Você está na página 1de 33

UM SUPER TESTE PARA VOCÊ

QUESTÕES

GABARITADAS
SIMULADO DE TREINAMENTO E APERFEIÇOAMENTO
1 – Uma das incumbências da União conforme a Adolescente. Assinale a alternativa que contém
Lei nº 9394/1996, é: duas dessas medidas.
A) Liberdade assistida e internação em
A) Prestar somente assistência técnica aos
estabelecimento socioeducacional.
Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios
para o desenvolvimento de seus sistemas de B) Encaminhamento aos pais ou responsável,
ensino e o atendimento prioritário à mediante termo de responsabilidade, e
escolaridade obrigatória. orientação por período temporário.
B) Assegurar processo nacional de avaliação do C) Inclusão em programa oficial e abrigo em uma
rendimento escolar no ensino fundamental, entidade.
médio e superior, em colaboração com os D) Colocação em família substituta e privação de
sistemas de ensino, objetivando a definição de liberdade por um tempo determinado.
prioridades e a melhoria da qualidade do ensino. E) Afastamento da criança ou adolescente do
C) Definir, com os Municípios, formas de convívio familiar e recebimento de assistência
colaboração na oferta do ensino fundamental, as religiosa, segundo a sua crença, e desde que
quais devem assegurar a distribuição assim o deseje.
1 proporcional das responsabilidades, de acordo
com a população a ser atendida e os recursos 3 – Com relação à Lei n° 10.639/ 2003, os
financeiros disponíveis. conteúdos referentes à História e Cultura Afro-
D) Estabelecer competências e diretrizes para o Brasileira serão ministrados no âmbito de todo o
Ensino Fundamental e o Ensino Médio, que currículo escolar, em especial nas áreas de:
nortearão os currículos e seus conteúdos A) Educação Artística, Literatura e História
mínimos, de modo a assegurar formação básica Brasileiras.
comum, deixando aos municípios o
B) História Brasileira e Língua Portuguesa.
estabelecimento das diretrizes da Educação
Infantil. C) Língua Portuguesa, Educação Artística e
Geografia.
E) Prestar exclusivamente assistência financeira
aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios D) Educação Artística e História Brasileiras.
para o desenvolvimento de seus sistemas de E) Literatura e História Brasileiras.
ensino e o atendimento prioritário à
escolaridade obrigatória. 4 – Considerando a Resolução nº 4/2010 que
define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a
2 – Quando um adolescente pratica um ato Educação Básica, assinale as alternativas a
infracional, ele pode sofrer medidas aplicadas seguir, assinalando V, se verdadeiras, ou F, se
pela autoridade competente, de acordo com o falsas.
previsto no Estatuto da Criança e do
( ) O ensino deve ser ministrado respeitando A) A educação básica é
alguns princípios, sendo que um deles é a obrigatória e gratuita dos 4 (quatro) aos 17
vinculação entre a educação escolar, o trabalho (dezessete) anos de idade.
e as práticas sociais. B) O acesso é público e gratuito aos ensinos
( ) A escola de qualidade social adota como fundamental e médio para todos os que não os
centralidade o estudante e a aprendizagem, o concluíram na idade própria.
que pressupõem o atendimento de C) A educação infantil, primeira etapa da
determinados requisitos. A inter-relação entre educação básica, tem como finalidade o
organização do currículo, do trabalho desenvolvimento integral da criança de até 5
pedagógico e da jornada de trabalho do (cinco) anos.
professor, tendo como objetivo a aprendizagem D) O Ministério da Educação não poderá
do estudante, é um dos requisitos. estabelecer nota mínima em exame nacional
( ) As escolas que utilizam organização por série aplicado aos concluintes do ensino médio como
não podem adotar, no Ensino Fundamental, as pré-requisito para o ingresso em cursos de
diversas formas de progressão, inclusive a de graduação para formação de docentes.
progressão continuada. E) O poder público, na esfera de sua
( ) É no Projeto Político Pedagógico que deve competência federativa, deverá recensear
estar contemplado o programa de anualmente as crianças e adolescentes em idade
acompanhamento de acesso, de permanência escolar e os jovens e adultos que não concluíram
2 dos estudantes e de superação da retenção a educação básica.
escolar.
( ) Na organização da proposta curricular, deve 6 – Os três anos iniciais do Ensino Fundamental
ser assegurado o entendimento de currículo devem assegurar pela Resolução nº 7/2010
como experiências escolares que se desdobram MEC/CNE/CEB:
em torno do conhecimento, permeadas pelas
relações sociais, articulando vivências e saberes I. A continuidade da aprendizagem considerando
do estudante com os conhecimentos a complexidade do processo de alfabetização e
historicamente acumulados e contribuindo para os prejuízos que a repetência pode causar no
a construção da identidade do educando. Ensino Fundamental como um todo.
A ordem correta de preenchimento dos II. O desenvolvimento das diversas formas de
parênteses, de cima para baixo, é: expressão.
A) V – V – V – V – V. III. Que a adoção do sistema seriado pela escola
mesmo organizado como um bloco pedagógico
B) V – V – F – V – V. não assegura, nos três anos iniciais, a não
C) F – V - V – V – V. repetência.
D) V – V – F – F – V. Quais estão corretas?
E) F – V – V – F – V. A) Apenas I.
B) Apenas I e II.
5 – De acordo com a Lei n° 12796/2013 é C) Apenas I e III.
INCORRETO afirmar que:
D) Apenas II e III. ( ) As atividades universitárias
E) I, II e III. de pesquisa e extensão poderão receber apoio
financeiro do Poder Público.
( ) As formas de expressão são consideradas
7 – O documento Marcos Político-Legais da
como patrimônio cultural brasileiro.
Educação Especial na perspectiva da educação
inclusiva/2010 estabelece que: ( ) Um dos princípios do Sistema Nacional de
Cultura é a complementaridade nos papéis dos
A) As atividades realizadas e desenvolvidas no
agentes culturais.
atendimento especializado não se diferenciam
daquelas realizadas na sala de aula, pois o ( ) O ensino é livre à iniciativa privada desde que
objetivo é a inclusão. seja autorizado pelo poder público que não
realizará a avaliação de qualidade.
B) A Educação Especial é uma etapa de ensino
dentro da Educação Básica. A ordem de preenchimento dos parênteses, de
C) As escolas devem organizar as condições de cima para baixo, é:
acesso aos espaços, aos recursos pedagógicos e A) 1 – 1 – 2 – 2 – 1.
a comunicação que favoreçam a promoção da B) 1 – 1 – 2 – 1 – 2.
aprendizagem e a valorização das diferenças. C) 1 – 2 – 1 – 1 – 2.
D) O atendimento especializado, organizado D) 2 – 2 – 1 – 1 – 1.
para apoiar o desenvolvimento dos alunos, deve E) 2 – 1 – 1 – 1 – 2.
3 ser ofertado com obrigatoriedade pelos sistemas
de ensino e realizado no turno inverso ao da
classe comum. 9 – O nível Fundamental e Médio da Educação
E) A política nacional de Educação Especial na Básica tem na sua organização algumas regras
perspectiva da Educação Inclusiva deve garantir comuns, de acordo com a Lei n° 9394/1996. Uma
a transversalidade da Educação Especial desde o dessas regras é:
Ensino Fundamental até a Educação Superior. A) A Filosofia e a Sociologia são disciplinas
obrigatórias em todas as séries do Ensino
Fundamental e Médio.
8 – Numere a coluna 2 de acordo com a coluna
1, conforme o que estabelece a Constituição da B) A carga horária mínima anual é de oitocentas
República Federativa do Brasil/1988. horas, distribuídas por um mínimo de duzentos
dias de efetivo trabalho escolar, incluindo o
Coluna 1 tempo reservado aos exames finais, quando
1. Correto houver.
2. Incorreto C) Poderão ser organizadas classes, ou turmas,
Coluna 2 com alunos de séries distintas, com níveis
( ) Os Municípios e o Distrito Federal atuarão equivalentes de adiantamento na matéria, para
prioritariamente, no Ensino Fundamental e na o ensino de línguas estrangeiras, artes, ou outros
Educação Infantil. componentes curriculares.
D) Um dos critérios para a verificação do
rendimento escolar é a obrigatoriedade de
estudos de recuperação, de preferência ao final ( ) O aprender é um processo
do período letivo, para os casos de baixo que pode provocar no aluno uma curiosidade
rendimento escolar. crescente, tornando-o mais e mais criador.
E) Os currículos do Ensino Fundamental e Médio ( ) O ideal é que não se invente uma forma pela
devem incluir os princípios da proteção e defesa qual os alunos possam participar da avaliação,
civil e a Educação Ambiental, mas de forma não pois esta é uma atividade do professor.
integrada aos conteúdos obrigatórios. A ordem correta de preenchimento dos
parênteses, de cima para baixo, é:
10 – Charlot na sua abordagem sobre a relação A) F – V – V – V – V.
com saber apresenta muitos enfoques sobre o B) V – V – V – V – F.
ato de aprender. Diante disso, analise as C) F – V – V – V – F.
assertivas a seguir.
D) V – V – V – F – F.
I. A relação com o saber é, também, um conjunto
organizado de relações. E) F – F – V – V – V.
II. A relação com o saber é o próprio sujeito na
medida em que deve aprender apropriando-se 12 – Um dos desafios da atualidade é conseguir
do mundo e se construindo. maior aproximação da escola com o seu entorno
III. O espaço do aprendizado é um espaço tempo de uma forma constante e permanente.
partilhado com outras pessoas. Carbonell quando fala do projeto da cidade
4 educadora, expressa como objetivo básico desse
Quais estão corretas? projeto:
A) Apenas I. A) Que a cidade ou a comunidade desenvolva o
B) Apenas I e II. seu potencial educativo ao máximo e o coloque
C) Apenas I e III. a serviço de toda a cidadania.
D) Apenas II e III. B) Vincular a escola unicamente com o seu
E) I, II e III. referencial geográfico.
C) Evitar a possível morte da escola devido ao
aumento das redes cada vez mais virtuais.
11 – Analise as assertivas a seguir assinalando V,
se verdadeiras, ou F, se falsas, em relação ao D) Que a cidade educadora não retire da escola
pensamento de Paulo Freire. a sua hegemonia informativa na educação do
sujeito.
( ) O professor até pode condicionar a avaliação
do trabalho do aluno ao maior ou menor bem E) Favorecer a estrutura de uma escola
querer que tenha por ele. democrática que prioriza os mecanismos de
representação.
( ) A postura do professor e do aluno é dialógica.
( ) Na formação permanente do professor é
fundamental o momento da reflexão crítica 13 – Carvalho é favorável à inclusão escolar, ao
sobre a sua prática. mesmo tempo em que estabelece algumas
críticas a respeito de como este processo é feito.
Dentre as suas críticas destaca-se:
I. A implementação da Educação Inclusiva como, 15 – Para promover uma
apenas, inserção de pessoas com deficiência nas aprendizagem significativa, segundo Santos, o
classes comuns, sem cuidar a sua integração no professor precisa:
grupo, o que gera a inclusão marginal. A) Continuar sendo o principal personagem no
II. Para concretizar a inclusão escolar de todos os processo da aprendizagem para poder transmitir
alunos não é necessário analisar os mecanismos com segurança as respostas necessárias para o
excludentes que acontecem no dia a dia desses aluno.
alunos. B) Ter consciência de que o conteúdo deve ser
III. Inserir pessoas com deficiência nas turmas do encarado como o fim principal da aprendizagem
ensino dito regular para servirem de estímulo ao do aluno.
resgate de valores humanos. C) Dar aulas que prendam a atenção do aluno
Quais estão corretas? mesmo que o conteúdo, muitas vezes, não o
A) Apenas I. interesse e ele não demonstre necessidade em
aprender.
B) Apenas I e II.
D) Desafiar a aluno constantemente nos
C) Apenas I e III.
conceitos já aprendidos para uma reconstrução
D) Apenas II e III. mais ampla e consistente.
E) I, II e III. E) Ter a preocupação em dar mais respostas ao
aluno do que fazer perguntas, pois isso não
5 14 – A aprendizagem pode acontecer em todo o reduz o esforço dele aprender.
lugar e não se limita ao espaço da escola, mas é
nela que as aprendizagens fundamentais, que 16 – Ao se referir à concepção de avaliação
condicionam outras aprendizagens acontecem, mediadora, Hoffmann expressa características
como a leitura, escrita, entre outras. Assim em relação às práticas deste tipo de avaliação.
sendo, Meirieu afirma que a escola tem dois Assinale a resposta abaixo com uma dessas
objetivos que são inseparáveis. Quais sejam: características.
A) Objetivos de experimentação e objetivos de A) Ação pedagógica que está atenta ao global, ou
seguir aspectos legais. seja, mais observação sempre ao grupo total de
B) Objetivos de renovação e objetivos de alunos.
credibilidade. B) Articulação dos procedimentos pedagógicos
C) Objetivos de avaliar e objetivos de com replanejamento constante do fazer
capacidade. pedagógico para realizar ajustes aos diferentes
D) Objetivos de competência e objetivos de tempos e dimensões do aprender do grupo de
capacidade. alunos e de cada aluno.
E) Objetivos de inovação e objetivos de C) Os registros e anotações da avaliação devem
credibilidade. ter um caráter quantitativo e classificatório para
dar condições de análise da aprendizagem.
D) A prática mediadora significa envolvimento
do professor com o grupo de alunos, porém, não
significa que seja necessário que o professor D) Que a aprendizagem é
considere a história individual de cada aluno. primeiramente memorizar.
E) O cenário educativo pode diferir do cenário E) Que aprender significa reestruturar o seu
avaliativo. sistema de compreensão do mundo.

17 – A história mostra que, por um determinado 19 – A escola não muda por decreto ou impondo
período, todo o saber considerado essencial para determinadas ações. Mas, de acordo com
que o sujeito se tornasse educado era Meirieu, a escola talvez possa ser mudada, se os
transmitido pelo professor, ou seja, o professor seus problemas forem colocados em termos:
era o que transmitia qualquer saber. As I. De competência profissional dos professores.
transformações surgiram e a pedagogia também II. Da eficácia da gestão da aprendizagem.
mudou. Para Oliveira, os principais processos da
pedagogia da participação são: III. Da qualidade dos serviços prestados.
A) A observação, a escuta e a negociação. Quais estão corretas?
B) O contexto, o planejamento didático e a A) Apenas I.
avaliação. B) Apenas I e II.
C) O resultado final, o planejamento didático e o C) Apenas I e III.
tipo de linguagem. D) Apenas II e III.
6 D) O seguimento das normas legais E) I, II e III.
educacionais, a gestão democrática e o interesse
do docente.
20 – Uma das afirmações de Libâneo em relação
E) O ato de avaliar, os recursos utilizados e o a didática é que:
espaço físico da escola.
I. Não é de fundamental importância para a
formação docente em suas práticas e
18 – Perrenoud estabelece competências globais metodologia de ensino.
e específicas para ensinar. Trabalhar a partir dos II. É o principal ramo de estudos da pedagogia.
erros e dos obstáculos à aprendizagem é
III. Converte os objetivos sócios-políticos e
considerada como uma competência específica,
pedagógicos em objetivos de ensino,
cujo postulado está amparado:
selecionando os conteúdos e métodos.
A) Na percepção de que a didática das disciplinas
Quais estão corretas?
cada vez mais demonstra interesse pelo erro e
tenta combatê-los antes de compreendê-los. A) Apenas I.
B) Na certeza de que o obstáculo que surgir não B) Apenas I e II.
pode ser considerado como o objetivo principal C) Apenas I e III.
do momento da aprendizagem. D) Apenas II e III.
C) Na aceitação do obstáculo, mas privilegiando E) I, II e III.
os que são propostos pela teoria e encontrados
nos livros.
21 – Ao abordar a questão do currículo, Jonnaert interação for criado, onde as
mostra que um mesmo currículo pode ter formas pessoas aprendem umas com as outras.
diferentes, devido às interpretações que são II. Produzir alguma coisa juntos, pesquisar juntos
feitas dele. Quais sejam: é muito rico, mas este tipo de interação não é o
A) Currículo assimilado, onde os alunos suficiente para que ocorra um processo
constroem todo o conhecimento e currículo formador.
implantado, que o professor faz seguindo as III. A escola foi inventada como um espaço de
normas da instituição. intercâmbio de gerações.
B) Currículo oficial, definido nos textos Quais estão corretas?
ministeriais e documentos oficiais, currículo
A) Apenas I.
implantado, que resulta da interpretação do
professor em relação ao currículo oficial, e B) Apenas I e II.
currículo assimilado, que é aquele formado pelas C) Apenas I e III.
partes do currículo implantado pelas quais os D) Apenas II e III.
alunos constroem o conhecimento e E) I, II e III.
desenvolvem as competências.
23 – Na história da pedagogia, uma das suas
C) Currículo oficial, definido como padrão pelos grandes conquistas foi a construção das
órgãos oficiais de educação de um país, e gramáticas pedagógicas. O que operacionaliza as
currículo não oficial, constituído pelas gramáticas pedagógicas é um modelo
7 concepções próprias dos professores em relação pedagógico que está amparado por um
ao currículo oficial. referencial teórico. Sobre o modelo pedagógico,
D) Currículo adequado, que traduz a necessidade Oliveira afirma que:
padrão em linhas gerais para a aprendizagem em A) Um modelo pedagógico existe por si e nos
um país, e currículo aperfeiçoado, que é formado escritos de seus teóricos, e não em função da
pelo resultado da aprendizagem construída em práxis.
cada escola.
B) Qualquer modelo pedagógico pode ser
E) Currículo oficial, definido como macro- utilizado por diversos profissionais, mas sempre
orientações a serem cumpridas pelos sistemas do mesmo modo.
de ensino, e currículo unificado, definido pelos
C) É um referencial prático para pensar antes da
sistemas de ensino e que deve ser cumprido
ação, na ação e sobre a ação.
pelas instituições de ensino.
D) O tipo de modelo curricular é a condição
necessária e única para a construção do modelo
22 – Segundo Arroyo, “Quando destacamos a pedagógico.
centralidade do convívio humano na formação,
E) Um modelo pedagógico nunca dificulta a
nos situamos num projeto educativo
jornada de aprendizagem do professor.
comprometido com o desenvolvimento pleno...”
(2004). Assim, no entendimento deste educador:
I. Se o objetivo é que o educando se desenvolva 24 – Perrenoud apresenta dez novas
como humano e na sua totalidade, a competências para ensinar. Assinale a resposta
aprendizagem somente acontece se um clima de
abaixo onde se encontra uma destas seu projeto político
competências. pedagógico. No Título IV, em seus artigos 12, 13
A) Participar da administração escolar, mas no e 14, apontam diretrizes para os
que se refere ao espaço da sala de aula do estabelecimentos de ensino, os docentes e a
próprio professor. gestão democrática, a saber:
B) Administrar a progressão das aprendizagens. [...] Art. 12 - Os estabelecimentos de ensino,
respeitadas as normas comuns e as do seu
C) Envolver os pais ou responsáveis nos
sistema de ensino, terão a incumbência de:
resultados finais dos alunos.
I - elaborar e executar sua proposta
D) Estabelecer como regra para cada aluno a
pedagógica;
obrigatoriedade da construção de um projeto
pessoal. [...]
E) Manter a autoridade como docente em sala VII - informar os pais e responsáveis
de aula respeitando o senso de justiça. sobre a frequência e o rendimento dos alunos,
bem como sobre a execução de sua proposta
pedagógica;
25 – Inovar na educação é uma necessidade dos
[...] Art. 13 - Os docentes incumbir-se-ão de:
tempos atuais e, segundo Carbonell, existe uma
associação entre inovação e mudança. O sentido I - participar da elaboração da proposta
da escola também precisa ser repensado, pois a pedagógica do estabelecimento de ensino;
8 aprendizagem tem que dar condições ao ser II - elaborar e cumprir plano de trabalho,
humano de enfrentar, de forma crítica, as segundo a proposta pedagógica do
mudanças aceleradas da sociedade. Com este estabelecimento de ensino;
pensamento, Carbonell enfatiza que: [...] Art. 14 - Os sistemas de ensino definirão as
A) Os conteúdos precisam ser atualizados, e não normas de gestão democrática do ensino público
revisados e modificados. na educação básica, de acordo com as suas
B) Qualquer proposta educativa não precisa peculiaridades e conforme os seguintes
associar conhecimento e afeto. princípios:
C) A modernização da escola, por mais simples I - participação dos profissionais da
que seja, sempre tem a ver com inovação. educação na elaboração do projeto pedagógico
da escola;
D) Um novo modelo formativo necessita de uma
sintonia maior entre o pensar e o sentir e, Com base nos artigos transcritos, indique a
também, entre o desenvolvimento da abstração alternativa que traz o significado da expressão
e os diversos aspectos da personalidade. "proposta ou projeto pedagógico" para os
docentes, as escolas e os sistemas.
E) A reforma é sinônimo de mudança, melhoria e
inovação. a) O projeto político pedagógico analisa as
questões administrativas, materiais e
financeiras, adversas à escola, cujas soluções
26 – A Lei de Diretrizes e Bases da Educação estão fora das suas responsabilidades.
Nacional n.º 9.394/96 delega à escola a
b) O projeto político pedagógico trata da
competência e a responsabilidade de elaborar o
questão do diagnóstico, configurado por
informações sobre evasão e repetência, sem b) estruturados a partir de
nenhuma reflexão significativa no que se refere concepções de mundo e de consciência social, de
à dimensão qualitativa. circulação e de consolidação de valores, de
c) O projeto político pedagógico constitui-se em promoção da diversidade cultural, da formação
intenções abstratas, sem nenhuma coerência, para a cidadania, de constituição de sujeitos
confundindo-se com listagem de ações e até sociais e de desenvolvimento de práticas
relatórios. pedagógicas.
d) O projeto político pedagógico é a própria c) organizados por eixos tecnológicos,
organização do trabalho pedagógico da escola possibilitando itinerários formativos flexíveis,
como um todo, sendo construído e vivenciado diversificados e atualizados, segundo interesses
em todos os momentos, por todos os envolvidos dos sujeitos e possibilidades das instituições
com o processo educativo da escola. educacionais, observadas as normas do
respectivo sistema de ensino para a modalidade
e) O projeto político pedagógico expressa os
de Educação Profissional Técnica de Nível Médio.
elementos do diagnóstico de forma
desarticulada, esparsa e fragmentada. d) preocupados com a preparação do educando
como ser humano em métodos e técnicas dentro
das disponibilidades das instituições de ensino.
27 – Conforme art. 59 do Estatuto da Criança e
e) desenvolvidos a partir do aprimoramento do
do Adolescente, os municípios, com apoio dos
educando como ser humano, incluindo a
Estados e da União, estimularão e facilitarão a
9 destinação de recursos e espaços para formação ética e o desenvolvimento da
autonomia intelectual e do pensamento crítico.
a) treinamento, disciplina e participação
docente.
29 – O art. 1o do Decreto 5.840 de 13/07/2006
b) exercício da autoridade competente.
institui, no âmbito federal, o Programa Nacional
c) programações culturais, esportivas e de lazer de Integração da Educação Profissional à
voltadas para a infância e a juventude. Educação Básica na Modalidade de Educação de
d) centralização das ações desenvolvidas na Jovens e Adultos – PROEJA. Conforme as
escola. diretrizes estabelecidas neste Decreto, o PROEJA
e) formação e desenvolvimento dos alunos da abrangerá os seguintes cursos e programas de
EJA. educação profissional:
a) I – Formação numa perspectiva mediadora; II
28 – O § 2º do art. 3º da Resolução nº 6/2012 do - Educação permanente.
CNE estabelece que os cursos e programas de b) I – Formação permanente; II - Educação a
Educação Profissional Técnica de Nível Médio distância.
são c) I – Formação a partir do gênero; II - Educação
a) consolidado a partir do aprofundamento dos inclusiva.
conhecimentos adquiridos na vida profissional, d) I – Formação inicial; II - Educação indígena.
possibilitando o prosseguimento de estudos.
e) I – Formação inicial e continuada de e) encaminhamento
trabalhadores; II - Educação profissional técnica sistemático do processo de ensino-
de nível médio. aprendizagem.

30 – A lei nº 8.112 de 11/12/1990 no Título VI - 32 – Segundo Moreira e Silva, o currículo não é


Da Seguridade Social do Servidor, Capítulo I – das um elemento transcendente e atemporal. Ele
Disposições Gerais, no art. 184 estabelece que o tem uma história, vinculada às formas
Plano de Seguridade Social visa a dar cobertura específicas e aos contingentes de organização
aos riscos a que estão sujeitos o servidor e sua a) da sala e da vida.
família, e compreende um conjunto de
b) da sociedade e da educação.
benefícios e ações que atendam às seguintes
finalidades: c) do aparelho ideológico de Estado.
a) garantia de acompanhamento do cônjuge, d) do mundo na contemporaneidade.
companheiro ou dependente em situação e) das matérias escolares.
atípica.
b) garantia de momentos de lazer, 33 – Para Paulo Freire, antes de qualquer
oportunizando acesso a teatro, cinema e tentativa de discussão de técnicas, de materiais,
viagens. de métodos para uma aula dinâmica, é preciso
c) garantia de gozo dos direitos políticos, da que o professor compreenda que o fundamental
10 renovação das atividades e do deslocamento do é:
servidor. a) a curiosidade do ser humano.
d) garantia de meios de subsistência nos eventos b) a passividade do ser humano.
de doença, invalidez, velhice, acidente em c) a ingenuidade do ser humano.
serviço, inatividade, falecimento e reclusão;
d) o procedimento autoritário do ser humano.
proteção à maternidade, à adoção e à
paternidade; assistência à saúde. e) o paternalismo do ser humano.
e) garantia de trabalho com a comunidade
acadêmica, sempre que solicitado. 34 – De acordo com o Decreto 7611/2011, que
dispõe sobre a educação especial, são objetivos
do atendimento educacional especializado,
31 – Se os procedimentos da avaliação
EXCETO:
estivessem articulados com o processo de
ensino-aprendizagem propriamente dito, não a) Prover condições de acesso, participação e
haveria a possibilidade de dispor-se deles como aprendizagem no ensino regular e garantir
se bem entende. E não poderiam conduzir ao: serviços de apoio especializados de acordo com
as necessidades individuais dos estudantes
a) limite nas análises das produções.
b) Garantir a transversalidade das ações da
b) avanço do processo de aprendizagem.
educação especial no ensino regular
c) arbítrio, em favor do processo de seletividade.
d) delineamento do método de ensino.
c) Fomentar o desenvolvimento de recursos d) A adequação arquitetônica
didáticos e pedagógicos que eliminem as de prédios escolares para acessibilidade
barreiras no processo de ensino e aprendizagem e) A elaboração, produção e distribuição de
d) Assegurar condições para a continuidade de recursos educacionais para a acessibilidade e a
estudos nos demais níveis, etapas e modalidades estruturação de núcleos de acessibilidade nas
de ensino instituições federais de educação superior
e) Garantir a inserção no mundo do trabalho
36 – De acordo com a LDB (9394/96), a oferta de
35 – De acordo com o Decreto 7611/2011, que educação especial, dever constitucional do
dispõe sobre a educação especial, “A União Estado, tem início na faixa etária de:
prestará apoio técnico e financeiro aos sistemas a) Quatro a cinco anos, durante a pré-escola
públicos de ensino dos Estados, Municípios e b) Zero a seis anos, durante a educação infantil
Distrito Federal, e a instituições comunitárias, c) Zero a três anos, durante a creche
confessionais ou filantrópicas sem fins
lucrativos, com a finalidade de ampliar a oferta d) Seis a catorze anos, durante o ensino
do atendimento educacional especializado aos fundamental
estudantes com deficiência, transtornos globais e) Seis e 17 anos, que vai do ensino fundamental
do desenvolvimento e altas habilidades ou ao ensino médio
superdotação, matriculados na rede pública de
11 ensino regular” (Art 5°). Segundo o referido 37 – Fundamentado na LDB (9394/96), no que
Decreto, não é considerado apoio técnico e concerne a Educação Especial, assinale a
financeiro: alternativa INCORRETA:
a) Aplicação de no mínimo 5% dos impostos a) Os sistemas de ensino assegurarão aos
destinados ao atendimento especializado de educandos com deficiência, transtornos globais
cegos, surdos e mudos na rede pública do desenvolvimento e altas habilidades ou
b) O aprimoramento do atendimento superdotação, currículos, métodos, técnicas,
educacional especializado já ofertado e recursos educativos e organização específicos,
implantação de salas de recursos multifuncionais para atender às suas necessidades
c) A formação continuada de professores, b) Os sistemas de ensino assegurarão aos
inclusive para o desenvolvimento da educação educandos com deficiência, transtornos globais
bilíngue para estudantes surdos ou com do desenvolvimento e altas habilidades ou
deficiência auditiva e do ensino do Braile para superdotação, terminalidade específica para
estudantes cegos ou com baixa visão, bem como aqueles que não puderem atingir o nível exigido
a formação de gestores, educadores e demais para a conclusão do ensino fundamental, em
profissionais da escola para a educação na virtude de suas deficiências e aceleração para
perspectiva da educação inclusiva, concluir em menor tempo o programa escolar
particularmente na aprendizagem, na para os superdotados
participação e na criação de vínculos c) Os sistemas de ensino assegurarão aos
interpessoais educandos com deficiência, transtornos globais
do desenvolvimento e altas habilidades ou e)Freiriano
superdotação, professores com especialização
adequada em nível médio ou superior, para 39 – Há um grupo de educadores que, para
atendimento especializado, bem como alfabetizar uma criança, começam a trabalhar a
professores do ensino regular capacitados para a partir de unidades completas de linguagem, para
integração desses educandos nas classes depois dividi-las em partes menores. Por
comuns exemplo, a criança parte da frase para extrair as
d) Os sistemas de ensino assegurarão aos palavras e, depois, dividi-las em unidades mais
educandos com deficiência, transtornos globais simples, as sílabas. Esses educadores utilizam o
do desenvolvimento e altas habilidades ou método:
superdotação educação especial para o a) Analítico
trabalho, visando a sua efetiva integração na
vida em sociedade, inclusive condições b) Sintético
adequadas para os que não revelarem c) Alfabético
capacidade de inserção no trabalho competitivo, d) Fônico
mediante articulação com os órgãos oficiais e)Freiriano
afins, bem como para aqueles que apresentam
uma habilidade superior nas áreas artística,
intelectual ou psicomotora 40 – Alguns educadores, envolvidos com a
complexa tarefa de alfabetizar, têm como
12 e) Os sistemas de ensino assegurarão aos
princípio a leitura parte da decoração oral das
educandos com deficiência, transtornos globais
letras do alfabeto, depois, todas as suas
do desenvolvimento e altas habilidades ou
combinações silábicas e, em seguida, as
superdotação, acesso desigual aos benefícios
palavras. A partir daí, a criança começa a ler
dos programas sociais suplementares
sentenças curtas e vai evoluindo até conhecer
disponíveis para o respectivo nível do ensino
histórias. Para facilitar a alfabetização, usam
regular
com frequência as cartilhas. Esses educadores
utilizam o método:
38 – Não há consenso entre os educadores sobre a) Analítico
a melhor forma de alfabetizar uma criança.
b) Sintético
Certos educadores, porém, entendem que
devem sempre estabelecer uma c) Alfabético
correspondência entre o som e a grafia, entre o d) Fônico
oral e o escrito, por meio do aprendizado letra e)Freiriano
por letra, ou sílaba por sílaba e palavra por
palavra. Esses educadores utilizam o método:
41 – Tendo por base as teorias de Piaget e
a) Analítico Vygotsky, julgue as sentenças abaixo como
b) Sintético Verdadeiras (V) ou Falsas (F)
c) Alfabético ( ) Para Vygotsky, a cultura molda o psicológico,
d) Fônico isto é, determina a maneira de pensar
( ) Para Vygotsky as funções psicológicas de uma 43 – Vygotsky dedicava
pessoa são desenvolvidas ao longo do tempo e atenção especial para a linguagem, a
mediadas pelo biológico, através de símbolos aprendizagem e os instrumentos psicológicos. A
criados pela cultura. respeito dos instrumentos simbólicos Vygotsky
( ) A Psicologia de Piaget está fundamentada na entendia que:
ideia de equilibração e desequilibração a) A “teoria dos “estágios” permitia
( ) Para Piaget, quando uma pessoa entra em compreender melhor o desenvolvimento
contato com um novo conhecimento, há humano
naquele momento um desequilíbrio e surge a b) Os signos, a linguagem simbólica desenvolvida
necessidade de voltar ao equilíbrio. O processo pela espécie humana, têm um papel similar ao
começa com a assimilação do elemento novo e dos instrumentos: tanto os instrumentos de
com a incorporação às estruturas já trabalho quanto os signos são construções da
esquematizadas através da interação. mente humana, que estabelecem uma relação
A seqüência correta é: de mediação entre o homem e a realidade
a) F, F, F e F c) A assimilação é o processo cognitivo pelo qual
uma pessoa integra (classifica) um novo dado
b) V, F, V e F
perceptual, motor ou conceitual às estruturas
c) F, F, V e V cognitivas prévias
d) V, F, V e V d) A acomodação acontece quando a criança não
13 e) V, V, F e F consegue assimilar um novo estímulo, ou seja,
não existe uma estrutura cognitiva que assimile
42 – Destacamos que as pesquisas de Piaget a nova informação em função das
foram realizadas por meio da observação de seus particularidades desse novo estímulo
filhos. Ele anotava o crescimento dia a dia. De e) A inteligência trabalha por meio das
acordo com esta teoria, o desenvolvimento percepções (simbólico) e das ações (motor)
cognitivo humano é dividido em 4 estágios. De através dos deslocamentos do próprio corpo
acordo com essa teoria a criança por volta dos 7
anos surge a capacidade de fazer análises 44 – Apoiados na pedagogia Histórico-Crítica
lógicas. Além disso, a criança ultrapassa o podemos dizer que os principais pontos do
egocentrismo, ou seja, dá-se um aumento da planejamento escolar são, EXCETO:
empatia com os sentimentos e as atitudes dos
a) Compressão da relação entre educação
outros. Para Piaget, essa criança está no estágio
escolar e objetivo sóciopolíticos
a) Sensório motor
b) Domínio do conteúdo e sua relação com a vida
b) Pré-operatório prática
c) Operatório concreto c) Capacidade de dividir a matéria em módulos
d) Operatório formal ou unidades
e) Nenhuma das alternativas d) Conhecer as características sócioculturais e
individuais dos alunos
e) Organizar as aulas de modo que se garanta a d) Materialismo Histórico
harmonia e a disciplina da turma e) Psicogenética

45 – Uma avaliação fundamentada nos aportes 47 – A professora Maria, que trabalha na mesma
da pedagogia Histórico-Crítica considera escola que João, tem uma outra postura
importante: pedagógica. Ela acredita que sua função se
a) Analisar o progresso do aluno comparando resume a auxilia aprendizagem do aluno, cabe ao
seu nível inicial de desempenho com o nível professor uma espécie de facilitadora, pois ela
atual, considerando o que é essencial e acredita que o aluno já traz em si um saber de
importante de ser aprendido e desenvolvido ao que ele precisa apenas
longo do processo educativo (qualificação da trazer à consciência esse conhecimento
aprendizagem) organizá-lo, ou, ainda cabe ao professor rechear
b) Procurar estabelecer a estratégia mais de conteúdos os alunos. Essa professora tem
objetiva para medir a aprendizagem dos alunos, uma prática pedagógica sustentada pelo (a):
tendo em vista democratizar o processo de a) Empirismo
classificação dos mesmos b) Racionalismo
c) Classificar com o máximo de justiça possível c) Pragmatismo
cada aluno envolvido no processo de ensino
d) Materialismo Histórico
14 d) Manter a disciplina e o comportamento na
sala de aula e, assim, garantir uma aprendizagem e) Psicogenética
mais satisfatória
e) Homogeneizar a aprendizagem de modo que 48 – A professora Marta, que também trabalha
todos aprendam num mesmo ritmo sem que na mesma escola que Maria e João, apresenta
haja desigualdades no domínio de métodos de um entendimento diferente de ambos. No seu
ensino entendimento, o homem é visto como alguém
que transforma e é transformado nas relações
que acontecem em uma determinada cultura.
46 – João, professor de história de ensino Em sua visão ela defende que o desenvolvimento
fundamental, tem uma preocupação excessiva humano deve ser compreendido não como a
em organizar o ensino, baseando-se na ideia de decorrência de fatores isolados que
que "ensinando bem" o aluno aprende. Ele amadurecem, nem tampouco de fatores
acredita que todo o conhecimento está fora do ambientais que agem sobre o organismo
sujeito, portanto, no professor e nos livros. Para controlando seu comportamento, mas sim como
ele, o aluno é um recipiente vazio onde é produto de trocas recíprocas, que se
necessário "despejar" o conhecimento. estabelecem durante toda a vida, entre
Podemos dizer que esse professor tem uma ação indivíduo e meio, cada aspecto influindo sobre o
pedagógica sustentada pelo (a): outro. Essa professora tem uma prática
a) Empirismo pedagógica sustentada pelo (a):
b) Racionalismo a) Empirismo
c) Pragmatismo
b) Racionalismo Est(á)ão correto(s):
c) Pragmatismo a) Apenas I e II
d) Materialismo Histórico b) Apenas II
e) Psicogenética c) Apenas III
d) I, II e III
49 – O suporte pedagógico de uma escola deve e) Nenhuma das sentenças está correta
ser um importante agente mediador no projeto
pedagógico e das demais ações e atividades. Ele 51 – O novo Plano Nacional de Educação (PNE Lei
deve ter como algumas de suas atribuições, nº 13.005/2014) estabelece como meta para a
EXCETO: educação infantil:
a) Zelar pela organização administrativa e a) Universalizar, até 2016, a educação infantil na
educacional, definida no projeto pedagógico da pré-escola para as crianças de 4 (quatro) a 5
escola (cinco) anos de idade e ampliar a oferta de
b) Trabalhar a proposta do sistema de ensino educação infantil em creches de forma a
cooperativamente com as comunidades atender, no mínimo, 50% (cinquenta por cento)
escolares e locais das crianças de até 3 (três) anos até o final da
c) Negociar, em situações de conflito, visando ao vigência deste PNE
sucesso escolar dos alunos b) Universalizar, até 2021, a educação infantil na
15 d) Conviver bem com a pluralidade cultural, pré-escola para as crianças de 4 (quatro) a 5
ajudando a dissipar preconceitos (cinco) anos de idade e ampliar a oferta de
e) Encaminhar alunos de baixo rendimento para educação infantil em creches de forma a
serem atendidos por programas governamentais atender, no mínimo, 50% (cinquenta por cento)
de distribuição de renda das crianças de até 3 (três) anos até o final da
vigência deste PNE
c) Universalizar, até 2025, a educação infantil na
50 – A criação dos conselhos de escola
pré-escola para as crianças de 4 (quatro) a 5
representa uma parte do processo de
(cinco) anos de idade e ampliar a oferta de
construção de uma gestão democrática. Todavia,
educação infantil em creches de forma a
eles fracassam se forem instituídos como uma
atender, no mínimo, 50% (cinquenta por cento)
medida isolada e burocrática. Para que sejam
das crianças de até 3 (três) anos até o final da
eficazes, é necessário um conjunto de medidas
vigência deste PNE
políticas contidas num plano estratégico de
participação que vise à democratização das d) Universalizar, até 2014, a educação infantil na
decisões. Esse plano supõe: pré-escola para as crianças de 4 (quatro) a 5
(cinco) anos de idade e ampliar a oferta de
I. Autonomia dos movimentos sociais e de suas
educação infantil em creches de forma a
organizações em relação à administração pública
atender, no mínimo, 50% (cinquenta por cento)
II. Abertura de canais de participação pela das crianças de até 3 (três) anos até o final da
administração vigência deste PNE
III. Transparência administrativa
e) Universalizar, até 2024, a educação infantil na essa etapa na idade
pré-escola para as crianças de 4 (quatro) a 5 recomendada, até o último ano de vigência
(cinco) anos de idade e ampliar a oferta de deste PNE
educação infantil em creches de forma a
atender, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) 53 – O novo Plano Nacional de Educação (PNE Lei
das crianças de até 3 (três) anos até o final da nº 13.005/2014) tem como uma de suas metas
vigência deste PNE fomentar a qualidade da educação básica em
todas as etapas e modalidades, com melhoria do
52 – O novo Plano Nacional de Educação (PNE, fluxo escolar e da aprendizagem de modo a
Lei nº 13.005/2014) estabelece como meta para atingir, em 2021, no IDEB (Índice de
o ensino fundamental: Desenvolvimento da Educação Básica) para os
a) Universalizar o ensino fundamental de 8 (oito) anos iniciais do ensino fundamental a média
anos para toda a população de 6 (seis) a 14 nacional:
(quatorze) anos e garantir que pelo menos 95% a) 8,0 (oito)
(noventa e cinco por cento) dos alunos concluam b) 7,0 (sete)
essa etapa na idade recomendada, até o último c) 6,0 (seis)
ano de vigência deste PNE
d) 5,0 (cinco)
b) Universalizar o ensino fundamental de 9
(nove) anos para toda a população de 4 (quatro) e) 4,0 (quatro)
16 a 14 (quatorze) anos e garantir que pelo menos
95% (noventa e cinco por cento) dos alunos 54 – O Brasil se tornou campeão em bullying –
concluam essa etapa na idade recomendada, até aquela perseguição que sofrem, na escola, os
o último ano de vigência deste PNE adolescentes mais vulneráveis.
c) Universalizar o ensino fundamental de 9 Será que existe possibilidade de controlar esse
(nove) anos para toda a população de 6 (seis) a problema ?
14 (quatorze) anos e garantir que pelo menos Sim, pois é tarefa da equipe técnico-pedagógica
95% (noventa e cinco por cento) dos alunos realizar um plano de acompanhamento não
concluam essa etapa na idade recomendada, até apenas da produção intelectual como das
o último ano de vigência deste PNE relações entre os alunos.
d) Universalizar o ensino fundamental de 9 Assim, manter a família informada sobre o
(nove) anos para toda a população de 6 (seis) a desempenho e sobre as dificuldades cognitivas e
18 (dezoito) anos e garantir que pelo menos 95% relacionais é, também, uma das intervenções
(noventa e cinco por cento) dos alunos concluam articuladas entre os seguintes profissionais da
essa etapa na idade recomendada, até o último educação:
ano de vigência deste PNE
A) Diretor e Supervisor Educacional.
e) Universalizar o ensino fundamental de 9
B) Supervisor, Orientador Educacional e
(nove) anos para toda a população de 6 (seis) a
Professor.
14 (quatorze) anos e garantir que pelo menos
50% (cinquenta por cento) dos alunos concluam C) Professor e Diretor.
D) Professor e Supervisor Educacional.
Orientador Educacional fez,
55 – Em sua obra Pedagogia da autonomia sobre Rodrigo, várias intervenções, algumas das
(2006), Paulo Freire afirma que os sistemas de quais se apresentam a seguir.
avaliação pedagógica de alunos e de professores I – Efetivar um levantamento de toda a vida
vêm se assumindo cada vez mais como discursos acadêmica e pessoal do aluno, para depois
verticais, de cima para baixo, mas insistindo em chamá-lo e conversar sobre o seu
passar por democráticos. comportamento. (17 pontos)
Associou-se um determinado número de pontos II – Convocar, de imediato, a presença dos
a cada afirmação abaixo apresentada. responsáveis de Rodrigo, para comunicar a
Segundo o ponto de vista dos professores e problemática do aluno. (15 pontos)
alunos críticos, defensores da liberdade, a III – Solicitar aos professores que ajudem
questão que se coloca por Freire trata de Rodrigo, pois permanecem mais tempo em
I – incentivar a avaliação, enquanto mecanismo contato com o aluno. (10 pontos)
de postura do educador, como proprietário da IV – Convocar o representante da turma para,
verdade de que se apossa. (20 pontos) junto com os demais colegas, ajudar Rodrigo. (5
II – enfocar a avaliação como uma prática que pontos)
estimule o falar a como caminho do falar com. A cada intervenção do Orientador Educacional
(17 pontos) foi atribuído um determinado número de
III – lutar em favor da compreensão e da prática pontos. Então, o somatório dos pontos
17 referentes às afirmativas verdadeiras é
da avaliação enquanto instrumento da
domesticação. (14pontos) A) 47
IV – resistir aos métodos silenciadores dos B) 42
alunos que vêm sendo utilizados por alguns C) 32
educadores. (10 pontos) D) 30
Assinale alternativa que corresponde ao
somatório correto dos pontos.
57 - Sabemos que atitudes positivas e maduras
A) 37 criam um clima propício para qualquer tipo de
B) 34 atividade a ser realizada no colégio. Atitudes
C) 31 negativas e imaturas do educador
D) 27 sobrecarregam o clima dentro da escola;
desmotivam o aluno, oportunizam a indisciplina,
o desacato à autoridade e terminam por
56 - Numa reunião de conselho de classe, o conduzir alunos à sala do Orientador
professor de Biologia começa a falar sobre o Educacional, para receberem advertências.
aluno Rodrigo e, logo, os outros docentes da
Diante dessa situação, o Orientador Educacional
turma se juntam a ele. Rodrigo é rebelde, tem
deverá ter
notas baixas, dorme em sala de aula, chega
sempre atrasado e deixa, constantemente, de
cumprir suas tarefas de casa. Nessa reunião, o
A) segurança emocional, equilíbrio, capacidade C. A escola constitui processos
para perceber, pensar e agir em situações de produção e criação de significados, constrói
embaraçosas. identidades sociais e individuais. Portanto, falar
B) capacidade para ligar-se afetiva e em educação e currículo é necessariamente falar
emocionalmente aos alunos da instituição. em como a sociedade compreende cultura e
conhecimento, quais processos a sociedade
C) capacidade de viver exclusivamente de acordo
utiliza para legitimar determinados saberes em
com a filosofia unificadora de vida (valores).
detrimento de outros.
D) consciência da tarefa que lhe cabe e
D. A heterogeneidade cultural, étnica,
insegurança frente a determinadas situações.
econômica dos educandos é irrelevante ao
pensarmos e organizarmos o processo
59 - O método utilizado pelo Orientador educativo, pois precisamos oportunizar
Educacional que caracteriza o aconselhamento e igualdade de acesso ao conhecimento
sugere soluções e planos de ação dentro das sistematizado.
escolas, chama-se
A) existencial. 61 - Em Pedagogia do Oprimido (1987), uma das
B) psicopedagógico. principais obras de Paulo Freire, o autor aborda
C) psicoeducacional. sua concepção de educação e discute a
D) diretivo de aconselhamento. investigação e a redução temática,
18 problematizando a construção de um processo
efetivamente educativo. Para tanto, os passos
60 - No percurso da história da educação, a que compõem a investigação e redução
escola, idealizada “para poucos”, foi expandida temáticas são:
“para muitos”, sem as necessárias condições
A. Definição dos conteúdos, escolha das
para uma efetiva expansão de qualidade. Assim,
codificações, descodificação, redução temática e
estamos diante de um cenário que demanda de
trabalho em sala de aula.
muitas respostas. Neste contexto, NÃO É
CORRETO afirmar: B. Levantamento preliminar, escolha das
codificações, descodificação, planejamento e
A. É preciso construir conhecimentos capazes de
trabalho em sala de aula.
modificar ações pedagógicas, visando a
favorecer aos educandos constantemente C. Levantamento preliminar, escolha das
excluídos da escola, do currículo e de suas codificações, descodificação, redução temática e
políticas de conhecimento e cultura, para que trabalho em sala de aula.
possam integrar-se ao processo educativo. D. Levantamento preliminar, escolha das
B. Entre suas várias funções sociais, a escola e os codificações, descodificação, redução temática e
profissionais da educação, devem exercer seus avaliação.
papéis no sentido de possibilitar a inclusão e
permanência (com êxito) dos educandos 62 - Becker (1994) discute os principais modelos
oriundos das mais diferentes condições sócio- pedagógicos e epistemológicos que
econômicas, culturais e de gênero.
fundamentam as práticas educativas. A esse IV. Propõe-se o diálogo como
respeito, assinale a alternativa INCORRETA. centro do processo de ensino e de
A. Segundo a concepção interacionista, a aprendizagem;
educação não é neutra; é permeada por V. Defende-se a padronização dos conteúdos, do
posicionamento ético, político e ideológico. processo de ensino;
B. Segundo a concepção interacionista, a VI. Fortalece-se a hierarquia e a homogeneidade
capacidade cognitiva é definida geneticamente necessárias ao processo de ensino e de
(“filho de peixe, peixinho é”). aprendizagem.
C. Segundo a concepção inatista, a consciência Marque a alternativa CORRETA:
humana pré-existe ao sujeito, e a aprendizagem A. Somente as alternativas I, II, IV e VI são
é fruto da maturação deste sujeito. verdadeiras.
D. As abordagens ou modelos pedagógicos são B. Somente as alternativas I e V são verdadeiras.
marcados pelas características do momento e do C. Somente as alternativas III e V são falsas.
contexto sócio-histórico em que foram
formulados e pelos diversos paradigmas e D. Somente as alternativas I, III e IV são
pressupostos filosóficos, metodológicos e verdadeiras.
epistemológicos que os inspiraram.
64 - “A reflexão coletiva leva à leitura crítica do
63 - A questão da avaliação é complexa e fracasso escolar em suas consequências sociais e
19 à responsabilidade da escola na
consiste em um dos mais significativos dilemas
da prática docente. Como e o que avaliar são construção/superação deste fracasso” (GARCIA,
questões que permeiam o cotidiano dos 1992, p.60). Em relação a temática do
educadores. Alguns autores apresentam sucesso/fracasso escolar, considere as
perspectivas diferentes para pensar a avaliação. afirmações:
Esteban (2004) propõe a avaliação processual. I. Os valores presentes no currículo oculto
Partindo da perspectiva da autora, são (gênero, competição, consumismo, ideologias,
características dessa forma de avaliação: individualismos), sutis, porém educativos e
I. A avaliação constitui um processo contínuo e formadores de personalidades, consistem em
qualitativo – a avaliação é um meio e não um fim questões pertinentes para pensarmos o sucesso
em si mesma; escolar.
II. A avaliação funciona como um mecanismo de II. Os conteúdos selecionados para o currículo
controle dos tempos, conteúdos, sujeitos e escolar, privilegiando o saber sistematizado e
resultados escolares; desqualificando o saber empírico do aluno,
representam um convite ao fracasso escolar e
III. O erro é entendido como processo de social de uma grande parcela da população
construção, pois “desvela a complexidade do desfavorecida econômica e culturalmente.
processo de conhecimento, tecido
simultaneamente pelo passado, pelo presente e III. Superar o fracasso escolar exige uma
pelo devir”; competência docente/pedagógica coletiva.
IV. É necessário pensar o processo de ensino e de D. Conhecimento sobre a
aprendizagem sob a lógica do devir e não realidade sociocultural dos educandos, para a
centrado no erro e acerto. inclusão e valorização de seus saberes no
V. Reduzir os índices de fracasso escolar e de processo de ensino e aprendizagem.
evasão pressupõe que a escola retome seu
próprio campo de conhecimento, na teoria e na 66 - Moacir Gadotti (2006), num estudo sobre a
sala de aula (resgatar para o espaço pedagógico concepção dialética da educação faz referência
escolar a responsabilidade e as soluções para os ao marxismo para pensar os contextos
problemas educacionais). educacionais. Segundo ele, Marx e Engels,
VI. A formação crítica e consistente dos preocupados com as estratégias da educação
profissionais da educação, vinculada à realidade sob o capitalismo propuseram três grandes
e ao saber-fazer pedagógico consiste em uma princípios para a integração do ensino e do
ação urgente a ser implementada nas trabalho. Qual alternativa corresponde a esses
instituições educativas. três princípios:
VII. É necessário redefinição do planejamento do A. educação pública, isto é, educação para todos;
ano letivo, adequação dos currículos e das educação gratuita, isto é, educação como
metodologias de ensino, enfim, é preciso responsabilidade da sociedade civil; e educação
repensar o processo de ensino e de para o trabalho, isto é, educação científica.
aprendizagem. B. educação pública, isto é, educação para todos;
20 Assinale a alternativa CORRETA: educação gratuita, isto é, educação como
A. Somente as alternativas I, II, IV e VII são responsabilidade do Estado; e educação pelo
corretas. trabalho, isto é, educação polivalente (técnico e
científico).
B. Somente as alternativas I e V são corretas.
C. educação pública, isto é, educação para todos;
C. Somente as alternativas III, VI e VII são falsas
educação gratuita, isto é, educação como
D. Todas as alternativas estão corretas responsabilidade do Estado; e educação para o
trabalho, isto é, educação tecnicista.
65 - Fusari (1996), “O planejamento é, acima de D. educação pública, isto é, educação para todos;
tudo, uma atitude crítica do educador diante de educação gratuita, isto é, educação como
seu trabalho docente”. Seguindo esta linha de responsabilidade do Estado; e educação para
pensamento, qual alternativa NÃO apresenta atender ao mercado, isto é, educação
elementos relevantes para uma prática docente especializada.
reflexiva:
A. Planejamento do trabalho como um processo 67 - Muitos estudos nos ramos da ciência,
contínuo; educação e currículo, entre o quais Lopes (1998),
B. Consciência da educação como ato político; analisam as relações entre currículo,
C. Avaliação do aluno para verificação dos conhecimento e cultura, em uma perspectiva
conhecimentos adquiridos. histórico- -crítica. Tendo por base esse
referencial epistemológico/teórico, analise as
seguintes afirmativas, marcando com V as B. F, F, V, V, F.
verdadeiras e com F as falsas: C. V, F, V, V, F.
( ) A organização de patentes e licenças garante D. V, F, F, V, V.
o controle sobre os processos e sobre os
produtos da tecnologia científica, ou seja,
permite o monopólio privado de uso e 68 - As discussões sobre currículo vêm
distribuição de um conhecimento, ao qual nem assumindo, nos últimos anos, maior
os cientistas têm acesso, desmitificando o ideal importância, especialmente em função de
de socialização do conhecimento científico. variadas mudanças que as propostas curriculares
oficiais trazem as escolas, fomentando uma
( ) O currículo escolar está organizado de forma
multiplicidade de referências ao campo do
a oportunizar aos educandos o acesso aos currículo. Sobre o pensamento curricular, na
conhecimentos sistematizados construídos pela perspectiva dos debates contemporâneos de
humanidade, possibilitando a equidade de Lopes e Macedo (2002), analise as seguintes
acesso aos avanços da ciência, a exemplo, os afirmativas, marcando com V as verdadeiras e
conhecimentos sobre os processos de produção com F as falsas:
e o uso das novas tecnologias.
( ) As primeiras preocupações com o currículo, no
( ) A defesa de que cada Estado nação é soberana Brasil, datam dos anos 20. Até 1980 por meio do
e, portanto, as políticas de instituições mundiais programa de ajuda à América Latina o campo do
e agência de fomentos internacionais como o currículo foi marcado pela transferência
21 Banco Interamericano e o Banco Mundial, não instrumental de teorizações americanas.
possuem significativa influência nas políticas
educacionais e consequentemente, de currículo ( ) Conforme a teoria curricular crítica o currículo
e avaliação no Brasil. escolar representa uma grade curricular –
entendida como um conjunto de conteúdos
( ) Normalmente, na escola, o conhecimento e a disciplinares a serem cumpridos em
cultura não são problematizados como campo determinadas séries, com cargas horárias
plural de conflitos e acordos e a função cultural previstas.
da escola é submetida à lógica do mercado, da
formação para habilidades e competências, cuja ( ) Os estudos de currículo no Brasil são marcados
definição não passa por um debate social mais na década de 90 pelo seu viés psicologizante, ou
amplo. seja, os trabalhos buscam, em sua maioria, a
compreensão do currículo como espaço de
( ) Pensar uma educação inclusiva, implica em relações de poder.
considerar o princípio básico de que o currículo
real é o conjunto de todas as experiências ( ) Uma das principais marcas do pensamento
escolares de conhecimento proporcionadas aos curricular brasileiro atual é o da perspectiva pós-
educandos, portanto se constrói na instituição estruturalista.
escolar, nos acordos e conflitos diários no A sequência CORRETA de marcação, de cima
interior dessas instituições. para baixo, é:
A sequência CORRETA de marcação, de cima A. F, V, F, V
para baixo, é: B. V, V, F, F
A. F, V, V, V, V. C. V, F, V, V
D. V, F, F, V grande relevância no Brasil.
No entanto, apesar da garantia do acesso à
escola pública, muitos alunos são reprovados e
69 - O surgimento do papel da Orientação
abandonam seus estudos. Entre os fatores
Educacional, explicitado no Parecer nº 252, de
responsáveis por essa situação, estudos e
1969 do Conselho Federal de Educação,
pesquisas têm apontado a baixa qualidade do
reestrutura uma mudança no panorama dos
ensino e a "inadequação" da escola aos jovens
cursos de formação de educadores, posto que
das camadas populares que a frequentam.
cria as habilitações na formação do pedagogo.
Baseado neste apontamento, pode-se afirmar
Considerando o contexto de origem deste
que:
profissional, considere as afirmações abaixo:
I – o ensino público brasileiro não garante aos
I. A criação das habilitações evidencia uma
seus alunos as condições necessárias e
distinção de papéis, apontando a concepção
suficientes para o desenvolvimento de uma
vigente da época, que entendia o processo
relação pessoal significativa com o(s) saber(es).
pedagógico como um processo dicotômico.
II – os fracassos, os abandonos, as violências que
II. Entra em cena a formação do técnico em
a escola deplora são também efeitos da
educação, ou seja, do supervisor escolar e
heterogeneidade, da concorrência, dos conflitos
orientador educacional, na perspectiva de
entre formas do aprender, das relações com o
integração do trabalho destes profissionais.
aprender.
III. O surgimento da lei é respaldado na
22 necessidade de organizar o trabalho escolar III – a escola pública precisa construir-se num
espaço de reconhecimento recíproco, no sentido
dentro dos preceitos liberais de adequação e
de acolher as origens sociais dos jovens,
conformação social.
conhecendo sua cultura, considerando sua fala.
IV. O eixo principal do trabalho do orientador
A alternativa CORRETA é:
educacional firma-se no papel do
aconselhamento e na orientação vocacional. A. Apenas as afirmativas I e II são verdadeiras.
V. O trabalho pedagógico, assim fragmentado, B. Apenas as afirmativas II e III são verdadeiras.
respondeu e continua respondendo, ao longo C. Apenas as afirmativas I e III são verdadeiras.
dos anos, às demandas de disciplinamento D. Todas as afirmativas são verdadeiras.
segundo os princípios do taylorismo/fordismo.
Assinale a alternativa CORRETA: 71 - A existência de uma equipe pedagógica
A. Somente a afirmativa V é falsa. integrada nas instituições de ensino tem-se
B. Somente as afirmativas I e V são falsas. tornado cada vez mais essencial ao
C. Somente a afirmativa I, III e IV são verdadeiras. entrosamento e socialização nos processos
educativos. Por outro lado, muitas experiências
D. Somente as afirmativas I, III, IV e V são
têm demonstrado que as ações empenhadas na
verdadeiras.
atualidade evidenciam uma percepção de
organização do trabalho de maneira
70 - Diante da enorme desigualdade social, a fragmentada. Com o objetivo de desenvolver
universalidade do acesso à educação ganha
uma proposta de trabalho pedagógico, a) ato de educar
articulada e integrada, faz-se necessário: b) ato de avaliar
I – Redirecionar as ações, buscando reproduzir c) ato de ensinar
uma ênfase burocrática e de controle e um d) ato de medir
posicionamento de construção coletiva, de
tomada de decisões em grupo.
II – Constituir uma equipe de trabalho em que a 73 - Segundo Vasconcellos (2006), O blá-blá-blá
comunicação e o respaldo teórico forneçam depositante não leva à aprendizagem. O
apoio profissional. testemunho dos alunos é muito claro: “na hora
da explicação eu entendo tudo direitinho, mas
III – Exercitar a comunicabilidade, o
quando tento me lembrar, quase sempre não me
entendimento mútuo, a busca de intenções lembro”. É claro que quando o professor vai
comuns, o uso do diálogo e da argumentação, a explicando “vai tudo muito bem”. Isso ocorre
imposição de ideias, a valorização dos porque:
momentos de aprendizado recíproco.
a) na verdade, o educando não está se
IV – Pensar o trabalho coletivo numa corrente confrontando com o objeto do conhecimento,
histórico-social, possibilitando resgatar a mas apenas recebendo passivamente
compreensão do processo e produto do informações sobre esse objeto.
trabalho.
b) na verdade, o educando está se confrontando
V – Construir uma proposta de educação que
23 vise a integralidade das ações, somando esforços
com o objeto do conhecimento e recebendo
informações sobre suas aplicações na sociedade.
para pensar, analisar e caminhar juntos,
procurando desvelar o desconhecido e c) denota que, nos dias de hoje, o aluno ignora o
(re)significando o que a escola precisa professor e tudo que a escola disponibiliza para
(re)significar. seu desenvolvimento psicológico.
São alternativas CORRETAS: d) a criatividade é a base teórico-prática da
formação humana.
A. As afirmativas II, III, IV e V.
B. As afirmativas II e V.
74 - Vasconcellos (2009) afirma que o Projeto
C. As afirmativas I, II, IV e V. Político Pedagógico (ou Projeto Educativo) é o
D. As afirmativas II, IV e V. plano global da instituição. É uma metodologia
de trabalho que possibilita resignificar a ação de
72 - Frigotto (1995) afirma que “… é o processo todos os agentes da escola e que para, a
de transposição do saber posto, é expressão daquilo que o grupo pensa e quer,
essencialmente um processo de deslocamento usa-se o recurso metodológico:
do saber para estruturas, que, especialmente em a) do portfólio
estágios que correspondem ao início da vida b) do seminário
escolar, agem ao nível de coordenações c) da pesquisa em ação
sensíveis, motoras ou representativas”. A
alternativa que completa corretamente o d) da problematização sintetizadas nas
enunciado segundo Frigotto é: perguntas
d) O currículo consiste em
75 - Publicado na Revista Brasileira de Educação experiências por meio das quais as crianças
v. 12, nº 34, Jan/abr 2007, o artigo “Trabalho e alcançam a autorrealização e ao mesmo tempo,
Educação: fundamentos ontológicos e aprendem a contribuir para a construção de
históricos”, seu autor Dermeval Saviani discorre melhores comunidades e de um futuro melhor.
sobre a natureza ontológica imanente ao ser na
relação trabalho e educação. Segundo ele, o 77 - A autonomia e a gestão democrática da
próprio ato de trabalho constitui-se como escola fazem parte da própria natureza do ato
princípio educativo e que o que o homem é, o é pedagógico. E como diz Drummond “há que se
pelo trabalho, nas contradições de seu tentar o diálogo quando a solidão é vício.”
movimento real. Identifique a opção que Portanto sobre o Projeto Político Pedagógico,
configura correspondência entre o pensamento expressão da gestão democrática, está incorreto
de Saviani e a obra de Gonzaguinha: o que se afirma em:
A) “... é triste ver esse homem guerreiro a) A preocupação com autonomia e participação
menino...” dos atores educacionais têm se traduzido
B) “... seu sonho é sua vida e a vida é trabalho...” sobretudo na reivindicação de um projeto
C) “... guerreiros são pessoas, são fortes, são político pedagógico próprio específico para cada
frágeis...” escola.
D) Não há relação entre uma e outra. b) Todo projeto pedagógico, é também, e sem
24 dúvida alguma, um projeto político.
c) O projeto político pedagógico da escola é um
76 - “Um programa de ensino só se transforma
processo inconcluso, uma etapa em direção a
em currículo após as experiências que a criança
uma finalidade que permanece como horizonte.
vive em torno do mesmo” (PILETTI,1989)
d) A diversidade característica da sociedade
Sob este enfoque as proposições apresentadas
atual exige a elaboração de um projeto político
abaixo estão corretas, EXCETO:
pedagógico orientado de forma única que
a) Currículo é tudo que acontece na vida de uma norteie a educação para todos, dentro do
criança, de seus pais e professor. Tudo o que princípio de igualdade.
cerca o aluno, em todas as horas do dia, constitui
matéria para o currículo.
78 - O Orientador educacional se relaciona com
b) O termo currículo significa uma relação de
diferentes cotidianos das tendências
matérias ou disciplinas, com um corpo de
pedagógicas existentes, quer tradicionais quer
conhecimentos organizados sequencialmente
progressistas. Sobre o trabalho da Orientação
em termos lógicos.
Educacional numa abordagem construtivista é
c) O termo currículo aplicado à educação tem correto afirmar que:
apresentado variação no decorrer do tempo.
a) O orientador educacional acompanha o
Essa variação não depende da concepção de
processo como consultor, identificando
educação e de escola, mas das necessidades
mudanças, sugerindo atividades que estimulem
sociais em determinado momento histórico.
tanto o desenvolvimento do aluno quanto a b) Se todas forem incorretas;
ampliação e aprofundamento dos conteúdos. c) Se apenas I, III e IV forem corretas;
b) A orientação educacional tem o papel de d) Se apenas II e V forem corretas;
ajustar o aluno à escola, à família e à sociedade.
c) A orientação educacional deve ajudar o aluno 80 - “Não se vive o cotidiano escolar como um
a ter um nível de expectativa compatível com a contínuo de práticas na sociedade. Há que se
realidade, através de uma visão realista de si buscar entender como são produzidas estas
mesmo e de suas possibilidades. práticas.” (Grinspun, 2002.)
d) O orientador não participa da elaboração de As afirmativas abaixo refletem ações do
testes e instrumentos de medida para que possa
orientador educacional sobre o cotidiano
melhor atender aos interesses dos alunos e às escolar. Todas estão corretas, EXCETO:
expectativas da escola.
a) Procura desvendar este cotidiano, trazendo à
tona o que está oculto, menosprezado ou
79 - O Orientador Educacional, como educador e alienado.
ser político assume a educação como parte dos b) Analisa, priorizando o que, para o indivíduo, é
diferentes contextos humanos quer social, essencial, relativo, particular, coletivo, etc...
econômico, político ou cultural. Considerando as
tendências contemporâneas da Educação temos c) Relaciona o cotidiano escolar com os outros
como papel da orientação: cotidianos com os quais o indivíduo convive.
25 d) Discute tal cotidiano, não interrogando sobre
I. Levar os educandos a compreender as ações
vividas pela humanidade até chegar em um nível as determinações e obrigações, para que não se
mais crítico do conhecimento de sua realidade, limite as ações decorrentes da consciência de
valorizando a questão da prática social. que somos responsáveis pelo cotidiano escolar.
II. Caminhar junto com os alunos, procurando
fazê-lo mais participante de seu grupo em um 81 - A avaliação é um processo contínuo de
dimensionamento político de sua formação de pesquisa que visa interpretar os conhecimentos,
cidadão. habilidades e atitudes dos alunos, tendo em vista
III. Ser catalizador e se misturar ao grupo para mudanças esperadas no comportamento,
uma reflexão em comum, ajudando ao professor propostas nos objetivos, a fim de que haja
em sua função de conselheiro ou instrutor. condições de decidir sobre alternativas do
planejamento do trabalho do professor e da
IV. Atuar como mediador, auxiliando a relação escola como um todo. (Piletti, 2000.)
pedagógica da escola e promovendo as
condições para que professor e alunos a A partir do conceito acima apresentado, entre as
efetivem. afirmativas abaixo está correta:
V. Promover a mediação entre indivíduo e a) A avaliação é um fim, mas também um meio,
sociedade, possibilitando a inserção do indivíduo pois permite verificar, se os objetivos foram
no mundo da cultura. alcançados.
Analisando as afirmativas acima, assinale:
a) Se todas forem corretas;
b) A avaliação não deve identificar os alunos que II. Consideradas em termos de
apresentam dificuldades para evitar atitudes deficiência cultural.
discriminatórias. III. Atribuídas às diferenças culturais.
c) Os objetivos da avaliação devem ser IV. Decorrentes dos fatores intraescolares.
informados pelo professor ao aluno bem como
seu resultado deve ser objeto de análise entre
professor e aluno. Estabeleça a relação entre as abordagens
apresentadas acima e a ação da Orientação
d) O aluno não precisa ter conhecimento em que Educacional em cada uma delas
a avaliação se constitui e de sua importância
para o processo do ensino e da aprendizagem. ( ) Buscava complementar e superar as
deficiências apresentadas ajudando a suprir,
dentro do possível, pelo menos na escola, as
82 - “O diferente de nós não é inferior. A carências apresentadas.
intolerância é isso: o gosto irresistível de se opor ( ) Buscava a compreensão da diversidade das
às diferenças” (Paulo Freire) Neste enfoque, com culturas existentes dentro da escola.
vista a uma educação inclusiva, as afirmativas
abaixo estão corretas, EXCETO: ( ) Procurava resgatar a cultura dos alunos,
fazendo com que participassem, na escola, do
a) O professor precisa preparar o aluno para o contexto existente a partir de valores, vivências
mundo da diferença e da solidariedade entre os e experiências de sua realidade.
diferentes.
26 ( ) Procurou trabalhar principalmente as relações
b) A escola precisa formar o aluno para participar interpessoais dentro da Escola, assessorando o
de uma sociedade planetária. professor em suas atividades junto aos alunos.
c) Para construção de uma escola pluralista,
( ) Tinha suas atribuições voltadas ao
precisa-se estabelecer metodologias que ajustamento dos alunos à escola e à sociedade,
articulem as diferenças individuais e as segundo suas aptidões e características.
diversidades culturais em conteúdos educativos.
Assinale a alternativa que preenche
d) Numa escola pluralista, a identidade supõe corretamente a coluna:
uma relação de igualdade e diferença que deve
ser antagônica para que haja diálogo. a) I – II – IV – II – III;
b) II – III – III – IV – I;
83 - A trajetória da análise do fracasso escolar c) II – I – IV – III – IV;
mostra que a orientação educacional se fez d) IV – II – III – II – I;
presente, respondendo com suas atribuições aos
papéis que lhe eram devidos, em determinados 84 - Para evitar o fracasso escolar, o
momentos históricos. planejamento dos conteúdos sócio-culturais a
Assim, o fracasso escolar foi analisado nas serem trabalhados deve ter como objetivos,
diferentes abordagens do pensamento EXCETO:
educacional a partir de questões: A) apresentar níveis de dificuldades assimiláveis
I. Centradas nas diferenças individuais de modo que os educandos possam aprender;
B) conter uma dinâmica de assimilação ativa das c) Participar das reuniões,
questões sócio-culturais e do desenvolvimento demonstrando um maior interesse com os casos
das capacidades cognoscitivas dos educandos; dos alunos problema.
C) oferecer visões valorativas do mundo que d) Participar preocupado com a integração social
perpassem os conteúdos ensinados; do grupo presente nas reuniões.
D) conter elementos de pura espontaneidade
para fundamentar o desenvolvimento mental, 87 - No que diz respeito à orientação sobre as
afetivo e intuitivo dos educandos. Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), o
Orientador deve oferecer aos alunos:
85 - O Orientador Educacional, em sua prática I - A promoção de condutas preventivas entre os
escolar, deve desenvolver as seguintes adolescentes, mostrando também que só a
atividades: informação não basta.
( ) Verificar os fatores políticos que interferem na II - Ações educativas continuadas que ofereçam
educação. possibilidades de conhecimento dos obstáculos
( ) Conhecer as crianças e os adolescentes, emocionais e culturais que impedem a adoção
considerando as características da infância e da de condutas preventivas.
adolescência e o contexto extraescolar. III - Somente a família deve discutir com o
( ) Perceber se o estudante está engajado no adolescente os preconceitos ligados às doenças
27 processo educativo. sexualmente transmissíveis.
( ) Conhecer e potencializar o desenvolvimento e IV - O trabalho da Orientação Sexual na escola
a identidade dos alunos. fomenta maior consciência de si e do outro e
reconhece que é uma questão de vida numa de
Analise as proposições acima, coloque (V) para
suas formas mais plena.
as Verdadeiras e (F) para as Falsas e marque a
alternativa CORRETA. Analise as proposições acima e marque a(s)
verdadeira(s).
a) V V F F
Está(ão) CORRETA(S), apenas:
b) V F F V
a) II, III e IV
c) F V V V
b) II e III
d) F F V V
c) III e IV
d) I, II e IV
86 - O Orientador Educacional, nas reuniões de
Conselho de Classe na escola, deve:
a) Participar ativamente das atividades 88 - Na verdade, são os profissionais de
desenvolvidas nas reuniões de conselho de Educação, na qualidade de adultos significativos
classe na escola. para os alunos, que se constituem em
interlocutores confiáveis para as questões da
b) Coordenar e planejar as reuniões de conselho
sexualidade. O trabalho em Orientação Sexual
de classe.
depende de requisitos. A esse respeito, assinale
a alternativa CORRETA.
a) É claro que não são necessários c) V V F F
conhecimentos de anatomia do corpo humano, d) V F F V
mas nada tão profundo e detalhado que não
possa ser assimilado por um orientador
educacional. 90 - Considere o seguinte exemplo: Maria é
professora de uma turma multisseriada do
b) O trabalho em Orientação Sexual na escola Ensino Fundamental, numa região desfavorecida
tem que ser realizado por profissional habilitado do interior brasileiro. A partir da prática
na área biológica, uma vez que o fundamental é pedagógica da educadora, foi possível perceber
conhecer o corpo humano. que ela tenta suprir a falta afetiva da família,
c) O orientador educacional interessado em colocando-se como um membro familiar. Em
trabalhar a orientação sexual com os alunos certos momentos, utiliza a avaliação como um
deve entrar em contato com as questões recurso para dominar a classe indisciplinada e,
teóricas, leituras e discussões sobre as temáticas muitas vezes, percebe-se que idealiza e compara
específicas e suas diversas abordagens. os alunos entre si.
d) O fundamental para a preparação do Com base no exemplo, acima, e nos
profissional em orientação sexual é a sua conhecimentos sobre a mediação de situações
formação em temas gerais. de conflito na sala de aula, pode-se afirmar que:
I - Havia, por parte da professora, equívoco no
89 - Em relação ao uso de drogas pelos entendimento com a dimensão afetiva e seu
28 adolescentes, coloque V para Verdadeiras e F papel na substituição da família.
para Falsas. II - Provavelmente, a professora Maria
( ) O uso da droga é administrado por um fator demonstrava insatisfação e frustração por não
científico, que apresenta explicações biológicas saber lidar com os conflitos em sala de aula.
que causam esta dependência nos adolescentes. III - Não saber fazer a diferença entre os alunos
( ) O adolescente que depende de drogas não reais e a idealização da professora pode ser uma
consegue tolerar a espera e a droga não funciona razão para que não conseguisse desenvolver
como algo que elimina a ansiedade da espera e uma prática educativa satisfatória.
a angústia da frustração. IV - Tendo em vista a formação da professora e
( ) O uso de drogas na adolescência se constitui os tópicos atuais em educação, esta atuava de
num meio importante para lidar com as acordo com os conhecimentos adquiridos ao
frustações inevitáveis da vida. longo da sua formação.
( ) A escola não deve se omitir, nem adotar uma Analise as proposições acima, e marque a(s)
atitude repressiva e antipedagógica nos verdadeira(s). Está(ão)
momentos em que a prevenção já não é mais CORRETA(S), apenas:
possível. a) II, III e IV
Marque a alternativa CORRETA. b) I, II e III
a) V F V F c) II e IV
b) F V F V d) I e III
positivos na avaliação. A
91 - A construção do Projeto Político Pedagógico respeito dessa assertiva, analise as proposições,
deve a seguir, e coloque V para Verdadeiras e F para
Falsas.
a) refletir acerca da concepção de educação e
sua imposição sobre sociedade e a escola. ( ) Os professores devem acompanhar
coletivamente os progressos dos estudantes
b) convencer os professores, a equipe escola e os
com que trabalham.
funcionários a engajar-se em situações que lhes
permitam aprender a pensar e a realizar o fazer ( ) Os Orientadores, coordenadores pedagógicos
pedagógico. e equipe técnica devem conhecer o que vem
sendo ensinado/aprendido pelos estudantes.
c) refletir a realidade da escola, sendo um
instrumento de identidade da ação educativa da ( ) No final do processo, o aluno receba uma nota
escola em sua totalidade. final.
d) ser determinada pelo Orientador. ( ) É importante avaliar a disciplina do aluno.
( ) É essencial a participação dos pais no processo
de avaliação do professor.
92 - Com relação à execução do Projeto Político
Pedagógico, analise as proposições e marque Marque a alternativa CORRETA.
a(s) verdadeira(s). a) F F V V F b) V F V V F
I - Surge da própria realidade, prevendo as c) V V V F F d) V V F F V
29 condições necessárias ao desenvolvimento e à
avaliação, ação articulada de todos os envolvidos 94 - Nas condições atuais, o Orientador necessita
com a realidade da escola e, finalmente, deve ser ainda da investidura na formação de sua função,
um processo contínuo. da credibilidade e do reconhecimento que o
II - Cada professor elabora e executa o seu concurso público pode lhe proporcionar.
próprio Projeto Político Pedagógico de acordo ( ) Uma vez demonstrada a validade e a
com as necessidades de sua sala de aula. necessidade do Orientador Educacional nas
III - Explicita os fundamentos filosóficos, escolas públicas, sua entrada neste processo
psicológicos e sociológicos da educação e defini deverá ser de forma democrática.
o trabalho do professor ( ) As normas para trabalhar no serviço público
IV - Apresenta uma transparência e legitimidade devem ser alteradas e também negociadas
do Projeto Pedagógico constituído formalmente individualmente, já que o sistema escolar precisa
pelas diversas instâncias de discussões. das atividades do Orientador.
Está(ão) CORRETA(S), apenas: ( ) O acesso do Orientador às atividades
a) I, II e III b) I e IV inerentes à sua função no sistema escolar deve
c) II e III d) II, III e IV partir de uma indicação política.
( ) É visível a mudança de postura dos
responsáveis pela educação, fator este que
93 - Empregando instrumentos variados, as
permite a antever a credibilidade profissional
práticas avaliativas mais defendidas atualmente
dos Orientadores.
são o registro escrito, que aponta pontos
( ) Centralismo, burocratização e autoritarismo de fazer deste processo
certamente constituem um obstáculo para a não educativo algo prazeroso, desafiador.
concretização de decisões que oferecem acesso b) A escola deve oferecer situações que
do Orientador no processo de seleção pública. favoreçam o aprendizado, e entendimento da
Analise as proposições, acima, e marque V para importância desse aprendizado no futuro do
as verdadeiras e F para as falsas. aluno.
Assinale a alternativa CORRETA. c) Clareza no plano de trabalho do Projeto
a) F F V V V b) V F F V V pedagógico-curricular que vá de encontro às
reais necessidades da escola.
c) V V F F V d) F V F V F
d) Não existe relação entre políticas públicas
educacionais e as funções sociais da escola na
95 - Interdisciplinaridade deriva da palavra busca de melhores resultados.
primitiva disciplinar, que é referente à disciplina.
Em relação à interdisciplinaridade identifique o
item que preserva a ideia CORRETA ligada a 97 - “As políticas públicas têm sido criadas como
mesma: resposta do Estado às demandas que emergem
da sociedade e do seu próprio interior, sendo a
a) A interdisciplinaridade está relacionada a uma
expressão do compromisso público de atuação
abordagem que não leva em conta a inter-
numa determinada área a longo prazo” (CUNHA
relação e a influência entre disciplinas.
& CUNHA, 2002, p.). Com base nos
30 b) A interdisciplinaridade não questiona a visão conhecimentos sobre políticas públicas
compartimentada (disciplinar) da realidade educacionais identifique a afirmativa
sobre a qual a escola, tal como é conhecida, INCORRETA:
historicamente se constituiu.
a) As políticas públicas são as ações
c) Está relacionada a uma metodologia de ensino empreendidas pelo Estado para efetivar as
centrada no conhecimento específico de cada prescrições constitucionais sobre as
disciplina, tendo o aluno uma apreensão do necessidades da sociedade.
conhecimento de forma fragmentada.
b) As políticas educacionais devem ser
d) Interdisciplinaridade, nada mais é que um suficientemente diversificadas e concebidas, de
conhecimento sistêmico, interdisciplinar, que modo a que a educação não seja um fator
busca o sentido de totalidade, respeitando a suplementar da exclusão social.
especificidade das disciplinas.
c) É dever do Estado implementar políticas
públicas capazes de garantir sua qualidade
96 - A escola é uma instituição social que visa o social, bem como o acesso e permanência de
desenvolvimento das potencialidades físicas, todos na escola.
cognitivas e afetivas dos alunos. A função social d) Não é possível dizer que exista relação entre
da escola está presente EXCETO no item: aprovação da nova Lei de Diretrizes e Bases da
a) A escola centrada no pleno desenvolvimento Educação Nacional e as transformações políticas
do educando precisa estar buscando maneiras educacionais.
98 - As relações entre escola e família baseiam- novo foco de análise" para o
se na divisão do trabalho de educação processo de ensino e aprendizagem.
envolvendo expectativas recíprocas, b) O trabalho articulado entre psicólogo,
construindo uma grande parceria em prol da pedagogo e professores contribui diretamente
educação. Acerca deste tema julgue as para a promoção do sucesso escolar.
afirmativas. c) A escola deve desenvolver atividades que
I. Os pais contribuem positivamente nos promovam o desenvolvimento global do aluno.
processos educativos de seus filhos no sentido d) As intervenções feitas pelo pedagogo e o
de motivá-los afetivamente ao aprendizado. psicólogo, compreendem as relações que se
II. O aprendizado formal ou a educação escolar, estabelecem no âmbito do ensino-
para ser bem sucedida depende apenas de uma aprendizagem.
boa escola.
III. A presença freqüente dos pais nas escolas, o 100 - Orientador educacional atua em diversos
acompanhamento do desenvolvimento dos seguimentos da educação sendo sua função
filhos, sugestões, opiniões sobre a qualidade do diferenciada em cada um dos níveis. Na
ensino são boas, mas na maioria das vezes educação infantil é muito importante o papel
apenas conturbam a relação aluno e escola no que ele exerce junto à comunidade escolar,
que se diz respeito ao aprendizado. estimulando a participação dos pais no
É correto o que se afirma em: acompanhamento da vida escolar das crianças.
31 a) I apenas; b) II apenas; Sobre a atuação do orientador assinale a opção
c) I e II; d) II e III; CORRETA:
a) Na educação infantil, por se tratar de crianças
muito pequenas, o orientador atua somente
99 - “A atuação dos orientadores educacionais
com os pais das crianças, estas ficam a cargo do
deve possibilitar a promoção de momentos de
professor.
apoio e reflexão às práticas pedagógicas
cotidianas em espaços institucionalmente b) É no ensino fundamental que acontece a ação
constituídos, como os de coordenação integrada dos pais, professores e orientadores
pedagógica e conselhos de classe, ou ainda, em para fortalecer a responsabilidade de todos na
outras situações especificamente criadas pela ação conjunta da educação.
equipe, nas quais possam desenvolver atividades c) No ensino fundamental o orientador
de vivência e oficinas que privilegiem a educacional orienta apenas a família dos alunos
compreensão da relação bidirecional sobre aspectos importantes a serem
constitutiva do ensinar e do aprender...” desenvolvidos para que eles se sintam
(marinha Araújo e Almeida- 2005). Com base no estimulados a frequentar a escola.
texto e seus conhecimentos sobre o tema d) O orientador educacional, no ensino
marque a alternativa INCORRETA: fundamental, exerce sua função no sentido de
a) O acompanhamento do processo de ensino e favorecer a adaptação dos alunos ao ambiente.
aprendizagem não proporciona a "criação de um