Você está na página 1de 3

CENTRO UNIVERSITÁRIO LEONARDO DA VINCI

Disciplina: Física Geral e Experimental: Ondas e Ótica


Curso: Engenharia Mecânica
Professor: Elton Mendes

Aluno(a): _____________________________________________________

Lista de Exercícios 1

Questão 1 – Um bloco cuja massa m é igual a 680 g está preso a uma mola cuja constante elástica k é 65
N/m. O bloco é puxado sobre uma superfície sem atrito por uma distância x = 11 cm a partir de sua posição
de equilíbrio em x = 0 e solto do repouso em t = 0. (a) Quais são a frequência angular, a frequência e o
período do movimento resultante? (b) Qual a amplitude da oscilação? (c) Qual é a velocidade máxima vm do
bloco oscilante e onde se encontra o bloco quando ele tiver esta velocidade? (d) Qual é o módulo am da
aceleração máxima do bloco? (e) Qual é a constante de fase do movimento? (f) Qual é a função
deslocamento x(t) para o sistema bloco-mola?

Questão 2 – Um bloco cuja massa m é igual a 900 g está preso a uma mola cuja constante elástica k é 80
N/m. O bloco é puxado sobre uma superfície sem atrito por uma distância x = 20 cm a partir de sua posição
de equilíbrio em x = 0 cm e solto do repouso em t = 0. (a) Quais são a frequência angular, a frequência e o
período do movimento resultante? (b) Qual a amplitude da oscilação? (c) Qual é a velocidade máxima vm do
bloco oscilante e onde se encontra o bloco quando ele tiver esta velocidade? (d) Qual é o módulo am da
aceleração máxima do bloco? (e) Qual é a constante de fase do movimento? (f) Qual é a função
deslocamento x(t) para o sistema bloco-mola?

Questão 3 – Em t = 0, o deslocamento x(0) (leia x no tempo zero) do bloco em um oscilado linear é –8,50
cm. A velocidade do bloco v(0) é então –0,920 m/s, e sua aceleração a(0) vale +47,0 m/s 2. (a) Determine a
frequência angular deste sistema. (b) Determine os valores para a constante de fase e a amplitude.

Questão 4 – Em t = 0, o deslocamento x(0) (leia x no tempo zero) do bloco em um oscilado linear é –3,106
cm. A velocidade do bloco v(0) é então –3,477 m/s, e sua aceleração a(0) vale +27,952 m/s2. (a) Determine
a frequência angular deste sistema. (b) Determine os valores para a constante de fase e a amplitude.

Questão 5 – Em um oscilador harmônico simples linear o bloco possui energia cinética de 3 J e a mola
possui energia potencial elástica de 2 J quando o bloco está em x = +2,0 cm. (a) Qual será a energia cinética
do bloco quando ele estiver em x = 0? Qual será a energia potencial elástica quando o bloco estiver em (b)
x = –2 cm e (c) x = –xm?

Questão 6 – Em um oscilador harmônico simples linear o bloco possui energia cinética de 5 J e a mola
possui energia potencial elástica de 3 J quando o bloco está em x = +3,0 cm. (a) Determine a energia
cinética do bloco quando ele estiver em x = 0. (b) Determine a energia potencial elástica quando o bloco
estiver em x = xm. (c) Qual será a energia cinética e a energia potencial elástica quando o bloco estiver em x
= –3 cm?

Questão 7 – Para o oscilador linear do Exercício 1, determine: (a) A energia mecânica E. (b) A energia
potencial U e a energia cinética K quando o bloco estiver em x = (1/2)xm e em x = –(1/2)xm.

Questão 8 – Um bloco cuja massa m é igual a 1020 g está preso a uma mola cuja constante elástica k é 115
N/m. O bloco é puxado sobre uma superfície sem atrito por uma distância x = 20 cm a partir de sua posição
de equilíbrio em x = 0 e solto do repouso em t = 0. Determine: (a) A energia mecânica E. (b) A energia
potencial U e a energia cinética K quando o bloco estiver em x = (1/3)xm e em x = –(1/3)xm.
Fig 1 – Representação do sistema para os exercícios 9 e 10.

Questão 9 – A Fig. 1 mostra uma haste fina cujo comprimento L é 12,4 cm e cuja massa m é 135 g, suspensa
a partir do seu ponto médio por um fio longo. O período Ta do seu MHS angular é medido como sendo 2,53
s. Um objeto de forma irregular, o qual chamamos de objeto X, é então pendurado no mesmo tipo de fio,
como na Fig. 1b, e o seu período Tb é igual a 4,76 s. Determine o momento de inércia do objeto X em torno
do seu eixo de suspensão, sabendo que o momento de inércia de uma haste em torno de um eixo
perpendicular que passa pelo seu ponto médio é dado por (1/12)mL2.

Questão 10 – A Fig. 1 mostra uma haste fina cujo comprimento L é 16,0 cm e cuja massa m é 200 g,
suspensa a partir do seu ponto médio por um fio longo. O período Ta do seu MHS angular é medido como
sendo 3,28 s. Um objeto de forma irregular, o qual chamamos de objeto X, é então pendurado no mesmo
tipo de fio, como na Fig. 1b, e o seu período Tb é igual a 6,54 s. Qual é o momento de inércia do objeto X em
torno do seu eixo de suspensão?

Questão 11 – Determine o período de um pêndulo simples que executa pequenas oscilações e possui: (a)
1,00 m. (b) 3,00 m. (c) 70 cm.

Questão 12 – Para o oscilador amortecido da Fig. 14-21 (Tipler), m = 250 g, k = 85 N/m e b = 70 g/s.
Determine: (a) O período do movimento. (b) O tempo necessário para que a amplitude das oscilações
amortecidas caia até a metade do seu valor inicial. (c) O tempo necessário para que a energia mecânica se
reduza à metade do seu valor inicial.

Questão 13 – Para o oscilador amortecido da Fig. 14-21 (Tipler), m = 320 g, k = 92 N/m e b = 60 g/s.
Determine: (a) O período do movimento. (b) O tempo necessário para que a amplitude das oscilações
amortecidas caia até a 1/4 do seu valor inicial. (c) O tempo necessário para que a energia mecânica se
reduza à 1/4 do seu valor inicial.
Fonte: HALLIDAY, David; RESNICK, Robert; WALKER, Jearl. Fundamentos de física: mecânica. 8. ed. Rio de
Janeiro: LTC, 2009. v.2.

Soluções das questões em: Solutions - Halliday 8th Edition, p. 1452.

A lei do movimento harmônico simples

A energia do movimento harmônico simples

Você também pode gostar