Você está na página 1de 15

ArcGIS 10 - Criação de

Shapefile de Pontos a
partir de uma Localização
XY

No ArcGIS 10, a função Add XY Data permite importar temporariamente


coordenadas de uma planilha eletrônica diretamente para o programa. Após a
importação, os pontos espacialmente referenciados devem ser exportados para o
formato shapefile.

Coordenadas Geográficas em Graus, Minutos e


Segundos

Conheça alguns pré-requisitos fundamentais para conclusão dessa tarefa:

• As coordenadas devem ser armazenados em planilha eletrônica ou


arquivo texto;
• É obrigatório que a planilha possua duas colunas XY com coordenadas
da Latitude e Longitude;
• O SIG ArcGIS não admite a importação de coordenadas no
formato GMS (Graus, Minutos e Segundos);
• É necessário converter coordenadas GMS para Graus Decimais.

Faça o download da Planilha para conversão de Coordenadas em GMS para


Graus Decimais (formato Excel).

Tutorial

Vamos trabalhar com duas planilhas. Abaixo temos a planilha modelo que iremos
utilizar como base de dados:
Na planilha acima, os campos ID, NOME e ESTADO são campos que contém
dados comuns. Os campos W e S são os campos mais importantes pois possuem
as coordenadas da Latitude Sul (S) e Longitude Oeste (W). Pelas informações
da planilha, sabemos que as coordenadas em graus, minutos e segundos indicam
que os pontos estão espacialmente posicionados em oito locais do Estado do Rio
de Janeiro.

A segunda planilha é o conversor de coordenadas. Infelizmente somos obrigados a


utilizar essa planilha de conversão pois o SIG não compreende o formato numérico
em GMS.
A conversão é simples: digite os valores das coordenadas nos campos G, M e S.
Você pode tomar emprestado alguns campos em branco da planilha de conversão
para agilizar a digitação. Um detalhe: o separador no Excel Português-BR é
a vírgula. Em outras palavras, ao invés de digitar 20.15, digite 20,15 para inserir
corretamente os valores correspondentes aos segundos:
[Tela Cheia | 1027 x 588 pixels | http://goo.gl/uGkMp ]

Durante a edição, você pode modificar a direção do cursor nas Opções do Excel.
Por padrão, ao pressionar ENTER, o cursor move-se para baixo. Na verdade, se o
cursor fosse direcionado para direita ao confirmar uma edição, seria ideal. Veja
como alterar isso nas opções do programa:

Ao terminar a inserção dos valores, copie as células das coordenadas em Graus


Decimais:
Abra uma nova planilha e clique com o botão direito do mouse sobre uma célula
vazia. Selecione a opção Colar Especial:
Na janela Colar Especial, selecione a opção Valores (somente números serão
colados, isso evita a cópia desnecessária das fórmulas presentes na planilha
anterior):
Os números serão colados com sucesso. Formate as colunas para Número com
seis casas decimais. Finalmente, eis as coordenadas convertidas para Graus
Decimais:

Salve esse documento como formato anterior do Excel (XLS). A partir de agora,
podemos considerar que esta planilha está espacialmente referenciada. Estamos a
um passo da tarefa de importação dos pontos para o ArcGIS 10.

Definindo um Sistema de Coordenadas para o


Dataframe

Abra o ArcGIS 10. Antes de distribuir os pontos no mapa, é necessário definir


o Sistema de Coordenadas Geográficas para o Dataframe e selecionar
um Modelo da Terra (Datum). O sistema de coordenadas geográficas padrão do
mundo é o WGS 1984 e o Datum, também WGS 1984. Para executar essa tarefa,
siga os passos abaixo:

• Clique duplo sobre o Dataframe Layers para acessar suas


propriedades (1).
• Na janela Data Frame Properties, acesse a guia Coordinate System.
Acesse a pasta Geographic Coordinate System – World – WGS 1984:

O Sistema de Coordenadas escolhido para o Dataframe chama-se Geographic


Coordinate System, Datum WGS 1984 ou simplesmente GCS_WGS1984. Mais
adiante, será necessário atribuir o mesmo Sistema de Coordenadas para o arquivo
final. Para maiores informações sobre Sistemas de Coordenadas, consulte o
documento abaixo:

ArcGIS 10: Primeiros Passos – Parte 04 | (2,8 MB) | http://bit.ly/LaYinm


ArcGIS 10: Função Add XY Data

Após definir o sistema geográfico no Dataframe, carregue sua base cartográfica


padrão (shapefile de Estados, Municípios, Hidrografia, etc) e clique no menu File –
Add Data – Add XY Data:

Clique na pasta para navegar até o local onde sua pasta de trabalho foi salva. Abra
a pasta de trabalho e localize a planilha que contém as coordenadas:
Defina os campos da Latitude (Y) e Longitude (X) de acordo com as colunas da
planilha que contém as coordenadas em Graus Decimais:
Os pontos temporários serão distribuídos no mapa. A projeção padrão
é Geographic Coordinate System WGS 1984:
[Tela Cheia | 899 x 685 pixels | http://goo.gl/XKYEF ]

No Dataframe Layers, clique com o botão direito do mouse sobre o


shapefile Events e selecione a opção Open Attribute Table. Consulte os atributos
do arquivo shapefile criado:
Exportando um Arquivo temporário para Shapefile

Um arquivo Events é um arquivo temporário. Para salvar definitivamente esse


arquivo como shapefile, clique com o botão direito do mouse sobre o
shapefile Events e selecione a opção Data – Export Data:

Na próxima janela, o programa irá sugerir a adoção de um Sistema de


Coordenadas. Nosso objetivo é gravar o sistema GCS_WG1984 no novo arquivo,
então indique o mesmo sistema de coordenadas definido para o Dataframe.
Selecione um nome e um local para o arquivo shapefile e clique no botão OK:
Confirme a opção abaixo para inserir o arquivo final no mapa:

O arquivo gerado deve ser adicionado aos demais dados presentes no mapa.
Você pode agora remover os pontos temporários:
Resultado Final: Shape de Pontos distribuídos no
Mapa

[Tela Cheia | 1040 x 831 pixels | http://goo.gl/KcvcM ]

Os pontos foram distribuídos no mapa a partir da localização XY conforme nosso


colega pediu.

Esse foi um longo tutorial, assunto extremamente conhecido, mas não devemos
desanimar. Essa dúvida foi pertinente no seguinte sentido: eu posso aproveitar
esse tutorial para criar uma lista de perguntas frequentes, estilo FAQ. Certamente
esse FAQ vai facilitar a vida dos novos colegas que eventualmente
desembarcarem aqui no blog, não acha?