Matemática Financeira

Roberto

56
TAXAS

Taxa de juros é um coeficiente monetário aplicado ao capital por um determinado período de
tempo para remunerar o capital;

TAXA PROPORCIONAL

Duas ou mais taxas são proporcionais quando a razão entre as taxas for a mesma razão entre
os períodos de tempo aos quais se refere.
2
1
2
1
n
n
i
i
=
Exemplo:

Verificar se as taxas 2% a.m. e 24% a.a. são proporcionais

 2% a.m.  2% em 1 mês
 24% a.a.  24% em 12 meses

Então
12
1
% 24
% 2
=


TAXA EQUIVALENTE NA CAPITALIZAÇÃO COMPOSTA

Duas ou mais taxas de juros são equivalentes quando aplicadas ao mesmo capital durante um
mesmo período de tempo de aplicação produzirem o mesmo montante, mesmo pertencendo a diferentes
períodos de capitalização.
Vamos correlacionar a taxa “i
D
” referida a um período “D” dias e a taxa “i
d
” referida a um
período “d” dias.

Vejamos o diagrama:

C i
D
M
A

1º. caso
0 D


1º. Caso: um capital C aplicado durante um determinado período de tempo D a uma taxa de juros iD
produz um montante MA.  O montante MA é calculado da seguinte forma: MA = (1 + iD)
1



C i
d
M
B

2º. caso
0

1 d 2 3 D


2º. Caso: O mesmo capital C foi aplicado durante o mesmo período de tempo D a uma taxa de juros
id aplicado a cada sub-período de tempo d (período de tempo D foi dividido em vários períodos d)
produz um montante MB.
O montante MB é calculado da seguinte forma: a soma de todos os períodos d é igual a D, isto é,
devemos achar a quantidade de “d” períodos contidos no período “D”, que será dado por D/d, ou
seja, o número de capitalizações será de D/d períodos.  O montante MB, então, será igual a
MB = (1 + id)
D/d

D = Período de tempo maior
d = Período de tempo menor
iD = Taxa do período maior
id = Taxa do período menor
Matemática Financeira

Roberto

57
Para que as taxas sejam equivalentes é necessário que o M
A
= M
B
, logo

( 1 + i
D
) = ( 1 + i
d
)
D/d


A taxa de juro i
D
é igual a:


i
D
= ( 1 + i
d
)
D/d
- 1



e a taxa de juro I
d
é igual a:


i
d
= ( 1 + i
D
)
d/D
- 1


Nota:
a) Observe que a taxa dada sempre estará dentro do parêntese;
b) O período de tempo da taxa que se procura estará sempre no numerador da fração do expoente;
c) O período de tempo da taxa que se tem (que está dentro do parêntese) estará sempre no denominador da fração do
expoente.

Então podemos formular a seguinte equação para cálculo de taxas equivalentes


( ) 1 1 ÷ + = T
Q
T q
i i




OBSERVAÇÃO: Na capitalização simples a taxa equivalente é igual à taxa proporcional


EXEMPLO

1. Dada à taxa de juros de 2% a.m. calcular a taxa de juros equivalente anual.
D = ano; d = mês; a taxa dada = 2% a.m. ; a taxa que se procura = X% a.a.

( )
. . % 8242 , 26
268242 , 0
1 268242 , 1
1 02 , 1
1 02 , 0 1
12
30
360
a a i
i
i
i
i
D
D
D
d
D
=
=
÷ =
÷ =
÷ + =

2. Dada à taxa de juros de 24% a.a. calcular a taxa de juros equivalente mensal.
D = ano; d = mês; a taxa dada = 24% a.a. ; a taxa que se procura = X% a.m.

( )
. . % 8088 , 1
018088 , 0
1 018088 , 1
1 24 , 1
1 24 , 0 1
083333 , 0
360
30
m a i
i
i
i
i
D
D
D
d
D
=
=
÷ =
÷ =
÷ + =

3. Uma letra de câmbio é transacionada no mercado financeiro oferecendo uma taxa de juro de 41,64% ao ano. Sabendo-se que
o seu prazo de vencimento é de 63 dias, determinar a taxa de juro equivalente a este prazo de aplicação.
Solução:
iD = 41,64% ao ano D = 360 dias
id = ? d = 63 dias
id = (1 + 0,4164)
63/360
–1
id = 0,0628 ou 6,28% para os 63 dias
4. Se um Certificado de Depósito Bancário oferece um rendimento líquido de 7,25% para um prazo de aplicação de 92 dias, qual
a taxa anual de rendimento líquido?
Dada uma taxa de um período de tempo menor, calcula-se a taxa equivalente de
período de tempo maior.
Dada uma taxa de um período de tempo maior, calcula-se a taxa equivalente de
período de tempo menor.
A taxa que eu quero (iq) é igual um mais a taxa que eu tenho ( it ) elevado ao período
da taxa que eu quero (Q) dividido pelo período da taxa que eu tenho (T), menos um.
Matemática Financeira

Roberto

58

Solução:
iD = ? D = 360 dias
id = 7,25% d = 92 dias

iD = (1 + 0,0725)
360/92
– 1
iD = 0,31506 ou 31,506% ao ano




TAXA EFETIVA E TAXA NOMINAL

Vamos a um exemplo de aplicação de um capital de R$ 1.000,00 durante um ano tendo as
seguintes taxas de juro compostos como alternativas:
a) 12% ao ano;
b) 12% ao ano com capitalização anual;
c) 12% ao ano com capitalização mensal.

Das taxas acima, quais as que fornecem idênticos resultados?

As taxas (a) e (b) referem-se ao mesmo período de capitalização. A letra (b) é uma redundância
quanto ao prazo de capitalização.
A letra (c) representa uma taxa diferente das duas modalidades anteriores, o período da taxa
(anual) difere do período de capitalização (mensal) fornecido.

Ficou claro que existem duas modalidades de taxas em termos de período de capitalização:
(a) uma que o período de capitalização coincide com o período da taxa e a outra
(b) que o período da taxa difere do período de capitalização.

Então,

A TAXA DE JUROS cujo período de capitalização corresponde ao próprio período de tempo da
taxa, denomina-se TAXA EFETIVA.
Exemplo:
10% a.a. com capitalização anual
2% a.m. com capitalização mensal
12% a.s.

A TAXA DE JUROS em que o período de capitalização difere do período de tempo da taxa
denomina-se TAXA NOMINAL
Exemplo:
A poupança paga a taxa de juros de 6% a.a., no entanto a capitalização é mensal.
36% a.a. com capitalização trimestral
48% a.s. com capitalização mensal

Conversão da taxa Nominal em taxa Efetiva - a taxa de juros nominal pode ser fracionada
proporcionalmente (igual a juros simples). Divide-se a taxa de juros pela quantidade de períodos de
capitalizações existentes no período da taxa.
Matemática Financeira

Roberto

59
Exemplo: 18% a.t. com capitalização mensal, isto é, os períodos de capitalizações são mensais e o
período da taxa é trimestral, então existem 3 períodos de capitalizações mensais no período de tempo
da taxa trimestral. Portanto, divide-se a taxa de juro (18%) por 3, o resultado é igual a 6% ao mês.

Outro exemplo:
24% a.a. com capitalização trimestral  existem quatro capitalizações trimestrais no período de um
ano (período da taxa de juros), então: . t . a % 6
4
% 24
=


EQUIVALÊNCIA ENTRE TAXA EFETIVA E TAXA NOMINAL


Dada uma taxa efetiva determinar a taxa equivalente nominal

Exemplo

1. Dada à taxa de juros de 6% a.m. (taxa efetiva) calcular a taxa nominal anual com capitalização
trimestral.

Solução:
Taxa dada: 6% a.m.
Taxa procurada: X% a.a. com capitalização trimestral

Converte-se a taxa nominal em efetiva  X% a.a. com capitalização trimestral  % Y
4
% X
= a.t.
A taxa Y% a.t. terá que ser equivalente a 6% a.m
( )
. . % 1016 , 19 191016 , 0 %
1 06 , 1 %
1 06 , 0 1 %
3
30
90
t a Y
Y
Y
· ÷ =
÷ =
÷ + =


% 4064 , 76 % 1016 , 19 4 % % 1016 , 19
4
%
= × = ÷ = X
X
a.a. com capitalização trimestral
Outra maneira de transformar:
j = m x

+ ÷ 1
t
q
) i 1 (  ( )

÷ + × = 1 06 , 0 1 4 j 30
90
 ( ) 1 06 , 1 4 j
3
÷ × =  j = 4 x 0,191016

j = 0,764084  76,4064% a.a. com capitalização trimestral

2. Dada a taxa de 24% a.a., calcular a taxa nominal semestral com capitalização mensal.
Taxa procurada  X% a.s. com capitalização mensal  % Y
6
% X
= a.m.
Taxa dada: 24% a.a.

Taxas equivalentes
Matemática Financeira

Roberto

60
( )
. . % 8088 , 1 018088 , 0 %
1 24 , 1 %
1 24 , 0 1 %
083333 , 0
360
30
m a Y
Y
Y
· ÷ =
÷ =
÷ + =


% 8524 , 10 % 8088 , 1 6 % % 8088 , 1
6
%
= × = ÷ = X
X
a.s. com capitalização mensal
j = m x

+ ÷ 1 ) 1 (
t
q
i  ( )

÷ + × = 1 24 , 0 1 6 360
30
j  ( ) 1 24 , 1 6
083333 , 0
÷ × = j

j = 6 x 0,018088  j = 0,108525  10,8525% a.s. com capitalização mensal



Dada a taxa Nominal determinar a taxa equivalente efetiva


1. Dada a taxa de 36% ao ano com capitalização mensal, determinar taxas equivalentes de juros
compostos relativos aos períodos:
a) Anual
Transforma a taxa nominal em uma efetiva % 3
12
% 36
= a.m.
( ) 425761 , 0 1 03 , 1 1 03 , 0 1
12
30
360
= ÷ ÷ ÷ ÷ + = I I ou 42,5761% a.a.
b) Mensal
% 3
12
% 36
= a.m.  taxa efetiva = 3% a.m.
c) Trimestral
% 3
12
% 36
= a.m
( ) 092727 , 0 1 03 , 1 1 03 , 0 1
3
30
90
= ÷ ÷ ÷ ÷ + = I I ou 9,2727% a.t.

d) Quadrimestral
% 3
12
% 36
= a.m.
( ) 125509 , 0 1 03 , 1 1 03 , 0 1
4
30
120
= ÷ ÷ ÷ ÷ + = I I ou 12,5509% a.q.

2. Dada a taxa de 48% a.a. com capitalização para 36 dias, determinar a taxa efetiva mensal para 45
dias.
% 8 , 4
10
% 48
= para 36 dias ( ) 060356 , 0 1 048 , 1 1 048 , 0 1
25 , 1
36
45
= ÷ ÷ ÷ ÷ + = i i ou 6,0356% para 45 dias





Matemática Financeira

Roberto

61
TAXA DE JURO REAL E TAXA DE JURO APARENTE

Denominamos taxa de juro REAL a taxa paga ou ganha (acima da inflação) numa operação. A taxa
de juro APARENTE é aquela que vigora nas transações correntes.
Quando não há inflação no período considerado, a Taxa Aparente é igual à taxa Real; porém,
quando há inflação, a Taxa de juros Aparente é formada pela INFLAÇÃO e pela Taxa de juro REAL.
Vejamos:
C = capital aplicado
i
R
= Taxa Real
i
A
= Taxa Aparente
I = Inflação

Podem acontecer os seguintes casos:

1. Com a Inflação igual a zero e uma taxa de juros real i
R
, o capital inicial se transformará no
montante: M = C (1+ i
R
)

2. Com uma taxa de Inflação I, e sem taxa de juros Real, o capital inicial, ao final de um
determinado período, o montante será equivalente a: M = C (1 + I);

3. Com uma taxa de juro Real i
R
e uma taxa de Inflação I, simultaneamente, o capital inicial
equivalerá a: M = C ( 1 + i
R
)( 1 + I ) (a)

4. Com uma taxa Aparente i
A
, o capital inicial se transformará, ao final de um determinado
período de aplicação igual a: M = C ( 1 + i
A
) (b)

Como as Expressões (a) e (b) são equivalentes, já que ambas traduzem o mesmo montante, o
seja o valor efetivamente recebido, temos:

C ( 1 + i
A
) = C ( 1 + i
R
)( 1 + I )

Donde


( 1 + i
A
) = ( 1 + i
R
)( 1 + I )


















Esta expressão nos permite calcular
qualquer uma das taxas envolvida no
problema.

Matemática Financeira

Roberto

62
Exercícios Resolvidos



1. Uma aplicação de R$ 100,00 teve um rendimento de R$ 35,00. Se a inflação do período foi de 30%, calcular a
rentabilidade aparente e real da aplicação.

C = 100,00; J = 35,00 e I = 30 %

iA =
Aplicação
ento ndim Re
 =
100
35
0,35 ou 35% no período
(1 +iA) = (1 + iR)(1 +I ) .: ( 1 + iR ) =
) (
) (
I
i
A
+
+
1
1
 iR = 1
30 0 1
35 0 1
÷
+
+
) , (
) , (
.: iR = 1
30 1
35 1
÷
,
,
 iR = 3,85%

2. Qual deve ser a taxa aparente correspondente a uma taxa Real de 0,8% ao mês e uma inflação de 20% no
período.
iR = 0,8% ao mês e i = 20%

iA = ( 1 + iR )( 1 +I ) – 1 .: iA = ( 1 + 0,008 )( 1 + 0,2)  iA = 20,96%

3. Um empréstimo foi feito a uma taxa de 32% ao ano. Sabendo que a inflação nesse ano foi de 21%, calcule a
taxa real anual?
iA = 32%
I = 21%
( 1 +0,32 ) = ( 1 + iR )( 1 + 0,21 ) .: iR = 1
21 1
32 1
÷
,
,
 iR = 9,09% ao ano

4. Um CDB rendeu 1,4% ao mês e a inflação no período pela IGPM foi de 0,8%. Qual a taxa Real auferida nesta
aplicação?
iA = 1,4%
I = 0,8%
( 1 + 0,014 ) = ( 1 + iR ) x ( 1 + 0,008 ) iR = 1
008 1
014 1
÷
,
,
 iR = 0,595% ao mês













Matemática Financeira

Roberto

63
EXERCÍCIOS PROPOSTOS

1. (BB) Qual a melhor aproximação de uma taxa semestral equivalente a 20% a.a.
a) 8,64% a.s.
b) 9,54% a.s
c) 7,85% a.s
d) 10% a.s.
e) 20% a.s.

2. Qual a taxa trimestral equivalente a 5% a.m?
a) 15%
b) 15,20%
c) 15,50%
d) 15,76%
e) 15,96%

3. Qual a taxa de juros semestral equivalente a 44% a.a.?
a) 22%
b) 21%
c) 20%
d) 19%
e) 18%

4. Qual a taxa efetiva anual equivalente a 30% a.a., capitalizados semestralmente?
a) 34,50%
b) 33,55%
c) 32,25%
d) 31,25%
e) 30,25%

5. (BC) Um investimento rendeu 68% em um mês no qual a inflação foi de 40%. Qual o ganho real
nesse mês?
a) 10%
b) 18%
c) 20%
d) 28%
e) 30%

6. Para que se obtenha R$ 242,00, ao final de seis meses, a uma taxa de juros de 40% a.a.
capitalizados trimestralmente, deve-se investir, hoje, a quantia de:
a) 171,43
b) 172,86
c) 190,00
d) 200,00
e) 220,00

7. Qual a taxa de juros anual adotada no resgate de uma letra de câmbio, sabendo-se que os juros são
capitalizados trimestralmente, o valor de resgate foi de R$ 200.000,00, o desconto de R$ 92.820,00 e
a antecipação foi de um ano?
a) 10%
b) 20%
c) 30%
d) 40%
e) 50%

8. Dada à taxa 20% a.a., determinar as taxas equivalentes, semestral e mensal.
a) 7,94% e 0,56%
b) 8,64% e 1,98%
c) 9,54% e 1,53%
d) 8,94% e 1,67%
e) 9,51% e 1,52%

Matemática Financeira

Roberto

64
9. Qual a taxa efetiva anual equivalente a 24% a.s. capitalizada mensalmente?
a) 28,20%
b) 38,15%
c) 48,10%
d) 60,10%
e) 58,20%

10. Qual a taxa nominal anual com capitalização trimestral equivalente a 4,5% a.m?
a) 56,47%
b) 67,54%
c) 74,56%
d) 47,65%
e) 64,75%

11. Calcular a taxa nominal anual com capitalização quadrimestral equivalente a taxa 24% a.a. com
capitalização mensal.
a) 12,75%
b) 14,95%
c) 17,25%
d) 24,73%
e) 26,47%

12. Calcule o valor nominal de um título que, resgatado um ano e meio antes do vencimento, sofreu
desconto racional composto de R$ 25.000,00, a uma taxa de 30% a.a. com capitalização semestral.
a) 72.996
b) 47.996
c) 52.088
d) 77.088
e) 67.088

13. Dada à taxa de juro efetiva de 48% a.a. determinar a taxa equivalente ao mês, ao trimestre e ao
semestre. Resp. 3,32% a.m.; 10,30% a.t.; 21,66%a.s.

14. Um capital foi colocado a 20% a.a., capitalizados semestralmente, e outro a 18% a.a., capitalizados
quadrimestralmente. No fim de 2 anos os juros do primeiro capital excederam de R$ 6.741,00 os
juros do segundo. Sabendo que o primeiro é R$ 10.000,00 maior que o segundo, o valor dos
capitais, em R$, é igual a: Resp.: R$ 56.071,94 e R$ 46.071,94

15. Determinar:

a) A taxa efetiva para 2 meses, equivalente à taxa nominal de 120% a.a. capitalizada
mensalmente;
b) A taxa efetiva para 18 meses, equivalente à taxa nominal de 120% a.a. capitalizada
semestralmente;
c) A taxa nominal ao ano capitalizada mensalmente, equivalente à taxa efetiva de 10% em 60
dias;
d) A taxa nominal ao ano capitalizada trimestralmente, equivalente à taxa efetiva de 15% em 6
meses;
e) A taxa efetiva para 41 dias, equivalente à taxa nominal de 24% a.a. capitalizada diariamente;
f) A taxa efetiva para 41 dias, equivalente à taxa nominal de 24% a.s. capitalizada diariamente.
Resp. a) 21%; b) 309,60%; c) 58,57% d) 28,95% e) 2,77%; f) 5,6150%

16. Uma pessoa colocou ¾ do seu capital a 20% a.a., capitalizados semestralmente, e o restante a 12%
a.s., capitalizados trimestralmente. Sabendo-se que a primeira parcela proporcionou R$ 60.769,10
de juros, o montante no final de 4 anos será, em R$: Resp.: R$ 158.905,24.

17. O capital que durante 4 anos, colocado a 12% a.a., capitalizados bimestralmente, produz um juro de
R$ 12.252,00 a mais do que seria produzido com capitalizações semestrais é de, em R$: Resp: R$
839.800,74

18. Em 154 dias uma aplicação rendeu 41,123%. Calcular as taxas mensal e anual equivalentes. Resp.
6,94% a.m. e 123,72% a.a.

Matemática Financeira

Roberto

65
19. Quanto uma pessoa resgatará no final de 93 dias se aplicar R$2.000,00 à taxa de 150% a.a.? E qual
a taxa mensal equivalente. Resp. 2.535,14 e 7,93% a.m.

20. A aplicação de R$380,00 proporcionou um rendimento de R$240,00 no final de 208 dias. Determinar
as taxas diária, mensal, trimestral e anual de juro. Resp. 0,235637% a.d.; 7,316038% a.m.;
83,593003% a.t. e 133,332667% a.a.

21. Um banco cobra 20% a.a. de taxa de juro numa operação de capital de giro. Quanto cobrará para
uma operação em 182 dias. Resp. 9,655525% p/182 dias

22. Um agiota empresta R$ 80.000,00 hoje para receber R$ 507.294,46 no final de 2 anos. Calcular as
taxas mensal e anual desse empréstimo. Resp.: 8% a.m., ou 151,817% a.a.

23. Qual a taxa efetiva equivalente trimestral de uma taxa de 34% ao ano com capitalização mensal?
Resp. 8,74% a.t.

24. Qual a taxa anual com capitalização trimestral equivalente a taxa de 60% ao ano com capitalização
semestral? Resp. 56,07% a.a. c/cap. Trimestral

25. Três quartos de um capital foram aplicados à taxa nominal de 20% a.a. capitalizada semestralmente
e, o restante, a 12% a.s. capitalizada trimestralmente. Se o prazo da aplicação é de 4 anos e,
sabendo-se que o rendimento da primeira parcela é $ 4.726,04 maior que o rendimento da segunda,
calcular o capital. Resp. $ 10.000,00

26. Calcular o prazo em que um capital dobra se aplicado a juros nominais de 120,17% a.a.
capitalizados diariamente. Resp. 208 dias

27. Um capital foi aplicado por 18 meses à taxa nominal de 24% a.a. capitalizados mensalmente.
Calcular o valor do capital, sabendo-se que, se a capitalização da taxa nominal for semestral em vez
de mensal, o rendimento diminui $ 1.000,00. Resp. $ 42.884,87

28. Dois terços de uma capital foram aplicados por 2 anos à taxa de 18% a.s. capitalizada
bimestralmente e, o restante do capital, foi aplicado por um determinado prazo à taxa de 18% a.t.
capitalizada mensalmente. Se o valor do capital é de $ 12.000,00 e, sabendo-se que o rendimento da
primeira parcela é $ 4.048,79 maior que o rendimento da segunda, calcular o prazo em anos da
segunda parcela. Resp. Um ano



























Matemática Financeira

Roberto

66
PROBLEMAS DE CAPITALIZAÇÃO COMPOSTA COM TAXA EFETIVA E NOMINAL


1. Calcular o montante e a taxa efetiva anual ganha por um investimento de R$ 2.000,00, após 2
anos de aplicação, se rendeu juros nominais de 9% ao ano com as seguintes hipóteses de
capitalização: a) anual; b) semestral; c) trimestral e d) diária. Resp. 9%; 9,20%;9,31%9,42%

2. Um capital de R$ 2.500,00 é aplicado à taxa nominal de 90% ao ano capitalizado semestralmente.
Qual o montante após: a) um ano de aplicação; b) 3 anos de aplicação? Calcular a taxa efetiva
anual. Resp. 5.256,25 - 23.235,30 - 110,25%

3. Em quanto tempo duplicará um capital aplicado à taxa nominal de 227,05% ao ano capitalizado
mensalmente? Resp. 4 meses

4. Uma aplicação de R$ 17.800,00, pelo prazo de 20 meses, ganhou uma taxa de juros nominal de
45% ao ano com capitalização quadrimestral. Qual foi o rendimento da operação? Resp. R$
18.002,16.

5. Que taxa nominal anual uma instituição deverá exigir em seus contratos de empréstimos para que
receba um ganho efetivo de 2.250% ao ano, na condição de a taxa nominal ter uma capitalização
trimestral? Resp. 480,70% ao ano com capitalização trimestral

6. Uma pessoa deposita R$ 45.000,00 numa instituição financeira por 3 anos à taxa nominal de 24%
ao ano. Calcular o montante composto, sabendo que no primeiro ano os juros são capitalizados
semestralmente e no segundo ano trimestralmente e no terceiro ano mensalmente. Resp. R$
90.380,36

7. Um capital rende juros compostos de 30% ao semestre com capitalização mensal durante os
primeiros dois anos para, em seguida, ser reaplicado (capital inicial + juros) a uma taxa de 60% ao
ano com capitalização mensal durante os próximos 12 meses. Determinar uma taxa nominal anual
com capitalização trimestral que seja capaz de fornecer ao fim dos 3 (três) anos de aplicação o
mesmo rendimento fornecido pelas duas taxas anteriores. Resp. 62,04% a.a. com capitalização
trimestral

8. Qual a melhor opção para uma aplicação de 180 dias:
a. Caderneta de poupança para receber 7,42% ao semestre (entre juros e correção
monetária);
b. Fundo de Renda Fixa para receber 1,34% ao mês;
c. Fundo Mútuo de ações para receber 0,56% a quinzena.

9. Um banco deseja ganhar 45% ao ano como taxa efetiva, que taxa nominal anual com
capitalização trimestral deverá oferecer a seus clientes?

10. Uma aplicação de R$ 24.000,00 teve um rendimento nominal de R$ 5.040,00. Considerando que a
taxa de juros composta nominal ganha foi de 120% ao ano capitalizado mensalmente, calcular o
número de dias que o capital ficou aplicado.

11. O valor de R$ 5.660,00 foi aplicado à taxa nominal de 15% a.a., capitalizado mensalmente durante
3 anos e 4 meses e 27 dias. Calcule o montante. Resp. R$ 9.407,48

12. O valor de R$ 1.500,00 foi aplicado à taxa nominal de 18% a.a., capitalizado mensalmente durante
63 dias. Calcule o montante. Resp. R$ 1.547,64

13. O valor de R$ 1.500,00 foi aplicado à taxa nominal de 18% a.a., capitalizado diariamente durante
36 dias. Calcule o montante. Resp. R$ 1.527,23

14. O valor de R$ 370,00 foi aplicado à taxa nominal de 7% a.a., capitalizado mensalmente durante 6
meses. Calcule o montante. Resp. R$ 383,14

15. O valor de R$ 430,00 foi aplicado a juros compostos durante 36 dias, rendendo de juros 28,00.
Qual a taxa de juro nominal anual, capitalizado diariamente? Resp. 63,139284% a.a. capitalizado
diariamente

Matemática Financeira

Roberto

67
Taxa real e taxa aparente

1. Determinar a taxa de rendimento real a partir de uma taxa aparente de 7% a.a. e uma inflação de
3% no período.
a) 2,88%
b) 3,88%
c) 4,88%
d) 2,35%
e) 3,38%

2. Um capital aplicado durante dois anos à taxa nominal aparente de 18% a.a. com capitalização
mensal, rendeu $ 1.500,00. Se a inflação em cada ano foi de 12%, calcular o capital e a taxa real
da aplicação.
a) 3.492,41 e 6,75% a.a.
b) 5.693,21 e 6,75% a.s.
c) 4.962,35 e 7,65% a.a.
d) 6.924,41 e 6,85% a.t.
e) 2.695,41 e 6,95% a.s

3. Uma aplicação financeira rende juros nominais de 6% a.a. capitalizados mensalmente. Se a taxa
de inflação foi de 5,5% a.a., calcular as taxas de juros aparente e real ganhas pela aplicação.
Resp. aparente:
a) 1,67% a.a. e 0,36% a.a.
b) 1,76% a.a. e 0,63% a.a.
c) 2,66% a.a. e 0,69% a.a.
d) 6,17% a.a. e 0,63% a.a.
e) 8,63% a.a. e 0,63% a.a.

a. D = ano.018088 i D  1. O período de tempo da taxa que se procura estará sempre no numerador da fração do expoente.1 Dada uma taxa de um período de tempo maior.8242% a.268242  1 i D  0. menos um.083333  1 i D  1.24  360  1 30 id  1.4164) –1 id = 0.a. 3.a. calcula-se a taxa equivalente de período de tempo maior.25% para um prazo de aplicação de 92 dias. a) b) c) Observe que a taxa dada sempre estará dentro do parêntese. calcula-se a taxa equivalente de período de tempo menor.0628 ou 6.64% ao ano. D = ano.m. . . OBSERVAÇÃO: Na capitalização simples a taxa equivalente é igual à taxa proporcional EXEMPLO 1.m. i D  1  0.a.24 0. O período de tempo da taxa que se tem (que está dentro do parêntese) estará sempre no denominador da fração do expoente. a taxa que se procura = X% a. i D  1  0.268242 i D  26. Então podemos formular a seguinte equação para cálculo de taxas equivalentes iq  1  iT T  1 Q A taxa que eu quero (iq) é igual um mais a taxa que eu tenho ( it ) elevado ao período da taxa que eu quero (Q) dividido pelo período da taxa que eu tenho (T).m. Roberto .8088% a. d = mês. d = mês. Dada à taxa de juros de 24% a. Sabendo-se que o seu prazo de vencimento é de 63 dias. a taxa dada = 24% a. Solução: iD = 41.m. calcular a taxa de juros equivalente mensal. logo ( 1 + iD ) = ( 1 + id ) D/d A taxa de juro iD é igual a: iD = ( 1 + id) D/d .02  30  1 360 id  1. e a taxa de juro Id é igual a: id = ( 1 + i D ) Nota: d/D .Matemática Financeira 57 Para que as taxas sejam equivalentes é necessário que o MA = MB.28% para os 63 dias Se um Certificado de Depósito Bancário oferece um rendimento líquido de 7.018088  1 i D  0.1 Dada uma taxa de um período de tempo menor. a taxa que se procura = X% a. Uma letra de câmbio é transacionada no mercado financeiro oferecendo uma taxa de juro de 41.0212  1 i D  1. 2. Dada à taxa de juros de 2% a. determinar a taxa de juro equivalente a este prazo de aplicação. a taxa dada = 2% a.64% ao ano D = 360 dias id = ? d = 63 dias 63/360 id = (1 + 0. calcular a taxa de juros equivalente anual. qual a taxa anual de rendimento líquido? 4.

a. quais as que fornecem idênticos resultados? As taxas (a) e (b) referem-se ao mesmo período de capitalização. com capitalização mensal 12% a.a.0725) iD = 0.506% ao ano TAXA EFETIVA E TAXA NOMINAL Vamos a um exemplo de aplicação de um capital de R$ 1.a taxa de juros nominal pode ser fracionada proporcionalmente (igual a juros simples). com capitalização mensal Conversão da taxa Nominal em taxa Efetiva . A TAXA DE JUROS em que o período de capitalização difere do período de tempo da taxa denomina-se TAXA NOMINAL Exemplo: A poupança paga a taxa de juros de 6% a. Das taxas acima. 36% a. o período da taxa (anual) difere do período de capitalização (mensal) fornecido.25% iD = (1 + 0. Exemplo: 10% a.31506 ou D = 360 dias d = 92 dias 360/92 58 –1 31.. b) 12% ao ano com capitalização anual.m.s.s. A letra (c) representa uma taxa diferente das duas modalidades anteriores. denomina-se TAXA EFETIVA. Então. c) 12% ao ano com capitalização mensal. com capitalização anual 2% a. Divide-se a taxa de juros pela quantidade de períodos de capitalizações existentes no período da taxa. no entanto a capitalização é mensal. Ficou claro que existem duas modalidades de taxas em termos de período de capitalização: (a) uma que o período de capitalização coincide com o período da taxa e a outra (b) que o período da taxa difere do período de capitalização.a. A TAXA DE JUROS cujo período de capitalização corresponde ao próprio período de tempo da taxa.Matemática Financeira Solução: iD = ? id = 7. com capitalização trimestral 48% a.00 durante um ano tendo as seguintes taxas de juro compostos como alternativas: a) 12% ao ano. Roberto .000. A letra (b) é uma redundância quanto ao prazo de capitalização.

calcular a taxa nominal semestral com capitalização mensal. então existem 3 períodos de capitalizações mensais no período de tempo da taxa trimestral.0630  1      j  4  1063  1 . Dada à taxa de juros de 6% a. o resultado é igual a 6% ao mês. X% a.a. com capitalização trimestral  X%  Y% a. terá que ser equivalente a 6% a.4064% a.191016 j = 0. os períodos de capitalizações são mensais e o período da taxa é trimestral.Matemática Financeira 59 Exemplo: 18% a.m. com capitalização trimestral 4 Outra maneira de transformar: q  j = m x (1  i) t   1 90      j  4  1  0.1016%  a.a. Portanto. 6 Taxa dada: 24% a. X%  19.a. Taxa procurada  X% a.m.a. com capitalização mensal. 4 A taxa Y% a.m Y %  1  0.t. 4 EQUIVALÊNCIA ENTRE TAXA EFETIVA E TAXA NOMINAL Dada uma taxa efetiva determinar a taxa equivalente nominal Exemplo 1.t. (taxa efetiva) calcular a taxa nominal anual com capitalização trimestral.4064% a.t.a. com capitalização trimestral 2.    j = 4 x 0.1016%  X %  4  19.764084  76. Dada a taxa de 24% a. Outro exemplo: 24% a. Solução: Taxa dada: Taxa procurada: 6% a.a.m. com capitalização trimestral Converte-se a taxa nominal em efetiva  X% a.191016  19.063  1 Y %  0. com capitalização trimestral  existem quatro capitalizações trimestrais no período de um ano (período da taxa de juros).1016%  76. divide-se a taxa de juro (18%) por 3.t.0630  1 90 Y %  1. então: 24%  6%a.a. com capitalização mensal  Taxas equivalentes X%  Y% a. Roberto .s. isto é..t.

240. com capitalização para 36 dias. 12 c) Trimestral 36%  3% a.018088  j = 0. Dada a taxa de 48% a.s.03 30  1  1.083333  1 Y %  0.m.125509 ou 12.0481.8088%  X %  6  1.034  1  I  0.24360  1  j  6  1.425761 ou 42.0330  1  1.m.033  1  I  0.2727% a.04836  1  1.s. 12 I  1  0. 45 48%  4.t.25  1  i  0. 90 d) Quadrimestral 36%  3% a.108525  10.083333  1         j = 6 x 0.092727 ou 9.a.8524% a.8088%  a.q.018088  1. 120 2.m.m 12 I  1  0.a. Dada a taxa de 36% ao ano com capitalização mensal. determinar taxas equivalentes de juros compostos relativos aos períodos: a) Anual Transforma a taxa nominal em uma efetiva 360 36%  3% a.0312  1  I  0.8088%  10. b) Mensal  taxa efetiva = 3% a.8% para 36 dias i  1  0.24 0. X%  1.m.8525% a. 36%  3% a.060356 ou 6.5761% a.03 30  1  1. 12 I  1  0. com capitalização mensal Dada a taxa Nominal determinar a taxa equivalente efetiva 1.m.5509% a.Matemática Financeira 60 Y %  1  0.24360  1 30 Y %  1.0356% para 45 dias 10 Roberto . determinar a taxa efetiva mensal para 45 dias. com capitalização mensal 6 q 30     j = m x (1  i ) t  1  j  6  1  0.

já que ambas traduzem o mesmo montante. ( 1 + iA ) = ( 1 + iR )( 1 + I ) Roberto . o seja o valor efetivamente recebido. o capital inicial equivalerá a: M = C ( 1 + iR )( 1 + I ) (a) 4. Vejamos: C = capital aplicado iR = Taxa Real iA = Taxa Aparente I = Inflação Podem acontecer os seguintes casos: 1. a Taxa Aparente é igual à taxa Real.Matemática Financeira 61 TAXA DE JURO REAL E TAXA DE JURO APARENTE Denominamos taxa de juro REAL a taxa paga ou ganha (acima da inflação) numa operação. porém. ao final de um determinado período. temos: C ( 1 + iA ) = C ( 1 + iR )( 1 + I ) Donde Esta expressão nos permite calcular qualquer uma das taxas envolvida no problema. o capital inicial se transformará. ao final de um determinado período de aplicação igual a: M = C ( 1 + iA ) (b) Como as Expressões (a) e (b) são equivalentes. Com uma taxa de Inflação I. quando há inflação. simultaneamente. Com uma taxa de juro Real iR e uma taxa de Inflação I. e sem taxa de juros Real. A taxa de juro APARENTE é aquela que vigora nas transações correntes. a Taxa de juros Aparente é formada pela INFLAÇÃO e pela Taxa de juro REAL. Com uma taxa Aparente iA. o capital inicial. Com a Inflação igual a zero e uma taxa de juros real i R. o capital inicial se transformará no montante: M = C (1+ iR) 2. o montante será equivalente a: M = C (1 + I). Quando não há inflação no período considerado. 3.

4% I = 0.4% ao mês e a inflação no período pela IGPM foi de 0.014 ) = ( 1 + i R ) x ( 1 + 0.: iA = ( 1 + 0. Um CDB rendeu 1. Sabendo que a inflação nesse ano foi de 21%. calcular a rentabilidade aparente e real da aplicação. Qual deve ser a taxa aparente correspondente a uma taxa Real de 0.8%.: iR = 1.008 )( 1 + 0.: iR =  1  iR = 3.00 teve um rendimento de R$ 35.8% ao mês e uma inflação de 20% no período.85% (1  0.Matemática Financeira 62 Exercícios Resolvidos 1.008 ) 1.00. C = 100. Qual a taxa Real auferida nesta aplicação? iA = 1.35) 1.32 ) = ( 1 + iR )( 1 + 0. J = 35.32  1  iR = 9.008 Roberto .30) 1.014  1  iR = 0. Uma aplicação de R$ 100.: ( 1 + iR ) = (1  0.35  1 .09% ao ano 1.35 ou 35% no período 100 (1  i A ) (1  I )  iR = (1 +iA) = (1 + iR)(1 +I ) .00.00 e I = 30 % iA = Re n dim ento Aplicação  35  0.2)  iA = 20.21 4.96% 3.21 ) .8% ao mês e i = 20% iA = ( 1 + iR )( 1 +I ) – 1 .8% iR = ( 1 + 0. Se a inflação do período foi de 30%. Um empréstimo foi feito a uma taxa de 32% ao ano.595% ao mês 1. iR = 0.30 2. calcule a taxa real anual? iA = 32% I = 21% ( 1 +0.

Para que se obtenha R$ 242.86 c) 190.00.50% 33.96% a taxa de juros semestral equivalente a 44% a.50% 15..67% e) 9.94% e 1.a.00 7.52% Roberto . (BB) Qual a melhor aproximação de uma taxa semestral equivalente a 20% a.000.820. Dada à taxa 20% a.85% a.64% a. Qual o ganho real nesse mês? a) 10% b) 18% c) 20% d) 28% e) 30% 6.00.53% d) 8. Qual a) b) c) d) e) 4.54% a. a) 7. Qual a) b) c) d) e) 3.94% e 0.25% 30.Matemática Financeira 63 EXERCÍCIOS PROPOSTOS 1. o valor de resgate foi de R$ 200. o desconto de R$ 92.s. a quantia de: a) 171. semestral e mensal.76% 15. sabendo-se que os juros são capitalizados trimestralmente. e) 20% a.55% 32. hoje.s.43 b) 172.98% c) 9.25% 31.25% 5..00 e a antecipação foi de um ano? a) 10% b) 20% c) 30% d) 40% e) 50% 8. b) 9. Qual a) b) c) d) e) a taxa trimestral equivalente a 5% a. determinar as taxas equivalentes.20% 15.s.a. capitalizados trimestralmente. (BC) Um investimento rendeu 68% em um mês no qual a inflação foi de 40%. 2.a.s d) 10% a.51% e 1.00 d) 200.56% b) 8.64% e 1.? 22% 21% 20% 19% 18% a taxa efetiva anual equivalente a 30% a. a uma taxa de juros de 40% a. deve-se investir.54% e 1. a) 8.a.m? 15% 15.00 e) 220. Qual a taxa de juros anual adotada no resgate de uma letra de câmbio. capitalizados semestralmente? 34.s c) 7. ao final de seis meses.a.

A taxa efetiva para 41 dias. o valor dos capitais.: R$ 56.123%. Em 154 dias uma aplicação rendeu 41. sofreu desconto racional composto de R$ 25.s. capitalizada semestralmente.25% d) 24. capitalizada mensalmente? 28. Sabendo que o primeiro é R$ 10.94 e R$ 46. No fim de 2 anos os juros do primeiro capital excederam de R$ 6.a.m? 56. Resp. e o restante a 12% a.10% 58.a.65% 64. equivalente à taxa efetiva de 10% em 60 dias.t. a) 12. a) 72. Resp.800.s.. em R$: Resp. A taxa nominal ao ano capitalizada mensalmente.95% e) 2. com capitalização mensal. Calcule o valor nominal de um título que.74 18.20% 38.6150% 16.. 14. capitalizados semestralmente.10% 60.56% 47.10 de juros.a. Roberto . A taxa efetiva para 18 meses. ao trimestre e ao semestre. colocado a 12% a.s. resgatado um ano e meio antes do vencimento.a.a.15% 48.95% c) 17. 10. e outro a 18% a.071. Sabendo-se que a primeira parcela proporcionou R$ 60.20% a taxa nominal anual com capitalização trimestral equivalente a 4.088 e) 67. o montante no final de 4 anos será. capitalizados trimestralmente.Matemática Financeira 64 9.57% d) 28. equivalente à taxa nominal de 120% a. é igual a: Resp.47% 67. Resp.m. 3.00.24.a.996 c) 52.54% 74. a) 21%.m. determinar a taxa equivalente ao mês.47% 12.75% 11. capitalizada mensalmente. capitalizados quadrimestralmente.94 15. Uma pessoa colocou ¾ do seu capital a 20% a.000. capitalizada diariamente.72% a.30% a. 17.a.071. Determinar: a) b) c) d) e) f) A taxa efetiva para 2 meses.73% e) 26.00 maior que o segundo. capitalizada diariamente. a uma taxa de 30% a.94% a. capitalizados bimestralmente.905.769.00 os juros do segundo.77%.741..a.a.60%. b) 309.: R$ 158. 21.088 d) 77. c) 58. equivalente à taxa nominal de 24% a.996 b) 47. em R$. em R$: Resp: R$ 839. Calcular a taxa nominal anual com capitalização quadrimestral equivalente a taxa 24% a.s. equivalente à taxa nominal de 120% a.000..75% b) 14. Qual a) b) c) d) e) 10.a. O capital que durante 4 anos..32% a.252. Um capital foi colocado a 20% a. capitalizados semestralmente. equivalente à taxa nominal de 24% a.5% a. 6. A taxa efetiva para 41 dias. com capitalização semestral.088 13. equivalente à taxa efetiva de 15% em 6 meses. Dada à taxa de juro efetiva de 48% a.00 a mais do que seria produzido com capitalizações semestrais é de.. Calcular as taxas mensal e anual equivalentes. e 123. f) 5. Qual a) b) c) d) e) a taxa efetiva anual equivalente a 24% a.a. produz um juro de R$ 12.66%a. A taxa nominal ao ano capitalizada trimestralmente..

Calcular as taxas mensal e anual desse empréstimo.a.s.000.a. Calcular o valor do capital. Um ano Roberto .17% a. Calcular o prazo em que um capital dobra se aplicado a juros nominais de 120. o restante. se a capitalização da taxa nominal for semestral em vez de mensal.00 e. calcular o capital.87 28.m.726.t. Dois terços de uma capital foram aplicados por 2 anos à taxa de 18% a.00 hoje para receber R$ 507.048. Resp.Matemática Financeira 65 19. 21. 24. 83.000. Resp. sabendo-se que o rendimento da primeira parcela é $ 4.235637% a.a.07% a. Qual a taxa efetiva equivalente trimestral de uma taxa de 34% ao ano com capitalização mensal? Resp. A aplicação de R$380.74% a. $ 42. capitalizada trimestralmente. o rendimento diminui $ 1. Resp.332667% a.m. Resp.14 e 7.00. ou 151. 2. Quanto uma pessoa resgatará no final de 93 dias se aplicar R$2. capitalizada semestralmente e. 56.t. Determinar as taxas diária.655525% p/182 dias 22. Um banco cobra 20% a.46 no final de 2 anos. $ 10. 8. Resp.93% a.593003% a.m.t. Resp.s. a 12% a.a.00 proporcionou um rendimento de R$240. Resp.000. 20. trimestral e anual de juro. Resp. capitalizada bimestralmente e.04 maior que o rendimento da segunda. mensal. Três quartos de um capital foram aplicados à taxa nominal de 20% a.884.00 à taxa de 150% a.535. de taxa de juro numa operação de capital de giro.79 maior que o rendimento da segunda. Qual a taxa anual com capitalização trimestral equivalente a taxa de 60% ao ano com capitalização semestral? Resp.: 8% a.817% a. sabendo-se que.a..a. capitalizados mensalmente. 0.000. o restante do capital.000. Se o prazo da aplicação é de 4 anos e. capitalizados diariamente. foi aplicado por um determinado prazo à taxa de 18% a.a. Um agiota empresta R$ 80..a. calcular o prazo em anos da segunda parcela. sabendo-se que o rendimento da primeira parcela é $ 4. Um capital foi aplicado por 18 meses à taxa nominal de 24% a. 208 dias 27.00 no final de 208 dias. c/cap. 9. Quanto cobrará para uma operação em 182 dias. capitalizada mensalmente. 23.d.316038% a. e 133.294. Trimestral 25. Se o valor do capital é de $ 12.00 26.. 7.? E qual a taxa mensal equivalente.

na condição de a taxa nominal ter uma capitalização trimestral? Resp. R$ 18. Caderneta de poupança para receber 7. 4.256. após 2 anos de aplicação.547.00.70% ao ano com capitalização trimestral Uma pessoa deposita R$ 45. 5. 480.00. capitalizado diariamente durante 36 dias..000.04% a. Determinar uma taxa nominal anual com capitalização trimestral que seja capaz de fornecer ao fim dos 3 (três) anos de aplicação o mesmo rendimento fornecido pelas duas taxas anteriores.800. 8.9. b. 6. Fundo de Renda Fixa para receber 1. Que taxa nominal anual uma instituição deverá exigir em seus contratos de empréstimos para que receba um ganho efetivo de 2. b) 3 anos de aplicação? Calcular a taxa efetiva anual. Qual o montante após: a) um ano de aplicação. Resp..00 teve um rendimento nominal de R$ 5. pelo prazo de 20 meses. R$ 383.00 é aplicado à taxa nominal de 90% ao ano capitalizado semestralmente. Calcule o montante.56% a quinzena. 13. Calcule o montante.002.05% ao ano capitalizado mensalmente? Resp. 9. Resp.110. calcular o número de dias que o capital ficou aplicado.14 O valor de R$ 430. 9.64 O valor de R$ 1.00 foi aplicado à taxa nominal de 18% a. rendendo de juros 28. ganhou uma taxa de juros nominal de 45% ao ano com capitalização quadrimestral. R$ 90. Resp.500. capitalizado diariamente? Resp. Resp. capitalizado mensalmente durante 63 dias.23 O valor de R$ 370. Resp. 5.500. Calcule o montante.23. que taxa nominal anual com capitalização trimestral deverá oferecer a seus clientes? Uma aplicação de R$ 24. 4 meses Uma aplicação de R$ 17. em seguida. 15. Calcular o montante e a taxa efetiva anual ganha por um investimento de R$ 2.31%9.Matemática Financeira 66 PROBLEMAS DE CAPITALIZAÇÃO COMPOSTA COM TAXA EFETIVA E NOMINAL 1. Qual foi o rendimento da operação? Resp.42% ao semestre (entre juros e correção monetária).500. Um banco deseja ganhar 45% ao ano como taxa efetiva.250% ao ano. se rendeu juros nominais de 9% ao ano com as seguintes hipóteses de capitalização: a) anual.407.34% ao mês.139284% a. 9%. sabendo que no primeiro ano os juros são capitalizados semestralmente e no segundo ano trimestralmente e no terceiro ano mensalmente. capitalizado mensalmente durante 3 anos e 4 meses e 27 dias.20%. Considerando que a taxa de juros composta nominal ganha foi de 120% ao ano capitalizado mensalmente.00. Calcular o montante composto. Fundo Mútuo de ações para receber 0. 12. Resp. R$ 1.16. Resp. c) trimestral e d) diária. 7.00. Calcule o montante.a.42% Um capital de R$ 2. ser reaplicado (capital inicial + juros) a uma taxa de 60% ao ano com capitalização mensal durante os próximos 12 meses.25 .00 foi aplicado à taxa nominal de 7% a.25% Em quanto tempo duplicará um capital aplicado à taxa nominal de 227. capitalizado mensalmente durante 6 meses.a.a. capitalizado diariamente Roberto 2.a. b) semestral.00 foi aplicado à taxa nominal de 15% a..00 foi aplicado a juros compostos durante 36 dias.380.660. 11. 3.040. c. com capitalização trimestral Qual a melhor opção para uma aplicação de 180 dias: a. Resp.235.36 Um capital rende juros compostos de 30% ao semestre com capitalização mensal durante os primeiros dois anos para.a.00 numa instituição financeira por 3 anos à taxa nominal de 24% ao ano. 14. R$ 1.00 foi aplicado à taxa nominal de 18% a. .527. 62. R$ 9.000.48 O valor de R$ 1. 63.30 .a. O valor de R$ 5. 10.000.. Qual a taxa de juro nominal anual.

38% Um capital aplicado durante dois anos à taxa nominal aparente de 18% a.Matemática Financeira 67 Taxa real e taxa aparente 1.s Uma aplicação financeira rende juros nominais de 6% a.63% a.500. a) 2.69% a.a.67% a.75% a.35% e) 3. Se a inflação em cada ano foi de 12%. 2.a.76% a. Roberto . e) 8. capitalizados mensalmente.85% a.5% a. calcular o capital e a taxa real da aplicação.a.95% a.962.63% a. Se a taxa de inflação foi de 5.695.00.a.924.75% a..a.a. e) 2.35 e 7.a. com capitalização mensal. b) 1.a. e 0. e 0. Resp.a.a.17% a. e uma inflação de 3% no período.a.88% b) 3.41 e 6.693.492.t. e 0.63% a.21 e 6. calcular as taxas de juros aparente e real ganhas pela aplicação.36% a.a.a. e 0. Determinar a taxa de rendimento real a partir de uma taxa aparente de 7% a. a) 3. e 0.88% c) 4.66% a.88% d) 2. c) 4.a.63% a.a.41 e 6. c) 2.65% a.a. 3. rendeu $ 1.s. d) 6. d) 6. b) 5. aparente: a) 1.41 e 6.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful