Você está na página 1de 3

06/12/2019 A ignorância dos 'espertinhos' - 02/05/2013 - Pasquale - Ex-Colunistas - Folha de S.

Paulo


Login

Assine a Folha

Atendimento

Acervo Folha SEXTA-FEIRA, 6 DE DEZEMBRO DE 2019 20:49

Opinião Poder Mundo Economia Cotidiano Esporte Cultura F5

Sobre Tudo

Últimas notícias Buscar...


Fábio Assunção diz que é bom falar de drogas na dramaturgia e não com

ex-colunistas colunistas co

Professor de português desde


pasquale cipro neto 1975, é colaborador da Folha
desde 1989. É o idealizador do
Escreveu até dezembro de 2016
programa "Nossa Língua
Portuguesa" e autor de obras

A ignorância dos 'espertinhos' inculta@uol.com.br

DE SÃO PAULO EM COLUNISTAS


+ + + ÚLTIMAS
02/05/2013 03h00 LIDAS COMENTADAS
ENVIADAS
Mônica Bergamo: Justiça
Compartilhar 0
1 suspende reforma da
Previdência de Doria em SP
Mais
opções
Reinaldo Azevedo: Mataram
Os e-mails da imensa massa de espertinhos que tentam (e conseguem) lesar 2 o sono de Bolsonaro
internautas incautos continuam a todo o vapor. Como atestam as inúmeras Macbeth
matérias publicadas nos mais diversos meios de comunicação, muita gente cai
Mônica Bergamo: Deputado
feito pato nessas arapucas, que não raro são pessimamente redigidas e/ou 3 do PT vai à Justiça para
contêm erros primários no que diz respeito a certos conceitos políticos, suspender Previdência
estadual de SP
político-administrativos, institucionais etc.
Tati Bernardi: O chato
Um ótimo exemplo desses erros primários se vê num e-mail que recebi em 19
4 apaixonado

de abril. Sabe quem o enviou? A "Prefeitura do Estado de São Paulo". Sim, a


"Prefeitura do Estado". Está certo que no Brasil muitíssima gente (da Hélio Schwartsman:
bandidagem ou não) desconhece categoricamente a divisão de poderes e o que
5 Revolução judicial

compete a cada um, assim como desconhece o papel de um vereador, de um


deputado (estadual ou federal) ou o que é uma cidade, um Estado, um país.
Não são poucas as pessoas que acham, por exemplo, que a África é um país.

Se até jornalistas ignoram sumariamente que Guarulhos ou Osasco não são


bairros da cidade de São Paulo, mas municípios, que têm prefeito e câmara
próprios, não surpreende que leigos não saibam isso.

Conhecer algumas nomenclaturas, caro leitor, é fundamental não só para


entender certos textos e/ou contextos, mas também (nestes tempos de
superinvasão virtual e real) para não ceder à tentação de acreditar em
verdadeiros contos de fadas.

Relatei aqui há algum tempo a fracassada tentativa de bandidos que puseram


em um automóvel uma placa fria, da cidade de "Frorianópolis". Sim,
"Frorianópolis". Um policial rodoviário minimamente letrado acabou com a
aventura dos gatunos.

As campeãs nesse tipo de tentativa de golpe são as falsas mensagens de


instituições financeiras. Como se sabe, a publicidade escrita (legítima) dessas
empresas normalmente é pautada por linguagem formal ou semiformal. As
agências de publicidade que detêm as contas de bancos costumam ter bons

https://www1.folha.uol.com.br/colunas/pasquale/2013/05/1271972-a-ignorancia-dos-espertinhos.shtml 1/3
06/12/2019 A ignorância dos 'espertinhos' - 02/05/2013 - Pasquale - Ex-Colunistas - Folha de S.Paulo
redatores, que conhecem as variações linguísticas e não tropeçam em
concordâncias básicas, como a que se faz, por exemplo, entre sujeito e verbo,
qualquer que seja a ordem dos termos.

Nas mensagens falsas, uma das primeiras coisas que se notam é justamente o
descompasso entre verbo e sujeito (algo como "Foi enviado para o seu e-mail
as cópias do contrato..." ou "Segue anexo as cópias do contrato..."). Num texto
publicitário verdadeiro, é pouco provável a ocorrência desse tipo de
procedimento, muito comum na oralidade.

Quem conhece as provas dos vestibulares de certas instituições de ensino


superior sabe que são muito comuns as questões em que se pede a
identificação das marcas típicas da linguagem oral presentes em
determinados textos. Ora, o cidadão que não conhece o que é comum na
linguagem escrita tem sérias dificuldades para fazer esse reconhecimento.

É por essas e outras que é mais do que fundamental ter em mente que a
educação linguística plena consiste em prover os estudantes do mais amplo
leque linguístico, sem preconceito contra nenhuma das variedades, a começar
pela culta, que, como sabem os educadores equilibrados, é a que deve
predominar nas aulas de língua.

Lamentavelmente, o que ocorre hoje em dia Brasil afora (com exceções, é


óbvio) é uma coisa um tanto diferente, torta, muito torta, enviesada, que faz o
pobre do aluno acreditar que basta o domínio da linguagem oral ou da que lhe
é comum no meio em que vive para ter acesso a tudo o que se produz no
mundo da cultura. Se até para ser bandido às vezes é preciso ter noções do
que é padrão na linguagem formal... Bem, não preciso concluir, preciso? É
isso.

Compartilhar 0
Mais
opções
comentários Ver todos os comentários (5)

Caro leitor, Termos e condições

para comentar, é preciso ser assinante da Folha. Caso já seja um, por favor
entre em sua conta cadastrada. Se já é assinante mas não possui senha de
acesso, cadastre-se.

Faça seu login Cadastre-se Assine

Alberto 08/05/2013 06h22 0 0 Denunciar COMPARTILHAR

A escola pública brasileira era muito boa até o início da década de 70.
Depois disso foi sendo desprestigiada (inclusive com salários
inadequados) pelos governos militares - talvez pelo movimento estudantil
de 68. Acho que ficaram com raiva dos estudantes brasileiros. Ninguém
queria estudar em escola privada naquela época, pois, a pública era
muito melhor.
O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor

da mensagem

Responder

Depaula 02/05/2013 17h40 1 0 Denunciar COMPARTILHAR

Penso que o prejuízo causado pelos 'banddidos letrados' é mais


pernicioso ainda para todos nós! Com influência negativa também no
trato dos banddidos iletrados.
O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor

da mensagem

Responder

Contrera 02/05/2013 17h36 0 0 Denunciar COMPARTILHAR


https://www1.folha.uol.com.br/colunas/pasquale/2013/05/1271972-a-ignorancia-dos-espertinhos.shtml 2/3
06/12/2019 A ignorância dos 'espertinhos' - 02/05/2013 - Pasquale - Ex-Colunistas - Folha de S.Paulo
Cursos profissionalizantes para bandidos, então?

O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor

da mensagem

Responder

Login PAINEL DO ESPORTE TEC


LEITOR Esporte Tec
Assine a Painel do Leitor Basquete
Folha F5
A Cidade é Sua Seleção brasileira
FOLHA DE Bichos
Envie sua Notícia Surfe
S.PAULO Celebridades
Tênis
Acervo Folha Atendimento COTIDIANO Colunistas
Turfe
Sobre a Folha Cotidiano Fofices
Versão Velocidade
Expediente Aedes aegypti Televisão
Impressa Vôlei
Fale com a Folha Aeroportos
+ SEÇÕES
Feeds da Folha PROJETO Educação CIÊNCIA
Agência Lupa
Folha Eventos EDITORIAL Loterias Ciência
As Mais
E-mail Folha Princípios editoriais Praias Ambiente
Dias Melhores
Ombudsman Conheça o Projeto Ranking
SAÚDE Empreendedor
Atendimento ao Editorial In English Universitário
Equilíbrio e Saúde Social
Assinante Folha's Editorial Revista sãopaulo
Erramos
ClubeFolha Principles Rio de Janeiro CULTURA
Folhaleaks
PubliFolha Read the Editorial Simulados Ilustrada
Folha en Español
Banco de Dados Project En Español Trânsito Cartuns
Folha in English
Datafolha Principios Comida
MUNDO Folha Tópicos
Folhapress Editoriales Melhor de sãopaulo
Mundo Folha
Treinamento Lea el Proyecto Banco de receitas
Governo Trump Transparência
Trabalhe na Folha Editorial Guia
BBC Brasil Folhinha
Publicidade en Français Ilustríssima
Deutsche Welle Fotografia
Política de Principes Serafina
Financial Times Horóscopo
Privacidade Éditoriaux
Folha Internacional Infográficos
Lisez le Projet
OPINIÃO Radio France piauí
Éditorial
Editoriais Internationale Turismo
Blogs POLÍTICA The New York Minha História
Colunistas Poder Times
Colunistas Lava Jato
convidados
ECONOMIA
Ex-colunistas
Mercado
Tendências/Debates
Folhainvest
Indicadores
MPME

ACESSE A VERSÃO PARA TABLETS E SMARTPHONES

Copyright Folha de S.Paulo. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer m
comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).

https://www1.folha.uol.com.br/colunas/pasquale/2013/05/1271972-a-ignorancia-dos-espertinhos.shtml 3/3