Você está na página 1de 3

EQE-358 – MÉTODOS NUMÉRICOS EM ENGENHARIA QUÍMICA

PROFS. EVARISTO E ARGIMIRO

Capítulo 1
Lista de exercícios – Gabarito

1. Transforme os números reais abaixo (todos expressos na base decimal) para a base binária,
adotando em todos os exemplos 8 dígitos após a vírgula: (a) 168,995889; (b) 0,34135;
(c) 0,021922.
a) 10101000,11111110 EA = 0,00370150 ER = 0,002190%
b) 0,01010111 EA = 0,00150625 ER = 0,441263%
c) 0,00000101 EA = 0,00239075 ER = 10,9057%

2. Transforme os números binários abaixo para a base decimal:


(a) 101101; (b) 110101011; (c) 0,1100011; (d) 0,11111111.

a) 45
b) 427
c) 0,7734375
d) 0,99609375

3. Ache um número na base 2 que aproxime o número  com o menor número de dígitos
apresentando um erro absoluto não superior a 10-3. Refaça o exemplo para uma
aproximação que apresente um erro relativo inferior a 0,01%. Compare e discuta os dois
resultados encontrados.

a) 11,001001 EA = 0,00096765 ER = 0,030801%


b) 11,001001000011 EA = 0,00023523 ER = 0,007488%
2 LISTA DE EXERCÍCIOS – GABARITO

4. Considere que se tem um aparato digital que armazena os números em aritmética de ponto
flutuante com quatro dígitos em base decimal. O acumulador (onde são executadas as
operações) apresenta precisão dupla (8 dígitos portanto!) e simplesmente trunca os
números acumulados. Dados os números: x = 0,4523104; y = 0,211510-3 e z = 0,2583101,
verifique os resultados das seguintes operações executadas neste aparato e apresente, em
cada caso, o erro absoluto e o erro relativo resultante:
x  x  y  ; (f)  x   y ; (g)  y   x .
(a) x + y + z ; (b) ; (c) x – y ; (d) x – y – z ; (e)    
z z z z
Compare e discuta os resultados dos itens (e); (f) e (g).

a) 0,4525104 EA = 0,58321150 ER = 0,012887%


b) 0,1751104 EA = 0,06465350 ER = 0,003692%
c) 0,452210 4
EA = 0,99978850 ER = 0,022105%
d) 0,4520104 EA = 0,41678850 ER = 0,009220%
e) 0,3703 EA = 0,00005017 ER = 0,013548%
f) 0,3703 EA = 0,00005017 ER = 0,013548%
g) 0,3703 EA = 0,00005017 ER = 0,013548%

5. Os números x = 2 e y = 1,76 apresentam, respectivamente, os erros absolutos a = 0,5 e


b = 0,1. Sorteie um valor de x* e um valor de y* que estejam contidos entre os valores
mínimos e máximos de x e y, respectivamente. Calcule os valores máximos dos erros
absolutos e relativos das operações abaixo listadas e verifique se os erros destas mesmas
operações aplicadas aos valores sorteados de x e y estão contidos dentro destes limites.
x
(a) x + y; (b) x – y; (c) x  y ; (d) ; (e) x k com k > 0; (f) x k com k < 0;
y
(g) ln(x); (h) e x ; (i) cos(x) ; (j) sen(x); (k) tg(x – 1).

x* = 2,19 e y* = 1,72 (sorteados)


a) EA = 0,15 < 0,60 ER = 3,99 < 15,96%
b) EA = 0,24 < 0,60 ER = 98,19 < 250%
c) EA = 0,25 < 1,13 ER = 6,98 < 32,10%
d) EA = 0,14 < 0,37 ER = 12,38 < 32,53%
e) EA = 0,04 < 0,12 ER = 3,12 < 9,14%
f) EA = 0,02 < 0,08 ER = 3,02 < 10,06%
g) EA = 0,09 < 0,29 ER = 13,28 < 41,50%
h) EA = 1,57 < 4,79 ER = 21,27 < 64,87%
i) EA = 0,17 < 0,49 ER = 40,03 < 117%
LISTA DE EXERCÍCIOS – GABARITO 3

j) EA = 0,10 < 0,31 ER = 10,63 < 34,18%


k) EA = 0,94 < 12,5 ER = 60,39 < 805,44%

6. Refaça o Exercício 5 sabendo-se que no lugar dos erros absolutos são conhecidos os erros
relativos de x e y iguais, respectivamente, a 20% e 15%.

x* = 2,02 e y* = 1,96 (sorteados)


a) EA = 0,23 < 0,66 ER = 6,05 < 17,66%
b) EA = 0,18 < 0,66 ER = 74,74 < 276,67%
c) EA = 0,45 < 1,34 ER = 12,91 < 38,00%
d) EA = 0,11 < 0,47 ER = 9,28 < 41,18%
e) EA = 0,01 < 0,09 ER = 0,40 < 7,17%
f) EA = 0,01 < 0,13 ER = 1,19 < 25,00%
g) EA = 0,01 < 0,22 ER = 1,73 < 32,19%
h) EA = 0,18 < 3,63 ER = 2,44 < 49,18%
i) EA = 0,02 < 0,39 ER = 5,24 < 92,98%
j) EA = 0,01 < 0,23 ER = 1,13 < 25,72%
k) EA = 0,07 < 12,5 ER = 4,54 < 805,44%

Você também pode gostar