Você está na página 1de 11

Configurando o Serviço Triple Play (Modo Simplificado)

A configuração do serviço GPON no modo simplificado é implementada criando uma porta de


serviço de ponta a ponta (E2E) entre um OLT e um ONT. Este tópico descreve como obter a
configuração do serviço GPON no modo simplificado configurando o serviço de acesso à Internet,
o serviço de voz e o serviço multicast no cenário FTTH.

Requisitos de serviço
NOTA:
No mesmo ONT, as portas de serviço no modo simplificado entram em conflito com as portas de
serviços no modo de perfil. Portanto, eles não podem ser configurados simultaneamente.

• Os assinantes usam os ONTs de ligação (suportando VoIP). O PC, o STB e o telefone estão
conectados a diferentes portas no ONT para obter o serviço triple play.

• Diferentes serviços são diferenciados por diferentes S-VLANs em uma OLT.

• O serviço de acesso à Internet tem uma restrição de taxa de 4 Mbit / s, tanto nas direções a
montante como a jusante.

• O serviço de IPTV não tem restrição de taxa na direção a montante ou a jusante.

• O VoIP adota o protocolo H.248 e os telefones conectados a diferentes ONTs podem se


comunicar entre si.

A Figura 1 mostra um exemplo de rede do serviço triple play FTTH.

Figura 1 Exemplo de rede do serviço triple play FTTH

Pré-requisito
• A OLT está conectada ao BRAS, MGC e à fonte multicast.
• Os dados de interface e os dados de configuração do usuário POTS correspondentes à interface
MG são configurados no MGC.

• Configurações relacionadas são realizadas no BRAS de acordo com os requisitos de autenticação


e contabilização para usuários de discagem. Para detalhes sobre a configuração, consulte o guia de
configuração.

• A VLAN da porta do switch LAN conectada à OLT é consistente com a VLAN upstream da OLT.

Procedimento
• Configure o OLT.

1. Configure os perfis GPON ONT.

Os perfis GPON ONT incluem o perfil de DBA, perfil de linha, perfil de serviço e perfil de alarme. No
modo simplificado, o perfil DBA padrão, o perfil de linha e o perfil de serviço são usados. Ou seja,
esses perfis não precisam ser configurados.

a. Adicionar um perfil de linha do ONT

O perfil de linha padrão 0 é usado. Neste perfil, o padrão T-CONT 0 e T-CONT 1 são criados. O T-
CONT 0 está vinculado ao perfil DBA padrão 2 (a largura de banda fixa: 1 Mbit / s) e é usado para o
canal de gerenciamento OMCI. O T-CONT 1 é vinculado ao perfil DBA padrão 0 (a largura de banda
assegurada: 8 Mbit / s, a largura de banda máxima: 20 Mbit / s) e é usado para o canal de serviço.
O perfil do DBA vinculado a um T-CONT pode ser modificado.

b. Adicionar um perfil de serviço do ONT

O perfil de serviço padrão 0 é usado. Neste perfil, o conjunto de recursos da porta ETH e da porta
POTS é definido como adaptável por padrão e, portanto, a OLT combina automaticamente o
número de portas de acordo com o tipo de ONT on-line.

c. (Opcional) Adicione um perfil de alarme.

• O perfil de alarme GPON padrão 1 é usado. Os limites de alarme do perfil de alarme padrão são
0, o que indica que nenhum alarme é gerado.

• Neste exemplo, o perfil de alarme padrão é usado e, portanto, a configuração do perfil de


alarme não é necessária.

• Execute o comando gpon alarm-profile add para configurar um perfil de alarme GPON, que é
usado para monitorar o desempenho de uma linha ONT ativada.

2. Adicione ONTs na OLT.

O ONT está conectado a uma porta GPON da OLT por fibras ópticas. O serviço pode ser
configurado somente depois que os ONTs forem adicionados com êxito na OLT.

Dois ONTs estão conectados à porta GPON 0/1/1. As IDTs ONT são 1 e 2, os SNs são
32303131d659fd40 e 6877687714852901, as senhas são 0100000001 e 0100000002, o modo de
descoberta de senhas é uma vez ativado e o modo de gerenciamento é OMCI.
a. Adicione ONTs offline.

Se a senha de um ONT for conhecida, execute o comando ont add para adicionar um ONT offline.
huawei(config)#interface gpon 0/1
huawei(config-if-gpon-0/1)#ont add 1 1 password-auth 0100000001
once-on no-aging omci
huawei(config-if-gpon-0/1)#ont add 1 2 password-auth 0100000002
once-on no-aging omci
b. Descubra os ONTs automaticamente.

Se a senha ou o SN de um ONT for desconhecido, execute o comando portid ont-auto-find no


modo GPON para ativar a função de descoberta automática do ONT da porta GPON. Em seguida,
execute o comando ont confirm para confirmar o ONT.
huawei(config)#interface gpon 0/1
huawei(config-if-gpon-0/1)#port 1 ont-auto-find enable
huawei(config-if-gpon-0/1)#display ont autofind 1
//After this command is executed, the information of all ONTs
connected to the GPON port through optical splitters is displayed.

--------------------------------------------------------------------
----
Number : 1
F/S/P : 0/1/1
Ont SN : 32303131d659fd40
Password :
VenderID : HWTC
Ont Version : 120A0000
Ont SoftwareVersion : V1R001C01
Ont EquipmentID : EchoLife:HG8245
Ont autofind time : 2009-10-24 14:59:10

--------------------------------------------------------------------
----
Number : 2
F/S/P : 0/1/1
Ont SN : 6877687714852901
Password :
VenderID : HWTC
Ont Version : 120A0000
Ont SoftwareVersion : V1R001C01
Ont EquipmentID : EchoLife:HG8245
Ont autofind time : 2009-10-24 14:59:12

--------------------------------------------------------------------
----
huawei(config-if-gpon-0/1)#ont confirm 1 ontid 1 sn-auth
32303131d659fd40 omci
huawei(config-if-gpon-0/1)#ont confirm 1 ontid 2 sn-auth
6877687714852901 omci
c. (Opcional) Ligue o perfil de alarme ao ONT.
O perfil padrão 1 é usado neste exemplo.
huawei(config-if-gpon-0/1)#ont alarm-profile 1 1 profile-id 1
huawei(config-if-gpon-0/1)#ont alarm-profile 1 2 profile-id 1
3. Confirme se os ONTs estão online com sucesso.

Depois que um ONT for adicionado, execute o comando ont info de exibição para consultar o
status atual do ONT. Assegure-se de que o sinalizador Config do ONT esteja ativo, o estado de
execução esteja online, o estado de configuração seja normal e o estado de correspondência seja
coincidente.
huawei(config-if-gpon-0/1)#display ont info 1 1
--------------------------------------------------------------
F/S/P : 0/1/1
ONT-ID : 1
Control flag : active //Indicates that the ONT is
activated.
Run state : online //Indicates that the ONT goes
online successfully.
Config state : normal //Indicates that the configuration
state of the ONT is normal.
Match state : match //Indicates that the capability
profile bound to the ONT is consistent with the actual capability
of the ONT.
...//The rest of the response information is omitted.

Quando o estado de configuração falha, o estado de execução é off-line ou o estado de


correspondência é incompatível:

• Se o flag de Controle for desativado, execute o comando ont ativo no modo GPON para ativar a
ONU.

• Se o estado de execução estiver off-line, uma linha física pode ser desconectada ou o módulo
ótico pode estar danificado. Verifique a linha e o módulo óptico.

• Se o estado de configuração falhar, a capacidade da ONU configurada excederá a capacidade


real da ONU. Nesse caso, execute o comando ont failed-configuration no modo de diagnóstico
para verificar o item de configuração com falha e a causa da falha. Em seguida, corrija a falha de
acordo.

NOTA:
Se o ONT suportar apenas 4 filas, o parâmetro priority-queue do comando gem add será inválido
quando o valor da fila de prioridade estiver definido como 4-7. Conseqüentemente, o estado de
configuração está com falha.

• Se a ONU não corresponder, ou seja, o estado de correspondência é incompatível, os tipos de


portas e o número de portas não correspondem aos tipos de porta atuais e ao número de portas
suportadas pela ONU. Nesse caso, execute o comando ont capability para consultar a capacidade
real da ONU e, em seguida, selecione um dos seguintes modos para modificar a configuração da
ONU:
 Crie um perfil ONU adequado de acordo com a capacidade real da ONU e, em seguida, execute o
comando ont modify para modificar os dados de configuração da ONU.

 Modifique o perfil da ONU de acordo com a capacidade real da ONU e salve a modificação.
Então, a ONU automaticamente recupera a configuração com sucesso.

4. Configure o serviço de acesso à Internet.

 . Crie uma S-VLAN e adicione uma porta upstream a ela.

O ID VlAN é 100 e o tipo VLAN é inteligente. Adicione a porta upstream 0/19/0 à VLAN 100
inteligente.
huawei(config)#vlan 100 smart
huawei(config)#port vlan 100 0/19 0
a. Configure um perfil de tráfego.

Execute o comando display traffic table ip para consultar os perfis de tráfego existentes no
sistema. Se os perfis de tráfego existentes no sistema não atenderem aos requisitos, você
precisará executar o comando ip da tabela de tráfego para incluir um perfil de tráfego.

Defina o ID do perfil como 8, o CIR como 4 Mbit / se a prioridade como 1. Além disso, configure o
modo de planejamento para que os pacotes sejam programados de acordo com suas prioridades.
huawei(config)#traffic table ip index 8 cir 4096 priority 1 priority-
policy local-setting
b. Crie uma porta de serviço.

Configure os índices de porta de serviço para 1 e 2, S-VLAN ID para 100 e C-VLAN ID para 10. O PC
do usuário está conectado à porta EHT 1 no ONT. O perfil de tráfego 8 é usado.

AVISO:
O PC do usuário está conectado à porta ONT. Portanto, a VLAN do lado do usuário é definida como
não marcada.
huawei(config)#service-port 1 vlan 100 port 0/1/1 ont 1 eth 1 multi-
service
user-vlan untagged inbound traffic-table index 8 outbound traffic-
table index 8
huawei(config)#service-port 2 vlan 100 port 0/1/1 ont 2 eth 1 multi-
service
user-vlan untagged inbound traffic-table index 8 outbound traffic-
table index 8
5. Configure o serviço de voz.

  . Crie uma S-VLAN e adicione uma porta upstream a ela.

O ID VlAN é 200 e o tipo VLAN é inteligente. Adicione a porta upstream 0/19/0 à VLAN 200
inteligente.
huawei(config)#vlan 200 smart
huawei(config)#port vlan 200 0/19 0
a. Ative o proxy ARP.
Para usuários diferentes da mesma S-VLAN, porque as portas de serviço da VLAN inteligente são
isoladas umas das outras, as transmissões de mídia de voz não podem ser trocadas normalmente.
A função de proxy ARP da OLT deve estar habilitada para que diferentes usuários da mesma VLAN
possam se comunicar uns com os outros.
huawei(config)#arp proxy enable
huawei(config)#interface vlanif 200
huawei(config-if-vlanif200)#arp proxy enable
huawei(config-if-vlanif200)#quit
b. Configure um perfil de tráfego.

Execute o comando display traffic table ip para consultar os perfis de tráfego existentes no
sistema. Se os perfis de tráfego existentes no sistema não atenderem aos requisitos, você
precisará executar o comando ip da tabela de tráfego para incluir um perfil de tráfego.

Defina o ID do perfil como 9, a prioridade como 6 e sem limitação de taxa nas direções upstream e
downstream. Além disso, configure o modo de planejamento para que os pacotes sejam
programados de acordo com suas prioridades.
huawei(config)#traffic table ip index 9 cir off priority 6 priority-
policy local-setting
c. Crie uma porta de serviço.

Defina os índices de porta de serviço para 3 e 4, S-VLAN ID para 200 e C-VLAN ID para 20. O
telefone do usuário está conectado à porta POTS no ONT. O perfil de tráfego 9 é usado.
huawei(config)#service-port 3 vlan 200 port 0/1/1 ont 1 iphost multi-
service
user-vlan 20 inbound traffic-table index 9 outbound traffic-table
index 9
huawei(config)#service-port 4 vlan 200 port 0/1/1 ont 2 iphost multi-
service
user-vlan 20 inbound traffic-table index 9 outbound traffic-table
index 9
6. Configure o serviço de multicast.

  . Crie uma S-VLAN e adicione uma porta upstream a ela.

O ID VlAN é 1000 e o tipo VLAN é inteligente. Adicione a porta upstream 0/19/0 à VLAN 1000
inteligente.
huawei(config)#vlan 1000 smart
huawei(config)#port vlan 1000 0/19 0
a. Configure um perfil de tráfego.

Execute o comando display traffic table ip para consultar os perfis de tráfego existentes no
sistema. Se os perfis de tráfego existentes no sistema não atenderem aos requisitos, você
precisará executar o comando ip da tabela de tráfego para incluir um perfil de tráfego.

Defina o ID do perfil como 10, a prioridade como 4 e sem limitação de taxa nas direções upstream
e downstream. Além disso, configure o modo de planejamento para que os pacotes sejam
programados de acordo com suas prioridades.
huawei(config)#traffic table ip index 10 cir off priority 4
priority-policy local-setting
b. Crie uma porta de serviço.

Configure os índices de porta de serviço para 5 e 6, S-VLAN ID para 1000, C-VLAN ID para 30 e o ID
da porta ONT ETH conectada ao usuário STB para 2. O perfil de tráfego 10 é usado.

NOTA:
Se o STB interconectado ao ONT não suportar tag VLAN, a VLAN do lado do usuário é definida
como não marcada ao criar a porta de serviço.
huawei(config)#service-port 5 vlan 1000 port 0/1/1 ont 1 eth 2
multi-service user-vlan 30 inbound traffic-table index 10 outbound
traffic-table index 10
huawei(config)#service-port 6 vlan 1000 port 0/1/1 ont 2 eth 2
multi-service user-vlan 30 inbound traffic-table index 10 outbound
traffic-table index 10
c. Configure a versão do IGMP.

Defina a versão IGMP da VLAN multicast para IGMPv3.


huawei(config)#multicast-vlan 1000
huawei(config-mvlan1000)#igmp version v3
d. Crie uma VLAN de multicast e selecione o modo IGMP.

Configure o ID de VLAN de multicast como 1000 e selecione o modo de proxy IGMP.


huawei(config-mvlan1000)#igmp mode proxy
Are you sure to change IGMP mode?(y/n)[n]:y
e. Configure uma porta upstream do IGMP.

Configure a porta upstream do IGMP para a porta 0/19/0 e o modo de trabalho para o padrão.
Pacotes de protocolo são transmitidos para todas as portas upstream do IGMP na VLAN multicast.
huawei(config-mvlan1000)#igmp uplink-port 0/19/0
huawei(config-mvlan1000)#btv
huawei(config-btv)#igmp uplink-port-mode default
Are you sure to change the uplink port mode?(y/n)[n]:y
f. (Opcional) Defina os parâmetros globais de multicast.

Neste exemplo, as configurações padrão são usadas para todos os parâmetros globais de
multicast.

g. Configure uma biblioteca de programas.

Configure o endereço IP do programa multicast para 224.1.1.10, programe o nome para program1
e programe o endereço IP de origem para 10.10.10.10.

huawei(config-btv)#multicast-vlan 1000
huawei(config-mvlan1000)#igmp program add name program1 ip 224.1.1.10
sourceip 10.10.10.10
h. Configure um perfil certo.

Configure um perfil chamado profile0, com o direito de assistir ao programa 1.


huawei(config-mvlan1000)#btv
huawei(config-btv)#igmp profile add profile-name profile0
huawei(config-btv)#igmp profile profile-name profile0 program-name
program1 watch
i. Configurar usuários multicast.

Configure os usuários das portas de serviço 5 e 6 como usuários multicast e vincule o perfil de
perfil direito0 às portas de serviço.
huawei(config-btv)#igmp user add service-port 5 auth
huawei(config-btv)#igmp user add service-port 6 auth
huawei(config-btv)#igmp user bind-profile service-port 5 profile-name
profile0
huawei(config-btv)#igmp user bind-profile service-port 6 profile-name
profile0
huawei(config-btv)#multicast-vlan 1000
huawei(config-mvlan1000)#igmp multicast-vlan member service-port 5
huawei(config-mvlan1000)#igmp multicast-vlan member service-port 6
huawei(config-mvlan1000)#quit
7. Salve os dados.
huawei(config)#save
• Configure o ONT.

O ONT não precisa ser configurado para o serviço de acesso à Internet e serviço multicast. Para o
serviço de voz, as configurações no ONT são consistentes com as do modo de perfil.

Resultado
• Use o software de discagem PPPoE para discar no PC. Depois que o dial-up for bem-sucedido, o
usuário poderá acessar a Internet.

• Conecte dois telefones a duas portas TEL de diferentes ONTs e os assinantes podem usar esses
dois telefones para ligar um para o outro.

• O assinante pode assistir ao programa 1 na TV.


Upgrade MA5600T Family

Upgrade instruction:

After using the account and password (default account: new equipment
root; password: admin) connect OLT equipment, upgrade the command
line operation.

Instruction: This example use TFTP transport to load, just need default
language. ETH use wiring master plate mouth and TFTP server front-end
ports, transfer files, the Console line connecting the master board con
mouth and configuration of computer USB interface, the equipment
configuration and monitoring the loading process.The ETH default IP
10.11.104.2 mask 255.255.255.0, TFTP server can be set to the same
network segment (the sample set to 10.11.104.200) and use convenient.
In order to avoid unnecessary troubles, old equipment needs to save and
backup configuration file and the database file, at the same time, if not
familiar with to upgrade operation, it is commanded to use no-load
experiment equipment operation, such as a large number of business
operation, please try to choose to cut over in spare time.

Atualização da família MA560xT e MA568xT

Instrução de atualização:

Depois de usar a conta e senha (conta padrão: novo equipamento root;


senha: admin) conecte o equipamento OLT, atualize a operação da linha
de comando.

Instrução: Este exemplo usa um programa de TFTP para carregar. A ETH


usa fiação de placa mestre e portas de front-end do servidor TFTP,
arquivos de transferência, a linha do Console conectando o conector da
placa master e a configuração da interface USB do computador, a
configuração do equipamento e monitorando o processo de
carregamento. 255.255.255.0, servidor TFTP pode ser definido para o
mesmo segmento de rede (IP padrão 10.11.104.200).
A fim de evitar problemas desnecessários, o equipamento precisa salvar
e fazer backup do arquivo de configuração e do arquivo de banco de
dados; ao mesmo tempo, se não estiver familiarizado com a operação
de atualização, ele é comandado para usar a operação de equipamentos
sem carga, como um grande número de operações de negócios, por
favor, tente optar por usar em tempo livre.

Passos:

1. autosave
huawei(config)#autosave interval off
huawei(config)#autosave time off

2.Save database file


huawei(config)#save data
 
3. O Arquivo de configuração de backup e o arquivo de banco de dados
(Novo equipamento pode ignorar isso, mas esta etapa pode detectar se
o servidor TFTP foi configurado com sucesso)
huawei(config)#backup data tftp 10.11.104.200 huawei.dat

huawei(config)#backup configuration tftp 10.11.104.200 config.txt

Depois que esta operação for concluída, verifique se o diretório do


arquivo do conjunto de etapas anteriores existe huawei.dat, config.txt, é
para provar que o servidor TFTP trabalhou com sucesso, não há
necessidade de verificar o servidor TFTP configurado passo a passo.
 
4.Upgrade o arquivo de banco de dados usando as ferramentas de
atualização (o novo equipamento pode ignorar isso)
Execute a atualização da ferramenta de atualização de dados. Exe, na
janela "update" abre, selecione a "atualização" TAB para atualizar o
arquivo original do banco de dados. Janela "Atualizar", conforme
mostrado na figura abaixo.
Clique na "Fonte" de "..." Escolha o backup do arquivo de banco de
dados.
Depois de clicar no "Destino" de "...", selecione o caminho de
armazenamento do arquivo de banco de dados atualizado.
Em escolher a versão atualizada de "Version".
Selecione os valores padrão no "Config" (o padrão).
Clique em "atualizar", para concluir o arquivo original para atualizar,
para gerar o arquivo de destino no caminho especificado.
 
Data upgrade tool interface

5.Loader package file to the main control board.


huawei(config)#load packetfile tftp 10.11.104.200 scu_packet.bin
Need to wait for a long period of time after loading the file transfer, and
relevant operation according to clew.
 
6.Load the updated database configuration file and the original history
to the main control board (new equipment can ignore this).
huawei(config)#load data tftp 10.11.104.200 huawei.dat 
The new database will overwrite the old one
Rollback function will be disabled
Be sure that the system needn't this function
It's irreversible. Are you sure to load new database? (y/n)[n]:y
huawei(config)#load configuration tftp 10.10.10.12 config.txt

7.Reset system
In package files and form a complete set of database files after
completion of loading, using active configuration activated configuration
or reboot the system reset command system.
huawei(config)#active configuration     
system
System will reboot after this command, continue? (y/n)[n]:y
Or
huawei(config)#reboot system

8.Confirm the system upgrade was successful.


Check the master plate can be normal boot, and use the display
language and display version command to check the master control
board version is correct.