Você está na página 1de 1

RELAÇÕES INTERNACIONAIS

O Brasil na Unifil (Líbano)

Fragata brasileira atua no Líbano, em missão das Nações Unidas, para ajudar a impedir a entrada de armamentos no país pelo
mar

As Forças Armadas (/index.php/forcas-armadas) brasileiras estão desde 2011 no comando da missão


de paz da Força-Tarefa Marítima (FTM) da Força Interina das Nações Unidas no Líbano
(http://www.un.org/en/peacekeeping/missions/unifil/) (UNIFIL). A Marinha do Brasil
(/index.php/forcas-armadas/marinha-do-brasil) mantém um navio e uma aeronave orgânica na costa
libanesa com o objetivo de impedir a entrada de armas ilegais e contrabandos naquele país, além de
contribuir para o treinamento da Marinha libanesa, de modo que a mesma possa conduzir suas
atribuições de forma autônoma.

Criada pelo Conselho de Segurança (CS) em 1978, originalmente se propôs a restaurar a segurança e
paz internacional, assegurar a retirada de tropas israelenses da região meridional libanesa e assistir
o governo do Líbano na restauração de sua autoridade.

Após a crise de 2006 entre as Forças de Israel e o Hezbollah, além de reforçar a capacidade da missão,
o CS adicionou ao mandato original as tarefas de monitorar a cessação das hostilidades, de apoiar o
desdobramento das forças armadas libanesas em todo o Sul do país e estender sua assistência de
modo a garantir acesso humanitário à população civil e permitir o retorno seguro e voluntário dos
deslocados.

Contingente Brasileiro na UNIFIL: