Você está na página 1de 13

Diário Oficial Eletrônico

Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

Diário Oficial Eletrônico


Edição Extraordinária
Caderno do Poder Executivo
Edição 594, Ano 3 – 08/04/2020

Sumário
Lei n° 3.539, de 7 de Abril de 2020 ................................................................................. 2
Lei n° 3.540, de 7 de Abril de 2020 ................................................................................. 2
Decreto nº 3.781, de 7 de Abril de 2020.......................................................................... 3
Decreto nº 3.782 de 8 de Abril de 2020........................................................................... 4
Decreto nº 3.783, de 8 de Abril de 2020.......................................................................... 7
Decreto nº 3.784, de 8 de Abril de 2020.......................................................................... 8
Portaria n.º 147, de 08 de Abril de 2.020 – SEMS ........................................................... 9
Portaria n.º 148, de 08 de Abril de 2.020 – SEMS ......................................................... 11

1
Página

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

ATOS DO PODER EXECUTIVO

Lei n° 3.539, de 7 de Abril de 2020


Autoriza abertura de Crédito Adicional Especial no Orçamento Geral do Município e dá outras
providências.
A Câmara Municipal de São José dos Pinhais, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito
Municipal, sanciono a seguinte Lei:
Art. 1º Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir no Orçamento Geral vigente, no
Programa de Trabalho, os elementos de despesa conforme especificados nesta Lei.
Art. 2º Fica o Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito Adicional Especial no Orçamento
Geral para o exercício de 2020 no valor de R$ 652.593,75 (seiscentos e cinqüenta e dois mil,
quinhentos e noventa e três reais e setenta e cinco centavos), conforme especificado abaixo:
07000 Secretaria Municipal de Saúde
07002 FMS/ Departamento Ambulatorial
010.122.0004.1437 Enfrentamento do Coronavírus – COVID 19
3.3.90.30.00.00.00 0100494 Material de Consumo R$ 602.593,75
3.3.90.39.00.00.00 0100494 Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica R$ 50.000,00
Art. 3º Para dar cobertura ao Crédito Adicional Especial referido no artigo anterior, com base nos
termos do art. 41, inciso II, art. 42 e art. 43, § 1º, inciso II da Lei Federal nº 4.320, de 17 de
março de 1964, será tomado como recurso o provável Excesso de Arrecadação dos recursos
constante da Resolução SESA nº 363/2020 – Realocação de Recursos Financeiros para o
Enfrentamento da Emergência em Saúde Pública decorrente do Coronavírus Covid 19, que será
acolhido com o código de receita 1.7.2.8.03.1.1.04.00.00.00.00 Enfrentamento Coronavírus
(COVID-19) RES SESA nº 363/2020.
Art. 4º A abertura efetivada por este instrumento tem como justificativa adequação orçamentária
em relação às ações em combate ao COVID-19. Art. 5º Considerando o disposto no art.
11, do Decreto Municipal nº 3.726/2020 que determina a tramitação em “regime de urgência e
prioridade absoluta em todas as unidades administrativas pertencentes a este Poder Executivo
Municipal”.
Art. 6º Ficam alterados o Anexo I da Lei nº 3.330, de 16 de julho de 2019, e o Anexo III da Lei nº
2.948, de 13 de dezembro de 2017, nos termos do artigo 166, § 3º, inciso I, da Constituição
Federal.
Art. 7º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
Gabinete do Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, 7 de abril de 2020.

Antonio Benedito Fenelon


Prefeito Municipal

Rafael Rueda Muhlmann


Secretário Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Econômico

Lei n° 3.540, de 7 de Abril de 2020


Autoriza abertura de Crédito Adicional Especial no Orçamento Geral do Município e dá outras
providências.
A Câmara Municipal de São José dos Pinhais, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito
Municipal, sanciono a seguinte Lei:
2

Art. 1º Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir no Orçamento Geral vigente, no
Página

Programa de Trabalho, o elemento de despesa conforme especificadas nesta Lei.


Art. 2º Fica o Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito Adicional Especial no Orçamento
Geral para o exercício de 2020 no valor de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais), conforme
especificado abaixo:

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

07000 Secretaria Municipal de Saúde


07002 FMS/ Departamento Ambulatorial
010.302.0004.1439 Termo de Ajustamento de Conduta nr 10/2019 – MP/Paraná
3.3.90.30.00.00.00 0100088 Material de Consumo R$ 300.000,00
3.3.90.34.00.00.00 0100088 Outras Desp de Pessoal Decor Contr Terceiriz R$ 700.000,00
Art. 3º Para dar cobertura ao Crédito Adicional Especial referido no artigo anterior, com base nos
termos do art. 41, inciso II, art. 42 e art. 43, § 1º, inciso II da Lei Federal nº 4320, de 17 de março
de 1964, será tomado como recurso o provável Excesso de Arrecadação dos recursos constante
no Termo de Ajustamento de Conduta nº 10/2019 – Ação de Improbidade Administrativa nº
1524-78.2015.8.16.0036 – Ministério Público do Paraná, que será acolhido com o código de
receita 1.9.2.1.01.1.1.01.00.00 – Receita por Dano ao Patrimônio Público TAC Saúde.
Art. 4º A abertura efetivada por este instrumento tem como justificativa adequação orçamentária
em relação ás ações em combate ao COVID-19.
Art. 5º Considerando o disposto no art. 11, do Decreto Municipal nº 3.726/2020 que determina a
tramitação em “regime de urgência e prioridade absoluta em todas as unidades administrativas
pertencentes a este Poder Executivo Municipal”.
Art. 6º Ficam alterados o Anexo I da Lei nº 3.330, de 16 de julho de 2019, e o Anexo III da Lei nº
2.948, de 13 de dezembro de 2017, nos termos do artigo 166, § 3º, inciso I, da Constituição
Federal.
Art. 7º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
Gabinete do Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, 7 de abril de 2020.

Antonio Benedito Fenelon


Prefeito Municipal

Rafael Rueda Muhlmann


Secretário Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Econômico

Decreto nº 3.781, DE 7 DE Abril de 2020

Abre Crédito Adicional Suplementar no valor de


R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais), para
reforço de dotação orçamentária consignada no
orçamento vigente.

O Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, Estado do Paraná ,


usando de suas atribuições legais e com base na Lei Federal nº 4.320, de 17.03.64, na Lei
Municipal nº 3.450, de 10 de dezembro de 2019 e Memorando nº 051/2020 da Secretaria
Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, de 07 de abril de 2020, e,

Considerando que no inciso I, art. 43 da Lei nº 3.330, de 16 de julho de 2019,


que estabelece diretrizes para a elaboração da Lei Orçamentária para o exercício de 2020,
assim como nos parágrafos 1º e 2º, inciso I do art. 5º da Lei nº 3.450, de 10 de dezembro
de 2019, que estima a Receita e fixa a Despesa para o exercício de 2020, autorizam a
abrir Créditos Adicionais Suplementares com recursos do Superávit Financeiro,

D E C R E T A:
3
Página

Art. 1º Fica aberto o Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 500.000,00


(quinhentos mil reais), para reforço da seguinte dotação orçamentária:

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

19000 Secretaria Municipal de Governo


19001 Gabinete do Secretário
004.122.0006.2207 Manter as Atividades Operacionais da Secretaria
3.3.90.30.00.00.00 0300000 Material de Consumo R$ 500.000,00

Art. 2º Para dar cobertura ao Crédito Adicional Suplementar referido no artigo


anterior será tomado como recurso o superávit financeiro apontado em 31.12.2019, com
base nos termos do art. 41, inciso I, art. 42 e art. 43, § 1º, inciso I da Lei Federal nº 4320,
de 17 de março de 1964, o recurso será destinado para ação de combate ao COVID-19 na
aquisição de materiais de proteção individual.

Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Gabinete do Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, 7 de abril de 2020.

Antonio Benedito Fenelon Rafael Rueda Muhlmann


Prefeito Municipal Secretário Municipal de Planejamento e
Desenvolvimento Econômico

Decreto nº 3.782 de 8 de Abril de 2020

Dispõe sobre novas medidas para enfrentamento da emergência


de saúde pública de importância internacional decorrente do
coronavírus – COVID19 e dá outras providências.

O Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, Estado do Paraná, usando de suas
atribuições legais,

CONSIDERANDO a edição dos Decretos Municipais nº 3.726, de 17 de março de 2020 e


alterações e n° 3.728, de 20 de março de 2020 e alterações, mediante os quais foram
estabelecidas medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância
internacional decorrente do coronavírus – COVID-19 e dá outras providências;

CONSIDERANDO o disposto no Decreto Municipal nº 3.769, de 03 de abril de 2020, o


qual Declara Situação de Emergência nas áreas do Município afetadas por Doenças Infecciosas
Virais (15110), e dá outras providências;

CONSIDERANDO o disposto na Lei Federal nº 13.979, de 06 de fevereiro de 2020 e


alterações, que dispõe, em âmbito nacional, sobre as medidas para enfrentamento da
emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus – COVID-
19;

CONSIDERANDO o disposto no Decreto Legislativo Federal nº 6, de 20 de março de


2020, o qual reconhece para fins do art. 65 da Lei Complementar nº 101/2000, a ocorrência do
estado de calamidade pública, nos termos da solicitação do Presidente da República
encaminhada por meio da Mensagem nº 93/2020;
4
Página

CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.230, de 16 de março de 2020 e


alterações, o qual dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública
de importância internacional decorrente do Coronavírus – COVID-19;

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.298, de 19 de março de 2020, que


declara situação de emergência em todo o território paranaense, para fins de enfrentamento e
prevenção à COVID-19;

CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.317, de 21 de março de 2020, e


alterações, que dispõe sobre as medidas para a iniciativa privada acerca do enfrentamento da
emergência de saúde pública de importância decorrente da COVID-19;

CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.319, de 23 de março de 2020, que


declara estado de calamidade pública, como medida para enfrentamento da emergência de
saúde pública de importância internacional decorrente do Coronavírus – COVID-19;

CONSIDERANDO a classificação pela Organização Mundial de Saúde, no dia 11 de


março de 2020, como pandemia do Novo Coronavírus;

CONSIDERANDO a Declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância


Internacional pela Organização Mundial da Saúde em 30 de janeiro de 2020, em decorrência da
Infecção Humana pelo novo COVID-19;

CONSIDERANDO a competência municipal legislar sobre assuntos de interesse local,


conforme preceitua o artigo 30, inciso I, da Constituição Federal, e a Lei Orgânica do Município;
e,

CONSIDERANDO as disposições contidas na Lei Municipal n° 35/91 – Código Sanitário


Municipal e Decreto n° 20/92, o qual Regulamenta do Código Municipal Sanitário, em sendo o
presente Decreto normativa integrante dos regulamentos sanitários;

D E C R E T A:

Art. 1º Este Decreto dispõe sobre novas medidas para enfrentamento da emergência de
saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus-COVID19, bem como
consolida medidas dispostas na legislação federal, estadual e municipal.

Art. 2º O funcionamento dos serviços e atividades consideradas essenciais também


deverão observar as seguintes obrigações:

I – priorização do afastamento, sem prejuízo de salários, de empregados pertencentes a


grupo de risco, tais como pessoas com idade acima de 60 (sessenta) anos, hipertensos,
diabéticos e gestantes;

II – priorização de trabalho remoto para os setores administrativos;

III – adoção de medidas internas, especialmente aquelas relacionadas à saúde no


trabalho, necessárias para evitar a transmissão do coronavírus no ambiente de trabalho,
conforme recomendação dos órgãos nacionais e internacionais de saúde;

IV – estabelecer que as pessoas que acessarem e saírem do estabelecimento façam a


higienização com álcool-gel 70% ou preparações antissépticas ou sanitizantes de efeito similar,
disponibilizando em pontos estratégicos como na entrada do estabelecimento, nos corredores,
balcões e mesas de atendimento dispensadores para uso dos clientes e funcionários;

V - a realização de procedimentos que garantam a higienização contínua do


estabelecimento, intensificando a limpeza das áreas com desinfetantes próprios para a finalidade
5

e realizar frequente desinfecção com álcool 70%, quando possível, sob fricção de superfícies
Página

expostas, como maçanetas, mesas, teclados, mouses, materiais de escritório, balcões,


corrimões, interruptores, elevadores, balanças, banheiros, lavatórios, entre outros;
VI – fornecimento de Equipamentos de Proteção Individual aos funcionários, tais como
máscaras preferencialmente de pano, luvas e álcool 70%.

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

§1° Também são considerados serviços essenciais os serviços de saúde e de interesse


à saúde.

§ 2º A comercialização de alimentos abrange supermercados, mercados, mercearias,


padarias, distribuidoras de alimentos, doces e bebidas, açougues e peixarias.

§ 3º Ficam autorizados o atendimento ao público e a operação nos serviços públicos e


nas atividades essenciais, devendo ser tomadas as medidas internas, especialmente as
relacionadas à saúde no trabalho, necessárias para evitar a transmissão do coronavírus-
COVID19, no ambiente de trabalho e no atendimento ao público.

§ 4º Fica estabelecida a limitação de entrada de pessoas em estabelecimentos que


atendam o público e sejam considerados serviços públicos ou atividades essenciais em 50%
(cinquenta por cento) da capacidade de público dos estabelecimentos.

§5° Ficam os estabelecimentos descritos no caput deste artigo, autorizados a


estabelecer regras mais restritivas de ingresso aos estabelecimentos, como o exemplo o
ingresso de somente uma pessoa por família.

§ 6º Os estabelecimentos de que trata o § 4º deste artigo, deverão providenciar o


controle de acesso, a marcação de lugares reservados aos clientes, bem como o controle da
área externa do estabelecimento, respeitadas as boas práticas, e a distância mínima de 1,5 m
(um metro e cinquenta centímetros) entre cada pessoa.

§7° Deverá ser prestado atendimento preferencial a idosos, hipertensos, diabéticos e


gestantes, garantindo um fluxo ágil de maneira que estas pessoas permaneçam o mínimo de
tempo possível no interior do estabelecimento.

§8° Deverão ser mantidas todas as áreas ventiladas, incluindo caso exista, os refeitórios
de funcionários e locais de descanso.

§9° Nos locais onde há uso de máquina para pagamento com cartão, esta deverá ser
higienizada com álcool 70% ou preparações antissépticas após cada uso.

§10 Nos locais que utilizem quaisquer equipamento que possua painel eletrônico de
contato físico deverão ser higienizados com álcool 70% ou preparações antissépticas, após cada
uso.

§11 Para fins de cumprimento das disposições do §4°, os estabelecimentos deverão


criar mecanismos de controle numérico de ingresso e saída de pessoas, tais como senha,
catraca, ficha, painel sonoro.

Art. 3º Ficam os Secretários Municipais autorizados a expedir atos complementares ao


disposto neste Decreto, regulando situações específicas de sua competência, a respeito das
medidas de enfrentamento ao coronavírus-COVID19.

Art. 4° As medidas dispostas neste Decreto são complementares as normas já editadas,


tendo por objeto acrescer boas práticas ao funcionamento dos serviços essenciais, com vigência
enquanto perdurar o estado de emergência e ou calamidade pública.

Art. 5° Este Decreto entra em vigor na data de 09 de abril de 2020.

Gabinete do Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, 08 de abril de 2020.


6
Página

Antonio Benedito Fenelon


Prefeito Municipal

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

Decreto nº 3.783, de 8 de Abril de 2020

Abre Crédito Adicional Especial no valor de R$


652.593,75 (seiscentos e cinqüenta e dois mil,
quinhentos e noventa e três reais e setenta e cinco
centavos), para reforço de dotações orçamentárias
consignadas no orçamento vigente.

O Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, Estado do Paraná,


usando de suas atribuições legais e com base na Lei Federal nº 4.320, de 17.03.64, na Lei
Municipal nº 3.450, de 10 de dezembro de 2019 e Lei nº 3.539, de 8 de abril de 2020,

D E C R E T A:

Art. 1º Fica aberto o Crédito Adicional Especial no valor de R$ 652.593,75


(seiscentos e cinqüenta e dois mil, quinhentos e noventa e três reais e setenta e cinco
centavos), conforme abaixo especificado:

07000 Secretaria Municipal de Saúde


07002 FMS/ Departamento Ambulatorial
010.122.0004.1437 Enfrentamento do Coronavírus – COVID 19
3.3.90.30.00.00.00 0100494 Material de Consumo R$ 602.593,75
3.3.90.39.00.00.00 0100494 Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica R$ 50.000,00

Art. 2º Para dar cobertura ao Crédito Adicional Especial referido no artigo


anterior, com base nos termos do art. 41, inciso II, art. 42 e art. 43, § 1º, inciso II da Lei
Federal nº 4.320, de 17 de março de 1964, será tomado como recurso o provável Excesso
de Arrecadação dos recursos constante da Resolução SESA nº 363/2020 – Realocação de
Recursos Financeiros para o Enfrentamento da Emergência em Saúde Pública decorrente
do Coronavírus Covid 19, que será acolhido com o código de receita
1.7.2.8.03.1.1.04.00.00.00.00 Enfrentamento Coronavírus (COVID-19) RES SESA nº
363/2020.

Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Gabinete do Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, 8 de abril de 2020.

Antonio Benedito Fenelon Rafael Rueda Muhlmann


7

Prefeito Municipal Secretário Municipal de Planejamento e


Página

Desenvolvimento Econômico

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

Decreto nº 3.784, de 8 de Abril de 2020

Abre Crédito Adicional Especial no valor de R$


1.000.000,00 (um milhão de reais), para reforço
de dotações orçamentárias consignadas no
orçamento vigente.

O Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, Estado do Paraná ,


usando de suas atribuições legais e com base na Lei Federal nº 4.320, de 17.03.64, na Lei
Municipal nº 3.450, de 10 de dezembro de 2019 e Lei nº 3.540, de 8 de abril de 2020,

D E C R E T A:

Art. 1º Fica aberto o Crédito Adicional Especial no valor de R$ 1.000.000,00 (um


milhão de reais), conforme abaixo especificado:

07000 Secretaria Municipal de Saúde


07002 FMS/ Departamento Ambulatorial
010.302.0004.1439 Termo de Ajustamento de Conduta nr 10/2019 – MP/Paraná
3.3.90.30.00.00.00 0100088 Material de Consumo R$ 300.000,00
3.3.90.34.00.00.00 0100088 Outras Desp de Pessoal Decor Contr Terceiriz R$ 700.000,00

Art. 2º Para dar cobertura ao Crédito Adicional Especial referido no artigo


anterior, com base nos termos do art. 41, inciso II, art. 42 e art. 43, § 1º, inciso II da Lei
Federal nº 4320, de 17 de março de 1964, será tomado como recurso o provável Excesso
de Arrecadação dos recursos constante no Termo de Ajustamento de Conduta nº 10/2019
– Ação de Improbidade Administrativa nº 1524-78.2015.8.16.0036 – Ministério Público
do Paraná, que será acolhido com o código de receita 1.9.2.1.01.1.1.01.00.00 – Receita
por Dano ao Patrimônio Público TAC Saúde.

Art. 3º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Gabinete do Prefeito Municipal de São José dos Pinhais, 8 de abril de


2020.

Antonio Benedito Fenelon Rafael Rueda Muhlmann


Prefeito Municipal Secretário Municipal de Planejamento e
Desenvolvimento Econômico
8
Página

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Portaria n.º 147, de 08 de Abril de 2.020 – SEMS

Dispõe sobre a regulamentação do Decreto n.º 3.782 de 8 de Abril de 2.020 sobre a medidas de
enfretamento da emergência em saúde pública de importância nacional e internacional
decorrente do Coronavírus - COVID19, em especial ao Ambientes de Trabalho.
CONSIDERANDO a edição dos Decretos Municipais nº 3.726, de 17 de março de 2020
e alterações e n° 3.728, de 20 de março de 2020 e alterações, mediante os quais foram
estabelecidas medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância
internacional decorrente do coronavírus – COVID-19 e dá outras providências;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Municipal nº 3.769, de 03 de abril de 2020, o
qual Declara Situação de Emergência nas áreas do Município afetadas por Doenças Infecciosas
Virais (15110), e dá outras providências;
CONSIDERANDO o disposto na Lei Federal nº 13.979, de 06 de fevereiro de 2020 e
alterações, que dispõe, em âmbito nacional, sobre as medidas para enfrentamento da
emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus – COVID-
19;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.230, de 16 de março de 2020 e
alterações, o qual dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde
pública de importância internacional decorrente do Coronavírus – COVID-19;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.298, de 19 de março de 2020,
que declara situação de emergência em todo o território paranaense, para fins de enfrentamento
e prevenção à COVID-19;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.317, de 21 de março de 2020,
e alterações, que dispõe sobre as medidas para a iniciativa privada acerca do enfrentamento da
emergência de saúde pública de importância decorrente da COVID-19;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.319, de 23 de março de 2020,
que declara estado de calamidade pública, como medida para enfrentamento da emergência de
saúde pública de importância internacional decorrente do Coronavírus – COVID-19;
CONSIDERANDO a classificação pela Organização Mundial de Saúde, no dia 11 de
março de 2020, como pandemia do Novo Coronavírus; e,
CONSIDERANDO a Declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância
Internacional pela Organização Mundial da Saúde em 30 de janeiro de 2020, em decorrência
da Infecção Humana pelo novo COVID-19.
Art. 1.º Esta Portaria dispõe sobre orientações aos empregadores sobre a prevenção do
coronavírus nos ambientes de trabalho de uma forma geral (com exceção dos estabelecimentos
de saúde);
Art. 2.º A obrigatoriedade de aplicação e controle das medidas de prevenção da possível
transmissão do COVID19, fica sobre a responsabilidade dos administradores em todas as
estruturas físicas internas e externas do empreendimento em questão, sendo as medidas abaixo
descritas:
I. Não permitir o trabalho de pessoas com sinais e sintomas de doenças respiratórias para
evitar a disseminação do coronavírus;
9

II. Atentar para a recomendação de que, neste momento, o uso de máscara e luva deve ser
Página

feito por profissional de saúde e pessoas com sinais e sintomas respiratórios. O uso
incorreto de máscaras e luvas pode causar escassez do material e criar uma falsa
sensação de segurança, que pode levar a negligenciar outras medidas de prevenção,

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

como a prática de higiene das mãos. A forma correta de uso, manipulação e


armazenamento devem seguir as orientações dos fabricantes e da ANVISA (NOTA
TÉCNICA GVIMS/GGTES/ANVISA Nº 04/2.020 disponível em:
http://portal.anvisa.gov.br/notas-tecnicas) e estas informações devem ser repassadas
aos trabalhadores;
III. Disponibilizar lavatórios com água e sabão;
IV. Disponibilizar álcool 70% aos trabalhadores (PREFERENCIALMENTE DE USO
INDIVIDUAL);
V. Fornecer água potável e fresca em copos individuais, sendo proibido o uso de copos
coletivos;
VI. Reforçar a limpeza de superfícies dos ambientes de trabalho, com ênfase em áreas
coletivas como refeitórios, sanitários e vestiários (informações disponíveis em:
http://www.saude.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=3508);
VII. Manter os ambientes de trabalho bem ventilados e os sistemas de ar condicionado
limpos;
VIII. Manter a distância entre as pessoas (de no mínimo 1,5 metros);
IX. Não permitir a circulação de crianças e demais familiares dos trabalhadores nos
ambientes de trabalho;
X. Divulgar nos ambientes de trabalho as formas de prevenção da doença, sinais e
sintomas e quando procurar os serviços de saúde (informações disponíveis em:
http://www.coronavirus.pr.gov.br/Campanha);
XI. Reorganizar o processo de trabalho do grupo de risco (acima de 60 anos e/ou com
doenças crônicas e/ou gestantes) e lactantes (mulheres que amamentam) a fim de evitar
o contato direto com o público em geral e/ou clientes;
XII. Orientar os gestores dos contratos de prestação de serviços, quando houver serviços
terceirizados, quanto à responsabilidade da empresa contratada em adotar todos os
meios necessários para conscientizar e prevenir seus trabalhadores acerca dos riscos
do contágio do novo coronavírus;
XIII. Notificar ao SUS (através da unidade de saúde mais próxima) sobre os casos suspeitos
atendidos pelos profissionais de saúde dos seus ambulatórios e serviços de saúde
ocupacional contratados pela empresa;
XIV. Adotar outras medidas recomendadas pelas autoridades sanitárias locais e outras
instituições, como por exemplo, Ministério Público do Trabalho (MPT), de modo a
resguardar os grupos vulneráveis e mitigando a transmissão comunitária (notas técnicas
e recomendações do MPT estão disponíveis em:
https://mpt.mp.br/pgt/noticias/coronavirus-veja-aqui-as-notas-tecnicas-dompt)
XV. Manter-se atualizado sobre o coronavírus haja visto que as informações sobre a
pandemia estão surgindo constantemente;
Art. 3.º O encerramento da aplicação das medidas para enfrentamento da emergência
de saúde pública de importância internacional em decorrência da infecção humana pelo
coronavírus (COVID19) fica condicionada à situação de Emergência de Saúde Pública de
Importância Nacional, declarada por meio da Portaria nº 188/GM/MS, de 3 de fevereiro de 2020.
Art. 4.º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.
São José dos Pinhais, 08 de abril de 2020.

Débora Cristina Ferreira Martins Chemin


10

Secretária Municipal de Saúde


Página

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

Portaria n.º 148, de 08 de Abril de 2.020 – SEMS

Dispõe sobre a regulamentação do Decreto n.º 3.782 de 8 de Abril de 2.020 sobre a medidas de
enfretamento da emergência em saúde pública de importância nacional e internacional
decorrente do Coronavírus - COVID19, em especial para aplicação em mercados,
supermercados, hipermercados, atacarejos e todos os outros estabelecimentos que
comercializem alimentos, e,
CONSIDERANDO a edição dos Decretos Municipais nº 3.726, de 17 de março de 2020
e alterações e n° 3.728, de 20 de março de 2020 e alterações, mediante os quais foram
estabelecidas medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância
internacional decorrente do coronavírus – COVID-19 e dá outras providências;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Municipal nº 3.769, de 03 de abril de 2020, o
qual Declara Situação de Emergência nas áreas do Município afetadas por Doenças Infecciosas
Virais (15110), e dá outras providências;
CONSIDERANDO o disposto na Lei Federal nº 13.979, de 06 de fevereiro de 2020 e
alterações, que dispõe, em âmbito nacional, sobre as medidas para enfrentamento da
emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus – COVID-
19;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.230, de 16 de março de 2020 e
alterações, o qual dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde
pública de importância internacional decorrente do Coronavírus – COVID-19;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.298, de 19 de março de 2020,
que declara situação de emergência em todo o território paranaense, para fins de enfrentamento
e prevenção à COVID-19;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.317, de 21 de março de 2020,
e alterações, que dispõe sobre as medidas para a iniciativa privada acerca do enfrentamento da
emergência de saúde pública de importância decorrente da COVID-19;
CONSIDERANDO o disposto no Decreto Estadual nº 4.319, de 23 de março de 2020,
que declara estado de calamidade pública, como medida para enfrentamento da emergência de
saúde pública de importância internacional decorrente do Coronavírus – COVID-19;
CONSIDERANDO a classificação pela Organização Mundial de Saúde, no dia 11 de
março de 2020, como pandemia do Novo Coronavírus; e,
CONSIDERANDO a Declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância
Internacional pela Organização Mundial da Saúde em 30 de janeiro de 2020, em decorrência
da Infecção Humana pelo novo COVID-19.
Art. 1.º Esta Portaria dispõe sobre orientações de medidas de prevenção de covid-19 para
aplicação em mercados, supermercados, hipermercados, atacarejos e todos os outros
estabelecimentos que comercializem alimentos;
Art. 2.º A obrigatoriedade de aplicação e controle das medidas de prevenção da possível
transmissão do COVID19, fica sobre a responsabilidade dos gestores em todas as estruturas
internas e externas do empreendimento em questão, sendo as medidas abaixo descritas:
MEDIDAS A SEREM ADOTADAS PELOS ESTABELECIMENTOS:
I. Disponibilizar álcool 70% para higienização das mãos, para uso dos clientes,
funcionários e entregadores, em pontos estratégicos (entrada, corredores, balcões de
atendimento e “caixas”) e próximo a área de manipulação de alimentos;
11

II. Empregar mecanismos para restrição de acesso ao público adotando, impreterivelmente,


medidas para evitar a aglomeração de consumidores, respeitando os limites
Página

estabelecidos para o distanciamento;


III. Organizar a circulação interna de pessoas bem como todas as filas (de “caixa”, setores
de atendimento), mantendo distância mínima de 1,5 (um metro e meio) metro entre os
clientes;

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

IV. Sinalizar o piso no direcionamento das filas, utilizando para essa finalidade, fita, giz,
cones, entre outros materiais, de modo a manter a distância estabelecida;
V. Não oferecer produtos para degustação;

VI. Os funcionários devem ser orientados a intensificar a higienização das mãos e


antebraços, principalmente antes e depois de manipularem alimentos, após o uso do
banheiro, se tocarem o rosto, nariz, olhos e boca e em todas situações previstas no
manual de boas práticas do estabelecimento;
VII. Higienizar das mãos e antebraços dos manipuladores de alimentos deve ser realizada
com água, sabonete líquido inodoro e agente antisséptico após a secagem das mãos
(preferencialmente álcool gel 70% ou outro antisséptico registrado na ANVISA);
VIII. É indicado o uso de toalhas de papel não reciclado e lixeira acionada sem contato
manual;
IX. Os funcionários devem evitar conversar, tocar o rosto, nariz, boca e olhos durante as
atividades de manipulação de alimentos e nos atendimentos dos caixas;
X. Os funcionários devem ser orientados a intensificar a limpeza das áreas (pisos, ralos,
paredes, teto, etc) com desinfetantes próprios para a finalidade e realizar frequente
desinfecção, com álcool 70%, de superfícies e utensílios frequentemente tocados como:
maçanetas, mesas, balcões, corrimões, interruptores, elevadores, balanças, entre
outros;
XI. A limpeza e desinfecção dos banheiros também deve ser intensificada;
XII. Os estabelecimentos deverão realizar a higienização dos cabos de condução dos
carrinhos (área de apoio das mãos) e alças das cestinhas após o uso de cada cliente,
com álcool 70% ou outro sanitizante adequado segundo recomendações da ANVISA,
garantindo a segurança do funcionário executor da operação (treinamento e
fornecimento de EPIs, conforme a exigência do fabricante do produto utilizado);
XIII. Os estabelecimentos deverão aumentar a frequência da higienização completa (todas as
estruturas) de carrinhos e cestinhas considerando a execução das etapas de limpeza e
desinfecção;
XIV. Providenciar cartazes com orientações e incentivos para a correta higienização das
mãos;
XV. Os saneantes utilizados devem estar regularizados junto a ANVISA e o modo de uso
deve seguir as instruções descritas nos rótulos dos produtos;
XVI. O funcionário que apresentar febre e/ou sintomas respiratórios, tosse, congestão nasal,
dificuldade para respirar, falta de ar, dor de garganta, dores no corpo, dor de cabeça,
deve consultar o serviço “Dúvidas sobre o Coronavírus” (conforme contatos abaixo) e
ainda ser orientado pelo responsável do estabelecimento quanto ao período de
afastamento do trabalho;
XVII. Os responsáveis pelo estabelecimento devem solicitar que pessoas externas, como
entregadores, não entrem no local de manipulação dos alimentos;
XVIII. Os dispensadores de água que exigem aproximação da boca para ingestão, devem ser
lacrados em todos os bebedouros, permitindo-se o funcionamento apenas do
dispensador de água para copos. Os estabelecimentos deverão fornecer copos
12

descartáveis aos clientes e funcionários. Também é permitido aos funcionários copos ou


canecas não descartáveis, desde que de uso individual;
Página

XIX. Manter ventiladas as áreas de convivência de funcionários, tais como refeitórios e locais
de descanso;

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35
Diário Oficial Eletrônico
Edição Extraordinária 594, Ano 3 – 08/04/2020

XX. Os estabelecimentos que dispõem de estrutura para consumo de alimentos no local ou


praça de alimentação devem manter as mesas dispostas de forma a haver 2 (dois)
metros de distância entre os clientes, orientando a sentar na mesma mesa apenas
pessoas de convívio próximo (que residam na mesma casa);
XXI. Realizar a higienização das mesas antes e após a utilização;
XXII. Os estabelecimentos que dispõem de estrutura para consumo de alimentos no local ou
praça de alimentação devem disponibilizar pia para lavagem de mãos dos clientes, com
sabonete líquido inodoro, toalhas de papel descartáveis (não recicladas), lixeiras
dotadas de tampa com acionamento sem contato manual e agente antisséptico;
XXIII. Dispor de barreiras de proteção, nos equipamentos de bufê, de modo a prevenir a
contaminação dos alimentos em decorrência da proximidade ou da ação do consumidor
e de outras fontes;
XXIV. Caso o estabelecimento possua “espaço Kids”, o mesmo deve permanecer fechado.

MEDIDAS A SEREM ADOTADAS PELOS CLIENTES:


I. Realizar a higienização das mãos ao entrar no estabelecimento, acessar balcões de
atendimento e “caixas”;
II. Evitar: rir, conversar, manusear o telefone celular, ou tocar no rosto, nariz, olhos e boca,
durante sua permanência no interior do estabelecimento;
III. Ao tossir ou espirrar cobrir o nariz e a boca com um lenço descartável, descartá-lo
imediatamente e realizar higienização das mãos. Caso não tenha disponível um lenço
descartável cobrir o nariz e boca com o braço flexionado;
IV. Ao chegar em casa higienizar devidamente todos os produtos hortícolas (frutas, legumes
e verduras) antes do consumo e higienizar as embalagens dos produtos comprados nos
estabelecimentos comerciais;
V. Não aceitar degustações e evitar consumo de alimentos no estabelecimento.
Preferencialmente, levar os alimentos para consumir em casa.
Art. 3.º O encerramento da aplicação das medidas para enfrentamento da emergência
de saúde pública de importância internacional em decorrência da infecção humana pelo
coronavírus (COVID19) fica condicionada à situação de Emergência de Saúde Pública de
Importância Nacional, declarada por meio da Portaria nº 188/GM/MS, de 3 de fevereiro de 2020.
Art. 4.º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

São José dos Pinhais, 08 de abril de 2020.

Débora Cristina Ferreira Martins Chemin


Secretária Municipal de Saúde
13
Página

Prefeitura de São José dos Pinhais


Rua Passos de Oliveira, 1.101 - Centro - CEP 83030-720 - São José dos Pinhais – PR
PABX (41) 3381-6800
CNPJ: 76105543/0001-35