Você está na página 1de 9

PLANO DE AÇÃO

Tema: O protagonismo juvenil na sociedade


Local: Colégio Estadual Mario Quintana
Data de execução: 16/10/2017
Tempo Previsto: 2h
Público: Alunos do Ensino Médio
Responsáveis pela aplicação: Carlos Eduardo de Souza
JUSTIFICATIVA OBJETIVOS PROCEDIMENTOS AVALIAÇÃO REFERÊNCIAS
A sociedade como um todo Objetivo Geral: - Organização do ambiente; - A avaliação será realizada a ABRAMO, Helena Wendel.
espera muito dos jovens, pois -Promover a inserção e o - Apresentação do trabalho partir da: Participação dos Considerações sobre a
vê neles uma enorme força compromisso social, dos para os alunos; alunos nas ações e metas Tematização Social da
renovadora. Nesse processo monitores orientando-os para -Iniciar com um filme traçadas no projeto Juventude no Brasil. In:
de construção, o a ação comunitária sendo demonstrando a definição de apresentado e a FÁVERO, Osmar; SPÓSITO,
protagonismo juvenil torna os protagonista na comunidade protagonismo; compreensão da Marília Pontes; CARRANO,
jovens os atores principais de na qual estão inseridos. - Com o auxílio de slides e importância do ser Paulo & NOVAES, Regina
sua formação e os lança à vídeos, citar exemplos e protagonista na sociedade. Reyes (Orgs.). Juventude e
participação em atividades Objetivos Específicos: situações práticas a forma de Contemporaneidade.
que transcendem o âmbito de -Proporcionar momentos de exercer o protagonismo. Brasília: UNESCO, MEC,
seus interesses individuais e formação tentando -Avaliação; ANPEd, 2007. (Coleção
familiares e podem ter como desenvolver a consciência Educação para Todos; 16).
espaço a escola, a vida crítica e solidária. p. 73 – 90. Disponível em:
comunitária, num sentido Criar espaços de atuação http://unesdoc.unesco.org
mais amplo a sociedade, prática dos monitores na /images/0015/001545/154
assumindo um compromisso comunidade educativa. 569por.pdf. Acesso em: 10
em trabalhos voluntários, Formar os educandos para de janeiro de 2011.
campanhas e outras formas de atuarem nas atividades
mobilizações. voluntárias da Escola e na
comunidade.

DESCRIÇÃO DOS PROCEDIMENTOS

Iniciar o momento fazendo uma breve apresentação de todos os participantes, falando o nome, a série e sua ocupação fora do período da escola. Com
todos já bem acolhidos e ambientados, fazer uma breve introdução sobre que é ser protagonista. Com algumas vivências partilhadas na apresentação,
enaltecer a importância de ser a diferença na sociedade. Com slides e vídeos, apresentar as situações alarmantes (violência, falta de saneamento básico,
empobrecimento cultural, etc.) que a comunidade onde a escola está inserida e também a cidade está vivenciando. A partir das situações citadas nos
exemplos, conscientizar cada participante a ser instrumento de mudança nas situações apresentadas.
PLANO DE AÇÃO

Tema: A importância do acompanhamento da família


Local: Escola Pintando 7
Data de execução: 18/10/2017
Tempo Previsto: 2h
Público: Pais e responsáveis da Educação Infantil
Responsáveis pela aplicação: Carlos Eduardo de Souza
JUSTIFICATIVA OBJETIVOS PROCEDIMENTOS AVALIAÇÃO REFERÊNCIAS
A família e a escola formam - Selecionar a escola baseado - Organização do ambiente; - A avaliação será realizada a Plano Político Pedagógico
uma equipe. É fundamental em critérios que lhe garanta a - Apresentação do trabalho partir da: Participação dos da Escola Pintando 7.
que ambas sigam os mesmos confiança da forma como a para as famílias; pais na entrega de A importância da família na
princípios e critérios, bem escola procede diante de -Iniciar com um filme resultados sobre o Escola
como a mesma direção em situações importantes; demonstrando a definição de rendimento dos alunos no http://monografias.brasiles
relação aos objetivos que • Dialogar com o filho o protagonismo; trimestre. Adesão dos pais cola.uol.com.br/pedagogia
desejam atingir. conteúdo que está - Com o auxílio de slides e nas reuniões propostas pela /a-importancia-familia-na-
Ressalta-se que mesmo tendo vivenciando na escola; vídeos, demonstrar que o escola. escola.htm
objetivos em comum, cada • Cumprir as regras acompanhamento da família
uma deve fazer sua parte para estabelecidas pela escola de nos processos educativos do
que atinja o caminho do forma consciente e aluno é fundamento para um
sucesso, que visa conduzir espontânea; desenvolvimento integral.
crianças e jovens a um futuro • Deixar o filho a resolver por
melhor. O ideal é que família si só determinados problemas
e escola tracem as mesmas que venham a surgir no
metas de forma simultânea, ambiente escolar, em especial
propiciando ao aluno uma na questão de socialização;
segurança na aprendizagem • Valorizar o contato com a
de forma que venha criar escola, principalmente nas
cidadãos críticos capazes de reuniões e entrega de
enfrentar a complexidade de resultados, podendo se
situações que surgem na informar das dificuldades
sociedade. apresentadas pelo seu filho,
http://educador.brasilescola.u bem como seu desempenho.
ol.com.br/sugestoes-pais-
professores/a-importancia-
parceria-familia-escola.htm

DESCRIÇÃO DOS PROCEDIMENTOS

Organizar o ambiente com as cadeiras na disposição de círculos para que seja em forma de roda de conversa. Iniciar o momento fazendo uma breve
apresentação do projeto e acolhendo aos pais, enfatizando a importância da presença deles na reunião. Com todos já bem acolhidos e ambientados, fazer
uma breve introdução sobre a importância da família na escola. Fazer um momento de escuta aos pais, para que eles possam sugerir temas para serem
tratados em reuniões posteriores. Conscientizar cada participante a estar presente na entrega de resultados trimestrais que se referem ao rendimento do
aluno. Ao término os pais serão conduzidos a um outro ambiente, onde serão expostos alguns trabalhos que foram realizados durante o trimestre e será
oferecido um chá com bolos e bolachas.
PLANO DE AÇÃO

Tema: Os jogos nas dificuldades de aprendizagem


Local: Escola pintando 7
Data de execução: 20/10/2017
Tempo Previsto: 2h
Público: Professores dos Anos iniciais do Ensino Fundamental
Responsáveis pela aplicação: Carlos Eduardo de Souza
JUSTIFICATIVA OBJETIVOS PROCEDIMENTOS AVALIAÇÃO REFERÊNCIAS
Pensamos que é preciso - Proporcionar momentos de - Organização do ambiente; - A avaliação será realizada a Dia a Dia educação:
verificar quais alunos têm trocas e interação social - Apresentação do estagiário partir da: Participação dos http://www.diaadiaeducac
dificuldades que resultam de importantes e necessárias ao para os professores professores no ao.pr.gov.br/portals/pde/a
uma defasagem de conteúdos desenvolvimento através de -Com o auxílio de slides desenvolvimento das rquivos/1572-8.pdf
e, através de materiais jogos de regras, auxiliando no explanar a importância dos atividades propostas.
concretos, resolução de resgate da autoestima da jogos na sala de aula. Envolvimento e interesse
problemas, jogos, entre criança que tem fracassado na - Trabalhar trechos do filme dos professores em
outros, tentar superar essa escola; “Como estrelas na Terra”, pesquisar e aplicar os jogos
defasagem para que os alunos - Melhorar o rendimento enaltecendo o trabalho do e atividades diferenciadas
tenham condições de escolar do sujeito atendido professor que modifica a sala com seus alunos.
acompanhar a sua série de pelos projetos; de aula com suas atividades
origem. São muitos os motivos - Auxiliar na recuperação da inovadores;
que levam um aluno a não auto-estima do indivíduo - Organizar pequenas oficinas
obter sucesso no processo diagnosticado com para que os professores
escolar. Perceber a dificuldade dificuldades de aprendizagem, possam fazer simulações de
é o primeiro passo, porém que muitas vezes é rotulado atividades que podem ser
para poder ajudá-lo no como “incapaz” pelos colegas desenvolvidas em sala
processo de superação é de sala, pela família e pelo utilizando os jogos.
necessário ter uma noção próprio docente; - Finalizar com uma plenária
clara do que esteja -Aos professores, participante para a apresentação dos
acontecendo. Os jogos se dos projetos, permitir grupos.
inserem em elementos sociais conhecer processos de
e são carregados de conteúdo diagnóstico, intervenção e
cultural, por isso seu uso criação de situações-problema
requer um planejamento. O diante da não aprendizagem; -
uso de jogos com finalidade -
de desenvolver habilidades de Pesquisa/confecção/aplicação
resolução de problemas de materiais e jogos a serem
possibilita ao aluno usados nos atendimentos.
estabelecer planos de ação,
executar jogadas e avaliar os
resultados.

DESCRIÇÃO DOS PROCEDIMENTOS

Organizar o ambiente com vários jogos educativos produzidos por alguns professores que previamente foram instruídos a trabalhar com seus alunos.
Acolher aos professores fazendo a apresentação da proposta e do objetivo daquela formação. Explanar os principais tópicos dos slides. Tralhar trechos do
filme: “ Como estrela na terra”, a partir as principais cenas do filme que demonstram o trabalho diferenciado do professor com sua classe, fazer um paralelo
de como podemos desenvolver atividades que possam ser mais acessíveis e despertar mais interesses aos nossos alunos, principalmente jogos. Fazer um
momento de escuta aos professores, para que eles possam apresentar seus questionamentos e experiências. Distribuir os participantes em grupo e com
todos os exemplos e assuntos tratados, solicitar que produzam uma atividade de qualquer disciplina que possa ser trabalhado de forma mais lúdica, com
jogos. Finalizando o momento, realizar uma plenária para que os grupos possam apresentar suas atividades elaboradas.
PLANO DE AÇÃO

Tema: Sexualidade na Escola


Local: Colégio Estadual Mario Quintana
Data de execução: 23/10/2017
Tempo Previsto: 2h
Público: Alunos do anos finais do Ensino Fundamental
Responsáveis pela aplicação: Carlos Eduardo de Souza
JUSTIFICATIVA OBJETIVOS PROCEDIMENTOS AVALIAÇÃO REFERÊNCIAS
A maior parte dos - Preparar os adolescentes - Organização do ambiente; A avaliação será realizada a Sexualidade e escola: um
adolescentes passam seu para a vida sexual de forma - Breve explanação do partir da: Participação dos espaço de intervenção.
tempo na escola onde segura, chamando-os à objetivo da atividade para os alunos nas ações e metas http://www.scielo.br/scielo
começam a se sociabilizar, responsabilidade de cuidar de alunos. traçadas no projeto .php?
aflorando sua sexualidade seu próprio corpo para que - Realização de oficinas apresentado e a script=sci_arttext&pid=S14
devido ao desenvolvimento não ocorram situações futuras oferecendo um espaço onde compreensão da 13-85572003000100012
corporal gerado pelos indesejadas, como a contração os adolescentes discutam importância de cuidar da
hormônios. A escola é o de uma doença ou uma sobre a vivência da própria sua sexualidade. Atividades de sexualidade
ambiente onde a interação gravidez precoce e indesejada. sexualidade com suas na escola.
com o mundo ao redor e com - Esclarecer questões percepções e angústias, http://www.diaadiaeducac
as pessoas que o cercam relacionadas ao sexo, livre de através do compartilhamento ao.pr.gov.br/portals/pde/a
acontece. Depois do ambiente preconceito e tabus. e troca de idéias. rquivos/375-4.pdf
familiar é a escola que - Tirar úvidas sobre Temas das oficinas:
complementa a educação preservativos, DSTs, (1) Sexualidade
dada pela família onde são organismo masculino e (2) Mitos, crendices e tabus
abordados temas mais feminino, anticoncepcionais e sexuais;
complexos que no diaa- dia gravidez. (3) Gravidez na adolescência;
não são ensinados e (4) Métodos contraceptivos;
aprendidos, tendo esta uma (5) Doenças Sexualmente
imensa responsabilidade na Transmissíveis (DSTs) e AIDS;
formação afetiva e emocional (6) Valorização e aceitação do
de seus alunos. E quanto ao próprio corpo.
assunto sexo e sexualidade?
Qual o papel da escola frente
a esse tema? A escola não
deve nem vai tomar o lugar da
família, mas cabe a ela
possibilitar uma aprendizagem
correta, já que essa instituição
visa o crescimento do
indivíduo como um todo.

DESCRIÇÃO DOS PROCEDIMENTOS

Iniciar o momento fazendo uma breve apresentação. Trabalhar o objetivo da atividade proposta com slides explicativos do tema. Distribuir os alunos em
grupos para a realização de oficinas oferecendo um espaço onde os adolescentes discutam sobre a vivência da própria sexualidade com suas percepções e
angústias, através do compartilhamento e troca de ideias.
Temas das oficinas:
(1) Sexualidade
(2) Mitos, crendices e tabus sexuais;
(3) Gravidez na adolescência;
(4) Métodos contraceptivos;
(5) Doenças SexualmenteTransmissíveis (DSTs) e AIDS;
(6) Valorização e aceitação do próprio corpo.
Espera-se que ao final da atividade os alunos possam levar consigo uma experiência que sua sexualidade deve ser vivida de forma saudável e no tempo
certo.