Você está na página 1de 4

CANTOS DA MISSAS DO TEMPO DA QUARESMA Ref.: Rejubilai-vos, Jerusalém!/ Vós que a amais, vinde, acorrei.

de alegria
e exultai!
01 - ACOLHE Ó DEUS (CINZAS Abertura) 01 – Que alegria, quando ouvi que me disseram:/ “Vamos à casa do Senhor!”/
Ref.: Acolhe, ó Deus, o nosso canto!/ Escuta, pois, nosso clamor./ Vê quanta E agora nossos pés já se detêm,/ Jerusalém, em tuas portas.
dor e quanto pranto 02 – Jerusalém, cidade bem edificada/ num conjunto harmonioso;
Que o nosso pecado provocou./ Por teu amor, tem misericórdia!/ Por teu para lá sobem as tribos de Israel,/ as tribos do Senhor.
amor, tem misericórdia! 03 – Para louvar, segundo a lei de Israel,/ o Nome do Senhor./ A sede da
1. "Voltai, agora para mim/ Com o coração arrependido. justiça lá está/ e o trono de Davi.
Rasgai, não as vestes,/ Mas o coração," diz o Senhor! 04 – Rogai que viva em paz, Jerusalém,/ e em segurança os que te amam!/
2. "Se o ímpio se arrepender/ Dos pecados cometidos Que a paz habite dentro de teus muros,/ tranquilidade em teus palácios!
E praticar a justiça,/ Na certeza viverá," diz o Senhor! 05 – Por amor a meus irmãos e meus amigos,/ peço: “A paz esteja em ti!”/
3. "Lavai-vos, purificai-vos,/ Tirai a maldade de vossas ações/ Aprendei a fazer o Pelo amor que tenho à casa do Senhor,
bem/ Procurai o que é certo," eu te desejo todo bem!
diz o Senhor!
04 - ASPERSÃO
02 - ELE CHAMARÁ POR MIM (Abertura dos 1º, 2º, 3º e 5º domingos) Ref.: Água Santa! Ó água pura, vem! Purifica este povo!
Ref.: Ele chamará por mim/ então ouvidos lhe darei, /:Dá- nos da neve a brancura, e um coração sincero,
salvação, vida sem fim,/ e de glória o cobrirei! forte, grande, novo!/:(2x)
Salvação, vida sem fim,/ e de glória o cobrirei! 1. Lembrança do meu batismo, grande graça do Senhor!/ Que afogou meu
01. Quem habita ao abrigo do Altíssimo egoísmo e regou em mim o amor!
e vive à sombra do Senhor onipotente, 2. Não é do templo, por certo, que jorram águas assim:/ É do coração
diz ao Senhor: "és meu refúgio e proteção, aberto de quem quis morrer por mim!
és o meu Deus, no qual confio inteiramente". 3. Nós somos raça escolhida, Deus não te quer bem em vão../ Muitos erros
02. Do caçador e do seu laço ele te livra, têm na vida, Deus tem muito mais perdão!
Ele te salva da palavra que destrói.
4. Salvai-me Senhor lavai-me, e bem limpo eu vou ficar./ Senhor vós me
Com suas asas haverá de proteger-te,
lavareis de tão limpo eu vou brilhar!
com seu escudo e suas armas, defender-te.
03. Nenhum mal há de chegar perto de ti,
05 - ATO PENITENCIAL
nem a desgraça baterá à tua porta;
Senhor, que viestes não para condenar, mas para perdoar, tende piedade de
pois o Senhor deu uma ordem a seus anjos
nós.
para em todos os caminhos te guardarem.
04. "Porque a mim se confiou, hei de livrá-lo Kyrie Eleison, Kyrie Eleison, Kyrie Eleison
e protegê-lo, pois meu Nome ele conhece. Cristo, que vos alegrais pelo pecador arrependido, tende piedade de nós.
ao invocar-me, hei de ouvi-lo e atendê-lo, Christe Eleison, Christe Eleison, Christe Eleison
e a seu lado, estarei em suas dores". Senhor que muito perdoais a todo àquele que muito ama, tende piedade de
nós.
03 - REJUBILAI-VOS, JERUSALÉM! (Abertura – 4o Domingo) Kyrie Eleison, Kyrie Eleison, Kyrie Eleison
06 - PEQUEI, SENHOR, MISERICÓRDIA! (Imposição das Cinzas) pelo jejum e pela prece,/ nos conduzis da treva à luz.
Ref.: Pequei, Senhor, Misericórdia! 02 – Ficai presente agora à Igreja,/ ficai presente à penitência,/ pela qual nós
01 – Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia!/ Na imensidão de vosso amor, vos suplicamos/ para os pecados indulgência.
purificai-me!/ Lavai-me todo inteiro do pecado,/ e apagai completamente a minha 03 – Por vossa graça, perdoai/ as nossas culpas do passado;/ contra as
culpa! futuras, protegei-nos,/ manso Jesus, Pastor amado.
02 – Eu reconheço toda a minha iniquidade,/ o meu pecado está sempre à minha 04 – Para que nós, purificados/ por esses ritos anuais,
frente./ Foi contra vós, só contra vós, que eu pequei,/ e pratiquei o que é mau aos nos preparemos, reverentes,/ para gozar os dons pascais.
vossos olhos! 05 – Todo o universo vos adore,/ Trindade Santa, Sumo Bem./ Novos, por
03 – Mostrai assim quanto sois justo na sentença,/ E quanto é reto o julgamento graça, vos cantemos/ um canto novo e belo. Amém.
que fazeis/ Vede, Senhor, que eu nasci na iniquidade,/ E pecador já minha mãe
me concebeu. 09 - CRIAI EM NÓS UM CORAÇÃO! (Oferendas – 4o e 5o Domingos)
04 – Mas vós amais os corações que são sinceros, Ref.: Criai em nós um coração que seja puro
Na intimidade me ensinais sabedoria./ Aspergi-me e serei puro do pecado,/ E Dai-nos, Senhor, um coração mais confiante
mais branco do que a neve ficarei. Ó Deus, lembrai-vos do vosso amor: Misericórdia!
Pequei, Senhor, Misericórdia!/ Pequei, Senhor, Misericórdia!/ Pequei, 1. Escutai, ó Senhor Deus, minha oração/ Atendei a minha prece, ao meu
Senhor, Misericórdia! clamor/ Porque sois o meu abrigo e fortaleza/ Sois a vida, sois amparo protetor
2. A minh’alma, ó Senhor, de vós tem sede/ Como a terra ressecada e sem
07 - LOUVOR E GLORIA A TI, SENHOR - ACLAMAÇÃO água/ Concedei-me a alegria de ser salvo/ Perdoai-me toda culpa, toda mágoa
Ref.: Louvor e glória a Ti, Senhor/ Cristo, Palavra, Palavra de Deus! (Bis) 3. Esta terra, ó Senhor, favorecestes/ Perdoastes o pecado ao vosso povo/
Oxalá ouvísseis hoje sua voz/ Não fecheis os vossos corações Vós sois bom, sois clemente, sois perdão/ Vós sois, Senhor, o Deus de amor a
quem invoco
O Homem não vive/ Somente de pão/ Mas de toda palavra/ Da boca de Deus! Criai em nós um coração que seja puro/ Dai-nos, Senhor, um coração mais
confiante/ Ó Deus, lembrai-vos do vosso amor: Misericórdia!
Numa nuvem/ Resplendente fez-se/ Ouvir a voz do Pai/ Eis meu filho amado/
Escutai-o, todos voz! 10 - NESTE TEMPO DA PAIXÃO (Oferendas – Dom. Ramos/ Paixão do
Senhor)
Na verdade, sois Senhor/ O Salvador do mundo 01 – Neste tempo da Paixão,/ celebramos com louvor
Senhor, dai-me água viva/ A fim de eu não ter sede! as primícias do viver:/ profusão do teu amor!
Ref.: Ó Cristo, Filho do Deus vivo./ teu triunfo proclamamos!/ Tua Páscoa
Pois eu sou a luz do mundo/ Quem nos diz é o senhor – o mistério – / para sempre contemplamos
E vai ter a luz da vida quem/ Se faz meu seguidor! 02 – Pela Árvore da Cruz,/ tua seiva a nutrir/ os que buscam sem cessar/ a
razão do existir!
Eu sou ressurreição/ Eu sou a vida 03 – A missão que se cumpriu/ pelo dom da tua Cruz:
Quem crê em mim não/ Morrerá eternamente testemunho de amor/ fez da noite plena Luz

08 – A ABSTINÊNCIA QUARESMAL (Oferendas – Cinzas, 1o, 2º. e 11 - SANTO


3o Domingos) Santo, santo, santo, Senhor Deus do Universo
01 – A abstinência quaresmal/ vós consagrastes, ó Jesus; O céu e a terra proclamam a vossa glória
Hosana nas alturas, Hosana,/ Hosana nas alturas Hosana! 06 – Pai e Filho, e Espírito Amor,/ Um só Deus, vida e paz, Sumo Bem,/
Bendito aquele que vem em nome do Senhor Concedei-nos por vossa presença/ Esta glória no Reino. Amém!
Bendito aquele que vem em nome do Senhor
Hosana nas alturas, Hosana,/ Hosana nas alturas, Hosana 15 - TU VIESTE, Ó MESSIAS (Comunhão 3o domingo)
1. Tu vieste, ó Messias,/e nos deste a conhecer,/ no raiar de um novo dia,/ a
12 - CORDEIRO essência do viver!
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo tende piedade, piedade de nós!. Ref.: Água da vida és tu, Jesus:/ fonte eterna da salvação!/ Tu és presença a
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade, piedade de nós! transformar:/ a criatura plenificar!
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo dai-nos a paz a vossa paz. 2. Eis que a hora é chegada:/ convergência com o Pai!
Tu, qual luz do meio-dia,/ reuniste comensais!
13 - O HOMEM NÃO VIVE SOMENTE DE PÃO (Comunhão 1o domingo) 3. Co’a mulher samaritana,/ te pedimos de beber/ dá-nos hoje água viva!/ tu,
Ref.: O homem não vive somente de pão,/ Mas de toda palavra da boca de razão do nosso ser!
Deus./ Mas de toda palavra da boca de Deus. 4. Tu conosco permaneces,/ nosso Mestre e Senhor!
1. A Lei do Senhor Deus é perfeita/ Conforto para a alma! Saciamos nossa sede/ no jorrar do teu amor!
O testemunho do Senhor é fiel/ Sabedoria dos humildes 5. Em espírito e verdade,/ a Deus Pai adoração!/ Tu a Ele nos conduzes,/ ao
2. Os preceitos do Senhor são precisos/ Alegria ao coração viver de comunhão!
O mandamento do Senhor é brilhante/ Para os olhos é uma luz
3. É puro o temor do Senhor/ Imutável para sempre 16 – TU ÉS A LUZ, SENHOR (Comunhão 4o domingo
Os julgamentos do Senhor são corretos/ E justos igualmente Ref.: Tu és a luz, Senhor, do meu andar, Senhor,/ do meu lutar, Senhor,/
4. Mais desejáveis do que o ouro são eles/ Do que o ouro refinado;/ Suas força do meu sofrer./ Em tuas mãos, Senhor, quero viver.
palavras são mais doces que o mel/ Que o mel que sai dos favos 01 – Meu coração penetras/ e lês meus pensamentos;
5. Que vos agrade o cantar dos meus lábios/ E a voz da minha alma/ Que ela se luto ou se descanso,/ Tu vês meus movimentos;
chegue até vós, ó Senhor/ Meu rochedo e Redentor de todas minhas palavras/ Tu tens conhecimento.
02 – Quisesse eu me esconder/ do teu imenso olhar,
14 – ESTE É MEU FILHO MUITO AMADO (Comunhão 2o domingo) subir até o céu,/ na terra me entranhar,/ atrás do horizonte/ lá iria te encontrar!
Ref.: “Este é meu Filho muito amado:/ escutai-O todos vós!”/ Então o vosso 03 – Por trás e pela frente/ teu ser me envolve e cerca,
coração se alegrará,/ e em vossos olhos brilhará a sua luz! o teu saber me encanta,/ me excede e me supera,
01 – A beleza da glória celeste/ Que a Igreja esperando procura,/ Cristo a mostra tua mão me acompanha,/ me guia e me acoberta!
no alto do monte,/ Onde mais que o sol claro fulgura. 04 – Se a luz do sol se fosse,/ que escuridão seria!…
02 – Este fato é nos tempos, notável:/ Ante Pedro, Tiago e João,/ Cristo fala a Se as trevas me envolvessem,/ o que adiantaria?…
Moisés e a Elias/ Sobre a sua futura Paixão. Pra ti, Senhor, a noite/ é clara como dia!
03 – Testemunhas da lei, dos profetas/ E da graça estando presentes,/ Sobre o 05 – As fibras do meu corpo/ teceste e entrançaste;
Filho, Deus Pai testemunha,/ Vindo a voz duma nuvem luzente. no seio de minha mãe/ bem cedo me formaste;
04 – Com a face brilhante de glória,/ Cristo hoje mostrou no Tabor/ O que Deus melhor do que ninguém/ me conheceste e amaste!
tem no céu preparado/ Aos que o seguem, vivendo no amor. 06 – Teus planos insondáveis!/ Sem fim, tuas maravilhas!
05 – Da sagrada visão o mistério/ Ergue aos céus o fiel coração./ E, por isso, Contá-las eu quisera,/ mas quem o poderia?
exultante de gozo,/ Sobe a Deus nossa ardente oração. Como da praia a areia,/ só tu as saberias!
07 – Que os maus da terra sumam,/ pereçam os violentos,/ que tramam contra Ref.: Peregrinos, aprendemos nesta estrada
Ti/ com vergonhoso intento; o que o “bom samaritano” ensinou:
abusam do teu Nome/ pra seus planos sangrentos. Ao passar por uma vida ameaçada,
08 – Mas vê meu coração/ e minha angústia sentes. Ele a viu, compadeceu e cuidou.
Olha, Senhor, meus passos,/ se sou erradamente, 2. Toda vida é um presente e é sagrada,
me bota no caminho/ da vida para sempre. seja humana, vegetal ou animal.
É pra sempre ser cuidada e respeitada,
17 - A RESSURREIÇÃO DE LÁZARO (Comunhão 5º domingo) desde o início até seu termo natural.
1. Betânia, lugar do aconchego,/ refúgio do mestre e Senhor,/ espaço da paz, do 3. Tua glória é o homem vivo, Deus da Vida;
sossego,/ da mesa, do aroma e do amor./ Mas hoje se faz sombra e medo:/ tem ver felizes os teus filhos, tuas filhas;
luto, tem choro e tem dor. é a justiça para todos, sem medida;
Ref.: Retira essa pedra que faz ser sozinho./ Desfaz as amarras que É formarmos, no amor, bela Família.
impedem de andar./ Desperta! Levanta! Há um longo caminho./ a vida te 4. Mata a vida o vírus torpe da ganância,
chama: eu vim te salvar. da violência, da mentira e da ambição.
2. Jesus bem distante se achava,/ cumprindo feliz sua missão;/ mas logo a notícia Mas também o preconceito, a intolerância.
chegava:/ a morte rondava um irmão./ Aquela família que amava,/ por ele clamou O caminho é a justiça e conversão.
na aflição.
3. O encontro de dor e conforto/ tão logo em Betânia se dava:/ de um lado, o
amigo já morto,/ do outro, as irmãs que choravam./ Jesus se oferece qual porto/
àquelas que tanto ele amava.
4. “Se aqui estivesses, amigo,/ na certa ele não morreria;
mas creio que o pai é abrigo,/ na dor é alento e alegria.
Por isso, eu louvo e bendigo,/ pois creio que és o messias”.
5. “Não temas, eu sou o caminho,/ a vida que nunca se esvai”./ Quem crê nunca
fica sozinho,/ e é certo, não morre jamais;/ terá toda paz e carinho/ pra sempre,
nos braços do Pai.
6. Chorando, Jesus quer ir vê-lo./ “Não vá, pois é mau o odor!”/ “Coragem!” Deus
ouve o apelo/ de quem clama a Ele na dor,/ e espalha com a vida e com zelo/ o
aroma agradável do amor.
7. Amigo, tu dormes. desperta!/ Cá fora o dia reluz.
Há muitas amarras, na certa,/ um escuro que ao nada conduz./ Mas sou o Senhor
que liberta./ Levanta e caminha na luz.

18 - HINO DA CF 2020
1. Deus de amor e de ternura, contemplamos
este mundo tão bonito que nos deste
Desse Dom, fonte da vida, recordamos:
Cuidadores, guardiões tu nos fizeste.

Você também pode gostar