Você está na página 1de 10

MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me.

Ana Paula Manzan

AULA 3: TESTE DE HIPÓTESE


Definição: O Teste de Hipótese é uma regra de decisão para aceitar ou rejeitar uma hipótese estatística com base
nos elementos amostrais.
Hipótese estatística: É aquilo que queremos validar através de testes estatísticos.
Hipótese nula ( H0 ) : Enunciado que sustenta quaisquer diferenças entre duas observações, é a hipótese inicial.

É aquela que vai ser testada.


Hipótese alternativa ( H1 ) : É a hipótese contrária a hipótese nula, ou seja, é a hipótese alternativa.

Procedimento para a realização do Teste de Significância ou Teste de Hipótese

1. Enunciar as hipóteses H 0 e H1 ;

2. Fixar o nível de significância α e identificar a estatística do teste;


3. Determinar a região crítica – RC (faixa de valores que nos levam à rejeição da hipótese H 0 ) e a região de

aceitação – RA em função do nível α pelas tabelas estatísticas apropriadas;


4. Baseado na amostra, calcular o valor da estatística do teste;
5. Concluir se rejeição ou não a H 0 .

Teste Bilateral ou Bicaudal

São os que consideramos ambas as extremidades da distribuição por amostragem como zonas de rejeição.
Hipóteses: H 0 : µ = µ0 e H1 : µ ≠ µ0

Teste Unilateral

São os que consideramos apenas uma extremidade da distribuição por amostragem como zona de rejeição.
1
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

Hipóteses: H 0 : µ = µ0 e H1 : µ < µ0 Hipóteses: H 0 : µ = µ0 e H1 : µ > µ0

Teste de Hipótese para a média de uma população normal com variância σ 2 conhecida

x − µ0
Estatística do teste: Zcal =
σ
n

Bilateral: Z α
0,5−
2

Unilateral: Z 0,5−α

Exemplos
1) Uma fábrica de automóveis anuncia que seus carros consomem, em média 11 litros por 100 km, com desvio
padrão de 0,8 litro. Uma revista decide testar essa afirmação e analisa 35 carros dessa marca, obtendo 11,4 litros
por 100 km, como consumo médio. Admitindo que o consumo tenha distribuição normal, ao nível de significância
de 10% o que a revista concluirá sobre o anúncio da fábrica?

Dados do enunciado: µ = 11; σ = 0,8; n = 35; x = 11, 4; α = 0,1

Hipóteses: H0 : µ = 11 e H1 : µ ≠ 11

Valor tabelado: Z α =Z 0,1 = Z0,45 = 1,64


0,5− 0,5−
2 2

Representação gráfica:

2
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

x − µ0 11, 4 − 11
Estatística do teste: Zcal =  Zcal =  Zcal = 3,008
σ 0,8
n 35

Conclusão: Rejeita-se H0 ao nível de 10%, portanto a revista pode concluir que o anúncio não é verdadeiro.

2) Um fabricante de lajotas de cerâmica introduz um novo material em sua fabricação e acredita que aumentará
a resistência média, que atualmente é de 206 kg. A resistência das lajotas tem distribuição normal com desvio
padrão de 12 kg. Retira-se uma amostra de 30 lajotas, obtendo uma média de 210kg. Ao nível de 10% de
significância, pode o fabricante aceitar que a resistência média de suas lajotas tenha aumentado?

Dados do enunciado: µ = 206; σ = 12; n = 30; x = 210; α = 0,1

Hipóteses: H0 : µ = 206 e H1 : µ > 206

Valor tabelado: Z0,5−α = Z0,5−0,1 = Z0,4 = 1, 28

Representação gráfica:

x − µ0 210 − 206
Estatística do teste: Zcal =  Zcal =  Zcal = 1,827
σ 12
n 30

Conclusão: Rejeita-se H0 ao nível de 10%, portanto o fabricante pode concluir que a resistência média de suas
lajotas aumentaram.

Teste de Hipótese para a média de uma população normal com variância σ 2 desconhecida
O procedimento para o cálculo do teste de hipótese é semelhante ao intervalo de confiança:

• Se n ≤ 30 , utiliza-se a tabela de Student (tabela t), com o estimador s 2 = σ 2 . Estatística do teste:

x − µ0
tcal = . Sendo ϕ = n −1.
s
n

3
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

x − µ0
• Se n > 30 , utiliza-se a tabela de distribuição normal (tabela Z). Estatística do teste: Zcal =
σ
n

Exemplos
3) Um revendedor de lâmpadas recebeu um grande carregamento de um fabricante, que afirma que as lâmpadas
têm uma vida média de 1120 horas. Uma amostra com 8 lâmpadas extraída deste carregamento apresentou média
amostral de 1070 horas e, com desvio padrão de 125 horas. Teste a hipótese de que a vida média das lâmpadas
não se alterou ao nível de 1%.

Dados do enunciado: µ = 1120; S = 125; n = 8; x = 1070; α = 1%

Hipóteses: H0 : µ = 1120 e H1 : µ ≠ 1120

Valor tabelado: tc = 3, 4995

Representação gráfica:

x − µ0 1070 − 1120
Estatística do teste: tcal =  tcal =  tcal = −1,13
S 125
n 8

Conclusão: Não rejeita-se H0 ao nível de 1%,ou seja, a vida média das lâmpadas não se alterou.

4) Uma fábrica produz certo tipo de reguladores de pressão e estes reguladores são produzidos para suportar uma
pressão de 20atm. Um ensaio é realizado com uma amostra de 7 reguladores de pressão e verificou-se que as
pressões suportadas são (em atm): 19,5, 18,9, 19,0, 19,1, 18,9, 19,3 e 19,0. Com base no ensaio realizado,
podemos concluir que a pressão suportada é na realidade menor que 20atm? Usar o nível de significância de 1%.

Dados do enunciado: µ = 20; S = 0, 22; n = 7; x = 19,1; α = 1%;  x = 133,7;  x


i i
2
= 2553,97

Hipóteses: H 0 : µ = 20 e H1 : µ < 20

4
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

α = 0,01
Valor tabelado:   tc = 3,1427
 ϕ =6

Representação gráfica:

x − µ0 19,1 − 20
Estatística do teste: tcal =  tcal =  tcal = −10,8
S 0, 22
n 7

Conclusão: Rejeita-se H0 ao nível de 1%,ou seja, a pressão suportada é menor que 20 atm.

Intervalo de Hipótese para a Proporção

p − p0
Estatística do teste: Zcal =
p0 (1 − p0 )
n

Sendo:

• p corresponde a frequência do evento na amostra


• p0 é o valor da hipótese nula

Exemplo
5) Sabe-se por experiência que 5% da produção de um determinado artigo são defeituosos. Um novo empregado
é contratado pela empresa com objetivo de aumentar a produção. Este novo empregado produz 600 peças, sendo
que 82 estão com defeito. Verificar se o novo empregado produz peças com o índice de defeito maior que o
existente, a um nível de significância de 5%.

82
Dados do enunciado: p0 = 5% = 0,05; p = = 0,137; n = 600; α = 5%
600

Hipóteses: H 0 : p = 0,05 e H1 : p > 0,05

Valor tabelado: Z 0,5−α = Z0,5−0,05 = Z0,45 = 1, 64

5
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

Representação gráfica:

p − p0 0,137 − 0,05
Estatística do teste: Zcal =  Zcal =  Zcal = 9,8
p0 (1 − p0 ) 0,05 (1 − 0,05)
n 600

Conclusão: Rejeita-se H0 ao nível de 5%,ou seja, há índices de que o novo empregador produz peças com maior
índice de defeitos que o existente.

EXERCÍCIOS DO PROFESSOR
1) A resistência à tração do aço inoxidável produzido numa certa usina permanecia estável, com uma resistência
média de 72 kg/mm² e um desvio-padrão de 2,0kg/mm² com distribuição normal. Recentemente a máquina foi
ajustada. A fim de determinar o efeito do ajuste, 10 amostras foram testadas. Os testes apresentaram resistência
média de 75 kg/mm². Considere que o desvio-padrão não mudou. Com um nível de 5%, podemos concluir que o
ajuste mudou a resistência à tração de aço?

2) A DeBug Company vende um repelente de insetos que alega ser eficiente pelo prazo de 400 horas no mínimo.
Uma análise de nove itens escolhidos aleatoriamente acusou uma média de eficiência de 380 horas. Teste a
afirmação da empresa, contra a alternativa que a duração é inferior a 400 horas, ao nível de significância de 1%,
se o desvio-padrão amostral é de 60 horas (considere distribuição normal).

6
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

3) Um comprador, ao receber de um fornecedor um grande lote de peças, decidiu inspecionar 200 delas. Decidiu,
também, que o lote será rejeitado se ficar convencido, ao nível de 5% de significância, de que a proporção de
peças defeituosas no lote é superior a 4%. Qual será sua decisão (aceitar ou rejeitar o lote) se na amostra foram
encontradas onze peças defeituosas?

4) A cervejaria BebeBier vende cervejas em embalagens cujos rótulos indicam um conteúdo de 600 ml. O
Instituto Nacional de Pesos e Medidas (INPM) seleciona aleatoriamente 50 garrafas de cerveja produzidas pela
companhia, mede seu conteúdo e obtém uma média amostral igual a 596,25 ml com desvio padrão de 14,06 ml.
Com um nível de significância de 0,01, teste a hipótese de que a cervejaria esta enganando seus consumidores.

7
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

5) Um fabricante de pisos afirma que uma lajota de um certo tipo de piso produzido por ele pode aguentar um
peso superior a 800 kg sem trincar. Uma agência de controle de qualidade seleciona uma amostra de 7 lajotas
produzidas pela fábrica e determina que o peso médio suportado pela amostra sem trincar é de 1225,2 kg com
desvio padrão de 425,8 kg. Esse estudo experimental permite concluir, com um nível de significância de 0,05,
que a afirmação do fabricante de pisos está correta?

EXERCÍCIOS DE ESTUDO
1) Uma pesquisa conclui que 90% dos médicos recomendam aspirina a pacientes que têm filhos. Teste a
afirmação, ao nível de significância de 0,05, contra a alternativa de que a percentagem é inferior a 90%, se numa
amostra aleatória de 100 médicos, 80% recomendam aspirina.

8
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

Referencial de respostas: Ao nível de significância de 5%, rejeitamos H0 e concluímos que a percentagem de médicos que recomendam
aspirina é inferior a 90%.
2) Um fabricante alega que seus pneus suportam uma quilometragem de 40.000 milhas no mínimo. Um teste
realizado por um grupo de consumidores, obteve os seguintes resultados: amostra de n = 49, com média amostral
38.000 milhas. Esse grupo deseja aceitar um risco de 5% de rejeitar H0 quando ela é verdadeira. Sabe-se que a
população (quilometragem de todos os pneus) tem desvio padrão de 3.500 milhas. Teste a hipótese da vida média
dos pneus ser inferior a 40.000 milhas.

Referencial de respostas: Rejeita-se H0 ao nível de 5%, ou seja, a vida média dos pneus é inferior a 40.000 milhas.
3) Uma empresa de coleta de informações verificou que em 2012, o preço médio por quilograma das refeições
em restaurantes de São José do Rio Pardo e região era de R$ 28,44. Neste ano realizou-se uma pesquisa em 40
restaurantes, aleatoriamente escolhidos, e foram obtidos os valores 31,75 e 7,35 respectivamente para a média e
o desvio padrão amostral. Os dados fornecidos proporcionam evidência suficiente para concluir que o preço
médio deste ano nos restaurantes da região aumentou com relação a média de R$ 28,44 de 2012? Realize o teste
apropriado com nível de significância de 1%.

9
MÉTODOS NUMÉRICOS Profª Me. Ana Paula Manzan

Referencial de respostas: Deve-se rejeitar a hipótese nula, ou seja, os dados fornecidos proporcionam evidência suficiente para concluir
que o preço médio deste ano nos restaurantes da região aumentou com relação a média de R$ 28,44 de 2012.
4) Um laboratório de vacinas contra febre aftosa reinvidicou que ela imuniza 90% dos animais. Em uma amostra
de 200 animais, nos quais foram aplicados a vacina, 160 foram imunizados. Verificar se a declaração do fabricante
é verdadeira ao nível de 5%.

Referencial de respostas: Rejeita-se H0 ao nível de 5%, ou seja, a proporção de imunização é menor do que 90%.
5) As especificações de uma dada droga veterinária exigem 23,2g de álcool etílico. Uma amostra de 10 análises
do produto apresentou um teor médio de álcool de 23,5g com desvio padrão de 0,24g. Pode-se concluir ao nível
de significância de 1% que o produto satisfaz as condições exigidas

Referencial de respostas: Rejeita-se H0 ao nível de 1%, ou seja, o teste indica que o produto não satisfaz as condições exigidas.
10