santificação do corpo, alma e
santos anjos, e os mártires, e espírito.
os justos que lutaram pelo
bem, até os séculos dos Durante a Anáfora dos
séculos. Apóstolos ele deve dizer:
Amém. O pão da vida o qual desceu
113. Enquanto recebe a do céu, o Santo Corpo de
Sagrada Comunhão, o Cristo.
Padre deve dizer para si
mesmo: Ó meu Senhor Jesus Durante a Anáfora dos
Cristo, que este Vosso santo Padres5 ele deve dizer:
mistério não seja iniquidade O Corpo de Emmanuel
em mim, ao invés disso, que nosso mesmo Deus o qual
seja para a purificação de ele tomou da Senhora de
minha alma e meu corpo, todos nós, Maria.

5
Basílio, Atanásio, Gregório etc.
Em todo caso, quem recebe mastiga deve colocar a mão
deve dizer: sobre a boca e mastigar em
Amém. temor e tremor, sem fazer
nenhum som até que
116. (…?) um de acordo termine, e então dizer:
com seu grau. Então os
homens, depois as mulheres. Preencha minha boca com
Mas os bebês que já foram louvor, meu coração com
batizados devem receber júbilo e minha alma com
antes dos outros fiéis. alegria, preencha a mim que
* * * recebi deste Divino Mistério,
117. Quando alguém Ó Vós que vos tornastes
recebe a Hóstia este deve homem para salvar os
dizer o seguinte, enquanto a homens.
Hóstia ainda está em sua 120. Quando o Padre
boca: Assistente entregar o Sangue
Santa, Santa, Santa Trindade ele deve dizer:
inefável, conceda-me Este é o cálice da Vida que
receber este corpo e Seu desceu do céu; este é o
sangue para a vida e não para precioso Sangue de Cristo.
a condenação. Conceda-me Então quem recebe deve
dar bons frutos que sejam responder:
bem agradáveis a Vós, para Amém e amém.
que eu apareça em Vossa 121. A Oração de São
glória, e viva para Vós, Basílio. Quando o Sangue
fazendo vossa vontade. estiver em sua boca, que
diga em seu coração:
118. Em fé eu clamo a Ti, Ó meu Senhor e meu Deus,
Pai, e clamo por Teu Reino; Jesus Cristo, eis que eu
santificado, Senhor, seja Teu recebi Vosso Sagrado Corpo
Nome sobre nós, pois e Vosso Precioso Sangue.
poderoso és Tu, louvado e Que eles sejam para a
glorioso e a Ti seja a glória, remissão dos meus pecados e
pelos séculos sem fim. para apagar minhas
transgressões.
119. Então deve consumir 122. Ó Filho Unigênito e
o que foi recebido. Enquanto amante dos homens,
preencha minha boca com Cristãos que nos pediram
Vosso louvor para que eu para mencioná-los. Louvai e
louve vossa glória, pois Vós cantai na paz e no amor de
sois Aquele que uma vez se Jesus Cristo.
tornou homem e declarou a
Si mesmo através de Sua 126. (Veja a página 178) E
encarnação, de modo a me então o clero deve cantar o
salvar para sempre. Vós me Salmo 150, eles devem
redimistes para sempre pelo cantar um a um ou dois a
Vosso Santo Nome. dois, de acordo com seu
123. Glória seja a Vós, Ó número, sem cessar.
meu Senhor e meu Deus 127. O Padre deve dizer
Jesus Cristo, que me enquanto sai:7
concedestes (Vosso Corpo e Aqueles que Vós chamastes,
Vosso Sangue) na mão de Senhor, e santificastes, faça-
Vosso servo… Eu Vos os felizes com Vosso
glorifico e Vos louvo e Vos chamado, confirma-os com
suplico que eu esteja dentre Vosso poder, guardai-os com
o teu rebanho, e que, Vosso amor, uni-os, em
aceitando-me, me numere Vosso Reino sem fim,
com vossas ovelhas. através de Cristo, por quem a
124. E já não Vos lembreis Vós, com Ele e com o
de minhas transgressões. Eu Espírito Santo seja a glória e
agradeço por Vossa graça, a o domínio , agora e para
qual me foi concedida, e por sempre, até os séculos dos
Vossa ajuda, a qual esteve séculos. Amém.
comigo.
128. Quando o Padre sair
125. Quando o Diácono ele deve dar a benção uma
receber o cálice, ele deve vez sobre a Patena. Então
dizer: ele deve oferecer o Corpo ao
Eu tomarei o Cálice da Vida, povo, e o Diácono deve
invocando o Nome do oferecer o Sangue. Enquanto
Senhor.6 oferece, ele deve dizer como
Então ele deve dizer: Rogai
por nós e por todos os
6
Sal. 116: 13 7
Do templo.
no parágrafo §115. 8 E o Senhor, e que toda carne
povo deve responder: bendiga o Seu Santo Nome,
“Amém” (uma vez após o para sempre e eternamente.9
Corpo e duas após o Povo: Pai-nosso que estás no
Sangue). céu, conduza-nos, Senhor,
para que não entremos em
129. E após o povo ter tentação.
recebido:
Padre: Ó Deus eterno, luz da 132. Diácono: Nós
vida, Vós destes, Senhor, a recebemos do Santo Corpo e
nós Vossos servos, força e do Precioso Sangue de
proteção, durante os Cristo.
presentes dias e noites, 133. Padre: Minha boca
guardando todos em paz. deve dizer o louvor do
Abençoai-os no presente dia, Senhor, e que toda carne
e naqueles que virão a seguir. bendiga o Seu Santo Nome,
Por Nosso Senhor Jesus para sempre e eternamente.
Cristo, por quem a Vós, com Povo: Pai-nosso que estás no
Ele e com o Espirito Santo, céu, conduza-nos, Senhor,
seja a glória e o domínio, para que não entremos em
agora e para sempre, até os tentação.
séculos dos séculos. Amém.
134. Diácono: E demos
130. Então o Diácono graças a Ele que nos fez
deve cantar: prontos para comungar no
Nós damos graças a Deus precioso e sagrado mistério
que participamos de suas 135. Padre: Minha boca
santas coisas; nós oramos e deve dizer o louvor do
confiamos que cada coisa Senhor, e que toda carne
que recebemos seja cura para bendiga o Seu Santo Nome,
a vida da alma enquanto para sempre e externamente.
glorificamos o Senhor nosso Povo: Pai-nosso que estás no
Deus. céu, conduza-nos, Senhor,
para que não entremos em
131. Padre: Minha boca tentação.
deve dizer o louvor do
8
Veja §115. 9
Sal. 145: 21.
136. O Padre deve cantar nas festas de Nosso Senhor,
em “Izl”: nas de Nossa Senhora e nos
Eu Vos exaltarei, meu Rei e Domingos.
meu Deus, e bendirei Vosso
Nome para sempre e 139. Padre: “Piloto da
eternamente.10 Alma” 12

Povo: Pai-nosso que estás no Novamente, nós oferecemos


céu, conduza-nos, Senhor, nossa súplica ao Deus Todo-
para que não entremos em poderoso, Pai do Senhor e
tentação. Salvador Jesus Cristo.

137. Padre: Vos bendirei 140. Nós Vos damos


todos os dias, e louvarei graças, porque Vós nos
Vosso Nome para sempre e concedestes tomar de Vosso
eternamente.11 santo mistério. Que ele não
Povo: Pai-nosso que estás no seja para mim uma ocasião
céu, conduza-nos, Senhor, de culpa nem de julgamento,
para que não entremos em mas para a renovação da
tentação. alma, corpo e espírito; por
Vosso Filho Unigênito, por
138. Padre: Minha boca quem a Vós, com Ele e com
deve dizer o louvor do o Espírito Santo, seja a glória
Senhor, e que toda carne e o domínio, agora e sempre,
bendiga o Seu Santo Nome, até o século dos séculos.
para sempre e eternamente. Amém.
Povo: Pai-nosso que estás no
céu, conduza-nos, Senhor, 141. Mandamento de São
para que não entremos em Basílio
tentação. O que sobrar do Corpo e
Sangue, que o Celebrante
Isto não é dito em “Izl” em distribua aos padres e
toda ocasião, mas somente diáconos antes de qualquer

10
Sal. 144 (145): 1. que é mencionada no §81 da Anáfora
11
Sal. 144 (145): 2. do Senhor, também é o caso nas
12
Ainda que o título seja dado como outras anáforas.
impresso, a oração seguinte é dita no
lugar da oração “Piloto da Alma”,
um deles beber água. Se
houver muito, que todo 144. E nós contemplamos
mundo tome até que tudo o mistério de vossa santa
seja consumido. Porque o ressurreição. Que sejamos
Corpo e Sangue nunca herdeiros da vida, e, através
poderão se tornar pão e dele, guardai-nos nesta hora
vinho novamente. e em todos os tempos, pois
Vós sois um glorioso Rei
142. O Padre deve cantar sobre todos, Nosso Senhor,
do “Zimmari”13 Deus e Salvador Jesus
Então ele deve cantar um Cristo. A Vós nós
canto de duas estrofes como oferecemos ação de graças,
segue: majestade e honra, com
Aleluia, aleluia, Pai-nosso Vosso Pai bondoso e
que estás no céu, santificado celestial, e com o Espírito
seja o Vosso Nome, perdoai- Santo, o doador da vida, até
nos todas as nossas os séculos dos séculos.
transgressões, conduzi-nos Amém.
para que não caiamos em
tentação; Senhor, livrai-nos 145. Oração depois de
do dia mau, e salvai-nos de beber água. (Para ser dita
toda tentação; por todos juntos):
† † † Eu rogo a Vós e Vos peço,
Senhor meu Deus e Bom
143. Após o Corpo e Pastor, que amastes tanto o
Sangue serem Vosso rebanho que deste a
completamente consumidos vida como resgate por
o Padre deve dizer: Vossas ovelhas, para que me
Ó Senhor, Vosso santo concedas Vosso corpo como
indefinido mistério se verdadeira carne para a
completou, o qual Vós nos justiça, e Vosso sangue como
destes para o poder e a verdadeira bebida para vida
salvação, um memorial da eterna.
Vossa morte como Vós
apontastes.

13
Cantos preparados por Yared no
século VI.
146. Além disso Vos rogo 149. Em nome de nossos
e suplico, Ó meu Senhor, que pais, irmãos e irmãs, que se
este Vosso Corpo e Sangue ausentaram, nós suplicamos
que eu recebi não sejam nem a Deus que lhes conceda
para minha vergonha, nem diligência. Cuide de todos
para a culpa de meu corpo e eles, livra-os das amarras
alma, mas que me deem vida deste mundo e conceda-lhes
e saúde; e me ensine o Vosso uma boa natureza, amor, fé e
temor, e me instrua em Vosso boa esperança através do
amor, para que eu possa Corpo e Sangue do Filho de
agradar-Vos todos os dias de Deus, até os séculos sem
minha vida e glorificar-Vos fim. Amém. Assim seja.
sem cessar. Assim seja.
147. Ó Senhor, limpa e
purifica minha alma, para 150. Padre: “A Imposição
que assim ela seja um da Mão.”
sacrifício a Vós, e disponha Ó Eterno Deus, luz da vida
de meu coração para que o inextinguível, olhai por
Espírito Santo viva nele, Vossos servos e servas,
habite-o e preencha-o. plantai em seus corações o
Porque eu aceitei Vosso temor de Vosso Nome, para
Corpo e Sangue com fé, e que eles deem frutos em
recebi-os das mãos dos benção e contai-os com
Vossos sacerdotes, e comi- aqueles que receberam
os. Porque Vossa é a glória Vosso Corpo e Sangue.
até os séculos sem fim.
Amém. 151. E que vossa mão
repouse sobre aqueles que
148. Diácono: Pelo bem abaixaram suas cabeças
de nosso agradecimento nós perante Vós, vosso povo,
suplicamos a Deus que homens e mulheres, idosos e
escreva nossas orações no crianças, virgens e monges,
livro da vida, para que o viúvas e órfãos.
Eterno Deus se lembre de
nós na morada dos santos em 152. E uni-nos também a
Sua luz. eles, protegei, ajudai,
confirmai e fortalecei-nos
com a força de Vossos corporais, e os vinte e quatro
Arcanjos, de todas as más padres celestiais,
obras, apartai-nos, e em
todas as boas obras, uni-nos. 156. e lembrai-vos de
nossos grandes santos pais
153. Por Vosso Filho Abraão, Isaac e Jacó, os
Unigênito, por quem a Vós, patriarcas, e João o Batista, e
com Ele e com o Espírito os cento e quarenta e quatro
Santo seja a glória e o mil santos bebês15, e nossos
domínio, agora e para padres que aprenderam dos
sempre, até os séculos dos Apóstolos, e o Santo
séculos. Amém.14 Apóstolo Marcos, mártir e
evangelista, e os setenta e
154. Diácono Assistente: dois discípulos, e os
E mantenha-os na verdadeira quinhentos irmãos, e os
fé, em glória e honra todos os trezentos e dezoito
dias de suas vidas. ortodoxos, e os três jovens
Hananias, Misael e Azarias,
155. E faça com que eles e os sete santos jovens.16
estejam em amor e paz, o que
ultrapassa todo o 157. E Santo Estevão,
conhecimento e toda a Arcediago e primeiro mártir,
compreensão, através das Santos Jorge, Theodoro do
orações e súplicas da Oriente, Banádlio, Mercúrio
Senhora de todos nós, a Mãe e Mamede; Santos Aboli,
de Deus, a Santa e Pura Filoteu, Marmihnam,
Maria, e os quatro grandes, Abadir, Cláudio e Fasilides;
cheios de luz, Miguel, Santos Vitor, Menas, Ciríaco
Gabriel, Rafael e Soriel, e as e sua mãe Julita. E todos os
quatro criaturas não- mártires, e o virgem Abba
Nob, o Valente, que lutou e

14
Veja a Anáfora de São Dióscoro §68-7 Quando ele ordenou que eles
I. adorassem seus deuses, eles se
15
recusaram e foram presos. Quando ele
16
Maximiliano, Malco, Martinho, João, os libertou, eles esconderam-se em uma
Dionísio, Constantino e Antônio. Eles caverna até o fim de suas vidas.
eram servos de Décio, Rei de Éfeso.
foi martirizado por causa do para sairmos e entrarmos em
Unigênito. nossas casas em paz.
E o Grande Padre, Senhor e 159. Diácono: Abaixem
Justo, Abba Antônio, nosso suas cabeças diante do
Padre Paulo, nossos Santos Senhor nosso Deus, que Ele
Padres, os três Macários, vos abençoe pela mão de Seu
nosso pai João, o Baixo, o servo, o Padre.
justo Abba Baula, nosso pai Povo: Amém. Que Ele nos
Pishoi, nosso pai Amon, abençoe pela mão de Seu
Abba João Kama, nosso pai servo, o Padre.
Pantaleão, nosso pai 160. Enquanto abençoa
Shenouda, nosso pai com o sinal da cruz o Padre
Besenda, Abba Latsião, deve dizer:
Abba Pacômio, nosso pai Ó Senhor, salvai Vosso povo
Abakarzon, nosso pai e abençoai Vossa herança.18
Parsoma, nossos Santos († sobre o povo três vezes)
Padres Romanos, Máximo e Alimenta-os, sustenta-os
Domácio, o forte e Santo para sempre, e guarda Vossa
Abba Moisés, os quarenta e Igreja, a qual Vós
nove mártires17, e todos os comprastes e resgatastes
que vestem a cruz, justos e com o Preciosíssimo Sangue
bons, e o anjo deste dia de Vosso Filho Unigênito,
bendito. Suas bençãos e a Nosso Senhor, Deus e
graça de sua ajuda e proteção Salvador, Jesus Cristo,
esteja sempre com nosso(a) 161. e a qual Vós
(Chefe de Estado: rei, rainha, chamastes para ser um lugar
presidente etc.) Amém. de morada para reis e
governantes, para pessoas
158. Povo: Ó pacífico Rei santas e puras, vocês que
da paz, Jesus Cristo, vieram e se reuniram, e
conceda-nos vossa paz e oraram nesta Santa Igreja, e
confirma-nos em Vossa paz, vocês que comeram o Santo
e perdoa-nos os nossos Corpo e beberam o Precioso
pecados, e faça-nos dignos Sangue de Nosso Senhor

17
Eles foram mortos por bárbaros no Igreja dedicada à sua memória no
deserto ocidental do Egito. Há uma Monastério de São Macário.
18
Sl 27 (28):9;
Jesus Cristo. Que Ele perdoe Que Deus, o Altíssimo, te
os seus pecados, que vocês abençoe, e ilumine os olhos
cometeram consciente ou de teu coração.
inconscientemente. Que Ele E para cada um dos fiéis ele
perdoe os seus pecados deve dizer:
passados e previna-os de Que Deus, o Altíssimo, te
futuros, por Seu Corpo, o abençoe, e levante Sua face
Divino Corpo, e por Seu para ti.
Sangue, o Sangue da Aliança E para cada uma das
de Jesus Cristo, o Filho do mulheres ele deve dizer:
Senhor dos Exércitos, e o Que Deus, o Altíssimo, te
Filho da pura Maria, que abençoe, e levante Sua face
selou a virgindade de sua para ti.
consciência e Corpo, até os
séculos dos séculos. Amém. 163. Então o Celebrante
162. Ao final da deve dizer:
Celebração ele deve dar a O Senhor esteja convosco.
benção, e abençoar com seu 164. Povo: E com teu
dedo cada uma das pessoas, espírito, Amém. Que Deus
tocando sua testa. Mas aos nos abençoe, Seus servos,
padres ele deve abençoa-los em paz. A remissão esteja
apertando a mão direita uns conosco que recebemos
dos outros. E enquanto ele Vosso Corpo e Vosso
abençoa os padres ele deve Sangue. Permita-nos, pelo
dizer a cada um: Espírito, pisar sobre todo o
O poder de nosso pai Pedro19 poder do inimigo. Nós todos
é contigo. esperamos pela benção de
E eles devem dizer: Vossa Santa Mão, a qual é
Que Deus te nomeie para cheia de misericórdia. De
Seu eterno Reino. todas as obras más, guardai-
E para cada um dos nos, e em todas as boas
diáconos ele deve dizer: obras, uni-nos.
165. Bendito seja Ele que
nos deu Seu Santo Corpo e

19
Por esta saudação, o celebrante está mesmo é um padre, tendo o poder que
dizendo a um colega padre: “Não me vem através de São Pedro.”
é correto abençoa-lo, porque você
Seu Precioso Sangue. Nós distribui os dois pães
recebemos graça e nós restantes:20
encontramos pelo poder da Senhor nosso Deus e criador,
Cruz de Jesus Cristo. A Vós, doador do bem e do alimento
Senhor, nós damos graças, para toda carne, que
pois nós recebemos graça do concedes bençãos para
Espírito Santo. Vossos servos que temem
Diácono: Ide em paz. Vosso santo nome, estendei
Vossa Santa Mão Direita
166. Instrução: Depois de hoje nesta hora,
participar da Sagrada 168. e abençoai este pão
Comunhão, ninguém deve que está em minha mão: que
lavar as mãos ou pés, não vossa benção e bondade
deve tirar suas roupas nem esteja sobre ele, que ele
curvar-se ou ajoelhar-se; também seja, para aqueles
não deve cuspir, ou sangrar, que o recebem, um remédio
nem cortar suas unhas ou e uma cura para a alma,
cabelo, nem ir em uma poder e força do Corpo e
jornada, nem processar no perdão dos pecados. Este
tribunal, nem ir a um pão que Vós nos destes é
banheiro público, nem para Vossa ação de graças,
comer ou beber muito, nem para que possamos glorificar
ceder a qualquer excesso Vosso Reino, Santíssima
nem qualquer outra ocasião Trindade, Pai, Filho e
de pecado. Nenhum destes, Espírito Santo.
nem similares devem ser
praticados após receber a 169. Ó Senhor, que Vossa
Sagrada Comunhão. benção seja sobre este pão,
sobre quem o distribui, sobre
167. O Padre Assistente quem o recebe e sobre quem
deve dizer enquanto Vos serve em temor.

20
O costume relevante por trás desta dois restantes, ainda que não
instrução é que, antes que o Qidase consagrados, são considerados como
comece, são apresentados ao pães sagrados, e são distribuídos entre
celebrante três pães, dos quais ele deve o clero ao fim da celebração.
escolher o melhor para o qurban. Os
170. Glória seja ao Pai, A Anáfora dos Apóstolos
Filho e Espírito Santo, agora está terminada, na paz do
e para sempre, até os séculos Senhor.
dos séculos. Amém. Amém.
A ANÁFORA DE NOSSO SENHOR.21
1. Padre Celebrante: Do Livro A cada vez, quando o
de Kedan o qual Nosso diácono terminar, os fiéis
Senhor e Salvador Jesus devem responder: De acordo
Cristo proclamou aos com a vossa misericórdia,
Apóstolos, após sua nosso Deus, e não de acordo
ressurreição dos mortos, e com os nossos pecados.
antes de sua ascensão ao céu. (repetir três vezes).
As bençãos de Sua graça e o 4. Diácono: Se há dúvida no
dom de Sua ajuda esteja com coração de alguém, que ele
nosso Arcebispo Abune creia.
(nome do Arcebispo) e com Povo: De acordo com Vossa
nosso (chefe de estado: Rei, misericórdia, nosso Deus, e
Rainha, Presidente, não de acordo com os nossos
Governador etc.) por todo o pecados.
sempre. Amém. 5. Diácono: Se há alguma
2. Diácono: Corações ao alto. mancha no coração de
Diácono: Sim, nossos alguém, que este não se
corações estão no céu. Por aproxime.
amor do Vosso nome nos Povo: De acordo com a
fortaleça. E nos faça dignos, Vossa misericórdia, nosso
Jesus Cristo, Nosso Senhor e Deus, e não de acordo com
Nosso Deus. nossos pecados.
3. Diácono: Se há alguém que 6. Diácono: Se há alguém que
esteja brigado com o seu caiu em pecado, que este não
próximo, que o perdoe. se esqueça, porque isto não
deve ser esquecido.

21
O Senhor costumava aparecer aos discípulos durante os quarenta dias após Sua
ressurreição “falando das coisas referentes ao reino de Deus.” (Atos 1:3). Em Seu
ensino aos Seus discípulos, Ele deu a eles esta Anáfora. Ela é celebrada nas
seguintes ocasiões:
a. No dia 6 de Hedar (Hatour – Novembro), o dia memorial da consagração da Igreja
de Santa Maria no Monastério de Qosquam no Alto Egito. É relatado que o Senhor,
acompanhado de seus Apóstolos, apareceu na Igreja neste dia.
b. No dia 20 de Sane (Ba’ouna – Junho), o dia memorial da consagração da Igreja de
Santa Maria em Filipos.
c. No dia 16 de Nahase (Misra – Agosto), o dia memorial da ascensão do corpo de
Santa Maria ao céu após sua morte.
Povo: De acordo com a santos anjos que visitam a
Vossa misericórdia, nosso Igreja.
Deus, e não de acordo com 12. Examinem a si mesmos e se
nossos pecados. purifiquem e não
7. Diácono: Se há alguém que mencionem os pecados do
tenha uma consciência seu próximo. Sejam
doente, que este não se cuidadosos de que ninguém
aproxime. mantenha qualquer ódio
Povo: De acordo com a contra seu próximo.
Vossa misericórdia, nosso 13. Deus está olhando. Elevem
Deus, e não de acordo com os seus corações.
nossos pecados. Aproximemo-nos do
8. Diácono: Se há alguém que remédio da vida. Recebamos
seja adúltero e esteja impuro, a santidade que é concedida
que seja mandado embora. a nós pela graça através da
Povo: De acordo com a sabedoria do Senhor.
Vossa misericórdia, nosso
Deus, e não de acordo com 14. Padre: O Senhor esteja
nossos pecados. convosco.
9. Diácono: Se há alguém que Povo: E com o teu espírito.
seja alheio aos mandamentos Padre: Deem graças ao
de Jesus, este deve ser nosso Deus.
perdoado (para vir). Povo: É correto, é justo.
Povo: De acordo com a Padre: Corações ao alto.
Vossa misericórdia, nosso Povo: Nós os elevamos até o
Deus, e não de acordo com Senhor nosso Deus.
nossos pecados.
10. Diácono: Se há alguém que 15. Padre: Ele é santo entre os
desdenha os profetas, que santos,
este se liberte da ira do (repetir três vezes)
Unigênito e salve sua alma. Povo: Sempre, no céu e na
11. Que não se oponha à Cruz, terra,
mas fuja da ira do Senhor, (repetir três vezes).
porque há aqueles que nos
olham, nomeadamente o Pai 16. Padre: Santo, Santo, Santo
da luz com seu Filho e seus Deus.
O povo deve repetir suas 20. Vós sois o báculo dos justos,
palavras. a esperança dos perseguidos,
Santo, Santo, Santo Senhor o refúgio dos sofredores. Ó
Deus dos deuses que foi e é luz do perfeito, Filho do
sempre no céu e na terra. Deus vivo, brilhe sobre nós
com Vossa graça infalível
* * * concedendo a nós firmeza,
força, fidelidade, sabedoria,
17. Anáfora de Nosso Senhor, o poder de fé que é imutável,
Deus e Salvador Jesus e imutável esperança.
Cristo. A benção de Seu 21. Conceda, Senhor, à nossa
perdão seja com nosso(a) humildade espiritual,
(chefe de estado: rei, rainha, discernimento para que nós,
presidente, governador etc.) Vossos servos, possamos ser
para sempre. Amém. verdadeiramente puros.
E todo o povo deve Vos
18. Padre: Nós Vos damos glorificar.
graças, Santo Deus, o Povo: Nós Vos damos graças
aperfeiçoador de nossas e Vos glorificamos, Senhor.
almas e doador de nossa
vida, Ó tesouro imaculado, 22. Diácono: Pelos benditos…
Pai de Teu Filho Unigênito, (A Anáfora dos Apóstolos 6-
nosso Salvador, que declara 9).
Vossa vontade, porque Vós 23. O Padre assistente deve
desejastes que nós fossemos dizer a “Oração da Benção”
salvos através de Ti. (A Anáfora dos Apóstolos
19. Nossos corações dão graças 10-21).
a Vós, Senhor. 24. Diácono Assistente: Senhor,
Vós sois a força do Pai, graça tende piedade e misericórdia
para os Gentios, dos patriarcas, arcebispos,
conhecimento para os justos, bispos, padres, diáconos e
sabedoria para os pecadores, todo o povo Cristão.
médico da alma, exaltador
dos humildes, nossa 25. Padre: Sim, Senhor, nós Vos
cidade. 22
damos graças e Vos
bendizemos, e sempre Vos
22
Vós sois nossa cidade celeste.
rogamos, Deus o Pai dos Povo: Santo, Santo, Santo,
exaltados23, que reina sobre perfeito Senhor dos
os tesouros da luz. Exércitos, céu e terra são
26. Visite Jerusalém do céu, Ó cheios da santidade da Vossa
Senhor das autoridades, os glória.
arcanjos, o poder dos 32. Neste momento o Padre
senhores, a glória dos tronos, assistente deve oferecer o
vestidos em luz, a mais alta turíbulo ao Padre, que deve
felicidade, Rei dos reis, Pai colocar suas mãos na
que segura tudo em Sua mão fumaça e passá-las sobre o
e reina. pão e o cálice três vezes.
27. Através de Vossa vontade, Padre: Ele estendeu suas
Vosso Filho unigênito, Jesus, mãos para sofrer. Ele sofreu
foi crucificado por nossa para curar os doentes que
salvação. confiaram n’Ele.
28. Diácono: Você que está 33. Povo: Lembrai-vos de nós,
sentado, fique de pé. Senhor, em Vosso reino
Padre: Através da Palavra lembrai-vos de nós, Senhor
de Vossa aliança, Vós Mestre, em Vosso reino.
fizestes tudo o que Vós Lembrai-vos de nós, Senhor,
desejais. em Vosso reino, como Vos
29. Diácono: Olhe para o lembrastes do ladrão à mão
Oriente. direita quando Vós estáveis
Padre: E Vós O enviastes até na árvore da Santa Cruz.
o ventre de uma virgem. Ele 34. Padre: Ele que foi dado ao
foi concebido no ventre, foi sofrimento por Sua própria
feito carne, e Seu parto se fez vontade, sofreu para que Ele
conhecer pelo Espírito pudesse curar os doentes,
Santo. fortalecer àqueles que
30. Diácono: Demos atenção: estavam por cair, encontrar
Padre: sendo nascido da àqueles que estavam
Virgem, para que então Ele perdidos, dar vida aos
pudesse cumprir a Vossa mortos, destruir a morte,
vontade e reunir um povo quebrar as amarras de
para Vós. Satanás,
31. Diácono: Respondam:
23
Os Anjos.
35. cumprir completamente a nosso Deus; que isto é Ele,
vontade de Seu Pai, descer verdadeiramente cremos.
ao inferno, abrir os portões 42. Padre: Quando fizerem isto,
da vida, façam em memória de mim.
36. iluminar os justos, E do mesmo modo o cálice,
estabelecer a lei, remover as pondo vinho dentro dele,
trevas, fazer com que as dando graças, abençoando,
crianças cresçam e tornar louvando, Vós o deste a eles.
conhecida sua ressurreição. († três vezes).
Na mesma noite na qual eles Verdadeiramente isto
o traíram. (apontando) é Vosso sangue
37. Diácono: Padres, elevem que foi derramado por
suas mãos. nossos pecados.
Povo: Amém.
38. Padre: Ele tomou o pão em 43. Padre: Ele deve então mover
suas santas, benditas e o cálice com sua mão direita
imaculadas mãos, em forma de cruz.
Neste momento ele deve Povo: Amém. Amém.
erguer o pão. Amém. Nós cremos e
39. Povo: Nós cremos que isto é confessamos.
Ele, verdadeiramente
cremos. 44. Padre: Agora, Senhor,
relembrando Vossa morte e
40. Padre: deu graças, abençoou ressurreição, nós cremos em
e partiu († três vezes. Então, Vós.
ele deve entalhar a Hóstia 45. Povo: Nós proclamamos
com seu polegar) e o deu aos Vossa morte, Senhor, e Vossa
seus discípulos dizendo-os: santa ressurreição. Nós
Tomai, comei, este cremos em Vossa ascensão e
(apontando) pão é o Meu vossa segunda vinda. Nós
Corpo que será partido por Vos glorificamos, e Vos
vós para a remissão dos confessamos; nós
pecados. oferecemos nossas orações a
41. Povo: Amém. Amém. Vós e Vos suplicamos, Ó
Amém. Nós cremos e Nosso Senhor e Nosso Deus:
confessamos, nós louvamos 46. Padre: E nós Vos ofertamos
a Vós, Ó Nosso Senhor e este pão e este cálice dando
graças somente a Vós, Ó 50. Nós não ofertamos a Vossa
Deus o Salvador do mundo, Santidade comida ou bebida.
porque Vós nos ordenastes a Que elas não sejam para
permanecer diante de Vós e nosso julgamento nem uma
Vos servir. Por esta razão, ocasião de reprovação pelo
nós, Vossos servos, vos inimigo, nem para nossa
glorificamos, Ó Senhor. destruição, mas para a saúde
Povo: Por esta razão, nós, de nossa carne e força de
Vossos servos, vos nosso espírito.
glorificamos, Ó Senhor. 51. Sim, Senhor nosso Deus,
conceda-nos, pelo Vosso
47. Padre: Senhor, nós Vos grande Nome, fugir de todos
rogamos e Vos bendizemos os pensamentos que Vos
por enviar o Espírito Santo e desagradam.
poder sobre este 52. Senhor, conceda-nos que o
(apontando) pão e sobre este conselho da morte se aparte
cálice de nós, nós que somos
48. para fazer deles o corpo († escritos, pelo Vosso Nome,
uma vez) e o sangue († uma dentro do véu de Vosso
vez, então † mais uma vez santuário24 no mais alto céu.
sobre ambos) de Nosso 53. Que a morte ouça Vosso
Senhor e Salvador Jesus Nome e seja perturbada. Que
Cristo para sempre. as profundezas sejam
Povo: Amém. Senhor, cortadas em pedaços e o
piedade de nós, Senhor, inimigo seja pisado.
poupai-nos, Senhor, tende Que o espírito da destruição
misericórdia de nós. estremeça, e a serpente seja
49. Padre: Novamente removida, que a descrença se
ofertamos a Vós esta ação de afaste e o criminoso seja
graças, Trindade Eterna, destruído, que a ira se
Senhor o Pai de Jesus Cristo, acalme, que a inveja vá ao
a Quem toda criatura e alma nada e que aquele peca
teme, e cujo temor entra continuamente seja
dentro da alma. Esta ação de repreendido.
graças é própria a Vós. Que aqueles que amam o
dinheiro sejam expulsos, que
24
Lev. 4:7
a fraqueza seja removida, nos conceda a boa comunhão
que o mentiroso seja expulso do Espírito Santo.
e que todas as criaturas 58. Povo: Assim como foi, é, e
venenosas sejam dispersas. deverá ser até as gerações
54. Senhor, conceda luz interior das gerações, até as eras sem
aos olhos de nosso coração, fim.
para que eles possam ver,
agradecer e glorificar a Vós, Neste momento o Padre
lembrando-vos e servindo- celebrante deve molhar o
vos, porque somente Vós seu dedo no sangue para
sois o destino deles. assinalar o corpo †.
55. Ó Filho e Verbo de Deus, 59. Padre: Alimente Vosso povo
servido por todas as em verdade e santidade.
criaturas, aperfeiçoe e Conceda unidade, Senhor, a
fortaleça a graça que Vós nós que recebemos do Vosso
revelastes a eles, e conserve mistério para que sejamos
aqueles que têm a graça da completamente satisfeitos
saúde. com o Santo Espírito,
Endireite esta fé, que aqueles conceda poder e força de fé
que Vos louvam com a força na retidão,
da língua, aprenderam pelo 60. para sempre dar graças a Vós
exercício da língua. e Vosso amado Filho Jesus
Salvai aqueles sempre Cristo com o Espírito Santo
cumpriram a Vossa vontade. para sempre.
Visitai as viúvas. Recebei os 61. Padre: Conceda-nos sermos
órfãos. Aceitai aqueles que unidos pelo Vosso Santo
se foram para o seu descanso Espírito, e cura-nos por esta
na fé. oblação que nós possamos
56. Concedei-nos, Senhor, uma viver em Vós para sempre.
parte com todos os Vossos O povo deve repetir estas
santos. Conceda-nos poder palavras.
para agradá-lo assim como 62. Padre: Bendito seja o Nome
eles Vos tem agradado. do Senhor, e bendito seja Ele
57. Diácono: Com todo o que vem em Nome do
coração supliquemos ao Senhor, e seja bendito o
Senhor nosso Deus que Ele Nome de Sua glória. Assim
seja. Assim seja. Assim seja Vós conheceis os humildes,
bendito. pois estais na luz.
O povo deve repetir estas 67. Ó Vós que fazeis o mundo
palavras. descansar, mostrastes os
mistérios ocultos na cruz.
63. Padre: Enviai o Paráclito, o Quem é misericordioso e
Espírito de retidão. santo como Vós?
Povo: Enviai sobre nós a
graça do Espírito Santo. 68. Vós destes vosso poder aos
64. Diácono: De pé para a vossos Apóstolos que vos
oração. serviram com brandura de
Povo: Senhor tende coração e vos ofereceram um
misericórdia de nós. sabor doce. Por Nosso
Padre: A paz esteja Senhor, Deus e Salvador
convosco. Jesus Cristo. O Deus todo-
Povo: E com teu espírito poderoso é Nosso Senhor.

69. Diácono: Oremos.


((Oração da Fração)) Povo: Pai Nosso que estás
Ao invés da “A Oração da no céu, santificado seja o
Fração”, #A:58,59, página Vosso Nome, venha o Vosso
46, a oração “Lembrai-vos Reino, seja feita a Vossa
da carne” deve ser dita da Vontade assim na terra como
Anáfora dos Trezentos e é no céu, o pão nosso de cada
Dezoito, #E:121-131, dia dai-nos hoje; perdoai-nos
página 94. as nossas dívidas, assim
como nós perdoamos os
65. Padre: E novamente nós nossos devedores, e não nos
pedimos o Deus todo- deixeis cair em tentação,
poderoso, o Pai do Senhor e mas livrai-nos de todo o mal;
nosso Salvador Jesus Cristo. pois Vosso é o reino, o poder
66. Eu suplico a Vós, Senhor e a glória pelos séculos dos
meu Deus, que vos assentais séculos.
sobre os querubins e
repousais sobre os altos.25 70. Padre: Senhor nosso Deus
todo-poderoso, nós Vos
25
Os anjos.
rogamos e suplicamos que 78. Fazei que aquele que recebe
não tireis Vosso poder de de vossa honorável mesa
nós, com uma consciência pura,
71. mesmo aquele poder que digno da remissão dos
Vós destes aos apóstolos que pecados e da unidade com o
vos serviram com brandura Espírito Santo para a
de coração e que vos salvação do corpo e da alma,
ofertaram um doce sabor. e digno de vir dentre a
Por Nosso Senhor e Salvador herança do reino celeste pelo
Jesus Cristo, agora e para vosso favor e vossa vontade:
sempre. Amém. Por vosso Filho Unigênito,
72. Povo: Os exércitos dos anjos por quem a Vós, com Ele e
do Salvador do mundo com o Espírito Santo, seja
permanecem perante o glória e domínio, agora e
Salvador do mundo, para sempre. Amém.
73. e cercam o Salvador do
mundo, até mesmo o Corpo 79. Diácono: Adorai ao Senhor
e Sangue do Salvador do com temor.
mundo. Povo: Perante Vós, Senhor,
74. Aproximemo-nos da face do nós adoramos, e a Vós
Salvador do mundo. Na fé glorificamos.
que vem d’Ele nós damos
graças a Cristo.
75. Diácono Assistente: 80. Padre: “Oração da
Príncipes, abri os portões. Penitência”
76. Diácono: Vós, que estais de (Anáfora dos Apóstolos,
pé, abaixai as cabeças. §72-138 p.47)

77. Padre: Senhor nosso Deus, 81. Após receber a Sagrada


que vos sentais por sobre os Comunhão:
Querubins e os Serafins, e Padre: Ó Vós que pilotais a
olhais para baixo sobre o alma, o líder dos justos, o
vosso povo e vossa herança, refúgio dos santos, conceda-
abençoai vossos servos e nos, Senhor, olhos treinados
vossas servas e suas para que eles possam sempre
crianças. ver a Vós, e ouvidos para
ouvir apenas a vossa palavra.
Quando nossas almas Concedei unidade sem
estiverem satisfeitas com pecado, raiva ou cessação,
vossa graça, criai em nós um por Vosso Filho Unigênito,
coração puro, para que por quem a Vós, com Ele e
possamos sempre apreciar com o Espírito Santo seja
vossa grandeza. Vós que sois glória e domínio, agora e
gentil e amante dos homens. para sempre, e pelos séculos
dos séculos.
82. Nosso Deus, como Vós
amais nossa alma, conceda- Povo: Amém.
nos pura e constante
reflexão; nós, vossos servos,
que recebemos Vosso Corpo
e Vosso Sangue, somos
humildes.

Pois bendito e glorioso é


vosso reino, Ó Senhor, Pai,
Filho e Espírito Santo, agora
e para sempre e pelos
séculos dos séculos.
Povo: Amém.

83. Padre: A Imposição das


Mãos.

Abençoai vossos servos e


vossas servas, guardai-os,
ajudai a despedi-los com o
poder dos vossos anjos;
ajudai-os e confirmai-os no
temor de Vosso Santo Nome.
Adornai-os com vossa
Grandeza, para que assim
eles possam crer, confiar e
desejar aquilo que é vosso.

Você também pode gostar