Você está na página 1de 34

05:08-53

Edição 2 pb

Caixa de mudanças (velocidades)


automática ZF

ZF 4/5HP500, 590 e 600

Descrição de serviço

© Scania CV AB 2000, Sweden


1 712 633
Índice

Índice
Prefácio ...................................................................................3
Normas de segurança ................................................3

Reboque ...................................................................................4

Posição do componente ...................................................................................5

Ferramentas especiais ...................................................................................6

Substituição dos sensores e válvulas


solenóide ...................................................................................9

Substituição dos sensores de


freqüência .................................................................................12

Substituição da vedação do flange


de acoplamento Remoção .................................................................16
Instalação ................................................................18

Substituição do acumulador .................................................................................20

Substituição do potenciômetro da
válvula do freio (travão) de serviço .................................................................................22

Ajuste básico do potenciômetro da


válvula do freio (travão) de serviço .................................................................................24

Verificação e ajuste do sensor de


ativação do acelerador .................................................................................25

Substituição do seletor do modo de


condução .................................................................................28

Substituição do interruptor do
retardador .................................................................................28

Verificação do nível de óleo .................................................................................29

Troca de óleo e substituição do filtro .................................................................................32

© Scania CV AB 2000, Sweden


2 05:08-53
Prefácio

Prefácio

Este módulo contém instruções para serviços qualquer responsabilidade por danos ou custos
mecânicos mais simples em caixas de mudanças ocorridos devido à execução incorreta do
(velocidades) automáticas ZF 4/5HP500, 590 e serviço ou uso de peças não originais.
600. Essas caixas são fabricadas pela ZF. As
Por isso, é importante ler esse módulo
caixas de mudanças (velocidades) são muito
atentamente.
semelhantes e as diferenças existentes são de
pouca importância para as finalidades desta
descrição.
Se houver suspeitas de que há uma falha
(avaria) na caixa de mudanças (velocidades), o
veículo deve ser conduzido para a oficina da
Scania mais perto. O pessoal da oficina da
Scania tem o treinamento e o equipamento
adequado para estabelecer se a falha (avaria) se
encontra na caixa, na sua unidade de comando
ou em outro lugar. Uma vez que a falha (avaria)
foi localizada com precisão, eles podem decidir
sobre qual a ação mais adequada a tomar.
Como a Scania não fabrica essas caixas de
mudanças (velocidades), ela não pode assumir
responsabilidade completa pelo serviço delas.
Esse módulo descreve o serviço que cai dentro
da área de responsabilidade da Scania e que
pode ser efetuado pela maioria das oficinas. Para
grandes reparações ou recondicionamento, favor
consultar a organização de serviço de ZF.

Normas de segurança
A pessoa encarregada de executar o serviço na
caixa de mudanças (velocidades) tem a
responsabilidade de garantir que o serviço seja
executado de forma segura e correta.
Para evitar ferimentos pessoais e danos nos
produtos, é vital seguir tanto as instruções
fornecidas como os regulamentos de segurança
aplicáveis.
A pessoa executando o serviço na caixa de
mudanças (velocidades) deve primeiro obter
conhecimento suficiente sobre como o serviço
deve ser executado e como os riscos potenciais
devem ser evitados.
Nem a Scania nem a ZF podem assumir

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 3
Reboque

Reboque
Desconecte a conexão (ligação) elétrica da
caixa de mudanças (velocidades) (conector
(ficha) Cannon).
Use uma haste de reboque quando estiver
rebocando.
Não é possível ligar o motor enquanto reboca.

IMPORTANTE! A caixa de mudanças


(velocidades) não é lubrificada quando o veículo
está sendo rebocado, porque a bomba de óleo
requer que o motor esteja funcionando.

• Se a caixa de mudanças (velocidades) não Posição do conector (ficha) Cannon em ônibus


estiver danificada, o ônibus (autocarro) (autocarros) K/L.
pode ser rebocado com o motor desligado, a
caixa de mudanças (velocidades) na neutral
e a árvore (veio) de transmissão no lugar. É
permitido fazer o reboque por, no máximo,
2 horas na velocidade baixa do veículo,
25 km/h.
• Se a caixa de mudanças (velocidades)
estiver danificada, o ônibus (autocarro)
pode ser rebocado, mas a árvore (veio) de
transmissão ou ambos os eixos motrizes
devem ser removidos, ou as rodas motrizes
levantadas.
Quando rebocar o veículo com o motor
desligado, verifique se o freio de Posição do conector (ficha) Cannon em ônibus
estacionamento (travão de mão) não está (autocarros) N.
aplicado.
Quando o motor não está em funcionamento,
não há função de servo da direção e pressão de
frenagem (travagem).
Lembre-se de que equipamentos tais como
ventiladores (ventoinhas) e iluminação usam
muita energia e podem esvaziar a bateria em
uma ou duas horas.
Siga as instruções para rebocar no Manual de
instruções.

© Scania CV AB 2000, Sweden


4 05:08-53
Posição do componente

Posição do componente

6 7

5 4 9
8

11 10
1
2
3

118 441

1 Unidade de comando da caixa de mudanças


(velocidades)
2 Unidade de comando do ABS
3 Unidade de comando do retardador
4 Caixa de mudanças (velocidades)
5 Sensor de ativação do acelerador
6 Luz-piloto (de aviso) da temperatura do óleo
7 Seletor do modo de condução
8 Alavanca de retardador com lâmpada
indicadora
9 Interruptor de operação automática do
retardador. A posição alternativa do
interruptor fica na unidade elétrica central
10 Sensor do pedal do acelerador (sob o
assoalho (piso))
11 Válvula do freio (travão) de serviço (sob o
assoalho (piso))

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 5
Ferramentas especiais

Ferramentas
especiais

Número Descrição Ilustração Painel de


ferramentas
82 303 Adaptador

82 320 Chapa 82 320

112 653

87 596 Extrator 87 596 D2

00 1610

98 405-1 Suporte com mandril F1

98 405-2 Suporte com mandril F1

98 450 Mandril R2, AD2, AM1


00 1633

98 450

99 001 Adaptador roscado 99 001 AD1


00 1562

99 003 Cilindro hidráulico 99 003 H1


109 403

© Scania CV AB 2000, Sweden


6 05:08-53
Ferramentas especiais

Número Descrição Ilustração Painel de


ferramentas
99 004 Bomba hidropneumática 99 004
H1

110 188
99 005-1 Adaptador 99 005−1 H1

111 423
99 006 Fuso roscado 99 006
H1

110 189
99 012 Fuso 99 012 H1
109 431

99 040 Adaptador de montagem 99 040


110 995

99 124 Extrator 99 124


110 253

99 129 Apoio 99 129


00_1616

99 160 Mandril 99 160


108 783

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 7
Outras ferramentas

Outras ferramentas
Número Descrição
548 010 Composto de vedação
587 084 Chave dinamométrica
587 313 Macaco de caixa de mudanças (velocidades) ou grua de componentes 587 500.
587 538 Indicador de temperatura
ZF 1P01 137 833 Ferramenta de medição, ferramenta ZF.
ZF 1x56 136 824 Mandril, ferramenta ZF

Se não tiver disponível a ferramenta ZF 1P01


137 833, é possível fabricar uma ferramenta de
medição localmente. O diâmetro da barra deve
ser 16 mm e o comprimento aproximadamente
35 mm e com um anel de segurança de
15,7 x 1 mm.

© Scania CV AB 2000, Sweden


8 05:08-53
Sensores e válvulas solenóide

Substituição dos sensores e válvulas solenóide

Serviço de preparação
Para verificar válvulas solenóide e sensores, Válvulas solenóide do retardador
veja a seção 05 do Manual de serviço, Caixa de
mudanças (velocidades) automática, IMPORTANTE! Despressurize o sistema de ar
ZF 4/5HP500, 590 e 600, Diagnóstico de falhas comprimido quando trabalhar nas válvulas
(avarias). solenóide do retardador e acumulador.

IMPORTANTE! Substitua sempre os anéis de


vedação-O (O-rings) ou as arruelas (anilhas)
de cobre antes de instalar componentes.

Pinhão do velocímetro
• Quando for substituir o pinhão mecânico
para o velocímetro, você deve mencionar o
número de dez dígitos na placa de
identificação da caixa de mudanças
(velocidades) quando encomendar peças de
reposição.
• A folga axial deve ser 0,1 – 0,3 mm, que é
medida com um compasso deslizante.
• A folga deve ser 0,1 – 0,2 mm, que é
verificada manualmente.

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 9
Sensores e válvulas solenóide

Componentes
Pos. Descrição Observações
1 Válvula solenóide do retardador Marque as conexões (ligações) pneumáticas e elétricas da
V503 válvula solenóide.
2 Válvula solenóide do retardador Marque as conexões (ligações) pneumáticas e elétricas da
V504 válvula solenóide.
3 Regulador de pressão para ajuste -
do retardador 1
4 Regulador de pressão para ajuste -
do retardador 2
5 Regulador de pressão para ajuste -
do retardador 3
6 Conexões (Ligações) elétricas -
7 Conexões (Ligações) -
pneumáticas
8 Parafuso Momento (Binário) de aperto: 23 Nm.
9 Parafuso Momento (Binário) de aperto: 23 Nm.
10 Válvula solenóide do acumulador -
V502
11 Anel de vedação-O (O-ring) IMPORTANTE! Substitua o anel de vedação-O (O-ring).
Lubrifique o anel de vedação-O (O-ring) com óleo da
transmissão automática.
12 Parafuso Momento (Binário) de aperto: 23 Nm.
13 Válvula solenóide do retardador -
V501
14 Anel de vedação-O (O-ring) IMPORTANTE! Substitua o anel de vedação-O (O-ring).
Lubrifique o anel de vedação-O (O-ring) com óleo da
transmissão automática.
15 Sensor de temperatura T505 Momento (Binário) de aperto: 35 Nm.
16 Arruela (Anilha) de cobre IMPORTANTE! Substitua a arruela (anilha) de cobre.
17 Trava (Trinco) da conexão Puxe para fora a trava (trinco) antes de desconectar a
(ligação) elétrica conexão (ligação) elétrica.
18 Sensor do velocímetro T20 -
19 Pinhão mecânico do velocímetro. Remova a conexão (ligação) elétrica e o sensor do
velocímetro. Assegure-se de que a arruela (anilha) de
cobre também seja removida. Momento (Binário) de
aperto: 120 Nm. Consulte o Serviço de preparação.
20 Arruela (Anilha) de cobre IMPORTANTE! Substitua a arruela (anilha) de cobre.

© Scania CV AB 2000, Sweden


10 05:08-53
Sensores e válvulas solenóide

Sensores e válvulas da caixa de mudanças (velocidades)

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 11
Sensores de freqüência

Substituição dos sensores de freqüência


Árvore (Veio) secundária ou sensor de freqüência da turbina

Nota: Quando substituir o sensor de freqüência


da turbina, drene o óleo da caixa de mudanças
(velocidades) e remova o cárter de óleo.

• Quando substituir o sensor de freqüência


da árvore (veio) secundária ou o da turbina,
remova a árvore (veio) de transmissão.
Consulte o grupo 6 do Manual de serviço.
Isso é para permitir que a árvore (veio)
secundária seja girada com a ajuda do
acionador.
• A distância entre os sensores de freqüência
e os pulsadores deve ser 0,6 - 0,8 mm, que
é medida com um compasso deslizante ou
a ferramenta de medição ZF 1P01 137 833.
• Quando instalando o sensor, gire o
acionador até o pulsador em questão estar
na posição correta.

IMPORTANTE! Após instalar o sensor de


freqüência da árvore (veio) secundária "nAB"
ou o da turbina "nT", gire o pulsador 2-3 voltas
para verificar se o sensor de freqüência não
toca no pulsador.

© Scania CV AB 2000, Sweden


12 05:08-53
Sensores de freqüência

Arruelas (Anilhas) de ajuste do sensor de freqüência

Para calcular a espessura adequada, medição


"D" na arruela (anilha) de ajuste ou uma
combinação de arruelas (anilhas) de ajuste, use
a fórmula D = (A + C) -B. Selecione, em
seguida, a arruela (anilha) de ajuste adequada
ou uma combinação de arruelas (anilhas) de
ajuste.

Tamanho Número de peça ZF


0,6 mm 0730 003 049
0,8 mm 0730 003 050
1,0 mm 0730 003 069
1,2 mm 0730 003 068
1,4 mm 0730 003 067
1,8 mm 0730 003 066
2,0 mm 0730 003 065
2,2 mm 0730 003 064
2,4 mm 0730 003 063
2,6 mm 0730 003 062
2,8 mm 0730 003 061
3,0 mm 0730 003 300

Coloque as arruelas (anilhas) de ajuste no


sensor de freqüência. Se for necessário, aplique
um pouco de óleo de temperatura alta (n° de
peça 33 243) nas arruelas (anilhas) de ajuste
para mantê-las no lugar correto no sensor
durante a instalação.

IMPORTANTE! Não deve-se nunca usar graxa


(massa) dentro das caixas de mudanças
(velocidades) automáticas.

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 13
Sensores de freqüência

Componentes
Pos. Descrição Observações
1 Porca Momento (Binário) de aperto: 6 Nm.
2 Tampa -
3 Anel de vedação-O IMPORTANTE! Substitua o anel de vedação-O (O-ring).
(O-ring) Lubrifique o anel de vedação-O (O-ring) com óleo da transmissão
automática.
4 Prisioneiro -
5 Sensor de freqüência da IMPORTANTE! Assegure-se de que todas as arruelas (anilhas)
árvore (veio) secundária de ajuste também sejam removidas. Momento (Binário) de
aperto: 50 Nm.
6 Arruelas (Anilhas) de Verifique as dimensões durante a instalação; consulte as Arruelas
ajuste (Anilhas) de ajuste do sensor de freqüência.
7 Cárter de óleo da caixa de Remova a prateleira com a ajuda da grua de componentes 587 500
mudanças (velocidades). ou o macaco de caixa de mudanças (velocidades) 587 313 e as
ferramentas 98 405-1, 98 405-2 e 82 320. Momento (Binário) de
aperto: 23 Nm.
8 Bujão Momento (Binário) de aperto: 90 Nm.
9 Sensor de freqüência da IMPORTANTE! Assegure-se de que todas as arruelas (anilhas)
turbina de ajuste também sejam removidas. Meça a dimensão B com a
ferramenta ZF 1P01 137 833 durante a instalação; consulte
Outras ferramentas e Arruelas (Anilhas) de ajuste do sensor de
freqüência. Momento (Binário) de aperto: 50 Nm.
10 Arruelas (Anilhas) de Verifique as dimensões durante a instalação; consulte as Arruelas
ajuste (Anilhas) de ajuste do sensor de freqüência.
11 Parafuso 2 parafusos para o cárter de óleo mais próximo do motor são
instalados com arruelas (anilhas) de cobre e devem ser
substituídos durante a instalação. Os parafusos restantes são
instalados com arruelas (anilhas) de aço. Momento (Binário) de
aperto: 23 Nm.

© Scania CV AB 2000, Sweden


14 05:08-53
Sensores de freqüência

Substituição dos sensores de freqüência

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 15
Acionador

Substituição da vedação do flange de acoplamento

Remoção
• Remova a árvore (veio) de transmissão.
Consulte o grupo 6 do Manual de serviço.

IMPORTANTE! Tome cuidado para não


danificar as estrias da árvore (veio) secundária
ou do acionador.

Componentes
Pos. Descrição Observações
1 Trava (Bloqueio) de segurança Use um corta-frio para remover a trava (bloqueio) de
segurança
2 Parafuso Use 98 450 e 99 129 como uma ferramenta de
imobilização.
3 Placa de pressão Retire a placa de pressão com um martelo de plástico.
4 Flange de acoplamento Marque a posição do flange de acoplamento em relação
à árvore (veio) secundária. Use as ferramentas 99 001,
99 003, 99 006, 99 124 e a bomba hidropneumática
99 004.
5 Anel de vedação Use a ferramenta 87 596. IMPORTANTE! Tome
cuidado para não danificar a superfície onde o anel de
vedação está situado.

© Scania CV AB 2000, Sweden


16 05:08-53
Acionador

Remoção do acionador e da vedação

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 17
Acionador

Instalação

IMPORTANTE! Tome cuidado para não


danificar as estrias da árvore (veio) secundária
ou do acionador.

• Aqueça o flange de acoplamento até


100-110°C. Verifique a temperatura usando
o indicador 587 538. Não aqueça o flange de
acoplamento ainda mais porque isso
danificaria o anel de vedação.
Componentes
Pos. Descrição Observações
1 Árvore (Veio) secundária Instale os adaptadores 82 303 e 99 040.
2 Anel de vedação IMPORTANTE! Não lubrifique o anel de vedação
com graxa (massa) ou óleo, porque isso poderia
resultar em vazamento (fuga). Use a ferramenta ZF
1x56 136 824. A distância do mancal até a extremidade
exterior do anel de vedação deve ser 14 - 15 mm.
3 Flange de acoplamento Aqueça o flange de acoplamento até 100-110°C.
Aplique óleo nas estrias. Instale o flange de
acoplamento usando as ferramentas 99 003, 99 004,
99 005-1 e 99 012.
4 Placa de pressão Aplique composto de vedação 584 010.
5 Parafuso IMPORTANTE! Substitua os parafusos. Use 99 129
e 98 450 como ferramenta de imobilização. Momento
(Binário) de aperto 60 Nm; use a chave dinamométrica
587 084.
6 Trava (Bloqueio) de segurança IMPORTANTE! Substitua a trava (bloqueio) de
segurança. Insira a trava (bloqueio) de segurança com
os mandris 99 160 e 98 450.

© Scania CV AB 2000, Sweden


18 05:08-53
Acionador

Instalação da vedação e do acionador

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 19
Acumulador

Substituição do
acumulador

IMPORTANTE! Despressurize o sistema de


ar comprimido antes de trabalhar nas
válvulas solenóide do retardador e
acumulador.

IMPORTANTE! Substitua sempre os anéis


de vedação-O (O-rings) ou as arruelas
(anilhas) de cobre antes de instalar os
componentes.

Pos. Descrição Observações


1 Parafuso Momento (Binário) de aperto: 23 Nm.
2 Válvula solenóide do acumulador V502 Marque as conexões (ligações)
pneumáticas e elétricas da válvula
solenóide.
3 Parafuso Momento (Binário) de aperto: 23 Nm.
4 Porca Momento (Binário) de aperto: 23 Nm.
5 Parafuso Allen Momento (Binário) de aperto: 23 Nm.
6 Acumulador -
7 Anel de vedação-O (O-ring) IMPORTANTE! Substitua os anéis de
vedação-O (O-rings). Lubrifique os anéis
de vedação-O (O-rings) com óleo da
transmissão automática.

© Scania CV AB 2000, Sweden


20 05:08-53
Acumulador

Substituição do acumulador

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 21
Válvula do freio (travão) de serviço

Substituição do potenciômetro da válvula do freio


(travão) de serviço
O potenciômetro está localizado na carcaça
(alojamento) do microinterruptor em cima da
carcaça (alojamento) da válvula do freio
(travão) de serviço.
Despressurize o sistema de ar comprimido.

Pos. Descrição Observações


1 Conexões (Ligações) pneumáticas Marque os tubos respectivos.
2 Conector (Ficha) -
3 Chapa inferior Retire o pedal de freio (travão) e a válvula do freio
(travão) de serviço como um conjunto.
4 Parafuso -
5 Anel de segurança -
6 Tampa -
7 Mola -
8 Parafuso -
9 Conexão (Ligação) de cabo IMPORTANTE! Os microinterruptores ficam no lado
interior. Tome cuidado para não quebrar as suas abas.
10 Microinterruptores
11 Potenciômetro Anote a cor dos cabos e como eles devem ser
conectados.

© Scania CV AB 2000, Sweden


22 05:08-53
Válvula do freio (travão) de serviço

Substituição do potenciômetro da válvula do freio (travão) de serviço

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 23
Válvula do freio (travão) de serviço

Ajuste básico do potenciômetro da válvula do freio


(travão) de serviço
O potenciômetro está localizado na carcaça
(alojamento) do microinterruptor em cima da
carcaça (alojamento) da válvula do freio
(travão) de serviço.
Ajuste o potenciômetro com a ajuda do parafuso
de ajuste que afeta a posição do potenciômetro
na carcaça (alojamento) de válvula.

IMPORTANTE! Para poder acessar o parafuso


de ajuste, o pedal de freio (travão) e a válvula do
freio (travão) de serviço devem ser removidos
como um conjunto, e a seguir a chapa inferior do
pedal de freio (travão) deve ser removida da
carcaça (alojamento) do microinterruptor.

Após o ajuste, verifique os sinais de frenagem


(travagem). Consulte o grupo 5, Caixa de
mudanças (velocidades) automática,
ZF 4/5HP500, 590 e 600, Diagnóstico de falhas
(avarias).
Condições:
• O potenciômetro deve ser conectado à
unidade de comando do retardador.
• O pedal de freio (travão) deve ser
totalmente solto.
• A válvula do freio (travão) deve ser
fornecida com pressão de ar cheia.
Ajuste
1 Conecte um voltímetro entre o pino 9 na
unidade de comando do retardador e a
massa.
2 O sinal de saída do potenciômetro deve ser
0,12-0,5 V. Ajuste, se necessário.

© Scania CV AB 2000, Sweden


24 05:08-53
Sensor de ativação do acelerador

Verificação e ajuste do sensor de ativação do acelerador

Nota: Aplicável apenas para o veículo com


comando mecânico do acelerador.
2 1

IMPORTANTE! Se o sensor de ativação do


acelerador for ajustado incorretamente, a caixa
de mudanças (velocidades) poderá ser
danificada.

O ajuste do sensor de ativação do acelerador


deve ser verificado:
• após o serviço ou reparação no motor ou na

104 695
caixa de mudanças (velocidades).
4 3
• no caso de mudança de marcha (velocidade)
dura ou tempos de troca de marcha 1 Sensor de ativação do acelerador
(velocidade) muito longos. 2 Bomba injetora
Condições 3 Cabo do acelerador
4 Tirante
1 O motor e a caixa de mudanças
(velocidades) devem estar na temperatura de
operação.
2 A marcha lenta (ralenti) do motor e a
aceleração máxima devem estar ajustadas
corretamente. Consulte o grupo 14 do 4 Desligue o interruptor de força principal.
Manual de serviço, Comando mecânico do
acelerador, Descrição de funcionamento e
de serviço.
3 O comando do acelerador deve estar
ajustado corretamente. Quando o pedal está
solto, a alavanca da bomba deve apoiar no
batente de marcha lenta (ralenti) e quando o
pedal está totalmente pressionado, mas não
na posição de kickdown, a alavanca deve
apoiar no batente de aceleração máxima.

! ATENÇÃO!

Desligue o interruptor de força principal.


Do contrário, haverá risco de choques
elétricos porque o sensor de ativação do
acelerador está posicionado perto das
conexões (ligações) elétricas no motor
de partida (arranque).

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 25
Sensor de ativação do acelerador

5 Sinta com os dedos para verificar se a marca


no lado de trás da alavanca do sensor de
ativação do acelerador está alinhada com a
marca de marcha lenta (ralenti) na carcaça
(alojamento).

103 894
Requer duas pessoas
6 Pressione e mantenha a alavanca da bomba

103 893
em direção ao batente de aceleração máxima.
Alternativamente, peça a um colega pisar no
pedal do acelerador até a aceleração máxima, Sensor de ativação do acelerador, posição de
mas não na posição de kickdown, e manter o marcha lenta (ralenti)
pedal lá.

7 Verifique se a marca na alavanca está alinhada


com a marca de aceleração máxima na
103 895

carcaça (alojamento)
8 Ajuste, se necessário.
Sensor de ativação do acelerador, posição de
aceleração máxima

© Scania CV AB 2000, Sweden


26 05:08-53
Sensor de ativação do acelerador

Os valores para a marcha lenta (ralenti) e


aceleração máxima podem ser medidos com a
ajuda de um multímetro usando-se a caixa de
diagnóstico de 55 pinos ZF, n° de peça
1P01 137 834.
Conecte a caixa de diagnóstico de 55 pinos ZF
de acordo com a seção "Instruções de teste" no
grupo 5 do Manual de serviço, Caixa de
mudanças (velocidades) automática. ZF,
ZF 4/5HP500, 590 e 600, Diagnóstico de falhas
(avarias).
• Meça entre a conexão (ligação) 24 (+) e
18 (-) na caixa de diagnóstico de 55 pinos
ZF.
Marcha lenta (ralenti):
• Com marha lenta (ralenti) e pedal do
acelerador totalmente solto.
• O valor deve ser 1,1 - 1,2 V.
Aceleração máxima
• Com aceleração máxima.
• O valor deve ser 3,8 - 4,2 V.

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 27
Seletor do modo de condução, interruptor do retardador

Substituição do seletor do modo de condução


O seletor do modo de condução é instalado com
travas (trincos) prendendo-o no painel de
instrumentos.
• Insira as travas (trincos) e retire o seletor do
modo de condução a partir do lado de trás do
painel de instrumentos.

118 612
Substituição do interruptor do retardador

Os interruptores são instalados com uma trava


(trinco) para prendê-los no painel de instrumentos.

• Empurre a trava (trinco) para baixo para que o


interruptor possa ser pressionado para fora.

© Scania CV AB 2000, Sweden


28 05:08-53
Nível de óleo

Verificação do nível de verificação final na temperatura de operação. O


nível de óleo só pode ser verificado
óleo corretamente na temperatura de operação.
Tanto um nível de óleo muito alto como muito
baixo pode danificar a caixa de mudanças
(velocidades). Se o nível de óleo for muito
baixo, os discos nas embreagens começarão a
deslizar, fazendo com que se desgastem
rapidamente. Se o nível de óleo for muito alto,
ele começará a espumar e superaquecer
(sobreaquecer).

Formas de verificação
O nível de óleo na caixa de mudanças
(velocidades) deve ser verificado pelo menos
uma vez por semana. A verificação pode ser
efetuada sob três condições diferentes:
1 Na temperatura de operação com o motor
funcionando na marcha lenta (ralenti)
(temperatura do óleo 80 - 90°C).
2 Quando o óleo estiver frio e com o motor
funcionando na marcha lenta (ralenti)
(temperatura do óleo 20 - 30°C).
3 O nível será mais alto quando o motor
estiver parado do que quando estiver
funcionando, visto que a bomba de óleo
não está operando. Isso pode ser usado
como uma verificação grosseira após um
período de parada (paragem) longo ou
após a troca de óleo para garantir que haja
óleo na caixa de mudanças (velocidades)
de modo que o motor possa ser ligado sem
qualquer risco.
Quando for verificar o nível de óleo na
temperatura de operação, o ônibus (autocarro)
deve primeiro ser conduzido por aprox.
30 minutos, durante o qual as marchas
(velocidades) devem ser mudadas
repetidamente. A caixa de mudanças
(velocidades) terá então atingido a temperatura
de operação, mesmo se a temperatura exterior
estiver bem abaixo de 0°C.

IMPORTANTE! O que vale é o nível de óleo


na temperatura de operação. Se o nível de óleo
for verificado com o óleo frio, p. ex., após um
período de parada (paragem) longo ou após
uma troca de óleo, deve-se fazer uma

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 29
Nível de óleo

Vareta de nível Verificação com óleo frio


A vareta de nível está localizada no tubo de • Temperatura do óleo 20 - 30°C.
abastecimento de óleo. Para poder acessar o bocal
para óleo, abra a tampa traseira ou remova a • O seletor do modo de condução deve estar na
tampa no assoalho (piso), conforme o tipo de posição N.
ônibus (autocarro).
Ligue e deixe o motor funcionar na marcha lenta
(ralenti) por 3 - 5 minutos.
IMPORTANTE! A limpeza é extremamente
importante. A caixa de mudanças (velocidades) é O nível de óleo deve estar entre as duas marcas
muito sensível a contaminações. Limpe a vareta inferiores, "cold" ou "30°C".
de nível e a área em sua volta.
Se o óleo não atingir a marca inferior, deve-se
encher de óleo imediatamente.
Verifique sempre o nível de óleo sob as
condições básicas a seguir: Verifique o nível de óleo na temperatura de
operação como descrito acima.
• O ônibus (autocarro) deve estar em uma
superfície nivelada.
• O freio de estacionamento (travão de mão)
deve estar aplicado.
Remova e enxugue a vareta de nível. Insira a
vareta de nível novamente, puxe para fora e leia o
nível de óleo.

Verificação na temperatura de
operação
• Temperatura do óleo 80 - 90°C.
• O motor deve estar funcionando na marcha
lenta (ralenti).
• O seletor do modo de condução deve estar na
posição N.
O nível de óleo deve estar entre as duas marcas
superiores, "hot" ou "85°C". O nível de óleo deve
estar perto da marca superior após o
abastecimento.
Encha ou drene o óleo, conforme necessário.
1 litro de óleo corresponde à aproximadamente
10 mm na vareta de nível.

© Scania CV AB 2000, Sweden


30 05:08-53
Nível de óleo

A Posição da vareta de nível em ônibus


(autocarros) K/L
B Posição da vareta de nível em ônibus
(autocarros) N
1 Marcas para verificação na temperatura de
operação
2 Marcas para verificação com óleo frio

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 31
Óleo e filtro

Troca de óleo e
substituição do filtro
O óleo da transmissão automática deve ser
trocado a intervalos recomendados no programa
de manutenção no grupo 0 do Manual de
serviço.
Qualidade de óleo
• ATF Dexron II D
• Ou de acordo com as recomendações de ZF.
O filtro deve ser substituído a cada troca de óleo.
Troque o óleo enquanto o motor está na
temperatura de operação.

IMPORTANTE! A limpeza é extremamente


importante. A caixa de mudanças (velocidades)
é muito sensível a contaminações.

1 Limpe em volta do bujão de óleo e da tampa


do filtro de óleo. 1 Bujão do óleo
2 Tampa do filtro de óleo
IMPORTANTE! Ajude a proteger o meio
ambiente. Use um recipiente adequado quando
trocar o óleo.

1 Coloque um recipiente adequado embaixo.


Desaparafuse o bujão do óleo, não se
esquecendo de retirar também a arruela
(anilha) de cobre.
Permita que todo o óleo seja drenado.

! ATENÇÃO!

Cuidado com o óleo quente. Use luvas e


óculos de proteção durante a troca de óleo.

2 Remova a tampa.
Remova o filtro velho e jogue fora.
104 699

© Scania CV AB 2000, Sweden


32 05:08-53
Óleo e filtro

3 Se o tubo de sucção sair juntamente com o


filtro, jogue o anel de vedação-O (O-ring)
do tubo fora. Se esse for o caso, instale um
anel de vedação-O (O-ring) novo no assento
na caixa de mudanças (velocidades) e
reinstale a seguir o tubo de sucção.

104 701
4 Verifique se o anel de vedação-O (O-ring)
no filtro de óleo novo está no lugar correto e
não está danificado. Verifique se as 1
superfícies de contato estão limpas e não
estão danificadas.
Aplique um pouco de óleo da transmissão
automática no anel de vedação-O (O-ring) e
instale o filtro.
5 Instale um anel de vedação-O (O-ring) novo
na tampa.
Instale a tampa e aperte os parafusos a 2
23 Nm.
Instale o bujão de óleo junto com uma
arruela (anilha) de cobre nova.
Aperte a 50 Nm.
104 702

1 Anel de vedação-O (O-ring) do filtro


2 Anel de vedação-O (O-ring) da tampa

© Scania CV AB 2000, Sweden


05:08-53 33
Óleo e filtro

6 Remova a tampa no assoalho (piso) sobre a


caixa de mudanças (velocidades) em ônibus
(autocarros) K/L.
Abra a tampa traseira em ônibus
(autocarros) N.
Limpe a vareta de nível e a área em sua
volta.

Capacidade do óleo aprox. 15 litros

104 703
Posição da vareta de nível em ônibus
(autocarros) K/L
IMPORTANTE! A limpeza é extremamente
importante. A caixa de mudanças (velocidades)
é muito sensível a contaminações.

103 855
Posição da vareta de nível em ônibus
7 Remova a vareta de nível. (autocarros) N
Despeje no máximo 10 litros de óleo da
transmissão automática.
8 Ligue o motor e deixe ele funcionar na
marcha lenta (ralenti).
Imediatamente após isso, comece a despejar
devagar aproximadamente 4 litros de ATF.

9 Verifique o nível de óleo com o óleo frio


conforme descrito na seção "Verificação
com óleo frio".
10 Conduza o ônibus (autocarro) até a caixa de
104 700

mudanças (velocidades) ter atingido a


temperatura de operação e verifique o nível
de óleo de acordo com a seção "Verificação
com óleo quente".

© Scania CV AB 2000, Sweden


34 05:08-53